Blog do Eliomar

Categorias para Ceará

Usuários denunciam pane nos horários da Linha Sul do Metrofor

Usuários do Metrofor reclamam das panes que têm ocorrido na Linha Sul. Segundo o jornalista Haroldo Barbosa, na sexta-feira (3), o atendimento parou por quase uma hora.

De acordo ainda com o jornalista, as estações não oferecem nenhuma condição de conforto aos usuários.

“É um desrespeito aos usuários. A estação é subterrânea e tem péssima ventilação. Calor e desconforto”, lamentou Haroldo Barbosa, na estão José de Alencar, no Centro.

(Foto: Leitor do Blog)

Comida regional atrai fortalezense para o RioMar Kennedy

455 1

Fortaleza passou a contar com mais um empreendimento voltado à comida regional. Depois dos famosos pratos regionais do Mercado São Sebastião, do Centro de Turismo e da Varjota, agora a cidade ganhou o Kina do Feijão Verde 2, que inova em levar a típica culinária para um shopping, o RioMar Kennedy.

Para o proprietário do restaurante, Adriano Costa, o segredo, além dos temperos e do modo de preparo, é o preço. Tão atrativo como o cheiro da comida.

(Foto: Divulgação)

Domingo de manifestações em defesa do meio ambiente nas praias de Fortaleza e Caucaia

Duas manifestações em defesa do meio ambiente marcam este domingo (5) em Fortaleza e Caucaia. O primeiro ocorre na Praia de Iracema, por volta das 9 horas, no espigão do Náutico, na Beira Mar, quando ambientalistas apontam risco para a fauna marinha local, diante do projeto de construção do novo espigão da Praia de Iracema. Já o segundo movimento, no mesmo horário, acontece na Praia do Icaraí, na avenida principal, com saída do condomínio Sollar, nas proximidades do supermercado Líder. O protesto é contra o descaso das autoridades locais, diante do avanço contínuo do mar, que já destruiu residências, barracas de comidas, trechos de ruas e avenidas e agora ameaçam condomínios.

Em Fortaleza, a Doutora em Ciências Marinhas e bióloga Liana Queiroz, ativista do Instituto Verdeluz, afirma que o aterro pode trazer uma perda irreparável da biodiversidade local, expandindo esses impactos para a população de boto-cinza que habita a orla da capital cearense e para as tartarugas marinhas. “É imensurável a real magnitude do impacto em toda biodiversidade e na pesca artesanal, inclusive”, alerta.

A programação do manifesto contará com limpeza da praia e subaquática, exposição de fotos e vídeos da fauna local, música com a Brigada da Natureza, debates, exposição itinerante do Grupo de Estudos e Articulações Sobre Tartarugas Marinhas (Gtar Verdeluz) e aulas de surf. Na ocasião, 10 mergulhadores voluntários farão a limpeza subaquática e haverá aluguel de equipamentos de mergulho para aqueles que desejarem colaborar com a ação.

A iniciativa é uma parceria entre a Aquasis, Instituto Verdeluz, Mar do Ceará, Maloca- Centro Acadêmico de Ciências Ambientais da Universidade Federal do Ceará, Aldeia Surf Escola, G.I.A- Grupo de Interesse Ambiental,Limpando o Mundo, Associação Brasileira de Combate ao Lixo no Mar, Centro Acadêmico de Oceanografia da Universidade Federal do Ceará e Associação de Stand Up Paddle do Ceará.

Novo aterro da Praia de Iracema

O projeto do novo aterro prevê um avanço de 80 metros mar adentro, com extensão de 1,2 mil metros, totalizando uma área de 96 mil metros quadrados. A engorda da faixa de areia será entre os espigões das avenidas Desembargador Moreira e Rui Barbosa. A obra é orçada em R$ 70 milhões e deverá trazer para a orla arborização e equipamentos como ciclovias, pistas para corrida, brinquedos e quiosques.

(Foto: Arquivo)

Corte de 30% – Sindicato dos servidores do IFCE cobra reação por parte da reitoria

O Sindicato dos Servidores do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (Sindsifce) cobra da reitoria do Instituto uma reação contra o anúncio do corte de 30% nas verbas de todos os institutos no Brasil e também nas universidades públicas.

