Blog do Eliomar

Categorias para Ceará

Dilma Rousseff: “Nem que a vaca tussa”

cofggg

Com o título “Nem que a vaca tussa”, eis artigo que o jornalista Luís-Sérgio Santos para o Blog. Ele aborda o segundo Governo Dilma Rousseff e suas contradições no discurso. Principalmente no plano social. Confira:

Em sua campanha eleitoral para o segundo mandato, a candidata Dilma Rousseff consagrou a expressão “nem que vaca tussa” para referendar sua boa fé na ordem e no progresso do Brasil. Nenhum direito social, trabalhista, nenhuma ação de impactasse a macroeconomia através do aumento de impostos e de juros seriam tomadas, “nem que vaca tussa”. Na extremada campanha, a expressão cunhada por Dilma só ganhou equivalente em uma outra, consagrada pelo candidato Levy Fidelix: “o aparelho excretor não reproduz”. A despeito de tudo vemos que a afirmação de Levi é 100% verdadeira e o juramento de Dilma, em nome da vaca, o que seria um insulto, na Índia, virou uma falácia. Como vendeu e não entregou temos um ilícito de grandes proporções. Só para termos uma ideia de suas medidas que agridem o discurso de campanha vamos citar o caso do seguro-desemprego: para solicitá-lo agora é preciso ter cumprido 19 meses de emprego formal com carteira assinada; antes o prazo era de seis meses.

Houve claramente um estelionato e isso colabora para o desprestígio da política e para o enfraquecimento institucional do Governo. Mas há também um problema moral e legal. O legal estaria no âmbito do Conar, nas defesas da transparência e do consumidor.

O Conar é o Código Brasileiro de Autorregulamentação Publicitária. Ele nasceu de uma ameaça ao setor, no final dos anos 1970, quando “o governo federal pensava em sancionar uma lei criando uma espécie de censura prévia à propaganda. […] Se a lei fosse implantada, nenhum anúncio poderia ser veiculado sem que antes recebesse um carimbo “De Acordo” ou algo parecido.” Como se vê, o governo federal, hoje, está com ideia inspirada nesta, o chamado controle externo da midia.

Mas o fato é que o Conar é focado na autorregulamentação e um dos objetivos mais repetidos em suas ações é o “calote”, a venda que não entrega. Desde 1978 já julgou mais 8.000 representações, sempre dialogando com o contraditório.

Uma representação recente no Conar, de agosto de 2014, número 168/14, de autoria da TIM contra sua concorrente Oi, trata da campanha “Oi, eu tô na Copa!”. O parecer do relator informa que a TIM “contesta a apresentação de preços e outras condições comerciais em campanha da concorrente Oi com o título acima. A denunciante alega que, ao buscar mais informações no site da Oi, verificou que as condições apregoadas dependem de pagamento de taxas de adesão e manutenção. Reunião de conciliação entre as partes resultou infrutífera. Houve concessão de medida liminar de sustação pelo conselheiro relator. Em sua defesa, a Oi informa que alterou as peças publicitárias, incluindo as informações em tela. O relator, tendo em vista as peças que deram origem a essa representação, recomendou a alteração, voto aceito por unanimidade.”

Problema resolvido, a denunciada reconheceu o “lapso” e voltou atrás. Um “lapso” pequeno considerando os “erros” da campanha de Dilma.

Está claro que o marqueteiro da campanha de Dilma não respeita o Conar e muito menos o consumidor. Ele vendeu um produto e entregou outro. Aplicou o seu “conto do vigário” no atacado. E, para coroar o calote com chave de ouro, a Petrobras anuncia agora que não haverá refinaria premium no Ceará. A tal refinaria foi “vendida”, em várias campanhas eleitorais, até pelo próprio ex-presidente Lula e por Dilma.

Está claro que vivemos o maior estelionato eleitoral já registrado na história do Brasil.

O Conar nada pode fazer neste caso de calote. Os votos já foram entregues em nome de um credo. Só quem pode cassá-los é o próprio eleitor.

