Blog do Eliomar

Categorias para Ceará

PCB lança jornal em comemoração aos 93 anos do partido

O Partido Comunista Brasileiro (PCB) lança na quarta-feira (25), a partir das 9h30min, sede do partido no Ceará (Av. da Universidade, 2090 – Benfica), o jornal Poder Popular.

A atividade político-cultural marca os 93 anos de fundação do PCB. O partido, no entanto, não forneceu o expediente do novo jornal, como a tiragem, a periodicidade e o editor responsável.

Senai e CSP inscrevem para processo de seleção

116 1

Estão abertas até o próximo dia 2 as inscrições do processo seletivo para o Programa de Qualificação Profissional dos futuros operadores da Companhia Siderúrgica do Pecém por meio do SENAI/CE. Esse será o maior programa de qualificação já feito pelo SENAI, em 70 anos de atuação no Ceará, para educação profissional em uma única indústria no Estado. As inscrições poderão ser feitas de segunda a sexta-feira, das 8 às 12h, das 13 às 21h, nas unidades do SENAI de Maracanaú, São Gonçalo do Amarante, Jacarecanga e Barra do Ceará. As aulas serão realizadas nas unidades do SENAI já mencionadas.

Para se inscrever nos cursos, os candidatos deverão ter, preferencialmente, entre 18 e 28 anos e residir nos municípios localizados nas proximidades do CIPP; além de ter, no mínimo, o ensino médio, de acordo com o edital do programa. O processo seletivo contará com provas de português, matemática e teste psicológico para todas as funções. Os alunos receberão bolsas auxílio mensais para subsidiar despesas com alimentação e transporte.

O programa conta com 1.400 vagas em cursos específicos para operação da Siderúrgica nas áreas de Sinterização e Pátio; Coqueria; Tratamento de Gás; Alto Forno; Aciaria; Lingotamento Contínuo; Ponte Rolante; Auxiliar de Laboratório; Técnico de Laboratório; Inspetor de Placas; Planejamento e Controle de Produção; Maquinistas; Caldeiraria; Manutenção Elétrica; Manutenção Mecânica; Soldagem; – Tornearia; Fresagem; Retífica e Mandrilhamento. A CSP poderá vir a absorver até 950 profissionais em seu quadro operacional, mediante aprovação no processo seletivo e no curso realizado, de acordo com a disponibilidade de vagas na empresa.

SERVIÇO
* Confira edital: http://goo.gl/anjxU4

* Mais informações pelo telefone 85 4009.6300.

A engenharia do semiárido e a água

121 1

Em artigo enviado ao Blog, o ex-diretor regional do DNOCS, Cássio Borges, engenheiro civil com especialização em obras hidráulicas pela Escola Nacional de Engenharia e Barragens pela Pontifícia Universidade Católica-PUC, lembra da importância do Dnocs no Dia Mundial da Água. Confira:

Dia 22 de março é comemorado o Dia Mundial da Água, insumo que se torna cada vez o bem mais valioso do Planeta e tem sido motivo de disputas entre os povos. Há mais de 30 anos nós já afirmávamos que se viesse ocorrer uma Terceira Guerra Mundial (que Deus nos livre) seria por água e não por petróleo ou qualquer outro insumo existente na Terra. É lamentável, neste dia, ver-se situações preocupantes de falta de água no nosso País, como em São Paulo, por exemplo, e no próprio Estado do Ceará, tudo ocasionado pela inexistência de uma política consistente, holística, na área de recursos hídricos. Usam-se expressões mercadológicas românticas e alegres (Caminho das Águas, Anéis d’Água, Cinturão das Águas) para projetos caros e pouco produtivos. Isso para justificar ações isoladas sem uma visão de futuro macro estratégica para esse setor primordial em qualquer parte do Mundo. Vejam os exemplos das Ilhas Canárias, onde estivemos a convite do governo espanhol, e de Israel, onde o  “precioso líquido” é mais escasso do que no semiárido brasileiro e conseguem conviver  de forma bem mais eficaz do que no nosso País. E ainda muito pode ser feito para um futuro mais promissor. Isso se houver humildade dos nossos dirigentes para reconhecer e aprender com os erros do passado e com a experiência adquirida, revertê-los em lições para o futuro!

