Blog do Eliomar

Categorias para Brasil

Produção industrial do Ceará recua -0,3% entre setembro e outubro deste ano

A produção industrial recuou em 11 dos 14 locais pesquisados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) na passagem de setembro para outubro deste ano, segundo dados da Pesquisa Industrial Mensal – Produção Física Regional. A maior queda foi em Minas Gerais (-7,6%).

Outros locais que tiveram uma redução mais acentuada do que a média nacional (-1,1%) foram Pará (-4,2%), Goiás (-3%), Amazonas (-2,5%), São Paulo (-2,4%), Santa Catarina (-2,1%) e Região Nordeste (-1,2%).Outros áreas com recuo na produção foram Rio Grande do Sul (-1%), Espírito Santo (-0,6%), Ceará (-0,3%) e Bahia (-0,3%).

Apenas três estados tiveram aumento na produção industrial: Rio de Janeiro (3,4%), Paraná (2,7%) e Pernambuco (1,5%).

Redução em 13 locais

Nos demais tipos de comparação, o IBGE também analisa o desempenho da indústria em Mato Grosso. Na comparação com outubro de 2015, 13 locais tiveram queda, com destaque para Mato Grosso, com redução de 21,6%. Apenas dois locais acusaram alta: Rio de Janeiro (5,7%) e Pará (2,4%).

No acumulado do ano, 14 locais tiveram queda, com destaque para o Espírito Santo (-21,6%). Apenas o estado do Pará teve alta (9,3%). No acumulado de 12 meses, 13 estados tiveram queda, com destaque para Espírito Santo (-21,2%), e dois registraram aumento: Pará (7,8%) e Mato Grosso (0,1%).

(Agência Brasil)

Que Papai Noel se enquadra no seu bolso?

papai-noel-amigo

O Natal no Ceará promete ser de muitas “lembrancinhas” mesmo. Pelo menos é o que estima uma pesquisa da Federação do Comércio do Estado (Fecomércio) que informa: 48,35 dos cearenses dizem que vão às compras. Mas esses consumidores não deverão extrapolar nas contas.

O comércio vem reforçando promoções de todo tipo para tentar aquecer as vendas natalinas. A CDL de Fortaleza, por exemplo, já disse que o Papai Noel, que está aguardando, virá no modelito “fitness”.

A Confederação Nacional dos Dirigentes Lojistas (CNDL), através do seu presidente, o cearense Honório Pinheiro, estima um Papai Noel diet, enquanto o também cearense José do Egito, presidente da Associação Brasileira dos Distribuidores e Atacadistas (Abad), aposta num Papai Noel “light”.

VAMOS NÓS – Estamos no Natal da liseira mesmo.

Policia Civil do Rio anuncia paralisação

A corda está esticando cada vez mais na maior crise financeira da história do Rio de Janeiro. Em uma assembleia que acabou tarde da noite de ontem, policiais civis decidiram paralisar as atividades das 8 às 20 horas na próxima segunda-feira. Delegados e agentes estarão na porta da Alerj mais uma vez.

Ficou decidido também que, caso algumas das medidas do chamado ‘pacote de maldades’ seja aprovada na votação do dia 12, a categoria vai aderir ao movimento de greve geral que está nascendo.

(Veja Online)

Presidente da Faec vai entregar documento a Temer

[embedyt] http://www.youtube.com/watch?v=BlbaLX58HAY[/embedyt]

O presidente da Federação da Agricultura do Ceará, Flávio Saboya, vai aproveitar a visita que o presidente Temer fará, nesta tarde de sexta-feira, à sede do BNB, para entregar um documento.

No conteúdo, apelo para que os produtores rurais com dívidas contraídas entre 2012 e 2016 tenham também abatimento como ocorreu com produtores de outras regiões.

Temer anuncia em Pernambuco R$ 42 milhões para a Transposição

tmemer

O presidente Michel Temer disse hoje (9), durante visita a Pernambuco, que seu sonho em dois anos de governo é conseguir derrotar as crises hídricas pelas quais costuma passar a região, concluindo a transposição do Rio São Francisco. Ele concedeu entrevista à Rádio Jornal de Pernambuco, pouco antes de chegar a Jucazinho.

