Blog do Eliomar

Categorias para Brasil

Repórter fotográfico do O POVO ganha prêmio

lixo-1A

Foto premiada

A terceira edição do Prêmio MPT de Jornalismo premiou seus vencedores, dentre os 32 finalistas, na noite desta quinta-feira, 1°, em cerimônia ocorrida em Brasília. Entre eles, Fábio Lima, repórter fotográfico do O POVO, selecionado regionalmente na categoria Fotojornalismo.

No especial do O POVO “O sustento que se tira do lixão”, publicado no Dia do Trabalho (1° de maio), Fábio Lima e Ana Mary Cavalcante percorreram “(des)caminhos do lixo, para procurar o humano em meio aos restos e aos bichos”. A série de reportagens seguiu do aterro sanitário de Pacajus, na Região Metropolitana de Fortaleza, até as cooperativas de reciclagem.

Cobertura jornalística do impeachment deu mais audiência do que a Rio 2016

71 1

“A cobertura do impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff e da posse do presidente Michel Temer, na quarta-feira (31), alcançou 35,1 milhões de brasileiros na televisão aberta. Os dados fazem parte do painel de medição de audiência da consultoria GfK.
Publicidade

A análise considerou todos os programas que se enquadram no gênero jornalismo. O número foi maior do que a média alcançada por estes programas nas últimas quartas-feiras, durante a cobertura das Olimpíadas (33,2 milhões).

Já o primeiro pronunciamento oficial de Michel Temer como presidente do Brasil foi visto por 18 milhões de pessoas. Isso significa que 72% do total de pessoas que estavam assistindo à TV nesta faixa horária sintonizaram na transmissão durante pelo menos 1 minuto.”

(Veja Online)

Na China, Temer minimiza decisão que manteve direitos de Dilma

chinan

Um dia depois de ser empossado presidente da República, Michel Temer chegou à China no final da noite desta quinta-feira para seu primeiro encontro internacional como presidente do Brasil. Temer desembarcou em Xangai junto com o presidente do Senado, Renan Calheiros, e o ministro de Relações Exteriores, José Serra.

Temer afirmou, em seu primeiro compromisso em Xangai, que a opção por manter a ex-presidente Dilma Rousseff habilitada para ocupar cargos públicos não foi uma manobra, mas “uma decisão que se tomou”.

— Não se tratou de uma manobra, tratou-se de uma decisão que se tomou. Desde o começo, ainda como interino, digo sempre que aguardo respeitosamente a decisão do Senado Federal. Se o Senado tomou essa decisão, certa, errada, não importa, o Senado tomou a decisão — disse, durante encerramento de um seminário que reuniu empresários dos dois países.

(Com Agências)

ONS descarta falta de energia no Nordeste, apesar do clima de estiagem

“O Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) informou hoje (1º), em reunião do Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico (CMSE), que não há risco de faltar energia no Nordeste, mesmo com os baixos níveis de armazenamento na Bacia do Rio São Francisco, problema causado pela falta de chuvas na região. Segundo o ONS, as demais alternativas oferecidas pelo Sistema Interligado Nacional garantem o suprimento de energia na região.

Mesmo assim, o comitê informou que a Companhia Hidrelétrica do São Francisco (Chesf) já pediu a redução do volume de água que sai da Usina Hidrelétrica de Sobradinho, na Bahia, em direção ao rio.

O pedido para reduzir a vazão dos atuais 800 metros cúbicos por segundo (m³/s) para 700 m³/s foi feito à Agência Nacional de Águas (ANA) e ao Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais e Renováveis (Ibama), que estão avaliando a questão. O Ministério de Minas e Energia também encaminhou o tema análise na Casa Civil “dado seu caráter interministerial”. A redução é necessária para que o volume de água na barragem não chegue a 0, o que prejudicaria a geração de energia na região. No entanto, a redução pode prejudicar a captação de água para a população, além de outras questões como a irrigação e a navegabilidade do rio.

“Apesar de não haver riscos para o abastecimento energético, o setor elétrico vem utilizando seu arcabouço técnico sobre a hidrologia para sugerir aos órgãos competentes ações de gestão dos recursos hídricos armazenados nas usinas hidrelétricas, devido ao impacto que a situação pode causar no abastecimento de água”, explicou o CMSE, em nota, após reunião realizada em Brasília. Atualmente, o reservatório de Sobradinho está em 14,6% de sua capacidade máxima de armazenamento, mas a expectativa do ONS é que o nível chegue a 4,5% no fim de novembro.

