Blog do Eliomar

Categorias para Ceará

Escola de Música de Sobral abre inscrições para 18 cursos

A Escola de Música de Sobral Maestro José Wilson Brasil está com inscrições abertas para 18 cursos de longa duração nas áreas de instrumentos, canto e musicalização. Segundo a assessoria de imprensa do equipamento, o período de renovação de matrículas dos veteranos acontecerá entre os dias 31 de julho e 3 de agosto. Já a matrícula dos novatos acontecerá a partir do dia 7 a 10 de agosto.

Os interessados devem se dirigir à sede da Escola de Música de Sobral (Avenida Dom José, 426, Centro – Sobral-CE), das 9 às 12 horas e das 15 às 18 horas. Estudantes da rede particular pagarão mensalidade integral, enquanto alunos de escolas e universidades públicas têm desconto de 50% nas mensalidades.

Documentação Necessária para matrícula:

– RG ou CERTIDÃO de Nascimento do aluno (RG do responsável, no caso menor de idade);

– CPF do aluno e/ou do responsável, caso menor de idade;

– Declaração ESCOLAR atualizada (para alunos de escola pública);

– Comprovante de residência atualizado;

– Taxa de MATRÍCULA INTEGRAL, se for o caso (R$ 62,90);

* Solicitações de DESCONTO (50%):

– Taxa de MATRÍCULA 50% de desconto (R$ 31,45);

– Para alunos de Universidades Públicas (comprovante de matrícula atualizado);

– Para Funcionários/Servidores Públicos (comprovante de vínculo empregatício);

* Solicitações de ISENÇÃO da taxa:

1 – Para ALUNOS egressos do Ensino Médio concluído em Escola Pública (apresentar comprovante);

2 – Para ALUNOS que comprovarem BAIXA-RENDA (renda familiar menor que dois salários mínimos);

3 – Para APOSENTADOS que desejam aprender um Instrumento (apresentar comprovante);

SERVIÇO

*Para mais informações – (88) 3611-5484.

Tribunal de Justiça convoca 49 aprovados do concurso 2014

556 2

O Tribunal de Justiça do Ceará convocou 49 aprovados no concurso público para servidor efetivo realizado em 2014. São 43 técnicos judiciários e seis analistas judiciários. O ato foi assinado pelo presidente da Corte, desembargador Gladyson Pontes, e publicado no Diário da Justiça dessa quarta-feira (11).

Os convocados, segundo a assessoria de imprensa do TJCE, têm prazo de dez dias para comparecerem à Secretaria de Gestão de Pessoas do TJCE, localizada no Palácio da Justiça, no Cambeba, com a documentação necessária. Consulte a relação dos documentos.

\\LINK 1\\
http://esaj.tjce.jus.br/cdje/consultaSimples.do?cdVolume=9&nuDiario=1943&cdCaderno=1&nuSeqpagina=13

\\LINK 2\\
https://www.tjce.jus.br/institucional/concursos/

Secult-CE – Concurso ganha vaga para profissional de Comunicação Social e Filosofia

O concurso público da Secretaria da Cultura do Ceará, com inscrições, a partir de 24 deste mês de julho, ganhou uma vaga para profissional de Comunicação Social. Vaga nesse sentido havia sido vetada pela Secretaria do Planejamento e Gestão do Estado.

Uma emenda proposta pelo Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado reabilitou a vaga, que foi acatada e encaminhada pelo deputado Elmano de Freitas (PT). A Assembleia Legislativa aprovou a mensagem como todo.

Cônsul-Geral do Canadá no Brasil visita a Enel Distribuição

Secretário-geral do SENDI 2018, Glauco Valério, e o Dir. Institucional Enel, José Nunes, no receptivo.

A Cônsul-Geral do Canadá no Brasil, Evelyne Coulombe, e Laura Tarouquela, representante comercial do Consulado Canadense, estiveram, nesta semana, em Fortaleza, tratando do XXIII Seminário de Distribuição de Energia Elétrica (SENDI 2018).

