Blog do Eliomar

Categorias para Brasil

Ex-goleiro Salvino será sepultado nesta segunda-feira

O ex-goleiro Salvino, que morreu sábado (28) de infarto, em Fortaleza, será enterrado às 9 horas desta segunda-feira, no Cemitério Parque da Paz. Salvino Damião Neto tinha 62 anos e passou os últimos anos de sua vida tratando problemas renais.

Natural de Marcelo Vieira (RN), Salvino marcou época como atleta atuando pelo Fortaleza, clube onde conquistou três títulos de campeão cearense, em 1982, 1983 e 1985. Foi também campeão estadual pelo Ceará, 1986. Atuando ainda pelo Ferroviário, Icasa, Tiradentes, além de passagens por Sport e Botafogo-PB.

Após se aposentar dos gramados, Salvino se tornou preparador físico do Fortaleza, clube que serviu até se afastar em definitivo do trabalho, no ano passado, para cuidar da saúde.

Indefinição sobre vices, outro traço da crise no País

Com o título “Indefinição sobre vices: outro traço da crise”, eis o Editorial do O POVO desta segunda-feira. Confira:

A uma semana do fim do período das convenções, cujo prazo se encerra no próximo dia 5 de agosto, o Brasil entra na reta final das articulações partidárias com as principais candidaturas à Presidência ainda com lacunas em relação aos postos de vice.

Não é para menos. A escolha do segundo nome mais importante numa chapa eleitoral se agravou desde os últimos episódios do cenário político brasileiro, quando a destituição da ex-presidente Dilma Rousseff (PT) jogou luz sobre as atribuições do cargo. Normalmente visto como decorativo ou figura eminentemente de bastidores, o sucessor direto do presidente ou da presidente da República saiu das coxias do palco para o centro do tablado, vendo-se a partir de então à luz permanente de holofotes antes pouco habituais.

Hoje, a escolha do vice tornou-se exercício de difícil amarração, para ela concorrendo não somente o arranjo de interesses entre os partidos menores e os maiores, mas também e sobretudo o perfil que o eventual candidato a vice exibe e sua trajetória – se tem origem no sul ou no nordeste, se se assenta na iniciativa privada ou se fez carreira pública etc.

Do mesmo modo, algumas perguntas, antes inexistentes, passaram a ser feitas com mais frequência: o postulante a vice pode vir a causar embaraços ao titular? Tem habilidade política para auxiliar o mandatário na condução de negociações com o Legislativo? E, talvez a mais importante: é um nome de inteira confiança de quem vai na cabeça da chapa?

Daí as dificuldades que todos os candidatos demonstram ter na costura do preenchimento desses postos, seja na corrida ao Palácio do Planalto, seja nas disputas pelos governos estaduais. Essa indefinição sugere mais que mero contratempo ou traço de peculiaridade destas eleições, porém. Ela é, por si mesma, um dos componentes ou subprodutos da crise que o País atravessa.

Ora, desde a parceria malfadada entre Dilma e Temer que as tratativas entre candidatos para a escolha dos vices ganhou ares de dramaticidade e ciência imprecisa. O que antes constituía apenas uma das etapas na formação de uma chapa, e de longe a menos importante, hoje é fase crucial, encarada pelos postulantes como obstáculo cuja dificuldade se equipara à da própria escolha de partidos aliados.

Fies 2018 – Resultados serão divulgados nesta segunda-feira

Serão divulgados nesta segunda-feira os resultados do Financiamento Estudantil (Fies) do segundo semestre de 2018. Os nomes dos candidatos pré-selecionados estarão estampados no site do programa. Nesta edição ,são ofertadas 155 mil vagas de financiamento, sendo 50 mil com juro zero.

Poderiam participar da seleção, estudantes que fizeram o Enem a partir da edição de 2010 e obtiveram média aritmética das notas nas provas igual ou superior a 450 (quatrocentos e cinquenta) pontos e nota na redação superior a 0 (zero).

Para concorrer pela modalidade de financiamento do Fies, é preciso ter renda familiar mensal bruta per capita de até três salários mínimos. Já na modalidade P-Fies (quando o agente financeiro é o banco), a renda familiar mensal bruta per capita deve ser de de três a cinco salários mínimos.

