Blog do Eliomar

Categorias para Ceará

Nova Previdência – Presidente da Comissão Especial participará de seminário no Ceará

217 1

O presidente da Comissão Especial que analisa a proposta da Nova Previdência, deputado federal Marcelo Ramos (PR-AM), participará, no próximo dia 30, de um seminário regional sobre o tema na Assembleia Legislativa. A informação é do primeiro-secretário da Casa, Evandro Leitão (PDT).

O encontro ocorrerá às 15 horas, no Complexo das Comissões do Poder Legislativo, ocasião em que o parlamentar vai pautar os principais pontos da reforma do presidente Jair Bolsonaro. No debate, estarão os deputados federais Heitor Freire (PSL) e Mauro Filho (PDT), além de outros membros da bancada cearense.

Marcelo Ramos virá atendendo a convite do presidente da Casa, José Sarto (PDT), e do líder do PDT na Câmara dos Deputados, André Figueiredo.

(Foto – Agência Brasil)

Observatório da Segurança vai monitorar dados do setor em cinco estados; Ceará entra na lista

Será lançada, na próxima terça-feira, às 9h30min, no auditório do Museu História Nacional, no Rio, a Rede de Observatórios da Segurança, iniciativa que promete monitorar 16 indicadores – além de dados oficiais – da segurança pública de cinco estados: Ceará, Rio de Janeiro, São Paulo, Pernambuco e Bahia.

No Ceará, a organização que faz parte da Rede é Laboratório de Estudos da Violência (LEV) e vai monitorar índices e indicadores estaduais para compor relatórios e análises locais e comparativas com outros estados e nacionalmente.

Inspirada no Observatório da Intervenção, projeto realizado pelo CESeC no Rio de Janeiro durante a intervenção federal, a Rede incluirá, dentre os indicadores analisados, dados geralmente subnotificados como feminicídio e violência contra a mulher, racismo e injúria racial, violência contra LGBTQ+ e intolerância religiosa – em uma iniciativa que pretende dar mais visibilidade e buscar soluções mais eficazes para crimes deste tipo.

O lançamento da Rede – que pretende contribuir para a construção de uma agenda propositiva para políticas de segurança pública no País – ocorre em um momento de debate sobre o endurecimento no combate ao crime no País, a partir de propostas polêmicas como a liberação do porte de armas para civis.

(Foto – Ilustrativa)

José Sarto: “O benéfico caminho das medidas preventivas”

Com o título “O benéfico caminho das medidas preventivas”, eis artigo de José Sarto, presidente da Assembleia Legislativa, que está no O POVO desta sexta-feira. Ele aborda triste cenário de tantos acidentes no trânsito, neste Maio Amarelo. Confira:

A prevenção é o caminho mais eficiente da gestão pública. Conscientizar sobre os fatores que levam aos problemas ajuda a evitá-los e reduz prejuízos. Se tomarmos o exemplo do trânsito, onde a imperícia, a distração ou desrespeito à sinalização resultam em acidentes, é fácil constatar a tese.

No ano passado, mais de 18 mil pessoas ficaram com sequelas em razão de colisões e atropelamentos no Ceará. O número é elevado, mas já foi maior. Há cinco anos, foram mais de 74 mil casos, segundo a Seguradora Líder, que administra o DPVAT. A redução das estatísticas depende de todas as esferas do Poder Público e exige colaboração de todos que fazem parte do trânsito, sejam eles pedestres, condutores e ciclistas.

O objetivo do movimento Ideia Certa, da Assembleia Legislativa do Ceará, é envolver o Parlamento na construção de um debate propositivo sobre esses problemas que afetam a vida dos cearenses, mas podem ser evitados.

A discussão que iniciamos neste mês se integra à iniciativa Maio Amarelo, campanha que chama a atenção para a violência no trânsito. Medidas preventivas são urgentes, principalmente quando consideramos que, além das sequelas físicas, dos obstáculos que as famílias enfrentam para se refazer após o trauma e prover o lar, há vários ônus sociais e ao erário, como superlotação de hospitais, indisponibilidade de leitos e reabilitação dos pacientes.

