Blog do Eliomar

Categorias para Ceará

Morre ex-coordenador da Defesa Civil de Fortaleza

332 1

alisiooo

Será sepultado às 15 horas desta segunda-feira, no Cemitério Jardim do Éden, o ex-coordenador da Defesa Civil de Fortaleza (Gestão Luizianne Lins ), Alísio Santiago. Ele esteve à frente do órgão por oito anos, período em que conseguiu zerar mortes por cheias e desabamentos na periferia da Capital em períodos de inverno.

O velório ocorre na Funerária Nordeste, na rua Periguary, 340, no bairro Antônio Bezerra.

Alísio Santiago foi vítima de infarto, na noite desse domingo. Chegou a ser levado para um hospital, mas não resistiu. Ele estava como assessor de Acrísio Sena, que responde pela Assessoria de Mobilização dos Movimentos Sociais do Governo Camilo Santana (PT).

(Foto – Facebook)

Prefeito entregará 1ª escola bilíngue de Fortaleza

2406cd0201

O prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PDT), vai entregar, às 9 horas desta segunda-feira, a Escola Municipal Francisco Suderland Bastos Mota. Trata-se, segundo ele, da primeira unidade de educação integral bilíngue de Fortaleza, com ensino via Língua Brasileira de Sinais (Libras).

A Escola Municipal Francisco Suderland Bastos Mota foi adaptada para receber alunos surdos e ouvintes. A equipe profissional que atuará na unidade também é composta de surdos, incluindo o diretor, e ouvintes. Todos são capacitados para o ensino em Libras e Língua Portuguesa.

A unidade atenderá alunos do Infantil IV ao 5° ano e funcionará em tempo integral, cumprindo o currículo de disciplinas da educação básica no turno da manhã e desenvolvendo outras atividades pedagógicas à tarde. A unidade escolar conta com cinco salas de aula, laboratório de informática, biblioteca, sala de dança, quadra esportiva, refeitório e piscina semiolímpica. As matrículas da primeira escola bilíngue de Fortaleza continuam abertas.

Presidente da CNBB vem participar da festa do centenário da Arquidiocese de Fortaleza

cndnd

Da Coluna Vertical, do O POVO desta segunda-feira:

O presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil, dom Sérgio da Rocha, é um dos convidados principais das cerimônias que marcarão o centenário da Arquidiocese de Fortaleza.

Os atos ocorrerão no próximo dia 13, no Condomínio Espiritual Uirapuru, tendo à frente o arcebispo, dom José Antônio, ao lado de outros ex-arcebispos como dom Cláudio Hummes e todos os demais bispos das dioceses do Ceará. O Núncio Apostólico do Brasil, dom Agnelo Giovani d’Aniello, confirmou presença.

A presença do presidente da CNBB tem um significado também emocional: ele foi bispo-auxiliar de dom José Antônio.

Espera-se que, nesse evento, haja uma homilia voltada para animar os fieis diante do cenário da crise econômica e da crise hídrica que bateu à porta do Nordeste.

Valim diz que transposição do São Francisco virou questão de ‘vida ou morte’ para municípios nordestinos

foto vitor valim deputado federal

Integrante da Comissão Externa da Câmara dos Deputados que acompanha as obras da transposição do rio São Francisco, o deputado federal Vitor Valim (PMDB-CE) diz que há muito as obras passaram a representar uma questão de “vida ou morte” para 12 milhões de pessoas de 390 municípios de quatro estados brasileiros. Valim observou que o Nordeste enfrenta pior seca dos últimos 50 anos, quando 46 milhões de nordestinos sofrem com as consequências da falta d’água, enquanto a economia na Região já acarreta um prejuízo de mais de R$ 4 bilhões.

