Blog do Eliomar

Categorias para Ceará

Faculdade oferece curso de pós-graduação na área de TV e mídias eletrônicas

Que tal fazer um curso de especialização em Jornalismo para TV e mídias eletrônicas? A Faculdade Ratio está com inscrições abertas para curso do gênero. “O curso pretende suprir uma carência de formação, pois existe uma transversalidade no Jornalismo que não é aproveitada na graduação. Por isso, a pós-graduação contempla disciplinas como empreendedorismo, técnicas teatrais, voz e oratória”, explica Mirelle Costa, jornalista e coordenadora da Pós-Graduação.

A maioria dos professores possui mestrado e experiência prática nas mais variadas áreas, como marketing, coaching, psicologia, além do jornalismo. O curso visa alcançar um público ligado à comunicação, sendo destinado a jornalistas que trabalhem em TV, assessoria de imprensa, monitoramento de redes sociais, marketing e até profissionais da área de eventos.

DETALHE – Jornalistas sindicalizados não pagam a matrícula, que custa R$ 255 ,00. A mensalidade custa R$ 300,00.

Casa do Mel de Santana do Acaraú recebe financiamento para sua conclusão

Vai sair do papel o projeto de implantação da Casa do Mel de Santana do Acaraú. A Secretaria do Desenvolvimento Agrária do Estado informou aos responsáveis pela iniciativa que a última parcela, de um total de R$ 200 mil, está sendo liberada nesta segunda-feira. A medida chega depois do trabalho de pressão política da Incubadora Universitária de Empreendimentos Econômicos e Solidários da Universidade Estadual Vale do Acaraú – IEES-UVA, das apicultoras do grupo de mulheres que colhem doçura do Assentamento Alvaçan-Goiabeiras e sua Associação APISAdoçura, do Centro Cooperativo Popular (CEPOP-SANTANA) e da Cooperativa Agropecuária dos Agricultores Familiares de Santana do Acaraú.

“Agora, completado o dinheiro, é trabalhar a execução final do ansiado empreendimento”, destaca o professor Chico Guedes, um dos idealizadores e coordenador geral da IEES-UVA.

Assim, a Casa do Mel, localizada no PA Alvaçan-Goiabeiras, que é sede da Associação das Apicultoras e Apicultores de Santana do Acaraú, APISA doçura, vai ser instalada na localidade de Águas Belas beneficiando diretamente 30 famílias da comunidade e estimulando, consequentemente, na avaliação de Catiana Maria, do CEPOP Santana, a produção de outros apicultores da região. Ela relembra que a luta por essa Casa do Mel começou em 2006, época do prefeito Antônio de Pádua, e, em 2012, surgiu uma emenda do então deputado Eudes Xavier. Com isso, já existem projeto arquitetônico e alguns equipamentos.

A apicultura (arte ou técnica de criar abelhas para extrair-lhes mel, própolis etc) tem cadastrado em Sobral (Zona Norte), por exemplo, 120 apicultores, que desenvolvem suas atividades com apoio de três Casas do Mel, para onde escoa a produção comercializada pelo Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) e para venda de porta em porta. No Ceará são 8.500 criadores.

Cagece suspende fornecimento de água nesta quarta-feira em 25 bairros

A Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece) anuncia: o fornecimento de água vai ser suspensão das 6 às 18 horas de quarta-feira em 25 bairros de Fortaleza. Isso para que a empresa realiza serviço no sistema.

O objetivo é substituir uma válvula de 600 milímetros, intervenção que, segundo a Cagece, deverá melhorar a distribuição de água nos bairros atendidos.

Confira os bairros afetados:

Alagadiço

Álvaro Weyne

Amadeu Furtado

Antônio Bezerra

Barra do Ceará

Bela Vista

Carlito Pamplona

Cristo Redentor

Demócrito Rocha

Farias Brito

Floresta

Jacarecanga

Jardim Guanabara

Jardim Iracema

Monte Castelo

Padre Andrade

Panamericano

Parque Araxá

Parquelândia

Pirambu

Presidente Kennedy

Quintino Cunha

São Gerardo

Vila Ellery

Vila Velha

SERVIÇO

*Reclamações ou solicitações podem ser feitos pelo telefone 0800 275 0195, o aplicativo Cagece Mobile (disponível para Android e iOS) ou por meio Gesse, a assistente virtual da companhia, que atende pelo site www.cagece.com.br.

