Blog do Eliomar

Categorias para Ceará

Fernando Hugo vive dilema no Ceará, diante do governo do PT

81 3

fernando-hugo2 (1)

Da Coluna Política, no O POVO desta terça-feira (20), pelo jornalista Ítalo Coriolano:

Não deixou de ser surpreendente a fala do deputado Fernando Hugo (SD) garantindo apoio ao governo do petista Camilo Santana. Logo ele, responsável por momentos homéricos na Assembleia, quando escolhia como alvo de seus discursos o PT e suas práticas no poder. Ele que recentemente chamou o ex-presidente Lula, a presidente Dilma e demais correligionários de “malta de quadrilheiros”, responsáveis pela “desarrumação sociocomportamental” do País.

É certo dizer que Camilo não é lá a figura mais emblemática do petismo, estando mais ligado a Cid do que à identidade do partido. Mas representa, sim, a sigla no Estado, com todos seus defeitos e qualidade. Sendo assim, soará estranho se Fernando Hugo retornar ao Parlamento com suas explosões retóricas contra Lula, PT e companhia.

Inevitavelmente estará desagradando o novo aliado, que garantiu ao ex-tucano vaga na AL ao convocar vários deputados para seu secretariado.

VAMOS NÓS – Com a palavra, o deputado Fernando Hugo.

Camilo Santana e o fim do ciclo dos Gomes

116 12

Em artigo enviado ao Blog, o professor da área de Ciência Política do Departamento de Ciências Sociais da UFC, Uribam Xavier, diz que a gestão de Camilo é o início de um processo no qual os Ferreiras Gomes vão se desbotando na vida política. Confira:

Definitivamente chegamos ao fim do ciclo dos Gomes ao poder. Isso não significa que eles vão desaparecer da cena política ou vão deixar de ter mandatos, significa quer perderam a hegemonia na condução da política no Ceará.

O governo de Camilo Santana, caracterizado por uma gestão híbrida entre PT e Cid Gomes, é o marco transitório. O novo governo é a continuação do hibridismo ao avesso, pois antes a gestão era Cid Gomes e PT, mas agora se configura toda uma situação para fazer do PT o bloco hegemônico com capacidade de conduzir o poder, pelo menos nos próximos oito anos.

A gestão de Camilo é o início de um processo no qual os Ferreiras Gomes vão se desbotando na vida política. Ciro Gomes virou um personagem que ninguém quer por perto; não demonstra maturidade emocional para lidar com divergências e nem com contrariedades; além disso, o avançar da idade parece que não foi suficiente para superação do comportamento de arrogância.  Já Ivo Gomes, considerado o menos talentoso e público do trio, sempre foi apagado, quando ganhou visibilidade foi por expressar atitudes arrogantes, sempre viveu à sombra dos irmãos. Seu futuro mais promissor parece que é usar a secretária da cidade para se eleger deputado ou prefeito de Sobral. Contudo, em relação a Sobral, cabe uma pergunta: será que os que estão hoje no poder vão querer soltar o osso?

Cid Gomes, agora ministro da educação, ainda pode disputar, com grandes possibilidades, o mandato para deputado federal ou para o senado. Minha aposta é que ele não chega até o final da gestão da Dilma como ministro da educação, e, ao sair do ministério, se não for bem sucedido na articulação do novo partido a serviço do Planalto para enfraquecer o PMDB, Dilma sentirá que já pagou os favores recebidos. Ele não é uma liderança nacional, não demonstra ter um pensamento sobre o Brasil, como teve algum tempo Ciro Gomes, quando repetia as ideias de Mangabeira Unger. Fora do poder, no presidencialismo de coalizão, estará fadado ao escanteio ou a ser um líder paroquial.

A velocidade com que os Gomes vão se desbotando vai depender das pretensões de Camilo Santana e do PT. Imagino que o novo governador queira disputar a reeleição e o PT queira ampliar seus aliados. Com o controle da máquina administrativa na mão, podem ampliar o número de prefeitos, cooptar novos deputados e fortalecer a estrutura do partido em vários municípios. Diferente do personalismo dos Gomes, que nunca apostaram na construção de uma estrutura partidária, Camilo pertence a um partido forte e estruturado, isso significa que apostar no seu partido e se distanciar do seu padrinho político é o caminho mais seguro para ter vida própria e autonomia política.

