Blog do Eliomar

Categorias para Brasil

Gabarito do Encceja será liberado no dia 6 de setembro

Cerca de três milhões de brasileiros fizeram nesse domingo a prova nacional do Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja), aplicada pelo Ministério da Educação em 611 cidades. De acordo com o MEC, o gabarito será liberado em dez dias úteis, ou seja, no dia 6 de setembro.

De acordo com dados do Inep, órgão que coordena a aplicação do exame, esta edição do Encceja registrou 2.973.375 inscritos, sendo que 356.326 desejam obter o certificado de conclusão do ensino fundamental e 2.331.799, querem o certificado do ensino médio.

O gabarito oficial da prova do Encceja Nacional estará disponível na página do página do participante.

Mercado financeiro reduz projeção da inflação deste ano

O mercado financeiro reduziu a projeção para o crescimento da economia e a estimativa de inflação para este ano. Segundo o boletim Focus, pesquisa divulgada todas as semanas pelo Banco Central (BC), a previsão para a expansão do Produto Interno Bruto (PIB) – a soma de todos os bens e serviços produzidos no país – foi ajustada de 0,83% para 0,80% em 2019.

Segundo a pesquisa, a previsão para 2020 também caiu, ao passar de 2,20% para 2,10%. Para 2021 e 2022 não houve alteração nas estimativas: 2,50%.

Inflação

A estimativa de inflação, calculada pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), caiu de 3,71% para 3,65%, este ano. Para 2020, a estimativa caiu de 3,90% para 3,85%. Não houve alteração nas estimativas para os anos seguintes: 3,75%, em 2021, e 3,50%, em 2022.

A meta de inflação, definida pelo Conselho Monetário Nacional (CMN), é 4,25% em 2019, 4% em 2020, 3,75% em 2021 e 3,5% em 2022, com intervalo de tolerância de 1,5 ponto percentual para cima ou para baixo.

Para alcançar a meta de inflação, o Banco Central usa como principal instrumento a taxa básica de juros, a Selic, atualmente em 6%. Quando o Copom reduz a Selic, a tendência é que o crédito fique mais barato, com incentivo à produção e ao consumo, reduzindo o controle da inflação e estimulando a atividade econômica.

Quando o Comitê de Política Monetária (Copom) aumenta a Selic, a finalidade é conter a demanda aquecida e isso causa reflexos nos preços porque os juros mais altos encarecem o crédito e estimulam a poupança.

Para o mercado financeiro, ao final de 2019 a Selic estará em 5% ao ano. Para o final de 2020, a estimativa passou de 5,50% para 5,25% ao ano. No fim de 2021 e 2022, a previsão segue em 7% ao ano.

Dólar

A previsão para a cotação do dólar ao fim deste ano subiu de R$ 3,78 para R$ 3,80 e, para 2020, permanece em R$ 3,81.

(Agência Brasil)

Desmatamento da Amazônia bateu recorde na Era Lula

Dados do INPE revelam que a Amazônia teve 125 mil quilômetros quadrados desmatados nos oito anos do governo Lula.

O recorde foi em 2004, quando o Instituto registrou, em apenas um ano, o desmatamento de 27,7 mil quilômetros quadrados, equivalente ao estado de Alagoas, sem que tenham sido ouvidos protestos de ONGs ou líderes europeus. A informação é da coluna do jornalista Cláudio Humberto, no Diário do Poder.

O Instituto Imazon diz que nos últimos 12 meses foram desmatados 5 mil km2, 66% a menos que a média anual do governo Lula.

A média anual de 15,6 mil quilômetros quadrados desmatados na era Lula caiu para menos da metade, 6,3 mil, entre 2011 e 2018. Já oo menor registro de desmatamento na Amazônia Legal, diz o INPE, ocorreu em 2012, quando foram destruídos 4,5 mil km2 de matas.

(Foto – Arquivo)

Processo de canonização de Dom Hélder Câmara avança no Vaticano

O processo de canonização de dom Hélder Câmara avança no Vaticano. Segundo a Folha de S.Paulo desta segunda-feira, entrará em nova etapa: a abertura da fase romana das investigações. A morte do cearense, com forte atuação em Pernambuco, completa 20 anos nesta terça-feira.

