Blog do Eliomar

Categorias para Brasil

Perdão ao empresário Joesley Batista é reprovado por população

Para 81% dos brasileiros, os empresários Joesley e Wesley Batista, donos do grupo JBS, deveriam ter sido presos pelos crimes que cometeram nos últimos anos, segundo pesquisa Datafolha publicada sábado. Os dois obtiveram imunidade penal ao fazer acordo de delação premiada com a Procuradoria Geral da República.

A mesma pesquisa mostra que 83% da população considera que o presidente Michel Temer teve participação direta “nos esquemas de corrupção descobertos pela Lava Jato com a gravação dos donos do JBS”. O Datafolha ouviu 2.771 entrevistados em todo o País entre os dias 21 a 23 de junho. A margem de erro da pesquisa é de dois pontos porcentuais para mais ou para menos.

Joesley gravou uma conversa que teve com Temer em Março, no Palácio do Jaburu. Na ocasião, Joesley indicou que fazia pagamentos ao deputado cassado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) e ao corretor Lúcio Funaro para evitar que os dois assinassem um acordo de colaboração com a Lava Jato.

No diálogo, Joesley diz ter zerado “pendências” com Cunha a fim de manter bom relacionamento com o deputado cassado. Temer, neste momento, responde: “Tem que manter isso, viu?”. Joesley acrescenta: “Todo mês”.

Heloísa Helena agenda visita ao Ceará

Da Coluna Vertical, do O POVO desta segunda-feira:

A Rede Sustentabilidade do Ceará vai promover no dia 8 de julho, às 9 horas, no auditório da Assembleia Legislativa, uma plenária estadual para reunir todos os militantes e simpatizantes.Hora de debater a organização partidária nas esferas nacional, estadual e municipal.

O evento contará com a participação dos coordenadores nacionais de organização da Executiva Nacional da Rede, Heloísa Helena (ex-senadora) e Tácius Fernandes.
Também serão abordados os desafios da Rede diante da crise vivenciada pela política nacional. O ato promete.

Heloísa Helena, que disputou a presidência em 2006, dizia naquela época que Lula chefiava uma quadrilha de “gangster” capaz de “roubar, matar, caluniar e liquidar com qualquer um que ameace seu projeto de poder”. Será que repetiria isso hoje?

(Foto – Fábio Rodrigues Pozzebom)

Denúncia da PGR – Líderes vêem risco para Temer

Líderes da base aliada de Michel Temer na Câmara dizem não ser possível assegurar a rejeição da denúncia que o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, deve apresentar até terça, 27, contra o presidente da República. Mesmo com uma coalizão estimada em 400 deputados, parlamentares ponderam que teor da acusação e seus desdobramentos podem influenciar o posicionamento dos congressistas, aumentando o risco de Temer sofrer um revés.

A denúncia é apresentada no STF e depois encaminhada para a Câmara, onde tramita primeiro na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) antes de seguir para o plenário. São necessários os votos de 172 dos 513 deputados para derrubá-la. Se aprovada por no mínimo 2/3 da Casa, retorna ao Supremo.

Caso a Corte aceite a acusação, o presidente se afasta do cargo por 180 dias.

Para Baleia Rossi (SP), líder do PMDB, partido de Temer e que tem a maior bancada da Casa, com 64 deputados, o governo não pode se descuidar. “No Parlamento nada é automático. Vai ter que trabalhar. Cada líder da base vai ter que trabalhar sua bancada. Vai ter que ter convencimento. Não dá para achar que está tudo resolvido”, disse.

(Agência Estado)

Camilo inicia contatos na Europa com a Fraport e Instituto Pasteur

161 1

O governador Camilo Santana (PT) inicia, nesta segunda-feira, visitas pela Europa. No roteiro, Alemanha e França. Segundo a assessoria de imprensa do Palácio da Abolição, eis agenda de Camilo para este dia (horário de Frankfurt):

  • Às 15h30min – Visita técnica ao Aeroporto de Frankfurt – terminais de passageiros e cargas. Local: Frankfurt, Alemanha;
  • Às 19h30min – Reunião com o vice-presidente da Fraport, Aletta von Massenbach, e com os diretores Christoph Nanke, Klaus Jeschke, Sabrina Hoppe e Djamila Durans.

Nestes compromissos em Frankfurt, o governador contará com o apoio do secretário do Desenvolvimento Economic, César Ribeiro. Ele conhecerá terminal gerido pela Fraport, que arrematou em leilão o Aeroporto Internacional Pinto Martins.

Já nesta terça-feira, o governador deverá se deslocar para Paris, onde terá contatos com a Air France KLM sobre possibilidade de um hub (ponto de conexões internacionais) para a Capital cearense.

