Blog do Eliomar

Categorias para Brasil

Marcos Valério fecha acordo de delação premiada com a Polícia Federal

O publicitário Marcos Valério, o operador do mensalão, fechou um acordo de colaboração premiada com a Polícia Federal. A informação é do O Globo. Antes, ele chegou a ter a proposta de delação rejeitada pelo Ministério Público Federal de Minas Gerais.

Por citar políticos com foro privilegiado, como o senador Aécio Neves (PSDB-MG), o acordo de Valério aguarda a homologação do Supremo Tribunal Federal (STF).

Marcos Valério cumpria pena de prisão pela ação penal do mensalão na Penitenciária Nelson Hungria, em Contagem (MG), e foi transferido na última segunda-feira para uma unidade da Associação de Proteção e Assistência a Condenados (Apac), em Sete Lagoas (MG), a pedido da Polícia Federal.

Maluf já levou R$ 10 milhões em emendas na Era Temer

Desde que o presidente Michel Temer começou a dançar na corda bamba, não tem mais governista à míngua em Brasília. Nem o histórico Paulo Maluf tem do que reclamar.

O site “Contas Abertas” já revelou que o governo liberou 3,4 milhões de reais emendas ao inesquecível deputado paulista em junho, mês em que o voto de Maluf ajudou Temer a se salvar na CCJ.

Mas essa é só uma parcela da generosidade com a excelências.

Desde janeiro, Maluf recebeu aproximadamente 10 milhões de reais em emendas. Além do agrado de quase 3,5 milhões do mês passado, montante que está empenhado, foram pagos 6,6 milhões neste ano.

De acordo com o gabinete de Randolfe Rodrigues, responsável pelo levantamento, Paulo Maluf levou mais do que gente como o líder do governo André Moura (5,3 milhões de reais), o relator do parecer em favor de Temer apresentado à CCJ, Paulo Abi-Ackel, (6 milhões de reais) e Carlos Marun (5,3 milhões de reais), um dos mais fieis integrantes da tropa de choque do governo.

(Veja Online)

Halleluya 2017 terá posto de coleta do Hemoce

O Festival Halleluya, o “Fortal dos Católicos”, começa nesta quarta-feira no Condomínio Espiritual Uirapuru, no bairro Castelão. Com o evento, começa também, indo domingo, último dia do evento, o trabalho do Hemoce por doação de sangue. A expectativa do órgão é coletar 900 bolsas de sangue.

Quem participar do festival e estiver na faixa etária de 16 a 69 anos de idade, saudável e bem alimentado, pode procurar o posto de coleta do Hemoce no Espaço Vida, próximo à entrada do evento, pela Avenida Silas Munguba. Este é o décimo quinto ano de parceria do Hemoce com o Halleluya.

Neste ano, a campanha de doação de sangue no Halleluya traz uma novidade: a cada pessoa que se candidata a doação será doado produtos para ajudar a instituições filantrópicas. O Grupo Três Corações beneficiará o Lar Amigos de Jesus e o Iprede de acordo com o número de candidatos à doação de sangue. Ou seja, quanto mais pessoas se candidatarem, mais cestas básicas serão entregues. Quem passar no posto de coleta do Hemoce no Halleluya vai ainda receber degustação de café e cappuccino do Café Santa Clara.

Confira os horários do Hemoce no Halleluya

Quarta-feira – 19 de julho
Das 19 às 00h

Quinta-feira – 20 de julho
Das 19 às 00h

Sexta-feira – 21 de julho
Das 19 às 01h

Sábado
Das 19 às 01h

Domingo
Das 18 às 23h

Índice que reajusta aluguel registra deflação de 0,71%

O Índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M), usado no reajuste dos contratos de aluguel, registrou deflação (queda de preços) de 0,71% na segunda prévia de julho. A prévia do mês anterior já havia acusado deflação de 0,61%.

O IGP-M acumula deflações de 2,65% em 2017 e de 1,66% em 12 meses, segundo dados divulgados hoje (19) pela Fundação Getulio Vargas (FGV), no Rio de Janeiro.

A deflação da segunda prévia de julho foi puxada pelos preços no atacado, já que o Índice de Preços ao Produtor Amplo teve deflação de 1,14%. O Índice de Preços ao Consumidor, que analisa o varejo, indicou inflação de 0,04%. Já o Índice Nacional do Custo da Construção registrou inflação de 0,13%.

A segunda prévia do IGP-M é calculada com base em preços coletados entre os dias 21 do mês anterior e 10 do mês de referência.

