Blog do Eliomar

Categorias para Ceará

Secretaria da Cultura e Uece discutem parcerias

culturr
O secretário da Cultura do Estado, Fabiano dos Santos, recebe, neste momento, na sede do órgão, o reitor da Universidade Estadual do Ceará, Jackson Sampaio. Com o reitor, outros professores da instituição.

O mote é um só: parcerias entre Secult e Uece, o reconhecimento dos Mestres da Cultura com notório saber, aprovado em recente resolução da Universidade, a Orquestra Sinfônica da Uece (Osuece), Escolas da Cultura e ações conjuntas para pesquisa em cultura, arte, economia criativa e gestão cultural.

(Foto – D. Moura)

Grupo de mulheres petistas promove ato contra governo Temer

images-cms-image-000500438

As secretarias de Mulheres do PT estadual e municipal organizam plenária, nesta noite de quarta-feira (1), na sede estadual do partido, em Fortaleza. Em pauta, o protesto contra o governo interino golpista de Michel Temer (PMDB), a atual conjuntura a agenda de atividades.

O encontro contará com a presença da secretária de mulheres do PT nacional, Laisy Moriére, que desde 2008 está à frente da secretaria, com a missão de dar mais visibilidade e espaço às mulheres dentro e fora do partido,

(Site 247 Ceará)

Morais Moreira fará show inédito em Fortaleza

moraes_moreira

O cantor e compositor Moraes Moreira fará um show inédito em Fortaleza, que retratará um momento especial de sua carreira e da música brasileira: um repertório dos áureos tempos dos Novos Baianos, banda que integrou de 1969 a 1975.

A apresentação ocorrerá no próximo sábado, a partir as 20 horas, no Teatro RioMar.  O currículo desse grande artista inclui clássicos como “Brasil Pandeiro”, “Preta Pretinha”, “Acabou Chorare”, “O Mistério do Planeta”, entre outros.

SERVIÇO

*Ingresso Rápido: 4003-1212
www.ingressorapido.com.br

*Bilheteria do Teatro RioMar Fortaleza: Rua Desembargador Lauro Nogueira, 1500 Piso L3 – de terça-feira a sábado, das 12 às 21 horas, e domingo e feriados, das 14 às 20 horas. Em dias de apresentações: das 12 horas até o
início da última apresentação. Segunda-feira: fechada.

Professores da UFC protestarão contra junção do MCT com pasta das Comunicações

242 1

Lindberg Gonçalves

Professores da UFC vão realizar, a partir das 16 horas desta quinta-feira, um ato contra a junção do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) com o Ministério das Comunicações. A medida foi adotada pela gestão do presidente em exercício Michel Temer. O ato ocorrerá no auditório do Centro de Tecnologia (Campus do Pici).

A organização da manifestação é da representação local da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC-Ceará) e do Sindicato dos Docentes das Universidades Federais do Estado do Ceará (ADUFC-Sindicato).

“Vamos apresentar nossa total repulsa a esse retrocesso, pois não podemos aceitar isso. O País necessita de ciência, tecnologia e inovação para alcançar o desenvolvimento econômico”, diz o professor Lindberg Gonçalves, diretor do Campus da UFC em Russas. De acordo com o docente, que também dirige a SBPC no Ceará, o evento vai ao encontro de outras instituições, entre centros, universidades e associações, que têm se manifestado contrariamente à decisão.

Durante a mobilização, será lida a nota da Reitoria da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) em defesa do MCTI: https://goo.gl/qPXEpp. Na sequência, vários docentes irão discursar em prol da manutenção do órgão.

Tudo pronto para os Jogos da Construção 2016

foto andré montenegro construção civil

André Montenegro preside o Sinduscon/Ceará.

O Sindicato das Construtoras do Ceará (Sinduscon-CE) promoverá, no próximo sábado, uma manhã de lazer para os trabalhadores da construção civil e seus familiares. O evento ocorrerá a partir das 8 horas, no SESI da Parangaba. A iniciativa faz parte da programação da Copa da Construção 2016 e pretende reunir mais de 400 pessoas, entre operários – que são os atletas das equipes inscritas na competição esportiva, familiares e representantes das construtoras associadas ao Sinduscon-CE.

