Blog do Eliomar

Categorias para Brasil

Livro aborda a tragédia da Boate Kiss

Será nesta quina-feira, às 19 horas, na sede do Sindicato dos Jornalistas, a sessão de autógrafos do livro Guerreiros de Santa Maria, de autoria do escritor e jornalista Paulinho Oliveira.
A publicação aborda a Tragédia de Santa Maria (o incêndio na Boate Kiss, em Santa Maria – RS, no dia 27 de janeiro de 2013, que matou 242 pessoas e feriu outras 600) e a luta dos guerreiros (pais, parentes e amigos das vítimas fatais, bem como os sobreviventes da tragédia) para vencer seus traumas e por justiça.
Paulinho Oliveira, para escrever o livro, fez pesquisas em órgãos de imprensa e conversou com quem teve contato direto com a tragédia, inclusive pessoalmente, quando visitou Santa Maria em agosto de 2013. Em 1º de maio de 2014, o livro foi lançado oficialmente na Feira do Livro de Santa Maria.
SERVIÇO
*Sindicato dos Jornalistas do Ceará – Rua Joaquim Sá, 545, Dionísio Torres.
(Foto – Divulgação)

Fortaleza é sede do I Seminário Jovens Lideranças e a Nova Favela

Rapper MVBILL está na programação do evento.

Fortaleza será sede, nesta quarta e quinta-feira, do I Seminário Jovens Lideranças e a Nova Favela: Novos Desafios para a Promoção da Saúde. O evento é resultado da preocupação da Frente de Assistência à Criança Carente (FAAC) e Central Única de Favelas (Cufa) com a saúde da juventude e a formação dos quadros técnicos para o atendimento desse público.

Com apoio da Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS/OMS0 e Secretaria de Gestão do Trabalho e Educação na Saúde (SGTES), o seminário objetiva formar jovens lideranças das favelas em agentes de promoção da saúde, bem como a construção de produtos e tecnologias sociais para organização e mobilização da comunidade e dos trabalhadores dessa área.

Com um formato diferenciado, o evento acontecerá por meio de dois eixos principais de construção: (1) formação e qualificação de quadros da saúde e (2) intervenção comunitária (integrando a arte e a cultura das favelas ao debate da saúde). Além desses dois eixos, exibirá o documentário “Vida sem fronteira”, gravado nos estados do Piauí, Maranhão e Ceará, sobre o Programa Mais Médicos. Contará também com atrações culturais na programação.

Convidados

*Renato Meirelles – Presidente do Instituto Locomotiva. Pesquisador, Escritor e Fundador do Data Favela e do Data Popular.
*MVBILL – é um rapper, ator , escritor e ativista brasileiro.
*Raull Santiago – morador do Complexo do Alemão e integrante do coletivo de comunicação independente Papo Reto. É ativista de lutas pela garantia de direitos para a favela e coordena o projeto #MOVIMETOS sobre Política de Drogas.
*Nathália Oliveira da Silva – Socióloga. É colaboradora da ONG Centro de Convivência É de Lei, exerce advocacia para o Instituto Terra Trabalho e Cidadania no projeto Gênero e Drogas e também coordena a Iniciativa Negra por Uma Nova Política de Drogas.

Vem aí o V Fórum Brasil – África

Vem aí o V Fórum Brasil – África, uma realização do Instituto Brasil África, cuja sede é em Fortaleza. O encontro ocorrerá nos dias 23 e 24 de novembro próximo, em São Paulo, sob a coordenação do presidente do Instituto, professor Bosco Monte.

O tema do evento será “Inovação e Tecnologia”, com a abertura do fórum a cargo do ministro da Ciência, Tecnologia, Comunicações e Inovação, Gilberto Kassab.

Nesta terça-feira, Bosco Monte mantém uma série de contatos em Brasília. Um dos quais com o Fundo Internacional para o Desenvolvimento Agrícola (Fida), organismo das Nações Unidas.