(Agência Brasil)

Vem aí o II Maratona Valor PME Nordeste

Álvaro Santanna, presidente da Le Biscuit entre conferencistas.

Embalado pelo sucesso de público na primeira edição do Maratona Valor PME Nordeste realizado em 2016 em Fortaleza, o jornal Valor Econômico prepara uma segunda edição de palestras gratuitas com grandes líderes empreendedores do Brasil. A data e o local já estão definidos: dia 16 de agosto, no Hotel Gran Marquise.

As inscrições são gratuitas e podem ser realizadas pelo site do jornal. O evento, segundo a organização, é uma verdadeira maratona de depoimentos, com conteúdo de alta qualidade e grandes líderes dividindo experiências que podem inspirar o sucesso de diversas pessoas.

Entre os participantes listados,  Cândido Espinheira, fundador da Yes Cosmetics; Álvaro Santanna, presidente da Le Biscuit; Adriana Auriemo, sócia fundadora da Nutty Bavarian; Jae Ho Lee, fundador da Morana Balone e sócio do Montana Gril, Griletto, Jin Jin e Croasonho; Marcelo Cesano, presidente da Frooty Brasil; e Murilo Gun, humorista e professor de criatividade.

Investigação sobre acidente que matou Teori Zavascki continua sem prazos

Após seis meses da queda do avião que matou o então ministro do Superior Tribunal Federal, Teori Zavascki, completados nesta quarta-feira (19), a investigação do acidente continua e não tem prazo para ser finalizada.

Em 19 de janeiro, o relator da operação Lava Jato no STF morreu aos 68 anos após a queda do avião em que estava junto a outras quatro pessoas no litoral de Paraty, no Estado do Rio de Janeiro. Os demais ocupantes eram o empresário do grupo Emiliano Empreendimentos e dono do jatinho Carlos Alberto Filgueiras, de 69 anos, a massoterapeuta Maira Lidiane Panas Helatczuk, de 23 anos, a mãe dela, Maria Ilda Panas, 55, e o piloto Osmar Rodrigues, 56.

No momento, o Cenipa (Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos), responsável pela apuração de acidentes de avião no Brasil, espera laudos da Polícia Federal e realiza as últimas análises para elaborar a minuta do relatório final, conforme informou a FAB (Força Aérea Brasileira), à qual o Cenipa é subordinado.

A etapa seguinte será traduzir o documento preliminar para o inglês e enviá-lo para os órgãos de investigação National Transportation Safety Board, nos Estados Unidos, onde a aeronave foi fabricada, e Transportation Safety Board of Canada, no Canadá, onde o motor foi fabricado. Ambos terão até 60 dias para fazer comentários sobre a minuta. Quando receber as observações, o Cenipa concluirá o relatório final, considerado o documento oficial da investigação.

O avião modelo Hawker Beechcraft King Air C90 de matrícula PR-SOM era de porte pequeno e tinha capacidade para acomodar até oito pessoas. O bimotor turbo-hélice decolou às 13h01 do Campo de Marte, em São Paulo, e caiu por volta das 13h45, quando estava a 2 km de distância da cabeceira da pista do aeroporto de Paraty, próximo à Ilha Rasa.

*Com Brasil 247 e reportagem de Luciana Amaral no UOL

Justiça Federal mantém Eduardo Cunha na prisão

O Tribunal Regional Federal da 1ª Região, em Brasília, negou, por unanimidade, o habeas corpus apresentado pela defesa de Eduardo Cunha (PMDB)e manteve o ex-presidente da Câmara na prisão. A informação é da Veja Online.

Cunha, segundo a reportagem, está em franca negociação com a Procuradoria-Geral da República para tentar firmar um acordo de delação premiada.

Em São Paulo, Prefeitura impõe regras ao Uber; Em Fortaleza, a Prefeitura finge que fiscaliza

Eis o tópico “Mudança no Uber em São Paulo mostra o quanto Fortaleza perde”, da Coluna Política do O POVO desta quarta-feira, assinada pelo jornalista Érico Firmo:

As novas regras instituídas em São Paulo para aplicativos de transporte como o Uber mostra o quão equivocada é a postura da Prefeitura de Fortaleza. Entre as novidades, a exigência de que carros sejam emplacados em São Paulo.
Lá, a medida causa polêmica e incomoda os aplicativos. Certa ou errada, é melhor que a proibição total que a Prefeitura de Fortaleza tenta impor. Ênfase no “tenta”.

Na prática, qualquer pessoa pega Uber em Fortaleza a qualquer hora do dia ou da noite. São milhares de motoristas em plena atividade. A exigência paulistana sobre emplacamento assegura que a arrecadação do IPVA fique no Município.