O parlamentar, que prefere o termo “integração das águas” ao “transposição das águas”, participou na última semana do fórum de debates com prefeitos e vereadores das cidades que serão beneficiadas pelo projeto. O encontro contou com a presença de representantes do Tribunal de Contas da União (TCU), Ministério das Cidades, Fundação Nacional de Saúde (Funasa), Secretaria de Meio Ambiente do Estado do Ceará (SEMA), Secretaria das Cidades do Ceará, Companhia de Água e Esgoto do Ceará (CAGECE), Caixa Econômica Federal, Associação dos Municípios do Estado do Ceará (Aprece) e União dos Vereadores do Ceará (UVC).

Vitor Valim chamou a atenção para que municípios providenciem o sistema de esgotamento sanitário, pois poderão colocar todo o projeto em risco, no caso de poluição das águas.

Ala do PSOL aponta Roseno como pré-candidato em Fortaleza e Cecília Feitoza como presidente estadual

292 5

foto psol roseno e cecília

Em nota enviada ao Blog, a corrente interna do PSOL, denominada Insurgência, que possui entre seus integrantes o vereador João Alfredo, o deputado Renato Roseno e a bióloga Cecília Feitoza, apresenta sua versão para o racha do partido no Ceará. Confira:

Após a realização de mais de 44 plenárias pré-congressuais, com a participação de quase 800 filiados/as de todas as regiões, foram eleitos (as) 168 delegados (as) para participar do mais importante fórum de discussão partidária do estado. Todas as plenárias foram fiscalizadas e, dada a lisura do processo, as atas delas foram enviadas pela Executiva Estadual para a Comissão Organizadora Nacional, seguindo o regimento nacional do V Congresso do PSOL. Os fatos relatados abaixo, contudo, resultaram na divisão do congresso.

A Comissão Organizadora (CO) nacional resolveu, em 21/10, invalidar sete plenárias: Pereiro, Cascavel, Alcântaras, Beberibe, Jijoca, Caucaia e Jaguaruana. A Executiva Estadual, em 28/10/2015, aprovou resolução em defesa do credenciamento de todos/as os/as delegados/as. No dia 29/10, a CO recusou essa decisão. Por defendermos a ampla participação da militância do partido e dada a legitimidade das etapas prévias, não concordamos com essa invalidação. Nessas plenárias, estiveram presentes delegados e delegadas identificados com diferentes teses, os/as quais fiscalizaram o processo e participaram do debate político.

Na última quarta-feira, 4/11, fomos surpreendidos com um segundo julgamento da Comissão Organizadora, que resolveu validar casuisticamente a plenária de Alcântaras. Fez isso com base num recurso fundamentado em uma cópia de ata grosseiramente adulterada. O que havia fundamentado a invalidação da plenária de Alcântaras na reunião da Comissão Organizadora Nacional de 29/10 era o fato da plenária ter iniciado a votação às 11h30, portanto antes dos 30 minutos regimentais entre o fim do credenciamento e o início da votação. Contudo, a ata usada para esse segundo julgamento da Comissão Organizadora Nacional, onde registrava-se 11h30, passou-se a ler 11h36.

Diante disso, a presidência do PSOL Ceará solicitou a análise de um perito grafotécnico, que atestou cabalmente a fraude em relatório bem fundamentado. Não aceitamos fraude nem transigimos com crimes. Não aceitamos nos render a quem não aceita o resultado das urnas e frauda. Essas práticas nunca foram vistas no PSOL do Ceará e não aceitaremos naturalizá-las.

O presidente nacional do PSOL, Luiz Araújo, esteve no Ceará e nos propôs o inaceitável: que seguíssemos o segundo julgamento da Comissão Organizadora Nacional (que revalidou a plenária de Alcântaras), que foi indiscutivelmente baseado numa fraude.

Assim, houve uma divisão do Congresso. Nós que não aceitamos fraudes propusemos a instalação do Congresso com o credenciamento de todos/as aqueles/as que foram legitimamente eleitos (inclusive dos sete municípios acima mencionados). Não houve acordo. Instalamos o Congresso com mais de 50% de delegados e delegadas eleitos no Ceará.