É nosso papel, como legisladores, fomentar amplo debate com a participação de pesquisadores e profissionais da área, incluir a sociedade, propor ajustes nas leis, quando necessário, e cobrar ações do Executivo. O propósito é conciliar múltiplas abordagens disciplinares e sistematizar boas práticas e experiências que podem ser replicadas em nosso Estado, contribuindo para a melhoria das políticas públicas.

Cabe ainda um diálogo aberto com todos os cearenses, alertando sobre os riscos da combinação entre álcool e volante, advertindo sobre os riscos de usar o celular enquanto se dirige, lembrando da manutenção regular dos veículos, cobrando o uso de equipamentos de segurança, entre outras medidas. É fundamental que todos assumam responsabilidades. Afinal, prevenir é melhor do que estar diante do problema e enfrentar suas consequências.

*José Sarto, 

Presidente da Assembleia Legislativa do Ceará.

(Foto – ALCE)

Saneamento básico – Ceará com uma mão no tablet e o pé na lama

354 4

O Ceará integra lista dos 10 estados brasileiros com piora no acesso ao esgoto – anos 2017/ 2018. Os dados são do IBGE, que destaca: cerca de 23 milhões de domicílios no País, em 2018, não estavam conectados à rede de coleta de esgoto.

Por aqui, a piora veio a partir de 2016, quando 45,2% da população tinha acesso a esgotamento sanitário.

No ano seguinte, caiu para 44,9% e, no ano passado, despencou para 43,4%.

Conclusão: o Ceará, hoje, tem as mãos no tablet e o pé na lama.

(Foto – Arquivo)

MPCE ajuíza ação e cobra funcionamento integral do Hospital Regional do Sertão Central

As Promotorias de Justiça de Quixeramobim ajuizaram uma Ação Civil Pública (ACP) contra o Estado do Ceará. O objetivo é garantir o completo funcionamento do Hospital Regional do Sertão Central (HRSC), conforme planejado e prometido inicialmente pelo Governo, nos moldes em que funcionam os dois outros Hospitais Regionais na Região do Cariri e na Região Norte do Estado. A informação é da assessoria de imprensa do MPCE.

Houve a constatação de que a maioria dos serviços, prometidos à população e idealizados no cronograma de implantação do hospital, de fato, estão funcionando, mas, até hoje não funciona: o atendimento de urgência e emergência “Portas Abertas”, sendo certo que a placa que existia deste a inauguração do HRSC, grande e em vermelho, indicando a Emergência do Hospital, foi retirada sem qualquer explicação. A Neonatologia, a Emergência obstétrica, a Neurologia, a Neurocirurgia e o atendimento integral de traumatologia e a cirurgia vascular também não são oferecidos à clientela.

Conforme apurado pelo MPCE, mais de quatro anos após a inauguração do Hospital Regional do Sertão Central, se uma pessoa sofrer um acidente grave na CE 060, nas imediações da unidade hospitalar, ela não é encaminhada para o referido hospital, mas para o Hospital Geral de Fortaleza (HGF) ou o Instituto Doutor José Frota (IJF) ou até mesmo o Hospital Regional do Cariri.

Luta

Há dois anos, o MPCE busca a efetiva ação do Estado do Ceará a fim de solucionar a problemática. A exemplo, em 8 de dezembro de 2016, o Ministério Público requisitou à Secretaria de Saúde do Estado (Sesa) encaminhamento do cronograma das etapas de abertura do HRSC, com a indicação de eventuais pendências de cada fase, recebendo resposta em 9 de janeiro de 2017. Com a finalidade de acompanhar o cronograma, o MPCE inspecionou a unidade hospitalar em 22 de junho de 2017, realizando reunião com a Sesa em 4 de setembro de 2018. Nova inspeção foi feita na data de 22 de novembro de 2018, sendo constatada a retirada do letreiro EMERGÊNCIA do Hospital, por determinação da Secretaria de Saúde. Nesse contexto de parcial funcionamento do HRSC, o MPCE enviou, ainda, em 27 de março de 2019, Recomendação ao Governo do Estado, não obtendo resposta.