Ali, Camilo também vai se encontrar com a cúpula do Instituto Pasteur, uma fundação das mais respeitadas no mundo na fabricação de vacinas e pesquisas sobre doenças contagiosas. Ele quer atrair uma unidade do Instituto para o Polo Farmoquímico do Eusérbio (Região Metropolitana de Fortaleza).

Com Camilo, em Paris, vão estar o secretário estadual da Saúde, Henrique Javi, e a presidente da Fiocruz, Nisia Trindade. Bom lembrar que a Fiocruz tem unidade no polo farmoquimico do Eusébio.

(Foto – Mauri M elo)

Eleições 2018 – Lula lidera em todos os cenários

355 25

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva segue líder absoluto nas intenções de voto para as eleições presidenciais de 2018. É o que diz pesquisa Datafolha divulgada nesta segunda-feira pelo jornal Folha de São Paulo. Lula Lula está na liderança em todos os cenários de primeiro turno, tendo entre 29% e 30% das intenções de voto.

O deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ) aparece em segundo, empatado com Marina Silva (Rede-AC). Quando disputa com Alckmin, o petista fica com 30%. Nesse cenário, o tucano aparece apenas na terceira posição, com 8%, enquanto Bolsonaro, com 16%, e Marina, com 15%, aparecem embolados no segundo lugar.

O cenário com o prefeito de São Paulo João Doria (PSDB), é similar e tem Lula na dianteira, com 30%. Doria fica em quarto lugar, com 10% das intenções dos eleitores.

Após escândalo da JBS, o Datafolha não incluiu o senador Aécio Neves (PSDB-MG) e o presidente Michel Temer (PMDB) na lista de presidenciáveis.

2º Turno

Em simulações para o 2º turno, Lula vence Alckmin (45 a 32%), Doria (45 a 34) e Bolsonaro (45 a 32), mas empata com Marina (40 a 40), de acordo com o Datafolha. Em uma eventual disputa entre Marina e Bolsonaro, a ex-ministra venceria por 49 a 27%.

Rejeição

Apesar da liderança nas intenções de voto, Lula também aparece em primeiro lugar na lista das maiores rejeições, com 46 por cento, seguido por Alckmin (34) e Bolsonaro (30).

(Com Folha e Brasil 247)

Sisu 2017 – Convocação de candidatos que ficaram na lista de espera começa nesta segunda-feira

A partir desta segunda-feira (26), os candidatos que ficaram na lista de espera da segunda edição de 2017 do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) vão começar a ser convocados. O chamamento dos estudantes para a matrícula será feito pelas instituições de ensino, mas os candidatos devem acompanhar as convocações da lista de espera na instituição pela qual tenha manifestado interesse.

A lista de espera do Sisu foi aberta aos candidatos que não foram selecionados na chamada regular ou que foram aprovados somente para a segunda opção de curso, tendo ou não feito a matrícula. A lista é restrita à primeira opção de vaga do candidato.

O Sisu é o sistema informatizado gerenciado pelo Ministério da Educação que oferece vagas no ensino superior público com base na nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Nesse processo seletivo, foram ofertadas 51.913 vagas em 1.462 cursos de 63 instituições de ensino, entre universidades federais e estaduais, institutos federais e instituições estaduais.

(Agência Brasil)

Marina Silva sonha com Cármen Lúcia na vice

Marina e Toinha Rocha, está nome para o Senado em 2018.

Pré-candidato a presidente da República pela Rede Sustentabilidade, Marina Silva continua em busca do vice ideal.

Segundo a Coluna Radar, da Veja Online, com a dificuldade em trazer o ex-presidente do STF, Joaquim Barbosa, ela sonha com a presidente do Supremo, Cármen Lúcia, com quem já conversou. Um pé em cada canoa.

O ex-ministro do STF já declarou estar mais “para não ser” candidato em 2018 e que resiste a essa ideia.

(Foto – Divulgação)

Rodrigo Janot deve ser alvo de retaliações após deixar comando da PGR

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, foi informado por um amigo de que está sendo preparada uma ofensiva jurídica contra ele após setembro de 2017, quando deixará o cargo de PGR.

Políticos prejudicados por investigações por ele lideradas pretenderiam, segundo este amigo, processar Janot em diferentes frentes.

A informação é do colunista do O Globo, Lauro Jardim.

Corregedoria Nacional do MP vai investigar palestras comercializadas de Deltan Dallagnol

A comercialização de palestras do procurador Deltan Dallagnol, coordenador da força-tarefa da Lava Jato, será alvo de investigação na Corregedoria Nacional do Ministério Público.