O encontro, uma promoção da Enel Distribuição Ceará e organizado pela Associação Brasileira de Distribuidores de Energia Elétrica (Abradee), ocorre a cada dois anos. Fortaleza receberá o seminário no período de 20 a 23 de novembro próximo, no Centro de Eventos.

(Foto – Divulgação)

Camilo e o “Acquatúnel” da Borges de Melo

250 1

Da Coluna Política, do jornalista Érico Firmo, o O POVO desta quinta-feira, o tópico “Qualidade do serviço e a falta dela”. Confira:

Fico me perguntando que tipo de cobrança houve, se houve, do poder público em relação à empresa contratada para a obra do túnel inaugurado há menos de uma semana e que já alagou duas vezes.

Caro leitor, fosse obra contratada por você e paga com seu dinheiro, você passaria uma descompostura daquelas no responsável. Ocorre que é exatamente com seu dinheiro. O Estado é vítima de serviço feito nessa situação e deve cobrar de forma exemplar.

Imagino o que não teria dito o governador Camilo Santana (PT) aos construtores do serviço mal feito. Ele que, no último ato de inauguração do qual participou antes da campanha, teve sua imagem associada a semelhante trabalho.

Luizianne Lins cumprimenta o “Ferrim” pela classificação

A deputada federal Luizianne Lins (PT) registrou, na Câmara, a classificação do seu Ferroviário para a Série C. Fez questão de levar seu Tutuba de estimação para o plenário.

Além de Luizianne, há outros políticos bem conhecidos e que não escondem a paixão pelo “Ferrim”. Como, por exemplo, o ex-governador Lúcio Alcântara.

(Foto  Facebook)

Ciro Gomes une Temer e PT contra sua candidatura

393 2

Ciro Gomes (PDT) conseguiu o improvável: colocou Michel Temer e o PT militando por uma mesma causa. O flerte de partidos do centrão com o pedetista levou o presidente a se engajar pessoalmente na tentativa de demover siglas como o PP e o DEM de embarcarem na candidatura do presidenciável que o chama de “quadrilheiro”. O PT fez o mesmo. Procurou dirigentes do Progressistas, do PSB e do PR para falar contra uma aliança com Ciro. Resultado: o movimento na direção dele refluiu. A informação é da Coluna Painel, da Folha de S.Paulo desta quinta-feira.

Temer falou sobre o assunto com o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), cacique do DEM. Ele ainda mandou seus ministros avisarem aos aliados que, para o Planalto, “qualquer um, menos Ciro”.

Os petistas estiveram com o presidente do PP, Ciro Nogueira, com o PSB e com Valdemar Costa Neto, mandachuva do PR. Sem Lula, temem que Ciro colha votos no eleitorado do PT, prejudicando o plano B da sigla.

Nessa quarta (11), Valdemar recebeu uma procissão de políticos em Brasília. Esteve com Cid Gomes, irmão e articulador de Ciro, com dirigentes do Podemos, partido de Álvaro Dias, e com Jaques Wagner, do PT.

O cacique do PR deixou os interlocutores com a impressão de que tende mesmo a fechar com Jair Bolsonaro (PSL). Ele chegou a dizer a integrantes de seu partido que a ascensão de conservadores é uma tendência mundial e que com Bolsonaro tem mais chances de ampliar a bancada no Rio e em SP.

O ataque especulativo a Ciro Gomes gerou dividendos para Geraldo Alckmin, o presidenciável do PSDB. A cúpula do DEM voltou a piscar para ele, assim como a do PP. A ala do DEM que é pró-Alckmin disseminou a tese de que não se deve minimizar a capacidade de Lula de transferir votos para um petista, o que minaria as chances de Ciro crescer no Nordeste.

