Blog do Eliomar

Categorias para Ceará

Presidente do Conselho Federal de Contabilidade: BC independente fica longe do partidarismo

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=yivIPtinxAg[/youtube]

O presidente do Conselho Federal de Contabilidade (CFC), Martõnio Coelho, endossou, nesta segunda-feira, o que o senador Tasso Jereissati (PSDB) apregoou neste Blog e no O POVO:  é a favor do Banco Central independente.

Para ele, o controle do BC nessa condição seria maior e evitaria o clima de partidarismo reinantes no atual cenário político do País.

Dia Mundial da Saúde será comemorado em Fortaleza

O Dia Mundial da Saúde – 7 de abril, A Secretaria da Saúde do Estado estará na Praça do Ferreira, das 9 às 16 horas, desta terça-feira. Vai promover o consumo de alimentos saudáveis e de qualidade para  marcar o Dia Mundial da Saúde (7 de abril).

Durante a ação, segundo a assessoria de imprensa do órgão, quem passar pela praça poderá ver como anda a saúde, com serviços de verificação de pressão arterial, do Índice Massa Corporal (IMC), além de receber orientações sobre alimentação saudável e nutricional.

Também na praça, as pessoas vão aprender dicas de como conservar e higienizar alimentos, em especial frutas e verduras. Vão ser alertados sobre os riscos da má alimentação para a saúde e qualidade de vida.

Tasso apoia ajuste fiscal, desde que com medidas gerem de fato economia

97 1

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=PtF9yiljq24[/youtube]

O senador tucano Tasso Jereissati não só fala sobre Banco Central independente. Em entrevista ao Blog, em clima de entrega da nova expansão do Shopping Iguatemi, ele defendeu o ajuste fiscal, mas desde que com medidas que justifiquem e, de forma concreta, enxuguem a máquina federal e promovam o crescimento.

Tasso voltou a defender, por exemplo, redução de ministérios e fechamento de consulados e embaixadas como medida de economia.

Ressocialização de presos como prioridade

Com o título “Os primeiros cem dias”, eis artigo do secretário da Justiça e Cidadania do Ceará, Hélio Leitão. Ele aborda seus primeiros 100 dias da gestão, observando que comandar essa pasta não é tarefa fácil.  Mas ele afirma que buscará a ressocialização de presos a todo custo. Confira: 

Abril chega marcando os cem dias de trabalho à frente da Secretaria da Justiça e Cidadania do Estado (Sejus). Cem dias de trabalho intenso, acompanhando diuturnamente as movimentações do sistema penitenciário. O período foi suficiente para confirmar um sentimento que trouxe comigo ao assumir a pasta: o atual modelo de encarceramento não resolve a violência que frequentemente estampam as capas de jornais.

Unidades prisionais superlotadas, principalmente por pessoas que sequer tiveram contra si pronunciamento judicial de culpa, inviabilizam a implementação de políticas de humanização do sistema carcerário e inserção social do egresso. Como ressocializar (perdão pelo uso do clichê) com excedente populacional de 70%? Não é tarefa fácil.

Nesses primeiros cem dias, não foram poucas as ações desenvolvidas em prol da busca de alternativas ao encarceramento, da redução do excedente nas unidades prisionais. Iniciamos uma série de mutirões de atendimento; aumentamos o número e barateamos o custo das tornozeleiras eletrônicas, equipamentos que permitem o monitoramento eletrônico de pessoas que cumprem suas penas fora da prisão; lançamos a semente para o projeto Audiência de Custódia, iniciativa liderada pelo Tribunal de Justiça do Estado do Ceará, que, cumprindo o comando constitucional de prover o rápido acesso à Justiça, vai por em contato o flagrante ado/indiciado com juízes de direito para avaliação da necessidade da manutenção de sua prisão, evitando o ingresso desnecessário de pessoas no sistema penitenciário, com todo o ônus que isso gera ao Estado; desenvolvemos e estimulamos ações que visam a levar cultura para os internos; inscrevemos mais de dois mil presos na Educação de Jovens e Adultos, entre tantas outras ações.