Queiroz Filho, candidato apoiado por Roberto Cláudio para a Assembleia Legislativa, vai inaugurar comitê

Camilo, Queiroz e o prefeito.

O governador Camilo Santana (PT), o candidato ao Senado, Cid Gomes (PDT), e o prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, prestigiarão, a partir das 19 horas desta segunda-feira, o ato de inauguração do comitê do candidato a deputado estadual Queiroz Filho, ou simplesmente, Queiroz.

Vai ser na casa de shows Faroeste, no bairro Coaçu, com expectativa de atrair muitos apoiadores. É que Queiroz, além de ter sido o chefe de gabinete de Roberto Cláudio, é apontado como o postulante do prefeito para a Assembleia e, até mesmo, nome forte para disputar, em 2020, a Prefeitura.

(Foto – Divulgação)

General Theophilo participa na TV Ceará da série de entrevistas com candidatos ao Governo

O governador Camilo Santana (PT) não foi ao primeiro debate entre os candidatos ao Governo do Estado, realizado pela TV Jangadeiro, emissora que integra o grupo econômico do senador tucano Tasso Jereissati. Camilo justificou, na ocasião, a assinatura de contrato com o BNDES em favor do projeto Metrofor.

Bem, o candidato a governador pelo PSDB, General Theophilo, faz questão de avisar que estará sendo entrevistado, nesta segunda-feira, a partir das 19h30min, na TV Ceará. A emissora pertence ao Governo do Estado.

A entrevista será ao vivo e integra um ciclo com todos os postulantes ao Palácio da Abolição.

(Foto – Jarbas Oliveira)

Eleições 2018 – Governo e TRE vão criar grupo para avaliar necessidade da convocação de tropa federal

O governador Camilo Santana (PT) esteve reunido nesta segunda-feira, no Palácio da Abolição, com a presidente do Tribunal Regional Eleitoral, desembargadora Maria Naílde Pinheiro Nogueira, e representantes do órgão. O assunto foi a necessidade ou não do pedido de tropas federais para reforçar a segurança das eleições no Estado.

“Ouvi a demanda do TRE sobre a recomendação de que seja solicitado apoio federal para reforço na segurança de cinco municípios durante as eleições. Alinhamos que, nos próximos dias, será realizada uma reunião entre os órgãos de segurança do Estado e o TRE para que seja apresentado o plano de segurança do Ceará para as eleições 2018”, disse Camilo, após o encontro,, em postagem na sua página de Facebook.

Ele adiantou que, a partir daí, será avaliada “a necessidade de uma cooperação maior entre os órgãos de segurança estadual e federal”. O governador reiterou confiar “plenamente nas forças de segurança do nosso estado, que não têm medido esforços para garantir a segurança dos irmãos e irmãs cearenses.”

(Foto -Facebook do Governador)

Especial Anuário do Ceará estréia nesta segunda-feira na TV O POVO

O Especial Anuário do Ceará começa a ser exibido hoje, na TV O POVO, e segue até 17 de setembro, às 19 horas. São 16 programas de entrevistas, abordando temas relacionados ao Estado e estarão disponíveis no YouTube da TV O POVO e no site www.anuariodoceara.com.br.

Publicação mais antiga em circulação do Estado, o Anuário do Ceará 2018-2019 apresenta em 11 capítulos informações econômicas, políticas, sociais, geográficas e culturais do Estado.

De acordo com o editor-geral e apresentador do Especial Anuário do Ceará, Jocélio Leal, o projeto da TV O POVO trabalha o conceito de multiplataforma e traz personagens que discutem temas que estão no Anuário.

Alguns dos entrevistados do programa foram Acilon Gonçalves, prefeito do Eusébio, município com o melhor Índice Comparativo de Gestão Municipal (ICGM); Cláudio Pinho, prefeito de São Gonçalo do Amarante, terceiro município colocado no ICGM; além do secretário do Planejamento e Gestão do Estado, Maia Júnior, discutindo sobre políticas públicas para o equilíbrio fiscal das contas estatais; e a presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Ceará, Nailde Pinheiro.

“Porque ele (Anuário) não é apenas um compilador de dados, ele é cada vez mais um produto que discute os dados, que não se limita a listá-los, a compilá-los. O Anuário procura discutir, e assim promovendo a reflexão, contribui para a economia, para a cultura, enfim, para o desenvolvimento do Ceará”, complementa Joelma Leal, editora-executiva do Anuário do Cerá.