Esse grupo argumenta que, considerando que é improvável dois nomes da esquerda chegarem ao segundo turno, melhor fortalecer Alckmin para evitar que um petista passe à etapa final contra Bolsonaro, que tem alto índice de rejeição.

MPT convoca rodoviários em greve e empresários para nova negociação

O Ministério Público do Trabalho deve intermediar nas negociações para o fim da greve dos rodoviários intermunicipais e interestaduais do Ceará. O procurador Regional do Trabalho no Estado, Gérson Marques, convocou reunião para esta quinta-feira, às 15 horas, entre o sindicato da categoria e os representantes das empresas.

As negociações foram rompidas pela entidade patronal no dia 15 de junho, quando os trabalhadores rejeitaram a proposta de redução da jornada de trabalho de 44 horas/semanais para 24 horas/semanais. Os sindicalistas também reivindicam a continuidade do passe livre, o segundo vale-refeição para profissionais que permutam, além da permanência das horas extras.

O Ministério Público do Trabalho também investiga as demissões de funcionários que optaram por não assinar o termo aditivo concordando com a redução da jornada de trabalho e com o reajuste salarial de 1,69%.

(Foto – Edimar Soares)

Henrique Meirelles visita o Nordeste e anuncia planos para a região

O presidenciável Henrique Meirelles (MDB) está em Natal (RN) para participar de um evento, nesta quinta-feira, a partir das 9 horas, na Federação das Indústrias do Rio Grande do Norte (Fiern), informa a Veja Online.

Ele vai aproveitar a oportunidade para fazer pelo menos dois anúncios para o Nordeste, região especialmente difícil para ele. Um deles é usar a água do Rio Tocantins para os afluentes do São Francisco. O plano de Meirelles é irrigar a região e incentivar a agricultura local.

Além disso, ele vai falar sobre um programa de incentivo a navegação por cabotagem, entre portos do país.

(Foto – Agência Brasil)

Assembleia Legislativa vota nesta quinta-feira a LDO 2019

O projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) 2019 será votado hoje pelo plenário da Assembleia Legislativa do Ceará (AL-CE). Caso seja necessário, a votação será estendida para amanhã, de acordo com o presidente da Casa, o deputado estadual Zezinho Albuquerque (PDT).

O recesso parlamentar só pode se iniciar após a LDO 2019 ser aprovada. O período de 17 dias ocorre paralelamente ao prazo para a realização das convenções partidárias, que vão do próximo dia 20 até 5 de agosto. Às vésperas do início da campanha, a Assembleia já tem experimentado sessões esvaziadas, devido aos deputados que são pré-candidatos.

A LDO forma diretrizes que vão orientar a elaboração do Orçamento do Estado para 2019, que será votado somente no fim do próximo semestre. Na Assembleia, foram apresentadas 77 emendas, mas só 19 foram aceitas. A discussão ocorre na Comissão de Orçamento da Casa, e se deu no início de junho. À época, o relator da matéria na Casa, deputado Evandro Leitão (PDT), afirmou que a maioria das emendas aceitas dizem respeito ao aumento de mecanismos e ferramentas de transparência da aplicação de recursos públicos.

O deputado estadual Carlos Matos (PSDB), que faz oposição ao governador Camilo Santana (PT), disse que apresentou três emendas à matéria, mas nenhuma foi aceita. Uma delas dizia respeito à correção dos valores destinados a algumas áreas, que ele acredita que poderiam ser maiores. “Tem o turismo, tem a inteligência da Polícia, que ainda recebe muito pouco”, enumerou o parlamentar.

Para Carlos Matos, essa deverá ser uma votação tranquila, sem muitas polêmicas. A maior discussão se dará em outubro, quando normalmente o Orçamento é discutido e votado.

O deputado Roberto Mesquita (Pros) também não aposta em grandes polêmicas, e diz que a votação decisiva ocorre na Comissão de Orçamento. “Ela (LDO) vai para o plenário, mas a discussão houve mesmo na Comissão, não deve ter mudanças”, afirmou.

