Blog do Eliomar

Categorias para Brasil

Sinduscon espera que fim do processo de impeachment traga de volta a confiança

[embedyt] http://www.youtube.com/watch?v=8OZkJqgny4Y[/embedyt]

O presidente do Sindicato da Indústria da Construção Civil do Ceará, André Montenegro, disse estar na expectativa de que o caso do impeachment de Dilma Rousseff tenha solução imediata.

Segundo André Montenegro, é preciso um novo comando no País para a retomada da confiança no País.

Sobre o governo Temer, o dirigente do Sinduscon disse que ele tem cumprido algumas promessas, como ter colocado em dia os pagamentos do Programa Minha Casa, Minha Vida.

IFCE – Campus do Pecém oferece 255 vagas para cursos gratuitos

O Campus Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (IFCE) no Pecém, em São Gonçalo do Amarante (Região Metropolitana de Fortaleza), está com inscrições abertas para oito cursos técnicos gratuitos até o dia 9 de setembro. São 255 vagas na modalidade Formação Inicial e Continuada (FIC), nos turnos manhã e tarde, dependendo do curso. Poderão se inscrever candidatos com idade igual ou superior a 18 anos, que tenham concluído o Ensino Fundamental e que possuam noções de Informática.

Os cursos oferecidos no processo seletivo são os seguintes: Almoxarife; Operador de Processos Químicos Industriais; Operador de Tratamento de Águas e Efluentes; Desenho Técnico Mecânico Industrial; Inglês para Comunicação Básica (Nível I); Português Instrumental; Eletricidade Básica e Introdução à Metrologia.

A seleção será realizada por meio de uma prova escrita na manhã do dia 14 de setembro, incluindo 10 questões de Português e 10 de Matemática. O conteúdo da avaliação, bem como demais informações como documentação, calendário e descrição dos cursos, estão disponíveis no edital.

SERVIÇO

*As inscrições podem ser realizadas pela internet, com o preenchimento de um formulário, ou presencialmente, no campus.

*Campus do Pecém (IFCE) – Rodovia CE-422, km 04 – Atendimento das 9 às 12 horas e das 13 às 16 horas.

No Brasil da mentira, que não tem pernas curtas

167 1

Com o título “A verdade das mentiras”, eis artigo da jornalista Regina Ribeiro sobre o processo de impeachment de Dilma. Para ela, a “mentira, por maior que seja, por mais imponente que possa parecer, não tem uma perna curta. Tem as duas de papel. É só uma questão de tempo para reescrevermos a história.” Confira: 

Gosto imensamente do título do livro do Mario Vargas Llosa que leva este nome aí em cima. Llosa seleciona uma série de livros para mostrar o que há de verdade nas mentiras fabricadas pelos autores. O texto é ótimo e se fica sabendo de um monte de detalhes da vida de muitos deles. Tem gente que se especializou em tentar encontrar nas entrelinhas dos romances e contos os tais “segredos” dos escritores. Isso é uma tolice sem tamanho. Porque a vida é única. Não tem romance que dê conta desta que talvez seja a principal verdade que existe: a vida.

Com o Brasil, a história é bem outra. São mentiras deslavadas que nos contam todos os dias e elas – as mentiras – se posicionam de forma tão convincente que parecem verdade. Por exemplo, dias antes de começarem as Olimpíadas, o Rio de Janeiro era um estado falido. Decretou Estado de Emergência, mesmo sem ser atacado por nenhuma moléstia natural, para receber do Governo Federal R$ 2,9 bilhões. E tudo continuou lindo.

Até abril último, o discurso que imperava nos textos jornalísticos de economia dava conta de uma tragédia iminente. Parecia que seríamos abatidos a qualquer hora. E que não sobraria um único ser vivo para contar as memórias. Desde que governo Temer assumiu, nada mudou no cenário econômico. Pelo contrário. Postas numa lupa, as ações tomadas por este governo interino – e que está prestes a se efetivar – não passam nem de raspão nos problemas que nos assolam e pior: tem agido com o máximo descaramento em transferir para o trabalhador toda a responsabilidade dos desencantos econômicos. Parece que não era verdade que a solução seria fácil e conquistada em pouco tempo.