“O próximo passo será o papa reconhecer, em nome da Igreja, que dom Hélder praticou em grau heroico as virtudes cristãs. Aí ele será declarado venerável”, disse à Folha Jociel Gomes, frade franciscano responsável por realizar o pedido junto ao Vaticano.

O processo de canonização de dom Hélder foi aberto oficialmente em fevereiro de 2015, nove meses depois de a Arquidiocese de Olinda e Recife solicitar a questão à cúpula da Igreja. Desde então, frei Jociel e sua equipe vasculharam sua biografia e ouviram pessoas que conviveram com o religioso.

O resultado, enviado ao Vaticano em dezembro, foi um dossiê de 197 páginas, com depoimentos de 54 pessoas.

Para se tornar beato, é preciso ter um primeiro milagre reconhecido pela Igreja. A canonização, ou seja, o status de santo, só vem após esse segundo milagre.

(Foto – Arquivo)

Justiça autoriza correção do PIS/Pasep de contas ativas de 71 e 88

364 1

A 2ª Turma Cível do Tribunal de Justiça do Distrito Federal reconheceu o direito de um cidadão de receber, com correção monetária, os recursos depositados pelo governo federal durante a vigência do Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público, o atual PIS/Pasep. Analisou que houve lesão patrimonial em decorrência da má-gestão dos valores depositados, informa o site Consultor Jurídico.

Com a correção, o autor da ação, que havia recebido cerca de R$ 2 mil, passou a ter direito a pouco mais de R$ 105 mil. O processo transitou em julgado em julho deste ano e está em fase de execução de sentença, já com os valores depositados judicialmente. Várias ações semelhantes também haviam pleiteado o reajuste, mas foi a primeira vez que houve ganho de causa.

“Após o êxito no primeiro processo, alguns outros precedentes do TJ-DF já estão confirmando o direito à atualização monetária dos valores do PIS/Pasep, mas é preciso ficar atento ao prazo prescricional, que é de cinco anos, especialmente agora, que o governo novamente liberou o saque dos recursos”, disse o advogado do autor da ação, Lucas Azoubel. Ele atuou no caso junto com seu sócio, o advogado Fábio Bragança.

O PIS e o Pasep foram criados em 1970 com objetivo de financiar o pagamento do seguro-desemprego, abono e participação na receita dos órgãos e entidades para os trabalhadores públicos e privados. Até 1988, quando o programa foi extinto, os empregadores da iniciativa privada depositavam os recursos em uma conta vinculada ao trabalhador (PIS) na Caixa Econômica Federal e a União depositava o benefício (Pasep) no Banco do Brasil, também em conta vinculada ao trabalhador.

“Ocorre que esses depósitos receberam quase nenhuma atualização monetária ao longo dos anos em que ficaram retidos nas contas de cada beneficiário e a Justiça reconheceu que é obrigação do banco fazer a adequada gestão do dinheiro administrado por ele. Com isso, concedeu a diferença nas atualizações monetárias devidas, que foram calculadas por uma perícia contábil”, explicou Bragança.

Bolsonaro ironiza mulher do presidente francês e é acusado de sexismo

434 7

O presidente Jair Bolsonaro, em clima de guerra com o presidente francês, Emmanuel Macron, que o criticou pela série de queimadas na Amazônia, endossou um comentário de um internauta no Facebook, que zombava da mulher de Macron, Brigitte, 24 anos mais velha. Acabou criticado nas redes sociais. A imprensa francesa também repercutiu o comentário, chamando o brasileiro de sexista.

No sábado, um seguidor postou foto dos dois casais em um post do presidente brasileiro, com a legenda: “Agora entende por que Macron persegue Bolsonaro?”. O próprio respondeu: “Não humilha cara. Kkkkkkk”. O comentário foi acompanhado de uma montagem: de um lado, Emmanuel Macron e sua mulher Brigitte; e, do outro, o presidente brasileiro e sua mulher, Michelle, 27 anos mais jovem.

A resposta de Bolsonaro viralizou e foi repercutida na imprensa francesa, que criticou a atitude sexista do presidente. Brigitte tem 66 anos. A diferença de idade foi usada na campanha pelos adversários, mas o presidente francês rebateu dizendo que se ele tivesse 20 anos a mais, “ninguém pensaria por um segundo que não poderíamos estar legitimamente juntos”.