Datas do Fies

*Complementação da inscrição: 30 de julho a 3 de agosto

*Lista de espera (modalidade Fies): 4 a 24 de agosto

Tasso chama governo de Camilo de “frouxo e sem coragem”

Com um discurso de franco-atirador, o PSDB do Ceará lançou ontem a chapa de candidatos para as eleições majoritárias deste ano. Durante a convenção do PSDB, que oficializou o general Guilherme Theophilo (PSDB) candidato ao Governo do Estado, ainda sem vice definido, a principal liderança do partido, o senador Tasso Jereissati (PSDB) fez duro discurso contra o governador Camilo Santana (PT).

“Temos hoje o Estado do Ceará dominado pelas facções criminosas. E não é que elas estejam em toda parte. Elas dominaram o Estado do Ceará. E são mais fortes do que o Governo do Ceará porque o Governo do Ceará é frouxo e não tem coragem”, disparou. A convenção foi realizada no ginásio do colégio Ari de Sá no Centro de Fortaleza.

Na avaliação do senador, há “omissão” e falta da “valentia necessária” para enfrentar as facções. “Governo que tem autoridade não deixa o Estado ficar dominado pelas facções. Tem bairros que você precisa baixar o vidro, pedir a autorização de traficantes para entrar. A questão das chacinas, da queima de ônibus, que acontece e volta a acontecer, e o Governo fica omisso. Se tivesse um governo mais ativo, mais agressivo em relação a isso, com certeza, as circunstâncias seriam diferentes”, criticou.

Os ataques, contudo, não ficaram somente na segurança. Tasso também acusou o governador Camilo Santana de oferecer vantagens em troca de apoio eleitoral, chamando de “armação” as articulações realizadas pelo Palácio Iracema, anulando a oposição e culminando em um “fato inédito” na história do Ceará.

“Estamos numa situação tal de negociação de acordos que não era para ter dois lados. Era para ter um lado só. Usam o poder de uma maneira deslavada. A máquina do Governo Estadual, a máquina do Governo Federal, para cooptar, trazer para um lado só, o lado do Governo, todos os políticos, praticamente todos. Todos os partidos políticos, de maneira que não houvesse competição e democracia”, disparou.

Por causa dos acertos, conforme o senador, restaram somente “três ou quatro prefeitos” no Interior do Estado que apoiarão a chapa PSDB-Pros. Ele afirma, contudo, que isso não será problema, pois coligação tem “candidatos do povo e não dos políticos”. Segundo ele, será uma luta entre Davi e Golias.

“Felizmente, tiveram alguns que resistiram. Estamos para enfrentar, talvez, o grupo mais poderoso que já se fez aqui no Estado do Ceará. 24 partidos estão do lado de lá. A máquina do Governo do Estado e os recursos, captando, dando cargos, dando lugares, dando verbas”, insistiu. “É muita vantagem que o Governo dá. O Governo usa recurso público. Nós não temos recursos públicos. E, se tivéssemos, não íamos usar porque não é ético fazer isso”, emendou.

Tasso encerrou o discurso com uma convocação, recordando o ano em que foi eleito governador pela primeira vez, e afirmando que, se eleito, Theophilo acabará com o problema das facções e da mentalidade política da troca de cargos por favores e do poder pelo poder.

“Cearense, é hora de fazer como em 86. Levantar a cabeça e dizer: nós somos um Estado. Esse Estado tem uma história. Nós não vamos aceitar isso. Isso não é normal! Isso não é natural! vamos enfrentar isso. Vamos acabar com isso! (…) Deus nos iluminou e nos trouxe alguém que tem coragem para enfrentar o Governo Temer e o Governo Camilo. Esse é o cara! O general que vai botar moral”, concluiu.

(O POVO – Repórter Thiago Paiva/Foto – Paulo MOska)

Restrição do foro privilegiado vai tirar 60% dos casos do STJ

A Vice-Procuradoria-Geral da República, responsável por atuar em nome de Raquel Dodge no Superior Tribunal de Justiça (STJ, estima que 160 casos, entre sindicâncias, inquéritos e ações penais desçam nas próximas semanas para outras instâncias do Judiciário nas próximas semanas.

A informação é do jornalista Lauro Jardim, colunista do O Globo.

Ele acrescenta que o vice-procurador-geral da República, Luciano Maia, deverá ficar com 100 casos, envolvendo governadores e conselheiros de tribunais de contas estaduais, entre outras autoridades.

(Foto STJ)

TJA é palco do II Encontro de Cordas Flausino Valle

Camerata de Cordas da UFC.

A Universidade Federal do Ceará e o Instituto de Cultura e Arte (ICA) darão início, neste sábado (28), à programação de concertos do II Encontro de Cordas Flausino Valle – Performance e Ensino Coletivo. O evento, que ocorrerá até 5 de agosto, conjuga todas as áreas de ensino instrumental de cordas (friccionadas, dedilhadas e pinçadas) e ofertará vasta programação com masterclasses e oficinas de instrumentos em violino, viola, violoncelo, contrabaixo, violão e piano correpetidor. A informação é da assessoria de imprensa da UFC.