Durante a manhã, Temer visita duas frentes de obras ligadas à transposição do São Francisco, em Pernambuco. A primeira, localizada no município de Surubim, onde cumpre agenda na barragem de Jucazinho; a segunda na estação de bombeamento, em Salgueiro. Durante as visitas, ele anunciou R$ 12 milhões em investimentos na primeira fase da obra da barragem de Jucazinho, e R$ 33,7 milhões para a construção de uma adutora emergencial que interligará o Sistema Siriji aos sistemas integrados Palmeirinha e Jucazinho.

A obra na Barragem Jucazinho integra o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) e será executada em duas etapas. A primeira, feita pelo Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (Dnocs), será de ações emergenciais, o que inclui recuperação e reforço das estruturas. De acordo com o Ministério da Integração Nacional, ela deve ser concluída até junho de 2017.

Localizados em Floresta (PE), no Eixo Leste do Projeto de Integração do Rio São Francisco, o Reservatório de Salgueiro, está com 95,6% de execução operacional. “Posso dizer, com quase segurança, que o trecho leste da transposição será inaugurado até fevereiro ou março no mais tardar. E o trecho norte no primeiro semestre”, disse Temer na entrevista à Rádio Jornal.

À tarde, o presidente viajará para Fortaleza (CE), onde participa de cerimônia em que serão regulamentadas as condições de implementação da Lei 13.340, que permite a liquidação de dívidas de crédito rural.

(Agência Brasil)

Tudo pronto para o “Jogo da Amizade”

wesley-safadao-no-maracana-sucesso

Da Coluna Layout, da jornalista Joelma Leal, no O POVO desta sexta-feira:

O Jogo da Amizade será próxima quarta-feira, 14, às 20 horas, na Arena Castelão. O evento vai reunir atletas, comentaristas, músicos e humoristas a fim de arrecadar donativos a serem doados a instituições. Zico, Leo Santana e Tirulipa estão entre os nomes listados para o jogo entre os times dos Amigos do Safadão (cantor Wesley Safadão) e os Amigos do Osvaldo (jogador do Fluminense).

Neste ano, a jornalista Roberta Fontelles Philomeno será uma das embaixadoras e, em parceria com O POVO, movimentará camarotes com shows de Ivo Brown, Banda Acaiaca e Guto Ribeiro.

Para assistir à partida na arquibancada basta levar duas latas de leite em pó e quem for ao camarote pode adquirir o ingresso por R$ 70 ou R$ 50 + duas latas de leite em pó. O que for arrecadado será doado à Santa Casa de Misericórdia.

Os pontos de venda para adquirir as camisas dos camarotes Roberta Fontelles e O POVO são Decorart Conceito, Evidencia Collection, Farmácias Evidence, Patisserie Sablé Diamant, Salão Djiane Sucoski Beauty Lounge e Maison Tentacion (rua Leonardo Mota), a partir de amanhã, 11. Além disso, os participantes que postarem fotos no Instagram com a #amigosdopovo terão a foto publicada em uma galeria no O POVO Online.

Brasil tem um exército de quase 60 milhões devedores

O total de inadimplentes no país atingiu 58,5 milhões, em novembro último, o equivalente a 39% da população adulta brasileira. Esse número é 0,69% maior do que em novembro do ano passado, representando a entrada de um milhão de pessoas no período de um ano na lista de negativados. Apesar de elevada, a lista recebeu menos devedores do que entre 2014 e 2015, quando foram incorporadas dois milhões de pessoas.

Os dados são do indicador do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL). Em nota, o presidente da confederação, Honório Pinheiro, atribuiu o resultado ao crédito mais rigoroso e aos efeitos do desaquecimento da economia. Para ele, não se trata de uma melhoria de cenário, mas de um comportamento de cautela do consumidor em assumir compromissos financeiros, e da dificuldade em obter financiamento.

“Se, por um lado, a recessão dificulta a capacidade de pagamento dos consumidores, em virtude do desemprego e da inflação alta, por outro, a maior restrição ao crédito, com juros ainda elevados e critérios de concessão mais seletivos, acaba impondo limites ao endividamento por parte dos brasileiros”, afirmou Pinheiro.

A maior parte dos devedores em atraso está na região Sudeste (24,2 milhões) ou 37,37% da população adulta nessa região. O segundo maior volume foi constatado no Nordeste (15,8 milhões) ou 38,82% da população adulta dessa região, seguido pelo Sul (8,1 milhões), equivalente a 36,41% da população adulta regional; Norte (5,4 milhões) ou 46,42% da população adulta regional e Centro- Oeste (5 milhões) ou 44,12% da população adulta regional.