A campanha política foi uma das mais acirradas, onde o candidato Eunício Oliveira iniciou com um percentual muito elevado de preferência do eleitor, nunca teve menos de 40% por cento nas pesquisas, e foi o canalizador do desgaste e da imagem de prepotência consolidada pelos Gomes. A maior dificuldade de Camilo foi a de ter sido o candidato dos Gomes. Todavia, pela fragilidade intelectual de Eunício Oliveira e seu despreparo para liderança política, ele não conseguirá segurar o capital político que obteve na campanha, principalmente na capital, onde ganhou de Camilo. Nesse cenário, algumas características pessoais de Camilo podem ajudá-lo a ter uma empatia com a população: é educado, sereno, e tem sinalizado que seu governo vai ter mais diálogo com a sociedade, com as organizações políticas sociais e partidárias.

Em relação ao resultado de seu governo, penso que se Camilo priorizar quatros ações públicas, como segurança, saúde, cultura e desenvolvimento rural, e, do resto, fizer o melhor do mesmo que se tem feito até hoje, com certeza ele vai cair nas graças do povo. Ao longo da gestão, pode ir trocando parte do secretariado para ter uma gestão administrativa mais técnica e política do que parte da atual, que é politiqueira.

Camilo Santana é do mesmo partido que comanda o governo federal, semelhante à época em que Tasso Jereissati foi governador, o que pode facilitar a liberação de recursos para o Ceará. Todavia, Tasso tinha luz própria e presença política forte; já Camilo, ele chegou ao poder por apadrinhamento e não tem o significado de mudança política que teve Tasso quando chegou, pela primeira vez, ao cargo de governador do Estado. Porém, é o governador e tem o poder administrativo nas mãos, se demonstrar autonomia e sinalizar para seu partido e parte da sociedade que é vermelho [PT] e não amarelo [Pros], é o caminho para sair da sombra do padrinho e firmar-se como uma nova liderança; aderir  ao possível mas  incerto novo partido de Kassab/Cid é  continuar na sombra.  E teremos muito a ganhar se nos próximos anos, junto ao novo governo, vier a ser formada uma oposição forte e propositiva. Nesse sentido, Renato Roseno, do PSOL, pode cumprir um papel importante ao articular sua voz no parlamento com formação de opinião pública e mobilização social.

Sinpol/CE prega discurso do diálogo em visita de secretário

79 1

foto delegado PF delci teixeira

O secretário de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), Delci Carlos Teixeira, visitou na manhã dessa segunda-feira (19) a sede do Sindicato dos Policiais Civis de Carreira do Estado do Ceará (Sinpol/CE), após ter participado da inauguração do Departamento de Assistência Médica e Psicossocial (Damps).

Para o presidente do Sinpol/CE, Gustavo Simplício, a visita do secretário foi um marco histórico para a entidade sindical. “Esses gestos certamente irão facilitar o diálogo entre secretaria e o sindicato”, comentou Simplício.

O Secretário ouviu da diretoria do Sinpol/CE um discurso de união, diálogo e apoio ao governo na questão de diminuição dos índices de criminalidade. “Precisamos de condições para uma polícia civil atuante no combate ao crime. A reestruturação salarial é, sem dúvidas, um ponto importante nesse caminho”, disse Ana Paula, vice-presidente do Sinpol/CE.

Sobral atende quase 75% dos moradores de rua, diz prefeitura

Em nota enviada ao Blog, a Prefeitura de Sobral esclarece a situação dos moradores de rua no município. Confira:

O projeto do novo Museu Madi, único no Brasil, está em fase de conclusão, considerando as análises feitas pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional – Iphan. Os recursos para sua execução foram assegurados pelo Programa de Aceleração do Crescimento – PAC – Cidades Históricas, no valor de R$ 1,72 milhões. Logo que concluídos os ajustes do projeto, será feita a licitação para a sua execução.

No que se refere às pessoas em situação de rua, a Prefeitura de Sobral criou o Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua de Sobral – Centro Pop. Atualmente, 146 pessoas estão em situação de rua, sendo 107 acompanhadas pelo Centro Pop.

A unidade mantida pela Prefeitura oferece diariamente acolhida com café da manhã e momento de espiritualidade, banho e almoço, além de orientação para o trabalho e atendimento psicossocial, com o objetivo de reintegrá-los às famílias e à sociedade, com cidadania e dignidade.