Um ponto que pode render discussões mais intensas é a diminuição do duodécimo do legislativo, prevista na matéria. O duodécimo é usado para custear as despesas da AL-CE, que vão desde o cafezinho aos deputados até a compra de equipamentos e de material de trabalho, o pagamento da folha salarial e outros custos.

(O POVO – Repórter Letícia Alves/Foto – ALCE)

Definida empresa que tocará a primeira etapa do projeto Nova Beira-Mar

Da Coluna do Eliomar de Lima, no O POVO desta quinta-feira:

Saiu o resultado da licitação para as obras de mobilidade urbana e requalificação da avenida Beira Mar. Ganhou a Edcon Comércio e Construções Ltda, de Fortaleza, com o valor de R$ 39.210.269,81.

Foram seis empresas na disputa, registrando desconto de 24,5% no valor. Essa etapa ganha pela Edcon prevê um conjunto de intervenções urbanísticas ao longo da via, como a construção de um novo calçadão, além da ampliação da faixa de areia entre as Praias de Iracema e o bairro Meireles.

O pacote de requalificação da Avenida Beira Mar, que deve sair do papel a partir de agosto, prevê urbanização completa do trecho entre a avenida Rui Barbosa e a rua Tereza Hinko, dando continuidade às obras de requalificação já realizadas desde o novo Mercado dos Peixes (Mucuripe) até o calçadão na Estátua de Iracema, às margens do Riacho Maceió.

Mas a requalificação da Beira Mar como um todo comporá um total de 211.515,57 m² de área construída, que inclui a construção de um novo calçadão com três pavilhões multiusos, dotados de 40 quiosques de alimentação e bebidas, todos padronizados, além da urbanização dos espigões da rua João Cordeiro e das avenidas Desembargador Moreira e Rui Barbosa.

O prefeito dará a ordem de serviço até o fim deste mês.

Chacina das Cajazeiras – Preso acusado de ser o mandante

Mais um indiciado pela Chacina das Cajazeiras — ocorrida em 27 de janeiro deste ano em Fortaleza com 14 pessoas mortas e 18 feridas — foi preso por policiais militares do Ceará (Cotam e BPChoque).

Auricélio Sousa Freitas, 35, o Celim ou Celinho, foi capturado ontem quando trafegava na avenida Desembargador Moreira, no bairro Dionísio Torres, em um veículo Corolla. Celim é apontado no inquérito da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) como um dos mandantes da maior carnificina do Ceará. Ele seria membro do “Conselho” da facção Guardiões do Estado (GDE), braço da quadrilha que teria planejado o ataque e convocado os matadores das pessoas que se divertiam no Forró do Gago, na favela do Barreirão, periferia da capital cearense. Até aqui, cinco meses depois do crime, foram presos 11 adultos e um adolescente foi apreendido. Ainda há foragidos. No momento em que os policiais militares abordaram Celim, ele se apresentou com documento e foto em nome de Luís Carlos Domingos da Silva. Após checagem, os PMs constaram que, na verdade, era o procurado.

De acordo com o relatório da DHPP, após cruzamento de dados com depoimentos de informantes e diálogos extraídos dos grupos de WhatsApp dos investigados da GDE, Celim, ao lado dos criminosos Deijair de Sousa Santos (De Deus), Zaqueu Oliveira da Silva (o H2O), Auricélio Sousa Freitas (o Celim) e os irmãos Misael de Paula Moreira (o Afeganistão) e Noé de Paula Moreira (o Gripe Suína), formariam o grupo que ordenou a matança.

Celim, segundo as investigações da Coordenadoria de Inteligência da Polícia Militar do Ceará (CIP), seria um “reconhecido traficante de drogas da GDE”. Ele dominaria o tráfico no bairro Barroso II e em assentamentos precários como as comunidades Unidos Venceremos, Babilônia e parte do Gereba. Na Chacina das Cajazeiras, teria sido responsável por repassar armas e escalar matadores. Entre eles, o também indiciado e preso Renan Gabriel da Silva – o Biel.