(Foto – Paulo MOska)

Concurso Nacional quer revelar Novos Poetas

Estão abertas, até 5 de setembro próximo, as inscrições para o Concurso Nacional Novos Poetas, o Prêmio CNNP 2017. Podem participar do certame todos os brasileiros natos ou naturalizados, maiores de 16 anos. Cada candidato pode inscrever-se com até dois poemas de sua autoria, com texto em língua portuguesa.

O tema é livre, assim como o gênero lírico escolhido. Serão 250 poemas classificados. A classificação dos poemas resultará no livro Prêmio CNNP 2017. Antologia Poética. O certame está entre os mais destacados concursos literários da língua portuguesa.

SERVIÇO

*Inscrições gratuitas.

*Até 5 de setembro pelo site: www.cnnp.com.br

Só há cidade criativa caso existam pessoas criativas

Com o título “Cidades criativas”, eis artigo do superintendente estadual do Sebrae, Joaquim Cartaxo. No texto ele diz que só há cidade criativa caso existam pessoas criativas, caso exista a cidadania criativa.” Confira:

Uma cidade criativa, nas palavras do inglês Charles Landry, criador do termo, é um lugar onde as pessoas podem se expressar e crescer, e onde o poder de decisão e planejamento são compartilhados entre os cidadãos. Complementando este conceito, a pesquisadora brasileira Ana Carla Fonseca, define cidades criativas como aquelas que se caracterizam por processos contínuos de inovação, das mais diversas ordens. Estas se baseiam em conexões (de ideias, pessoas, regiões, intra e extraurbanas, com o mundo, entre público e privado, entre áreas de saber) e têm na cultura (identidade, fluxo de produção, circulação e consumo, infraestrutura, ambiente) grande fonte de criatividade e diferencial social, econômico e urbano.

Ou seja, só há cidade criativa caso existam pessoas criativas, caso exista a cidadania criativa. A cidade material suporta a cidade imaterial, e tanto uma como a outra são produzidas pelas pessoas a partir de seus propósitos objetivos e subjetivos. Tais propósitos são culturais, pois resultam das visões de mundo individual e coletiva de cada pessoa; propósitos que conformam o modelo de cidadania que hegemoniza o arranjo político cultural que agregou novo padrão de complexidade resultante da inter-relação empresa-mercado-produto-consumo-cultura.

Novo padrão em que os atributos tecnicistas não são predominantes, pois precisam ser compartilhados com fatores emotivos, estéticos, psicológicos que influenciam a personalidade do consumidor de bens e serviços. Isso confere à cidade criativa um caráter de ambiente vivo, que se nutre do empreendedorismo individual e, de modo mais amplo, da inteligência cidadã coletiva.

Aos agentes públicos e privados, cabe o papel de ajudar a criar condições de fomento para este ambiente criativo e a conversão desta criatividade em oportunidades de negócios e melhorias para o território e, consequentemente, para a vida das pessoas que nele residem.

*Joaquim Cartaxo

cartaxojoaquim@bol.com.br

Arquiteto urbanista e superintendente do Sebrae/Ceará.

Governo do Ceará vai lançar programa na área das startups

O secretário de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior do Estado, Inácio Arruda, fecha nesta terça-feira, durante reunião na pasta, detalhes de um programa estadual que dará incentivos ao setor das startups (incubadoras de tecnologia).

Segundo Inácio, o lançamento desse programa será feito, ainda neste semestre, pelo governador Camilo Santana (PT). Na ação, a participação de organismos da área de tecnologia e universidades.

 

Deputado cearense quer proibir uso de imagens de celular dentro do carro para multar

O deputado federal Vaidon Oliveira (DEM), aquele que era vereador e assumiu o lugar de Moroni Torgan, apresentou um projeto de lei para que o Código de Trânsito Brasileiro proíba o uso de imagens internas do carro para multar passageiros.

Na justificativa da proposta, Vaidon afirma claramente que o objetivo, ao resguardar o direito à privacidade, é evitar multas de motoristas que estejam mexendo no celular.

