Blog do Eliomar

Categorias para Ceará

Um editor em busca de trabalhos para publicação nacional

vitoriorocha

A Universidade Sem Fronteiras (UNISF) está promovndo, nesta manhã de sexta-feiras, em sua sede (Bairro Aldeota), um encontro de escritores cearenses. Ali, a presença de Vitorio Rocha, controlador da Editora Vitório Rocha, de São Paulo, que veio prospectar novos trabalhos para publicação.

Ele é recepcionado pela controladora da UNISF, professora Zilda Cavalcante.

(Foto – Paulo MOsKa)

Eunício Oliveira afirma que PMDB fará oposição a Camilo e que não aceitará infidelidades

107 2

foto eunício oliv

O senador peemedebista Eunício Oliveira, candidato derrotado ao Governo do Ceará, declarou ao jornal Folha de S.Paulo que “o PMDB é, a partir de agora, oposição no Ceará”. Ele prometeu, inclusive, punir correligionários que forem para base do vitorioso Camilo Santana (PT).

“Faremos oposição propositiva, e não raivosa. Oposição assina CPI, faz o que precisa ser feito. Aquele parlamentar que for cooptado e quiser fazer parte do governo, vamos brigar para que perca o mandato na Justiça”, deixou claro o presidente regional do PMDB.

Eunício disse também que o PMDB lançará candidato a prefeito de Fortaleza e na maioria dos municípios cearenses. “Vou coordenar isso particularmente em 2016. Saímos extremamente fortalecidos das urnas. Tivemos 57% dos votos na Capital”.

Eleições 2014 – José Guimarães promete punição para infiéis do PT

95 2

jose-guimaraes_div3

Da Coluna Vertical, no O POVO desta sexta-feira (31):

O PT vai tomar uma posição sobre casos de infidelidade registrados na última campanha eleitoral no Estado. Garante o vice-presidente nacional do partido, deputado federal José Nobre Guimarães, observando que, quando todos da sigla decidem por algo numa disputa, todos precisam obedecer e seguir a tese vitoriosa.

Guimarães diz que a Comissão de Ética será acionada para tratar de situações como, por exemplo, a do deputado federal Eudes Xavier (não reeleito), que foi visto em carreata da campanha do então candidato a governador Eunício Oliveira (PMDB).

Também está na mira a vice-prefeita de Baturité, Cristiane Braga, que aderiu e subiu no palanque de Eunício.

“Nós não vamos botar panos mornos!”, assegurou o parlamentar, sem dar mais detalhes.

Isso valeria para Luizianne Lins?

Aeroporto de Juazeiro já opera com nova sala de desembarque

Começou, nesta quinta-feira a operação, em caráter assistido, da nova sala de desembarque do Aeroporto de Juazeiro do Norte/Orlando Bezerra de Menezes (Região do Cariri). Com isso, a área passou de 194 m² para 450 m², contando com duas esteiras de restituição de bagagem e ampliando o conforto dos passageiros. No último dia 15, foram iniciadas as operações da nova sala de embarque, que ganhou ampliação de 115 m² para 600 m².

A operação assistida é o período em que os novos espaços entregues serão observados para monitoramento de suas condições operacionais no dia a dia do aeroporto, com a realização de ajustes caso necessário.

Com investimento de R$ 2,1 milhões, a instalação dos módulos de embarque e desembarque redimensionaram a capacidade de atendimento do Aeroporto do Cariri, que passou para 950 mil passageiros/ano. Com a conclusão, os módulos de embarque e desembarque ampliam em 1.050 m² a área total do terminal de passageiros. Além do maior espaço, serão instalados novos assentos, banheiros e áreas comerciais.

Entre janeiro e setembro de 2014, o Aeroporto de Juazeiro do Norte registrou 315,3 mil passageiros, sendo que, no ano de 2013, o terminal movimentou 387,9 mil passageiros.