De acordo com perfil de idade, prevalecem os devedores entre 30 e 39 anos. Na lista de inadimplentes, 49,59% ou 16,9 milhões estão nessa faixa etária. Já a participação dos jovens entre 25 e 29 anos é de 47,12%; entre 40 e 49 anos, de 46,32% e entre 65 a 84 anos, de 29,44%.

(Agência Brasil)

Grupo de José Guimarães vai discutir cenários nacional e estadual

guimaraess

O deputado federal José Nobe Guimarães (PT) está convocando correligionários e militantes para uma plenária que realizará neste sábado, a partir das 8h30min, no Hotel Oásis Atlântico.

Embora seja uma plenária do seu mandato, Guimarães vai colocar em discussão a atual situação do PT no Estado e debater ainda conjuntura nacional.

Há um outro tema que deve entrar em discussão: a relação de Guimarães e seu grupo com o governador Camilo Santana que, da última eleição para cá, dizem alguns setores petista, não tem sido mais aquela de amigos para sempre.

(Foto – Paulo MOska)

Custo da construção civil do País acumula alta de 6,18% nos últimos 12 meses

O Índice Nacional da Construção Civil (Sinapi), que mede a inflação do setor no país, teve aumento de 0,1% no custo do metro quadrado em novembro, bem abaixo do 0,64% de outubro. O Sinapi, calculado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), acumula taxa de 6,18% em 12 meses.

O custo nacional da construção, por metro quadrado, subiu de R$ 1.021,25 em outubro para R$ 1.022,26 em novembro. A mão de obra teve inflação de 0,27%, passando a custar R$ 491,08 por metro quadrado. Os materiais de construção tiveram deflação (queda de preços) de 0,06%, passando a custar R$ 531,18 por metro quadrado.

Quinze das 27 unidades da Federação tiveram aumento do custo da construção em novembro, com destaque para Pernambuco (2,47%). Doze unidades da Federação tiveram queda de custo, com destaque para o Pará (-0,38%) e Minas Gerais (-0,32%).

(Agência Brasil)

Inflação oficial acumulada em 12 meses chega a 6,99%

inflacao (1)

A inflação oficial, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), ficou em 0,18% em novembro deste ano, abaixo do 0,26% do mês anterior. Essa também é a menor taxa para meses de novembro desde 1998. Em 12 meses, o IPCA acumula taxa de 6,99%, bem abaixo dos 7,87% registrados em outubro.

A taxa acumulada em 12 meses continua acima do teto da meta de inflação do governo federal, que é 6,5%. Apesar disso, é a menor taxa desde dezembro de 2014 (6,41%).

No acumulado do ano, a taxa é de 5,97%, segundo dados divulgados hoje (9) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

(Agência Brasil)

Por falar em Reforma da Providência, valha-me, Santa Providência!

Com o título “Além da expectativa de vida”, eis tópico da Coluna Política que o jornalista Érico Firmo assina, nesta sexta-feira, no O POVO. Ele, como muitos jovens, já está preocupado com os rumos da sua aposentadoria. Confira:

A reforma proposta pelo governo de Michel Temer (PMDB) pretende estabelecer idade mínima de 65 anos para aposentadoria. Isso hoje. Mas, há um gatilho que fará essa idade aumentar conforme cresça a expectativa de vida. Quem entra hoje no mercado, caso as regras sejam aprovadas, deverá ter idade mínima entre 67 e 68 anos.

Mas, não é só. É preciso tempo mínimo de contribuição de 25 anos. Mas, quem contribuir por esse período não tem direito ao benefício integral pago pelo INSS.

Receberá 76%. O percentual aumenta gradualmente conforme o tempo de contribuição. Para se aposentar com aposentadoria integral paga pelo INSS, de até R$ 5.189,82, é necessário contribuir por 49 anos. Ou seja, para se aposentar com salário integral aos 65 anos, o trabalhador precisará ter começado a trabalhar aos 16 anos e, desde então, contribuir de forma ininterrupta com o INSS.

Este colunista estava fazendo os cálculos. Comecei a contribuir com o INSS logo após me formar, aos 22 anos. Para ter direito à aposentadoria integral, precisarei trabalhar até os 71 anos. A expectativa média de vida do homem cearense, segundo o IBGE divulgou na semana passada, é de 69 anos.