“Não satisfeito em afirmar que três das melhores universidades do País seriam ‘punidas’ por promoverem ‘balbúrdia’, o Ministério da Educação, controlado por um representante direto do alto sistema financeiro e especulativo, informou que na verdade não seriam somente três as instituições prejudicadas. Seria feito, isto sim, um corte de 30% no orçamento para todas as universidades e todos os institutos federais. Isso mesmo! Corte linear de 1/3 do orçamento, por decreto (nº 9741/2019), sem qualquer justificativa e em pleno exercício 2019, sem qualquer autorização por parte do Congresso Nacional, que, em uma democracia, aprova a lei orçamentária, sempre de um ano para outro”, ressaltou em nota o Sindsifce.

“Assim que o drástico corte de recursos foi confirmado pelo Planalto, muitos IFs e universidades publicaram notas bastante duras, ressaltando a total impossibilidade de manter as atividades, com tamanha diminuição de receitas. Já a administração do Ifce se manifestou através de nota publicada em seu site nessa sexta-feira, 3, com o título ‘IFCE debate bloqueio de recursos em Brasília’, destacando que o ‘reitor Virgílio Araripe avaliará os possíveis impactos da medida’, participando, ‘na próxima semana, de uma série de reuniões em Brasília para debater o tema e avaliar as possibilidades de minimizar, ao máximo, os impactos da medida”, completou a nota do sindicato.

(Foto: Arquivo)

Penaforte – PRF apreende 200 quilos de maconha, fuzis e munição neste sábado

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) realizou apreensão de cerca de 200 quilos de maconha, fuzis e munição de grosso calibre, na madrugada deste sábado, 4, em Penaforte. Os policiais abordaram uma caminhonete GM/D20, por volta das 3h30min, no km 547 da BR-116.

O veículo tinha dois ocupantes, o motorista de 40 anos e um passageiro de 32 anos. De acordo com a PRF, ambos apresentaram nervosismo no momento da abordagem.

Após a fiscalização, aproximadamente 200 quilos de substância análoga a maconha, dois fuzis e mais 11 munições de grosso calibre foram encontrados.

Os dois homens foram presos e encaminhados para a sede da Polícia Federal (PF) em Juazeiro do Norte. O material apreendido também foi encaminhado para a PF, onde os homens serão autuados em flagrante por tráfico de drogas e armas.

De acordo com a PRF, os detidos não quiseram falar a origem e nem o destino do material. Também não falaram quanto estariam recebendo para realizar o transporte.

Nessa sexta, 3, outra apreensão foi realizada na BR-116. Mais de 100 quilos de maconha foram apreendidos em abordagem no km 478,9 da BR-116, em Milagres, no Cariri.

(O POVO Online)

Educação e o atual cenário político econômico é tema de seminário neste sábado

A Associação dos Servidores da Secretaria de Educação do Estado do Ceará (ASSEEC) realiza neste sábado (4), no Hotel Recanto do Wirapuru, o XII Seminário “Os profissionais da Educação e o atual cenário político econômico”, que visa aprofundar a discussão acerca dos cortes na área da Educação. O tema foi escolhido, segundo a diretoria executiva do sindicato, devido os constantes ataques do governo federal.

O evento seguirá durante todo o dia e debaterá também sobre a importância da luta de classe, a reestruturação do Instituto de Saúde dos Servidores do Estado do Ceará (Issec) e pontos polêmicos da reforma da Previdência. Os palestrantes apresentarão detalhes sobre os reais prejuízos do projeto que altera as medidas operacionais de assistência social geridas pelo Instituto Nacional do Seguro Social.

Rita de Cássia Gomes, presidente da Aseeec, abriu o debate criticando a falta de reconhecimento profissional e recordou a formação acadêmica de uma auxiliar de serviços. “Aqui temos muitos profissionais capacitados, mas esquecidos pelo Poder Público. No ano passado, por exemplo, a nossa associada Fernanda Barbosa, de 84 anos, se formou em sociologia e segue estudando pedagogia”.

