Blog do Eliomar

Categorias para Ceará

Morre atriz Antonieta Noronha

atriz_proletaria_nely_rosa_97

Morreu, no começo desta tarde de segunda-feira, a atriz Antonieta Noronha (79), que comemorou, mês passado, 52 anos de carreira. Há meses ela lutava contra um câncer de mama. O velório está marcado para às 16 horas, no Teatro Antonieta Noronha (rua Pereira Filgueiras, 4, Centro), que funciona no prédio da Secretaria de Cultura de Fortaleza. O local do enterro é o Parque da Saudade, em Caucaia, às 12 horas desta terça-feira.

Considerada dama do teatro cearense, Antonieta Noronha, nascida em Sobral, iniciou a vida artística aos 18 anos. Participou do Programa de Calouros da Ceará Rádio Clube e A Voz de Ouro ABC da rádio Uirapuru. Integrou o Grande Coral do Conservatório Alberto Nepomuceno e participou do Curso de Arte Dramática da Universidade Federal do Ceará (UFC).

Em 1964 concluiu o curso e integrou o elenco da Comédia Cearense e do Teatro Novo, sendo dirigida por diretores como Marcus Miranda, B. de Paiva e Haroldo Serra.

Por ter a versatilidade como marca, a atriz interpretava comédia, drama, tragédia. Na televisão, Antonieta atuou como a fofoqueira Olinda, do programa Dois na Berlinda, ao lado de Praxedinho.

No Cinema, a estreia se deu com o filme Dora Doralina de 1982 com Vera Fischer e Cleide Yácones.Premiada como atriz nos filmes O amor não acaba às 15h30minDeixa-me ficar e Tempo da Ira. No contemplado Central do Brasil, trabalhou ao lado de Fernanda Montenegro. Luiza HomemMilagre em Juazeiro e A Lenda do Gato Preto também ocupam lugar de destaque no meu extenso currículo.

Em 2004, Antonieta inaugurou o teatro que leva seu nome com o espetáculo Um minuto de silêncio.

Vereador do PT diz que “Fortaleza tá um lixo”

142 4

Com o título “Fortaleza tá um lixo!”, eis artigo do vereador Ronivaldo Maia (PT), que pode ser conferido no O POVO desta segunda-feira. Ele aborda problemas no setor da limpeza pública, observando que a Prefeitura tem uma dívida de R$ 140 milhões com os caçambeiros. Confira:

Fortaleza tá um lixo. Um lixão a céu aberto. Essa é a sensação de quem anda por nossas ruas. Os pontos de lixo se multiplicam. A administração que tanto se empenhou na retirada de árvores assiste ao mato crescer nos canteiros, praças e meios-fios. E isso tudo está acontecendo porque os serviços de coleta, varrição e capinação foram reduzidos.

No início do ano, o prefeito Roberto Cláudio apostou na redução dos gastos com a limpeza. O argumento: o serviço era caro e seria preciso partir para tecnologias mais modernas e baratas. Ao mesmo tempo alterou-se a legislação para punir com mais rigor os geradores de lixo em situação irregular.

Essa estratégia fracassou. A quantidade de lixo nas ruas está é aumentando. E não ocorre porque o fortalezense passou a produzir mais lixo de seis meses para cá. É porque a coleta diminuiu.

O prefeito ainda impôs às empresas contratadas uma redução no valor de seus contratos. O número de caçambas, por exemplo, foi reduzido em pelo menos 10%.

Da mesma forma que ocorreu com os semáforos, a Prefeitura vem acumulando atrasos no pagamento das empresas. Dados do Portal da Transparência do TCM apontam um montante de dívidas de R$ 140 milhões. O não pagamento provocou, no último dia 28/8, a interdição do aterro sanitário por cerca de 400 caçambeiros reivindicando seus pagamentos atrasados há três meses e denunciando a retirada de 400 garis do serviço desde o início da gestão atual gestão.

Mas, se falta dinheiro para a limpeza pública, não falta para outras despesas. O mesmo Portal da Transparência indica que o prefeito empenhou mais de 85 milhões de reais em gastos com propaganda e eventos. Sem falar dos gastos com gratificações e cargos comissionados que oneraram o município em mais de R$ 50 milhões/ano.