Cai número de PMs que fazem a segurança do Parque do Cocó

Da Coluna Vertical, no O POVO desta terça-feira (20), pelo jornalista Demitri Túlio, que escreve durante as férias do jornalista Eliomar de Lima:

A segurança do Parque do Cocó, nas trilhas da Sebastião de Abreu, está cada vez mais precária. O Batalhão de Policiamento Ambiental só reduz o número de policiais dali. Até 2013, eram pelo menos oito policiais no parque. Alguns PMs em pontos fixos, como na sombria entrada da trilha das Azeitoneiras, e outros volantes de bicicleta, motos ou a pé.

Desde o ano passado, o número caiu para quatro militares: dois se deslocando em duas motocicletas e dois fixos na guarita da esquina Engenheiro Santana Júnior com Padre Antônio Tomáz.

A estrutura oferecida aos “guardas” também não é das melhores. Se quiserem acionar a Ciops, têm de fazer com o próprio celular. Não há mais rádios de comunicação. Além disso, uma das motos só dá a partida no empurrão e o barco, que era usado para policiamento no rio, está obsoleto – debaixo da ponte da Sebastião de Abreu.

Daqui a pouco, darão uns rosários aos PMs para que rezem pedindo que nada de grave aconteça nas trilhas.

Camilo empossa diretoria do Sebrae-CE nesta segunda-feira

68 1

foto camilo e cartaxo

O arquiteto Joaquim Cartaxo será empossado na superintendência do Sebrae-CE, na noite desta segunda-feira (19), pelo governador Camilo Santana. O evento ocorrerá a partir das 19 horas, no Palácio da Microempresa, na Praia de Iracema.

O presidente da Federação da Agricultura do Estado, Flávio Saboya, será empossado à frente do Conselho Deliberativo do Sebrae-CE.

TCM inicia fiscalização de gastos no Carnaval em 47 municípios

72 1

O Tribunal de Contas dos Municípios do Estado do Ceará (TCM) iniciou nesta segunda-feira (19) a Operação Especial de Fiscalização relacionada à contratação de eventos para o Carnaval de 2015 pelos municípios. De hoje até a sexta-feira (23), oito equipes, totalizando 20 técnicos, atuarão em todas as regiões do Estado, cobrindo inicialmente 47 municípios pré-selecionados. A ação pretende verificar “in loco” a possível utilização de recursos públicos municipais em atividades carnavalescas, como o patrocínio de bandas e/ou trios elétricos, montagem de palco e demais estruturas, apoio financeiro às escolas de samba ou blocos de rua, em especial naqueles que se encontrem em situação de emergência ou estado de calamidade provocados pela seca.

Nos municípios em que for verificado que já há carnaval programado, será solicitada toda a documentação pertinente, incluindo os respectivos editais de licitação. Caso ainda não tenha havido qualquer iniciativa planejada do governo municipal com vistas às festividades, serão requisitadas declarações circunstanciadas acerca do fato, o mesmo sendo exigido com relação à caracterização de não realização do evento por parte da municipalidade fiscalizada.

Antes de enviar os técnicos para fiscalização de campo o TCM já encaminhara às 184 prefeituras do Estado, no início da última semana, ofício circular em que constam recomendações tratando da observância aos preceitos legais.

“A nossa ideia é no sentido de que os recursos municipais sejam substituídos por patrocínios privados, profissionalizando ainda mais os festejos”, argumenta o presidente do TCM, conselheiro Francisco Aguiar. “Nos locais onde isso não for possível, e mesmo assim os gestores entendam que devem fazer esse tipo de gasto, a despeito da conjuntura econômica adversa, desde já devem ficar cientes de que os contratos serão submetidos a rigoroso pente fino para verificação de todos os aspectos da legalidade”.

Em 2014 o TCM requisitou a 52 prefeituras os documentos alusivos às contratações com o mesmo foco, totalizando aproximadamente R$ 23,5 milhões de recursos públicos investidos. Em função da análise realizada foram abertos 44 processos que resultaram em 39 Tomadas de Contas Especiais.

(TCM)

Estrada de Guaramiranga em clima de rally

228 1

foto guaramiranga 150118 estrada

Além do convidativo clima de serra, Guaramiranga, a 110 quilômetros de Fortaleza, parece querer atrair um novo público na subida do Pico Alto: os competidores de rally. As grandes crateras sugerem a prática dessa modalidade, mas estão desagradando turistas. Como se não bastasse o perigo de acidentes, muito descaso para com a principal atividade econômica da cidade.