SERVIÇO

*De hoje a 17 de setembro –

*Horário: de segunda à sexta, das 19 às 19h30min: TV O POVO: 48.1 (TV Aberta), 23 (Multiplay) e 24 (NET)

(Repórter Cristina Brito/Foto – Divulgação)

Torcidas do Ceará e do Fortaleza são destaque no Brasileirão

Com o título “A força perene das torcidas cearenses”, eis artigo do jornalista Fernando Graziani, do O POVO. Ele destaca a paixão dos torcedores do Ceará e do Fortaleza que, neste campeonato brasileiro, destacam-se pela boa presença nos jogos. Confira:

Os torcedores de Ceará e Fortaleza têm marcado presença relevante nas partidas do Campeonato Brasileiro edição 2018. No ranking de público da Série A, o Alvinegro aparece na sétima colocação, atrás apenas de Flamengo, São Paulo, Corinthians, Palmeiras, Internacional e Grêmio, clubes de estados com poder econômico superior. Já o Tricolor lidera a Série B com bastante folga, ambos com médias superiores a 20 mil pagantes.

Com 10 jogos realizados como mandante na primeira divisão, o Ceará registrou 212.147 pagantes em suas partidas, realizadas no Presidente Vargas e no Castelão. É a sétima melhor média da primeira divisão, com 21.214 pagantes por partida. A renda bruta gerada até agora foi de R$ 4.098.048,00, com R$ 19,32 de ticket médio.

Já o Fortaleza mandou 11 partidas na Segundona (sem contar a partida de sábado passado, diante do Londrina), todas no Castelão, contabilizando média de 22.426 pagantes por encontro. Foram 246.687 pessoas que pagaram ingressos, gerando uma renda bruta de R$ 2.695.972,00, com valor de ticket médio de R$ 10,93.

Juntos, apenas levando em conta bilheteria, sem contar as verbas de sócios-torcedores que pagam antecipadamente e têm gerado receitas mensais que chegam a R$ 500 mil mensais para cada um dos clubes, Ceará e Fortaleza arrecadaram R$ 6.794.020,00 para um público pagante de 458.834 nos 21 jogos. É um faturamento digno de empresas de bom porte.

Na comparação com o ano passado, quando estavam em divisões diferentes, o Ceará, nos 19 jogos que fez na Série B, somou 390.551 pagantes e arrecadou R$ 6.761.557,00. Já o Fortaleza, em 12 partidas na Série C, reuniu 218.099 pagantes para rendas que somaram R$ 4.215.691,00.

E um dado que impressiona: levando em conta os 21 jogos realizados pelo Campeonato Brasileiro em 2018 e mais os 31 de 2017, o público total de pagantes é de mais de um milhão de pessoas. Para ser mais exato, 1.067.484. Imagine se fatores como violência e falta de transporte público ideal fossem minimizados. Teríamos, então, um aumento considerável de público nos estádios, com ainda mais receita, ambiente favorável e clubes mais fortes.

Fernando Graziani

fernandograziani@opovo.com.br

Jornalista do O POVO

Recomendadas para você

Jornalista Fernando Maia será agraciado com a Medalha Boticário Ferreira

O jornalista Fernando Maia, colunista de Política do O Estado e que tem programa na Rádio Assunção AM, além de uma carreira profissional com mais de 40 anos de batente, vai receber a Medalha Boticário Ferreira.

Trata-se da mais alta comenda da Câmara Municipal de Fortaleza. A sessão solene ocorrerá nessa Casa a partir das 19 horas desta segunda-feira.

Fernando, com quem trabalhamos na Rádio Uirapuru e no O POVO, merece a homenagem. É um profissional que, diariamente, circula pelos bastidores dos Poderes Legislativo, Executivo e Judiciário.

(Foto – Divulgação)

Ariosto Holanda lança livro que apregoa educação para o trabalho

O ex-deputado federal Ariosto Holanda lançará nesta segunda-feira, às 19 horas, no auditório da Federação das Indústrias do Ceará (Fiec), o livro ” Desafios do Século XXI – Desenvolvimento Humano e Energia.”

A publicação, mais uma de Ariosto, é dedicada à educação como saída para toda sociedade que pense em promover justiça social. Ariosto sempre apregoa a necessidade de se investir nessa área e de capacitar o homem para o trabalho.