Por último, na próxima segunda-feira é provável assistirmos à presidente afastada Dilma Rousseff e à professora Janaína Pascoal num embate sobre verdades e mentiras, no Senado. Não creio que a verdade possa ter qualquer chance diante do plantio de mentiras em que o País se transformou.

No entanto, quero crer que a mentira, por maior que seja, por mais imponente que possa parecer, não tem uma perna curta. Tem as duas de papel. É só uma questão de tempo para reescrevermos a história.

*Regina Ribeiro

reginah_ribeiro@yahoo.com.br

Jornalista do O POVO

O sonho da refinaria não acabou

balhmann

Na caravana que o presidente em exercício Michel Temer levará para a China, tem gente do Governo Camilo Santana: o secretário de Assuntos Internacionais, Antonio Balhmann.

A missão dele é reforçar conversações com grupo chinês – não fala nome, sobre o projeto de uma refinaria no Complexo Industrial e Portuário do Pecém.

Aliás, Balhmann diz que, depois da concretização da siderúrgica – alvo de ironias e críticas porque demorou a sair do papel, ninguém mais pode duvidar de que o sonho da refinaria pode virar realidade. “Nós continuamos brigando por isso!”, garante.

 

BNDES cria programa para compra de ativos de empresas em recuperação judicial

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social anuncia a criação de uma linha de crédito com orçamento de R$ 5 bilhões para financiar a compra de ativos de empresas que estejam em recuperação judicial.

A alienação dos ativos deve ser feita para companhias que desejem adquiri-los para empreender atividade econômica e reintegrar o bem ao sistema produtivo. Os interessados poderão comprar, por exemplo, parte de uma empresa em recuperação judicial ou até ela inteira.

O chamado Programa de Incentivo à Revitalização de Ativos Produtivos vai valer até 31 de agosto de 2017. “Ao incentivar a transferência de ativos produtivos, a medida contribuirá para estimular a atividade econômica e a função social da empresa, preservando empregos e gerando renda”, diz o BNDES.

PF indicia Lula no caso do Triplex do Guarujá

foto lula honestidade

“A Polícia Federal indiciou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no inquérito que investiga o tríplex do Condomínio Solaris, no Guarujá, litoral paulista. O petista é alvo de três investigações centrais na Operação Lava Jato, em Curitiba – sede do escândalo de cartel e corrupção na Petrobrás. Ele foi enquadrado por crimes de corrupção, lavagem de dinheiro e falsidade ideológica. A ex-primeira-dama Marisa Letícia e o ex-presidente do Instituto Lula Paulo Okamoto também foram indiciados.

Lula foi indiciado por corrupção passiva, lavagem de dinheiro e falsidade ideológica. Dona Marisa por corrupção e lavagem. A conclusão do delegado Márcio Adriano Anselmo é que o casal “foi beneficiário de vantagens ilícitas, por parte da OAS, em valores que alcançaram R$ 2,4 milhões referentes as obras de reforma no apartamento 164-A do Edifício Solaris, bem como no custeio de armazenamento de bens do casal”.
clonclua

A apuração do inquérito teve como ponto central reforma realizada no tríplex, construído pela Bancoop (cooperativa habitacional do sindicato dos bancários), que teve como presidente o ex-tesoureiro do PT João Vaccari Neto – preso desde abril de 2015. O imóvel foi adquirido pela OAS e recebeu benfeitorias da empreiteira, acusada de corrupção na Petrobrás. O ex-presidente seria o verdadeiro dono do tríplex- a defesa do petista nega taxativamente.