Durante a reunião, o Ministério de Minas e Energia apresentou os resultados da operação do sistema elétrico durante os Jogos Olímpicos Rio 2016. “As medidas operativas e de segurança no fornecimento de energia foram exitosas, não havendo ocorrência no sistema elétrico que afetasse as competições e o fornecimento de energia às instalações olímpicas”, diz a nota do comitê. A Empresa de Pesquisa Energética (EPE) apresentou a expectativa de crescimento do consumo total de eletricidade para o período entre 2016 e 2020, que está estimada em 4% ao ano.”

(Agência Brasil)

Eunício vai reforçar postura de cabo eleitoral em várias campanhas do PMDB e aliados

[embedyt] http://www.youtube.com/watch?v=7ro4-VmLKAE[/embedyt]

O líder do PMDB no Senado, Eunício Oliveira, entrou na campanha dos candidatos do seu partido e aliados por meio de depoimentos via redes sociais. Ele gravou o primeiro depoimento para o candidato Dr. Ildsser, em Lavras da Mangabeira.

Esse tipo de estratégia de Eunício Oliveira deve se repetir em outras campanhas, segundo sua assessoria.

A ordem é aproveitar a força política obtida por Eunício, a partir da chegada ao poder de Michel Temer.

PSDB, DEM e PPS entram no STF contra manutenção dos direitos políticos de Dilma Rousseff

cassiocunha

“O líder do PSDB no Senado, Cássio Cunha Lima (PB), anunciou hoje (1º) que o partido voltou atrás e decidiu ingressar com um mandado de segurança coletivo no Supremo Tribunal Federal contra a divisão da votação do impeachment da presidenta afastada Dilma Rousseff ontem (31). O instrumento jurídico será assinado também pelo DEM e pelo PPS e deve ser apresentado amanhã (2).

Ontem, os senadores dividiram a votação do julgamento de Dilma em duas partes. Na primeira, condenaram a presidenta por crime de responsabilidade à perda do mandato. Na segunda, rejeitaram a sanção de perda da função pública por oito anos, permitindo que Dilma volte a atuar no setor público, inclusive como gestora, se for o caso.

Para os senadores tucanos, a segunda decisão do Senado não poderia ter sido aprovada, uma vez que a sanção de perda da função pública faz parte da condenação no impeachment. No entanto, ontem, segundo Cunha Lima, o PSDB e o DEM tinham entendido que a vitória maior tinha sido conquistada com o afastamento definitivo de Dilma e tinham decidido não questionar a segunda votação no STF.

Resposta ao PT

Hoje, no entanto, os senadores mudaram de posição depois que o PT acionou a Suprema Corte questionando todo o julgamento e pedindo sua nulidade. Para Cunha Lima, se tornou necessário que o questionamento apenas à segunda parte da votação seja apresentado para que o Judiciário possa apreciar essa questão separadamente e não corra o risco de anular tudo.

“Ontem, no calor, na emoção, a sensação primeira que foi predominante no partido foi de termos uma postura de serenidade, não transformar uma vitória em uma derrota e dar uma contribuição para uma estabilidade maior no país. Mas, diante dessa ação do PT, acreditamos que seja o caminho correto entrar com a ação para que essa parte da decisão, que está equivocada, possa ser revista”, explicou o líder.

Relação com PMDB

O líder tucano também não escondeu o desconforto do PSDB com o protagonismo do presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), no movimento para livrar Dilma da sanção de perda da função pública. Para ele, “ficou claro” que um acordo foi feito “às escondidas”, sem que os senadores tucanos tivessem conhecimento.

“O que aconteceu ontem é algo que nós vamos superar, mas não é algo que nos agrade. É óbvio que com maturidade, experiência e sobretudo com a gravidade da crise que o Brasil vive, nós não vamos colocar mais lenha na fogueira. Após a volta do senador Renan Calheiros da China, nós teremos uma conversa com ele. Não se faz política com bola nas costas, não se faz política com atitudes como a que aconteceu no julgamento do impeachment”, disse.

Na opinião de Cunha Lima, Renan desequilibrou o julgamento quando fez um encaminhamento inesperado a favor da ex-presidente na segunda votação. Para ele, o PSDB se expôs ao longo de toda a votação e foi surpreendido negativamente pelo PMDB.