Apontado pela DHPP como um dos autores intelectuais da Chacina das Cajazeiras, Celim foi identificado nas redes sociais como o dono do “Bonde do Crioulo”, maneira dos criminosos se referirem a uma liderança que exerce o poder em território dominado pela facção.

No último dia 6, a Polícia havia prendido três suspeitos da chacina. Dois homens e uma mulher. Entre eles, confirmado, Misael de Paula Moreira, 26, também indiciado pelo ataque nas Cajazeiras.

Segundo as investigações, Misael, também conhecido por Psicopata, Terrorista, Maguim e Misa, seria o líder do subgrupo denominado “Os Quebra Coco” — ala da GDE que reúne os homens responsáveis pelos assassinatos de inimigos e outras ações bárbaras.

No ato da prisão, Misael Moreira estava em um veículo modelo Jeta e foi abordado por PMs na rua Eduardo Perdigão, na Parangaba. Com ele foram apreendidas uma pistola calibre 9 mm e 31 munições, além de dois aparelhos celulares e R$ 1.400 em espécie.

De acordo com o inquérito, Misael e outros quatro indiciados seriam os “donos da facção” — os que comandariam o tráfico em bairros de Fortaleza.

O relatório do inquérito da DHPP concluiu que a ordem para a matança não partiu da Casa de Privação Provisória de Liberdade (CPPL) II, em Itaitinga, como foi mencionado inicialmente. O ataque foi autorizado por líderes da GDE que atuam em comunidades da periferia de Fortaleza e um no Cocó.

(O POVO – Repórter Demitri Túlio/Foto – Evilázio Bezerra)

Ceará registra superávit na balança comercial de junho

O Centro Internacional de Negócios da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (Fiec) divulgou estudo mostrando que o Ceará exportou em junho de 2018 um valor recorde. Foram US$ 242,7 milhões, um aumento de 68,8% em relação a maio deste ano e 72,6% a mais que junho do ano passado.

Segundo a assessoria de imprensa da Fiec, foi o maior valor exportado em um único mês desde 1997, quando o Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC) passou a disponibilizar os dados. Já as importações somaram US$ 208,9 milhões – 29,3% a menos que o mês anterior. A queda nas importações e o crescimento das exportações garantiram o primeiro saldo positivo na balança comercial mensal cearense de 2018.

Valor em cinco anos

Analisando os dados do acumulado de janeiro a junho de 2018, as exportações atingiram o valor de US$ 1,025 bilhão, o maior dos últimos cinco anos, e as importações contabilizaram US$ 1,3 bilhão, cifra essa 17,8% maior que a de 2017. O saldo comercial do Ceará no primeiro semestre foi negativo em US$ 276,4 milhões, segundo melhor resultado entre 2014 e 2018.

O estudo revela também que o Ceará ocupa o 15º lugar no ranking brasileiro dos Estados que mais exportam. O Estado cresceu, entre 2017 e 2018, acima da média nacional que foi de 5,6%. Entre os Estados nordestinos, o Ceará é o quarto maior exportador. Filtrando as exportações cearenses pelos municípios, sete dos dez maiores apresentaram crescimento nas vendas externas ante igual período de 2017. Lideram o ranking São Gonçalo do Amarante, Sobral e Fortaleza.

Setores

Em relação aos setores que mais exportam, calçados, frutas e couros mantiveram sua importância na pauta exportadora do Estado, com destaque para o de frutas que registrou um aumento de 52,9% do ano passado para o atual, contabilizando US$ 79,9 milhões. No entanto, o setor líder das vendas externas continua sendo o de “ferro fundido, ferro e aço” que engloba os produtos da CSP. O segmento atingiu no primeiro semestre desse ano a marca de US$ 578,1 milhões, valor 16,8% maior do que o do ano passado. O segmento de máquinas e aparelhos elétricos surge como sétimo colocado no ranking com um crescimento de 243,1%, e com US$ 23,6 milhões exportados em 2018, esse aumento é explicado pela exportação de pás e geradores de energia eólica.