(Foto: Divulgação)

O discurso de campanha é diferente da gestão, diz Wagner sobre Bolsonaro

240 1

O deputado federal Capitão Wagner (Pros) segue criticando os dias de Jair Bolsonaro (PSL) na Presidência. Opositor da reforma previdenciária que tramita na Comissão Especial da Câmara dos Deputados, o parlamentar disse que o discurso do presidente foi um na campanha eleitoral e no período de Congresso, mas tornou-se outro após ter vencido Fernando Haddad (PT) em 2018.

Acompanhado de correligionários locais do Pros e de deputados de outros estados, Wagner esteve ontem na Assembleia Legislativa do Ceará (AL-CE) para debater os impactos do texto sobre policiais e bombeiros militares.

Ele destacou que a proposta deixou a categoria “no limbo”, isto é, sem qualquer regra específica. Ele interpreta a elevação do tempo mínimo de serviço, de 30 para 35 anos, como não razoável. Ressalta que estes profissionais têm rotina diferente das demais. “Já que não têm carga horária definida, não têm garantia, não podem se sindicalizar, não podem fazer greve, que tenham tratamento diferenciado”, opina.

Wagner lembra que, na discussão da proposta previdenciária do ex-presidente Michel Temer (MDB), o então deputado Bolsonaro classificava a idade mínima de 65 anos como criminosa. “A proposta dele está chegando nessa idade”, critica.

O entendimento do deputado, todavia, é diferente do da oposição encampada por siglas à esquerda. Acredita que a tramitação do texto deve ser célere e o debate pautado em números, sem questões ideológicas. Diz que apresentará emendas e tentará angariar assinaturas – são necessárias 171, pelo menos.

Uma das emendas que apresentará com companheiros de partido, diz, refere-se ao Benefício de Prestação Continuada (BPC) e à aposentadoria rural. “Além de discutir o sistema de capitalização. Em vez de economia, gera gasto adicional para o Governo Federal de R$ 378 milhões. É contraditório”.

 Mesmo com a aprovação da Reforma, a projeção que faz é negativa. Para ele, o mercado financeiro seguirá desmotivado com o País, já que o Palácio do Planalto ainda demonstra incapacidade de governar.

Wagner entende que os parlamentares que votarem a favor da proposta sentirão o reflexo da escolha nas urnas em 2020.

Já anunciado postulante à Prefeitura de Fortaleza, o líder do Pros estava apalavrado com o presidente do PSL no Ceará, Heitor Freire, para a corrida eleitoral.

Até então, ele dava prioridade à sigla de Bolsonaro para a sua vice. Contudo, o presidente municipal do PSL e deputado estadual, André Fernandes, sinalizou que sigla deverá ter candidato próprio. O motivo, alegou o estadual, é porque o nome do partido para a sucessão de Roberto Cláudio (PDT) tem de ser “100% identificado com o presidente Jair Messias Bolsonaro”. Freire, por sua vez, ainda diz ver a aliança com bons olhos.

(O POVO / Repórter Carlos Holanda)

Camilo e a arte de engolir sapos

296 2

Da Coluna Eliomar de Lima, no O POVO deste sábado (4):

O PDT fechou a estratégia: vai apresentar candidaturas em capitais e cidades com mais de 200 mil habitantes em 2020. Quem assegura é o vice-presidente nacional do partido, o deputado federal André Figueiredo. Ele acrescenta que o objetivo é fortalecer a sigla para 2022, quando Ciro Gomes provavelmente será postulante ao Palácio do Planalto.

Baseado nessa decisão, o PDT não abrirá mão, em hipótese alguma, de lançar um nome para a sucessão do prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio. O próprio RC, que comanda o pedetista na Capital, confirma, endossado pelos Ferreira Gomes.

Nas entrelinhas, um recado direto para o governador Camilo Santana (PT). Em sua constelação, há aliados querendo que o PT apresente nome. Camilo, que reforça o Juntos por Fortaleza com RC – pacote de obras, evita o mote. Resta aguardar o futuro, até porque Camilo já provou, várias vezes, que sabe engolir sapos. De todos os tipos e lados.

Enquanto isso, Camilo reafirmou nessa sexta-feira (3), em entrevista ao CE no Ar, da TV Cidade, que realizará, neste semestre ainda, dois concursos públicos: um para a Polícia Civil e outra para a Pefoce. Ainda convocará aprovados para a Polícia Militar.