O campeonato é uma realização do Sinduscon-CE, por meio do Programa Qualidade de Vida na Construção (PQVC), em parceria com o Serviço Social da Indústria (SESI). O objetivo do torneio é fomentar o entrosamento entre os trabalhadores das empresas associadas, assim como estimular a prática esportiva. Durante o evento, haverá a distribuição de lanche, além de atividades culturais e de lazer para crianças e adultos, como banho de piscina, música ao vivo, oferecidos gratuitamente pelo Sinduscon-CE. Na ocasião, serão realizados os jogos: J. SIMÕES (ABSOLUTO) x C.ROLIM e INTEGRAL ENGENHARIA x SCOPA.

Neste ano, a competição conta com 32 equipes inscritas de 24 empresas. As partidas são realizadas semanalmente às terças, quintas e sextas-feiras, das 19 às 21 horas, e, aos sábados, das 8 às 12 horas, com premiação total de R$ 10 mil para os três primeiros colocados. O presidente do Sinduscon-CE, André Montenegro de Holanda, acredita que é essencial fornecer entretenimento aos trabalhadores.

Mapa da Violência – Sociólogo responsável pelo estudo falará em Fortaleza

236 1
juliokacobob
O Comitê Cearense pela Prevenção de Homicídios na Adolescência promoverá nesta sexta-feira, a partir das 8h30min, o seminário “Prevenção dos Homicídios na Adolescência: discutindo armas e drogas”. O evento ocorrerá no auditório da Faculdade de Direito da UFC.
A palestra de abertura será feita pelo sociólogo Julio Jacobo, responsável pela série de estudos intitulado Mapa da Violência. Coordenador da Área de Estudos sobre Violência da Faculdade Latino-Americana de Ciências Sociais e com larga experiência na área da educação e da juventude, Julio Jacobo foi um dos homenageados no Prêmio Direitos Humanos 2013 pelo conjunto dos trabalhos realizados na área de Segurança Pública.
Programação
Ao longo do dia serão realizados painéis e uma roda de conversa. Ainda pela manhã, o painel discutirá drogas, com Luciana Boiteux (Professora e coordenadora do grupo de pesquisa em Política de Drogas e Direitos Humanos da Faculdade Nacional de Direito da Universidade Federal do Rio de Janeiro) e Rafael Baquit, médico do Hospital de Saúde Mental de Messejana e coordenador do Coletivo Balance Redução de Risco e de Danos.
À tarde, o debate será sobre acesso a armas, com o pesquisador Luis Fábio, do Laboratório de Estudos da Violência da Universidade Federal do Ceará (LEV); Michele Ramos , do Instituto Igarapé (RJ) e Bruno Langeani, do Instituto Sou da Paz (SP). Tanto o Instituto Igarapé como o Sou da paz possuem experiências positivas na área da segurança cidadã, com campanhas bem sucedidas de desarmamento.
*Às 16 horas, haverá uma mesa de debate com os convidados.

Professores estaduais em greve farão ato público na sede da Seduc

127 1

aniziomeloziomelo

Anízio Melo preside a APEOC.

O Sindicato APEOC vai realizar mais um ato na sede da Secretaria da Educação do Estado, no Cambeba, em Fortaleza. Será a partir das 9 horas desta quinta-feira, com o objetivo de pressionar o Governo a atender as reivindicações dos profissionais da educação. Eles estão em greve desde o dia 25 de abril.

Além de atos públicos, o Sindicato APEOC promoverá uma série de plenárias regionais em todo o estado para debater com a categoria a proposta de remuneração apresentada pela Secretaria da Educação na última segunda (30). As plenárias regionais já acontecem a partir desta quarta (01) e ocorrem em Morada Nova e Itapipoca.

