Blog do Eliomar

Categorias para Brasil

Eunício quer votar Cartão Reforma ainda nesta terça-feira

O presidente do Congresso Nacional, senador Eunício Oliveira (PMDB), anunciou, durante reunião de líderes, nesta terça-feira, em Brasília, que vai buscar um acordo de plenário para votar, ainda hoje, a Medida Provisória (MP 751/16), que cria o Cartão Reforma. De acordo com senador, o benefício libera através do Cartão um valor de R$ 5 mil para que famílias de baixa renda possam comprar material de construção para reformar suas casas.

Para Eunício, esta é uma iniciativa relevante diante do cenário ainda persistente de crise econômica. “Além de auxiliar as famílias na realização do sonho de reformar e ampliar suas casas, ainda estimula setores econômicos como o da construção civil, gerando emprego e renda”, disse.

Durante a discussão da matéria no Congresso, o texto sofreu alterações, aumentando a faixa de renda das famílias a serem beneficiadas. Antes, poderiam requisitar o Cartão famílias com renda de até R$ 1,8 mil. Com a mudança da medida, estarão aptos aqueles com renda de até R$ 2,8 mil. Para confirmar essa ampliação, o Senado precisa aprovar o texto.

É importante observar que o valor de R$ 5 mil não é um financiamento e sim um benefício que não exigirá nenhum pagamento de prestação ou juros pelo uso do dinheiro. Como a Medida Provisória precisa passar por duas sessões de discussões, somente o acordo em plenário poderá viabilizar a análise do texto ainda nesta terça.

(Com Agência Senado)

Ministério da Saúde libera R$ 11 milhões para dois hospitais da Região do Cariri

O Ministério da Saúde está liberando, nesta terça-feira, recursos para dois hospitais cearenses: o Hospital Regional do Cariri, em Juazeiro do Norte, e o Hospital e Maternidade São Vicente de Paulo, que fica em Barbalha, nessa mesma região.

Para o HRC foram destinados R$ 600 mil, enquanto o Hospital e Maternidade receberá R$ 10,4 milhões.

Essas liberações chegam como um lenitivo para essas unidades hospitalares nestes tempos de aperto financeiro no setor da saúde do País. Na última quarta-feira, o presidente do Congresso, senador Eunício Oliveira, anunciou, em Juazeiro do Norte, essas liberações.

Fortaleza amanhecerá com música no próximo dia 28

No próximo dia 28, a partir das 7 horas, os terminais de ônibus, praças, calçadão da orla e mercados públicos de Fortaleza vão ser tomados por muita música. Quem estiver saindo para o trabalho, feira ou a escola poderá se deparar com um coral, um quarteto de cordas ou mesmo uma orquestra, transformando o ambiente sonoro da cidade e surpreendendo a população com recitais de música erudita e instrumental.

Esta é uma parte da programação do Festival Acordes do Amanhã, que acontece de 27 a 30 deste mês em nove cidades brasileiras. No Ceará, serão cinco cidades envolvidas no projeto, duas em Goiás, uma em Minas Gerais e no Rio Grande do Sul. Toda a programação é gratuita.

Artistas

O festival, em sua primeira edição, apresentará a música como instrumento potencial para transitar e transformar diferentes esferas sociais, ocupando e recriando lugares de uma cidade possível, caminhando para a descentralização do acesso à cultura. Em cena, os mais diversos grupos profissionais, de carreira consolidada na cena da música erudita e instrumental, como o Coral do IFCE, Quinteto de Metais da Universidade Federal da Bahia, Hugo D’Leon e Rômulo Santiago, em um duo de trompete e trombone, e o Jazz Cigano com Marcos Maia (violão), Lucas Araújo (violão), Paulo Leniuson (violino) e Marcelo Holanda (percussão).

Também participarão jovens estudantes de música de 18 instituições do país integrantes da Plataforma Sinfonia do Amanhã, tendo na arte uma ferramenta de transformação social, dando visibilidade aos trabalhos por elas desenvolvidos. No total, são mais de 1.000 artistas envolvidos em 130 apresentações musicais, das quais, 94 em Fortaleza.