Com as exportações de ferro e aço da CSP, o Ceará passou a estreitar fortes parceiras com novos destinos, como é o caso da Turquia (US$ 116,7 milhões), Polônia (56,3 milhões), no entanto, assim como nos últimos anos, o principal destino das vendas externas do estado continua sendo os Estados Unidos, com US$ 302,5 milhões, quase 30% do total vendido em 2018. Outros países também apresentaram aumentos significativos entre 2017 e 2018, como Alemanha (210,1%), Canadá (233,3%) e Holanda (109%).

São Gonçalo do Amarante

O Ceará cresceu acima da média nacional nas importações, com uma variação de 17,8%, enquanto a brasileira foi de 5,6%. Assim como nas exportações, São Gonçalo do Amarante lidera o ranking dos municípios importadores em 2018 com US$ 528,6 milhões, em comparação com o ano passado o aumento foi de 13,5%. A capital cearense é a segunda cidade que mais importa com US$ 238,6 milhões seguida por Maracanaú (US$ 168,6 milhões) e Caucaia (US$ 115,8 milhões). Com a construção do complexo de energia solar do Apodi, o município de Quixeré passou a figurar entre os dez maiores do estado, com US$ 35,2 milhões, explicados pela a importação de equipamentos e insumos, como células e painéis solares, principalmente da China.

SERVIÇO

*Confira o estudo completo aqui.

TJ do Ceará nega recurso para ex-prefeita condenada a mais de 14 anos de reclusão

A 3ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Ceará negou, nesta terça-feira (10/07), recurso para a ex-prefeita de Uruburetama, Maria das Graças Cordeiro Paiva, condenada a 14 anos e quatro meses de reclusão, por crimes cometidos quando esteve à frente da gestão do referido Município, distante 127 km de Fortaleza. O processo teve a relatoria do juiz convocado Antônio Pádua Silva. A informação é da assessoria de imprensa do TJCE.

De acordo com os autos, a ex-gestora responde a 13 processos judiciais, todos por crimes denunciados pelo Ministério Público do Estado (MPCE) e cometidos entre 2001 e 2004. Entre os delitos estão apropriação indébita previdenciária e o não repasse de impostos recolhidos para órgãos, municipais, estaduais e federais.

Além disso, ela autorizou aquisição de combustíveis, medicamentos, material escolar, produtos de higiene, serviços de engenharia civil, contabilidade, informática, recursos humanos, controle de almoxarifado, locação de veículos e serviços gráficos, entre outros, sem licitação.

Na contestação, a ex-prefeita disse não ter tido a intenção de causar lesão ao patrimônio público. Alegou que foi induzida a erro, pois é pessoa com pouco conhecimento e, por isso, precisou delegar a terceiros tarefas importantes relacionadas à gestão.

Ao julgar o caso, o Juízo da Comarca de Uruburetama condenou Maria das Graças a 19 anos e um mês de reclusão, em regime inicialmente fechado. A defesa apelou ao TJCE, sustentando não haver provas contra a ex-prefeita, porque inexiste fato ou infração penal.

O MPCE opinou pelo indeferimento do pedido. A 3ª Câmara Criminal concedeu parcial provimento ao recurso e fixou a pena em 14 anos e quatro meses de reclusão.

Novo recurso

A defesa interpôs embargos de declaração (nº 0004674-13.2012.8.06.0178/50000). Alegou que a decisão foi omissa em razão da não apreciação do pedido de “nulidade por flagrante violação do devido processo legal”. Sustentou, ainda, que a deficiência de defesa técnica teria ocasionado a nulidade por flagrante violação do devido processo legal.