Veja a agenda a partir desta quinta-feira

02/06: PACAJUS – 15h – Escola Padre Coriolano: Rua Ten. Joaquim Moreira de Queiroz, 51
02/06: BATURITÉ – 15h – Liceu Domingos Sávio
02/06: Ato na SEDUC – 9h
03/06: CAMOCIM – 09h – (Local a ser definido)
03/06: TIANGUÁ – 15h – (Local a ser definido)
03/06: CRATEÚS – 09h – (Local a ser definido)
03/06: TAUÁ – 15h – Liceu de Tauá
04/06: CRATO – 09h – (Local a ser definido)
04/06: SOBRAL – 09h – (Local a ser definido)
06/06: IGUATU – 15h – (Local a ser definido)
06/06: BREJO SANTO – 08h – (Local a ser definido)
06/06: QUIXADÁ – 08h – (Local a ser definido)
06/05: JAGUARIBE – 15h – (Local a ser definido)
07/06: Zonais em Fortaleza – Manhã
07/06: Ato na SEFAZ – 15h
07/06: Reunião do Comando de Greve – 18h – CUT
08/06: Assembleia Geral – 9h – (Local a ser definido)

PF do Ceará desmantela grupo que deu rombo de R$ 50 milhões na Caixa

“A Polícia Federal do Ceará prendeu, na manhã desta quarta-feira, 1º, 13 empresários, funcionários da Caixa Econômica Federal e “laranjas”, que teriam provocado um prejuízo de pelo menos R$ 50 milhões ao banco, por meio de fraudes em contratos de empréstimos. Ao todo, a Operação Caixa Preta cumpre 15 mandados de prisão temporária e 23 mandados de busca e apreensão expedidos pela 32ª Vara da Justiça Federal.

Dois gerentes da Caixa foram detidos em Fortaleza e outros dois ainda estão foragidos. Segundo a investigação, o grupo aliciava pessoas para integrar o quadro societário de empresas de fachada. Depois, elaboravam documentação falsa para instruir os pedidos de empréstimo.

Os suspeitos responderão, na medida de suas participações, pelos crimes de estelionato, falsidade ideológica, uso de documento falso, peculato, corrupções ativa e passiva, crime financeiro, lavagem de dinheiro e organização criminosa.

A quadrilha criminosa é formada por empresários, contadores e pessoas físicas que figuram como sócios “laranjas” de empresas de fachadas, criadas para obtenção de empréstimos fraudulentos ou destinatárias dos recursos.

O nome da operação é uma referência ao trabalho desenvolvido pela auditoria da Caixa Econômica Federal. O banco constatou as fraudes em diversas operações de créditos relacionadas à mesma organização criminosa por meio monitoramento e controle da regularidade dos contratos de empréstimos.”

(O POVO Online – Repórter Luana Severo)

Feriado do Corpus Christi – Setor hoteleiro não experimentou lençóis macios

 manuelcarcdoso

O setor hoteleiro de Fortaleza registrou queda de 20% na ocupação de leitos durante o feriado de Corpus Christi. Já em termos nacionais, esse índice oscilou até 35% em algumas regiões do País.

Essas informações são do presidente do Sindihoteis de Fortaleza e vice-presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (Abih), Manuel Cardoso Linhares.

“A crise persiste, mesmo com a chegada do novo governo. Estamos aguardando medidas na área”, diz ele para o Blog. Entre as lutas do segmento, está o reajuste das taxas de serviços cobradas.

(Foto – paulo MOsKa)

UFC de luto(a): Morre professor Luiz Antônio Maciel

luiz95545

Acontecendo, na Funerária Ternura, em Fortaleza, o velório do professor e diretor do Centro de Ciências Agrárias da UFC, Luiz Antônio Maciel. Lutava contra um câncer. Às 16 horas, será celebrada a missa de corpo presente, enquanto o enterro ocorrerá às 17h30min, no Cemitério Parque da Paz.