* Luís-Sérgio Santos,

Jornalista.

Copa Nordeste – Fortaleza recebe a taça da competição

Fortaleza será a primeira Capital nordestina a receber o tour da taça da Copa do Nordeste. O troféu, que tem nova versão para o ano de 2015, vai passar pelas Capitais dos nove estados nordestinos e por outras cidades da região. O tour vai durar 50 dias ao todo, acabando no dia 7 de março.

Na capital cearense, em parceria com a Multiplay, a taça ficará em exibição no bar Seu Boteco (Avenida Dom Luís, 575) nesta quinta-feira, das 19 às 23 horas. Durante o evento, a Multiplay estará no local realizando ação promocional com distribuição de brindes.

A taça

A taça da Copa do Nordeste é inspirada na que é entregue ao clube vencedor da Liga dos Campeões da Europa. Para a competição em 2015, com a entrada de times do Maranhão e Piauí no torneio, ela sofreu mudanças no design. Permaneceu dourada, mas ganhou dois novos anéis, passando a contar com nove aros representando o total de estados nordestinos participantes da disputa regional

Refinaria cancelada – Presidente da CNDL diz que Brasil perde e espera reversão do quadro

100 4

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=YxSGWNYu2eo[/youtube]

O presidente da Confederação Nacional dos Dirigentes Lojistas (CNDL), o cearense Honório Pinheiro, disse, nesta quinta-feira, estar na expectativa de que o governo federal reveja o caso do cancelamento do projeto da refinaria premium do Ceará.

Ele explica que o cenário é de ajustes e corte de gastos, mas lembra que a refinaria seria uma obra boa para o Brasil como um todo.

“Continuamos acreditando que isso possa ser revertido em algum outo momento”, reiterou Honório, Pinheiro, reconhecendo que o projeto da refinaria serviu para ajudar muita gente a ganhar mandato.

Ceará X Fortaleza – Venda de ingressos começa nesta quinta-feira

Ceara-x-fortaleza-hoje-12-05

Começa nesta quinta-feira a venda dos ingressos para o primeiro Clássico-Rei de 2015. Ceará e Fortaleza se enfrentarão na próxima quarta-feira (4), na Arena Castelão, em partida que abrirá a Copa do Nordeste. O time do Ceará divulgou que a carga total será de 50 mil entradas. Nas arquibancadas superiores, são 16.300 bilhetes para a torcida do Vovô e a mesma quantidade para a torcida do Leão. No setor inferior, cada torcida terá disponíveis 5.900 ingressos. 

Ao todo, 1.000 gratuidades serão distribuídas no dia 3 de fevereiro, um dia dantes da partida, sendo 500 para torcedores alvinegros e 500 para torcedores tricolores. A entrega ocorrerá das 9 às 17 horas, nas bilheterias da Arena Castelão.

* Preços da Arquibancadas 

Superior

Inteira: R$ 30 / Meia: R$ 15

Inferior

Inteira: R$ 40 / Meia: R$ 20

Setor Especial

Inteira: R$ 50 / Meia: R$ 25

Setor Premium

Inteira: R$ 100 / Meia: R$ 50

* Pontos de Venda

CEARÁ

Loja Oficial Sou Mais – Av. Barão de Studart, 1501 – Aldeota

Loja Oficial Sou Mais – Av. Oliveira Paiva, 2797 – Cambeba

Loja Oficial Sou Mais -Av. Bezerra de Menezes, 580 – São Gerardo

Loja Oficial Sou Mais – Rua Senador Pompeu, 1099 – Shopping Camelo 2 – Centro

Loja Oficial Sou Mais – Av. João Pessoa, 3532 – Damas

FORTALEZA

Estádio Alcides Santos – Av. Fernandes Távora, 200 – Pici

Leões do Pici Store -Av. Barão de Studart, 2550 – Joaquim Távora

Loja Tricolaço – Av. Bezerra de Menezes, 1548 – São Gerardo

Loja Tricolaço – Av. Carapinima, 220 – Estacionamento Shopping Benfica

Secretário dos Esportes reconhece limitações, mas diz estar escalando boa equipe de trabalho

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=ifsz1nOHkgI[/youtube]

O secretário estadual dos Esportes, David Durand, deputado estadual eleito pelo PRB, encontra-se em Brasília, nesta quinta-feira. Ele tem reuniões com o Ministério dos Esportes, dentro dom objetivo de conquistar apoio para uma série de ações à frente da pasta.