É fato que ainda temos um longo caminho pela frente. Caminho esse que passa pela aproximação cada vez maior da sociedade com o sistema penitenciário. É preciso perceber que a ressocialização é trabalho de muitos e não apenas de uma pasta ou mesmo um governo.

A ressocialização traduz-se em muitas ações e que integram segurança, cultura, educação, assistência religiosa, saúde etc. Sim, porque ressocializar é isso, é criar uma articulação entre as mais variadas áreas de atuação governamental e social que permitam ao interno ter assegurada e respeitada a sua dignidade. É ainda mais: dar condições para que aqueles aptos a voltar ao convívio da sociedade voltem melhorados e possam seguir um caminho que os mantenha longe do crime. Que venham os próximos cem!

Hélio Leitão

opiniao@opovo.com.br

Secretário da Justiça e Cidadania do Estado.

Reitor do IFCE vê Jesualdo no MEC como importante canal para ensino superior do Ceará

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=RaRpVXX6vzQ[/youtube]

O reitor do Instituto Federal de Ensino e Tecnologia do Ceará (IFCE), Virgílio Araripe, comemorou a ida de Jesualdo Farias, reitor da UFC, para titular da Secretaria de educação Superior do Ministério da Educação.

Para Virgílio, abre-se no MEC um canal importante em favor do ensino superior cearense.

Capitão Wagner propõe gratificação para quadro técnico do Corpo de Bombeiros

90 2

Dep. Capitão Wagner ( PR ) - Plenário - foto Paulo Rocha

O deputado estadual Capitão Wagner (PR) deu entrada num projeto de indicação instituindo gratificação especial por desempenho de atividade técnica para os bombeiros em efetivo exercício na Coordenadoria de Atividades Técnicas da Corporação.

Esse organismo responde pelos laudos de perícias de sinistros e outros acidentes .

A tropa adorou esse projeto. Resta saber o que dirá o governador Camilo Santana (PT) sobre tal sugestão.

José Guimarães vê como ato civilizado presença de Camilo em festa de Tasso Jereissati

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=8qoLLpLkons[/youtube]

Começa, nesta terça-feira, no Congresso, o debate sobre as Medidas Provisórias que tratam do ajuste fiscal. O líder do Governo na Câmara, José Nobre Guimarães, a expectativa é de que essas matérias sejam aprovadas até o fim deste mês.

Guimarães disse que outra matéria em debate é o projeto de lei 4330, que trata das terceirizações. Ele garante que essa matéria terá atenção especial do governo federal.

Sobre as MPs do ajuste fiscal retiraram benefícios da classe trabalhadora, José Guimarães disse para o Blog que houve propaganda mentirosa da oposição contra as matérias. Ele explica que não há retirada de benefícios dos trabalhadores, mas correção de rumos de dispositivos como o seguro-desemprego  contra fraudes.

José Guimarães avaliou como normal a ida do governador petista Camilo Santana ao ato de inauguração da nova expansão do Shopping Iguatemi, do senador tucano Tasso Jereissati. “Negócio é negócio. É cada qual no seu cada qual”, frisou o petista.

Cid Gomes “ressuscita” em clima de churrasco na Zona Norte

xcidgomess

O ex-governador posa com a Família Cristino.

No fim de semana, eis que alguém ressuscitou para o público: o ex-ministro da Educação, Cid Gomes (Pros). Ele prestigiou o tradicional churrasco da família Cristino, em Coreaú (Zona Norte).

Procuramos nos blogs da região alguma declaração de Cid Gomes sobre política ou economia, mas nada. Só flashes.

Cid não quis falar ou a turma da mídia da Zona Norte caiu no churrasco?

(Foto -Sobral de Prima)

José Pimentel é contra BC independente

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=JRWslXxksVI[/youtube]

O líder do Governo no Congresso, senador José Pimentel, avaliou, nesta segunda-feira, a baixa reprovação do Governo Dima – só 12% de aprovação, como reflexo do quadro econômico. Para ele, esse tipo de reprovação não é algo exclusivo do governo federal, pois atinge também a imagem de outros Poderes como o Legislativo e Judiciário. A saída, segundo Pimentel, é aprovação do ajuste fiscal.