Repudiamos esse tipo de conduta e lamentamos que essas práticas tenham chegado aqui. Em meio a um enorme descrédito da política, ao ascenso conservador, aos ataques de Eduardo Cunha ao PSOL, à necessidade de resistir ao ajuste fiscal que retira direitos, é péssimo que tenhamos que viver essa divisão. Mas, reiteramos, em nome da coerência e da responsabilidade, não se pode transigir com fraudes de qualquer tipo.

Tendo em vista a coerência que tem nos guiado na construção do PSOL ao longo dos dez anos de vida, defendemos a construção democrática de um partido coerente, ecossocialista, libertário e que continue expressando os valores que queremos que guiem a construção de outra sociedade. Seguiremos nas instâncias partidárias e judiciais para garantir a lisura e legitimidade de nossa construção. Continuaremos nas ruas, nas lutas em todas as expressões, pois o PSOL é necessário para estar na luta e não para seguir o caminho de descrédito e falência que já acometeu outros partidos. É tempo de resistência!

Em meio a ‘racha’, PSOL realiza congresso estadual, elege presidente e aponta pré-candidata em Fortaleza

298 8

Com as presenças do presidente nacional do partido, Luiz Araújo, e do secretário-geral Edilson Silva, além de lideranças no Ceará, o PSOL encerrou neste domingo (8) o V Congresso Estadual, na Escola São Rafael, no bairro Farias Brito, com a participação de cerca de 750 filiados. Apesar da eleição Alexandre Uchôa para a presidência no Ceará e da indicação da artesã Adelita Monteiro como pré-candidata à Prefeitura de Fortaleza, o partido saiu “rachado”, diante da presença de representantes do município de Alcântaras, que teve a plenária invalidada pela Comissão Organizadora Nacional do PSOL, no último dia 21, assim como as plenárias de Pereiro, Cascavel, Beberibe, Jijoca, Caucaia e Jaguaruana.

O “racha” ocorreu dois dias antes do início do congresso estadual, depois que a Comissão Organizadora, em um segundo julgamento, decidiu validar a plenária de Alcântaras. Segundo a corrente interna do partido que não aceitou a última decisão, denominada Insurgência, Alcântaras teria adulterado o horário do início da votação para cumprimento dos 30 minutos regimentais entre o fim do credenciamento e o início da votação.

A então presidência estadual do partido teria constatado a fraude, após a análise de um perito grafotécnico. Segundo ainda o lado denunciante, o presidente nacional do partido, Luiz Araújo, teria tentado convencer o grupo dissidente a aceitar o resultado do segundo julgamento.

Em nota enviada ao Blog, a corrente Insurgência garante que acionará as instâncias partidárias e judiciais para garantir a lisura e legitimidade do PSOL.

O Congresso também elegeu delegados para representar o Ceará no V Congresso Nacional do PSOL, previsto para os dias 5, 6 e 7 de dezembro, em Luziânia (GO).

VAMOS NÓS – Lamentamos essa divisão no PSOL, um partido pequeno, mas de ideologia forte. No entanto, não pretendemos “esquentar” ou expor ainda mais as indiferenças de seus filiados. Torcemos para que o diálogo ocorra dentro do partido.

Camilo e RC devem explicar ao contribuinte criação de secretaria para acomodação política

186 3

Da Coluna Fábio Campos, no O POVO deste domingo (8):

Dois jovens políticos, o governador Camilo Santana e o prefeito Roberto Cláudio estão gastando tempo e energia com velharias. De quebra, a conta está indo para o contribuinte.

Os dois mais importantes chefes de Executivo do Ceará gastaram horas articulando uma sinecura local para o deputado federal Adail Carneiro (PHS). Não passa de um arranjo político visando abrir vaga na Câmara Federal para o suplente Paulo Henrique Lustosa (PP), outro jovem político que não deveria se embrenhar nesse tipo de coisa.