Ariosto não disputa mais mandato, o que é uma pena.

(Foto – Paulo MOska)

José Eduardo Cardozo falará em Fortaleza sobre a crise no estado de direito

264 1

O ex-ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, dará palestra em Fortaleza na próxima sexta-feira, 31, às 9 horas, na sede da Defensoria Pública do Estado (Bairro Luciano Cavalcante).

Ele abordará o tema “A Crise do Estado de Direito”. Ou seja, vai bater duro na prisão de Lula e defender sua candidatura a presidente.

José Eduardo chega no dia em que também aqui estará cumprindo agenda o postulante a vice de Lula, o ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad. Aliás, o Plano B do PT, no caso de Lula ter o registro barrado.

(Foto – Divulgação)

Governador afirma ter efetivo suficiente. Será?

Com o título “Comando da PM sonega informações sobre real efetivo”, eis o destaque desta segunda-feira da coluna do jornalista Thiago Paiva. Chega num momento em que o governador Camilo Santana (PT) não quer pedir tropas federais, como solicita o TRE, para as eleições. Confira:

“Formamos mais 1.305 policiais militares para ampliar a segurança em todo o Estado. O reforço faz parte da segunda turma da PM, aprovada no concurso lançado em 2016. A primeira turma, com 1.350 concludentes, já está atuando nas ruas, e a terceira turma segue em graduação. Esses profissionais serão integrados ao efetivo da segurança estadual. Com isso, o Governo do Ceará aumenta em 25,7% o efetivo total da corporação”.

A declaração do governador Camilo Santana (PT), em 29 de dezembro último, fazia referência à formatura dos novos soldados, cuja cerimônia havia ocorrido naquele mesmo dia, no Centro de Eventos. Uma manhã de festa. De fato, na área da Segurança Pública, em um cenário de violência urbana crescente, investir em pessoal é uma medida plausível. Difícil é saber, contudo, se a mencionada convocação representou, de fato, um acréscimo de 25,7% no efetivo da PM.

Para verificar a afirmação, e também analisar a dinâmica da evolução do efetivo das Polícias no Ceará, O POVO solicitou à Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), no início do ano, dados relacionados ao tema. A demanda, porém, não foi respondida.

Na ocasião, por meio da assessoria de imprensa, a SSPDS informou que já dispunha dos dados da Polícia Civil e aguardava somente um retorno da PM, que estaria enfrentando “problemas” no sistema de recursos humanos. Foi o último retorno dado sobre a pauta.

Diante do silêncio, em 8 de março, O POVO solicitou ao Governo do Estado, com base na Lei de Acesso à Informação, detalhes sobre a evolução da tropa da PM, bem como dos agentes da Polícia Civil, entre 2006 e 2018. Pedido protocolado no portal da Controladoria e Ouvidoria Geral do Estado (CGE), rebatizado de “Ceará Transparente”.

Qual a evolução do efetivo das Polícias por ano, função e patente? Quantos policiais foram convocados? Quantos foram para a reserva ou aposentadoria? Quantos pediram desligamento? Quantos foram expulsos? Quantos foram afastados? Quantos estão de licença?

A demanda foi recebida em 13 de março pela SSPDS e encaminhada ao Comando-Geral da PM e à Superintendência da Polícia Civil. Entretanto, no dia 27 do mesmo mês, um parecer foi emitido no portal da CGE. O Comitê Setorial de Acesso à Informação da Polícia Militar negou acesso aos dados, classificando as informações como “sigilosas”.

A certidão negativa, de 21 de março, é assinada pelo comandante-geral adjunto, coronel Adriano de Moura, pelo assessor de desenvolvimento institucional, tenente-coronel Jano Emanuel Marinho, pela ouvidora da PM, tenente-coronel Magnólia de Lacerda Carvalho, e pelo assessor de comunicação social, coronel Andrade Mendonça.

Na mesma data, O POVO interpôs recurso, alegando que os dados solicitados não poderiam ser classificados como sigilosos. Por diversas vezes, o próprio governador recorreu aos supostos números, quando da convocação de novos servidores, para anunciar aumento no efetivo das corporações.