José Pimentel também foi indagado sobre a possibilidade de o Banco Central ser independente. O tema voltou ao debate, a partir do presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB/AL,) e de declaração do senador tucano Tasso Jereissati favoráveis a essa medida.

Segundo o senador petista, o desenho atual do Banco Central, que presta contas a cada 90 dias, não deve ser mexido e é o melhor para o País.

ISSEC continua sem atender servidores do Estado

151 1

Os estabelecimentos de saúde conveniados ao Instituto de Saúde dos Servidores do Estado do Ceará (ISSEC) continuam sem atender os funcionários públicos do Ceará. A denúncia é do Fórum Unificado das Associações e Sindicatos dos Servidores Públicos Estaduais do Ceará (Fuaspec), que há um mês chamou a atenção para a situação, durante uma manifestação. O ISSEC ficou se regularizar a situação no dia 30 do último mês.

“Os servidores que moram em Fortaleza buscam alternativas emergenciais em clínicas populares, mas não existe essa saída nos municípios distantes, por lá o sofrimento só aumenta”, comentou a presidente da Associação dos Servidores da Secretaria de Educação do Estado do Ceará (Asseec), Rita de Cássia, que afirmou ainda que a situação no Interior é pior.

“Não podemos aceitar que os beneficiários só tenha direito a apenas uma consulta por mês, pois não existe uma programação que estabeleça um calendário para a nossa saúde”, reforçou a coordenadora geral do Fuaspec, Eliene Uchoa, que aguarda agendamento com o governador Camilo Santana.

Blog deve chegar este mês a 80 mil postagens e 100 mil comentários

64 3

Este mês de abril deverá registrar duas novas marcas do Blog. Em quase oito anos de parceria com O POVO Online, o Blog deverá chegar a 80 mil postagens e a 100 mil comentários. Diante do nosso compromisso com a liberdade de expressão e do respeito para com a democracia, por meio da valorização do debate pelas opiniões contrárias, o Blog liberou 96,9% dos mais de 99,8 mil comentários.

Aos leitores do Blog do Eliomar, nosso obrigado pela companhia da jornada.

Pacientes chegam a Fortaleza sem ‘guia de atendimento’ de seus municípios

Médicos no interior do Ceará denunciam ao Blog que hospitais municipais estão se recusando a fornecer o “guia de atendimento” a pacientes deslocados para Fortaleza. Apesar da recusa, o cadastro nacional do Sistema Único de Saúde (SUS) quase sempre acusa a origem do atendimento, mas, sem a “guia”, Fortaleza não tem como cobrar da cidade do paciente os gastos do procedimento. A cobrança é debitada diretamente dos recursos do SUS do município de origem, por meio do Fundo Nacional de Saúde.

De acordo com a denúncia, os próprios familiares dos pacientes muitas vezes realizam o transporte para Fortaleza, em seus veículos de passeio, orientados a não divulgar o município de origem. Um médico, que pediu para não ser identificado, afirmou que municípios sequer iniciam o cadastro de pacientes, quando o hospital percebe que o atendimento terá que ser feito na Capital.

Segundo o médico, a prática não é novidade. Mas se intensificou desde que o Governo Federal reduziu de forma drástica os recursos do Fundo Nacional de Saúde, há cerca de um ano.

No fim da manhã deste domingo (5), dois pacientes tentaram em vão o “guia de atendimento” no Hospital São Camilo, em Itapipoca, a 130 quilômetros de Fortaleza. O primeiro com complicações do diabetes (não havia medicamento no hospital) e o segundo com fratura no punho.

Até a publicação desta matéria, os pacientes ainda aguardavam a liberação da guia. O Blog entrou em contato com o hospital e falou com a funcionária Daiane, que explicou que somente o funcionário Leomar poderia dar explicações, nesta segunda-feira (6).

IJF

O chefe do atendimento deste domingo no Instituto Doutor José Frota (IJF), no Centro de Fortaleza, Carlos Alfredo, disse que não pode haver atendimento de pacientes do Interior sem a “guia”, mas não são raros os casos de pacientes sem as guias.