Ministério Público tenta esta semana novo mandado de prisão para vereador

O Ministério Público do Estado do Ceará tenta esta semana um novo pedido de mandado de prisão para o vereador afastado da Câmara Municipal de Juazeiro do Norte, José Duarte Pereira Júnior, o Zé de Amélia, denunciado por crimes de Ordenação de Despesa Não Autorizada em continuidade delitiva; Aumento de Despesa Total com Pessoal no Último Ano do Mandato ou Legislatura; Falsidade Ideológica em continuidade delitiva; Uso de Documento Falso; Associação Criminosa; Peculato em concurso de pessoas e em continuidade delitiva e Crime de “Lavagem” ou Ocultação de Bens, Direitos e Valores.

José de Amélia era considerado foragido da Justiça, desde que teve a prisão expedida no dia 19 de dezembro último. A liminar em habeas corpus foi expedida em plantão judiciário, no último dia 4, pelo desembargador Francisco Pedrosa Teixeira.

Segundo o procurador Miguel Ângelo de Carvalho Pinheiro, a revogação da prisão foi concedida a dois dias para o fim do regime de plantão, “não havendo, portanto, qualquer urgência para sua apreciação, sobretudo tendo-se em vista que Zé de Amélia não chegou a ser efetivamente preso”.

De acordo ainda com o Ministério Público, “há fortes indicativos de que o acusado estava a influenciar testemunhas, o que poderia acarretar prejuízo à instrução criminal”.

Uma Polícia sucateada

95 5

Da Coluna Segurança Pública, no O POVO desta segunda-feira (19), pelo jornalista Ricardo Moura:

A expressão é forte. Mas é assim que muitos policiais descrevem a situação atual em que vive a Polícia Civil: sucateamento. A corporação luta para se manter relevante e dar as respostas que a população necessita no combate ao crime. No entanto, uma série de fatores vem minando sua capacidade investigativa nas últimas décadas. A história que se segue é uma mostra do desafio que se apresenta ao governador Camilo Santana e ao novo secretário da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), Delci Teixeira.

Flávio (nome fictício) foi aprovado no concurso para inspetor. Passou cerca de dois anos na Polícia Civil, mas abandonou a profissão a fim de se dedicar a um novo concurso. “Embora gostasse de atuar como policial, o salário era muito baixo. Decidi tentar um novo concurso, dessa vez para delegado. Saí do trabalho com o intuito de ter mais tempo para estudar”, explica. Assim como ele, muitos outros colegas de turma deixaram a carreira para atuar como bombeiro, funcionário público e até mesmo inspetor, só que em outros estados.

O salário base, de R$ 2.787,00, é considerado baixo e pouco atraente para um cargo de nível superior. Além das atividades investigativas, os inspetores têm de se ver com a guarda de presos provisórios nas delegacias, uma tarefa bastante arriscada haja vista a grande quantidade de fugas registradas. Flávio revela que exerceu essa função apenas três vezes, mas conhece companheiros que têm de assumir essa tarefa rotineiramente. E sozinhos.

A debandada de profissionais preocupa. Dados do Sindicato dos Policiais Civis de Carreira do Estado do Ceará (Sinpol) revelam que dos 963 agentes que assumiram nas duas turmas do último concurso, 200 deixaram suas funções em busca de melhores oportunidades. Segundo Ana Paula Lima Cavalcante, vice-presidente do Sinpol, o prejuízo é ainda maior quando se leva em consideração que nem todas as vagas foram preenchidas: “Em vez de termos 1.480 novos inspetores (primeira mais segunda turma), assumiram apenas 963 e contamos atualmente com 763”.

A falta de efetivo é um problema crônico. Conforme os dados do Sinpol, a Polícia Civil conta atualmente com 2.500 inspetores e escrivães na ativa. Em 1981, havia 4.300 policiais na corporação. Em paralelo, a presença de policiais civis no Interior também minguou, com o fechamento de diversas delegacias municipais. “A população quase dobrou, a criminalidade se especializou e o nosso efetivo caiu quase pela metade. E ainda temos a mazela dos presos nas delegacias. Um comparativo que sempre fazemos é com o efetivo de Pernambuco, estado que tem quase a mesma população do Ceará, mas que conta com cerca de 6.000 policiais civis na ativa”, lamenta Ana Paula Cavalcante.