Em tempo: Adail é um homem rico, com grandes contratos públicos, que não precisa do salário de um cargo de confiança. Poderia simplesmente deixar o mandato a favor do suplente, ficar cuidando de seus negócios e viver às suas próprias expensas.

Transposição – O atraso dos municípios

Editorial do O POVO deste domingo (8) alerta para o descaso dos municípios que serão beneficiados pela transposição das águas do São Francisco, com relação à construção do sistema de esgotamento sanitário. Confira:

Com a proximidade da finalização das obras da transposição do rio São Francisco, municípios cearenses beneficiados diretamente ainda não iniciaram a construção do sistema de esgotamento sanitário para evitar a poluição das águas a que terão acesso. Inicia-se uma corrida contra o tempo para suprir o atraso.

É espantoso que os prefeitos desses municípios – e os órgãos controladores – não tenham dado maior atenção a esse pré-requisito primário. Se isso não for corrigido em tempo hábil, os benefícios imediatos da transposição poderão ser frustrados para as populações desses municípios específicos.

A principal providência é garantir que os projetos das obras de esgoto e tratamento d’água estejam prontos até março do ano que vem. Sem isso, os rios e riachos perenizados seriam um foco de contaminação a carrear mais doenças para as populações que os margeiam, gerando justamente o efeito contrário ao pretendido.

Há um detalhe que às vezes não é acentuado: a transposição significa também melhorar as condições sanitárias das áreas beneficiadas, cuja degradação é responsável por grande parte da mortalidade infantil.

Nunca é demais ressaltar a importância dessa complexa obra (iniciada em 2007, apesar de sonhada ainda no século XIX). Tem tudo para ser um marco divisório entre o antes e depois de sua realização, numa região que só ultimamente vem absorvendo o conceito da convivência com a escassez de chuva, e não mais de um confronto impotente contra a intempérie.

O enfrentamento das condições sociais geradas por esse condicionamento climático seguiu dois roteiros paralelos: o primeiro foi estender uma rede de proteção social e de segurança alimentar para os mais frágeis da sociedade, o que aconteceu por meio do Bolsa Família e de outros programas sociais, complementando os benefícios já trazidos pela aposentadoria rural.

Isso permite, hoje, ao nordestino enfrentar cinco anos seguidos de seca, sem fome, invasões de cidades, saques e desespero, como se via antes.

O segundo foi procurar garantir a segurança hídrica, criando obras estruturais das quais se destaca a transposição do Rio São Francisco. É de supor que, dentro de pouco tempo, seus efeitos deixarão uma marca indelével de orgulho na história nacional.

Punição – Juiz recebe R$ 27,8 mil de aposentadoria compulsória

O Diário Oficial de Justiça publicou na sexta-feira (6) a aposentadoria compulsória do juiz Francisco Chagas Barreto. Ele foi condenado a pena administrativa disciplinar máxima pelo Pleno do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE). Os desembargadores decidiram puni-lo por concessão irregular de liminares.

A decisão foi tomada no dia 24 de setembro após reviravolta no caso, data que marcou forte discussão entre Barreto e seus advogados de defesa. À época, os defensores não disseram se tentariam recorrer da sentença. A publicação no Diário Oficial mostra que ele perdeu a ação.

O juiz foi aposentado e passa a receber R$ 27.821,49 por mês até o fim de sua vida. O valor equivale a 96,11% da média das maiores contribuições para aposentadoria entre julho de 1994 a setembro de 2015, período em que esteve em exercício.

Além do juiz aposentado, os desembargadores Carlos Feitosa e Paulo Timbó passam por processo disciplinar, estes no Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Eles também são suspeitos de envolvimento no esquema de venda de habeas corpus a traficantes durante plantões do Judiciário.