Em Fortaleza, para dar satisfação aos taxistas, a Prefeitura finge que consegue impedir o Uber. Os motoristas circulam livremente, o Uber arca com os prejuízos de quem é flagrado, a Justiça impede cada vez mais apreensões de carros, os taxistas não percebem que a proibição é fajuta. Ninguém ganha. Apenas se faz um jogo de cena no qual o Município não arrecada, os taxistas enfrentam concorrência ainda mais injusta — pois não é regulada de forma alguma — e os motoristas da Uber têm um transtorno, que não representa empecilho real.

O curioso sobre São Paulo: o prefeito João Dória (PSDB), liberal convicto, tem adotado medidas de regulação governamental, enquanto o petista Haddad adotava postura a favor do livre mercado na atuação dos compartilhamentos. O que remete ao tópico acima, sobre as ideologias de PT e PSDB.

Ebserh convoca 247 candidatos aprovados em concurso

A Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), estatal vinculada ao Ministério da Educação (MEC), convocou, nesta terça-feira (18), 247 candidatos aprovados em concursos públicos para quatro unidades hospitalares geridas pela estatal. Ao todo, a empresa já convocou 2.851 candidatos este ano.

Os funcionários contratados serão lotados no Hospital das Clínicas da Universidade Federal de Minas Gerais, em Belo Horizonte; no Complexo Hospitalar de Clínicas da Universidade Federal do Paraná, em Curitiba; no Complexo Hospitalar da Universidade Federal do Pará, em Belém, e no Hospital Escola da Universidade Federal de Pelotas, no Rio Grande do Sul.

Os profissionais são contratados pela Ebserh sob o regime da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT). A previsão da estatal é manter a convocação de funcionários, de acordo com a disponibilidade orçamentária do governo federal.

Atualmente, a Ebserh administra 39 hospitais universitários federais. O objetivo é, em parceria com as universidades, aperfeiçoar os serviços de atendimento à população, por meio do Sistema Único de Saúde (SUS), e promover o ensino e a pesquisa nas unidades filiadas.

(Agência Brasil)

Domingos Neto assegura reativação do Posto da Conab de Tauá

Domingos Neto e Odilon Aguiar comemoram o pleito acatado por Brasília.

O deputado federal Domingos Neto, também presidente regional do PSD, assegurou nesta terça-feira (18) a reativação do posto da Conab em Tauá (Região dos Inhamuns), que estava desativado há quase dois anos. O fechamento do posto causa sérios prejuízos para os agricultores e produtores daquele banda do Estado. Conforme o parlamentar, na próxima terça-feira, durante reunião em Brasília, a reabertura do posto será oficializada.

“Conversei com o presidente da Conab, Francisco Marcelo, e a reativação foi confirmada. Essa é uma grande conquista para os agricultores de Tauá. Ao lado do deputado estadual Odilon Aguiar travamos uma luta para a reabertura do posto e garantir melhores condições para os agricultores de Tauá”, disse Domingos Neto para o Blog.

O deputado Odilon Aguiar (PMB), que também fez intervenções no sentido de que o posto fosse reaberto, informou que, no final de 2016, técnicos da Conab estiveram em Tauá e verificaram a necessidade do posto continuar operando nesse município. “Estamos no sexto ano seguido de seca e a reabertura do posto assegura mais facilidade e menos custo para a compra de milho, que é essencial para o rebanho”, comemora Odilon Aguiar (PMB).

(Foto – Divulgação)

Cearense está entre finalistas do maior campeonato de b-boys do mundo

O cearense  Mateus Melo (19), conhecido no bairro de Jurugunssu como Bart,  foi um dos atletas pré-selecionados para a final brasileira do mais importante campeonato de b-boys homem a homem do mundo: o Red Bull BC One, que acontecerá no próximo dia 29, em Macapá (AP).

Foi o amor ao hip-hop que fez Bart entrar no mundo do breakdance, conta ele para a assessoria de imprensa do evento. Mateus diz que se encantou pelos movimentos dos colegas que treinavam no bairro com apenas 13 anos e, desde então, vive de fazer apresentações com seus parceiros de equipe, além de dar aulas e participar de competições e duelos.

“A cena de Fortaleza é enorme. Temos mais de 20 crews (grupos) de breakdance por aqui. Como nós estamos longe do Sudeste, onde acontecem mais eventos, pouca gente nos nota, então temos de nos esforçar em dobro para sermos reconhecidos. Isso deixa a galera mais forte”, conta Mateus Melo, escolhido pela equipe de especialistas da Red Bull como um dos quatro pré-selecionados que já têm vaga garantida na final nacional, ao lado de Gilberto Araújo, o “Rato” e Ediomar Queiroz, o “Tchantcho”). A eles se juntarão mais 12 competidores selecionados na Batalha Amapá, que ocorre um dia antes (28/7), também em Macapá, com atletas de todo o Brasil.