(Com Site da Infraero)

“Nesse novo momento, o Aeroporto de Juazeiro do Norte passa a receber passageiros e demais usuários com a qualidade dos principais aeroportos brasileiros”, destacou o superintendente do aeroporto, Nilson José da Silva Suassuna.
Clique aqui para Responder, Responder a todos ou Encaminhar

AnúncioPROMO Passagens Aéreas
GOL, Azul, Avianca, Passaredo e +! Passagens com até 95% Desconto
mundi.com.br/Passagens-Aereas

Ex-prefeito de Iracema é condenado a pagar R$ 30 mil de multa por improbidade

Otácilio Beserra Meneses (PRB),  ex-prefeito de Iracema (278,2 km de Fortaleza), foi condenado a pagar uma multa de R$ 30 mil por improbidade administrativa, acusado de contratar vários parentes de servidores de carreira para trabalharem nos lugares deles, os quais tinham se afastado por motivos diversos. Otacílio teve ainda os direitos políticos por quatro anos.

Segundo o processo, o fato ocorreu entre 2010 até abril de 2011, com admissão irregular sem realização de concursos públicos. Estas pessoas trabalhavam como se fossem os próprios servidores e passavam a receber salários no nome dos concursados. O Ministério Público do Ceará (MP-CE) entrou com uma ação civil contra o prefeito.

A decisão foi proferida na quarta-feira, 29, pelo juiz integrante do Grupo de Auxílio do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE), Francisco Marcello Alves Nobre. A ação visa agilizar o julgamento de ações de improbidade e de crimes contra a administração pública, constituída na Meta 4 do Conselho Nacional de Justiça.

Otacílio contestou alegando que não havia indícios de que essas trocas irregulares fossem de conhecimento dele, o que não caracteriza improbidade administrativa. Já o juiz Francisco Marcello entendeu que as substituições eram do conhecimento do ex-gestor e feriram o princípio da legalidade.

(Site do MP-CE)

Danilo Forte questiona quem quer revisão da coalizão com PMDBe diz que o caso é de agenda

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=PYv17_RRks8&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg&index=3[/youtube]

O governo federal, por meio do vice-presidente nacional do PT, o deputado federal José Nobre Guimarães, e o ex-ministro Ciro Gomes (Pros), apregoa um repensar da coalização com o PMDB. Eles temem que o novo governo Dilma possa não fazer as reformas exigidas por causa das pressões peemedebistas.

Nesta quinta-feira, o deputado federal Danilo Forte, que é peemedebista, questionou tal postura.

Para Danilo, a questão não é de repensar por repensar a coalizão de forças, nem entrar no jogo do toma lá, dá cá de cargos, mas o futuro Governo Dilma montar e apresentar para o Congresso uma agenda para o País.

Novo Governo Dilma e o desafio de recompor pedaços feito um cristal quebrado

64 2

Com o título “O cristal quebrou. Dá para colar?”, eis artigo do jornalista Luís-Sérgio Santos que aborda a força do marketing na última campanha eleitoral de querer passar a ideia do novo com Dilma Rousseff (PT), no que obteve êxito nas urnas. Mas ele vê agora o grande desafio: fazer esse novo acontecer, depois de um resultado dos mais apertados. Confira:

Tenho respeito e fascínio pelas ações de marketing que conseguem reposicionar produtos, potencializar seus ciclos de vida, rejuvenescê-los sendo que, na essência, o espírito permanece.

O ponto alto do marketing é a ação, quando ele opera no nível da linguagem e se traduz em mensagem de massa através de agressivas campanhas de propaganda e de publicidade nos veículos eletrônicos, em especial rádio e televisão.

A indústria automobilística, a indústria da moda, a indústria de cosméticos e toda uma linha de produtos comoditizados, em especial bebidas de valor agregado de difícil diferenciação, são usuários recorrentes e compulsivos dessas estratégias de marketing.