Em nota assinada pelo reitor Henry de Holanda Campos e pelo vice-reitor Custódio Almeida, a Universidade Federal do Ceará lamenta a perda, em nota divulgada agora há pouco:

“Profissional brilhante, Luiz Antônio sempre revelou capacidade de liderança, atuando com ponderação, lucidez e poder de aglutinação. Tanto nas lides universitárias como na vida privada, manteve-se firme e coerente na defesa dos ideais progressistas. Sua profícua – ainda que curta – existência, ele a dedicou a servir ao outro e a construir amizades. Com a partida do professor Luiz Antônio, perde a Universidade pública um grande defensor, o que agrega mais um motivo para, hoje, nos cobrirmos de luto”.

Mais sobre Luiz Antônio

Admirado por colegas contemporâneos de atuação do movimento estudantil, a trajetória de Luiz Antônio deixa marcas, boas lembranças e grandes exemplos. “Esse cara merece nossa homenagem porque além de um grande dirigente do movimento estudantil, foi também um estudioso profundo, dedicando-se ao desenvolvimento regional e à reforma agrária como professor da UFC”, ratifica Inácio Carvalho, editor-chefe do Portal Vermelho.

“Compartilhei muitas lutas com Luiz desde o tempo em que ele era presidente do Centro Acadêmico Dias da Rocha, da Agronomia, e eu recém ingresso no curso de Direito. Depois integramos juntos na diretoria do DCE-UFC, na gestão Viração (1983-1984), presidida pelo Gustavo Moura. Foi um período de reorganização da entidade e Luiz se dedicou bastante e se tornou um nome natural para presidir o DCE na gestão seguinte, quando saí do Movimento Estudantil para fundar a União da Juventude Socialista (UJS), no Ceará. Luiz foi um grande cara e permanecerá em nossa memória como um sujeito amigo, fraterno, estudioso e empenhado nas tarefas que assumia. Uma perda difícil para nós todos”, lamenta Carvalho.

O advogado Benedito Bizerril, vice-presidente do PCdoB-CE, também destaca a atuação de Luiz Antônio na defesa dos direitos do povo. “Perdemos um grande companheiro, defensor de um novo projeto nacional de desenvolvimento. Seu apoio foi fundamental para a realização do seminário que a Fundação Maurício Grabois realizou sobre o tema, em parceria com a UFC”.

Gilvan Paiva, titular da Habitafor, enaltece a participação de Luiz Antônio na luta pela democracia. “Ele é de uma geração de quadros forjados na luta pela redemocratização do Brasil. Lembrar dele e seu inegável valor como grande profissional da educação e camarada é persistir na luta para resgatarmos a democracia no Brasil novamente. Luiz, presente!”.

A atuação na defesa da democracia também foi destacada por Beto Veríssimo, agrônomo e pesquisador do Centro de Empreendedorismo da Amazônia. “Luiz Antônio esteve sempre a serviço da democracia e de uma sociedade mais justa. Foi líder estudantil da UFC no início dos anos 1980 e depois como professor e dirigente universitário do Centro de Ciências Agrárias da UFC. Tinha um jeito calmo e maneira de olhar o mundo pela perspectiva da esperança. Carregava um entusiasmo contagiante. Amigo fraternal que já está fazendo muita falta.”

VAMOS NÓS – Nossos pêsames à família do Luiz Antônio, conhecido nosso da Parquelândia. Atleta de vôlei, estudioso, brigão por seus ideais, deixa saudade não só entre familiares, m as vai ser a boa lembrança que todos nós vamos gostar de ter.

Fortaleza 2040 – Fausto Nilo apresentará síntese do plano para lojistas

faustonilo

A Faculdade CDL e o Instituto de Planejamento de Fortaleza (Iplanfor), realizarão, das 8h30min às 11h30min desta quinta-feira, no auditório da CDL, uma exposição do arquiteto Fausto Nilo.

Na ocasião, ele vai apresentar o documento síntese do Plano Fortaleza 2040, que abordará o conjunto de eixos e objetivos estratégicos necessários para o desenvolvimento urbanístico, econômico e social da Capital cearense.