Júri de responsa

Quem julgará os movimentos e o gingado dos atletas são três nomes já bastante conhecidos da cena: os brasileiros Pelezinho (membro do time estrelado Red Bull BC One All Stars) e Jojo (atleta do Macapá), além do colombiano Arex, b-boy talentoso que já se classificou para a final mundial algumas vezes. Os critérios avaliados por eles serão musicalidade, originalidade, performance e presença de palco de cada b-boy.

(Foto – Divulgação)

Joesley Batista consegue desbloquear R$ 800 milhões de suas contas

O empresário Joesley Batista acaba de conseguir na Justiça Federal de São Paulo desbloquear R$ 800 milhões de suas contas. A informação é do colunista Lauro Jardim, do O Globo.

O dinheiro estava retido desde o dia 1º por ordem do juiz Tiago Bitencourt de David, da 5ª Vara Federal de São Paulo. A ação popular foi extinta por decisão do mesmo juiz, a partir de um recurso do escritório Bichara Advogados.

De acordo com a ação popular, Joesley e o seu irmão Wesley teriam cometido crime de insider trading na área cambial às vésperas do dia 17 de maio, quando sua delação se tornou pública.

Em sua decisão, o juiz afirma que faltam provas para manter o bloqueio do patrimônio de Joesley. Ainda, que foi induzido ao erro quanto aos valores envolvido na operação, e que por isso a ordem de bloqueio foi “dez vezes maior do que a necessária”.

Ministério da Saúde lança concurso para selecionar nova embalagem da camisinha masculina

Estudantes de design gráfico, desenho industrial, arquitetura e publicidade poderão definir a nova cara das camisinhas masculinas distribuídas gratuitamente pelo Ministério da Saúde, que lançou concurso para mudar a embalagem dos preservativos. A atual embalagem roxa com amarelo deverá ser substituída até o fim do ano. As inscrições deverão ser feitas online até 11 de setembro.

O vencedor terá como prêmio um pacote de viagem de três dias com um acompanhante para um dos sítios do patrimônio Histórico Cultural da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) no Brasil.

O resultado e a premiação estão previstas para ocorrer durante o 11º Congresso Brasileiro de HIV/Aids e o 4º Congresso Brasileiro de Hepatites Virais, entre 26 e 29 de setembro, em Curitiba, no Paraná. A embalagem das camisinhas foi trocada pela última vez há mais de dez anos. Agora, a intenção é modernizar o preservativo e torná-lo mais atrativo.

(Agência Brasil)

Juca Kfouri não deve indenizar Carlos Nuzman por noticiar suposta fraude

Quem ocupa cargo público está sujeito a críticas da imprensa, desde que elas não configurem os crimes de injúria, difamação ou calúnia. Com base nesse entendimento, a 13ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro negou pedido de indenização do presidente do Comitê Olímpico Brasileiro (COB), Carlos Arthur Nuzman, em ação contra o jornalista Juca Kfouri. A informação é da assessoria de imprensa do TJ do Rio de Janeiro.

Nuzman moveu ação contra cinco textos que Kfouri publicou em 2012 em seu blog, no portal Uol, e em sua coluna no jornal Folha de S.Paulo. Neles, o jornalista relata a demissão de nove funcionários do Comitê Rio-2016, que organizou as Olimpíadas no Brasil, pelo uso de informações confidenciais do Comitê Londres-2012. Segundo Juca Kfouri, Nuzman — que presidiu o comitê — tentou impedir que tais fatos fossem revelados.

Mas o dirigente esportivo se sentiu ofendido pelos textos, e foi à Justiça. Na ação, ele requereu indenização por danos morais no valor de R$ 100 mil. O pedido foi negado em primeira instância, e ele recorreu.

Os magistrados confirmaram a sentença. “O direito de crítica do recorrido é inerente à atividade jornalística e está umbilicalmente ligada ao direito fundamental à livre manifestação do pensamento, vedada à prática de injúria, difamação e calúnia”, escreveu o relator, desembargador Fernando Fernandy Fernandes

Além disso, Fernandes ressaltou que a atividade de Nuzman à frente do COB e do Comitê Rio-2016 possuem “relevantíssimo caráter público”. Dessa maneira, é papel da imprensa informar a sociedade sobre seus atos, apontou o magistrado. E isso, para ele, inclui denunciar eventuais irregularidades da gestão. O relator foi seguido por todos os seus colegas da 13ª Câmara Cível.