Assim, de nada adianta a Prefeitura apenas jogar toda a culpa na população pelo aumento da sujeira nas ruas. A atual administração precisa é agir com transparência, responsabilidade e priorizar o gasto com aquilo que é mais importante para Fortaleza.

Ronivaldo Maia

ronivaldo@ronivaldomaia.org.br

Vereador de Fortaleza (PT)

Vem aí o I Encontrão de Congraçamento da Juventude do Otávio Bonfim

festtaa

Vem aí o I Encontrão de Congraçamento da Juventude do Otávio Bonfim, que reunirá jovens das décadas de 50 até a década de 80 que viveram no bairro do Otávio Bonfim. Segundo um dos organizadores, o médico, professor e escritor Marcelo Gurgel, o encontro ocorrerá, a partir das 19 horas da próxima quinta-feira, no salão da Paróquia de Nossa Senhora das Dores.

Para o evento, foram providenciados faixas, banners, convites, projetores e som, porteiros, aluguel de mesas e cadeiras, bem como refrigerantes, salgadinhos, descartáveis e outros. “Desta forma, quem puder colaborar financeiramente para cobrir as despesas -em torno de R$ 1.400,00, comunique-se com a nossa comissão”, apela Marcelo Gurgel.

A expectativa é congregar 180 pessoas pessoas.

Comissão Organizadora

* Edmar Gurgel, Vicente Moraes (Tente) e Marcelo Gurgel.

Grupo assalta transportadora e leva munição e 77 pistolas

Setenta e sete pistolas e diversas munições foram levadas, na manhã desta segunda-feira, 14, de uma transportadora localizada na rua Marlene Farias Filgueiras, no bairro Pedras, em Fortaleza.

De acordo com Rafael Villarinho, titular da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF), um grupo, composto por cerca de cinco pessoas, rendeu os vigilantes da transportadora e levaram as armas, de diversos calibres — inclusive, alguns restritos a polícias e ao Exército. Eles teriam agido em um carro modelo Siena, de cor preta.

A carga com as armas e munições teria diversos destinatários, adiantou Villarinho. Na manhã desta segunda-feira, a DRF realiza os primeiros levantamentos da investigação sobre o crime. Até o momento, nenhum suspeito de participação no assalto foi identificado ou preso.

(O POVO Online)

Xô, Seca! Prefeito de Quixeramobim diz ter investido em mais de 200 poços profundos

cirilo-pimenta1

Em busca de recursos federais, encontra-se em Brasília, nesta segunda-feira, o prefeito de Quixeramobim, Cirilo Pimenta. Ele diz que o repasse do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) ali chegou 39% a menos do que mesmo repasse do ano passado. Não falou em valores, mas adiantou que a ordem é pressionar o governo federal por apoio.

Cirilo Pimenta lembrou que seu município vive dificuldades com a seca e que, entre suas lutas, está a construção de uma adutora ligando Pedra Branca ao seu município para reforçar o abastecimento d’água.

O prefeito de Quixeramobim adiantas que, enquanto a verba não chega para o projeto, já investiu  na construção de mais de 200 poços profundos, sendo 100 na sede e o restante na zona rural do município.

Ponte principal do Cocó está interditada para obras de reforma

A ponte principal do rio Cocó, nas trilhas que ficam na avenida Sebastião de Abreu, está interditada para reforma. O equipamento oferecia risco de acidente aos frequentadores do maior parque urbano de Fortaleza. Uma semana depois do O POVO publicar matéria alertando para 25 problemas (http://migre.me/rwfr9) no mangue, a Secretaria Estadual do Meio Ambiente do Ceará (Sema) proibiu o acesso ao local de observação.

A interdição atinge toda a extensão da trilha do rio, onde há duas pontes danificadas e a marcação da margem da mata está destruída. As duas passarelas – uma de solo e outra sobre um dos braços do Cocó – , estão com o piso apodrecido e o corrimão quebrado com pregos expostos. Como não houve manutenção, há pelo menos três anos, a ponte sobre o rio Cocó ameaçava desabar.

No interior da floresta urbana existem 8 pequenas pontes de madeira, duas escadarias (Sebastião de Abreu e Engenheiro Santana Júnior) e um píer. Todos os equipamentos necessitam de restaurações pontuais ou modificações. As pontes das trilhas do Rio, Túnel e Ninfeias poderiam ser curvadas para evitar o contato com a água na época das cheias no mangue.