Neste dia tão importante para a humanidade, queremos lembrar o velho e obstinado Departamento Nacional de Obras Contra as Secas-DNOCS, pois graças a ele a realidade do semiárido nordestino foi transformada em função de suas próprias experiências e, também, com a expertise que o órgão foi adquirindo em razão da troca de know how com outros países como a Espanha, Estados Unidos, México, Israel entre outros.  O tempo está demonstrando quanto estavam certos o seu primeiro Diretor Geral, Arrojado Lisboa (nos idos de 1909) e seus sucessores como Vinicius Berredo, Luiz Vieira e tantos outros que emprestaram a força e o brilho de suas inteligências para arquitetar, na região semiárida do Brasil, um órgão de engenharia da forma e semelhança do Bureau of Reclamation dos Estados Unidos, criado apenas sete anos antes.

O planejamento que preconizaram, na primeira década de sua existência, já induzia que o sistema de barramentos tinha dupla função: de combate às secas, que hoje chamam de “convivência com a seca” (pouco importa a denominação), e o da laminação das enchentes. Estudos feitos pelo DNOCS comprovaram, na prática, a exatidão do que aqueles antigos dirigentes da IOCS e IFOCS recomendaram como solução dos problemas da falta e do excesso d’água em nossa Região.

Lamentavelmente é forçoso reconhecer que a Rede Pluviométrica, componente principal da Rede Hidrométrica Básica do Nordeste, implantada pelo DNOCS no ano de 1910, a primeira e mais importante arma da hidrologia, está em estado de semiabandono, se é que ainda existe na sua concepção original, já não atende às necessidades gerais do planejamento, de fundamental importância para a correta implantação de obras hidráulicas visando o desenvolvimento de nossa Região. É necessária a conjunção de esforços para resolver, o mais breve possível, este grave problema de natureza técnica e o órgão mais diretamente atingido é, sem sombra de dúvida, o próprio DNOCS, o principal usuário dessas imprescindíveis informações.

Temos que admitir que nas últimas décadas o Departamento das Secas está perdendo suas forças pelo contínuo esvaziamento que a cúpula dirigente da República, sem nenhum razão convincente vem submetendo este Órgão que sempre foi considerado a Universidade do Nordeste. O mais recente golpe desferido contra aquele Departamento Federal foi o Decreto nº 8207, de 14 de março do ano passado, assinado pela Presidente Dilma Rousseff, transferindo para a CODEVASF-Companhia do Desenvolvimento do Vale do São Francisco a gestão e operação do Projeto de Integração do Rio São Francisco, incluindo 12 açudes dos principais açudes da Região construídos e administrados pelo DNOCS. Uma decisão inconsequente sem tamanho, pois que nos três principais itens, conhecimento do semiárido, infraestrutura administrativa e operacional e infraestrutura hídrica do semiárido, o DNOCS detém uma vantagem competitiva abissal comparativamente com aquela Companhia que foi criada para atuar em rios perenes e não em rios intermitentes, como é o caso do DNOCS com uma experiência, como acima foi dito, de 105 anos de existência.

O DNOCS há algum tempo perdeu o Vale do São Francisco para a CODEVASF, mas deixou marcas indeléveis de sua passagem por aquele Vale, inclusive na própria hidroelétrica de Paulo Afonso, onde existe um registro histórico de sua presença naquele empreendimento. A Hidroelétrica de Boa Esperança, construída no Rio Parnaíba, entre o Piauí e o Maranhão, graças à pertinência dos técnicos do DNOCS que, na época, sobrepujaram as críticas de poderosos segmentos que questionavam a existência de mercado consumidor de energia naqueles estados. A obra, após sua conclusão, foi entregue à CHESF, tendo dela também participado a própria SUDENE em convênio firmado entre as três entidades interessadas. Sentimo-nos honrado em ter tido um importante papel na viabilização desse empreendimento.

Do exposto, é fácil compreender que é dever do Governo Central da República – e dos estados nordestinos – fortalecer técnica e cientificamente o DNOCS, visando o desenvolvimento e a captação dos recursos hídricos escassos, a sua utilização racional e, através de Convênios com entidades públicas e privadas, nacionais, consolidar a sua posição de órgão especializado em Hidrologia Aplicada, Obras Hidráulicas, Irrigação e Drenagem, ainda incluindo como sua atribuição, constante em lei, a questão da desertificação. A este propósito, é importante lembrar o vitorioso Programa da Açudagem em Cooperação em que o DNOCS construiu em todo o Nordeste brasileiro cerca de 630 açudes de pequeno porte em parceria com os estados, municípios e particulares sendo, portanto, pioneiro no Brasil na utilização de recursos públicos para implantação de projetos em parceria, público, privada (PPP).