Com ênfase para a região do Centro.

Camilo vai testar o Bilhete Único Metropolitano

camilo e roberto

Nesta quinta-feira, às 8h30min, o governador Camilo Santana (PT) vai acompanhar o funcionamento do segundo dia do Bilhete Único Metropolitano.

Ele estará em Caucaia (Região Metropolitana de Fortaleza) e fará dali o trajeto de integração entre os dois sistemas (metropolitano e urbano).

DETALHE – Quando do início do Bilhete Único de Fortaleza, o prefeito Roberto Cláudio (PDT) convidou para um teste o governador.

Delci Teixeira: “Presídios estão lotados porque Polícia está prendendo!”

161 1

DELCI-TEIXEIRA

Os secretários Delci Teixeira (Segurança Pública) e Hélio Leitão (Justiça) estão na Assembleia e respondem nesta quinta-feira, 1º, a questionamentos sobre a crise do sistema penitenciário no Estado. Em sua fala, o secretário de Segurança destacou que a superlotação registrada em presídios do Estado tem relação com aumento do trabalho da Polícia Militar.

“Quando me dizem que os presídios estão superlotados, isso mostra que a Polícia está prendendo e colocando as pessoas nesses presídios”, disse. Ele destaca, no entanto, que a questão é estudada hoje no “Fórum Ceará Pacífico”, que reúne diversos órgãos na elaboração de políticas de segurança no Estado.

“Pode se questionar se algumas dessas prisões são mal feitas. Todas elas, por óbvio, passam pelo crivo do Judiciário. Quando dizem que prisões estão superlotadas e 72% dos presos são provisórios, isso, por óbvio, foge da competência das Secretarias de Segurança e de Justiça”, disse.

O secretário destaca ainda que, no começo do governo Camilo Santana (PT), Fortaleza e Ceará possuíam índices muito superiores de violência. Ele frisa também ganhos trabalhistas e valorização de policiais militares na atual gestão. “Foi feito um trabalho sim, embora hoje se desmereça esse trabalho (…) há redução da violência. Claro que não é a redução na velocidade que queremos, mas há redução”, disse.

O secretário se queixou de ainda algumas das críticas mais comuns de opositores. “Botamos policiais nas esquinas, aí reclamaram ‘mas não tem carro’. Aí botamos carro, eles vem e dizem ‘mas não tem rádio’. Tem rádio, companheiro”.

Crise penitenciária

Na última quinta-feira, 26, um efetivo de 120 homens da Força Nacional de Segurança chegou ao Ceará para controlar crise no sistema penitenciário. Ação ocorreu após rebeliões simultâneas ocorridas em diversos presídios do Estado deixarem pelo menos 14 mortos.

(O POVO Online)

O Congelamento Real do Orçamento é uma boa ideia?

Com o título “O Congelamento Real do Orçamento é uma boa ideia?”, eis artigo do presidente do Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (IPECE), Flávio Ataliba. Ele aborda o cenário da economia e suas implicações políticas. Confira:

A nova equipe econômica do presidente interino Michel Temer anunciou, entre as medidas mais importantes, a intenção de se estabelecer uma regra pela qual o orçamento do Governo Federal só poderia aumentar de um ano para outro até o limite da inflação do ano anterior. Ou seja, ele seria, na melhor das alternativas, constante em termos reais ao longo do tempo.

Entende-se a gravidade fiscal que o Brasil apresenta, com uma nova meta fiscal prevista para 2016, de déficit primário na ordem de R$ 170 bilhões, mas devemos analisar algumas implicações dessa medida.

Entre seus principais efeitos, podemos vislumbrar, por exemplo, maiores dificuldades, além das já existentes, em o governo oferecer serviços públicos minimamente satisfatórios, haja vista que, com o crescimento da população, a demanda por serviços vai aumentando, enquanto sua capacidade de oferecê-los tenderá a diminuir.