(Foto – Câmara Municipal de Fortaleza)

Padre Airton Freire dará palestra em Fortaleza

Padre Airton Freire, que comanda os projetos sociais desenvolvidos pela Fundação Terra, dará mais uma palestra em Fortaleza, a partir das 20 horas desta quinta-feira, no Teatro RioMar. O objetivo é arrecadar fundos para a entidade.

A palestra será a segunda da série “Virtudes Cardeais: Prudência”, que vai se estender até o final deste ano. Também serão abordadas as virtudes Temperança e Justiça, enquanto a Fortaleza foi tema de evento realizado em abril.

No Ceará, a Fundação Terra conta com uma unidade em Maracanaú (Região Metropolitana de Fortaleza), com vários serviços para a comunidade do bairro Alto Alegre II, como uma creche e os projetos Bebês e Mães da Terra (assistência médica, pré-natal, enxoval), entre outros. Além de possuir anexo à unidade a Capela Nossa Senhora da Conceição.

SERVIÇO

*Os ingressos já estão à venda na bilheteria do Teatro RioMar Fortaleza no valor único de R$ 50,00.

*Endereço – Rua Lauro Nogueira, 1500. Piso L3 – Papicu.

*Horários de Funcionamento: De terça a sábado, das 12 às 21 horas – Domingos e feriados, das 14 às 20 horas.

Juiz do DF determina suspensão do decreto que elevou tributos sobre combustíveis

357 1

A suspensão imediata do decreto publicada na semana passada pelo governo Temer e que elevou a alíquota de PIS/Cofins que incide sobre a gasolina, o diesel e o etanol. Eis o que determinou, nesta terça-feira, o juiz substituto Renato Borelli, da 20ª Vara Federal de Brasília.

O reajuste entrou em vigor na última sexta (21) e, de acordo com o governo, a tributação sobre a gasolina subiu R$ 0,41 por litro. Com isso, a tributação mais que dobrou e passou a custar aos motoristas R$ 0,89 para cada litro de gasolina, se levada em consideração também a incidência da Cide, que é de R$ 0,10 por litro.

Já a tributação sobre o diesel subiu em R$ 0,21 e ficou em R$ 0,46 por litro do combustível. Já a tributação sobre o etanol subiu R$ 0,20 por litro.

Renato Borelli questiona, na decisão, o fato de o governo ter elevado a tributação sobre os combustíveis via decreto. Ele observa em sua decisão que “o instrumento legislativo adequado à criação e à majoração do tributo é, sem exceção, a Lei, não se prestando a tais objetivos outras espécies legislativas.” O governo federal promete recorrer.

Eleição sem Lula é fraude?

Com o título “Eleição sem Lula é fraude”, eis artigo do vereador petista Guilherme Sampaio. “A resistente popularidade de Lula, mesmo injustiçado por uma sentença de caráter político e persecutório e sob ininterrupto ataque à sua reputação, é uma prova concreta da capacidade de discernimento da população acerca desse fenômeno”, diz o texto. Confira:

Basta percorrer a história política do País para constatar que, em todas as vezes que o tema da corrupção dominou a agenda, no Congresso e na mídia, esta escolha veio a serviço de desestabilizar lideranças de grande apelo popular, cujos governos foram marcados pelo fortalecimento do projeto nacional.

Em vez de representar saltos civilizatórios na ética pública, esta agenda efêmera foi logo esquecida quando o poder era retomado. Foi assim com Getúlio, Jango, Juscelino e, agora, com Lula e Dilma Rousseff.

A rápida desmoralização do governo golpista, cujos objetivos foram escancaradamente elencados no diálogo grampeado entre Romero Jucá e Sergio Machado (em que os dois descrevem o roteiro político para barrar o avanço da Lava Jato), é a prova cabal de que as oligarquias, mais uma vez, recorrem ao velho expediente.

Como explicar que os mesmos que tiraram Dilma pelas tais “pedaladas” agora mantenham no poder o já denunciado e moribundo Temer? Neste momento, fica ainda mais claro que o discurso anticorrupção bradado por tantos durante votação do impeachment não passava de mais um golpe.