As ações serão voltadas exclusivamente para a problemática hídrica do semiárido nordestino. Há décadas está previsto nos planos do DNOCS a criação de um núcleo que foi denominado Centro de Pesquisas Hidrológicas e Hidráulicas que, juntamente com o Centro de Pesquisas Ictiológicas, já instalado em Pentecoste (Ceará) comporão a estrutura organizacional na área de Desenvolvimento Científico e Tecnológico da Entidade. Estas medidas deverão resgatar para esse Departamento a sua antiga denominação, tão carinhosamente a ele atribuído pela população nordestina de a Universidade do Nordeste, capaz de desenvolver uma tecnologia própria na Região.

Dentro deste contexto, estará fortalecida a própria engenharia do semiárido nordestino, que o DNOCS, desde há muito tempo, tem contribuído para o seu desenvolvimento e aprimoramento, onde se destacaram nomes de notório saber e projeção nos meios técnico/científicos nacionais, ao longo dos 105 anos de existência desse velho, mas sempre atualizado Departamento. Ainda existe esperança e alternativas para a “escassez do precioso líquido”, mas é preciso visão macro estratégica, competência e vontade política dos gestores públicos e políticos em geral!

Dia Mundial da Água – Camilo Santana usa Facebook para dizer o que faz contra a seca

camillldodod

Do governador Camilo Santana (PT), em seu Facebook, neste domingo, que é o Dia Mundial da Água:

Neste 22 de março, Dia Mundial da Água, quero ressaltar a importância das ações de convivência com o semiárido que estão sendo realizadas pelo nosso Governo: temos o Eixão e o Cinturão das Águas, as adutoras emergenciais, o Programa Água Doce, a perfuração de poços e a construção de cisternas, entre outros. Tudo para melhorar a qualidade de vida dos cearenses.

Nos últimos dias, fiz questão de agendar meus compromissos de trabalho relacionados ao tema para acompanhar de perto cada obra, cada ação.

Aproveito, ainda, para pedir mais uma vez a todos que usem com responsabilidade esse bem tão precioso.

Um excelente domingo e um grande abraço.

Chuvas no Ceará – Cinco cidades registraram mais de 100 milímetros

Cinco municípios do Ceará registraram chuva superior a 100 mm, entre às 7 horas de sábado, 21, e às 7 horas deste domingo, informou a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme).

A maior precipitação ocorreu na cidade de Nova Russas, com 137 mm, seguida de perto por Ibiapina (125 mm), Tamboril (114 mm), Quixadá (109.2 mm) e Poranga (101 mm). Ao todo, choveu em 107 municípios cearenses.

A capital cearense registrou 15.6 mm entre sábado e domingo. Na Região Metropolitana, Pacatuba acumulou 72 mm de chuva, Maranguape, 47 mm, Pacajus, 39 mm, Maracanaú, 23.4 mm, Itaitinga, 22 mm, e Eusébio, 11 mm

Para delegado, decisão da Justiça provocará “dilúvio” nas celas superlotadas das delegacias

115 8

foto cesar wagner

Em comentário no Facebook, o delegado César Wagner reagiu à determinação da Vara de Execuções Penais, que o presídio somente poderá receber um preso, depois que dois forem soltos.

“Enquanto isto, a Polícia Civil, que já agonizava com suas celas superlotadas, enfrenta agora um ‘dilúvio’, e sem arca”, comentou o delegado.

Para César Wagner, a Polícia Civil agora terá que apelar ao divino. “Presos em situação que beira os campos de segregação da antiga URSS, amontoados, doentes, sem assistência médica ou jurídica, implodem o sistema de investigações, trazendo consequências gravíssimas para a sociedade cearense, em que a impunidade já festeja mais essa conquista”, desabafou.

“Resta agora apelar ao divino, pois o silêncio ensurdecedor já deu sua devida resposta”, completou.

Presídios só podem receber um preso, após dois serem soltos; determina Justiça

A remoção de presos do sistema carcerário, em caso de intervenção emergencial da Secretaria de Justiça do Ceará (Sejus), deverá ser imediatamente notificada aos magistrados que julgam os respectivos processos envolvendo réus condenados ou provisórios. A determinação é do corregedor de presídios de Fortaleza, juiz Luiz Bessa Neto.