Justiça interdita cadeia no Ceará devido a casos de meningite

A juíza Mônica Lima Chaves, da 1ª Vara da Comarca de Aquiraz, determinou neste domingo (5) a interdição da cadeia pública do município, que fica na Região Metropolitana de Fortaleza. O motivo é o registro de, pelo menos, cinco casos de meningite entre os detentos desde a sexta-feira (3).

De acordo com o diretor da 1ª Vara, Paulo Pedrosa, o primeiro preso diagnosticado com a doença foi encaminhado para o Hospital São José, em Fortaleza, especializado em doenças infecciosas. A Secretaria de Saúde do Estado informa que, a partir desse caso, iniciou a medicação em presos que mantiveram contato com a pessoa infectada e nos agentes penitenciários para bloquear a transmissão. Neste domingo, mais quatro casos foram diagnosticados e internados no hospital. A Secretaria da Saúde informou que foram cinco, mas, conforme Pedrosa, os médicos descartaram meningite a partir de exames preliminares em um dos presos.

Pela decisão judicial, a Cadeia Pública de Aquiraz não pode receber mais nenhum detento até que as autoridades sanitárias do estado verifiquem que não existe mais possibilidade de transmissão da doença. Segundo o diretor da 1ª Vara, a unidade tem capacidade máxima para 52 detentos, mas está hoje com 105. Desses, cinco cumprem pena em regime semiaberto. No entanto, devido aos casos de meningite, eles ficarão em regime fechado por tempo indeterminado. As visitas também foram suspensas.

(Agência Brasil)

PecNordeste terá este ano concurso leiteiro

59 1

foto pecnordeste

Um concurso leiteiro é a novidade do XIX Seminário Nordestino de Pecuária (PecNordeste), que  ocorre de 16 a 18 de junho, no estacionamento do Centro de Eventos, no bairro Edson Queiroz. A PecLeite é uma mostra do rebanho caprino  e bovino, com a participação de 40 animais

Segundo a agrônoma Rejane Bastos, os produtores irão obter conhecimentos para posteriormente quando forem adquirir animais para o seu rebanho para produção de leite através das oficinas que serão ministradas. Ainda no espaço do PecLeite será realizado oficinas no segmento de ovinocaprinocultura.

Os efeitos da Lava Jato no Ceará

62 1

Quatro meses após a Operação Lava Jato determinar a prisão dos primeiros executivos das maiores empreiteiras do País, as principais obras executadas por empresas envolvidas no escândalo têm andamento prejudicado no Ceará.

A partir desta segunda-feira (6), a construção do Centro de Formação Olímpica (CFO), no valor de R$ 250 milhões, e do anel viário, orçado em R$ 240 milhões, serão paralisadas por tempo indeterminado.

A interrupção nos trabalhos de duas das importantes obras do Ceará foi confirmada pela própria construtora responsável, a Galvão Engenharia. Em nota, a companhia diz que o CFO será paralisado por “falta de pagamento” e o anel viário, por “não haver definição de ritmo nos trabalhos”. Dois executivos do alto escalão da empreiteira estão presos na Operação Lava Jato. Apesar disso, o governo diz que os projetos estão garantidos.

Em nota, a Secretaria dos Esportes do Ceará (Sesporte) afirmou que o cronograma do CFO foi readequado para o fim de junho. Segundo a pasta, falta apenas a conclusão do sistema de refrigeração do ginásio principal, que é “extremamente complexo”. A Sesporte confirma ainda diminuição recente no número de operários no canteiro, em decorrência da redução da “complexidade” das etapas da obra nos últimos meses.

Atrasos com obras realizadas por empresas envolvidas na Operação Lava Jato não são exclusividade do Ceará. No Rio de Janeiro, empreiteiras que gerenciam obras para as Olimpíadas de 2016 já anunciaram demissões de operários. As mudanças colocam em xeque obras como as do Complexo Esportivo de Deodoro, que teve 550 operários demitidos.

(O POVO)