É o primeiro indiciamento formal contra Lula, nas apurações da Lava Jato em Curitiba. A conclusão do inquérito da PF, com o indiciamento dos investigados, antecede a denúncia criminal a ser apresentada pelo Ministério Público Federal ao juiz federal Sérgio Moro, que conduz os processos do caso em primeira instância. Os procuradores pediram 90 dias para oferecer denúncia no caso.”

(Estadão)

Anvisa proíbe divulgação de produto que promete falsa cura da Aids

“A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) proibiu, hoje (26), a divulgação de produto feito à base da planta Mutamba, com a promessa falsa de cura da Aids/HIV. A decisão foi publicada na edição de hoje do Diário Oficial da União.

O produto tem sido divulgado na internet, mas, segundo a Anvisa, a medida é preventiva, porque não foram encontrados indícios da comercialização do Mutamba contra aids, como é chamado.

A Anvisa destacou que o produto não tem registro na agência e é, portanto, um produto clandestino, de origem e composição desconhecida.

“O produto feito à base da planta Mutamba, não tem registro na agência, nem apresenta ensaios clínicos que comprovem suas características medicinais. Os produtos irregulares, isto é, que estejam fora das exigências da agência não oferecem garantia de eficácia, segurança e qualidade que são necessárias para saber se funcionam e são seguros”, acrescentou a Anvisa.

A Anvisa alertou ainda que produtos e medicamentos irregulares ou falsificados podem não fazer efeito, prejudicar tratamentos médicos ou, em casos mais graves, comprometer a saúde do cidadão.

A agência orienta que antes de comprar ou divulgar itens de origem suspeita ou não registrados, os cidadãos podem entrar em contato com a Anvisa por meio do canal (0800-642-9782).”

(Agência Brasil)

Novela do impeachment – Senadores fazem cálculos para aparecer no Jornal Nacional

jnn

Nesta terça-feira, quando tiver início a votação do impeachment propriamente dita, há uma disputa entre os senadores para saber quem será orador que estará discursando e poderá entrar ao vivo no Jornal Nacional da TV Globo.

Na casa, já há uma conta, aqueles que conseguiram se inscrever nas posições que vão de 24 a 29 são os que terão a maior chance de estar discursando durante o JN.

(Veja Online)

O vergonhoso golpe de Estado parlamentar…

179 1

Com o título “A difícil tarefa de se manter a democracia”, eis artigo do jornalista e sociólogo Demétrio Andrade. Ele aborda o julgamento do processo de impeachment de Dilma Rousseff. Para ele, em curso um “vergonhoso golpe de Estado parlamentar”. Confira:

Escrevo ainda sem saber se a presidenta Dilma Rousseff será definitivamente afastada (embora julgue o processo irreversível). Já me posicionei, em artigos anteriores, sobre o assunto, deixando claro que o que está em curso é um vergonhoso golpe de Estado parlamentar, no qual um chefe de governo corre o risco de perder o mandato sem que haja motivo fundamentado para tal. Caso você não tenha percebido tal fato, basicamente é porque é mal informado ou tem a visão turvada pelo ódio.

De tudo o que já foi constatado, vou citar apenas as falas de três personagens significativos da história recente do país, alguns deles com posições claramente antipetistas. O ex-presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa, figura central no processo do Mensalão afirmou publicamente que as denúncias lançadas contra Dilma – pedaladas fiscais e decretos não autorizados pelo Congresso – não têm sustentação jurídica para justificar processo de impeachment. “Se a presidente tivesse sendo processada pelo Congresso por sua cumplicidade e ambiguidade em relação à corrupção avassaladora mostrada no país nos últimos anos, eu não veria nenhum problema. Mas não é isso o que está em causa”, opinou.

Dizendo-se preocupado com o funcionamento das instituições brasileiras e a possibilidade de “golpe certeiro” na democracia como decorrência do impeachment, Barbosa disse ainda que o caminho adequado para o país é a urna. “E vai aqui mais uma provocação: quem, na perspectiva de vocês, vai querer investir em um país em que se derruba presidente com tanta ligeireza, com tanta facilidade e com tanta afoiteza. Eu deixo essa reflexão a todos”, arrematou.