“Já chamei quase 1.300 homens, durante o meu Governo, entre delegados, inspetores e escrivães. Já fizemos um aumento de quase 42% no efetivo da Polícia Civil, nesses três anos e meio”, disse Camilo, há duas semanas, ao anunciar concurso para 1.496 novos agentes. O assunto também foi amplamente discutido no Estado quando da implantação da Lei de Promoções.

O processo foi remetido ao Comitê Gestor de Acesso à Informação (CGAI), que realizou duas reuniões com representantes da cúpula da PM, uma na sede da SSPDS, em 4 de abril, e outra na sede do Comando-Geral da PM, dois dias depois. Neles, os militares apresentaram os motivos pelos quais classificaram os dados como sigilosos.

Os argumentos, entretanto, não convenceram os membros do CGAI, que deferiram o recurso, no dia 10 de maio. Foi deliberado que as informações solicitadas não eram “sigilosas” e determinado que os dados, “na sua integralidade”, fossem fornecidos.

A PM deveria preparar as informações, na forma como foram solicitadas. O mesmo deveria ser feito pela Controladoria Geral de Disciplina (CGD), com relação aos servidores afastados ou expulsos. A Secretaria do Planejamento e Gestão (Seplag) forneceria o número de policiais licenciados ou aposentados e a Academia Estadual de Segurança Pública (Aesp), os policiais convocados.

Todo o levantamento deveria ser consolidado pela SSPDS e disponibilizado ao O POVO. Conforme o auditor e orientador da Célula de Informação da CGE, Antônio Paulo, o prazo legal para a resposta, após o deferimento do recurso, era de cinco dias. “A PM está desrespeitando uma decisão do Estado. O órgão que determina se a informação é ou não sigilosa é o CGAI. E ele deliberou, há muito tempo, que essa informação fosse fornecida”, destacou.

Até hoje, contudo, 110 dias se passaram e a demanda não foi respondida. Já foi demonstrado que as informações solicitadas não são sigilosas ou sensíveis. Não queremos saber a alocação ou distribuição das tropas. Buscamos informação pública. Dados que apontem a real situação dos quadros das Polícias no Estado. E enquanto a determinação não for atendida, todos os órgão envolvidos estarão em situação de flagrante desrespeito à legislação e ao próprio Estado.

Assembleia Legislativa homenageará 101 alunos medalhistas de ouro do Ceará em Olimpíadas

A Assembleia Legislativa abrirá será sede, às 15 horas desta segunda-feira, de uma sessão solene que promete movimentar os colégios de Fortaleza. Por iniciativa do deputado Carlos Felipe (PCdoB), a Casa homenageará 101 medalhistas de ouro de Olimpíadas Brasileiras de Matemática, Física, Química e Biologia e suas instituições e professores.

Entre os destaques, a aluna Ivna Ferreira, primeira mulher brasileira a conquistar a medalha de ouro em Olimpíada Científica Internacional. Bom destacar: o Ceará fechou 2017 como o campeão de medalhas de ouro nas Olimpíadas Brasileiras de Matemática (OBM), Física (OBF), Ciência (ONC) e Química (OBQ).

Camilo faz campanha pelas ruas do Montese

Nesta manhã de segunda-feira, o governador Camilo Santana (PT), que tenta a reeleição, fez caminhada pelas ruas do bairro Montese, um dos mais populosos de Fortaleza.

Com ele, uma maioria de candidatos a cargos proporcionais. Ele chegou a parar numa das casas para tomar café. Também abraçou eleitores e ainda posou para selfie com o eleitorado.

(Foto – Divulgação)

Capitão Wagner inaugura comitê nesta terça-feira

572 1

Tasso e Capitão Wagner.

O deputado estadual Capitão Wagner, postulante à Câmara dos Deputados pelo PROS, no qual é presidente, vai inaugurar seu comitê central de campanha nesta terça-feira.

O ato ocorrerá a partir das 17 horas, com as presenças do General Theophilo, candidato do PSDB ao Governo, de Eduardo Girão, candidato ao Senado pelo PROS, e de Dra Mayra, candidata ao Senado pelo PSDB, além do senador tucano Tasso Jereissati.

O ex-governador Lúcio Alcântara, ex-dirigente do PR e hoje no ninho tucano, bem como vereadores de oposição à gestão do prefeito Roberto Cláudio, também marcarão presença na inauguração.

Antes da inauguração, haverá, a partir das 16 horas, um adesivaço no cruzamento da avenida da Universidade com avenida Domingos Olímpio.O encontro será às

SERVIÇO

*Comitê Central – Avenida da Universidade, n° 2034*, Bairro Benfica.