Nesse início de mandato, o Governo do Estado acenou com a possibilidade de atender antigas reivindicações da Polícia Militar. Foi destaque no O POVO a notícia de que o governador Camilo Santana estuda tirar do papel a agenda de promoções da PM. Ao mesmo tempo, não se observa nenhum gesto político relevante, público e oficial acerca da Polícia Civil.

De acordo com a vice-presidente do Sinpol, a pauta número 1 da categoria é a reestruturação salarial de nível superior. “Houve um investimento maciço na PM, porém não se olhou para nós. A PM não tem o dom da onipresença, não consegue estar em todos os lugares para evitar que o crime ocorra. Então, por causa do sucateamento da Polícia Civil, o infrator tem consciência de que se escapar do flagrante não será alcançado pelos rigores da lei, uma vez que não existe investigação no Estado. Assim, o cidadão é enganado com o que denominamos ‘Boletim de Otário’”, argumenta a dirigente.

Logo que assumiu o cargo, o delegado federal Delci Teixeira considerou “atípicos” os índices de criminalidade no Ceará levando-se em consideração os recursos investidos pelo Governo do Estado. Talvez o nó não esteja na falta de investimentos, mas na forma como eles são gerenciados. Mesmo relativizando o discurso sindical, é importante que haja uma postura equilibrada no tratamento dispensado às forças que compõem o sistema de segurança pública. Se as polícias não estiverem alinhadas e atuando de forma plena, fica ainda mais complicado cumprir as metas de redução da violência.

Concurso para Polícia Civil será realizada neste domingo

Será realizada neste domingo (18) a primeira fase do concurso da Polícia Civil para delegados, inspetores e escrivães. As provas ocorrem em 17 locais em Fortaleza.

As provas objetivas aplicadas para o cargo de delegado serão realizadas a partir das 8 horas. Já a prova discursiva será aplicada no período da tarde, com abertura dos portões às 14 horas e início às 15 horas.

Já para os cargos de escrivão e inspetor as provas serão realizadas em um único horário, com abertura dos portões às 13 horas e início das provas às 14 horas. Será levado em consideração o horário local.

Os candidatos devem consultar os locais de prova no site da Fundação VUNESP, no endereço: www.vunesp.com.br.

(Governo do Ceará)

Ronda simbolizou a esperança e demarcou a decepção no governo passado

64 1

Da Coluna Política, no O POVO deste sábado (17), pelo jornalista Érico Firmo:

O Ronda do Quarteirão é estratégico como ação de segurança pública e como ferramenta política. Foi a promessa mais marcante da campanha eleitoral de 2006, quando Cid Gomes foi eleito pela primeira vez. Simbolizou a esperança e demarcou a decepção como governo passado no combate à violência. Conforme mostrou nesta semana a jornalista Sara Oliveira, o programa passará por mudanças. Será ampliado, mas isso não é o mais importante nesse momento. Policiais visitarão residências para colher opiniões de moradores sobre o que desejam da atuação do Ronda. Era algo que estava previsto na origem, mas se perdeu por completo.

O Ronda foi um sucesso no primeiro momento, mas os resultados na redução da criminalidade não apareceram. A cada mudança, ele se desvirtuou mais e deu menos resultado. Hoje, é a sombra pálida de um programa que, no auge, foi pouco mais que efêmera peça de marketing.

A aproximação da Polícia com as pessoas a quem devem proteger é um dos pilares de políticas bem sucedidas de segurança. Outro fundamento está na ideia de que o policial é servidor público, antes de mais nada. Ele tem autoridade, sim, mas ela é instrumento para que ele exerça sua função, que é servir à população. Não é autoridade, no sentido de ter mais importância que alguém. Esse pilar da atuação do programa precisa ser não só reconstruído: precisa funcionar como jamais aconteceu. Ser uma polícia comunitária de verdade.

Por isso a ampliação não é o mais importante, e sim a mudança na natureza do Ronda. Afinal, aumentar o que não vem dando certo é apenas fazer crescer o problema e a ineficiência.

Abastecimento de água em Novo Oriente será feito por perfuração de poços

O deputado estadual eleito Odilon Aguiar se reuniu nessa sexta-feira (16) com o gerente de saneamento rural da Cagece, Hélder Cortez. Em pauta estava a busca de solução para o abastecimento de água em Novo Oriente, nos Inhamuns, já que o açude que abastece o município está quase seco.