Mas, como falei, o pior não são essas mudanças. Ruim mesmo é a certeza de que essas regras ainda irão mudar muito até 2053, quando poderei me aposentar, conforme as regras propostas. Não há direito adquirido para quem contribui, respeito a contratos, coisa nenhuma. Segurança jurídica é luxo que a economia brasileira só reserva aos investidores. Para quem trabalha, não há receio em retirar direitos consagrados e alterar as normas vigentes. A regra é a incerteza.

Fiec antecipa almoço com Camilo para receber Temer

foto beto studart e marcos holanda

Beto Studart e o presidente do BNB recepcionarão Temer.

O almoço do governador Camilo Santana (PT) com o empresariado, na sede da Federação das Indústrias do Estado, nesta sexta-feira, começará meio-dia. Foi antecipado em meia hora pela direção da entidade em razão da visita do presidente Temer ao Ceará.

A cúpula da Fiec e demais autoridades como o presidente do Banco do Nordeste, Marcos Holanda, vão estar na Base Aérea de Fortaleza para recepcionar o presidente e acompanha-lo na solenidade em que ele, na sede do BNB, no Passaré, assinará decreto anistiando 85% das dívidas dos agricultores rurais do Nordeste que sofreram prejuízos por causa da seca.

Nesse almoço, o governador fará um balanço de suas atividades neste 2017. Não deve falar sobre o pacote de ajuste fiscal que finaliza como forma de evitar desequilíbrio nas finanças do Estado.

Temer deve passar ao largo dos potestos em Fortaleza

temer-miuchel

Um forte esquema de segurança foi montado no entorno do Centro Administrativo do BNB, no bairro Passaré, onde o presidente Temer deverá cumprir agenda nesta tarde de sexta-feira, em Fortaleza. Tudo para evitar protestos.

O Movimento Povo Sem Medo convocou militantes, via redes sociais, para protestar contra um governo impopular e sem legitimidade. Alguns movimentos sociais prometem, ao longo desta sexta-feira, também fazer seu protesto.

Temer passará ao largo de tudo isso. Quem estiver no auditório do BNB para a solenidade em que ele assinará anistia das dívidas dos agricultores rurais do Nordeste, também será monitorado, segundo fontes do banco.

Odebrecht delata Caixa 2 em dinheiro vivo para Alckmin

SP - ALCKMIN/TEMER - POLÍTICA - O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB)(e), recebe o vice-presidente da República, Michel Temer(PMDB), no Palácio dos Bandeirantes, na zona sul da capital paulista, nesta quinta-feira (06).  06/01/2011 - Foto: NELSON ANTOINE/FOTO ARENA/AE

Em seu acordo de delação premiada, a Odebrecht informou ter pago caixa dois em dinheiro vivo para as campanhas de 2010 e 2014 do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB). Executivos da empreiteira mencionam duas pessoas próximas ao governador como as intermediárias dos repasses e afirmam que não chegaram a discutir o assunto diretamente com Alckmin. O valor de R$ 2 milhões em espécie foi repassado ao empresário Adhemar Ribeiro, irmão da primeira-dama, Lu Alckmin. A entrega do recurso teria ocorrido no escritório de Ribeiro, na capital paulista. As informações são da Folha de S.Paulo.

“Em 2014, o caixa dois para a campanha de reeleição de Alckmin teve como um dos operadores, segundo a empreiteira, o hoje secretário de Planejamento do governo paulista, Marcos Monteiro, político de confiança do governador. Na época das negociações dos recursos, ele seria chamado de “MM” pelos funcionários da Odebrecht. A Folha não obteve os valores que teriam sido pagos na campanha para a reeleição.

Um dos executivos que delataram o caixa dois é Carlos Armando Paschoal, o CAP, ex-diretor da Odebrecht em São Paulo e um dos responsáveis por negociar doações eleitorais para políticos. CAP, como é conhecido, também fez afirmações sobre o suposto repasse, revelado pela Folha, de R$ 23 milhões via caixa dois para a campanha presidencial de 2010 do atual ministro das Relações Exteriores, José Serra (PSDB).

Dados do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) indicam que não há doações diretas da Odebrecht à conta da candidatura de Alckmin em 2010 e 2014. O tribunal registra, em 2010, apenas uma doação oficial de R$ 100 mil da Braskem, braço petroquímico da empreiteira, à direção do PSDB em São Paulo.”

(Folha e Site SP 247)

No dia em que Temer visita o Ceará, empresários cobram obras da Transposição do São Francisco

Neste dia em que o presidente Michel Temer visitará o Ceará, pela primeira vez nessa condição, as entidades do setor produtivo do Estado e a Assembleia Legislativa divulgam, nos jornais, uma nota cobrando celeridade nas obras da transposição do rio São Francisco,, no eixo Norte, que beneficiará os cearenses, hoje em situação de crise hídrica.