Segundo o magistrado, o objetivo “é preservar a fluidez dos processos executórios penais, como forma de se manter a regularidade e a segurança processual”. O documento ainda sugere que, enquanto a Unidade Prisional V (anteriormente chamada de CPPLV), em Itaitinga, não for inaugurada, “o provimento de vagas na estrutura carcerária se operacionalize na proporção de um por dois”. Ou seja, na medida em que dois internos se retirem do sistema de aprisionamento, apenas uma vaga poderá ser ocupada, buscando-se dessa forma reduzir, em médio prazo, a superlotação prisional.

“Estamos diante de uma grave dificuldade carcerária, com real potencialidade de ocorrer os graves problemas que já aconteceram no Maranhão, Florianópolis e Pernambuco”, avaliou o juiz.

(TJCE)

Declaração de Cid Gomes expressa o que muitos brasileiros têm entalado na garganta

86 6

foto cid gomes opovo

Da Coluna Valdemar Menezes, no O POVO deste domingo (22):

Não há dúvidas de que o rompante do ex-ministro da Educação, Cid Gomes, na Câmara dos Deputados, expressando tudo aquilo que muitos brasileiros têm entalado na garganta, foi um dos raros momentos de verdade, no ambiente de simulacros e manipulações de toda ordem, que tomaram conta do País, nestes dias.

Claro que é inaceitável, normalmente, um entrechoque de poderes nesse nível. Contudo, depois de publicadas palavras ditas em conversa reservada – que presumivelmente foram gravadas com o intuito traiçoeiro de preparar uma armadilha contra o ministro e contra o governo – já não haveria como recuar. O recuou iria apenas contestar uma grande farsa – como a de que o atual Congresso é formado majoritariamente por pessoas compromissadas com o interesse público.

Guimarães afirma que manifestação da liderança do Governo causaria estragos à base

123 1

foto guimarães isolado

Em nota enviada ao Blog, o deputado federal José Guimarães, líder do governo na Câmara Federal, afirma solidariedade a Cid Gomes, mas que não poderia se manifestar na sessão da última quarta-feira (18). Confira:

Minha responsabilidade, como líder do governo na Câmara dos Deputados, é articular a base de partidos aliados na Casa para dar sustentação política ao governo, viabilizando a aprovação das matérias que são importantes para o país. Não existe governo de coalizão sem maioria parlamentar, seja no Congresso Nacional, nas assembleias legislativas estaduais ou câmaras municipais.

Tenho trabalhado de maneira incansável para dar conta dessa missão concedida pela presidente Dilma Rousseff, que honra a mim e a cada um dos cearenses que me escolheram como seu representante.

Tanto que conseguimos, nas últimas semanas, aprovamos matérias importantes como o orçamento da União (que se arrastava desde o ano passado), a manutenção da política de valorização do salário mínimo, bem como manter todos os vetos presidenciais a propostas que comprometeriam a economia brasileira.

Sobre a sessão que teve a presença do então ministro Cid Gomes, o fato é que uma manifestação do líder do governo não apenas causaria estragos à relação com a base, mas também acirraria fortemente os ânimos já exaltados naquela ocasião. Nossa missão institucional e compromisso com o projeto nacional impõem limites e obrigam decisões, muitas vezes, difíceis. E impessoais.

Minha solidariedade ao ex-governador Cid Gomes é do conhecimento não apenas dele, mas de todos os cearenses. Estive ao seu lado desde o primeiro momento, no nascedouro de sua candidatura ao governo que exerceu com grande competência por dois mandatos, bem como no momento de sua ida para o Ministério da Educação.

A respeito da sucessão no MEC, cabe apenas à presidente da República a escolha de um sucessor à altura do desafio de manter os grandes avanços da educação brasileira nos últimos 12 anos.

Deputado José Guimarães

Líder do Governo

Capitão Wagner pede informações sobre ida de secretários e do governador a Brasília

76 4

Da Coluna Política, no O POVO deste sábado (21), pelo jornalista Érico Firmo:

O deputado estadual Capitão Wagner (PR) apresentou requerimento no qual pede informações sobre a comitiva de secretários estaduais e do governador que foi à Câmara dos Deputados acompanhar a sessão à qual o agora ex-ministro Cid Gomes (Pros) compareceu para prestar esclarecimentos. Ele indaga sobre como a viagem foi paga, pede a lista nominal de quem compôs a comitiva e qual a justificativa da viagem.