Outro ex-presidente do STF, Carlos Ayres Britto, disse não ver motivos que justifiquem o impeachment da presidenta. Segundo ele, o afastamento sem um motivo concreto, embora possível do ponto de vista legal, pode deixar um legado de insegurança jurídica para os futuros governantes. “O crime de responsabilidade é muito grave. Não há que se confundir o crime de responsabilidade com a infração penal comum, com infração de contas ou com crime eleitoral, improbidade administrativa. Crime de responsabilidade é um atentado à Constituição. Pressupõe uma gravidade tal que signifique insulto, uma afronta à Constituição”, explicou.

Marcello Lavenère, ex-presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), responsável pelo pedido de impeachment de Fernando Collor em 1992, afirmou que a diferença no momento atual é que não há crime imputado a Dilma. Disse ainda que o atual processo de impeachment seria até “favorável à corrupção”, afirmando que com a mudança se instalaria um novo grupo de poder que incluiria o presidente da Câmara, deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ). Ele criticou a atual posição da OAB, favorável ao afastamento de Dilma. “Temos que acabar com o mar de lama. Dilma não está na Lava-Jato, outras pessoas estão”.

Não vi, como sempre, a imprensa fazer divulgação ostensiva sobre posições tão relevantes. A maioria das emissoras é pró-golpe, o que, no Brasil, não é uma novidade. Em 1964, a grande mídia apoiou a intervenção militar em seu início. Causa incômodo a mim, neste momento, uma situação que põe em xeque o estado de direito e, por consequência, a existência da democracia no país.

O cidadão precisa tomar consciência – mesmo os que são contrários ao governo, ao PT ou à esquerda – de que deu um cheque em branco para uma minoria parlamentar tomar uma grave decisão passando por cima do voto de 54 milhões de pessoas. Numa democracia frágil como a nossa, com apenas 31 anos de pós-ditadura, tal situação é extensamente temerária, tanto em relação aos interesses coletivos como no tocante ao respeito às liberdades individuais.

*Demétrio Andrade
Jornalista e sociólogo.

Lira Neto lança livro sobre o samba em dezembro

lirr

O jornalista e escritor Lira Neto anuncia: em dezembro próximo, sai o primeiro volume do livro que escreve sobre o samba. O outro volume fica par 2017.

Lira Neto esteve em Fortaleza participando de um debate, no Cineteatro S]ao Luiz sobre regime militar e os cenários atuais da política brasileira.

Ele garante que a pesquisa sobre samba deu um bom trabalho, mas compensou pela riqueza de muitos detalhes. Ele é autor de livros sobre Getúlio, Pare Cícero, Rodolfo Teófilo e Maísa.

(Foto – Paulo MOska)

Filho Bolsonaro passa mal em debate e pai impede ajuda de Jandira Feghali

360 2

exttr

Flavio Bolsonaro, candidato do PSC à prefeitura do Rio de Janeiro, passou mal durante o segundo bloco do debate realizado, nessa noite de quinta-feira, pela Band Rio.

Carlos Osorio e Jandira Feghali ampararam o oponente, mas a candidata do PCdoB, que é médica, foi impedida por Jair Bolsonaro, o pai, de prestar socorro.

A própria Jandira contou, através de sua conta no Twitter, que não pode socorrer Flavio.