No Twitter, a hashtag #calabocabolsonaro também se espalhou. Algumas personalidades reagiram para mostrar sua indignação.

“Esperei confirmação pra saber se era real o print. E é. O Bolsonaro DEBOCHOU DA BELEZA DA ESPOSA DO MACRON COMPARANDO COM A SUA. Vocês conseguem entender o nível disso? Imaginem o Presidente de qualquer país sério fazendo algo assim. Sério, tenta imaginar. Que nojo, q patético.”, escreveu o youtuber Felipe Neto.

“O fato de uma pessoa tentar ofender uma mulher por sua aparência física, por si só já é vergonhoso. Quando essa pessoa é Chefe de Estado, é vergonha nacional. Se envolve a Primeira-Dama de uma nação amiga, vira vexame diplomático. Nosso Presidente é um moleque!”, escreveu a escritora e roteirista Antonia Pellegrino na rede social.

Dias antes, o deputado Eduardo Bolsonaro , filho do presidente e candidato à embaixada nos EUA, havia replicado um vídeo chamando o presidente francês de “idiota”.

No início do mês, Bolsonaro cancelou, no último minuto, um encontro com o ministro francês das Relações Exteriores, Jean-Yves Le Drian e publicou um vídeo no Facebook enquanto cortava o cabelo, no mesmo horário em que estava programada a reunião. Le Drian , ironizou o que chamou de “urgência capilar ” do presidente brasileiro.

(Com Jornal Extra/Foto  Agência Brasil))

Caixa começa a pagar o PIS para cotistas a partir de 60 anos

Quem trabalhou com carteira assinada na iniciativa privada entre 1971 e 4 de outubro de 1988 e tem pelo menos 60 anos começa a receber hoje (26) as cotas do Programa de Integração Social (PIS). Os interessados devem procurar a Caixa Econômica Federal para fazer o saque.

O saque de até R$ 3 mil poderá ser feito nas lotéricas, correspondentes Caixa Aqui e nos terminais de autoatendimento, utilizando o cartão Cidadão, com senha. Outra opção é nas agências da Caixa. Acima de R$ 3 mil, somente nas agências da Caixa. Para saber se tem direito às cotas do fundo, o correntista deve consultar o endereço www.caixa.gov.br/cotaspis.

Segundo a Caixa, 10,4 milhões de trabalhadores terão direito ao saque das cotas do PIS. O pagamento deve injetar até R$ 18,3 bilhões na economia brasileira. No dia 19, o banco fez o crédito automático para quem tem conta corrente ou poupança na instituição. Em 2 de setembro, será a vez de os cotistas com até 59 anos começarem a sacar.

Segundo a Medida Provisória (MP) 889/2019, os recursos do fundo ficarão disponíveis para todos os cotistas, sem limite de idade. Diferentemente dos saques anteriores, agora não há prazo final para a retirada do dinheiro.

O PIS atende aos trabalhadores da iniciativa privada. A MP facilita o saque por herdeiros, que passarão a ter acesso simplificado aos recursos. Eles terão apenas de apresentar declaração de consenso entre as partes e a declaração de que não existem outros herdeiros conhecidos.

Pasep

As cotas do Pasep, que atende a servidores públicos, militares e trabalhadores de empresas estatais, podem ser sacadas desde a semana passada. Responsável pelo fundo, o Banco do Brasil (BB) informa que estão disponíveis para saque R$ 4,5 bilhões pertencentes a 1,522 milhão de cotistas.

Cerca de 30 mil correntistas do BB participantes receberam automaticamente o dinheiro no dia 19. Os cotistas clientes de outras instituições financeiras, com saldo até R$ 5 mil, podem transferir o saldo da cota por meio de Transferência Eletrônica de Documento (TED), sem nenhum custo, desde a última terça-feira (20). Os demais cotistas, assim como herdeiros e portadores de procuração legal, podem realizar os saques diretamente nas agências do BB, desde a última quinta-feira (22).