“Nós não podemos atribuir ao governo esta ação, mas sim ao próprio presidente Renan Calheiros que encaminhou a votação. Ele esteve esse tempo todo distante do processo, numa posição de prudência, mas depois dos encaminhamentos já terem ocorrido, ele fez um terceiro encaminhamento. Inclusive, desequilibrando. Porque foram dois a favor, dois contra e aí veio o presidente Renan, que usou suas prerrogativas de presidente e encaminhou o voto. Ele pediu explicitamente o voto não. Mas não vamos fazer disso um cavalo de batalha, o Brasil está acima disso”, disse.

Cunha Lima espera que, ao voltar da China, o próprio presidente Michel Temer trate do assunto com seus colegas de partido e outros partidos da base. No início da noite, o senador PMDB, Romero Jucá (RO), informou que também vai subscrever o mandado de segurança.”

(Agência Brasil)

Gilmar Mendes define como “algo bizarro” divisão do julgamento de Dilma Rousseff

gilmar

“O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) e presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Gilmar Mendes, classificou como algo “bizarro” a decisão tomada pelos senadores de votar em separado a cassação do mandato de Dilma Rousseff e a manutenção de seus direitos políticos.

“O que se fez lá foi um DVS (destaque para votação em separado) não em relação à proposição que estava sendo votada, se fez um DVS em relação à Constituição, o que é, no mínimo, para ser bastante delicado, bizarro”, afirmou Mendes, após sessão no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), do qual é presidente.

Ontem (31), o Senado aprovou o impeachment de Dilma, mas em votação subsequente manteve seus direitos políticos, permitindo assim que a ex-presidenta ocupe cargos públicos e possa concorrer em eleições.

Para Mendes, a tese de penas autônomas adotada pelos senadores, que separou a perda de direitos políticos, pode até vir a se justificar do ponto de vista político, mas “não passa na prova dos nove do jardim de infância do direito constitucional”.

“Se as penas são autônomas, o Senado poderia ter aplicado à ex-presidente Dilma Rousseff a inabilitação, mantendo-a no cargo”, afirmou ele.

Mendes descartou que o caso Collor possa ser considerado como precedente para o impeachment de Dilma. À época, o então presidente renunciou antes que sua cassação fosse votada, motivo pelo qual os senadores decidiram deliberar somente pela sua perda de direitos políticos. Em uma decisão dividida, o plenário do STF depois considerou que a votação em separado estava de acordo com a Constituição.

O caso atual, entretanto, seria diferente, para Mendes. “O próprio texto constitucional não deixa dúvida”, afirmou o ministro. “Se há um texto que parece transparente seguro é esse, e nunca houve dúvida em relação a essa questão, a não ser naquele caso Collor, por conta daquela peculiaridade. Tanto que o tribunal ficou dividido”, acrescentou ele.

Questionado sobre a possiblidade de Dilma vir a se candidatar em futuras eleições, Mendes respondeu que “isso será discutido oportunamente, se ela se apresentar como candidata, na Justiça Eleitoral”.

(Agência Brasil)

Azul inicia venda de passagem para Orlando a partir de R$ 2.599,00 ou 71 mil pontos

azulll

Tarifas a partir de dez parcelas de R$ 259,90* ou 71.000 pontos do TudoAzul** para ida e volta já estão disponíveis para a mais nova rota internacional da Azul Linhas Aéreas Brasileiras, que ligará Recife e Orlando a partir de 7 de dezembro. A operação – exclusiva da companhia entre o Nordeste e a Flórida – está confirmada para as quartas-feiras e aos domingos com o Airbus A330, o maior da frota da Azul e a cabine mais moderna, confortável e tecnológica do mercado brasileiro.

A principal vantagem da operação da Azul será a conectividade para todo o Nordeste, graças ao acréscimo de voos da companhia no Recife neste ano e a consequente ampliação de conexões entre os estados nordestinos.

“Estamos muito contentes com este novo passo rumo ao início da primeira operação internacional da Azul a partir do Nordeste brasileiro. Tivemos a aprovação do voo em tempo recorde e agora esperamos uma alta procura por estas operações, que surpreenderão os Clientes pelo desempenho impecável de nossas equipes de solo e ar, a alta qualidade de nossas aeronaves e um serviço de bordo reconhecido”, destaca Antonoaldo Neves, presidente da Azul.

As conexões para Orlando por meio do aeroporto do Recife estarão disponíveis para os viajantes que decolam de Salvador, Fortaleza, Natal, Aracaju, Maceió, São Luís, João Pessoa, Teresina, Belém, Petrolina e São Paulo (Campinas e Guarulhos). Os clientes que partem destas cidades chegarão aos Estados Unidos com apenas uma parada na capital pernambucana, em horários convenientes que garantirão as melhores ligações entre o Nordeste e os Estados Unidos.