Além das atividades de formação, o encontro realiza apresentações artísticas em todas as noites, no Theatro José de Alencar (Rua Liberato Barroso, 525, Centro), Centro Cultural Belchior (Rua dos Pacajus, 123, Praia de Iracema) e Salão Nobre da Reitoria da UFC (Av. da Universidade, 2853, Benfica). Haverá ainda oficinas de música de câmara, musicoterapia, construção de rabecas, regência e arranjo orquestral, bem como práticas de grupo e apresentações artísticas. A programação é gratuita.

Participação

Além de estudantes e professores do Curso de Licenciatura em Música da UFC, participam do II ECFV integrantes das Universidades Federais do Acre (UFAC), do Rio Grande do Norte (UFRN), de Pelotas (UFPEL/RS), de Brasília (UnB) e de outras entidades parceiras, como a Orquestra de Câmara Eleazar de Carvalho (ORCEC-CE), oferecendo oficinas de instrumento e de práticas de conjunto de grupos musicais com o objetivo de fomentar o aperfeiçoamento e compartilhar experiências entre os alunos participantes.

Confira abaixo a programação de concertos:

28/07 – 17h: Camerata de Cordas da UFC
Foyer do Theatro José de Alencar

29/07 – 17h: Tributo a Piazzolla
Foyer do Theatro José de Alencar

30/07 – 17h: Trio Nepomuceno
Salão Nobre da Reitoria da UFC

31/07 – 19h: Camerata de Cordas da UFAC
Centro Cultural Belchior

01/08 – 19h: Concerto de Música de Câmara
Centro Cultural Belchior

02/08 – 19h: Camerata de Violões do II ECFV
Centro Cultural Belchior

03/08 – 19h: Grupo de Violoncelos da UFC
Centro Cultural Belchior

04/08 – 17h: Recital dos Professores do Festival
Foyer do Theatro José de Alencar

SERVIÇO

*Mais informações na página do II ECFV no Facebook (www.facebook.com/festivalflausinovalle).

*Setor de Produção Cultural do ICA – 85 3366 9223 / e-mail: labprocult.ica@gmail.com

(Foto – Divulgação)

Indústria da construção civil enfrenta dificuldades para se recuperar, diz CNI

A atividade e o emprego na indústria da construção registraram nova queda em junho. A retração, entretanto, foi menos intensa do que a verificada em maio, quando o setor sentiu o impacto da paralisação dos caminhoneiros. O indicador de nível de atividade alcançou 46,7 pontos e o de número de empregados ficou em 43,4 pontos no mês passado.

Os dados estão na pesquisa Sondagem Indústria da Construção, divulgada hoje (27) pela Confederação Nacional da Indústria (CNI). Os indicadores da pesquisa variam de zero a cem pontos. Quando estão abaixo de 50, indicam queda na produção e no emprego.

O nível de atividade está 2,3 pontos acima do registrado em maio. Com isso, o setor continua operando com elevada ociosidade. O nível de utilização da capacidade de operação aumentou 2 pontos percentuais em relação a maio e ficou em 57% em junho. Isso significa que a indústria da construção operou com 43% das máquinas, equipamento e pessoal parados no mês passado.

De acordo com a CNI, o setor enfrenta dificuldades para sair da crise especialmente por causa do elevado custo dos financiamentos, que são um obstáculo para as empresas e para quem quer investir em imóveis. Além disso, com a crise no mercado de trabalho e o desemprego, as pessoas ficam inseguras para comprar imóveis.

Tabela do frete

Para a CNI, o fraco desempenho do setor e as dúvidas sobre os efeitos da tabela mínima do frete tiveram impacto sobre a confiança e a disposição dos empresários para investir. O Índice de Confiança do Empresário da Construção (ICEI-Construção) alcançou 48,9 pontos em julho. Mesmo com o aumento de 0,9 ponto em relação a junho, o indicador permanece abaixo da linha divisória dos 50 pontos, que separa a confiança da falta de confiança. O índice também está abaixo da média histórica que é de 52,9 pontos.

O Índice de Intenção de Investimentos aumentou 0,7 ponto frente a junho e ficou em 31,3 pontos em julho. “Apesar do crescimento, o índice segue muito baixo, indicando pouca intenção dos empresários em investir”, diz a pesquisa.