A opção de transferência oferecida pelo BB pode ser feita tanto pela internet, no endereço eletrônico www.bb.com.br/pasep, quanto pelos terminais de autoatendimento. O cotista ainda pode obter informações por meio da Central de Atendimento BB, pelos telefones 4004-0001 (capitais e regiões metropolitanas) ou 0800-729-0001 (demais localidades).

(Agência Brasil)

Juazeiro do Norte já se prepara para a Romaria de Nossa Senhora das Dores

Vem aí a Romaria de Nossa Senhora das Dores, a padroeira de Juazeiro do Norte (Região do Cariri). Vai acontecer oficialmente de 8 a 15 de setembro próximo. A Secretaria Municipal do Turismo já iniciou reuniões em preparação ao evento religioso.

Nesta edição, uma novidade: a criação do Passaporte do Romeiro, um documento que será entregue gratuitamente. Trata-se do Manual do Romeiro, que constará de informações detalhadas para o romeiro como a programação da Basílica de Nossas Senhoras das Dores, serviços oferecidos pela Prefeitura de Juazeiro do Norte e informações que sejam de utilidade.

Outra informação. O City Tour voltará a funcionar já nessa romaria com horários regulares durante o período da romaria, oferecendo para o romeiro roteiro de visitação para os principais pontos turísticos de Juazeiro do Norte, contando com um acompanhamento especializado de técnicos da Setur e Guias Turísticos.

Pagamento da 1ª parcela do 13º do aposentado começa nesta segunda-feira

Começa nesta segunda-feira o pagamento da primeira parcela do 13º salário para aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). A informação é do Portal G1.

O depósito da gratificação será realizado na folha mensal de pagamentos do INSS, entre os dias 26 de agosto e 6 de setembro, seguindo o mesmo calendário dos benefícios de agosto (veja o cronograma ao final da reportagem).

Terão direito à primeira parcela cerca de 30 milhões de beneficiários, segundo o INSS. Essa liberação de recursos deve injetar cerca de R$ 21,9 bilhões na economia neste terceiro trimestre.

Tem direito ao 13º quem, durante o ano, recebeu os seguintes benefícios:

aposentadoria de qualquer natureza
pensão por morte
auxílio-doença
auxílio-acidente
auxílio-reclusão
salário-maternidade
No caso de auxílio-doença e salário-maternidade, o valor do abono anual será proporcional ao período recebido.

Não têm direito ao 13º salário aqueles que recebem:

amparo assistencial ao idoso e ao deficiente (BPC-LOAS)
renda mensal vitalícia (RMV)
amparo previdenciário rural
auxílio suplementar por acidente de trabalho
abono de permanência em serviço
pensão decorrente da Síndrome de Talidomida
servidor aposentado pela autarquia empregadora
salário-família

O abono anual é devido aos segurados da Previdência Social que tenham recebido ou estejam recebendo os benefícios, inclusive para segurado avulso, autônomo, equiparado a autônomo, empresário e facultativo.

A segunda parcela do 13º será paga junto com o benefício de novembro, a partir do dia 25 daquele mês.

Entidade nacional do transporte homenageia lideranças do Ceará, Piauí e Maranhão

Nomes de peso ligados ao setor de transporte do Ceará, Piauí e Maranhão, base setorial de atuação da FETRANS, foram homenageados nesta semana com a Medalha do Mérito do Transporte Urbano Brasileiro pela Associação Nacional das Empresas de Transportes Urbanos (NTU). A homenagem, que é concedida nas categorias empresário, especial e in memoriam, acontece anualmente durante o Seminário Nacional NTU, em Brasília, que neste ano teve como tema “Inovação e reinvenção: o futuro do transporte”.

No total, foram dezesseis homenageados. Entre eles, na categoria empresário, o piauiense de Teresina, Herbert Teruó Miura Campelo, diretor executivo da Federação das Empresas de Transportes de Passageiros do Ceará, Piauí e Maranhão (FETRANS). Na categoria especial, Ademar Gondim, superintendente de Infraestrutura da UFC-Infra de Fortaleza (CE), também foi agraciado.

Com o troféu David Lopes de Oliveira, cujo nome homenageia o fundador da Federação dos Transportes de Passageiros do Ceará, Piauí e Maranhão (FETRANS), o empresário José Medeiros (in memoriam), com forte atuação no Maranhão com a empresa Taguatur, foi um dos contemplados enquanto personalidade que desenvolveu um trabalho memorável em prol do setor.