(O POVO, por Cláudio Ribeiro e Isabel Filgueiras)

Macaé é derrotado e consolida reação do Ceará

A quatro rodadas para o final da Série B do Campeonato Brasileiro, Ceará e Macaé decidem qual das duas equipes irá se juntar ao ABC, Boa Esporte e Mogi Mirim na Série C do próximo ano. Nesse sábado (7), no estádio Moacyrzão, o Macaé foi derrotado pelo Vitória da Bahia, por 2 a 0, e consolidou a saída do Ceará da zona de rebaixamento, no complemento da 34ª rodada. O Ceará havia deixado a “zona do desespero” na sexta-feira (6), após golear o ABC, no estádio Presidente Vargas, por 3 a 0, mas dependia do resultado do Macaé para confirmar uma reação nunca antes ocorrida na Série B, a menos de 10 rodadas para o final da temporada.

Nas próximas três rodadas, o Ceará percorrerá o “vale da morte”, quando enfrentará equipes que disputam o acesso à Série A do próximo ano – Bragantino, Vitória e América Mineiro -, enquanto o Macaé terá pela frente o já rebaixado Boa Esporte, o Atlético Goianiense e o Náutico. Com adversários de menor nível técnico, o Macaé acredita que poderá decidir a sua salvação na Série B, na última rodada, diante do próprio Ceará, na Arena Castelão, pelo menos com a vantagem do empate.

Segundo o Departamento de Matemática da Universidade Federal de Minas Gerais, o Ceará possui 42,3% de cair para a Série C, contra 48,4% do Macaé. Oeste (4,2%) e Criciúma (3,1%) ainda não se livraram do fantasma do rebaixamento.

Deputado Carlos Felipe anuncia em reunião do PCdoB licença na Assembleia Legislativa

foto pcdob 151107 maranguape

O deputado Carlos Felipe (PCdoB) anunciou neste sábado (7), durante a Conferência do PCdoB em Maranguape, na Região Metropolitana de Fortaleza, que deverá se licenciar do cargo nos próximos meses. Em seu lugar, assumirá o mandato o ex-prefeito de Maranguape, George Valentim.

“Assumirei o compromisso com a defesa dos interesses do Estado e de Maranguape, fazendo valer cada um dos votos que me foram confiados”, declarou Valentim.

‘Tenebrosas’ ganham minuto de fama em delegacia

221 2

foto polícia internet crime jovens palhaças

Uma jovem e duas adolescentes foram detidas na delegacia do Eusébio, na Região Metropolitana de Fortaleza, após se maquiarem de palhaças e ameaçarem pessoas e a própria Polícia em um vídeo nas redes sociais.

Segundo a delegada Ana Lúcia, as jovens confessaram o crime e foram liberadas após depoimento. De acordo com as declarações, elas teriam sido influenciadas por vídeos de outras pessoas com a mesma apologia ao crime e garantiram que não fariam mal a ninguém. Elas se intitularam “As Tenebrosas”.

Novo presidente dos Correios tem salário reduzido em 41%

189 1

foto andre figueiredo

O ex-deputado paraense Geovane Queiroz assume na próxima semana a presidência dos Correios, com um salário 41% a menos que o antecessor. Ao invés dos R$ 46 mil, o novo dirigente passará a receber R$ 26 mil mensais.

A nomeação é do ministro das Comunicações, André Figueiredo, que nessa sexta-feira (6) esteve em Fortaleza, onde visitou o laboratório do grupo de pesquisas em telecomunicações sem fio, do Departamento de Teleinformática da UFC.

A tarefa de casa enquanto se espera a transposição

Da Coluna Política, no O POVO deste sábado (7), pelo jornalista Érico Firmo:

Desde o início do ano, o Governo do Estado alerta para o risco de a parte mais populosa do Ceará – a Capital e Região Metropolitana – ficar sem água no segundo semestre do ano que vem caso as águas da transposição do rio São Francisco não cheguem. Desde o primeiro dos quatro anos da atual seca, sempre que se cobra solução estrutural para a estiagem, os governantes locais e federais sempre acenam com a obra secularmente aguardada. Porém, a transposição não é a panaceia nem resolve tudo sozinha. Conforme O POVO mostrou na quinta-feira, em reportagem da jornalista Isabel Filgueiras, laudo do Tribunal de Contas da União (TCU) aponta que a falta de saneamento básico em 18 municípios do Ceará ameaça poluir as águas da transposição. Ou seja, o que está crítico pode ficar pior.