Assim, na ACP, os promotores de Justiça requerem a concessão de tutela antecipada, no sentido de que sejam os promovidos obrigados a: no prazo de três meses, abrir, real e efetivamente, o serviço de atendimento de urgência e emergência do Hospital, promovendo o funcionamento integral da unidade hospitalar, nos termos pensados inicialmente, principalmente no que se refere ao serviço de traumatologia, obstetrícia e neurologia; bem como seja recolocado, imediatamente, o letreiro “Emergência” do HRSC, no mesmo local de onde foi retirado. O descumprimento da medida dentro do prazo estipulado pode acarretar multa pessoal diária no valor de R$ 10 mil, cujo ônus deverá recair sobre o governador do Ceará, Camilo Santana, e o secretário de Saúde do Estado, Carlos Roberto Martins Sobrinho, de forma a não onerar o erário.

(Foto – Arquivo)

Vem aí o II Seminário Internacional Mais Infância Ceará

Onélia Leite, a primeira-dama doEstado, à frente do encontro.

Tudo pronto para o II Seminário Internacional Mais Infância Ceará: A Garantia dos Direitos das Crianças na Construção de um Futuro Sustentável, evento alusivo aos 30 anos da Convenção Internacional sobre os Direitos da Criança. A iniciativa, do governo do Estado, que ocorrerá, a partir das 8 horas de terça e quarta-feira próximas, no Centro de Eventos, tem o objetivo de comunicar e sensibilizar gestores da esfera nacional, estadual e municipal, profissionais e entidades que realizam trabalhos em prol da infância.

O evento reunirá um grupo de excelência, do Brasil e de diversas partes do mundo, que apresentarão as experiências individuais na área dos direitos da criança. Na Conferência Magna, o advogado Pedro Affonso Hartung, professor de Harvard e coordenador do Programa Prioridade Absoluta do Instituto Alana, de São Paulo, vai debater sobre “A Garantia dos Direitos das Crianças na Construção de um Futuro Sustentável”.

“Esse vai ser o segundo seminário internacional para mobilizar os gestores, os nossos profissionais e as entidades com o intuito de priorizar a primeira infância e ainda focar nos mais vulneráveis, só assim teremos uma sociedade menos desigual”, ressalta a primeira-dama do Ceará, Onélia Leite.

Programação

SERVIÇO

*As inscrições estão disponíveis para o público-alvo do evento aqui.

*Horário: A partir de 8 horas

*Centro de Eventos do Ceará (Salão Pecém) – Avenida Washington Soares, 999 – Edson Queiroz.

(Foto – Paulo MOska)

“É preciso discutir o País de forma altiva”, apregoa presidente da Federação das Indústrias do Ceará

178 1

Com o título “É preciso discutir o País de forma altiva”, eis artigo de Beto Studart, presidente da Federação das Indústrias do Ceará, que está no O POVO desta sexta-feira. “O que temos acompanhado é que a relação perniciosa entre o Executivo e o Legislativo, que perdurou ao longo dos últimos 20 anos, insiste em permanecer viva e ativa nos corredores daquela Casa”, diz o texto. Confira:

Tenho utilizado nos últimos meses este prestigioso espaço disponibilizado a mim pelo O POVO para colaborar no debate das grandes questões nacionais. O faço com imenso prazer porque o bom debate sempre marcou a minha trajetória de vida. Digo isto em vista de estarmos vivenciando no País um período no qual a discussão de ideias está cedendo espaço para preocupante cenário que pode nos levar a uma situação de agravamento da crise que enfrentamos atualmente.

Refiro-me em especial ao debate em torno da reforma da Previdência em tramitação na Câmara dos Deputados. Lamentavelmente, mesmo diante dos números que indicam a sua necessidade e de pesquisas de opinião pública favoráveis à reforma, vemos predominar a insensibilidade da maioria dos políticos, que não enxergam a grande crise que ameaça o País.

O recado dado nas urnas em outubro último, nos acenando a perspectiva da mudança nos modos de fazer política no Congresso Nacional, parece que ainda não se fez ouvir por grande parte dos parlamentares eleitos. O que temos acompanhado é que a relação perniciosa entre o Executivo e o Legislativo, que perdurou ao longo dos últimos 20 anos, insiste em permanecer viva e ativa nos corredores daquela Casa.

É impossível silenciar ao vermos barreiras sendo colocadas contra o esforço hercúleo dos novos governantes em tentar interromper esse ciclo do toma lá, dá cá que se instalou no País. É preciso que a sociedade volte a se manifestar pro bem do Brasil, pois a tarefa de quebrar essa teia rasa de mediocridade exige um esforço que extrapola o poder de atuação do Executivo.