Ainda assim, a melhora dos indicadores de confiança e de intenção de investimentos é resultado das perspectivas mais positivas dos empresários, segundo a CNI. Depois da queda registrada em junho por causa da greve dos caminhoneiros, os indicadores de expectativas voltaram a ficar acima dos 50 pontos, mostrando que os empresários esperam o aumento do nível de atividade, de novos empreendimentos e serviços e da compra de insumos e matérias-primas nos próximos seis meses.

Só o indicador de expectativa do número de empregados ficou em 49,2 pontos, abaixo da linha divisória dos 50 pontos, mostrando que o setor espera a queda no emprego nos próximos seis meses.

Situação financeira

A Sondagem mostra, ainda, os principais problemas enfrentados pela indústria da construção no segundo trimestre do ano. A elevada carga tributária, com 33,7% das respostas, ficou em primeiro lugar na lista. Em seguida, com 32% das assinalações, aparece a demanda interna insuficiente. Em terceiro lugar, com 27% das menções, os empresários citam a falta de capital de giro. Em quarto, com 21,6 % das respostas, aparece a burocracia excessiva, e, em quinto, com 21,2% das menções, a inadimplência dos clientes.

Além disso, de acordo com a CNI, as empresas enfrentam uma situação financeira difícil. Mesmo com a leve melhora registra no segundo trimestre, as empresas continuam insatisfeitas com a margem de lucro e com a situação financeira. O indicador de satisfação com a situação financeira aumentou 0,9 ponto no segundo trimestre frente ao período imediatamente anterior e ficou em 40,1 pontos. O de satisfação com a margem de lucro subiu 1,2 ponto e alcançou 35,6 pontos. Ambos estão abaixo da linha divisória dos 50 pontos, que separa a satisfação da insatisfação dos empresários.

O indicador de facilidade de acesso ao crédito cresceu 0,9 ponto no segundo trimestre frente ao primeiro e ficou em 31,9 pontos, muito abaixo dos 50 pontos, o que indica dificuldade de acesso ao crédito.

A pesquisa foi feita entre 2 e 12 de julho com 549 empresas do setor. Dessas, 195 são pequenas, 242 são médias e 112 são de grande porte. Todos os detalhes da pesquisa estão disponíveis na página da Sondagem Indústria da Construção.

(Agência Brasil)

TCU absolve cinco ministros dos governos do PT de irregularidades no Fies

O Tribunal de Contas da União, por seis votos a dois, em sessão do dia 18 de julho, absolveu cinco ministros petistas acusados de irregularidades na gestão do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). A atuação dos ex-ministros da Educação Fernando Haddad, Aloizio Mercadante e Henrique Paim e dos ex-ministros do Planejamento Nelson Barbosa e Miriam Belchior à frente do programa foi considerada legal.

A investigação teve início após o tribunal apontar um suposto “desvirtuamento” nos propósitos do programa, além de uma “concessão indiscriminada de crédito”. O TCU havia determinado a realização de auditora no Fies, com objetivo de analisar a sua sustentabilidade, eficácia e as eventuais vulnerabilidades de seus processos de trabalho.

Os ex-titulares da pasta da Educação foram considerados responsáveis pela expansão desmedida do programa, o que teria afetado o equilíbrio das contas públicas e descumprido a Lei de Responsabilidade Fiscal. Nelson Barbosa e Miriam Belchior, por outro lado, teriam subestimado os recursos destinados à concessão de financiamentos nas propostas orçamentárias dos exercícios de 2012 a 2015.

Relatora do caso, a ministra Ana Arraes apresentou voto acolhendo a justificativa dos petistas, afastando a aplicação de multa, considerando que houve atuação para cumprimento das metas políticas de fomento estabelecidas para cada área de atuação. Os ministros Augusto Sherman e André Luís de Carvalho divergiram. Eles recomendaram multa de R$ 50 mil aos acusados

Ana Arraes argumentou, ainda, que houve alteração legislativa recente na Lei de Introdução às Normas do Direito Brasileiro, estabelecendo que para interpretação das normas sobre gestão pública, deve-se levar em consideração os obstáculos e dificuldades reais dos gestores, bem como as exigências das políticas públicas de cada cargo.

A defesa de Fernando Haddad, a cargo dos advogados Igor Sant’Anna Tamasauskas e Otávio Mazieiro, do Bottini e Tamasauskas, apontou que não havia espaço para responsabilização do ex-ministro, considerando a sua participação na etapa de formulação de políticas públicas, em estrita observância regular de sua atribuição funcional, no âmbito de procedimentos que dependiam de discussões e aprovações por outros órgãos, como o Congresso Nacional.