Heitor cobra repasse aos hospitaos credenciados pelo Estado

O deputado estadual Heitor Férrer cobrou nesta sexta-feira (3) o repasse por parte do Governo do Estado aos hospitais credenciados ao Instituto de Saúde dos Servidores do Estado do Ceará (ISSEC)

Segundo o documento expedido pela Associação dos Hospitais, o repasse não é feito desde o fim do ano passado e os médicos não recebem salários desde outubro último.

Produtor rural que quer isenção de ICMS na conta de energia deve se cadastrar até 31 de maio

A Secretaria da Fazenda prorrogou, até o dia 31 de maio, o prazo para que o produtor rural compareça a uma unidade de atendimento da concessionária Enel Distribuição Ceará e comprove que exerce atividade de agricultura, pecuária ou aquicultura. A medida é necessária para que o Imposto de Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) não incida sobre a fatura de energia elétrica.

O adiamento atende a um pleito da Federação dos Trabalhadores Rurais Agricultores e Agricultoras Familiares do Estado do Ceará (Fetraece) e da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado do Ceará (Faec). A prorrogação do prazo considerou a baixa adesão de produtores rurais.

A Enel informou que, dos 550 mil clientes da classe rural que a empresa possui, apenas 27% haviam se cadastrado até a última terça-feira, data em que terminou o prazo, de acordo com o Decreto n◦ 32.847, publicado em 31 de outubro de 2018.

A norma determinou um prazo de 60 dias, a contar da data da publicação, para que a Enel encaminhasse aos consumidores da classe rural um formulário para a confirmação de dados cadastrais. Logo após, começou a contar um prazo de 120 dias para que o cliente comprovasse sua condição de produtor rural e efetuasse o cadastramento.

Outra medida: consumidores da classe rural, pertencentes à subclasse residencial rural, com média de consumo abaixo de 140 KW nos últimos 12 meses, não precisarão mais realizar o cadastro. As novas medidas alinhadas durante o encontro constarão em um novo decreto, a ser publicado em breve. Quem não realizar o cadastramento será tributado pelo ICMS, podendo arcar com contas pelo menos 37% mais caras”.

SERVIÇO

*Documentação necessária:
· Formulário, devidamente preenchido e assinado;
· Registro ou cadastro do titular da unidade consumidora junto a secretarias, institutos, federações e sindicatos listados no formulário;
· Pessoa física: apresentar também um documento oficial com foto e o CPF;
· Pessoa jurídica: apresentar também o cartão de CNPJ atualizado e o contrato, Estatuto Social e demais aditivos.

*Onde entregar os documentos:
. Lojas de atendimento da Enel.

(Foto – Divulgação)

Cláudia Raia é uma das atrações do 12º Encontro de Mulheres Pague Menos

No 12º Encontro de Mulheres Pague Menos, que ocorrerá de 16 a 19 de maio, no Centro de Eventos, entre as atrações confirmadas está a atriz Cláudia Raia.

Ela vai falar e se apresentar no dia 18, depois do comentarista de boas práticas de saúde da Rede CBN, Márcio Atalla, e antes do show da cantora Fafá de Belém.

Cláudia Raia, a dama dos musicais brasileiros, além de estar fazendo sucesso na novela global das 7h30min, “Verão 90”, integra o júri do quadro “Show dos Famosos”, do Domingão do Faustão.

(Foto – Reprodução de TV)

Prefeito Roberto Cláudio lança neste sábado a sétima edição do Academia do Enem

O prefeito Roberto Cláudio (PDT) vai abrir neste sábado, a partir das 12 horas, no Ginásio Paulo Sarasate, o programa Academia Enem 2019. A ação também marcará o lançamento do Projeto Juventude Sem Fronteiras 2019. O Programa, que chega à sétima edição este ano e já beneficiou mais de 70 mil pessoas, visa auxiliar os estudantes, prioritariamente da rede pública, no ingresso ao ensino superior, por intermédio de aulas preparatórias para o Enem.

Nesta edição, o Academia Enem contará com 30 encontros, que acontecerão sempre aos fins de semana. O programa ofertará ainda dois simulados, que tem o intuito familiarizar os jovens com o modelo da prova do Enem e preparar ainda mais os alunos para o certame.