A reforma da Previdência é essencial para os destinos do País, fundamental para o equilíbrio das contas públicas e para a restauração da dignidade da multidão de desempregados, que são hoje 13 milhões de pessoas. Deixar de lado o melhor para o País em troca de interesses menores não pode ser entendido apenas como falta de sensibilidade. Trata-se na verdade de jogar contra si próprio, pois os reflexos do que estamos plantando hoje se farão sentir nas futuras gerações destes mesmos que se negam a fazer o que precisa ser feito de forma urgente.

*Beto Studart,

Presidente da Federação das Indústrias do Ceará (Fiec).

(Foto – Fiec)

Grupo de Correspondentes do O POVO visita redação do jornal

A nova turma dos Correspondentes do O POVO, formada por alunos das escolas públicas e privadas de Fortaleza, visitou, nesta manha de sexta-feira, o Grupo de Comunicação O POVO, tendo como cicerone a jornalista Jacqueline Costa.

O grupo, que colabora com o jornal mandando textos para a coluna Direto da Escola, veiculada às terça-feiras, ainda participou de uma oficina sobre Jornalismo com a coordenadora da Plataforma Impressa, Tânia Alves.

Conosco, o grupo posou e nos deixou felizes. Como é bom saber que somos lidos por esse segmento.

(Foto – Paulo MOska)

Prefeito garante até apoio financeiro para que Lord Hotel seja a nova sede da Câmara Municipal

O prefeito Roberto Cláudio (PDT) prometeu apoio financeiro para o presidente da Câmara Municipal, Antonio Henrique (PDT), que quer o antigo Lord Hotel como sede do legislativo municipal.

Ele adiantou ainda que o governador Camilo Santana até já se prontificou a ceder o prédio, que é patrimônio estadual.

Há um problema nisso tudo: área para estacionamento, pois o prédio fica encravado no Centro.

O prefeito garante que há terreno á disposição para isso, dentro da estratégia de revitalização dessa banda da Capital cearense.

(Foto – CMFor)

Fortaleza tem etapa do Circuito Brasileiro de Surf Profissional

O Circuito Brasileiro Profissional 2019, da Confederação Brasileira de Surf, teve início, nesta sexta-feira, em Fortaleza. Mais precisamente na Praia do Futuro, altura da Praça Dom Hélder Câmara. Os surfistas aproveitam para treinos, pois o bicho pega neste fim de semana.

A primeira etapa da temporada 2019 vai se estender até domingo, dentro de cinco etapas que ocorrerão ainda na Bahia, Rio de Janeiro, São Paulo e Santa Catarina.

Cada peleja distribuirá R$ 100 mil em premiação, com equiparação de valores para as categorias Masculino e Feminino, adiantam organizadores.

SERVIÇO

*Confira ao vivo a competição aqui.

(Foto – Divulgação)

Sai resultado da primeira fase do concurso de auditor de controle interno da CGE

O resultado final da primeira fase do concurso de Auditor de Controle Interno da Controladoria e Ouvidoria Geral do Estado (CGE) já está disponibilizado. O concurso visa o preenchimento de 25 vagas nas áreas de Auditoria Governamental (09), Auditoria em Obras Públicas (04), Tecnologia da Informação (04), Correição (04) e Fomento ao Controle Social (04).

A listagem dos candidatos aprovados e convocados para o curso de formação, que compõe a segunda fase do concurso, está disponível aqui.

A 2ª fase do concurso é composta por três etapas. A 1ª etapa é um Curso de Formação e Treinamento Profissional, de caráter eliminatório e classificatório, com duração de 160 (cento e sessenta) horas. A 2ª etapa é uma avaliação psicológica, de caráter eliminatório, para verificação da personalidade e da aptidão do candidato para o desempenho das atribuições e atividades inerentes ao cargo de Auditor de Controle Interno; e a 3ª será uma avaliação de títulos, de caráter classificatório.

Novas fases

O curso de formação será realizado em Fortaleza, no período de 5 a 28 de junho de 2019, na Escola de Gestão Pública do Estado do Ceará, no Centro Administrativo, no Cambeba.

Os candidatos convocados para o curso de formação deverão realizar a matrícula, exclusivamente, via internet, no endereço eletrônico do Centro de Seleção e de Promoção de Eventos (Cespe), no período das 9 horas do dia 24 de maio de 2019 às 17 horas do dia 26 de maio de 2019 (horário oficial de Brasília/DF).