(Foto – Divulgação)

Aliado de Alckmin no papel, Solidariedade promove Ciro Gomes entre sindicalistas

Apesar de o deputado federal Paulinho da Força (SP) ter colocado o seu partido, o Solidariedade, na coligação do tucano Geraldo Alckmin (PSDB), grande parte dos sindicalistas da Força Sindical, entidade que ele comanda, está alinhada ao candidato Ciro Gomes (PDT).

Dirigentes, segundo informa a Coluna Painel, da Folha de S.Paulo desta segunda-feira, estão organizando encontros para Ciro em portas de fábricas e redutos do sindicalismo.

Ciro, inclusive, é esperado no Sindicato dos Metalúrgicos de Curitiba, dia 1º de setembro.

(Foto- Reprodução de TV)

Missão do Ceará embarca para a China em busca de recursos para requalificar o entorno do Acquario

Da Coluna do Eliomar de Lima, no O POVO desta segunda-feira:

Na próxima sexta-feira, 31, uma missão do Ceará vai tomar a rota da China. No grupo, o secretário do Desenvolvimento Econômico do Estado, César Ribeiro, o secretário de Assuntos Internacionais do Governo, Hélio Parente, o secretário de Governo da Prefeitura de Fortaleza, Samuel Dias, e um representante do Grupo M Dias Branco. A missão buscará parcerias com fundos de investimento desse País, durante encontros de trabalho a serem mantidos em Pequim, a capital, Xangai e Guindaw.

O objetivo prioritário é acertar parcerias pró-urbanização do entorno do projeto Acquario do Ceará, informa Hélio Parente. “Queremos apoio para a urbanização de todo o Poço da Draga. Nada com relação à gestão do projeto, mas urbanização”, explica logo.

Pelo visto, a China virou mesmo a tábua de salvação para muitos empreendimentos cearenses que não saíram do papel ou que estagnaram. Caso, por exemplo, da refinaria de petróleo.

(Foto – Divulgação)

Major da PM abandona casa após pichação com ameaça

Um major da Polícia Militar do Estado do Ceará (PMCE) abandonou a residência neste domingo, 26, nas proximidades de uma comunidade no Grande Bom Jardim, em Fortaleza, depois que o muro do condomínio onde morava foi pichado com o desenho de um palhaço que para Polícia e facções criminosas simboliza o matador de policiais. A iniciativa foi entendida como uma ameaça.

O oficial cujo nome é preservado por questão de segurança optou por retirar a família do condomínio enquanto procura outra moradia. A intenção de se mudar seria antiga, por morar em área considerada de risco. No entanto, a pichação teria feito com que ele apressasse a ação.

A imagem divulgada nas redes sociais mostra o desenho feito no muro do condomínio. Um pintor teria sido contratado para apagar a pichação, no entanto se negou a executar o serviço por medo dos criminosos que fizeram o registro.

O POVO solicitou informações à Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) e à Polícia Militar do Estado do Ceará (PMCE) sobre investigação relacionada ao caso, no entanto até o fechamento desta página não houve resposta.

No dia 11 deste mês, um policial civil precisou se mudar sob escolta depois que reagiu a uma tentativa de assalto no bairro Canindezinho, na Capital. A ação aconteceu nas proximidades da casa do policial e foi identificado que criminosos estariam registrando imagens da frente da residência dele, o que motivou a mudança.

Esses agentes de segurança fazem parte de uma estatística da Defensoria Pública do Ceará que aponta mais de 500 pessoas expulsas de suas casas, entre novembro de 2017 e julho de 2018, em função de ameaças.

O POVO noticiou no início do mês a situação de recém-casados que foram expulsos 15 dias após serem beneficiados com a casa própria no residencial Cidade Jardim. Eles pediram reforço policial para escoltar a mudança, pois criminosos não aceitavam a retirada dos móveis e eletrodomésticos. Também em agosto, na Comunidade dos Cocos, na Praia do Futuro, familiares de integrantes de facção foram retirados de casas que ocupavam ilegalmente.

No começo do ano, pichações ameaçadoras expulsaram pelo menos 20 famílias no Barroso 2. Isso desencadeou ação da SSPDS e de outros órgãos, ocupando a área com base móvel da PM e atividades sociais.

(O POVO)