A polêmica em torno das apresentações remuneradas do procurador surgiu com a notícia, na Folha de S.Paulo, de que uma empresa estava oferecendo em seu site palestras de Deltan por R$ 40 mil. Em seguida, a página foi retirada do ar e substituída por uma mensagem informando que a oferta não havia sido autorizada pelo palestrante.

A colunista Mônica Bergamo, da Folha, informou que o procurador pediu à empresa para retirar as informações do site “imediatamente. Ele afirmou não possuir contrato com a Motiveação nem com outras empresas. Por sua vez, a Motiveação dizia tê-lo no seu casting há um ano, de acordo com a colunista.

Segundo o Valor Econômico, o Conselho Nacional do Ministério Publico informou que não existe norma que oriente esse tipo de atividade. O órgão não respondeu ao jornal se existe algum dispositivo legal que autorize a comercialização de palestras.

O coordenador da força-tarefa da Lava Jato foi alçado ao grau de visibilidade máxima na mídia, em mais de três anos de atuação, e é ativo nas suas redes sociais. Dias depois da polêmica, segundo o Valor, o próprio Deltan postou em seu Facebook estar “convicto” de que seu papel na sociedade “não se restringe apenas à esfera judicial, cabendo atuar na área acadêmica e cidadã”.

A reclamação disciplinar contra o coordenador da força-tarefa será analisada pelo corregedor Cláudio Portela, que terá três alternativas: arquivar o caso, abrir uma sindicância ou determinar a abertura de um processo administrativo disciplinar (PAD), caso considere que há indícios suficientes de infração e autoria.

(Do Site Congresso em Foco)

Imbassahy garante que Temer tem folga para derrubar denúncia

Está nas mãos do secretário de Governo, Antonio Imbassahy, a contabilidade na votação da denúncia do Ministério Público contra Temer. Ele garante que a margem a favor do presidente é folgada: 240 votos.

O Ministério Público deve apresentar três denúncias contra o presidente: obstrução da Justiça, corrupção passiva e organização criminosa.

A informação é da Coluna Radar, da Veja Online deste domingo.

Sobral tem o maior número de escolas premiadas no Ceará

Celebrando os 10 anos do Programa de Aprendizagem na Idade Certa (Paic), o Governo do Estado do Ceará entregou o Prêmio Escola Nota Dez para 262 escolas públicas com os melhores desempenhos de Alfabetização e proficiências em Língua Portuguesa e Matemática.

As escolas municipais de Sobral (Zona Norte) conquistaram 22 premiações, colocando essa cidade com o maior número de escolas premiadas no Estado do Ceará, segundo dados do Sistema Permanente de Avaliação da Educação Básica (Spaece), em 2016.

(Foto – Divulgação)

Aprovação de Michel Temer é de 7%, menor índice em 28 anos, segundo o Datafolha

A aprovação do governo Michel Temer é de 7% hoje, segundo a mais recente pesquisa do Instituto Datafolha, divulgada neste sábado pelo Jornal Folha de São Paulo. Na série histórica, trata-se do pior resultado para um presidente em 28 anos. Apenas José Sarney atingiu patamar tão baixo em quase três décadas, ao somar 5% de avaliações positivas em setembro de 1989, durante a crise da hiperinflação.

A impopularidade do presidente aumentou desde a revelação da colaboração premiada dos donos da JBS, que situaram Temer no centro de um esquema de corrupção nacional. Segundo o Datafolha, 69% do público considerada a gestão ruim ou péssima, e 23% avaliam o governo como regular.

Mulheres, jovens e eleitores de renda mais baixa mostram mais indisposição com Temer, em comparação com a média da população.

Em 1989, 68% consideravam ruim ou péssima a atuação de Sarney, enquanto 24% julgavam a administração regular.

Impopularidade

O novo levantamento do instituto ouviu 2.771 pessoas entre quarta-feira e a sexta-feira. Os novos números evidenciam a queda da popularidade do presidente, que, há dois meses, somava 9% entre os entrevistados que avaliavam a gestão como ótima ou boa. No fim de abril, 61% julgavam o governo como ruim ou péssimo e 28% enxergavam uma administração regular.

A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos. O Datafolha ainda informou que a nota do presidente caiu de 3 para 2,7 na nova pesquisa. Não souberam responder 2% dos entrevistados.

A avaliação de Temer é pior que a de Dilma Rousseff às vésperas da conclusão do processo de impeachment, quando a petista seria destituída pelo Congresso. Na época, ela tinha 13% de aprovação e 63% de reprovação. A impopularidade do peemedebista é semelhante à da ex-presidente de agosto de 2015, quando Dilma amealhou 71% de avaliações de um governo ruim ou péssimo.