Mercadante afirmou, por meio de nota, que a decisão barra uma tentativa de criminalização do programa. “Reafirma a importância do programa como política pública de maior alcance para o enfrentamento das dificuldades de renda na permanência e no acesso à educação superior, no Brasil”, disse.

“O Fies, de fato, tem um custo fiscal para a sociedade, mas ainda é muito menor que a imensa exclusão educacional no ensino superior, que marca a história da educação brasileira”, afirmou o ex-ministro. De acordo com ele, o volume de crédito do programa representa menos de 2% do total de crédito público total ofertado para atividades empresariais, imobiliárias, agrícolas ou de infraestrutura.

(Site Consultor Jurídico)

Taxa de ocupação da rede hoteleira de Fortaleza bate nos 70%

386 1

O movimento de turistas que desembarcam pelo Aeroporto Internacional Pinto Martins está em alta. Por dois fatores: campanhas promocionais da Setur no eixo Sul/Sudeste e o frio intenso nessas regiões.

Já o presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (Abih), o cearense Manuel Cardoso Linhares, afirma que essa movimentação também tem sido boa no seu segmento.

Em Fortaleza, a rede hoteleira, por exemplo, registra ocupação da ordem de80% por conta não só das férias, mas, também, de eventos como o Fortal.

“Uma taxa considerada ótima, até pelo momento que é de crise no País”, acentua Linhares.

(Foto – Paulo MOska)

Gilmar de Carvalho: Uma família

Com o título “Gilmar de Carvalho: uma família”, eis artigo de Magela Lima, ex-secretário da Cultura de Fortaleza e professor universitário. Ele aborda livro do também professor Gilmar de Carvalho, que luta sempre pelo resgate da cultura do Estado. Confira:

A frase nem é minha, mas reproduzo como se fosse: “Ainda bem que tem o Gilmar, para a gente se encontrar”. Tem toda razão, a querida Luciana Giffoni! Mais que um professor, uma referência, um ombro amigo, Gilmar de Carvalho especializou-se ao longo da vida em tecer afetos. É longa, longíssima, a lista de partilhas e afinidades que ele ajudou a construir por onde passou. Talvez, nem fosse essa sua intenção, mas a verdade é que acabou por criar uma família.

Basta ver o clima de Natal a cada uma de suas invenções. Assim, lançamentos de livros, exposições, palestras e afins não passam de pretexto para uma explosão de carinho de uma sinceridade ímpar.

Gilmar é sempre um convite para matar saudades, uma certeza de abraços calorosos, de risadas despreocupadas e, sobretudo, uma oportunidade preciosa para trocas criativas. É impossível vê-lo sempre fazendo tanto, criando tanto, e não ser contagiado.

Gilmar é um receituário de criatividade. É um exemplo. Sempre generoso, sempre dedicado, rigoroso, obsessivo, apaixonado, não há meio termo em sua obra. Muito menos, meio termo em sua vida.

Quando elege uma questão para tratar, ele vai até o fim. Que o diga seu passeio recente pelo mundo encantado das rabecas. Nesse 2018 estranho, Gilmar nos fez respirar com nada menos que uma exposição linda, uma série de apresentações e um livro primoroso em parceria com Francisco Sousa sobre o tema.

Tirinete – Rabecas da Tradição foi minha companhia durante as férias de meio de ano. Uma viagem profunda e delicada. Em suas mais de 400 páginas, conheci tanta lindeza, tive vontade de pegar a estrada com Gilmar e Francisco outra vez. Li sem pressa, imaginando as andanças dos dois pelo oco do mundo, como diz Ana Miranda no prefácio, e desejando ter herdado de Gilmar, nessa metade da minha vida em que convivo com ele, a capacidade extraordinária que ele tem de ser tão íntimo das coisas simples. Obrigado, Gilmar.

*Magela Lima

lima.magela@gmail.com

Jornalista e professor do Centro Universitário 7 de Setembro.

Eclipse total da Lua – Confira dicas para acompanhar

Hoje (27) os olhos do mundo inteiro estarão voltados para o céu. No fim do dia, terá início o maior eclipse lunar já registrado neste século. Este tipo de fenômeno ocorre quando o sol, a Terra e a lua ficam alinhados nesta ordem e o planeta faz sombra sobre a última, diminuindo ou até mesmo impedindo a iluminação do corpo. Brasileiros se organizam para contemplar o evento, que deve durar pouco menos de duas horas.