Pois agora vimos no Brasil mas um caso de sucesso em reposicionamento da marca. Ele se traduz no slogan “Governo Novo. Ideias Novas” que ancorou a campanha da candidata Dilma Rousseff à presidência da República. Dilma seria a última candidata a usar a palavra “novo” com tanta ênfase e repetição porque, em verdade, ela significa continuidade. Mas, com agilidade, seu marketing se apropriou de algo que seria, em tese, de Marina, de Eduardo Campos, de Aécio, de Eduardo Jorge, de Levi Fidelix etc. E, certamente, essa apropriação ajudou no sucesso da corrida eleitoral da candidata. Não sugiro aqui que o marketing opera milagres ou fraudes quando vende conceitos através de sua retórica simples, clara e incisiva. Mas que ele cria ilusionismos, isso cria e, mesmo assim, e talvez por isso, o marketing é admirável.

Na campanha presidencial, a ideia do “novo” foi uma das ações semânticas nada sutis, mas, pelo menos, civilizada, ao lado de centenas de outras, agressivas, principalmente nas redes sociais — este, um capítulo à parte. Tudo isso e os embates figadais nos debates na TV fizeram dessa uma das campanhas mais virulentas e desagregadoras da história contemporânea nas democracias. Quando as armas ficam somente no plano retórico, a democracia ganha. Os embates acabam sendo cursos intensivos de politização. Mas quando a retórica dissemina o medo, aí temos um nada sotisficado terrorismo semântico e ideia de dois “brasis”, o nosso e o deles.

A política é uma droga que causa enorme dependência. Quem entra não quer mais sair, quem saiu quer voltar.

E, finalmente, no dia seguinte, Dilma, “o novo”, está reeleita. Até seu vice, Michel Temer, escondido pelo marketing na campanha nacional, encarna o “novo”.

Agora, o desafio, é renovar de fato. Em termos percentuais, a diferença do “novo” para o “velho” foi miserável. Significa que um e outro estão no mesmo nível de aceitação e de rejeição. Para não falarmos de mais de 20% dos eleitores que não compareceram às urnas. Em números brutos, qualquer um dos dois candidatos seria eleito com pouco mais de 35% dos votos potenciais.

Na democracia representativa a metade dos votos válidos mais um voto faz a toda a diferença. Essa é a regra do jogo. Depois é tentar colar o cristal. Porque, no Brasil, rachado ao meio, o cristal quebrou feio.

* Luís-Sérgio Santos,

Jornalista.

Camilo e Zezinho avaliam eleições, mas disputa pela Assembleia virou prato quente do almoço

camilororor

O governador eleito Camilo Santana (PT) conversou, nesta quinta-feira, com o presidente da Assembleia Legislativa, Zezinho Albuquerque (Pros). Os dois, entre uma garfada e outra durante almoço, avaliaram, segundo a assessoria de imprensa do petista, as eleições deste ano no Estado.

“Tenho como compromisso unir as famílias cearenses e trabalhar para desenvolver todas as regiões do Estado. A Assembleia Legislativa tem um papel fundamental nesta construção”, afirmou Camilo para Zezinho. O recado soou como um apelo do governador eleito para que, no processo de escolha da nova mesa diretora da Casa, a base não brigue.

Zezinho Albuquerque, reeleito, quer continuar presidindo o Poder Legislativo, mas há opositores fortes como Welington Landim (Pros), da Região do Cariri de Camilo Santana, também de olho no trono.

(Foto – Divulgação)

Padre Fábio de Melo será atração em Granja

fabiodemelo

Para comemorar os 160 anos de emancipação política do município de Granja, a população ganhará um show do padre Fábio de Melo. Ocorrerá na próxima segunda-feira, na Praça da Matriz. Na ocasião, o religioso e cantor irá celebrar o aniversário do município, com o seu carisma, muito louvor e palavras de fé.

Também estão programadas celebrações religiosas, performances artísticas, desfile da Miss Granja, comemoração do dia do Professor e do Servidor Público, festa fantasia de Halowenn e entrega das premiações das olimpíadas de matemática e português.