 

Queimadas da Amazônia – Donald Trump oferece ajuda a Bolsonaro

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou nesta sexta-feira (23), por meio de sua conta oficial no Twitter, que ofereceu ajuda ao presidente Jair Bolsonaro no combate aos incêndios na Floresta Amazônica. Além disso, o líder norte-americano destacou que relação entre os dois países está “mais forte do que nunca” e afirmou que as perspectivas futuras de comércio entre os dois países são “empolgantes”.

“Acabei de falar com o presidente @JairBolsonaro do Brasil. As perspectivas futuras do nosso comércio são muito empolgantes e nosso relacionamento é forte, talvez mais forte do que nunca. Eu disse a ele que os Estados Unidos podem ajudar com os incêndios na Floresta Amazônica, estamos prontos para apoiar!”, tuitou Trump.

Planalto

@planalto
O presidente dos Estados Unidos @realDonaldTrump disse que conversou com o presidente @jairbolsonaro e falou que as relações entre os países estão mais fortes que nunca. E ofereceu para ajudar no combate às queimadas na Amazônia. https://twitter.com/realDonaldTrump/status/1165022004392681472 …

Donald J. Trump

@realDonaldTrump
Just spoke with President @JairBolsonaro of Brazil. Our future Trade prospects are very exciting and our relationship is strong, perhaps stronger than ever before. I told him if the United States can help with the Amazon Rainforest fires, we stand ready to assist!

853
19:32 – 23 de ago de 2019
Informações e privacidade no Twitter Ads
233 pessoas estão falando sobre isso

Bolsonaro replicou o tuíte de Trump em sua página oficial. Na tarde desta sexta-feira, o presidente brasileiro assinou decreto que autoriza o emprego das Forças Armadas para ajudar no combate aos incêndios na Floresta Amazônica. O decreto de Garantia da Lei e da Ordem (GLO) vale para áreas de fronteira, terras indígenas, em unidades federais de conservação ambiental e outras áreas da Amazônia Legal.

Acordo comercial

Jair Bolsonaro também anunciou hoje a conclusão das negociações do acordo de livre comércio entre o Mercosul (Argentina, Brasil, Paraguai e Uruguai) e o Efta, bloco de países europeus formado por Suíça, Noruega, Islândia e Liechtenstein, que tem Produto Interno Bruto (PIB, soma de bens e serviços produzidos) de US$ 1,1 trilhão. O governo brasileiro trabalha ainda para fechar acordos semelhantes com Canadá, Coreia do Sul, além dos EUA.

(Com Agência Brasil)

Cândido Albuquerque assume como reitor em ato simples e na Faculdade de Direito

Cândido assume sob olhares de Glauco Lobo e Henry Campos.

Em ato simples na Faculdade de Direito da UFC, o professor Cândido Albuquerque assumiu, na tarde desta sexta-feira (23), o cargo de reitor da Universidade Federal do Ceará. O novo reitor exercerá mandato de quatro anos.

Como primeiro ato na condição de reitor, ele nomeou seu vice, Glauco Lobo Filho, professor da Faculdade de Medicina. A informação saiu no site da Instituição.

“Agora, nós temos um único objetivo: engrandecer o nome da nossa UFC. Torná-lo cada vez maior, uma universidade que é uma referência no Brasil exatamente pela qualidade do seu corpo docente, do corpo discente e do corpo de servidores técnico-administrativos”, afirmou o novo reitor.

Henry Campos, ex-reitor, por sua vez, desejou uma administração de sucesso ao novo reitor. Ressaltou os principais avanços da UFC ao longo de sua gestão, reconhecidos nos rankings nacionais e internacionais que avaliam a qualidade dos cursos de graduação e de pós-graduação, além dos resultados reconhecidos na área de governança.

“Eu diria que esse compromisso social é muito presente hoje na Universidade. As parcerias com o Governo do Estado, com a Prefeitura, a confiança depositada ao nos entregar o Ceará 2050, que vai continuar em sua gestão, o Fortaleza 2040, do qual nós somos fiéis depositários, e um sem número de coisas… O processo de internacionalização avançou muito, o parque tecnológico, enfim, tem muitas perspectivas boas, e eu tenho certeza de que, sob o comando de vocês, a Universidade vai continuar neste ritmo de ascensão”, afirmou Henry Campos.