O questionamento é bastante razoável, conforme a coluna já apontara nessa sexta-feira (20). E a Assembleia Legislativa e o Governo do Estado não haverão de se constranger. Afinal, foi o próprio Cid quem, na própria ocasião, fez questionamento similar à Câmara dos Deputados.

O ex-ministro questionou sobre a comitiva de deputados médicos que foi a São Paulo verificar se o estado de saúde realmente inviabilizava seu comparecimento na semana passada.

A dúvida é pertinente em ambas as situações. Assim como é necessário o esclarecimento a quem eventualmente tenha pago essa conta.

Ida de Izolda para o MEC é boato, diz marido da vice-governadora

88 1

izolda cela

O prefeito de Sobral, Clodoveu Arruda (PT), comentou as especulações de que sua esposa, a vice-governadora e ex-secretária da Educação do Estado Izolda Cela (Pros), poderia suceder Cid no Ministério da Educação. De acordo com ele, a informação é um “boato”.

Arruda afirma que os dois ficaram sabendo da história pela imprensa. “Não conversamos com ninguém sobre o assunto”, diz. Ele declara que Izolda deve continuar como vice-governadora. Para ele, “o melhor nome para o ministério é Cid. Gostaria que a Dilma o convidasse de novo”.

Na última quarta-feira (18), o portal do jornal O Estado de São Paulo publicou que o líder do governo na Câmara, José Guimarães (PT), havia sugerido o nome de Izolda para substituir Cid. Ele fez elogios à capacidade técnica da segunda na linha sucessória do Ceará. Ainda conforme o portal, fontes teriam afirmado que o próprio Cid teria apresentado o nome a Dilma.

Em entrevista ao O POVO, o deputado federal negou que estivesse fazendo movimentações pela ida de Izolda para o MEC. Ele afirmou que sequer estava em Brasília, mas cumprindo agenda no interior do Estado.

A indicação de Izolda criaria um constrangimento para Dilma por causa da forte ligação da vice-governadora com Cid – que saiu do governo após forte desgaste com o PMDB. Assim, os problemas com o Legislativo, onde o Planalto já enfrenta problemas, permaneceriam.

(O POVO)

Revista Época diz que Cid Gomes nunca chegou a Brasília

foto época revista cid gomes

Em edição neste fim de semana, a revista Época avalia a ida de Cid Gomes à Câmara dos Deputados como um “show desmiolado do ministro da Educação”. “O Planalto botara um amador num cargo para profissionais”, concluiu.

Confira os principais trechos:

A caminho do calvário

Cid Gomes se virou sozinho. Àquela altura do dia, ainda ministro da Educação, ele apareceu na garagem da casa mantida pelo governo do Ceará, em Brasília, e saiu dirigindo um carro cinza. Seu irmão Ciro Gomes e vários apoiadores vindos do Ceará especialmente para a ocasião entraram em outros quatro carros e o seguiram. Na quarta-feira, Cid nem parecia um ministro de Estado. Ministros se deslocam em Brasília em sedãs pretos com placa oficial, motorista, segurança e vidros escuros; Cid dirigia um carro compacto com os vidros abertos. Em poucos minutos estacionou em frente à entrada do Congresso, desceu e se encaminhou para a missão de se explicar diante daqueles que chamara de “300, 400 achacadores”. Parecia já praticar o desapego ao cargo de apenas três meses – que perderia três horas depois.

Os apoiadores

O governador Camilo foi para apoiar o amigo. O presidente da Assembleia Legislativa, Zezinho Albuquerque, não só foi, como convocou vereadores e prefeitos para a viagem – estavam lá vários deles, inclusive o de Fortaleza, Roberto Cláudio, e o de Sobral (cidade de Cid), Veveu Arruda. Dez deputados estaduais também foram. Parte dessa turma se deslocou em jatinhos alugados. Na Câmara, a galera se acomodou nas galerias para assistir ao calvário de Cid. Osmar Baquit, secretário estadual da Pesca, comandava os aplausos e gritos da galera como se ainda fosse presidente do time de futebol Fortaleza.

A reação de Dilma

Ao sair do Congresso, foi ao Palácio do Planalto. “Você não precisava ter feito isso, não precisava ter sido desse jeito”, disse a presidente Dilma Rousseff. Cid lamentou.