Ficou definido que três poços serão perfurados e, enquanto não houver o fornecimento de energia por parte da Coelce, a Prefeitura de Novo Oriente disponibilizará um gerador para a captação da água.

Com isso, nos próximos dias, a população de Novo Oriente recebe um reforço para o abastecimento de água.

Funceme divulga primeiro prognóstico sobre a quadra chuvosa na próxima semana

126 4

Da Coluna Vertical, no O POVO deste sábado (17):

O primeiro prognóstico sobre a quadra chuvosa do Ceará vai ser divulgado, na terça-feira (20), pela Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme). Antes, porém, os técnicos do órgão vão se debruçar, em clima de seminário interno que começará às 9 horas e se estenderá até as 17 horas, em modelos de previsão que levam em conta dados coletados pelo Inpe, por meteorologistas dos EUA e pela própria Funceme.

A preço de hoje, o Ceará deverá ter uma temporada de chuva irregular, com boas precipitações em algumas regiões e escassez em outras. Paralelo a isso, a Secretaria do Desenvolvimento Agrário informa: o Estado conseguiu garantir R$ 277 milhões do Programa Água para Todos para ações de apoio e convivência do homem do campo com a seca.

Tudo bem, mas apelar a São Pedro não faria nada mal.

Hemoce quer cadastrar 15 mil doadores de medula óssea neste ano

O Ceará tem uma cota de 15 mil cadastros de doadores de medula óssea para realizar em 2015. Em 2013, com o novo limite estabelecido pelo Ministério da Saúde, que elevou os 9.730 cadastros fixados em 2012, o Centro de Hematologia e Hemoterapia do Ceará (Hemoce) cadastrou 8.252 doadores no Registro Nacional de Doadores de Medula Óssea (Redome). No ano passado, quando foram iniciados no Estado os transplantes de medula óssea alogênicos, aquele em que o tecido transplantado provém de outra pessoa, aparentado ou não, foram cadastrados 12.638 doadores, o equivalente a 84,25% da cota.

O cadastramento de doadores no Ceará ainda pode crescer dentro do limite e, assim, aumentar as chances de aparecer doador compatível com pacientes que precisam de transplante de medula óssea. Apenas 25% dos pacientes têm chance de encontrar um doador entre familiares. A chance de encontrar uma medula compatível no Redome é em média de 1 para 100.000. Atualmente, o Ceará tem 133.354 doadores cadastrados. Os primeiros quatro transplantes de medula óssea alogênicos realizados no Estado, todos no ano passado, ocorreram a partir de doadores aparentados.

Para se cadastrar como doador de medula óssea é preciso ter entre 18 e 55 anos, estar bem de saúde, não ter tido câncer e apresentar documento de identidade e comprovante de endereço. O cadastro será concluído com a assinatura de um Termo de Consentimento e a coleta de uma amostra de sangue (10 ml). O cadastro deve ser mantido atualizado. Para tanto é possível fazer contato com o Hemoce, no Núcleo de Medula Óssea, enviando as alterações de dados para o e-mail nucleo.medula@hemoce.ce.gov.br , ou diretamente no site do Redome (http://www1.inca.gov.br/doador/). Desde o ano 2000 o Hemoce é o responsável pelo cadastro dos possíveis doadores de medula óssea no Ceará.

* Onde fazer o cadastro de doador de medula óssea

HEMOCENTRO COORDENADOR – FORTALEZA
7h30min às 18h30min, de segunda à sexta-feira
8h às 16h, aos sábados
8h às 13h, aos domingos
Tel: (85) 3101.2296
POSTO DE COLETA DO INSTITUTO DR. JOSÉ FROTA (IJF)
7h30min às 18h30min, de segunda à sexta-feira
13h às 17h30min, nos sábados, domingos e feriados
Tel: (85) 3101.5293
PRAÇA DO FERREIRA (ATÉ 16 DE JANEIRO)
R. Floriano Peixoto, Centro: 8h às 16h
DIA 10 DE JANEIRO (SÁBADO): 8h às 12h
HEMOCENTRO REGIONAL – CRATO
7h às 17h30min, de segunda à sexta-feira
7h às 11h30min, nos sábados
Tel: (88) 3102.1260
HEMOCENTRO REGIONAL – IGUATU
7h às 17h, de segunda à sexta-feira
Tel: (88) 3581.9409
HEMOCENTRO REGIONAL – QUIXADÁ
7h às 16h30min, de segunda à sexta-feira
7h às 12h e 13h às 16h30min, aos sábados
Tel: (88) 3445.1006
HEMOCENTRO REGIONAL – SOBRAL
7h às 18h, de segunda à sexta-feira
7h às 12h, aos sábados
Tel: (88) 3677.4624
HEMONÚCLEO – JUAZEIRO DO NORTE
7h às 17h30min, de segunda à sexta-feira
12h às 17h30min, nos sábados
Tel: (88) 3102.1170.