DETALHE – Nesta quarta-feira (5), às 14 horas, acontecerá o lançamento para a imprensa do Festival Acordes do Amanhã. Na sede da ENEL – Rua Padre Valdevino, 150 – José Bonifácio).

Presidente do BC – Queda da taxa básica de juros provocará retomada do crescimento econômico

Tasso Jereissati (D) preside a audiência pública da CAE.

A redução da taxa básica de juros, a Selic, contribuirá para a retomada do crescimento econômico do Brasil, afirmou hoje (4) o presidente do Banco Central (BC), Ilan Goldfajn, em audiência pública na Comissão de Assuntos Econômicos do Senado, em Brasília.

“Do lado do Banco Central, continuaremos a trabalhar com persistência e serenidade. Estamos certos de que, em complementação a outros esforços do governo, a flexibilização da política monetária contribuirá para a retomada do crescimento. Quanto mais perseverarmos nas reformas e ajustes, mais rápida será a recuperação econômica, com geração de emprego e renda para os brasileiros”, disse.

Goldfajn afirmou que era importante fazer com que as projeções para a inflação ficassem na meta para então iniciar o corte dos juros. “Essa evidência também corrobora a necessidade de a política monetária primeiro ancorar as expectativas de inflação para depois iniciar o processo de flexibilização monetária. E não tentar o contrário, com resultados duvidosos”, destacou.

Meta inflacionária

A meta de inflação é de 4,5%, com limite inferior de 3% e superior de 6%. Na audiência, o presidente do Banco Central lembrou que a expectativa do mercado para a inflação ao final deste ano está em 4,1%. Para 2018, a projeção é de 4,5%.

“Com expectativas ancoradas, o Banco Central iniciou no final do ano passado um processo de flexibilização monetária sustentável. E há expectativa, por parte dos analistas de mercado, de flexibilização adicional no futuro”, acrescentou. Atualmente, a Selic está em 12,25% ao ano.

A Selic é um dos instrumentos usados para influenciar a atividade econômica e a inflação. Quando o Copom aumenta a Selic, a meta é conter a demanda aquecida, e isso gera reflexos nos preços, porque os juros mais altos encarecem o crédito e estimulam a poupança. Já quando o Copom diminui os juros básicos, a tendência é que o crédito fique mais barato, com incentivo à produção e ao consumo, reduzindo o controle sobre a inflação.

(Agência Brasil/Foto – Agência Senado)

Unicef comemora sanção de lei que protege direitos de crianças e adolescentes vítimas de violência

O Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) está comemorando a sanção, pelo presidente Michel Temer, do Projeto de Lei da Câmara 20/2017 (antigo 3792/2015), que estabelece procedimentos para que a escuta e o depoimento de crianças e adolescentes vítimas ou testemunhas de violência sejam colhidos pelos órgãos competentes.

A lei padroniza os procedimentos de escuta e de tomada de depoimento para garantir os direitos de crianças e adolescentes vítimas ou testemunhas de violência, o que evita a “revitimização”, que ocorre atualmente quando eles necessitam narrar os fatos diversas vezes. A “revitimização” de crianças e adolescentes é um dos fatores que podem contribuir para o aumento dos níveis de impunidade desses casos.

O projeto de lei é resultado de um processo de discussões realizado nos últimos três anos que envolveu parlamentares, juristas, especialistas da área de proteção aos direitos de crianças e adolescentes e da sociedade civil. O UNICEF informa que contribuiu com esse processo engajando atores e oferecendo assistência técnica para a elaboração do projeto de lei, em consonância com os padrões internacionais de direitos humanos.

O PLC 20/2017 ainda aprofunda e especifica direitos incluídos no Estatuto da Criança e do Adolescente. O artigo 5º do Estatuto dispõe que nenhuma criança ou adolescente será objeto de qualquer forma de negligência, discriminação, exploração, violência, crueldade e opressão – devendo ser punido, na forma da lei, qualquer atentado, por ação ou omissão, aos seus direitos fundamentais.