Dentro da programação, haverá a apresentação musical do Bloco Café Preto, seguida por uma palestra sobre “Técnica de Estudo e Aprendizagem” e uma aula sobre redação no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Já no domingo (05/05), acontecerão aulas de Geografia, Química e História.

Todos os anos, os estudantes recebem fardamento, lanche, material didático e vale-transporte. O curso é gratuito e basta que o jovem que realizou inscrição, por meio do formulário eletrônico, esteja cursando ou tenha concluído o ensino médio.

Sem Fronteiras

Em 2018, a Prefeitura selecionou 100 alunos do programa Academia Enem (AE) para um intercâmbio de oito semanas, com todas as despesas pagas e uma ajuda de custo, na Inglaterra (Liverpool e Manchester) e na Espanha (Salamanca e Valência). Foram ofertadas o dobro de vagas (100 só para 2017) por edição do programa Academia Enem, adianta a assessoria de imprensa da Prefeitura de Fortaleza.

(Foto – Divulgação)

400 anos é muito pouco?

Com o título “400 anos é muito tempo?”, eis artigo de Gabriela Yamaguchi, diretora de engajamento do WWF Brasil, que está no O POVO desta sexta-feira. Ela aborda campanha contra o lixo plástico. Confira: 

Vamos parar uns minutinhos para pensar… no tempo. Costumamos correr tanto no dia a dia em busca de praticidade e rapidez. Só que nessa correria a gente acaba fazendo escolhas que nos prejudicam. Por muito tempo.

Quanto você demora para tomar um suco no copo descartável? E usar cotonetes? E aquela sacola para levar as compras até em casa? Assim que acabamos de usá-los, eles podem virar a poluição que vai existir no nosso planeta por 400 anos.

O vazamento de plástico polui os rios e os mares, prejudica os ecossistemas onde vivemos e assim coloca em risco toda a vida no planeta. A produção plástica anual chegou a 396 milhões de toneladas em 2016, o que corresponde a 53 quilos por pessoa no planeta – e três de cada quatro quilos já virou poluição. No estudo publicado em março pela rede WWF (Fundo Mundial para a Natureza), “Solucionar a poluição plástica: transparência e responsabilização”, com base em dados do Banco Mundial, somos o quarto país que mais produz lixo plástico no mundo.

No Brasil, de 11,3 milhões de toneladas de lixo plástico produzidas, apenas 145 mil toneladas (1,28%) foram efetivamente recicladas, ou seja, reprocessadas na cadeia de produção. O destino de 7,7 milhões de toneladas de plástico são os aterros sanitários. Outros 2,4 milhões de toneladas são descartados de forma irregular. E um milhão de toneladas não são recolhidas pelos sistemas de coleta.

O plástico gerou avanços na sociedade. Mas o seu uso descartável está falido e precisa urgentemente ser mudado. Não basta coletar e reciclar. Precisamos também reduzir e substituir o plástico que consumimos.

A solução está nas mãos de todos os atores da cadeia de valor do plástico, incluindo produtores, setores intermediários de transformação, varejo, usuários finais, agentes de coleta e gerenciamento de resíduos sólidos, governos nacionais e subnacionais.

Por isso, a rede WWF está com uma petição para combater a poluição plástica nos oceanos que será levada aos líderes mundiais na Assembleia Geral das Nações Unidas, em setembro. Precisamos avançar com urgência na criação de um acordo global de responsabilização, incluindo compromissos claros, leis nacionais robustas e dispositivos comerciais que incentivem essa mudança.

Porque no caminho da solução, juntos, não temos tempo a perder.

*Gabriela Yamaguchi,

Diretora de engajamento do WWF Brasil.

Tudo pronto para o VIII O POVO Noivas. Agora é dizer… “Sim!”

Vem aí o VIII O POVO Noivas.

Acontecerá, das 14 às 22 horas, no período de 14 a 16 deste mês de maio, no Shopping RioMar Papicu.

No programa, palestras, apresentações musicais, desfiles e sorteios e mais de 30 expositores entre serviços e produtos para as celebrações de casamento.

SERVIÇO

*Entrada é gratuita e as inscrições podem ser feitas pela página especial.opovo.com.br/noivas onde também é possível conferir a programação completa.