No mês passado, a Sema iniciou uma série de consertos nas trilhas da Sebastião de Abreu. De acordo com o secretário do Meio Ambiente do Ceará, Artur Bruno, até o fim de outubro deste ano o Parque será entregue reformado. Serão gastos R$ 265.195,50 em diversos serviços e novidades, como a construção do Cine Cocó (na área da gerência do Parque) e 150 metros de rampas para acessibilidade.

As trilhas do Parque do Cocó foram abertas entre 2003 e 2006 pelo então governador Lúcio Alcântara. A grande pendência para a floresta, hoje, é a falta de regulamentação e ampliação das poligonais da mata. O governador Camilo Santana prometeu regularizar até o fim deste ano. Os atuais 1.155,2 hectares do Parque do Cocó foram ilhados por causa de ocupações irregulares e da especulação imobiliária em Fortaleza.

(Por Demitri Túlio)

Decon autua oito bancos em Fortaleza

176 1

download (36)

O Decon desencadeou uma operação para fiscalizar os estabelecimentos bancários na Capital. O trabalho, segundo a assessoria de imprensa do Ministério Público Estadual – ocorrido entre os dias 8 e 11 de setembro, resultou na autuação de oito estabelecimentos que estavam em desacordo com as normas vigentes. A fiscalização faz parte das ações em comemoração aos 25 anos do Código de Defesa do Consumidor (CDC) e foi realizada com base em denúncias recebidas pelo Órgão.

Durante a fiscalização, batizada de “Operação Cronômetro”, foi elaborado um check list para verificar se os estabelecimentos possuem os documentos necessários para o exercício da atividade, como Alvará de Funcionamento, Registro Sanitário e Certificado de Conformidade emitido pelo Corpo de Bombeiros. Além disso, foi observado se as instituições financeiras possuíam porta eletrônica em todos os acessos destinados ao público; divisórias opacas com altura mínima de 2 metros entre os caixas, inclusive eletrônicos; biombos ou similares com altura de 2 metros entre a fila de espera e os caixas; banheiros; formulário de reclamação, e, principalmente, se estavam cumprindo a lei que determina o tempo máximo de espera para atendimento.

As empresas autuadas têm prazo de dez dias para apresentar defesa escrita ao órgão e, dependendo do caso concreto, podem sofrer penalidade administrativa que varia de multa a interdição do estabelecimento.

Estabelecimentos autuados durante a Operação Cronômetro

Banco do Nordeste do Brasil S/A (BNB), Sapiranga, Fortaleza -CE. Não apresentou Alvará de Funcionamento e Certificado de Conformidade CBM; Registro Sanitário vencido; não possui livro de reclamações.

Banco do Brasil S/A Osório de Paiva. Fortaleza – CE. Registro Sanitário vencido, não possui banheiros separados por gênero; aparelho eletrônico para senhas sem funcionar; tempo de espera superior ao previsto em lei.

Banco do Brasil S/A Santos Dumont. Fortaleza – CE. Tempo de espera superior ao previsto em lei.

Banco do Brasil S/A Treze de Maio. Fortaleza – CE. Não apresentou Certificado de Conformidade CBM, tempo de espera superior ao previsto em lei.

Banco Bradesco S/A Francisco Sá. Jacareacanga. Fortaleza – CE. Não possui livro de reclamações; não possui banheiros separados por gênero; tempo de espera superior ao previsto em lei.

Itaú Unibanco S/A Centro. Fortaleza – CE. Registro Sanitário vencido; não possui livro de reclamações.

Banco Bradesco S/A Maraponga. Fortaleza – CE. Não apresentou Certificado de Conformidade CBM; Registro Sanitário vencido; não possui livro de reclamações; não possui banheiros separados por gênero; tempo de espera superior ao previsto em lei.

Banco Bradesco S/A Parangaba. Fortaleza – CE. Certificado de Conformidade CBM e Registro Sanitário vencidos; mão possui livro de reclamações; não possui banheiros separados por gênero.

SERVIÇO

*Decon – Rua Barão de Aratanha, 100, Centro.

*Denúncia também pelo site www.decon.ce.gov.br ou através do telefone 3452-4505.

(Com Site do MPE)

Parlamentar cearense está em missão nos EUA

odoricomoneiro

O deputado federal Odorico Monteiro (PT) está engajado numa missão parlamentar oficial, que visita Washington (EUA) até a próxima quinta-feira.