Vaticano canoniza Madre Teresa de Calcutá no domingo

madreteresa

O Vaticano vai canonizar neste domingo (4) a beata Madre Teresa de Calcutá, depois de ter reconhecido, após vários anos de investigação, a “cura extraordinária”, em 2008, de um engenheiro brasileiro com múltiplos tumores no cérebro.

As cerimônias de canonização, decretada pelo papa Francisco a 15 de março, vão decorrer na praça de São Pedro, a partir das 10h30min (5:30 em Brasília), um dia antes do 19.º aniversário da morte de Teresa de Calcutá, fundadora da Ordem das Missionárias da Caridade.

A aprovação pelo Papa do segundo milagre encerrou o processo que levou à beatificação em 19 de outubro de 2003, durante o pontificado de João Paulo II, para quem Teresa de Calcutá era a “incansável benfeitora da humanidade”.

A canonização equivale ao reconhecimento oficial pela Igreja de que a pessoa está no paraíso, sendo necessário que, depois da morte, esteja na origem de dois milagres, um para a beatificação e o segundo para a canonização, sinais da proximidade com Deus.

Ellen Chelsea – “A Pequena Notável”

212 1
ellen
Nesta quinta-feira, a partir das 20h30min, a cantora Ellen Chelsea fará show no tradicional Ponto de Luz – Bar e Restaurante, situado nas Dunas.
Ela promete um repertório prioritariamente nacional, com MPB, Bossa Nova e Samba.
Ellen Chelsea é uma das grandes revelações do momento na Capital cearense e já chegou, inclusive, a ser classificada para o The Voice.
SERVIÇO
*Ponto de luz Bar-Restaurante – Rua Coronel José Aurélio Câmara – Dunas, próximo ao La Maison Buffet.
*Mais Informações – (85) 3265.3388 / (85) 9 8740.8710

Reze para não precisar da ajuda de um telemarketing

Com o título “Mobilização Urbana”, eis artigo do advogado e professor Irapuan Diniz de Aguiar. Ele repudia a qualidade da prestação de serviço das pessoas que trabalham em operadoras de telefonia, bancos, cartão de crédito e outros. Confira:

Não vou me ater, nesta abordagem, a críticas às operadoras de telefonia, de cartões de crédito ou de atendimento bancário porquanto levaria páginas e páginas enumerando fatos e episódios já do conhecimento dos usuários destes serviços quando a eles recorrem seja para reclamar atrasos nas faturas, lançamentos indevidos e/ou para buscar uma simples orientação.

A despeito de ser este um drama vivenciado, no dia-a- dia, pela população, o que se evidencia, com muita clareza, é o despreparo profissional dos empregados que operam tais serviços os quais, culposa ou dolosamente, tal e qual “um papagaio”, limitam-se a repetir, tão somente, o “script” que lhe é repassado pelos dirigentes das empresas para as quais trabalham.

O que me move, diante dessa realidade, é denunciar a qualidade na prestação destes serviços ao povo, neles incluídos o de alguns órgãos públicos, eis que prestados com os olhos postos apenas no lucro, daí se privilegiar a aplicação de juros, multas e outros encargos, em detrimento do cumprimento de suas finalidades básicas e essenciais que são a de bem atender os usuários e/ou beneficiários. O signo econômico-financeiro é, por conseguinte, o guia orientador dos dirigentes de tais órgãos e entidades.

Um exemplo emblemático é o da mobilidade urbana. O conjunto automóvel-homem constitui-se num dos ícones da sociedade contemporânea. O cotidiano de todos nós é marcado pela presença demorada no trânsito e a maioria dos acontecimentos de nossas vidas está associada ao uso do carro e das vias públicas. Apesar disso, pela completa ausência de uma visão racional do grave problema, o que se vê é o direcionamento da fiscalização, quase que exclusivamente, para a aplicação de multas. Justamente por isso, esta rubrica orçamentária é,atualmente, uma das maiores fontes de receita dos órgãos de trânsito, seja estadual, municipal e/ou federal. O modelo adotado para a promoção de uma defesa de multas abusivamente aplicadas não permite o exercitamento do contraditório e da ampla defesa. Muito raramente as JARIs ou os CETRANs reformulam o que os equipamentos eletrônicos informam. Não há espaço para o exame das circunstâncias que determinaram o evento tido como infracional. Por que não disponibilizar, também, pelos meios eletrônicos, os espaços necessários para as defesas, evitando-se, assim, que o cidadão tenha que protocolizá-las nos órgãos de trânsito?