Um atrativo será a iluminação por um efeito laranja avermelhado na lua, que ganhou o nome de “Lua de Sangue”. A razão das cores é a atmosfera terrestre. “O vermelho depende da quantidade de poluição suspensa na atmosfera, que pode ser partícula de pó lançada por vulcões. Quando atividade vulcânica aumenta, ela fica mais vermelha. Quando isso não acontece, ela continua no tom mais alaranjado”, explica o tecnologista da Agência Espacial Brasileira, Ademir Xavier.

O espetáculo atrai atenções de diversas pessoas, desde aquelas envolvidas com astronomia até cidadãos curiosos com o fenômeno. Um primeiro aspecto que merece atenção para quem quer acompanhar são os horários. Como o eclipse ocorrerá no fim da tarde, ele terá características especiais diferentes daqueles na parte da noite.

Horários

A lua nascerá em horários diferentes nas cidades brasileiras, começando no litoral. Segundo a Sociedade Astronômica Brasileira, entre as capitais a primeira deve ser Recife (17h15), seguida por Vitória (17h18), Natal (17h19), Salvador (17h22), Rio de Janeiro (17h26) e Belo Horizonte (17h34). A visibilidade total se dará em apenas parte do país, nas regiões Sul, Sudeste e Nordeste.

Segundo o professor do Instituto de Física da Universidade de Brasília (UnB), Paulo Eduardo de Brito, o efeito laranja avermelhado não será visível em todos os pontos do Brasil, mas apenas para as cidades mais próximas do litoral.

“Quando já estiver bem escuro, a lua vai estar escondida e vai ter um tom mais avermelhado. Assim que a lua nascer, por volta de 18h, vai ser possível conferir a lua escondida. Assim que o sol sumir, as pessoas vão conseguir ver a lua avermelhada”, explica Brito. Em regiões mais no centro do país, como em Brasília, esse aspecto não deve ficar tão perceptível.

Instrumentos

Embora o eclipse tenha uma visibilidade diferenciada dependendo do ponto onde o observador estiver, a lua ficará bem visível a olho nu. Quem quiser conferir com maior nitidez a superfície dela ou o efeito laranja avermelhado pode usar telescópios, lunetas binóculos ou até mesmo câmeras fotográficas equipadas com lentes contendo bons zooms.

Além da lua, no eclipse lunar desta sexta-feira, o planeta Marte também ganhará visibilidade e instrumentos de observação podem contribuir para conferir este e outros planetas, como Vênus, Júpiter e Saturno.

Como fotografar o eclipse lunar

O coordenador de fotografia da Agência Brasil, Marcello Casal Jr., dá algumas dicas de como fotografar o eclipse lunar:

– Usar um tripé e disparador remoto. A recomendação vale para câmeras ou smartphone

– Evitar movimentos bruscos para que a câmera ou o celular não vibrem

– No caso de câmeras profissionais, usar o ISO corretamente. O ISO mede a sensibilidade do sensor à luz. Quanto maior o ISO, mais sensível ele está e, com isso, amplia a claridade e captação de luz. Quanto menor o ISO, menos informações serão captadas

– No caso de smartphones, que têm sensor pequeno e lente de dimensões reduzidas, é importante um bom enquadramento. A captação de nuvens podem ajudar a compor uma boa foto. “Timelapses” podem render boas e lindas misturas de fotografia e vídeo que captam a mudança de luz.

(Com Agencia Brasil)

Bolsonaro cresce na intenção de voto espontâneo, mas Lula ainda tem poder de fogo eleitoral

888 1

A VEJA apresenta os resultados de uma pesquisa realizada pelo Ideia Big Data, que ouviu 2 036 eleitores em todo o país entre 20 e 23 de julho. Há dois fenômenos na massa de números.

O primeiro mostra que o ex-presidente Lula continua com uma força eleitoral extraordinária. Além de liderar a pesquisa mesmo na cadeia — tem 29% dos votos —, Lula poderá indicar qualquer nome em seu lugar, e seu poste já começa a disputa com 9%, um índice que, dada a enorme fragmentação de candidatos, é bastante competitivo.

O segundo fenômeno é Jair Bolsonaro, o candidato que não tem partido grande, nem aliados fortes, nem dinheiro, nem tempo de TV, mas permanece firme e forte — e ainda apresenta um leve crescimento na intenção de voto espontânea, um indicador que demonstra o bom nível de convicção do seu eleitorado.

*Da Revista Veja confira aqui.

Pão de açúcar celebra seu 59º aniversário

Agosto é o mês de aniversário do Pão de Açúcar.