A visita foi organizada pela Câmara Americana de Comércio e tem o objetivo de promover o diálogo e a troca de experiências sobre inovação em saúde entre os Congressos brasileiro e norte-americano.

Odorico Monteiro atua na Frente Parlamentar em defesa da Saúde e na comissão técnica do gênero.

Governador terá bateria de audiências com o secretariado

O governador Camilo Santana terá uma segunda-feira de muitas, muitas reuniões com seu secretariado. A partir das 9h30min, despachará com os titulares das pastas da Infraestrutura, Turismo, Fazenda e Casa Civil.

Em seguida, receberá os titulares das secretarias de Recursos Hídricos, Desenvolvimento Agrário, Cidades, Planejamento, Relações Institucionais, Ciência e Tecnologia e órgãos vinculados como Funceme, Cogerh, Sohidra e Defesa Civil. Ações preventivas contra a seca em foco.

Às 14 horas desta segunda-feira, Camilo ainda terá reunião com as secretarias do Desenvolvimento Econômico, Fazenda, Planejamento, Relações Institucionais, Ciência e Tecnologia, além de Adece e Ipece. Hora de avaliar cenários da economia estadual e nacional e medidas de ajuste ao que virá de Brasília no plano dos cortes.

TJ do Ceará faz mutirão para julgar ações penais

Tem início nesta segunda-feira  a I Semana Estadual do Júri. O objetivo, segundo o Tribunal de Justiça do Estado, é agilizar o julgamento de processos de competência do júri. Uma força-tarefa atuará nessa ação, que será concluída na próxima sexta-feita. Foram agendadas 135 sessões de julgamento para os cinco dias do mutirão. Essas sessões ocorrerão em 34 comarcas do Estado.

A iniciativa está relacionada com a Meta de “Persecução Penal de Ações Penais em Tramitação” da Estratégia Nacional de Justiça e Segurança Pública (ENASP) para 2015, que prevê o julgamento de crimes dolosos contra a vida, com denúncia recebida até 31 de dezembro de 2009 e que não foram julgados até 31 de outubro de 2014, excluídos os processos suspensos.

De acordo com a desembargadora Adelineide Viana, gestora da meta no Estado, as sessões serão feitas com a colaboração do Ministério Público do Ceará (MP/CE) e da Defensoria Pública, além do apoio da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) e da Secretaria da Justiça e Cidadania (Sejus).

Camilo Santana diz que só trata de eleições no próximo ano

camieleoe
Camilo com a primeira-dama Oneide e os filhos no evento.
O governador Camilo Santana (PT) avisa: só tratará das eleições no próximo ano. Adiantou ter muitos problemas graves para administrar, como a crise hídrica, a segurança e a saúde e que a gestão é a sua prioridade no momento.
Camilo Santana deu essa declaração no fim da tarde desse domingo, durante coletiva, após abrir a 61ª Exposição Agropecuária e industrial do Estado doi Ceará (Expoece), no Parque de Exposições da Secretaria do Desenvolvimento Agrário (SDA), no bairro São Gerardo.
Perguntado sobre a possibilidade de acompanhar o grupo político dos Ferreira Gomes para o PDT, Camilo descartou, de imediato, essa possibilidade. Lembrou que é filiado ao PT desde 2002 e que não há hipótese de troca de partido, mesmo mantendo sua admiração e respeito ao ex-governador Cid Gomes.
(Foto – Divulgação)

A quem interessa a extinção do ISSEC?

402 4

Em carta aberta enviada ao Blog, a diretoria do Fórum Unificado das Associações e Sindicatos dos Servidores Públicos Estaduais do Ceará (FUASPEC) se posiciona contra a extinção do Instituto de Saúde dos Servidores do Estado do Ceará. Confira:

A esperança com a chegada do novo gestor, em geral, manifestou-se a partir da crença da possibilidade de avanços e diálogos com servidores, por se tratar de um político do Partido dos Trabalhadores. Porém, frente às atuais decisões tomadas pelo executivo com relação ao Instituto de Saúde dos Servidores do Estado do Ceará (Issec), tal expectativa transforma-se em incerteza, ao sabermos que o Estado deseja transformar o Issec em Plano de Saúde, ou seja, estão vislumbrando um modelo que não corresponde à realidade do servidor público estadual. Contrário das nossas perspectivas, se torna mais evidente que essa intenção ultrapassada já iniciaria arruinada.