De outra parte, não se observa, sequer, a reversão dos valores arrecadados com as multas para a melhoria da sinalização das vias, para campanhas sistemáticas no rádio e na televisão voltadas para a educação, assim como a ausência dos agentes de trânsito nos locais de congestionamentos com vistas a orientar os guiadores e desafogar o tráfego. Parece que o principal é substituído pelo acessório, ou seja, vale mais multar do que orientar, ainda que que seja esta a atribuição básica do órgão.

*Irapuan Diniz Aguiar,

Advogado e Professor.

Seara das Ciências oferta cursos gratuitos para alunos da rede pública

“Estão abertas, até o próximo dia 6, as inscrições para os cursos básicos da Seara da Ciência, equipamento de divulgação científica e tecnológica da Universidade Federal do Ceará. os cursos são voltados para alunos de ensino médio da rede pública e englobam as áreas de Química, Física, Biologia, Matemática e Astronomia. As aulas terão início no dia 12 de setembro.

Com carga horária de 30 horas-aula, os cursos contam com as seguintes turmas e horários:

Química (25 vagas por turma): Turma 1 – terça e quinta-feira, das 8h30min às 11h30min; turma 2 – segunda e quarta-feira, das 14h às 17h;
Física (30 vagas por turma): Turma 1 – segunda e quarta-feira, das 8h30min às 11h30min; turma 2 – segunda e sexta-feira, das 14h às 17h;
Biologia (30 vagas por turma): Turma 1 – quinta e sexta-feira, das 8h30min às 11h30min; turma 2 – quarta e quinta-feira, das 14h às 17h;
Matemática (40 vagas por turma): Turma 1 – terça e sexta-feira, das 8h30min às 11h30min; turma 2 – segunda e sexta-feira, das 14h às 17h;
Astronomia (40 vagas): Turma única, terça e quinta-feira, das 14h às 17h.

Interessados podem se inscrever das 8h30min às 11h30min e das 14h às 17h, na Seara da Ciência (Rua Dr. Abdenago Rocha Lima, s/n, vizinho à entrada do Campus do Pici Prof. Prisco Bezerra pela Av. Humberto Monte). A inscrição será feita por ordem de chegada. É necessário apresentar, na ocasião, carteira de estudante ou declaração de matrícula da escola.

Alunos de escolas particulares também poderão se inscrever, mas somente nos dias 5 e 6 de setembro.

SERVIÇO

*Mais informações sobre os cursos são obtidas através do telefone (85) 3366 9245 ou pelo site da Seara da Ciência: www.seara.ufc.br.

(Site da UFC)

Dois cearenses estão na lista dos 70 mais ricos do País

amarilioooo

A lista de bilionários da revista Forbes Brasil de 2016 elenca 165 nomes, de fortunas individuais ou familiares.

Entre os 70 mais ricos do Brasil, estão dois cearenses: Consuelo Dias Branco e família, que ocupam a 15ª posição com fortuna estimada em R$ 12,2 bi; e Amarílio Macedo e família, que estão na posição nº 57ª, com fortuna estimada em R$ 3,52 bilhões.

Faturamento da indústria recuou 4,3% em julho

“A recessão que já se arrasta por 18 meses continua a fazer estragos no setor produtivo. O faturamento da indústria recuou 4,3% em julho na comparação com o mês anterior, segundo mostra o indicador divulgado nesta quinta (1º), pela Confederação Nacional das Indústrias (CNI). De janeiro a julho, o faturamento do setor teve queda de 12% em relação ao mesmo período do ano passado.
Publicidade

Já as horas trabalhadas na produção recuaram 0,2% em julho na comparação com junho. De janeiro a julho, a queda foi de 9,3% frente ao mesmo período do ano passado. A utilização da capacidade instalada, por sua vez, caiu para 76,9%. Trata-se do nível mais baixo desde 1999, quando a confederação iniciou a pesquisa.”

(Coluna Radar, da Veja Online)

PIS/Pasep – Governo prorroga até dezembro saque do abono salarial

“O governo ampliou mais uma vez o prazo para saque do abono salarial (ano-base 2014). A data limite era ontem (31), mas foi alterada para 31 de dezembro. A decisão de ampliar o prazo foi tomada durante reunião do Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT) presidida pelo ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira. O primeiro prazo havia vencido em 30 de junho e foi prorrogado até 31 de agosto. Quase 1 milhão de trabalhadores tem direito ao benefício do PIS/Pasep, ano-base 2014, no valor de R$ 880, informou o Ministério do Trabalho.