Além de Temer, Dilma e Sarney, apenas Fernando Collor atingiu indíces tão negativos frente à população. Ele somava 68% de ruim e péssimo, em setembro de 1992, ao sofrer impeachment.

Qual a diferença de Dilma para Temer?

De um ministro de Michel Temer, ontem, ao analisar a dificuldade de seu chefe de fazer o governo ter uma imagem positiva: “É o mesmo redemoinho que pegou a Dilma em 2016. Temer pode tentar, tentar, mas nenhum fato positivo tem repercussão. As pessoas só estão olhando os fatos negativos”.

A diferença é que, ao contrário de Dilma, Michel Temer tem uma folgada maioria do Congresso com ele.

A informação é do colunista Lauro Jardim, do O Globo.

Maioria dos brasileiros quer a saída de Temer

Uma pesquisa realizada pelo Instituto Datafolha indica que a maior parte da população brasileira é contra a permanência de Michel Temer na Presidência da República. O estudo foi realizado entre quarta (21) e sexta-feira (23). De acordo com a Folha de S. Paulo, o levantamento registrou também um pico de impopularidade do presidente, que tem seu governo avaliado como ruim ou péssimo por 69% dos entrevistados.

Os entrevistados foram questionados sobre o que seria mais benéfico para o país, considerando a crise política e a recuperação da economia: se Temer saísse do cargo ou completasse o mandato (que vai até o final de 2018). Só 30% se disseram a favor de ele ficar na Presidência; 65% acham que sua saída é o melhor para o Brasil.
76% defendem uma possível renúncia do peemedebista. São contrários a essa iniciativa 20% dos entrevistados, e 4% não souberam responder.

Em um cenário em que Temer não renuncie, 81% são a favor da abertura de um processo de impeachment contra ele. A fatia dos que rejeitam a possibilidade é de 15% (4% não souberam responder).

Mas na possibilidade de Michel Temer realmente deixar o cargo, a maior parte dos brasileiros prefere que o novo presidente seja eleito pela população. A medida, que demanda mudanças na Constituição, é defendida por 83% dos entrevistados.
Somente 12% indicam que o melhor seria que o Congresso fizesse a escolha, na convocação de uma eleição indireta. 5% não souberam responder.

(Notícia a Minuto)

Luizianne diz que Ciro é “um grande embuste nacional”

Em algum lugar do passado…

A deputada federal Luizianne Lins (PT) pediu a união do partido no Ceará em torno do nome do ex-presidente Lula para a eleição presidencial do ano que vem e criticou possível apoio do governador Camilo Santana (PT) ao ex-ministro Ciro Gomes (PDT).

Em conversa com o Blog Política, na quinta-feira, 23, a ex-prefeita afirmou, no ato político de posse dos presidentes De Assis Diniz, no diretório estadual, e Acrísio Sena, no diretório de Fortaleza, que o Ceará precisa dizer ao País “quem é Ciro Gomes”.

“Que a gente jamais imagine (apoio a) qualquer candidatura principalmente um candidato que não vai dizer nada para o Brasil chamado Ciro Gomes, que na verdade é um grande embuste nacional e que nós precisamos é do Ceará criar todas as nossas energias para dizer quem é Ciro Gomes para o resto do Brasil”, criticou.

A petista, cética com a declaração do governador de apoio ao ex-presidente Lula para a eleição de 2018, voltou dizer que em caso de não haver apoio a Lula por parte de Camilo, deverá disputar prévias com ele.

Durante o evento do partido, o governador afirmou que o ex-presidente era “o grande nome” do PT e das esquerdas para a candidatura em 2018. Ao descer do palanque, evitou antecipar o cenário eleitoral. “Eleição é só no ano que vem, eu só vou discutir no ano que vem. Eu disse que (Lula) é um dos grandes nomes desse País. Eu votei a vida inteira no Lula, gente”, disse.

(Do Blog Política do O POVO)

Camilo e comitiva na rota de Jericoacoara

O governador Camilo Santana (PT) gravou vídeo, agora há pouco, antes de embarcar de Congonhas(SP) direto para o Aeroporto Regional de Jericoacoara (Litoral Oeste). É o voo inaugural da Gol, que promete aquecer ainda mais o mercado turístico cearense.

Com Camilo, uma comitiva de parlamentares, empresários e operadores de turismo que conferirão o ato de inauguração do aeroporto de Cruz.

O voo é operado por um Boeing 737-800 aos sábados, saindo do Aeroporto de Congonhas (SP), às 10h30min, e chegando a Jericoacoara às 14 horas. Sai de Jericoacoara às 14h30min, chegando a Congonhas, às 18 horas. A CVC, bom lembrar, freta esses voos.

(Foto – Divulgação)