No último dia 27 de agosto, houve reunião convocada especificamente para tratar da situação do Instituto de Saúde dos Servidores do Estado do Ceará (ISSEC), a coordenação do Fórum Unificado das Associações e Sindicatos dos Servidores Públicos Estaduais do Ceará (Fuaspec) foi surpreendida com a proposta de criação do PLASSEC.

Segundo o Governo, o PLASSEC será um plano de saúde de autogestão, sem limites de utilização e com mensalidades “menores” que as do mercado. Dessa forma, além de pagar a mensalidade, os servidores terão que custear a coparticipação nos exames e procedimentos. A adesão seria voluntária e facultativa. Se o servidor não puder pagar, será sumariamente EXCLUÍDO.

Só que a realidade do servidor público cearense é bem diferente, devido à baixa remuneração (um dos três menores salários do País), o beneficiário não terá a mínima condição de desembolsar nada mais do que os atuais 11% de seus salários para o ISSEC. Além disso, enquanto o Estado faria um aporte de aproximadamente R$ 82 milhões ao ano para o PLASSEC, os servidores financiariam R$ 400 milhões – isto considerando a tabela mínima, sem a coparticipação.

O Fórum dos Servidores questiona, ainda, o valor das mensalidades, que em muitos casos, devido à idade avançada da maioria dos servidores, seria maior do que as do mercado. Além disso, o PLASSEC não seria um plano regulado pela Agência Nacional de Saúde (ANS), o que poderia acarretar na baixa qualidade do atendimento.

É importante ressaltar, ainda, que o ISSEC é considerado um benefício pelos servidores, uma espécie de política compensatória em virtude das perdas salariais acumuladas, já que as tabelas salariais encontram-se totalmente defasadas.

O ISSEC vem sendo desmontado ano a ano, com aportes cada vez menores por parte do Governo, a fim de justificar a sua extinção. Em 2014, foram 100 milhões/ano aportados. Em 2015, o valor caiu para 82 milhões/ano. Como o Governo quer garantir a qualidade da saúde dos servidores desta forma?

Cerca de 150 mil usuários dependem do ISSEC. Muitos já se encontram com a margem de consignação comprometida, devido a empréstimos contraídos. Assim, ainda que quisessem aderir ao novo plano de saúde, não poderiam. Em todos os lugares, encontramos servidores preocupados e insatisfeitos com a proposta.

Queremos dizer NÃO ao PLASSEC. O ISSEC é uma conquista dos servidores públicos cearenses e dele não abrimos mão. Defendemos melhorias, não a sua extinção.

Servidor(a), defenda o ISSEC. Defenda a sua saúde e o seu futuro!

Camilo e RC poderão encontrar resistência no Senado para liberação de empréstimos internacionais

205 2

Da Coluna Fábio Campos, no O POVO deste domingo (13):

Aviso aos navegantes: fontes em Brasília garantem que se tornou bastante improvável a liberação dos empréstimos internacionais para bancar obras públicas. Quanto mais se aprofunda a crise econômica, mas difícil será aprovar a liberação dos empréstimos, mesmo que estados e prefeituras tenham boas condições para se endividar e pagar. Esse ponto se relaciona com decisões técnicas do Ministério da Fazenda. Há outro obstáculo político que não deve ser descartado. A última instância para a liberação dos empréstimos é o Senado. No caso do Governo do Ceará e da Prefeitura de Fortaleza, haverá resistências. No caso, por parte do senador Eunício Oliveira (PMDB), cada vez mais influente na Casa.

Governo do Estado está ansioso pelo empréstimo do Acquario. O processo burocrático emperrou e ainda será preciso ser aprovado pelo Senado. O prazo, que se encerra em novembro, está ficando curto. A propósito, o Estado é capaz de erigir uma estátua para quem conseguir emplacar um projeto de privatização desse equipamento encravado na Praia de Iracema. Já a Prefeitura de Fortaleza deu o primeiro passo ao aprovar o empréstimo de 250 milhões de dólares junto ao Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF) que serão aplicados em infraestrutura. Até aí, tudo bem, mas ainda falta o aval do Governo Federal e do Senado.