Leia mais: http://extra.globo.com/noticias/rio/flavio-bolsonaro-passa-mal-em-debate-pai-impede-ajuda-de-jandira-feghali-19996703.html#ixzz4IREqyaSa

(Com Jornal Extra)

Mercado Audiovisual Cearense é tema de congresso

Começa, a partir das 9 horas desta sexta-feira, o II MAC – Mercado Audiovisual Cearense. Durante uma semana colocará em pauta a produção audiovisual e o mercado do conteúdo independente. Promovido pela Universidade Federal do Ceará, através da Casa Amarela Eusélio Oliveira, e pela Universidade de Fortaleza (Unifor), o evento seguirá até 1º de setembro no Porto Iracema das Artes.
Contando com a participação de canais locais e nacionais, produtores regionais e profissionais da área em Fortaleza, o II MAC proporcionará a troca de experiências e oportunidades entre os participantes, por meio de rodadas de negócios, palestras e discussões sobre produção e conteúdo e debates sobre as políticas de desenvolvimento do mercado audiovisual e suas potencialidades, com enfoque nas regiões Nordeste, Norte e Centro-Oeste.
Também haverá apresentações dos canais com informações sobre produtos produzidos, perfil de público do canal e perfil de projetos almejados para aquisição. Estão confirmados Globo Filmes, GloboNews, Cartoon Netwoork, TV Jangadeiro, Canal Curta!, Encripta/Looke, Cine Brasil TV e Gloob.
Durante o evento, também haverá atividades da RioContentLab, que tem o objetivo de desenvolver e aprimorar 18 projetos de produtoras audiovisuais do Nordeste, a fim de prepará-los para as Rodadas de Negócios do RioContentMarket 2017.
SERVIÇO
*Porto Iracema das Artes – Rua Dragão do Mar, 160 – Praia de Iracema.
*A programação completa pode ser conferida no site do evento:www.mercadoaudiovisual.com.br.

Lula voltará ao Ceará em ritmo de campanha

215 1

foto luizianne e lula 151009

Da Coluna Vertical, do O POVO desta sexta-feira:

O ex-presidente Lula vai voltar ao Ceará, em ritmo de campanha, no próximo mês. A informação é do presidente regional do PT, Francisco de Assis Diniz, adiantando que ele subirá no palanque de candidatos do partido na Região do Cariri.

A agenda desse giro lulista será fechada na próxima segunda-feira, em São Paulo, segundo Diniz, mas está certo que o ex-presidente pedirá votos para Fernando Santana, petista que disputa em Barbalha e que tem apoio direto do governador Camilo Santana (PT).

Lula, que esteve no dia 1º de agosto em Fortaleza, em ato pró-Luizianne, gravará mensagem para o horário eleitoral dos prefeituráveis do PT. Dessa vez, não terá agenda na Capital cearense

Brasil fechou mais de 94 mil postos de trabalho em julho

“Pelo 16º mês consecutivo, o número de demissões superou o total de contratações com carteira assinada, conforme dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgado hoje (25) pelo Ministério do Trabalho. Em julho, o saldo entre demissões e contratações foi de menos 94.724 empregos formais. Ao todo foram registradas 1.168.011 admissões e 1.262.735 desligamentos.

No acumulado do ano, segundo o Caged, 623.520 postos de trabalho formal foram fechados, com variação negativa de 1,57% em relação ao mesmo período de 2015. Nos últimos 12 meses (agosto de 2015 a julho 2016), o total de demissões superou o de contratações em 1.706.459, representando uma variação de negativa de 4,18%.

Os setores que registraram as maiores perdas de emprego foram o de serviços (-40.1470 postos), da construção civil (- 27.718 postos), do comércio (-16.286 postos) e da indústria de transformação (-13.298 ). Por outro lado, os setores agrícola (+4.253 postos) e administração pública (+237) tiveram mais contratações do que demissões em julho.

Segundo o Caged, o desempenho positivo da agricultura está relacionado a fatores sazonais, como cultivo de lavoura temporária em São Paulo; o cultivo de soja, em Mato Grosso; e o cultivo de uva em Pernambuco.