Mas o dilema dos golpistas de hoje é que instituições republicanas como a Polícia Federal e o Ministério Público ganharam autonomia nos governos Lula e Dilma e, com isso, o prosseguimento dos processos, inevitavelmente, vai desvelando a verdade: a histórica corrupção das elites nacionais, essa, sim, fartamente escandalosa.

A resistente popularidade de Lula, mesmo injustiçado por uma sentença de caráter político e persecutório e sob ininterrupto ataque à sua reputação, é uma prova concreta da capacidade de discernimento da população acerca desse fenômeno.

Ética na política é, antes de tudo, o resguardo da escolha popular como base essencial de legitimação de um entre os diversos projetos políticos e seus líderes. O combate à corrupção deve ser apenas uma decorrência usual e eficaz dessa escolha, sobretudo pelo fortalecimento das instituições de fiscalização e investigação. Quando instrumentalizado a serviço de interesses políticos, como demonstra a história, serve apenas para encobrir uma corrupção ainda mais profunda e grave. Por isso, eleições sem Lula serão nada mais nada menos do que uma fraude.

*Guilherme Sampaio

guilherme13234@gmail.com

Vereador de Fortaleza (PT)

Fábio Lima, repórter fotográfico do O POVO, é selecionado em publicação nacional

O repórter fotográfico Fábio Lima, do O POVO, é um dos 116 profissionais que compõem o livro O Melhor do Fotojornalismo Brasileiro – Edição 2017. A publicação, única dedicada exclusivamente à área no País, será lançada nesta terça-feira, em São Paulo.

Das três fotos enviadas por Fábio aos curadores do livro, a escolhida foi a de um registro do show da veterana banda britânica Iron Maiden em Fortaleza, realizado em março de 2016, para um público de 25 mil pessoas na Arena Castelão.

“Foi feita no início do show, só tínhamos as três primeiras músicas para fotografar. Mas foi a realização de um sonho fotografar a banda de heavy metal que eu curtia desde a adolescência. A minha banda preferida! E a seleção foi a consolidação de tudo isso”, revela o fotógrafo, que enxerga na publicação uma projeção para fora do Estado. “Eu já conhecia o livro e sei que é importante, pois me coloca no cenário nacional”.

A edição 2016/2017 de O Melhor do Fotojornalismo Brasileiro reúne 242 fotografias de um total de 700 enviadas por profissionais de norte a sul do Brasil. Dentre os temas abordados, imagens marcantes, como o impeachment da presidente Dilma Rousseff, os desdobramentos da Operação Lava Jato, os Jogos Olímpicos de 2016, o acidente com o time da Chapecoense, entre outros fatos que servem, sobretudo, como documentos da história contemporânea do Brasil.

Fábio Lima foi, recentemente, um dos vencedores da edição 2017 do Prêmio Banco do Nordeste de Jornalismo em Desenvolvimento Regional (categoria Nacional Iconografia) por trabalho do caderno especial “À Espera de Francisco”, publicado em maio no O POVO.

SERVIÇO

O Melhor do Fotojornalismo Brasileiro pode ser adquirido no site da Editora Europa (www.europanet.com.br) por R$ 99,00.

Mais de 500 servidores federais já foram banidos por corrupção em um ano

De julho de 2016 a junho deste ano, 510 servidores da ativa e aposentados foram banidos da administração pública federal por participação em atos de corrupção, segundo levantamento do Ministério da Transparência e Fiscalização. A informação é da Veja Online.

O intervalo temporal praticamente coincide com o primeiro ano de Michel Temer no comando do Palácio do Planalto. Ele assumiu o posto em meados de maio de 2016.

O número, se comparado ao registrado no mesmo período anterior, indica que o senso comum é preciso: entra governo, sai governo, a turma continua mordendo um quinhão dos cofres públicos.

Entre julho de 2015 e junho de 2016 – nesses 12 meses, em 11 deles o país estava sob a batuta de Dilma Rousseff – 528 funcionários públicos perderam a boquinha no serviço público federal em consequência de “malfeitos”, como dizia a petista.