Além da Assembleia Legislativa (Frente Parlamentar do São Francisco), assinam a nota a CDL Fortaleza, FCDL, Associação Comercial do Ceará (ACC), Federação da Agricultura do Estado (Faec), Sistema Fecomercio, AJE Fortaleza, Fajece, Facic e o Sistema Fiec.

alrrr

Reservatórios das hidrelétricas do Nordeste devem chegar a 17% no fim do ano

O nível dos reservatórios das hidrelétricas da Região Nordeste deve começar a se recuperar com o início do período chuvoso e chegar 17,1% até o fim do mês. A previsão é do Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico (CMSE), que se reuniu hoje (8), em Brasília. Atualmente, o nível dos reservatórios na região está em 11,22% e no fim do ano passado chegou a 5,15%.

Além do aumento de chuvas na região, contribui para a recuperação dos reservatórios a redução da vazão mínima da barragem de Sobradinho (BA), no Rio São Francisco, para 750 metros cúbicos por segundo (m³/s), que começou a ser adotada no fim de novembro. Segundo o comitê, na próxima semana serão apresentados os resultados finais do teste de redução e, a partir daí, deverá ser avaliado se é possível reduzir a vazão para 700 m³/s. Em Sobradinho, o nível do reservatório está atualmente em 7,48% de sua capacidade máxima de armazenamento e a expectativa é que até o fim do ano esse índice chegue a 13,1%.

Também foi recomendada a redução gradual da vazão defluente da Usina Hidrelétrica Três Marias, também no Rio São Francisco, de 280 m³/s para 165 m³/s, patamar que foi alcançado no dia 3 de dezembro. De acordo com o comitê, novas reduções poderão ser avaliadas na barragem, com o objetivo de estocar o maior volume possível de água no reservatório da usina

Segundo o comitê, o risco de déficit de energia em 2016 é zero para os subsistemas Sudeste/Centro-Oeste e Nordeste. Já para 2017, estes riscos são de 0,9% e 0,1%, para estes subsistemas, respectivamente. A margem de risco considerada tolerável pelo governo é de 5%.

(Agência Brasil)

Magno Alves lançará livro biográfico em Fortaleza

capalivro

O atacante Magno Alves vai lançar, às 17 horas da próxima terça-feira, em Fortaleza, livro contando um pouco de sua trajetória de vida. O ato ocorrerá na loja Sou Mais Ceará, situada no bairro Aldeota. Magno Alves, com especulações de que poderá retornar ao clube alvinegro, nada fala sobre o assunto.

Escrito por Gustavo Penna, o livro “Magno Alves – O menino de Aporá que se tornou um dos maiores artilheiros da história” já foi lançado na sede do Fluminense, no Rio. Magno era menino pobre no interior da Bahia e se transformou no terceiro maior artilheiro em atividade hoje no futebol mundial.

SERVIÇO

*Loja Sou Mais Ceará – Avenida Barão de Studart, 1501, Aldeota.

Lei das Telecomunicações – Sanção deve sair em 10 dias

O ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Gilberto Kassab, disse hoje (8), no Rio de Janeiro, que o texto da Lei Geral de Telecomunicações, aprovado pelo Senado no dia 6, será enviado até quarta-feira (14) para sanção presidencial, que ele espera será concedida nos próximos dez dias.

Kassab participou da 3ª Conferência Nacional de Produtores e Usuários de Informações Estatísticas, Geográficas e Ambientais (Infoplan), dentro das comemorações de 80 anos do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Ele disse que a ideia é fazer uma reunião com o presidente Temer, para que possam ser debatidos problemas do setor de telecomunicações e, logo depois, em encontro aberto, deverá ocorrer a sanção do projeto.

O ministro considerou a nova lei “um marco na história das telecomunicações”. Ele avaliou que a lei geral anterior foi “revolucionária e proporcionou ao Brasil transformações imensas das telecomunicações, fazendo com que o setor fosse o que mais se desenvolveu no país nos últimos 30 anos”. Kassab disse que foi em função desse crescimento acentuado que a antiga lei se tornou obsoleta e houve a necessidade de uma atualização. “É um consenso”. Ele destacou que não houve uma única crítica à aprovação da lei, que foi debatida em profundidade tanto na Câmara como no Senado. “O Senado abriu mão de emendá-la para que ela [a lei] pudesse ter celeridade e uma aprovação rápida”.