(Foto – UFC)

Bolsonaro autoriza uso das Forças Armadas para combater queimadas na Amazônia

O presidente Jair Bolsonaro assinou, na tarde desta sexta-feira (23), decreto que autoriza o emprego das Forças Armadas para ajudar no combate aos incêndios na Floresta Amazônica. O decreto de Garantia da Lei e da Ordem (GLO) vale para áreas de fronteira, terras indígenas, em unidades federais de conservação ambiental e outras áreas da Amazônia Legal.

Segundo o texto, que já foi publicado em edição extra do Diário Oficial da União, o emprego dos militares será autorizado apenas mediante requerimento do governador de cada estado da região. A Amazônia Legal é um território que abrange a totalidade dos estados do Acre, Amapá, Amazonas, Pará, de Rondônia, Roraima e parte dos estados de Mato Grosso, do Tocantins e do Maranhão.

De acordo com o decreto, o período de emprego das Forças Armadas no combate aos incêndios vai deste sábado (24) a 24 de setembro. Estão previstas ações preventivas e repressivas contra delitos ambientais e levantamento e combate de focos de incêndio. Conforme o texto, as operações deverão ocorrer em articulação com os órgãos de segurança pública e órgãos e entidades de proteção ambiental.

O governador de Roraima, Antonio Denarium, que chegou a participar da reunião ministerial que definiu o uso das Forças Armadas, disse a jornalistas, no Palácio do Planalto, que já assinou o pedido para que militares combatam incêndios no estado.

Denarium afirmou que, hoje, os estados da região não têm condições de combater sozinhos os incêndios florestais. “Por isso, estamos solicitando ajuda do governo federal, para que, em parceria com o estado, com o Corpo de Bombeiros Militar e o Corpo de Bombeiros Civil, fazer o combate aos incêndios que estão em toda a Região Norte.” Ele disse que outros governadores da região também deverão solicitar o apoio. Uma reunião entre governadores da região e o presidente da República está prevista para a próxima terça-feira (27), em Brasília, informou Denarium.

O governo não informou o número de militares que poderão ser empregados nas ações de combate aos incêndios. Pelo decreto, caberá ao ministro da Defesa, Fernando Azevedo, definir a “alocação dos meios disponíveis e os comandos que serão responsáveis pela operação”.

Pronunciamento

O presidente Jair Bolsonaro convocou para esta noite rede nacional de rádio e televisão para anunciar medidas do governo federal para conter incêndios na Floresta Amazônica.

A decisão sobre o pronunciamento, que vai ao ar às 20h30, foi confirmada pela Secretaria Especial de Comunicação da Presidência (Secom), após reunião ministerial coordenada pelo próprio presidente, durante a tarde, no Palácio do Planalto.

(Agência Brasil)

BNB e Embrapa fecham acordo e criam a Plataforma de Inteligência do Semiárido

O Banco do Nordeste firmou convênio com a Embrapa Territorial, nesta sexta-feira, em Brasília (DF). A iniciativa visa estruturar o Sistema de Inteligência, Gestão e Monitoramento Territorial Estratégico (SITE) para a Região, com foco no desenvolvimento sustentável da agropecuária, informa a assessoria de imprensa da Instituição.

O BNB financiará os estudos com aplicação de R$ 1,5 milhão, por meio do Fundo de Desenvolvimento Econômico, Científico, Tecnológico e de Inovação (Fundeci). Os recursos apoiarão pesquisas e estudos, com vistas à melhoria da produtividade dos setores econômicos, de modo a potencializar negócios. O projeto será realizado ao longo de 12 meses.

“É parte de nossa missão empresarial promover o desenvolvimento regional e fazer isso refletir na competitividade das empresas e no bem-estar das famílias de nossa área de atuação. Sendo assim, um projeto como este carrega em si o DNA do que nos move como o banco de desenvolvimento do Nordeste. Portanto, acreditamos que este investimento trará grande retorno social e econômico. É um orgulho, unirmo-nos à Embrapa para potencializar os resultados do agronegócio de todos os portes no Semiárido nordestino”, afirma Romildo Rolim, presidente do BNB.