O Turismo da sustentabilidade

Com o título “Turismo inteligente”, eis artigo do superintendente estadual do Sebrae, Joaquim Cartaxo. Para ele, socioambientalmente, os turistas estão mais conscientes, no que força empreendedores a tocar projetos de qualidade na área e que observem a sustentabilidade. Confira:

Nas últimas seis décadas, o turismo se consolidou como um dos setores econômicos mais importantes do mundo. Em 2015, o Conselho Mundial de Viagens e Turismo divulgou que o setor representa 9,8% do PIB mundial. Ao mesmo tempo, os turistas estão cada vez mais exigentes quanto à oferta turística. Demandam mais qualidade dos serviços, se encontram hiperconectados e buscam “simplificação inteligente” das empresas nas atividades de reserva, passeios, formas de pagamento. Tal estado da arte impõe o constante e intenso aperfeiçoamento dos empreendedores.

Socioambientalmente, os turistas estão mais conscientes. Tratam de escolher destinos e vivências cuja gestão do negócio adota práticas sustentáveis, cuida do território, valoriza a cultura e respeita a comunidade local.

Esses são destinos geridos a partir do conceito de Destinos Turísticos Inteligentes (Smart Destination) que se fundamenta na governança participativa, na tecnologia e no desenvolvimento sustentável; que amplia a percepção de valor objetivo e subjetivo da natureza e da cultura do lugar, tanto dos turistas quanto da população local. É um conceito ganha-ganha.

Realizar projetos e ações do turismo inteligente é um desafio, uma ousadia no sentido de ampliar a participação qualificada das lideranças empresariais nas governanças do setor; criar o ambiente de negócios que facilite o funcionamento dos mesmos; aumentar a competitividade dos destinos turísticos; aproximar os elos da cadeia de valor; garantir a presença dos empreendimentos turísticos na economia digital; estimular o surgimento de novos modelos de negócio e soluções tecnológicas que atendam às necessidades das micro e pequenas empresas e dos destinos turísticos; oferecer experiências e vivências turísticas que encantem os viajantes; buscar conscientizar os empreendedores sobre a importância da sustentabilidade para que o destino turístico obtenha sucesso socioeconômico.

*Joaquim Cartaxo

cartaxojoaquim@bol.com.br

Arquiteto e superintendente de Sebrae Ceará.

TSE adia julgamento da chapa Dilma-Temer para o fim deste mês

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidiu hoje (4) adiar o julgamento da ação em que o PSDB pede a cassação da chapa Dilma-Temer, vencedora das eleições presidenciais de 2014. A sessão começou na manhã desta terça-feira, mas a maioria dos ministros aceitou o pedido feito pelos advogados da ex-presidenta Dilma Rousseff, que requereram prazo de mais cinco dias para apresentar defesa.

O prazo de cinco dias começará a contar após o fim dos novos depoimentos que foram autorizados na segunda parte da sessão. Assim, o julgamento deve ser retomado apenas a partir da última semana de abril, tendo em vista o feriado de Páscoa e viagens oficiais do presidente do tribunal, Gilmar Mendes, responsável pela condução dos trabalhos.

No início da sessão, Flávio Caetano, advogado de Dilma, alegou que precisava de mais cinco dias para analisar melhor o caso. Antes do julgamento, o relator do processo, ministro Herman Benjamin, concedeu prazo de 48 horas após o encerramento da fase de coleta de provas do processo para que os advogados apresentassem as defesas. O prazo está na legislação eleitoral.

A maioria do plenário, no entanto, derrotou o relator, que votou parcialmente a favor dos advogados. Ele concedeu três dias para novas alegações.