Todas as regiões registraram queda no nível de emprego formal em julho, sendo que a Região Sudeste foi a que teve a maior perda de postos de trabalho, com 661.757 demissões ante 616.119 contratações, com saldo de 45.638 postos a menos. A Região Sul teve saldo negativo de 23.603 postos, Nordeste -19.558 postos, Centro-Oeste -2.219 postos e Norte -3.706 postos de trabalho formal.

O estado de Minas Gerais teve a maior perda de empregos (- 15.345 postos), seguido de São Paulo (-13.795 postos) e Rio Grande do Sul (-12.166). Influenciado pela agricultura, Mato Grosso teve saldo positivo de 2.016 postos de trabalho.”

(Agência Brasil)

Oi lança projeto piloto que libera Wifi gratuito

A Oi passou a liberar o uso da rede Oi Wifi gratuitamente para clientes de todas as operadoras em projeto piloto. Com a iniciativa, qualquer um poderá acessar os pontos de conexão à rede sem fio da Oi no Brasil, sem precisar gastar a sua franquia de dados.

Para acessar a rede Oi WiFi, segundo a assessoria de imprensa da empresa, os interessados deverão baixar o App Oi WiFi, seguir o passo-a-passo e aceitar os termos de uso e publicidade (opt in). Assim que o usuário se conectar à rede, um “banner” será mostrado na tela do smartphone e permanecerá visível enquanto o Oi WiFi estiver em uso.

Para promover a iniciativa, a Oi lançará, nesta sexta-feira, campanha publicitária na web, que será veiculada até setembro.

Petrobras – Plano de Demissão Voluntária consegue 6.100 adesões

petrobraszelada

“O Programa de Demissão Voluntária (PDV) da Petrobras alcançou 6.100 adesões até esta quinta (25). Lançado em abril, tem previsão de ser encerrado no próximo dia 31. A expectativa inicial era de que o programa alcançasse 12.000 empregados.

A iniciativa faz parte de um enxugamento de gastos promovido pelo atual presidente da Petrobras, Pedro Parente. Ele é válido para a Petrobras controladora, que tem hoje 57.046 empregados.

De acordo com a Petrobras, o custo previsto para a implantação do atual PDV é de R$ 4,4 bilhões, e a economia estimada é de R$ 33 bilhões nos próximos quatro anos.”

(Veja Online)

IFCE do Campus de Acaraú lança edital para admissão de transferidos e diplomados

O Campus de Acaraú do IFCE divulgou o Edital Nº 010/2016, de seleção para preenchimento de vagas para ingresso por Transferência Interna, Transferência Externa e como Diplomado, para o período letivo 2016.2. Ao todo, o campus está ofertando 13 vagas nos cursos de Licenciatura em Física (8) e em Ciências Biológicas (5). Além disso, há oferta de 27 vagas nos cursos técnicos em Aquicultura (5), Pesca (7), Construção Naval (5), Serviços de Restaurante e Bar (5) e Eventos (5).

A transferência interna consiste na mudança de curso de mesmo nível no âmbito do campus; a transferência externa consiste na mudança de curso entre os campi do IFCE, bem como de outra instituição de ensino para o IFCE, devidamente credenciada pelo MEC; e o ingresso como diplomado é concedido ao candidato que comprove a situação de detentor do título, por meio da documentação exigida no edital.

O período de inscrição ocorrerá no horário de 7:30 às 11:30 e de 13:30 às 17:30, na recepção do campus. Serão recebidos pedidos de transferência interna de 25 a 30 de agosto; de transferência externa, de 19 a 22 de setembro; e de diplomados, de 12 a 17 de outubro.

A documentação exigida para o candidato realizar as solicitações está especificada no edital Nº 010/2016, onde constam todas etapas do processo. Dúvidas podem ser esclarecidas pelo fone (88)3661.4103.

SERVIÇO

Confira o edital: http://ifce.edu.br/acesso-rapido/concursos-publicos/editais/ensino/transferidos-e-graduados/2016/acarau/edital-de-transferidos-de-diplomados_2016-2_campus-acarau.pdf/view