Justiça Federal do Ceará manda leiloar veículos e joias apreendidos em processos criminais

O juiz federal Danilo Fontenelle Sampaio, titular da 11ª Vara Federal do Ceará, determinou que fossem leiloados veículos e joias apreendidos em processos criminais. Entre os veículos, estão Hilux, Land Rover, Corolla 2015 e outros. Os lances poderão ser feitos eletronicamente até o próximo dia 14 de agosto.

A decisão está prevista nos artigos 120,122,123 e 133 do Código de Processo Penal, bem como a Resolução nº 70 do CNJ – Conselho Nacional de Justiça e o valor arrecadado será depositado em conta judicial vinculada ao processo, e lá permanecerá até a sua finalização.

A hasta será realizada por leiloeiro público oficial Silvio Cesar Maraschi Jucec, nº 020, devidamente habilitado por meio de Leilão Eletrônico, conforme Resolução nº 70 do CNJ, que observa ampla divulgação e transparência. Podem participar maiores de 18 anos inscritos no Cadastro Nacional de Pessoa Física / Jurídica (CPF / CNPJ), após efetuar cadastramento e habilitação.

SERVIÇO

*Os leilões serão realizados pelo site aqui.

Copom inicia reunião para definir taxa de juros

O Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central (BC) inicia hoje (25), em Brasília, a quinta reunião do ano para definir a taxa básica de juros, a Selic. Instituições financeiras, consultadas pelo BC, esperam que a Selic seja reduzida em 1 ponto percentual caindo para 9,25% ao ano.

Hoje, pela manhã, o presidente do BC, Ilan Goldfajn, e diretores do banco analisam o mercado. À tarde, é feita a análise de conjuntura. Amanhã (26), à tarde, no segundo dia de reunião, após estudo da perspectiva para a inflação e das alternativas para a Selic, a diretoria do BC define a taxa. A decisão será anunciada às 18h. Para o mercado financeiro, a Selic continuará a ser reduzida em 2017, encerrando o período em 8% ao ano.

A taxa Selic vem sendo diminuída desde outubro do ano passado, quando passou de 14,25% para 14% ao ano. Em novembro, houve mais um corte de 0,25 ponto percentual, seguido por reduções de 0,75 ponto percentual em janeiro e em fevereiro. O Copom acelerou o ritmo de cortes para 1 ponto percentual nas reuniões de abril e maio. Atualmente, a taxa está em 10,25% ao ano.

Com o aumento dos tributos sobre combustíveis, o mercado financeiro aumentou levemente a projeção para a inflação, após sete reduções seguidas. Entretanto, a projeção para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) continua abaixo do centro da meta a ser perseguida pelo BC, que é 4,5%. Para o mercado financeiro, a inflação vai encerrar 2017 em 3,33%.

(Agência Brasil)

“Se quer fazer política, tem que ter vida modesta; se for rico, é ladrão”, diz Geraldo Alckmin

 

O governador Geraldo Alckmin, um dos presidenciáveis do PSDB, disse, nesta terça-feira, em entrevista à Rádio Jornal, do Recife, que “nenhum cristão deve se alegrar com a condenação de outras pessoas”. Referfiu-se ao caso do ex-presidente Lula, condenado pelo juiz federal Sergio Moro por corrupção passiva e lavagem de dinheiro no caso do tríplex.

Geraldo Alckmin chegou a dizer que todo político deve procurar ter vida “modesta”, chegando a observar: “Ouvi do meu pai que se quiser fazer política. tem que ter vida pessoal modesta, porque se for rico é ladrão!” E prosseguiu: “Imagine se um cidadão qualquer consegue acumular R$ 9 milhões só para um programa de previdência privada…mas não sou eu que devo dar essas explicações”, alfinetou o tucano.

Alckim disse ainda que não se pode comemorar a sentença de ninguém. “Não me alegra nada disso”, referiu-se ao caso de Lula, ressaltando, no entanto, que o fundamental é o País ter instituições fortes. Nesse sentido, o Brasil está dando exemplo através da Lava Jato”, concluiu.