No âmbito do Governo do Estado, não é apenas o Acquario que precisa de financiamento internacional para que suas obras possam prosseguir. Em agosto passado, o secretário da Fazenda do Ceará (Sefaz), Mauro Filho, afirmou manter a expectativa de que Ministério da Fazenda daria o aval para liberar nada mais, nada menos que R$ 1 bilhão (no câmbio da época) para o Ceará. Vejam a lista de ações: US$ 105 milhões do Acquario Ceará, US$ 100 milhões do Proares III, US$ 140 milhões para a saúde, US$ 65 milhões do Profisco e, por fim, US$ 200 milhões para o Cinturão das Águas. Esta última obra está quase que totalmente parada.

Ambulância é solicitada para reintegração de posse em Itapipoca nesta segunda-feira

540 3

foto itapipoca nova jerusalém

Cerca de 300 pessoas da comunidade Nova Jerusalém, em Itapipoca, a 150 quilômetros de Fortaleza, vivem momentos de tensão, diante da decisão judicial para a reintegração de posse de 72 casas populares, a pedido do prefeito Dagmauro Moreira (PT), marcada para esta segunda-feira (14), a partir das 8 horas. Uma ambulância foi solicitada para o local, “para possíveis atendimentos”, segundo despacho da 1ª Vara da Comarca.

Em abril deste ano, a comunidade havia conquistado a chegada da energia elétrica nas casas e na rua Bairro Julio.

VAMOS NÓS – Que tudo ocorra na paz.

PDT antecipa debate sucessório em Maracanaú e lança pré-candidato

foto pdt 150913 maracanaú

O empresário Edilson Teixeira é o pré-candidato do PDT à Prefeitura de Maracanaú, ao ter o nome lançado durante o encontro regional do partido, neste domingo (13), que contou com a presença do presidente do PDT no Ceará, deputado federal André Figueiredo.

O sexto encontro do partido reuniu lideranças de municípios da Região Metropolitana de Fortaleza (RMF) e serviu para novas filiações.

Camilo Santana está perdido no governo

144 4

Em artigo enviado ao Blog, o coordenador adjunto do Fórum Unificado das Associações e Sindicatos dos Servidores Públicos Estaduais do Ceará (Fuaspec) e representante da Associação dos Servidores de Nível Médio e Elementar da Secretaria da Saúde do Estado do Ceará (ASENMESC), José Francisco Rodrigues, afirma que a saúde pública estadual está sem qualquer possibilidade para melhor gerir as ações. Confira:

O governo Camilo Santana tem passado por momentos muito difíceis na sua gestão, pois deixar que Mauro Filho conduza o Estado ao divulgar as questões financeiras estaduais da forma que bem deseja. Será certamente um desespero para seu governo, que recebeu um legado muito ruim dos Ferreira Gomes.

Na saúde pública, os cofres foram esvaziados, inclusive os recursos federais do SUS estão estagnados e sem qualquer possibilidade para melhor gerir as ações e gestões da sociedade cearense tão pobre e passando por dificuldades maiores durante este ano. O período eleitoral passado causou prejuízos a todos – não somente aos trabalhadores – mas, acima de tudo, à saúde pública.

Ou se toma uma providência imediata e/ou simplesmente o caos tomará conta de tudo aquilo que resta nos cofres públicos estaduais, inclusive a queda do PIB cearense, que sempre fora maior do que o nacional e agora caiu vertiginosamente e o senhor Mauro Filho nada faz para resolver a situação e a realidade financeira, pois seus pronunciamentos sempre são os piores possíveis.

Atrasar o pagamento dos servidores públicos não seria uma boa solução, mas, sim, uma ameaça que vem complicar a todos, inclusive ao Camilo Santana que não teria mais a quem recorrer, nem ao SUS e/ou Dilma. O Estado não está falido, mas a gestão e os assessores estão todos perdidos.

‘País não vai suportar mais três anos de caos’, diz senador Tasso

tassoosokje

Em entrevista publicada no Estadão, neste domingo (13), o senador cearense Tasso Jereissati (PSDB) avalia como “desgoverno” o atual momento do Palácio do Planalto. Para o senador, a crise econômica era previsível desde o primeiro governo Dilma Rousseff, quando “os sinais de erro na economia” surgiram com mais clareza.