David Durand, que também é pastor, reconheceu pouco entender da área, mas deixou claro que está escalando uma equipe que entende do assunto como o ex-deputado estadual Mailson Lucena, que será o seu secretário-adjunto.

Refinaria cancelada – Editorial do O POVO repudia “o sonho roubado dos cearenses”

176 1

Com o título “Refinaria: sonho roubado dos cearenses”, eis o Editorial do O POVO desta quinta-feira. O soturno balanço da Petrobras confirmou o que já era uma desconfiança tanto do mundo político quanto do mercado. Confira:

Os mais atentos certamente não se surpreenderam com a decisão da Petrobras em relação à sonhada refinaria de Petróleo do Ceará. No balanço do terceiro trimestre divulgado na penumbra da madrugada de ontem, a Petrobras admitiu enfim que encerrou “os projetos de investimento para a implantação das refinarias Premium I e Premium II”. A Premium II seria instalada em um terreno dentro do Complexo Industrial e Portuário do Pecém (CIPP).

Na prática, o soturno balanço da Petrobras confirmou o que já era uma desconfiança tanto do mundo político quanto do mercado. Por mais que os argumentos apontem causas mercadológicas e econômicas externas para justificar a decisão, será muito difícil convencer de que as causas reais se relacionem à roubalheira que colocou a maior estatal do País uma situação vergonhosa.

Pelo menos por enquanto, acabou o sonho acalentado pelos cearenses durante mais de três décadas. Porém, não havia apenas a platitude intangível do sonho. Mesmo sem obras no Pecém, muito suor e dinheiro dos cearenses foram usados para dar alguma concretude ao projeto da refinaria. Por baixo, mais de R$ 600 milhões do nosso povo foram usados para comprar o terreno e garantir a infraestrutura da refinaria que não mais virá. Quem vai pagar por isso?

A refinaria do Pecém foi um potente joguete político e eleitoral fartamente usado nas duas últimas campanhas presidenciais e estaduais (governador). Não seria arriscado afirmar que os fartos votos de muitos cearenses concedidos à Dilma Rousseff nas duas eleições presidenciais vencidas pela petista tenham sido, em boa parte, influenciados pela promessa repetidamente feita no Ceará. Nesse sentido, o noticiário da edição de hoje do O POVO é esclarecedor.

Espera-se agora a palavra de todos os homens públicos do Ceará diretamente envolvidos com esse projeto. Que não se calem. Que não seja permitido ficar o dito pelo não dito. Os cearenses que acreditaram neles e também os que não acreditaram, mas pagaram (literalmente) para ver, devem exigir explicações claras e honestas a respeito do tema.

Refinaria cancelada – O barril eleitoral nunca deixou de operar

Da Coluna Vertical, do O POVO desta quinta-feira:

O empresariado cearense está perplexo com a informação divulgada pela Petrobras de que o prejuízo registrado pela estatal no último balanço – com queda de 38% do seu lucro – foi provocado, entre outros itens, pelos projetos da refinaria Premium do Ceará e do Maranhão. Desde a primeira campanha de Lula que esses empreendimentos foram peças permanentes do marketing.
A perplexidade vai além: o Estado informou já ter investido R$ 657 milhões em desapropriações, reassentamentos, doação de terreno e construção de infraestrutura desde 2009. A nota da estatal atribui as perdas “à descontinuidade dos projetos”, indicando que foram descartados do plano de investimentos.
Conclusão: o governador Camilo Santana passa a encarar seu primeiro desafio político junto a Dilma, qual seja o de garantir o projeto ou sepultar definitivamente um sonho.