Benjamin foi contra o prazo de cinco dias por entender que o processo já tramita no TSE a quase dois anos e meio. Para o ministro, a concessão de mais prazo para defesa atrasaria o final do julgamento, que poderia terminar depois da conclusão do mandato de Temer. “Não é questão de dois dias a mais, três dias a mais. A ninguém deve se dar prazo maior do que o estabelecido na lei”, disse.

Votaram a favor da defesa de Dilma os ministros Napoleão Maia, Henrique Neves, Luciana Lóssio e o presidente, Gilmar Mendes. Luiz Fux acompanhou o relator. Os advogados do PSDB e o Ministério Público Eleitoral (MPE) também concordaram com o adiamento.

Novos depoimentos

Em uma segunda questão de ordem, Benjamin acatou pedido da defesa de Dilma Rousseff para que fosse ouvido o ex-ministro da Fazenda Guido Mantega, que teria sido citado por delatores da empreiteira Odebrecht como envolvido no recebimento de recursos não declarados.

O ministro também aceitou o pedido do Ministério Público para que sejam ouvidos também o marqueteiro de Dilma em 2014, João Santana, sua mulher, Mônica Moura, e André Santana, funcionário dela. Ele negou, no entanto, que fossem realizadas oitivas com os presidentes dos nove partidos que compunham a coligação de Dilma, conforme solicitado pelos advogados da ex-presidente.

“Nós não podemos transformar esse processo num universo sem fim, nós não podemos ouvir Adão e Eva e, possivelmente, a serpente”, disse Benjamin ao negar a oitiva dos presidentes dos partidos, que já se manifestaram por escrito na ação.

Os demais ministros do TSE acompanharam o relator, deferindo que fossem ouvidas as quatro novas testemunhas, mas negando as oitivas dos presidentes dos partidos, que somente para a ministra Luciana Lóssio deveriam ser ouvidos presencialmente.

(Agência Brasil)

Produção industrial pouco cresceu em fevereiro

A produção industrial brasileira ficou praticamente estagnada em fevereiro ao crescer 0,1% frente a janeiro, na série livre de influências sazonais, revertendo uma queda de 0,2% de janeiro. Com a ligeira alta, a indústria fechou o primeiro bimestre com alta acumulada de 0,3%.

Os dados foram divulgados hoje (4), no Rio de Janeiro, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e fazem parte da Pesquisa Industrial Mensal Produção Física Brasil (PIM – Brasil).

Eles indicam que, na série sem ajuste sazonal, no confronto com igual mês do ano anterior, a indústria teve queda de 0,8% em fevereiro, após avançar 1,4% em janeiro último. Neste caso, interrompendo 34 meses consecutivos de resultados negativos nesse tipo de comparação.

Recuo de 4,8%

Com o resultado de fevereiro, a taxa anualizada, indicador acumulado nos últimos doze meses, fechou o mês passado com recuo de 4,8% frente aos quatro meses imediatamente anteriores e manteve a redução no ritmo de queda iniciada em junho de 2016 (-9,7%).

O ligeiro aumento verificado em fevereiro reflete crescimento em três das quatro grandes categorias de uso e em 13 dos 24 ramos da indústria pesquisados pelo IBGE.

(Agência Brasil)

PF descobre novo crime para fraudar o IR

A Polícia Federal identificou uma nova modalidade de crime. Bandidos especializados em fraudar declarações de imposto de renda e a embolsar restituições superfaturadas estão usando documentos de terceiros e comprando linhas de telefonia móvel.

Por meio da internet disponível a essas linhas, eles enviam as declarações falsas à Receita. Como a operação é feita por celular, que está em nome de uma vítima e pode ser descartado a qualquer momento, a prática dificulta a identificação dos criminosos.

Além do erário, quem mais se prejudica nesse golpe é o sujeito cujo documento foi usado pelos bandidos, obviamente.

(Veja Online)

Ciro defende Acquario e lamenta que povo tenha que ficar ouvindo forró de quinta categoria

572 2

O ex-governador e pré-candidato a presidente da República, Ciro Gomes (PDT), destaque, nessa segunda-feira, das Páginas Azuis do O POVO, disse que o “baronato cearense” vai visitar os aquários de Nova York e de Lisboa, enquanto “o nosso povo que se ferre com esse pacto de mediocridade, tendo que ouvir forró de quinta categoria”.