(Foto – Francisco Ucha)

Guido Mantega não aparece para depor em audiência de filho de Lula

O ex-ministro da Fazenda, Guido Mantega, era a testemunha mais aguardada para depor hoje à Justiça Federal num processo aberto em consequência da Operação Zelotes.

Era…

O ex-ministro não foi localizado, segundo o Judiciário, e sua oitiva terá que ser remarcada.

Ele seria ouvido no caso envolvendo um dos filho de Lula, Luis Claudio, investigado pela suspeita de participação no suposto esquema de venda de medidas provisórias.

(Veja Online)

Fortal 2017 – Juiz disciplina entrada de crianças e adolescentes na micareta

O juiz coordenador das Varas da Infância e Juventude de Fortaleza, Manuel Clístenes de Façanha e Gonçalves, assinou portaria disciplinando a entrada e permanência de crianças e adolescentes no Fortal 2017, que acontecerá de 20 a 23 de julho. De acordo com o documento (nº 14/2017), publicado no Diário da Justiça dessa segunda-feira, crianças e adolescentes de até 16 anos de idade só poderão ingressar no evento quando acompanhados de representante legal (pai, mãe, tutor ou guardião) ou responsável acompanhante (ascendentes ou colaterais, até o terceiro grau de parentesco, como avós, irmãos e tios). A informação é da assessoria de imprensa do TJCE.

O parentesco deverá ser comprovado e, portanto, tanto os menores quanto seus representantes e responsáveis, deverão portar documento de identidade e, quando for o caso, os termos de tutela e guarda.

O proprietário do estabelecimento e promotor do evento deverão garantir segurança compatível com o público e impedir o consumo de bebida alcoolica, cigarro ou similares para esse público nas dependências do evento, devendo fazer constar essa proibição em placas fixadas no local, bem como no convite, ingresso e materiais de propaganda.

Além disso, devem tomar todas as providências para evitar riscos à segurança, buscando auxílio de força policial se necessário. Caso o próprio responsável esteja colocando o menor em risco, deve contatar o Departamento de Agentes de Proteção da Infância e Juventude ou o Conselho Tutelar. Este também deve ser comunicado em caso de criança ou adolescente apresentar sintomas de embriaguez ou efeito de substância entorpecente, para que seja providenciado, se necessário, atendimento médico, entre outras medidas cabíveis. O adolescente que cometer ato infracional deverá ser encaminhado à Delegacia da Criança e do Adolescente.

Ainda conforme a Portaria, os Agentes de Proteção são responsáveis por vigiar o cumprimento das regras, devendo fiscalizar “qualquer forma de negligência, exploração, inclusive laboral, violência, discriminação, maus tratos e constrangimentos praticados contra crianças e adolescentes, podendo desenvolver suas atividades em todos os setores e espaços do complexo estrutural destinado à realização do evento”.

Os agentes poderão solicitar a intervenção de policiais civis e militares, para garantia do cumprimento de suas atividades. Os proprietários, promotores e funcionários do evento, bem como responsáveis e representantes legais, assim como o público de modo geral, deverão prestar todo apoio aos agentes, para que estes cumpram suas funções. De acordo com o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), impedir ou embaraçar a ação desses agentes constitui crime, sujeito a pena de seis meses a dois anos de detenção.

João Doria entra com queixa-crime contra Ciro, que o qualificou de “farsante” e “lobista”

283 1

O prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB-SP), apresentou uma queixa-crime por calúnia, difamação e injúria contra o ex-ministro Ciro Gomes (PDT), que também é pré-candidato à Presidência da República. A informação é da coluna Painel, da Folha de S. Paulo.

Na ação, Doria lista palestras e entrevistas em que Ciro o chamou de “farsante” e “lobista”. Ele também compilou trechos em que o ex-ministro também disse, em mais de uma ocasião, que o prefeito de São Paulo fez fortuna “às custas de dinheiro público”.

Na ação, Doria é representado pelo escritório Fernando José da Costa. A petição apresenta dezenas de frases ditas por Ciro, inclusive em entrevista à Folha. Ao jornal, o ex-ministro disse que Doria, quando presidente da Embratur, foi criticado por uma propaganda “com bunda de mulher na praia, estimulando claramente o turismo sexual”.

A peça ainda traz declarações de Ciro em uma universidade, em Lisboa, em abril deste ano. Na ocasião, o pré-candidato sustentou que o prefeito teria ficado “rico fazendo tráfico de influência”.