Refinaria cancelada – Camilo divulga nota e diz que vai procurar a presidente Dilma Rousseff

100 2

camilo

O governador Camilo Santana (PT)divulgou nota oficial sobre o cancelamento do projeto da refinaria premium do Ceará, o que foi anunciado pela Petrobras, nessa quarta-feira. Camilo promete continuar lutando pelo empreendimento e diz que vai procurar a presidente Dilma Rousseff. Confira a nota na íntegra:

“O Governo do Estado repudia totalmente a decisão da Petrobras de suspender os investimentos da refinaria Premium II, um sonho do povo cearense e importante vetor de desenvolvimento local e regional. Essa atitude representa uma quebra unilateral do compromisso firmado com o estado e configura um desrespeito da empresa com o povo cearense.

O governador Camilo Santana recebeu a notícia com surpresa e indignação, cobrou explicações da Petrobras, conversou com o ministro-chefe da Casa Civil da Presidência da República, Aloizio Mercadante, e solicitou uma audiência com a presidenta Dilma Rousseff.

Uma vez que o Ceará cumpriu todos requisitos para a implantação da refinaria, o Governo afirma que continuará lutando e empreendendo todos os esforços para viabilizar este importante projeto”.

Camilo Santana,

Governador do Ceará. 

* Mais sobre o caso da refinaria no O POVO aqui.

Morre policial que colidiu carro na avenida Eduardo Girão. Família doará órgãos

“O inspetor Tonny Ítalo Lima Pinheiro, 29 anos, do 34º Distrito Policial (DP), que colidiu o carro após ser baleado na avenida Eduardo Girão, bairro de Fátima, morreu na noite desta quarta-feira, 28. O policial estava internado no Instituto Dr. José Frota (IJF), desde o último dia 24. A unidade hospitalar confirmou a morte e informou que a família doará órgãos, mas não divulgou quais.

O inspetor do 34º DP, Marcos Cavalcante, lamentou a morte do companheiro de profissão. “Trabalhamos na mesma delegacia, mas em equipes diferentes. Ele era um policial muito inteligente. Vai fazer falta tanto na Polícia, quanto na vida”, disse o policial.

O acidente envolvendo o policial civil ocorreu na manhã do último sábado, 24. O inspetor foi alvejado por três tiros antes de colidir o carro na avenida Eduardo Girão, entre as avenidas Aguanambi e Luciano Carneiro. Tonny estava sozinho no momento da colisão.

Os tiros atingiram a clavícula, coxa e, de raspão, o supercílio, conforme o titular do 34º DP, delegado Romério Almeida. Após o acidente, o inspetor chegou a ser retirado do veículo consciente. O policial estava de folga no momento do crime. Ninguém foi preso.”

(O POVO)

VAMOS NÓS – Nossos pêsames à família de Tonny Ítalo. Que sua mãe, Gláucia Lima, da Secretaria da Fazenda, encontre conforto nas muitas orações dos parente e amigos. Força, Gláucia!!

UFC finalmente vai inaugurar o Núcleo de Pesquisa e Desenvolvimento de Medicamentos

aldoiacio

Aldo Rebelo e Inácio participarão de ato na UFC.

“A Universidade Federal do Ceará inaugura na próxima segunda-feira, às 10 horas, a nova sede do Núcleo de Pesquisa e Desenvolvimento de Medicamentos (NPDM), localizada no Campus do Porangabuçu (Bairro Rodolfo Teófilo). Participarão do ato o reitor Jesualdo Farias, o vice-reitor Henry Campos, o ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação, Aldo Rebelo, Inácio Arruda, que estará assumindo a Secitece nessa mesma data, dentre outras autoridades.

O NPDM será o primeiro núcleo de pesquisa no País a atuar em todas as etapas da cadeia de desenvolvimento de medicamentos, desde a molécula até o ser humano. Em atividade no Campus do Porangabuçu desde 1992, o Núcleo é vinculado ao Departamento de Fisiologia e Farmacologia da UFC.