Ciro é a favor do projeto Acquario do Ceará como fator de requalificação turística. O projeto, no entanto, está paradinho, aguardando financiamento de um parceiro privado.

O projeto foi uma das grandes obras prometidas por seu irmão, o ex-governador Cid Gomes (PDT).

Presidente do TST é a favor do fim do imposto sindical

320 2

A proposta do relator da reforma trabalhista, deputado Rogério Marinho (PSDB-RN), de acabar com a obrigatoriedade do imposto sindical, ainda divide o governo do presidente Michel Temer, mas tem o respaldo de representantes da Justiça do Trabalho, informa o jornal O Estado de São Paulo.

Em entrevista, o presidente do Tribunal Superior do Trabalho (TST), Ives Gandra Filho,  defendeu o fim do imposto sindical compulsório.

Atualmente, todo empregado com carteira assinada paga o tributo, independentemente de ser filiado a entidade de classe. O valor equivale a um dia de trabalho por ano.

Bolsonaro espera Lava Jato para decidir futuro político

Apesar de já ter conversado com o PRB, PR e PTN, Jair Bolsonaro espera o rolo compressor da Lava-Jato terminar para decidir qual será seu próximo partido.

A ideia dele, segundo informa a Coluna Radar, da Veja Online, é entrar numa sigla pequena, onde será mais fácil ter total controle sobre decisões partidárias, incluindo coligações.

Bolsonaro e os filhos se preparam para deixar o Partido Social Cristão após este apoiar o PC do B no Nordeste.

Taxistas fazem lobby pela aprovação de projeto que regulamenta aplicativos

Uma caravana de taxistas do Ceará vai se juntar, nesta terça-feira, a grupos de vários estados com o objetivo de pressionar pela aprovação do projeto de lei sobre a regulamentação dos serviços de transporte individual privado (PL 5587/16) . A matéria deve entrar em votação no Plenário da Câmara dos Deputados.

De autoria do deputado Carlos Zarattini (PT-SP), o PL 5587/16 permite que qualquer serviço de transporte de passageiros seja oferecido somente por meio de veículos que tenham a caixa luminosa externa com a palavra “táxi” e possuam taxímetro. Com isso, segundo a empresa Uber, uma das empresas que presta serviços de transporte agendados por meio de aplicativos, a proposta inviabilizaria sua atuação nos moldes existentes hoje.

Para Vicente de Paula Oliveira, presidente do Sinditaxi Ceará, esse é o melhor projeto para o setor, porque preserva empregos de quem paga impostos e sofre constante fiscalização dos órgãos públicos, ao contrário dos aplicativos.

(Foto – Paul MOska)

Vendas de carros e comerciais leves cresceram 38,86% em março, diz Fenabrave

As vendas de veículos no Brasil, considerando-se apenas os carros e comerciais leves (picapes e furgões), cresceram 38,86% no mês de março em comparação com fevereiro. No mês passado foram emplacadas 183.850 unidades. O dado é da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave). Em relação a março do ano passado, houve crescimento de 6,11%.

Para o presidente da Fenabrave, Alarico Assumpção Júnior, a alta no mês de março sofreu impacto dos cinco dias úteis a mais em relação a fevereiro mas, segundo ele, também demonstra sinais de recuperação. “Na comparação, em dias úteis, a variação diária, em março, foi positiva em 8,53%, o que demonstra uma sinalização positiva. Apesar da manutenção das incertezas políticas e econômicas do país, acreditamos que a curva de queda no acumulado deverá arrefecer para que possamos ter um crescimento moderado até o final deste ano”, disse.

Segundo balanço da federação, quando englobados os carros, comerciais leves, caminhões e ônibus, as vendas apresentaram alta de 5,5% na comparação com março de 2016 e de 39,43% em relação a fevereiro, com emplacamento de 189.143 unidades.