SITE

O SITE estará disponível a acesso público. A ferramenta apoiará ações das secretarias do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e demais instituições públicas e privadas. A plataforma digital organizará, com base no conhecimento científico, informações georreferenciadas e analíticas dos quadros natural, agrícola, agrário, de infraestrutura e socioeconômico, identificadas por meio de métodos de inteligência territorial. Para cada uma das oito microrregiões prioritárias, serão indicadas soluções tecnológicas e não tecnológicas disponíveis para os principais desafios de inovação, em colaboração e compartilhamento com as unidades da Embrapa da Região.

Conforme afirma o chefe-geral da Embrapa Territorial, Evaristo de Miranda, apesar do acervo de informações disponíveis sobre o Semiárido nordestino ser um dos maiores do País, os dados são temáticos e setoriais. Com a estruturação do SITE, ele reforça, será possível integrar e analisar todas as informações em uma única base de dados. “Vamos tratar de todas as informações de forma integrada e na perspectiva de análise territorial. Será um sistema inédito, com análises importantes para o desenvolvimento da agricultura de sequeiro no Semiárido, entre outras possibilidades”, afirma.

Para Miranda, o desenvolvimento da agricultura de sequeiro no Semiárido nordestino ainda é um grande desafio para o País. Os dados do Censo Agropecuário de 2006 e 2017 revelam um declínio de 30% na atividade agropecuária na Região. “É preciso viabilizar soluções de pesquisa, desenvolvimento e inovação em inteligência para a sustentabilidade da agropecuária no bioma Caatinga”, declara Miranda.

Entre as entregas do sistema está também caracterizar a repartição territorial da concentração e da densidade de 74 produtos agropecuários em 120 microrregiões, além de quantificar, caracterizar e espacializar os níveis de renda bruta dos estabelecimentos agropecuários situados na área delimitada.

(Foto – BNB)

Rali dos Sertões – Competição, que começa neste sábado e finalizará em Aquiraz, em alta conexão

O XXVII Rali dos Sertões – maior competição do ramo das Américas, começa neste sábado, em Campo Grande (MS). Serão percorridos 4.857 km até a chegada, dia 1º de setembro, em Aquiraz (Região Metropolitana de Fortaleza). Neste ano, a grande novidade em relação aos carros de apoio é que estarão todos conectados com a tecnologia da Smart Driving Labs – empresa especializada em soluções de software e hardware para coleta, análise e interpretação de dados telemáticos automotivos.

Pela primeira vez na história do rali, as 55 picapes L200 Triton Sport cedidas pela Mitsubishi Motors como carros de apoio estarão conectadas. Durante as oito etapas da prova, a plataforma captará, em tempo real, diversos parâmetros dos veículos, como velocidades média e máxima, altitude, nível de combustível e de desgaste dos carros, entre outros, além de eventuais incidentes capturados pelo “acelerômetro” existente no dispositivo.

“A Mitsubishi Motors e a organização do Sertões receberão um relatório de utilização dos carros no período do rali, com dados analisados e interpretados, e poderão ainda acompanhar em tempo real diversos parâmetros, como a pontuação de cada condutor. Como a plataforma fornece diversos dados do veículo, podemos personalizá-lo de acordo com a necessidade de cada cliente, ou seja, para um, o tempo do carro parado é importante; já para outro, é saber o consumo de combustível. O objetivo é ter um mapeamento da condução dos motoristas e as respectivas peculiaridades.”, explica Fernando Schaeffer, CEO da Smart Driving Labs.

(Foto – Arquivo)

Caixa estuda criar crédito imobiliário com juros prefixados

213 1

O presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, disse hoje (23) que o banco estuda oferecer crédito imobiliário com taxa de juros prefixada. Ao explicar a visão da Caixa sobre a nova linha de financiamento indexada à inflação em um almoço na Associação Comercial do Rio de Janeiro, Guimarães disse que o objetivo é avançar para oferecer também a modalidade prefixada até o fim do mandato do presidente Jair Bolsonaro.