Para comemorar seus 59 anos, o grupo oferecerá 42 dias com muitas ofertas em todas as lojas da rede e e-commerce.

Durante seis finais de semana, já a partir desta sexta-feira, 27, começando sempre às sextas-feiras, acontecerá o “Preços Off especial Aniversário Pão de Açúcar”. Trata-se de itens selecionados especialmente para a data (como vinhos, destilados, chocolates e cervejas especiais) a partir do que os clientes mais desejam nas lojas da rede, que estarão com descontos variando entre 20% e 50%.

Semanalmente, segundo a assessoria de imprensa do grupo, a categoria de produtos e as ofertas mudarão, permitindo variedade de opções e soluções completas para diversos momentos do dia a dia. As ofertas serão conhecidas em lojas, redes sociais da marca, filmes para a televisão fechada e no aplicativo do Pão de Açúcar Mais.

Confira alguns exemplos válidos para os dias 27, 28 e 29 de julho:

· Todos os queijos especiais e fondues com 30% de desconto

· Todos os Gins com 30% desconto.

· Cerveja Budweiser 269ml – de R$ 2,99 por R$ 1,99

· Vinhos Santa Rita (Chile) com 30% de desconto

· Todas as fraldas e lenços umedecidos 30% desconto.

DETALHE – Ofertas válidas para todos os supermercados Pão de Açúcar, lojas Minuto Pão de Açúcar e o e-commerce (www.paodeacucar.com.br).

(Foto – Divulgação)

OAB promove ato nos aeroportos contra cobrança de bagagem despachada

336 1

A Ordem dos Advogados do Brasil e outras instituições de defesa do consumidor, como o Ministério Público do Consumidor e a Associação Brasileira de Procons, promovem hoje (27) ato contra a cobrança por despacho de bagagem por companhias aéreas. As instituições vão realizar blitzes em aeroportos nas capitais dos 26 estados do país, além do Distrito Federal.

A iniciativa faz parte da campanha “Bagagem sem Preço”, promovida pela OAB em parceria com as diversas organizações. O objetivo é esclarecer passageiros sobre violações de direitos cometidas na cobrança pelo despacho de malas. A OAB e as organizações promotoras da campanha consideram a exigência do valor adicional uma prática ilegal.

Além deste aspecto, os envolvidos vão fiscalizar outros possíveis desrespeitos com passageiros. Será averiguado como as companhias aéreas estão se comportando no caso do atendimento prioritário, de cobranças adicionais e de alterações contratuais.

Polêmica

O pagamento pelas malas despachadas foi aprovado pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) em dezembro de 2016 e entrou em vigor em junho de 2017. Defensores da medida, como as companhias aéreas, afirmaram que esta alteração traria uma redução nos preços das passagens. A iniciativa foi acompanhada de críticas.

Contudo, no fim do mês de junho, a Agência Nacional de Aviação Civil divulgou levantamento no qual apontou aumento nas passagens de 7,9% no primeiro semestre de 2018, evidenciando que a cobrança pelo despacho de bagagens não serviu para reduzir as tarifas. A Anac também afirmou que demorará cinco anos para avaliar o impacto desta cobrança nos preços gerais das passagens.

EM FORTALEZA – A OAB, por meio de sua Comissão de Defesa do Consumidor, promove ato do gênero no Aeroporto Internacional Pinto Martins.

(Agência Brasil/Foto – Paulo MOsca)

À espera de acordo, Palocci evita embates com Judiciário

Alessandro Silvério, Bruno Augusto e Sylvio Lourenço alegaram “motivos de foro íntimo” para deixar a defesa de Antonio Palocci. A saída ocorreu amigavelmente, sem traumas para nenhuma das partes. E o motivo é simples, segundo informa a Coluna Radar, da Veja Online.

O trio era responsável por representar o ex-ministro nos tribunais e não participava das tratativas para a delação.

Como as conversas com a Polícia Federal prosperaram substancialmente, Palocci, temporariamente, abriu mão de fazer sua defesa tradicional, estratégia comum de réus que pleiteiam benefícios por meio de acordos.

Ele não quer travar embates no Judiciário que possam prejudicar a oficialização de sua delação, pelo menos até que haja um desfecho das negociações.

Diante deste cenário, o trio de advogados, de certa maneira, ficou sem função e comunicou a Palocci que estava de saída.