(Foto – Hélvio Romero – Estadão)

Se condenado, Lula pode ser beneficiado por brecha na Lei da Ficha Limpa

Se for condenado em segunda instância no caso do tríplex, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) pode recorrer a cortes superiores para garantir sua candidatura na eleição de 2018. A informação é da Folha de S. Paulo desta terça-feira.

A Lei da Ficha Limpa impede que candidatos condenados por órgão colegiados (formados por grupos) sejam candidatos, mas um de seus artigos deixa uma abertura.

Ele estabelece que os tribunais superiores, a pedido dos réus, podem suspender a inelegibilidade de candidatos já condenados na Justiça.

Seria uma espécie de liminar concedida na campanha.

Filho de Jair Bolsonaro quer tornar comunismo crime

Um projeto de lei do deputado Eduardo Bolsonaro (PSC-SP) quer criminalizar o comunismo. A proposta, apresentada no ano passado, tem o objetivo de alterar as Leis Antirracismo e Antiterrorismo para punir quem fizer “apologia” do regime, com penas que podem chegar a até 30 anos de reclusão. O texto está parado na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara desde junho de 2016, sem prazo para ser apreciado.

No projeto, Eduardo Bolsonaro, filho do presidenciávelJair Bolsonaro (PSC), relaciona os regimes comunistas e o nazismo. “O comunismo é tão nefasto quanto o nazismo e, se já reconhecemos em nosso ordenamento jurídico a objeção ao segundo, devemos também fazê-lo em relação ao primeiro”, diz ele na justificativa.

Eduardo também tenta justificar, no documento, crimes de tortura praticados durante a ditadura.

(Com Agências/Foto – Agência Câmara)

PF deflagra operação para prender pedófilos em 14 Estados. O Ceará está na lista

A Polícia Federal deflagrou, na manhã desta terça-feira, a segunda fase de uma megaoperação para combater a exploração sexual de crianças e o compartilhamento de pornografia infantil na internet. A Operação Glasnost envolve cerca de 350 agentes federais, que vão cumprir 72 mandados de busca e apreensão, três de prisão preventiva e outros dois de condução coercitiva em 51 cidades nos Estados de Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Goiás, Ceará, Pernambuco, Bahia, Maranhão, Piauí, Pará e Sergipe.

A ação desta terça é um desdobramento da primeira fase da operação, deflagrada em novembro de 2013, quando foram cumpridos 80 mandados de busca e prisão e realizadas 30 prisões em flagrante por posse de pornografia infantil.

Não ocasião, foram ainda identificados e presos diversos abusadores sexuais, bem como resgatadas vítimas, com idades entre cinco e nove anos. Os suspeitos foram identificados a partir do monitoramento de um site russo, que era utilizado como uma espécie de “ponto de encontro” de pedófilos em todo o mundo. Brasileiros e estrangeiros compartilhavam pornografia infantil por meio do site.

Também foram encontradas muitas crianças vítimas de abuso. Os suspeitos produziam e armazenavam fotos e vídeos de crianças, adolescentes e até bebês, muitos deles sendo abusados sexualmente por adultos, e as enviavam para contatos no Brasil e no exterior.

Anteriormente à ação desta segunda, os policiais federais já haviam cumprido medidas urgentes em cidades como Osasco (SP), Presidente Prudente (SP), Porto Alegre (RS), Vila Velha (ES), Jundiaí (SP), Praia Grande (SP), Campo Grande (MS) e Cachoeira do Itapemirim (ES) para identificar casos concretos de abusos sexuais contra crianças. Também foram presos os abusadores e identificadas as vítimas dos abusos.

OPERAÇÃO GLASNOST – O nome faz uma referência ao termo russo que significa transparência. A palavra foi escolhida porque a maior parte dos investigados utilizava servidores russos para a divulgação de imagens de menores na internet e para realizar contatos com outros pedófilos ao redor do mundo.

(Com Folhapress)