O recurso foi negado pela 3ª Câmara Criminal. “O que se pode inferir é a manifesta intenção de rediscutir a matéria por parte da embargante quanto ao conteúdo do acórdão, a qual já foi devidamente analisada por esta Corte, numa tentativa de segundo recurso”, disse o relator no voto.

Ainda segundo o juiz convocado do TJCE, “os embargos de declaração continuam não se prestando para buscar uma nova apreciação ou reexame do mérito, com a finalidade de obter decisão diversa daquela já proferida, de modo que, salvo em casos excepcionais, nos quais se observa a existência de erro material ou nulidade da decisão, os aclaratórios não devem se revestir de caráter infringente, já que não constituem via idônea à reapreciação da causa”.

Vereador Julierme Sena divulga nota de repúdio contra a SSPDS

Julierme Sena (Pros), policial civil e vereador de Fortaleza, divulgou, em sua página no Facebook, uma nota de repúdio. O alvo é a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), que divulgou fatos após o assassinato, em Caucaia (Região Metropolitana de Fortaleza),  do advogado, ex-vereador e policial civil aposentado Erivaldo Rodrigues. Confira:

NOTA DE REPÚDIO

Depois de ler o que a Secretaria de Segurança Pública falou após o assassinato do inspetor aposentado da Polícia Civil, Erivaldo Rodrigues, me sinto do direito de vir a público esclarecer alguns fatos, em respeito a memória deste cidadão.

Erivaldo foi morto covardemente ontem (10), dentro do seu escritório de advocacia, no município de Caucaia. Atualmente atuava agora como advogado criminalista, mas por muitos anos foi um grande policial civil.

Dentro de sua trajetória policial, destaco seu trabalho em diversas delegacias especializadas, inclusive participando de operações importantes, como a que identificou o grupo criminoso responsável pelo assalto a empresa Nordeste Segurança em 1999. Erivaldo esteve numa intensa troca de tiros, durante um cerco policial contra Marcola, líder do PCC, onde colocou sua vida em risco para defender a sociedade, prova de sua dedicação e coragem.

Mesmo diante de tudo isso, a SSPDS ao invés de prestar solidariedade à família de Erivaldo e emitir uma nota de pesar, preferiu expor que Erivaldo tinha passagem por estelionato e porte ilegal de arma de fogo. Um caso arquivado.

É isso que se ganha após anos de prestação de serviços relevantes ao Estado e à sociedade cearense? Já temos um salário que não condiz com nossa qualificação e péssimas condições de trabalho. E ter que ver este tipo de postura da Secretaria de Segurança Pública, nos fere muito. Nossos guerreiros merecem mais respeito!

*Julierme Sena

Policial Civil e Vereador de Fortaleza.

Assembleia Legislativa aprova lei que cria a campanha “Mais Mulheres na Política”

A Assembleia Legislativa aprovou, nesta quarta-feira, o Projeto de Lei 49/18, de autoria de Aderlânia Noronha (SD), que visa instituir uma data no Calendário de Eventos do Estado para promover a participação feminina na política do Ceará. Neste campo, segundo a deputada, a desigualdade de gênero pode ser percebida já na seguinte comparação: maioria na população brasileira (51,7%), as mulheres representam 44,27% dos filiados a partidos políticos.

Aderlânia Noronha avalia que a campanha é um incentivo para fazer com que a ampliação da presença feminina na esfera política possa alavancar o empoderamento da mulher em todas as demais áreas sociais.

“No mês da mulher convidamos a sociedade para uma reflexão sobre as mulheres e a política, o espaço ainda é pequeno, mas essa realidade vem mudando a cada eleição, mas ainda tem muito a evoluir, seja mulheres como eleitoras ou candidatas a cargos públicos. A presença cada vez maior das “Mulheres na Política” é algo fundamental para o fortalecimento da política cearense”, destacou a parlamentar.