Após o curso, será aplicada uma prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório, com 70 questões do tipo múltipla escolha, que versarão sobre os conteúdos abordados no curso de formação. A prova objetiva do curso de formação será aplicada na data provável de 30 de junho de 2019, às 9 horas, com duas horas de duração.

 

Editorial do O POVO – “Índios do Ceará: dívida histórica”

Com o título “Índios do Ceará: dívida histórica”, eis o Editorial do O POVO desta sexta-feira:

A demarcação de terras, a segurança das lideranças indígenas ameaçadas, o fortalecimento dos postos de saúde e das escolas indígenas, a inclusão em projetos públicos de produção, a preservação da memória cultural, dentre outras pautas, foram reivindicações apresentadas por representantes dos 15 povos indígenas do Ceará à Assembleia Legislativa, nesta quarta-feira, perante a Comissão de Direitos Humanos. A audiência pública ouviu relatos impressionantes sobre as angústias que pairam sobre esses povos autóctones numa das conjunturas mais difíceis para eles, e no momento em que se ergueu uma verdadeira muralha contra suas pretensões, pelo governo federal, segundo denunciam.

A questão preliminar, em termos de urgência, é a garantia da vida dos líderes indígenas, cada vez mais ameaçados e cercados por um clima hostil. Está sendo reivindicada a criação de um sistema de proteção ao governo estadual. No clima de proliferação de ódio e de armas no País é uma exigência mais do que prudente. Em seguida, a demanda central: obter do governo estadual um gesto de boa vontade no sentido de dar um passo a mais no suporte às ações de viabilização do processo de demarcação das terras indígenas no Estado. É claro que a obrigação principal é do governo federal. Entretanto…

*Leia a íntegra do Editorial do O POVO aqui.

Rodovia que dá acesso ao Porto do Pecém é só buraco

A principal via de acesso ao Complexo Industrial e Portuário do Pecém tem sido motivo de dor de cabeça para empresários e caminhoneiros nos últimos dias. Em obras desde 2017 para a duplicação das pistas, a CE-155 possui hoje trechos comparados a estradas carroçáveis. Com o agravo das recentes chuvas registradas na região, operações no porto têm sido prejudicadas, motivando queixas.

De acordo com a Associação das Empresas do Complexo Industrial e Portuário do Pecém (Aecipp), o grande volume de precipitações que atingiram o Ceará durante esta quadra chuvosa danificou a rodovia, que tem intenso fluxo de veículos de grande porte, entre carretas e caminhões, todos os dias.

“Essa situação traz grande perigo para os que trafegam diariamente na estrada e tem impactado sobremaneira os negócios das empresas do Complexo Industrial e Portuário do Pecém, uma vez que as condições da CE têm dificultado e atrasado a movimentação dos veículos”, comunicou a Aecipp, por meio de nota, sem revelar quantas operações estão sendo prejudicadas.

*Confira a íntegra da matéria no O POVO aqui.

Camilo garante reposição salarial para quem ganha o piso

693 7

Camilo Santana anuncia pacote de ajustes em breve.

Será de 3,75% a reposição salarial de cerca de 20 mil servidores estaduais que ganham o piso no Estado do Ceará. O percentual foi definido com base na inflação registrada no ano de 2018. O Governo do Estado ainda deverá reajustar o vale-alimentação desses servidores no mesmo percentual.

Dessa forma, o Ceará consegue atender quem ganha menos, apesar de seguir a tendência de outros Estados do país, que resolveram apertar o cinto diante da situação de incerteza da economia brasileira. Professores tiveram a aplicação do piso federal de 4,17% na carreira. Outras categorias foram beneficiadas em torno de ganhos específicos em gratificações e promoções, negociados anteriormente.

O Governo alega que seria uma irresponsabilidade dar aumento maior neste momento e correr o risco de atrasar salários e aumentar as demissões no setor público, como vem acontecendo em vários Estados.

Aliás, há uma leva de servidores públicos pelo país que não receberam ainda nem o 13º do ano passado.