Segundo Kassab, essa é a razão de o setor, que representa 6% do Produto Interno Bruto (PIB, soma das riquezas produzidas em um país) brasileiro, estar confiante em relação ao futuro e otimista na retomada dos investimentos. “Nós estamos falando, para os próximos dez anos, de aproximadamente R$ 50 bilhões que serão investidos”.

O ministro desvinculou a aceleração da aprovação da nova lei geral a qualquer tipo de influência gerada pela situação de dificuldade e dívidas da operadora de telefonia Oi, que está em recuperação judicial. “Se não tivesse a lei, seria muito ruim para todos, inclusive para a OI e seus atuais controladores. Tendo a lei, será positivo para todos, inclusive para os atuais controladores da Oi e, se mudar o controle, também para os futuros”. Kassab disse que a discussão sobre a nova lei começou muito antes de a operadora apresentar problemas.

Tendo em vista o aconselhamento feito pelo ministério, Kassab estimou que não haverá nenhum veto presidencial à nova lei. “Até porque nós participamos da discussão”.

Sobre a participação do grupo do empresário Nelson Tanure no conselho de administração da Oi, o ministro informou que o assunto está sendo analisado pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

(Agência Brasil)

Artur Bruno teve um dia de professor na CPPL IV

brunr

Bruno ministrou aulas e incentivou o grupo.

Artur Bruno, secretário estadual do Meio Ambiente, e o vereador Evaldo Lima (PCdoB) voltaram à sala de aula nesta quinta-feira, pela manhã. Eles foram ministrar aula especial para pessoas privadas de liberdade na Casa de Privação Provisória de Liberdade Agente Elias Alves da Silva (CPPL IV). A ordem era não só dar aula, mas estimular grupo que se prepara para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

O objetivo das aulas preparatórias bancadas pela Secretaria da Justiça e Cidadania do Estado e Secretaria da Educação do Estado é treinar os inscritos nas áreas de Ciências Humanas, Ciências da Natureza, Matemática, Linguagens e Códigos e Redação.

A prova do Enem PPL será realizada para os internos nos dias 13 e 14 de dezembro. O crescimento da adesão ao Enem pelos internos passou de 58 unidades em 2015 para 62 em 2016. Os inscritos somaram 1.382. No ano passado, a Sejus alcançou um recorde de aprovados na seleção. Foram 11 selecionados no Sistema de Seleção Unificada (Sisu) e outros 18 conquistaram bolsas de gratuidade no Programa Universidade para Todos (ProUni). A cada 12 horas de aulas, um dia é reduzido na condenação.

(Foto – Divulgação)

Líder do PSDB assumirá no lugar de Geddel, mas pasta ganhará novas atribuições

aeciei

O líder do PSDB na Câmara, Antonio Imbassahy (BA), vai assumir a Secretaria de Governo no lugar de Geddel Veira. O anúncio do tucano para a pasta, que será reformulada com o ganho de novas atribuições, deverá ocorrer até no máximo a segunda-feira. A troca na Secretaria de Governo foi antecipada pela Coluna do Estadão e em reportagens do Broadcast Político, serviço de notícias em tempo real do Grupo Estado.

Geddel Vieira Lima, amigo de Temer, pediu demissão há duas semanas após ser acusado pelo ex-ministro da Cultura Marcelo Calero de ter pressionado para rever uma decisão que embargava um empreendimento imobiliário em que o ex-titular da Secretaria de Governo tinha cargo.

A ampliação do espaço do PSDB – que receberá o quarto ministério na Esplanada dos Ministérios – visa a aumentar o protagonismo do partido nas decisões de governo, inclusive com a busca de ações de reanimação para a economia brasileira.

Em sua nova configuração, a pasta vai cuidar, além da articulação com a base aliada, da interlocução com os Estados, atualmente concentrada no Ministério da Fazenda. Esse desenho pode contemplar, conforme as negociações, debate por questões gerais como renegociação das dívidas, empréstimos de entes federados com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e assuntos referentes a royalties.

A nova secretaria também deverá assumir a relação direta com movimentos sociais, papel que no governo do PT era realizado pelo ex-ministro Gilberto Carvalho na extinta Secretaria-Geral da Presidência. Nas conversas também ficou acertado que a estrutura do Ministério de Micro e Pequenas Empresas, que foi extinto, será inserida dentro da nova pasta.