É bem verdade que parte desses serviços poderia ser atendida pela iniciativa privada, mas devemos reconhecer que certas atividades, que são necessariamente funções de Estado, como Justiça, Fazenda, Defesa Nacional, dentre outras, são mais demandas com o crescimento populacional e da economia. Isso sem falar em outro grande problema que é a capacidade de prover serviços adequados pelo Sistema Único de Saúde, imprescindível para a população mais carente.

Assim, a ideia de introduzir essa regra através de uma Emenda Constitucional coloca na prática o caráter de uma mudança permanente, levando a uma situação inimaginável de redução do tamanho do Estado, como proporção do PIB, ao longo do tempo.

Sabe-se, por exemplo, que a população brasileira está envelhecendo e nesse sentido as despesas per capita com a saúde são naturalmente crescentes, além do que, os preços nessa área evoluem de forma mais acelerada que a inflação oficial. Isso vai implicar que o orçamento da saúde cresça mais rápido que os outros componentes, estrangulando, evidentemente, o direcionamento de recursos para essas rubricas, talvez não menos importantes.

Devemos fazer uma reflexão também a respeito da influência dessa medida sobre as diversas carreiras no serviço público. A maior qualificação dos servidores, aliada aos ganhos advindos com a experiência não seriam mais revertidos em ganhos reais de salários, destruindo assim qualquer sentido de meritocracia, o que seria um grande retrocesso.

Outro problema pode ocorrer se a inflação se acelerar. Isso poderá induzir que algumas rubricas do orçamento, fiquem indexadas a inflação, dificultando ainda mais a capacidade do Governo de gerenciar seu orçamento, especialmente se as receitas caírem abaixo da inflação. Além do que, a regra proposta faria com que o governo perdesse um instrumento de politica, a despesa, abdicando-se por consequência a ideia de meta fiscal, que ajuda a reduzir as incertezas da economia e a trajetória da dívida publica.

Por fim, o que devemos observar na proposta do Governo, entre outros problemas, é que ela implicaria numa redução de forma permanente no tamanho do Estado brasileiro.

Penso que a discussão não deveria ser encaminhada na direção de um Estado mínimo, mas sim sobre o tamanho adequado que pudesse de forma eficiente, atender as necessidades da população. Para tanto, a introdução de mais mecanismos de incentivos no serviço público, aliada a ideia de gestão por resultados, seria uma boa estratégia.

Entretanto, quanto à solução do problema fiscal que precisamos enfrentar, talvez uma alternativa melhor fosse estabelecer uma trajetória crível de meta fiscal para cada ano, até que possa se estabilizar a economia, mas isso precisaria ser negociado com a sociedade dado a gravidade das mudanças que precisam ser discutidas. O momento político atual não ajuda para definições de soluções de mais de longo prazo. Uma campanha presidencial seria o momento adequado.

*Flávio Ataliba,

Professor e presidente do IPECE.

As velas do Mucuripe não vão sair para pescar…

ce-pesca-lagosta-liberada

Da Coluna O POVO Economia, da jornalista Neila Fontenele, no O POVO desta quarta-feira:

O período de defeso da lagosta termina hoje, mas o setor não retomará suas atividades. O Ministério da Agricultura, até o momento, não emitiu as licenças de pesca, inviabilizando o retorno dos barcos ao mar.

A direção do Sindicato da Indústria de Frio e Pesca do Ceará (Sindfrio) informa que era prevista a emissão de 4.200 licenças no País, das quais 1.822 no Ceará. Os documentos representam uma exigência para que as embarcações retomem suas atividades.

Esse processo burocrático era de responsabilidade do Ministério da Pesca. Com a sua extinção, o Ministério da Agricultura assumiu os trabalhos. O Sindfrio afirma que em 2015, as licenças foram entregues com dez dias de antecedência, antes do início do período de pesca.

Na última segunda-feira, o Ministério chegou a publicar no Diário Oficial a Portaria Nº 105, prorrogando as autorizações de pesca, o problema é que elas estavam vencidas desde o ano passado. Foi enviada uma proposta ao governo para a liberação de uma autorização provisória, mas a solicitação ainda não foi atendida.