Semana Nacional de Conciliação Trabalhista – TRT do Ceará já recebe pedidos de audiência

O Tribunal Regional do Trabalho do Ceará está recebendo pedidos de audiências para a Semana Nacional da Conciliação Trabalhista, que acontecerá de 27 a 31 deste mês de maio. O objetivo do evento, segundo a assessoria de imprensa do TRT do Estado, é realizar um mutirão para proporcionar, por meio de solução amigável, maior celeridade ao encerramento de conflitos trabalhistas, buscando alcançar o maior número possível de acordos.

Para agendar as audiências de conciliação, advogados, trabalhadores e empregadores podem procurar o Centro de Conciliação do TRT/CE (Cejusc) através do e-mail cejusc@trt7.jus.br e pelos telefones (85) 3388-9424 ou 3388-9430. Pelo site do Tribunal também é possível realizar petições. Processos em qualquer fase podem entrar na pauta de audiências.

São previstos mais de 300 processos para o período. As audiências serão realizadas no ed. Des. Manoel Arízio de Castro, no Fórum Autran Nunes, Centro de Fortaleza.

Promovida pelo Conselho Superior da Justiça do Trabalho (CSJT), em parceria com os TRTs de todo o Brasil, a edição de 2019 da Semana Nacional da Conciliação Trabalhista tem como slogan “Menos Conflitos. Mais Soluções: com a conciliação o saldo é sempre positivo”. A temática da campanha de divulgação conta com numerais e símbolos de operações matemáticas que visam mostrar, de forma objetiva, os resultados positivos que a Semana da Conciliação Trabalhista tem alcançado desde 2015.

Este é o quinto ano do evento. Nas quatro primeiras edições, foram contabilizados mais de 700 mil atendimentos, cerca de 102 mil acordos consolidados e uma movimentação de recursos superior a R$ 2 bilhões.

O coordenador da Comissão Nacional de Promoção à Conciliação da Justiça do Trabalho e vice-presidente do CSJT e do Tribunal Superior do Trabalho, ministro Renato de Lacerda Paiva, destaca as vantagens da conciliação. “A Justiça do Trabalho sempre teve em sua essência, desde a CLT de 1943, essa natureza mediadora. A solução amigável dos conflitos trabalhistas é a forma mais rápida, vantajosa e moderna para a solução dos litígios”, acredita.

Na última edição da Semana Nacional da Conciliação Trabalhista, ocorrida entre 21 e 25 de maio de 2018, a Justiça do Trabalho do Ceará realizou mais de 600 acordos e arrecadou mais de R$ 10 milhões. Ao todo, foram atendidas 3.800 pessoas nos cinco dias do evento. Os bancos foram responsáveis pelo maior número de processos na pauta de audiências. Só a Caixa Econômica Federal tentou acordos em mais de 50 processos.

CEO do Instituto Empresariar falará sobre Empresas Familiares

O Instituto Empresariar vai lançar, na próxima segunda-feira, 6, o “Minuto da Empresa Familiar”. Trata-se de inserção que já está indo ao ar diariamente na Rádio O POVO/CBN, entre 8 e 9 horas, com reprise às 19 horas. O lançamento ocorrer no Espaço O POVO de Cultura e Arte, a partir das 19 horas, ocasião em que o CEO do Instituto Empresariar, Cícero Rocha, falará sobre o futuro das empresas familiares, os riscos e a oportunidades.

O quadro “Minuto da Empresa Familiar”, que iniciou sua veiculação no mês de março em Fortaleza e na região do Cariri através da Rádio CBN, ganhou seu espaço no Spotify com o podcast “Minuto da Empresa Familiar”, com publicação todas as quartas-feiras.

“Por mais que trabalhar em familiar seja uma oportunidade de reduzir custos e ter colaboradores mais comprometidos com os resultados, existem alguns riscos iminentes nessa situação, tanto é que são poucas as empresas que sobrevivem a sucessão. Vamos falar sobre essas questões, mas também sobre as oportunidades que muitas vezes passam desapercebidas nessas empresas. É valido ressaltar que, por meio do conhecimento e com otimização de recursos, as famílias se tornam mais felizes e empresas mais prosperas”, ressalta o CEO do Instituto Empresariar.