A nova estrutura de 10 mil m² conta com 18 laboratórios, 14 ambulatórios, 64 leitos hospitalares para testes de novos medicamentos em voluntários sadios e pacientes, além do Biotério, que será entregue em junho, para realização de testes em animais. Foram investidos R$ 17 milhões para a construção do Núcleo, financiado pelo BNDES, Ministério da Saúde e Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação.”

(Site da UFC)

DETALHE – Acompanhamos as idas e vindas dos professores Odorico Morais e Elisabete Morais na luta pela concretização desse núcleo. Quase 10 anos, por sinal.

(Foto – Divulgação)

João Jaime – O fim da enganação chamada refinaria

Com o título “Enganação premeditada”, eis artigo que o deputado estadual João Jaime (DEM) manda para o Blog. Ele fala sobre a novela em torno da tão prometida refinaria de petróleo. Confira:

Nesta madrugada de hoje, tivemos acesso, através da nossa imprensa, à divulgação do balanço do terceiro trimestre de 2014 da Petrobras. Noves fora as perdas contábeis referentes aos desvios por corrupção que a Estatal esteve envolvida, uma vez que estes valores não foram inclusos no balanço, apresenta, entre seus prejuízos, a construção das Refinarias Premium I e II. Justificando assim, o descarte dos projetos. Ora, como se isso surpresa fosse.

A bem da verdade, esses projetos nunca haviam sido colocados nos planos de investimento da Petrobras. Não estavam em 2006, quando foi lançado o plano quadrienal da estatal. Não estiveram em 2010 e nem em 2014.

O que constou nos planos de investimentos da estatal foram projetos de estudo de viabilidade dos empreendimentos. Os custos, que a estatal justifica como um dos aumentos dos prejuízos do último trimestre, são de projetos de estudos, consultorias e outras tantas enrolações que alimentavam a esperança da chegada das refinaria e da nossa refinaria em nosso Estado. E não operacional, como se foi postado.

Por várias vezes, me reportei sobre isso, alertando para tamanha enganação. Desde quando a presidenta Dilma Rousseff assumiu, em 2011, a Petrobras vem tendo queda em seus lucros. O que antes era dado como controlado, hoje mostra que a estatal tem a maior dívida corporativa do mundo. Sem falar em seu valor de mercado. Um verdadeiro caos. Nesses quatro anos teve uma perda de 75,2%.

Falta gestão, falta dinheiro, falta petróleo. Mas, falta, acima de tudo, punição.

João Jaime

Deputado estadual do DEM.

Editora lança livro “Estatuto do Magistério do Município de Fortaleza Anotado”

A Editora Premius acaba de lançar o livro “Estatuto do Magistério do Município de Fortaleza Anotado” de autoria do procurador municipal de Fortaleza, Mário Sales Cavalcante. A obra é resultado de intensa pesquisa legislativa e jurisprudencial relacionada à temática dos servidores públicos.

Segundo Mário Sales Cavalcante, o objetivo da publicação é suprir a necessidade por uma fonte de consulta capaz de reunir e sistematizar a legislação aplicável aos servidores do magistério municipal, como também informar o entendimento dos tribunais acerca dos temas relacionados a essa categoria de agentes públicos.

Para a conclusão da obra, o autor realizou minucioso trabalho de pesquisa, tomando por base o Estatuto do Magistério do Município de Fortaleza, Lei nº 5.895, de 13 de novembro de 1984. Outra fonte consultada foi a Lei nº 9.249, de 10 de julho de 2007, que institui o Plano de Cargos, Carreiras e Salários do Ambiente de Especialidade Educação.

SERVIÇO

* O valor de cada exemplar é R$ 40,00 (quarenta reais).

Guimarães e Sibá puxam ato em defesa de Chinaglia

guimarr

Líderes de oito partidos da base aliada do Governo Dilma Rousseff, mobilizados pelos deputados federais José Guimarães (PT) e Sibá Machadso (PT/AC), puxaram um ato em defesa da eleição de Arlindo Chinaglia para presidente da Câmara. Foi nesta quarta-feira, em Brasília, durante almoço no Royal Tulip.