Repercussão no Ceará

Produziu para a política local cearense a versão do político que perdeu o cargo porque chamou parlamentares de corruptos. Nesse embate de baixo nível, o empate é a tragédia nacional.

Pela libertação dos escravos do Capitalismo

 rosafson

O Movimento Crítica Radical realizará terça-feira, às 16 horas, na Praça do Ferreira, o ato “Escravos da Política? Nunca mais!”. Às vésperas da Abolição dos escravos no Ceará.

Segundo uma das militantes do Crítica Radical, a ex-vereadora Rosa da Fonseca, o objetivo é voltar a mostrar para a sociedade que o sistema Capitalista em nada mudará a vida do mundo nem das pessoas. A busca precisa ser por revolução humana.

Academia Estadual de Segurança Pública promove a III Corrida de Pedestrianismo

A Academia Estadual de Segurança Pública do Ceará promoverá neste domingo a sua “III Corrida de Pedestrianismo”. O evento marca o encerramento do Curso de Formação Profissional da Carreira de Praças da Polícia Militar do Ceará (CFPCP/PM – Turma IV) e tem o objetivo de “enaltecer os valores desenvolvidos ao longo do módulo de educação física, integrando todos os 32 grupos do CFP em uma atividade de incentivo à saúde e ao bem-estar”, diz, em nota, o organismo.

A largada ocorrerá às 7 horas, com saída da sede da AESP (Avenida Presidente Costa e Silva), seguindo pelas avenidas Godofredo Maciel, Benjamin Brasil, Bernardo Manoel e retornando ao ponto de partida, totalizando um percurso de 7 quilômetros. A corrida contará com a participação de mais de 1.500 alunos dos Cursos de Formação Profissional para ingresso na PM e no Corpo de Bombeiros, além de familiares, instrutores, coordenadores, monitores, servidores da academia e demais convidados das vinculadas da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS).

Camilo receberá cadeia produtiva do caju

camilo_santana_ce_foto_francisco_franca_secom_pb_0011

O governador Camilo Santana (PT) receberá segunda-feira, às 10 horas, no Palácio da Abolição, toda a cadeia produtiva do caju. À frente, Flávio Saboya, presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado (Faec). O setor quer incentivos fiscais.

O encontro deverá contar com a presença do secretário da Fazenda, Mauro Filho, aquele que, até agora, deve muito repasse da campanha “Sua Nota Vale Dinheiro” a várias entidades filantrópicas e religiosas.

Quem vai a igrejas como a da Parquelândia, por exemplo, ouve o pároco reclamar da Sefaz pelos desembolsos das notinhas não liberados.

Socorro França busca reforçar parceria da CGD com a Justiça

contorolaoro

A presidente do Tribunal de Justiça, desembargadora Iracema Vale, recebeu, nesta sexta-feira, a visita de Socorro França, titular da Controladoria Geral de Disciplina dos Órgãos de Segurança Pública e Sistema Penitenciário do Estado (CGD). Durante o encontro, Socorro França pediu apoio para reforçar a parceria entre os órgãos.

Também estavam nesse encontro o controlador-adjunto Rodrigo Bona e o secretário-executivo do órgão, major PM Juarez Nunes Júnior.

VAMOS NÓS – Sem dúvida, a melhor parceria é a CGD pegar e não poupar os maus policiais e a Justiça condenar e botar pra fora da Corporação. Ou na cadeia.

Eleições 2016 – Luizianne estaria sendo minada no sonho de postular de novo a Prefeitura

67 5

zluiziannebrasilia

A deputada federal Luizianne Lins dificilmente terá chance de sair candidata à Prefeitura de Fortaleza, segundo fontes petistas.

Se quiser mesmo disputar, vai ter que dar uma de Marta Suplicy: pensar em trocar o PT pelo PSB que, em passado recente, a cortejou para disputar o Governo.

Há informações de que membros do governo estadual, com apoio de setores petistas da Capital, estão reforçando o número de filiados. E filiados que, com certeza, terão peso pró0-governistas, na hora da definição sobre eleições 2016.

A própria Luizianne já se queixou disso, mas está evitando dar nomes aos bois dessa manobra.

VAMOS NÓS – OI que diz sobre o tema o presidente do PT de Fortaleza, deputado estadual Elmano de Freitas?