DETALHE – O Brasil exporta lagosta para 21 países. O Ceará movimenta sozinho US$ 39,8 milhões com a venda do crustáceo no mercado internacional, seguido pelo Pará, com US$ 10,2 milhões. Sem as licenças, milhares de pescadores não poderão voltar ao trabalho.

Ministro da Saúde abrirá congresso em Fortaleza

136 1

Brasília - O ministro da Saúde, Ricardo Barros, concede sua primeira entrevista coletiva à imprensa sobre assuntos relacionados à pasta (Wilson Dias/Agência Brasil)

O ministro da Saúde, Ricardo Barros, vai abrir, às 19 horas desta quarta-feira, no Centro de Eventos, o XXXII Congresso do Conselho Nacional dos Secretários Municipais da Saúde (Conasems). Antes, às 17h30min, ele concederá entrevista coletiva no mesmo local.

O congresso reunirá cerca de quatro mil participantes e conta com a coordenação de Mauro Junqueira, presidente do Conselho.

A questão do financiamento do SUS na conjuntura atual é um dos temas do encontro.

TRT do Ceará vai protestar contra cortes orçamentários

trtr

Fórum Autran Nunes.

Servidores do Tribunal Regional do Trabalho do Ceará farão, às 10 horas da próxima sexta-feira, na entrada do Edifício Desembargador Manoel Arízio de Castro, no Centro de Fortaleza, um ato público em defesa da Justiça do Trabalho. Além dos servidores, o ato contará com a participação de magistrados, advogados e representantes de várias instituições que irão defender a valorização da Justiça do Trabalho e protestar contra os recentes cortes em seu orçamento.

O corte ultrapassou os R$ 10 milhões no orçamento de custeio da Justiça do Trabalho do Ceará, o que corresponde a 30% do total da verba solicitada para 2016.

Como consequência disso, foi cancelado concurso para servidores, o horário de atendimento ao público foi reduzido para economizar energia, metade dos estagiários foi cortada e contratos de limpeza, vigilância e manutenções foram reduzidos em pelo menos 25%.

BC inclui Ceará entre estados com as contas no vermelho

198 2

Politica

E agora, secretário Mauro Filho (Fazenda)?

Abalados por uma forte crise fiscal, 18 dos 27 Estados estão com as contas no vermelho. Dados divulgados ontem pelo Banco Central (BC) mostram que esse grupo gastou bem mais do que arrecadou nos últimos 12 meses encerrados em abril. A situação mais grave é a do Rio de Janeiro, cujo déficit primário chegou a R$ 4,2 bilhões naquele mês.

Em seguida, estão Ceará, com rombo de R$ 2,2 bilhões, e Bahia, com R$ 1,3 bilhão. Os números do BC também deixam claro que houve um agravamento do quadro desde 2015. No mesmo período do ano passado, 11 unidades da federação estavam deficitárias.

Esse cenário foi tornado público ontem durante divulgação das contas do setor público consolidado (governo central, estados, municípios e estatais) em abril. Após dois meses no vermelho, os números voltaram a ficar no azul e apresentaram um superávit de R$ 10,182 bilhões. O valor, contudo, é 24% menor do que no ano passado. A redução do superávit dos estados e municípios foi a mais elevada, de 38% — R$ 2,6 bilhões para R$ 1,6 bilhão.

Diante do quadro negativo dos governos estaduais, a equipe econômica está disposta a dar um alívio extra no pagamento das dívidas desses entes com a União. O tamanho da ajuda vai começar a ser negociado hoje, em uma reunião entre o secretário-executivo do Ministério da Fazenda, Tarcísio Godoy, e os secretários de Fazenda estaduais. Como antecipou O GLOBO, a ideia do governo é propor, inicialmente, um desconto entre 60% e 80% nas parcelas que são pagas mensalmente ao governo federal por um período de até um ano.

(Com O Globo)