“Foi feito um balanço da conjuntura e ao final o debate confluiu para a necessidade de formação de um bloco parlamentar. Esse bloco dará governabilidade às matérias de interesse do país que tramitam aqui dentro”, informou o deputado federal José Guimarães. Para ele, o ato marcou a “arrancada final para eleição do Arlindo”, disse.

PT, PROS, PC do B, PDT, PSD, PP, PRB e PR detêm 231 votos na eleição da próxima Mesa Diretora da Câmara. O número garantiria o primeiro lugar para o candidato petista na votação no dia 1º de fevereiro, segundo avaliação dos presentes. Chinaglia ainda contabiliza votos de deputados dissidentes, incluindo do PMDB, e o voto individual de diversos parlamentares com quem conversou durante viagens pelo Brasil.

DETALHE – A eleição da nova mesa da Câmara ocorrerá no próximo domingo, às 18 horas. Antes, às 10 horas, haverá o ato de posse dos 514 deputados federais.

(Foto – Divulgação)

Hospital da Mulher pode ser transformado em Hospital Materno-Infantil

hospitalmuklher

Nesta quinta-feira, ao meio dia, um grupo formado por 50 pediatras vai apresentar uma proposta aos secretários Carlile Lavor e Socorro Martins, respectivamente titulares da Saúde estadual e de Fortaleza: transformar o Hospital da Mulher Dra Zilda Arns num hospital materno-infantil.

Segundo a pediatria Ana Maria Cavalcante, ex-secretário da Saúde do Estado e do Município, o assunto será apresentado num almoço marcado para a sede da Sociedade Brasileira de Pediatria, regional do Ceará.

 

Pesquisadores da UFC publicam em períódicos estrangeiros estudos sobre pacientes renais críticos

“O Grupo de Pesquisa em Patologias Renais da Faculdade de Medicina da UFC realizou pesquisas a partir de dados coletados pela Escola de Medicina da Universidade de Harvard (EUA), que resultaram em descobertas inéditas apresentadas em artigos divulgados em dois importantes periódicos científicos internacionais.

O trabalho intitulado AKI complications in critically ill patients: association with mortality rates and RRT (“Complicações da Lesão Renal Aguda em Pacientes Críticos”) foi publicado este mês no Clinical Journal of American Society of Nephrology; e o artigo Increased serum bicarbonate in critically ill patients: a retrospective analysis (“Alcalose Metabólica em Pacientes Críticos”) está on-line no Intensive Care Medicine e será publicado.

O coordenador do grupo, profewsssor Alexandre Braga Libório, explica que o primeiro trabalho mostra “por que pacientes com falência renal aguda morrem na UTI, abrindo perspectivas para o melhor manejo desses pacientes, influenciando até mesmo na indicação de hemodiálise”. O outro, detalha o pesquisador, “foi o primeiro estudo avaliando o impacto da alcalose metabólica [elevação do pH do sangue bem acima das taxas normais] em UTI, mostrando ser essa multifatorial e associada com maior tempo de permanência na UTI e maior mortalidade, chamando a atenção dos médicos para como prevenir a alcalose metabólica e a importância de revertê-la quando possível”.

Para chegar aos resultados, o coordenador e sua equipe composta por alunos de mestrado e doutorado da UFC analisaram dados de um banco de dados de pacientes admitidos na Unidade de Terapia Intensiva do Beth Israel Deaconess Medical Center. “Esse banco de dados totalmente computadorizado foi concebido e implantado pelo Massachusetts Institute of Technology (MIT). Ele conta atualmente com dados de mais de 30 mil pacientes”, esclarece.

Acrescenta que as informações demográficas, laboratoriais, medicamentosas e outras obtidas à beira do leito diretamente através dos monitores do paciente permitiram chegar a detalhes conclusões mais refinadas da pesquisa. “Com esse banco de dados, conseguimos obter a média da dose de uma medicação recebida pelo paciente durante toda a internação, por exemplo”, revela o mestrando Tacyano Tavares Leite.