PT vê chance do PSB se aliar a Ciro e levar junto o PCdoB

411 1

Depois de o PSB ter adiado para o último dia possível, 5 de agosto, a decisão sobre o rumo que vai tomar na eleição presidencial, dirigentes do PT passaram a tratar como cada vez mais remotas as chances de uma aliança com o partido. É o que revela a Coluna Painel, da Folha de S. Paulo desta sexta-feira.

A avaliação interna é a de que os socialistas vão com Ciro Gomes (PDT) e devem levar o PC do B junto.

Os petistas também devem se preocupar com o Pros. As conversas estavam bem encaminhadas, mas o aceno da Rede com a vice de Marina Silva para Maurício Rands (Pros-PE) pesou.

Os presidentes de siglas da esquerda –PT, PDT, PC do B, PSB e PSOL– vão se reunir na semana que vem. O PC do B vai voltar a pregar a tese da união em torno de um único nome, embora a admita que é difícil PT ou PDT abrirem mão de suas candidaturas ao Planalto.

(Foto – Fábio Lima)

PF cumpre mandados na segunda fase da Operação Vereda

917 6

A segunda fase da Operação Vereda está sendo deflagrada, nesta sexta-feira, pela Polícia Federal. A investigação teve por objetivo desarticular organização criminosa formada por policiais civis lotados na Divisão de Combate ao Tráfico de Drogas (DCTD) do Ceará. Segundo a assessoria de imprensa da PF, estão sendo cumpridos 16 mandados de prisão preventiva, dois mandados de busca e apreensão e quatro ordens de afastamento das funções. Os mandados judiciais foram expedidos pela 32ª Vara Federal Criminal da Seção Judiciária do Ceará após a conclusão do inquérito policial e recebimento da denúncia.

Foram mobilizados 50 policiais federais para o cumprimento dos mandados em Fortaleza e Caucaia (RMF) e Belém (PA). A execução das medidas contou ainda com a participação de policiais da Controladoria-Geral de Disciplina dos Órgãos de Segurança Pública (CGD).
A investigação teve início a partir de apuração sobre a comercialização ilegal de anabolizantes provenientes da Europa, elucidando a participação dos policiais civis em extorsões praticadas contra o principal investigado, culminando na revelação de fortes indícios de cometimento de outros crimes.

Os acusados foram indiciados e denunciados, na medida de suas participações, por extorsão, roubo, receptação tortura, organização criminosa, embaraço à investigação de organização criminosa, tráfico de drogas, abuso de autoridade, usurpação da função pública, favorecimento pessoal e violação de domicílio.

DETALHE – A operação foi batizada de “Vereda” em alusão ao livre arbítrio que levou os integrantes da quadrilha, à sombra da condição policial, para a prática delitiva de crimes diversos.

TRF-4 mantém bloqueio dos bens do ex-presidente da OAS

O Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) manteve a liminar que decretou a indisponibilidade de bens do ex-presidente da OAS Léo Pinheiro. A medida também atinge o ex-diretor da empreiteira Agenor Franklin Magalhães Medeiros.

O bloqueio foi pedido pelo Ministério Público Federal e tem como objetivo permitir o ressarcimento de R$ 282 milhões aos cofres públicos.

Essa medida atinge também os executivos Mateus Coutinho de Sá Oliveira, Fernando Augusto Stremel Andrade e João Alberto Lazzari, e as empresas OAS Engenharia e Participações SA e Construtora OAS LTDA.

(Veja/Foto – Reprodução Youtube)

IFCE do Cedro abre vestibular

O Campus do IFCE do município de Cedro está oferecendo 12 vagas para o curso de Licenciatura em Física, 14 vagas para Licenciatura em Matemática e 9 vagas para Tecnologia em Mecatrônica Industrial. A inscrição para seu vestibular deve ser feita pela internet no endereço qselecao.ifce.edu.br, onde pode ser visualizado o edital, a partir das 9 horas desta sexta-feira, 27 de julho, às 17 horas do dia 2 de agosto.

Após o preenchimento do formulário e o envio do dados, deve ser impresso o comprovante do protocolo de inscrição. Além deste documento, devem ser entregues a cópia do boletim com as notas obtidas no Enem 2016 ou no Enem 2017 e a cópia da identidade, na recepção do campus, das 8 às 12 horas e das 14 às 17 horas, localizado na Alameda José Quintino S/N, bairro Prado.

A seleção ocorre em etapa única, por meio da nota obtida no Enem 2016 ou Enem 2017. Classificam-se aqueles com maior número de pontos, dentro de limite de vagas do anexo III. Em agosto, no dia 8 sai o resultado preliminar. Na data seguinte, período de recurso e o resultado final sai no dia 10.