(Agência Brasil)

Gilmar Mendes – Julgamento da chapa Dilma-Temer levará em conta as crises econômica e política do País

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral, ministro Gilmar Mendes, afirmou, nessa segunda-feira, que as crises política e financeira do país serão levadas em conta na decisão que poderá cassar o mandato do presidente Michel Temer.

“É um julgamento complexo. E, certamente, o tribunal terá que fazer análise de toda ordem”, disse, em São Paulo, antes de iniciar uma aula inaugural na Faculdade IDP (Instituto Direito Público).

Gilmar Mendes é um dos proprietários da unidade educacional.

(Com Agências)

Imparh prorroga inscrições para seleção pública para diretores, coordenadores e gestores da saúde

O Instituto Municipal de Desenvolvimento de Recursos Humanos (Imparh) prorrogou, até o próximo domingo (9), o período de inscrições para a seleção pública destinada ao preenchimento de cargos de diretor-executivo de hospital, coordenador regional de saúde e gestor de Unidade de Atenção Primaria à Saúde (UAPS) da Rede Municipal da Saúde de Fortaleza. As inscrições são feitas, exclusivamente, pela internet. No total, são ofertadas 124 vagas.

De acordo com o edital de abertura, serão 109 vagas para o cargo de gestor de UAPS, 9 para o de diretor executivo de hospital e 6 para coordenador regional de saúde. Para não servidores, os vencimentos variam de R$ R$2.231,75 a R$ 3.548,21. Para servidores das esferas municipal, estadual ou federal, os vencimentos variam de R$1.280,79 a R$3.024,26. Podem participar do processo seletivo os interessados que possuam graduação em Administração e/ou em qualquer curso de nível superior na área da saúde, com experiência mínima de um ano em gestão pública e/ou privada.

A seleção terá duas etapas: a primeira, uma prova objetiva de caráter eliminatório, e a segunda uma entrevista, de caráter classificatório, apenas para os candidatos habilitados na primeira fase. A data prevista para aplicação da primeira etapa é 30 de abril.

SERVIÇO

*Para se inscrever, os interessados devem acessar o Canal de Concursos e Seleções da Prefeitura de Fortaleza até às 23 horas e 59 minutos do dia 9 e indicar seus RG e CPF. O boleto deverá ser pago obrigatoriamente até a data do vencimento. O valor da inscrição é de R$180,00.

Imposto de Renda 2017 – Quase 8 milhões de contribuintes já acertaram as contas com o “Leão”

Quase 8 milhões de contribuintes acertaram as contas com o Leão em 32 dias de entrega da Declaração do Imposto de Renda Pessoa Física 2017. Segundo balanço divulgado pela Receita Federal, 7.832.321 declarações foram recebidas até as 17 horas dessa segunda-feira (3). O número equivale a 27,7% do total de 28,3 milhões de documentos esperados.

O prazo de entrega começou em 2 de março e vai até as 23h59min do dia 28 deste mês. O programa gerador da declaração está disponível no site da Receita Federal. A declaração do Imposto de Renda é obrigatória para quem recebeu rendimentos tributáveis superiores a R$ 28.559,70 no ano passado.

Também deve declarar o Imposto de Renda quem recebeu rendimentos isentos, não tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte, cuja soma foi superior a R$ 40 mil; quem obteve, em qualquer mês de 2016, ganho de capital na alienação de bens ou direitos sujeito à incidência do imposto ou realizou operações em bolsas de valores, de mercadorias e de futuros.

Quando se trata de atividade rural, é obrigado a declarar o contribuinte com renda bruta superior a R$ 142.798,50; quem pretende compensar prejuízos do ano-calendário 2016 ou posteriores ou quem teve, em 31 de dezembro do ano passado, a posse ou propriedade de bens ou direitos, inclusive terra nua, com valor total superior a R$ 300 mil.