Seguidos relatórios já apontaram contaminação na água distribuída por carros-pipa. É a crueldade suprema. A população que padece com a estiagem, entrega-se, como alternativa de subsistência um recurso que pode provocar graves problemas de saúde. E, com a expectativa de conclusão da mais cara obra hídrica da história do Nordeste, a situação pode ser agravada, ao invés de resolvida.

O problema antecede a chegada da transposição. A falta de saneamento já coloca a qualidade dos mananciais em risco. E, independentemente do contágio da água, a própria falta dessa estrutura elementar configura-se por si só em problema – de saúde, moradia e ambiental.

‘Flanelinha’ dá dica para fugir do bafômetro: não dirija!

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=3dIaLoh-Sjg[/youtube]

Apesar da mistura álcool com direção ser tipificada como crime, motoristas continuam a conduzir seus veículos, mesmo após “umas e outras”. Para Dedé Flanelinha, personagem do jornalista e comediante cearense Glayco Salles, no canal Caco na Rede, no You Tube, a melhor maneira de fugir do bafômetro é não dirigir ao beber.

Fiec em peso no X ENAI, que reunirá Joaquim Levy e Bill Clinton

betto

Da Coluna Vertical, no O POVO deste sábado (7):

Toda a diretoria da Federação das Indústrias do Ceará fechou pacote para participação no X Encontro Nacional da Indústria (ENAI), promoção da Confederação Nacional da Indústria, que acontecerá nos dias 11 e 12 deste mês, em Brasília.

Segundo o presidente da Fiec, Beto Studart, o tema deste ano é importantíssimo: “Brasil – Ajuste e Correção de Rumos”, tendo tudo a ver com o cenário atual que preocupa o setor produtivo e deixa a classe trabalhadora em clima de expectativas.

O evento reunirá conferencistas como o ministro da Fazenda, Joaquim Levy, o ex-presidente do BC, Henrique Meirelles, e, no encerramento, o ex-presidente dos EUA, Bill Clinton. Um grupo de parlamentares foi convidado. Do lado do Planalto, só o líder do governo no Congresso, o senador José Pimentel (PT), que ainda não confirmou presença.

Ceará na torcida pelo Vitória, diante do Macaé, neste sábado

Há três jogos sem vencer, o Vitória da Bahia tem a chance de se distanciar das equipes “emergentes” que buscam o G4, na tarde deste sábado (7), a partir das 17h30min (horário de Brasília), diante do Macaé, no estádio Moacyrzão, em Macaé/RJ, no complemento da 34ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

Uma vitória ou empate do time baiano ainda confirmaria o Ceará na 16ª posição (fora da zona de rebaixamento), que na noite dessa sexta-feira (6), no estádio Presidente Vargas, goleou o ABC por 3 a 0. O Vozão deixou a “zona do desespero”, após 28 rodadas. O Macaé agora vive o drama de vencer em casa para não se distanciar do Ceará.

Eunício lamenta morte de Beni : “Perdemos um genuíno defensor dos cearenses”

O líder do PMDB no senado, Eunício Oliveiera, divulgou nota lamentando a morte do ex-governador e ex-senador Beni Veras. Confira:

É com pesar que lamento o falecimento do ex-governador e ex-senador, Beni Veras. O Estado perde um ícone de sua política e um genuíno defensor dos cearenses.

A todos os familiares e amigos rogo que Deus os conforte neste momento de dor e saudade.

* Eunício Oliveira,
Senador pelo PMDB