O professor Alexandre Libório acrescenta que o trabalho “Alcalose Metabólica em Pacientes Críticos” contou com a participação do professor John Kellum, da Universidade de Pittsburgh, considerado uma das maiores autoridades em nefrointensivismo no mundo. “Com isso, a UFC segue seu objetivo de internacionalizar no ensino e pesquisa, aprimorando ainda mais a sua vocação”, conclui.

SERVIÇO

Para saber mais sobre os autores e ler os trabalhos na íntegra, seguem os links que podem ser acessados pelo proxy da UFC:

– AKI complications in critically ill patients: association with mortality rates and RRT: http://bit.ly/1DbkkjE
– Increased serum bicarbonate in critically ill patients: a retrospective analysis: http://bit.ly/1BpyVWD
(Site da UFC)

Cid Gomes vai nomear ex-braço direito de Izolda Cela para gerir o FNDE

131 1

idilvan

Idilvan Alencar quando assumiu interinamente a Seduc.

“O ministro da Educação, Cid Gomes (Pros), vai realizar a primeira mudança de cargos na pasta. Gomes vai nomear Idilvan Alencar, ex-secretário executivo da Secretaria Estadual de Educação do Ceará, para comandar o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE). O quadro técnico frustra uma queda de braço entre PT e o PMDB, que queriam emplacar a presidência do órgão. Nomes de políticos como o ex-deputado Antônio Biffi (MS) e o ex-ministro Gastão Vieira circulavam nos bastidores.

O FNDE é responsável pela execução de políticas educacionais, como construção de escolas e compra de livros, e teve um orçamento de R$ 60 bilhões em 2014. O Financiamento Estudantil (Fies), que passa por polêmica no governo, também é gerido pelo fundo.

Idilvan Alencar chegou a assumir interinamente a secretaria de Educação cearense no ano passado, com a saída da ex-titular Izolda Cela para concorrer como vice-governador do Estado na chapa de Camilo Santana (PT). Alencar é próximo de Gomes e esteve, inclusive, em sua posse no MEC. Ele vai assumir o lugar de Romeu Caputo, que havia sido levado ao cargo no ano passado pelo ex-ministro Henrique Paim.”

(Blog Paulo Saldaña, do Estadão)

Ex-diretor-geral do IPECE avalia decisão da Petrobras de engavetar a refinaria premium do Ceará

Com o título “Fim de um sonho ou começo de um novo tempo?”, eis avaliação que o economista Marcos Holanda, ex-diretor-geral do Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (IPECE), faz em seu Blog sobre o caso da refinaria premium do Ceará engavetada outra vez pela Petrobras. Confira:

Como encarar a decisão da Petrobras de encerrar o projeto da refinaria? Fim do sonho do desenvolvimento ou começo de um novo tempo e de uma nova estratégia econômica baseada no realismo e na sustentabilidade?

Em uma postagem recente, defendi a ideia que é hora do Estado refletir e desenhar uma nova estratégia de desenvolvimento. Nada mais simbólico e confirmador desse momento do que o anúncio do fim do projeto da refinaria. Sobre a refinaria, publiquei um artigo no jornal O POVO onde argumentava que ela seria uma ilusão de desenvolvimento rápido e fácil.

Podemos perder no curto prazo, pois é inegável que a construção de uma refinaria implica em significativos investimentos, contratação de mão de obra e geração de renda. Depois da fase da euforia da construção, vem a fase da operação onde a agregação de valor é bem menor do que se imaginava e o passivo ambiental começa a apresentar sua conta. Basta olhar para o vizinho Pernambuco.

Nesse novo tempo, precisamos entender que temos um grande ativo: um espaço logístico já pronto, dentro de uma ZPE já instalada e conectado a um porto competitivo em termos de custo e logística global. O que precisamos agora é de realismo, visão estratégica, ousadia e competência para bem utilizar esse espaço.

Em resumo, perde a Petrobras que ia ganhar quase que de graça um espaço nobre e, potencialmente, ganha o Estado se tiver competência para bem explorá-lo.