Mudanças

Este ano, a declaração do Imposto de Renda teve uma série de mudanças. As principais são a redução da idade mínima, de 14 para 12 anos, na apresentação do CPF de dependentes, e a incorporação do Receitanet, programa usado para transmitir a declaração, ao programa gerador do documento.

Restituição

A Receita Federal pagará a restituição do IRPF em sete lotes, entre junho e dezembro deste ano. O primeiro lote será pago em 16 de junho, o segundo em 17 de julho e o terceiro em 15 de agosto. O quarto, quinto e sexto lotes serão pagos, respectivamente, em 15 de setembro, 16 de outubro e 16 de novembro. O sétimo e último lote está previsto para ser pago em dezembro.

Ao fazer a declaração, o contribuinte deve indicar a agência e a conta bancária na qual deseja receber a restituição, caso tenha direito. Idosos, pessoas com deficiência física, mental ou doença grave têm prioridade para receber a restituição.

(Agência Brasil)

MP aciona Record e exige R$ 500 mil por apresentador ter chamado cantora de “macaca”

A Procuradoria da República do Distrito Federal entrou com uma ação civil pública contra a Rede Record, exigindo que a emissora desembolse R$ 500 mil para o fundo nacional de combate à discriminação e veicule campanhas educativas sobre o tema. O pleito do MP está relacionado ao episódio em que o apresentador da edição do “Balanço Geral” de Brasília, conhecido como Marcão do Povão, chamou a cantora Ludmilla de “pobre e macaca”.

O bizarro apresentador, que já foi demitido, disse a seguinte barbaridade no ar: ““É uma coisa que não dá para entender. Era pobre, macaca, pobre, mas pobre mesmo”.

Na petição enviada à Justiça Federal, o Ministério Público pleiteia que a emissora produza e veicule por dez dias consecutivos, no mesmo horário do programa, uma mensagem de repúdio a práticas discriminatórias, além do pagamento de meio milhão ao tal fundo.

O entendimento do MP é o de que a Record reconheceu o cometimento do crime em nota oficial à imprensa, na ocasião em que demitiu o tal Marcão e, como responsável pelo que exibe em sua grade, também deve ser penalizada. A ação individual contra a própria Record ou contra o apresentador deve ser de autoria da ofendida, nesse caso, Ludmilla.

(Coluna Radar, da Veja Online)

Dom Cláudio Hummes – Tudo pronto para lançamento de livro sobre metas do Papa Francisco

No livro que lançará nesta terça-feira (4), na Faculdade Católica de Fortaleza  (FCF), em parceria com a Livraria Paulus, o Cardeal Cláudio Hummes expõe as 21 grandes metas do Papa Francisco.

As atividades do Cardeal, que desembarcou nesta noite em Fortaleza, acontecerão nos turnos da manhã, das 7h30min ao meio dia, e à noite, das 18h30min às 21h30min. Fará apresentação da obra – “Grandes Metas do Papa Francisco”, o reitor da faculdade, padre Antonio Almir Magalhães.

A publicação nasceu da admiração do cardeal pelo Papa Francisco e do desejo de homenagear o Santo Padre pelo seu aniversário de oitenta anos de vida.

Perfil

Dom Cláudio Hummes foi arcebispo em Fortaleza de 1996 a 1998. Hoje é arcebispo emérito na Arquidiocese de São Paulo. É amigo do Papa Francisco, apareceu com ele no Balcão de São Pedro quando foi apresentado como novo papa da Igreja. Foi por uma frase do cardeal Hummes, ‘não se esqueça dos pobres’, que o pontífice escolheu o nome de Francisco.

SERVIÇO

*Faculdade Católica de Fortaleza. Rua Tenente Benévolo, 201,Centro.

*Evento aberto ao público em geral.

*Preço do livro – R$ 12,00, vendido na Livraria Paulus em Fortaleza (Rua Floriano Peixoto, 523, Centro)

*Mais informações: (85) 3453.2150 / 3252.4201.

(Foto – V. Souza)