(Site da Sesa)

Prefeitura de Baturité adere ao sistema de licitações via pregão eletrônico

conveiooo 

Cristiane Braga Saraiva, prefeita interina de Baturité, assinou convênio com o Banco do Brasil para realizar as licitações por meio de pregão eletrônico, evitando assim fraudes e corrupção da máquina administrativa. “Tomei uma decisão ousada em entregar todas as licitações do município para o Banco do Brasil. Com essa ação, quero mostrar transparência, que o prefeito Bosco não mostrou em dois anos de gestão”, afirmou durante a solenidade.

O Banco do Brasil já realizou este procedimento anteriormente com várias prefeituras, porém, em 2015, este é o primeiro Termo de Cooperação Técnica ao uso da ferramenta de Licitações Eletrônica assinada com o Banco.

DETALHE – O prefeito João Bosco Pinto – Bosco Cigano, foi afastado em dezembro de 2014, ação movida pelo Ministério Público. A medida cautelar tem validade de seis meses e, apesar da seriedade de seus efeitos, os motivos que levaram à sua publicação não foram divulgados, já que o processo contra Bosco Cigano ainda segue em segredo de Justiça.

UFC abre concurso para professor efetivo em Fortaleza

“A Universidade Federal do Ceará lançou o Edital nº 13/2015 (http://bit.ly/1yssFyI) para o preenchimento de sete vagas de professor efetivo da Instituição. As inscrições estarão abertas  a partir de segunda-feira e vão se estender até 19 de fevereiro. Confira abaixo om quadro das vagas:

Centro de Ciências (uma vaga): Departamento de Estatística e Matemática Aplicada, setor de estudo: Matemática Aplicada e Computacional

Centro de Ciências Agrárias (uma vaga): Departamento de Fitotecnia, setor de estudo: Silvicultura

Faculdade de Medicina (uma vaga): Departamento de Patologia e Medicina Legal, setor de estudo: Patologia Humana e Autópsia

Faculdade de Economia, Administração, Atuária e Contabilidade (três vagas):

Curso de Finanças, setor de estudo: Contabilidade, Direito Econômico e Finanças

Departamento de Administração (duas vagas): setor de estudo: Instituições de Direito / Legislação Trabalhista e Previdenciária / Legislação Comercial e Tributária; e setor de estudo: Gestão Secretarial e Gestão da Informação

Faculdade de Direito (uma vaga): Departamento de Direito Privado, setor de estudo: Direito Civil IV – Contratos

* A vaga para o Departamento de Patologia e Medicina Legal é de denominação “auxiliar”, que exige dos candidatos o diploma de graduação. A jornada de trabalho é de 20 horas semanais, com remuneração inicial de R$ 1.966,67 mensais.

* Todas as demais vagas são de denominação “adjunto-A”, que exige dos candidatos o diploma de graduação e o título de doutor. A jornada de trabalho é de 40 horas semanais, em regime de dedicação exclusiva, com remuneração de R$ 8.344,64 mensais.

SERVIÇO

Mais informações – (85) 3366 7407

Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas da UFC – www.progep.ufc.br.

(Site da UFC)

Ariosto Holanda vai deixar o Pros e reforçar partido de Marina Silva

98 1

ariostoholanda

Marina Silva, que foi vice do socialista falecido Eduardo Campos na disputa presidencial, voltou, de vento em popa, a articular seu partido: a Rede da Sustentabilidade.

No Ceará, por exemplo, ganhou apoio de alguns nomes de peso como o deputado federal Ariosto Holanda (Pros), que não conseguiu a reeleição.

Ariosto vai assumir a Rede e a missão de presidir a legenda em Fortaleza. Tudo já de olho na disputa de 2016.