“Fizemos intensa campanha na mídia e nas entidades laborais e patronais e, até esta data, foram pelo menos 200 mil trabalhadores que sacaram o abono, após o prazo final de 30 de junho. Tenho certeza de que vamos alcançar uma boa fatia desse 1 milhão de trabalhadores que ainda não sacaram com a ampliação do prazo para o final do ano”, ressaltou o ministro por meio de sua assessoria.

Quem tem direito

Tem direito ao benefício os empregados que receberam de empregadores que contribuem para o Programa de Integração Social (PIS) ou para o Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep) até dois salários mínimos médios de remuneração mensal; tenham exercido atividade remunerada pelo menos durante 30 dias no ano-base 2014; estejam cadastrados há pelo menos cinco anos e que tenham sido informados corretamente na Relação Anual de Informação Social (Rais).

SERVIÇO

*Para saber se tem direito ao abono, o trabalhador deve ligar para o número 158, do Ministério do Trabalho. Também é possível obter informações na Caixa ou no Banco do Brasil, pelos números 0800 726 0207 e 0800 729 0001.

*Para consultar pela internet, é preciso acessar o site do Ministério do Trabalho e clicar no banner Abono Salarial, localizado na parte superior da tela.”

(Agência Brasil)

Impeachment mostrou que a democracia brasileira é sobeja e robusta

113 3

Com o título “Novos horizontes”, eis artigo do presidente estadual do PPS, Alexandre Pereira. Ele afirma que o impeachment mostrou que a democracia brasileira está firme e torce na perspectiva de que o novo Governo precisa avançar no plano econômico. Confira:

Com o fim do processo de impeachment, a grande lição que fica é de que é sobeja e robusta a jovem democracia brasileira. Não houve nenhuma ameaça institucional durante to o processo, sequer o mais minúsculo sinal de ruptura de qualquer tipo o que demonstra que estamos preparados para grandes embates públicos e para a correlação de forças mais acirrada possível. Se o destino quis, mais uma vez, testar a robustez de nossas instituições o resultado é que passamos no teste com grande louvor.

No entanto, é preciso que rapidamente o novo governo sinalize, e já o faz, principalmente para investidores externos mostrando o novo cenário, com segurança jurídica e estabilidade política reposicionando o Brasil no conjunto das nações potencialmente competitivas e prontas para dialogar. E, mais que isso, negociar com todos os blocos econômicos na perspectiva, sempre, do nosso soberano interesse nacional.

Há uma enorme expectativa da rápida retomada do crescimento industrial, do restauro dos investimentos e da geração de empregos que reintegrem ao mercado consumidor milhares de pessoas expurgadas da atividade econômica dos últimos meses. Os investidores estrangeiros estão de olho no Brasil, mais que isso, cobiçam o Brasil porque sabem da nossa pujança como mercado produtor e consumidor e sabem do potencial do nosso povo e das nossas riquezas naturais como plataforma impulsionadoras da produção e de crescimento.

Há uma boa perspectiva para a retomada do PIB já a partir de 2017 e isso em muito decorrerá da interlocução do novo governo com investidores externos. Nessa perspectiva o presidente Michel Temer tem se revelado eloquente e proativo, abrindo amplos e diversos canais com os diversos setores da economia. É absolutamente improvável que o ciclo de perdas no qual Brasil estava encerrado não seja agora estancado.

O Brasil certamente inicia um novo ciclo e, sem entrar no mérito do embate político natural ao processo do impeachment, o fato é que deixamos para trás uma agenda negativa, onde mazelas e fracassos dominavam as manchetes. Agora, iniciamos um novo ciclo, cuja moeda de troca será, mais uma vez, a esperança, e nela as cores que prevalecem são o verde e o amarelo sob o comando “Ordem e Progresso”.

O Brasil agradece essa nova chance de restauro da dignidade nacional com a volta do desenvolvimento e do pleno emprego, com a manutenção de investimentos sociais notadamente em educação, sem quebra da ordem institucional e com a plena segurança jurídica. Nesse sentido, governo e sociedade estão ombreados. Todos queremos o melhor para o nosso país.

*Alexandre Pereira, 

Presidente do PPS/CE e coordenador das Parcerias Público-Privadas da Prefeitura de Fortaleza.