Administrador de empresas por formação, Tasso Jereissati afirma que, no momento, não se percebe nenhum contraponto de equilíbrio e confiança na política econômica brasileira. Para o parlamentar cearense, está chegando a hora dos políticos da situação e da oposição se unirem para “dar uma parada nessa ladeira abaixo” que o país está seguindo.

Segundo Tasso, a presidente Dilma não é uma pessoa de diálogo e que não possui visão suficiente para perceber a gravidade da crise brasileira. Isso, de acordo ainda com o senador do Ceará, faz com que ministros disputem entre si na mesma área de atuação, como se fossem “um governo à parte”.

“(…) Não estou vendo possibilidade de o país suportar três anos com esse nível de desgoverno”, avaliou Tasso, que acredita na possibilidade do vice Michel Temer assumir o governo. “O vice-presidente Temer, se for cair a Presidência na mão dele, sozinho não tem condições também. Não tem condições porque primeiro vai ter que fazer muita maldade porque a questão fiscal é gravíssima e não há hipótese de resolver isso sem cortes de despesas violentos. (…) Nenhum partido sozinho hoje, do jeitro que está, vai conseguir enfrentar todos esses problemas”, disse.

Heitor Férrer – O PDT virou um bom bife para um bom predador

heitorrferrrer

Com quase trinta anos de PDT, o deputado estadual Heitor Férrer está às portas de trocar sua legenda pelo PSB. Ele diz ter apenas gratidão pelos antigos colegas, mas deixa um conselho: “O PDT virou um bom filé, para um bom predador”.

Os predadores, segundo Heitor Férrer, têm nome e sobrenome: Cid e Ciro Gomes (Pros), hoje de malas prontas para o PDT. Com trajetória inteira na oposição – inclusive a governos comandados por Ciro e Cid –, Heitor cresce na política cearense em embates com o ex-prefeito Juraci Magalhães (PMDB) e pela postura de cobranças e denúncias contra o Executivo.

“Nós vemos por história, por estatísticas, por história pregressa. Em nenhum momento, a entrada dos Ferreira Gomes a um partido se deu por uma identificação ideológica. Até porque não é possível que a pessoa tenha tantas ideologias ao longo da vida, mudando, como é o caso agora do Ciro, que vai para o sétimo partido”, comentou Heitor, em entrevista ao O POVO, publicada neste domingo (13).

“O PDT está em bom momento, pois não tem nenhum escândalo que envolva o partido. Está em bom momento no Ceará, porque o André Figueiredo, que é o presidente, foi exemplarmente condutor desse processo de fundamentação do partido no Estado, ampliando nossas comissões provisórias em quase todos os municípios. Então o PDT virou um bom filé, para um bom predador. O PDT virou um partido simpático e charmoso”, ressaltou Heior.

(O POVO)

Aeronave cai em Itapipoca neste domingo

foto acidente avião itapipoca

Um avião de pequeno porte caiu no início da manhã deste domingo (13), na localidade de São Daniel, distrito de Arapari, em Itapipoca, a 130 quilômetros de Fortaleza.

De acordo com as primeiras informações, o local é de difícil acesso – por ser no alto da serra – e que duas pessoas teriam morrido na queda.

(com informações do radialista Flávio Teixeira)

XX Conferência Estadual debate situação territorial e valorização cultural dos povos indígenas

foto acrísio indígenas

Representações indígenas das etnias Tapeba, Tremembé, Pitaguary, Potiguara e Tabajara debateram neste fim de semana, durante a XX Conferência Estadual dos Povos Indígenas, em Itarema, a 204 quilômetros de Fortaleza, a situação fundiária e territorial, a organização política e institucional e a valorização cultural dos povos indígenas.

O secretário de Movimentos Sociais do Estado, Acrísio Sena, representou o governador Camilo Santana e apresentou os encaminhamentos das reuniões que aconteceram durante o mês de agosto, com relação à demarcação de suas terras e o processo de ensino e aprendizagem.

“Há o compromisso do governador em cumprir o estabelecido nos planos nacional e estadual de educação. Para isso a Secretaria de Educação assumiu o compromisso de realizar o levantamento de demandas por equipamentos, analisar a estrutura dos prédios e estabelecimentos das escolas indígenas além de realizar estudo técnico quanto à questão da energia elétrica, tendo em vista que em alguns locais será necessária a construção de uma subestação para atender a demanda”, afirmou Acrísio Sena.