Dados do TRE

De acordo com estatísticas publicadas pelo Tribunal Regional Eleitoral, a proporção de mulheres candidatas nas eleições municipais do Ceará não evoluiu nos últimos quatros anos.

Em 2016, nos 184 municípios, considerando todos os cargos (prefeito, vice-prefeito e vereador), somente 30,95% dos postulantes são do sexo feminino. Em 2012, a proporção foi um pouco maior, 31,7%, considerando que o total de candidaturas no estado também foi superior.

Ainda em 2016, foram inscritos 14.591 candidatos, dos quais 4.516 são mulheres e 10.075 são homens, ou seja, o sexo masculino domina a disputa, com 69,05% de representatividade.

(Foto – ALCE)

Novo Túnel da Borges de Melo – Heitor Férrer entra com representação contra o Governo

531 2

O deputado estadual Heitor Férrer (SD) vai entrará com representação junto ao Tribunal de Contas do Estado e no Ministério Público com o objetivo de apurar as responsabilidades pelas obras do novo túnel da avenida Borges de Melo. Após alguns dias da inauguração, o equipamento já alagou por duas vezes devido às chuvas.

A obra, que custou R$ 30 milhões, faz parte da implantação do VLT Parangaba-Mucuripe e deveria ser entregue para a Copa de 2014, mas só foi inaugurada no último dia 2.

“É um túnel piscina, que se transforma numa lagoa quando chove. Uma obra de péssima qualidade, vergonhosa”, lamenta Heitor Férrer em vídeo publicado em suas redes sociais nesta quarta-feira.

Inovar para sair da mesmice

Como título “Inovaçao”, eis artigo do superintendente estadual do Sebrae, arquiteto Joaquim Cartaxo. Ele aborda a necessidade daqueles que atuam com pequenos negócios apostarem em inovação. Ou seja, sair da mesmice. Confira:

Atualmente, o mundo passa por grandes transformações onde o predomínio da sociedade urbano-industrial está sendo substituído pelo predomínio da sociedade pós-industrial, de serviços, do conhecimento, digital, dentre outras denominações apontadas.

O certo é que hábitos de consumo, maneiras como nos comunicamos e nos relacionamos, formas como produzimos e consumimos, modelos de negócio vêm experimentando mudanças influenciadas em grande parte pela velocidade dos avanços tecnológicos. Nem mesmo os gigantes do mundo corporativo estão imunes a esse movimento rápido e constante. Muitos deles não foram capazes de acompanhar as transformações e sucumbiram às exigências impostas pela transição em curso.

Como enfrentar o desafio da mudança, no caso de um pequeno negócio? Inovar, inovar, inovar. Mas, não aquela inovação tecnológica de ponta associada a altos investimentos. Resultados significativos de uma empresa podem advir de pequenas mudanças nos procedimentos operacionais ou produtivos. Inovação é algo decorrente da prática, associada ao conhecimento do negócio, processos, clientes, mercado e outros fatores diversos.

Inovar requer o desejo de sair da mesmice, dedicar-se a conhecer o negócio e seu ambiente, para encontrar formas de ser mais eficiente do que os concorrentes, identificar novas oportunidades no mercado, oferecer aos consumidores algo novo ou de uma forma diferente do que é ofertado.

Justamente neste ponto, os pequenos negócios portam as melhores vantagens em relação aos negócios de grande porte. As micro e pequenas empresas são mais ágeis na implementação de mudanças; na maioria dos casos, a sobrevivência delas procede da capacidade de se adaptar rapidamente às mudanças. Sublinhando: a sobrevivência está na aptidão, competência dessas empresas de implantar práticas inovadoras adequadas ao ambiente de clientes, concorrentes e fornecedores em que estão inseridas.

*Joaquim Cartaxo

cartaxojoaquim@bol.com.br

Arquiteto urbanista e superintendente do Sebrae do Ceará.