A Caixa anunciou nesta semana uma nova linha de financiamento imobiliário que usa o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) em vez da Taxa Referencial (TR) no cálculo anual de juros. Tanto o IPCA quanto a TR são variáveis, e para que uma modalidade de crédito com juros prefixados possa ser oferecida, é necessário um cenário de estabilidade econômica de longo prazo, destacou o presidente da Caixa.

“Para isso, tem uma série de coisas que precisam acontecer na economia e uma tranquilidade em relação à inflação, o que eu tenho muita confiança. Essa mudança do IPCA é o primeiro passo para isso”, disse Guimarães, que afirmou que essa modalidade de crédito é oferecida em economias desenvolvidas da Europa, da Ásia e dos Estados Unidos, pois depende da estabilidade da inflação ao longo dos anos. “Tendo uma inflação mais controlada, a gente consegue precificar melhor as incertezas. Com esse crédito pré, sem correção, o grande risco fica com o banco”, ressaltou.

Na visão do executivo, com a inflação mantida em torno de 3% a 4%, é possível fazer essa precificação de forma tranquila.

Guimarães também explicou que é preciso criar no país um mercado de securitização de mais longo prazo, o que ele acredita que será estimulado pela criação da linha de crédito indexada ao IPCA. Esse mercado permitirá que o banco terceirize o risco em um cenário de oferta de crédito prefixado. “A vida média da nossa carteira de crédito imobiliário é de 12 anos. Então, não adianta tanto criar um mercado de securitização de dois anos. Você precisa ter um mercado de securitização de 12 anos.”

Para o presidente da Caixa, a nova linha de financiamento corrigida com o IPCA reduz o preço da parcela inicial de financiamento imobiliário em 30% a 50% e estimula outros bancos a reduzir suas taxas de juros. Segundo Guimarães, cerca de 600 mil simulações de financiamento foram feitas desde que o banco anunciou a nova linha de crédito.

“Se nós sentirmos que existe uma necessidade de correção ao longo do tempo, nós corrigimos. É a primeira vez que é oferecido por IPCA esse tipo de crédito”, ressaltou.

(Agência Brasil)

Artigo – “A missão do jornalista cearense atual é virar meme?”

Com o título “A missão do jornalista cearense atual é virar meme?”, eis artigo de Matheus Nunes, estudante do Jornalismo da Uni7 e social mídia. Ele comenta o atual cenário da comunicação na internet e suas consequências. Confira:

Se fôssemos pensar como há 20 anos, seria impossível imaginar que a TV – um dos principais veículos de comunicação de massa já criados – perderia a relevância e a audiência para outro meio.

O que vemos hoje é a internet ganhando cada vez mais espaço e forma. Os mais tradicionais acreditam, porém, que uma informação vinda do telejornal possui mais credibilidade do que aquela replicada nas redes sociais.

E quando esses mesmos telejornais brigam entre si para ganharem um espaço nessas páginas virtuais? E isso já é comum no jornalismo cearense atual. Muitos até forçam a barra para virarem memes.

Ainda se crê que os veículos queiram se regionalizar ainda mais, algo que não se via antigamente. O que mais se percebe é que o sinônimo de audiência virou “viralizar”. Para o bem, ou para o mal.

Hoje, assunto sério vira manchete engraçada. Um carro cair dentro de um buraco é piada. E eu, como estudante, me faço o questionamento: será que os professores estão nos ensinando da forma errada? Não se tem disciplina de memes jornalísticos nas faculdades. Mas, será que teremos em um futuro não tão distante? Vale a reflexão.

Em artigo publicado no jornal O Povo, o jornalista Ronaldo Salgado, professor aposentado da Universidade Federal do Ceará (UFC), acredita que o jornalismo é feito para mudar o mundo. E foi dessa forma que ele escolheu a profissão. Mas, e se fosse hoje? Ele pensaria da mesma forma? Talvez escolhesse não para transformar o mundo, mas sim mudar a forma de fazer jornalismo. Não sabemos o futuro do nosso ofício, mas sabemos o futuro das páginas de humor da internet: compartilhar conteúdos que há anos eram relevantes para a sociedade e que hoje simplesmente viraram piadas.

*Matheus Nunes,

Estudante do 7º semestre – Jornalismo/UNI7  e social mídia.