Instituto Empresariar

O Instituto Empresariar é referência nacional na profissionalização de empresas familiares. Fundado há mais de 15 anos, é fruto de um projeto que vem se desenhando e se consolidando com a disponibilização de serviços de alto padrão de qualidade para empresas familiares, fundamentados na filosofia de integrar o conhecimento científico. O Instituto desenvolveu o método BFB – Balanced Family Business, exclusivamente voltado para empresas familiares, inspirados nas grandes escolas de gestão do mundo.

(Foto – Divulgação)

Um resgate em dose dupla das histórias em quadrinhos no Ceará

Serão lançados neste sábado, 4, às 16 horas, no Centro Dragão do Mar, os livros “Antologia HQ: quadrinhos para sala de aula” e “História das Histórias em Quadrinhos no Ceará”.

As publicações trazem um verdadeiro levantamento do que se tem feito na área dos quadrinhos no Estado e são da responsabilidade de Edições Demócrito Rocha.

O trabalho de organização coube ao escritor Raymundo Netto, da EDR. O Apoio veio da Prefeitura de Fortaleza.

Beto Studart recebe nesta sexta-feira a Medalha Ivens Dias Branco

Camilo Santana e Beto Studart.

Em sua fala nesta sexta-feira, às 19 horas, no Palácio da Abolição, após receber a Medalha Ivens Dias Branco das mãos do governador Camilo Santana (PT), o presidente da Federação das Indústrias do Estado (Fiec), Beto Studart, baterá na mesma tecla, em discurso: o País só sai da crise se a Reforma da Previdência for aprovada.

Instituída em setembro de 2016, através do Decreto 32.037, a condecoração escolhe o homenageado por meio de votação realizada entre os integrantes das câmaras setoriais representantes dos mais diversos setores produtivos cearenses. As câmaras estão instauradas no âmbito da Agência de Desenvolvimento do Estado do Ceará (Adece).

Em 2017, a medalha foi destinada ao empresário José Dias de Macêdo.

(Foto – Divulgação)

Inteligência artificial e o emprego

Com o título “Inteligência artificial e o emprego”, eis artigo de Edilberto Pontes, presidente do Tribunal de Contas do Ceará. Sobre o mote, diz ele no texto: “É uma questão em aberto e que vai necessitar um considerável esforço da sociedade e dos governos para que o desfecho seja positivo.” Confira:

Um dos debates mais intrigantes do momento é sobre o futuro do emprego. O uso intensivo da tecnologia da informação, da inteligência artificial e das máquinas que aprendem vai implicar o fim do emprego formal? São sombrias as perspectivas? A maior parte das pessoas vai precisar de transferências governamentais para sobreviver?

É uma questão em aberto e que vai necessitar um considerável esforço da sociedade e dos governos para que o desfecho seja positivo. Deixar ao sabor das forças de mercado, sem nenhuma intervenção governamental, não parece definitivamente o melhor caminho. É que as empresas buscam maximizar o lucro e para tanto vão dar preferência a modelos que reduzam os custos, sem maiores preocupações com a perda dos postos de trabalho. Relevante, portanto, o papel do setor público: embora não deva obviamente impedir o progresso tecnológico, há de assegurar que esse progresso seja inclusivo, implicando a geração de empregos de alta qualidade, com bons salários.

Em um excelente artigo (Where do good jobs come from? Project Syndicate, 26/04/19), Daron Acemoglu defende que o governo invista em educação e em tecnologias de base, a exemplo do ocorreu com a internet, cuja criação e desenvolvimento deveu-se majoritariamente a esforços governamentais. Além disso, deve criar um sistema de proteção para os trabalhadores e um sistema tributário que, entre outras funções, observe o seu papel redistributivo. O autor exemplifica com as ações governamentais do pós-guerra, em que diversos países implementaram medidas nessa direção com muito sucesso.

Pensar de forma ideológica costuma atrapalhar a adoção de boas políticas públicas. Muitos liberais vão argumentar com a resposta pronta de que o governo deve interferir o mínimo possível no atual cenário econômico. Em vez de ideologia, observar o que funciona e o que não funciona costuma ser muito mais útil. Gerar empregos de qualidade no mundo da inteligência artificial e da robótica é um grande desafio, exigindo respostas pragmáticas e efetivas.

*Edilberto Pontes,

Presidente do Tribunal de Contas do Ceará.