(Da Coluna do Eliomar de Lima, no O POVO)

Fim de Inverno – Açudes cearenses têm média de 21,2% do volume ocupado

A capacidade hídrica do Ceará já atingiu 21,2% do volume total durante a quadra chuvosa de 2019, que termina oficialmente no próximo dia 31. Em comparação com o fim da quadra do ano passado, quando o Estado acumulava 17% da capacidade dos açudes preenchida, a recarga dos reservatórios neste ano é, até agora, quatro pontos percentuais maior.

Essa é a maior capacidade registrada desde 2015. No entanto, os dados consolidados sobre a situação atual do abastecimento do Ceará ainda não foram gerados. O balanço dos meses chuvosos (fevereiro, março, abril e maio) será divulgado apenas no começo de junho pela Secretaria dos Recursos Hídricos (SRH).

Maior reservatório do Estado, o Castanhão chega a estes últimos dias…

*Confira a íntegra da matéria da reporte Alexia Vieira no O POVO aqui.

Frente Cearense pelo Novo Brasil convoca para manifestação no domingo

A Frente Cearense pelo Novo Brasil, formada pelos grupos Conexão Patriota, Endireita Fortaleza, Brasil Conservador, Brasil Indignado, Consciência Patriótica e Instituto de Democracia e Ética, estarão realizando manifestação nesse domingo (26), na praça Portugal, a partir das 16 horas.

Segundo a ativista Sandra Cordeiro, “o movimento reivindica a aprovação da Medida Provisória 870, a aprovação do Pacote Anticrime do Ministro Sergio Moro, a votação e aprovação da reforma da Previdência (proposta pelo ministro Paulo Guedes), a aprovação da CPI da Lava Toga, além do combate às articulações não republicanas do chamado ‘Centrão’”.

“Cabe esclarecer, ainda, que o movimento é apartidário e reúne grupos que estão envolvidos em movimentos de ruas há anos”, ressaltou a ativista.

(Foto: Divulgação)

UFC – Estudo aponta que um em cada cinco brasileiros pode ter diabetes

Conduzida pelo Conselho Federal de Farmácia, com apoio da Sociedade Brasileira de Diabetes (SBD), um estudo da Farmácia-Escola da Universidade Federal do Ceará revela: um em cada cinco  brasileiros sem diagnóstico prévio pode ter diabetes mellitus. A coleta dos dados locais ocorreu entre 19 de novembro e 5 de dezembro do ano passado, informa a assessoria de imprensa da UFC.

Na Farmácia-Escola da UFC foram 87 pessoas atendidas, das quais 38 homens e 49 mulheres, com média de idade de 52 anos. Cada participante teve medidos glicemia capilar, peso, altura, circunferência abdominal, índice de massa corpórea (IMC) e ainda respondeu ao questionário FINDRISC, ferramenta de rastreio para detecção de casos de hiperglicemia e diabetes. Ao fim do atendimento, o resultado foi disponibilizado individualmente, juntamente com orientações farmacêuticas a respeito da importância da prática de hábitos saudáveis de vida e de acompanhamento médico.

Homens em risco

Os dados coletados pela UFC mostram que, entre os homens, 37,25% apresentaram risco alto ou muito alto de desenvolvimento de diabetes. Já entre as mulheres esse índice chegou a 42,5%. A média geral da dosagem de glicemia foi de 123 mg/dL, com média masculina de 128 mg/dL e feminina de 117 mg/dL.

Uma particularidade dos dados locais é que 39,55% dos pacientes apresentaram risco alto ou muito alto de desenvolvimento de diabetes, índice maior do que o nacional, que foi de 22,60%. Isso indica um risco maior de desenvolvimento do diabetes na população fortalezense do que a média brasileira. Os riscos alto e muito alto indicam que um em cada três (risco alto) e um em cada dois (muito alto) pacientes desenvolverá diabetes nos próximos 10 anos, respectivamente, na Capital.

No Brasil, 17.580 pessoas foram avaliadas pelo estudo. Delas, 18,4% apresentaram glicemia elevada. No total, foram cerca de mil farmacêuticos de farmácias públicas e privadas, em 345 municípios. Os fatores de risco mais presentes foram o sedentarismo (68%), a não ingestão de verduras e frutas todos os dias (43%) e o histórico familiar (37%).

SERVIÇO

*O estudo na íntegra encontra-se disponível no site do Conselho Federal de Farmácia: http://www.cff.org.br.

(Foto – UFC)