Dia de Finados terá lançamento do livro Cartas da Imortalidade

Na celebração dos 15 anos de fundação da Sociedade de Estudos Espíritas Casa de Francisco e o Lar Beneficente Clara de Assis, em Iparana (Caucaia), será lançado neste domingo, às 16 horas, o livro “Cartas da Imortalidade – Os Espíritos escrevem aos seus familiares”. Assina a obra psicografada o médium Nilton Sousa. São 27 correspondências de pessoas desencarnadas (falecidas), endereçadas aos seus entes queridos ainda neste mundo.

Na ocasião, as famílias serão presenteadas com o livro, uma evidência de que a morte é apenas uma passagem, e que no além o espírito sobrevive e o amor permanece de forma vigorosa. Toda a renda da venda dos livros será revertida para as obras sociais do Lar Beneficente Clara de Assis, que assiste cerca de 400 crianças moradoras de áreas de risco nesta localidade do município de Caucaia.

Veracidade da escrita

O escritor e pesquisador Clóvis Nunes coordenou a pesquisa grafotécnica assinada pela perita criminal, Sra. Isabel Cristina Lima de Sousa. “Constatou-se que algumas assinaturas reproduzidas pela psicografia, após analisadas, demonstraram a mesma gênese gráfica que o espírito tinha quando em vida sobre a Terra”, explicou Clóvis Nunes, coordenador editorial do livro.

SERVIÇO

Lar Beneficente Clara de Assis – Rua Guaié, S/N, Iparana-Caucaia (Região Metropolitana de Fortaleza)

Preço de lançamento: R$ 20,00

Entrada franca.

Conlutas promove debate sobre “Os 12 anos do Governo do PT – Um balanço crítico”

luldidl

Dilma e Lula – 12 anos de gestão.

A Central Sindical e Popular (CSP Conlutas) e o Instituto Latino-Americano de Estudos Socioeconômicos (Ilaese) promoverão nesta quinta-feira, às 18 horas, o debate “12 anos do Governo do PT: um balanço crítico”. O evento ocorrerá na sede do Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários do Estado do Ceará (Sintro-CE). O convidado para falar sobre o assunto é Daniel Romeiro, pesquisador do Ilaese e professor do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia (IFBA).

Na ocasião, também será lançada a revista “Os motivos da revolta popular: um balanço crítico do Governo do PT” (2014), de autoria de Romero e dos pesquisadores Érika Andreassye Nazareno Godeiro.

SERVIÇO

* Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários do Estado do Ceará (Sintro-CE), na Avenida Tristão Gonçalves, 1380 – Centro

* Mais informações – Conlutas – 8729.2222.

Delegado elogia sinalização de Camilo para diálogo com polícias

85 2

foto cesar wagner delegado

Em sua página no Facebook, o ex-superintendente da Polícia Civil e delegado César Wagner parabenizou o governador eleito Camilo Santana pela sinalização de abertura de diálogo com as polícias. Confira:

Tem sido muito positivo a repercussão das palavras do governador eleito Camilo Santana acerca da união entre todos: polícia, governo e sociedade civil em busca de um avanço nesta questão crucial que é a luta contra a criminalidade.

As eleições passaram. Hora de diálogo franco e junção de forças.

Não é com mágoas ou desvirtuamento de nossas funções republicanas que encontraremos um novo caminho. Camilo Santana deu o primeiro passo e deixou bem claro o que pensa acerca do assunto. Todos precisam de tranquilidade e confiança para exercer suas missões.

Parabéns, o primeiro passo foi significativo!!!

VAMOS NÓS – César Wagner, que marcou passagem como superintendente da Polícia Civil e também como titular da Delegacia de Narcóticos, quando pela primeira vez o Ceará conferiu prisões de grandes traficantes locais, é tido como um policial com trânsito em todos os setores da segurança pública. O seu reconhecimento à sinalização do governador eleito por certo não é uma voz única.

Aécio perdeu por que a eleição ganhou conotação plebiscitária?

verrr

Em sua coluna no O POVO desta quinta-feira, o jornalista Fábio Campos escreveu o tópico “O Dever da casa”, mostrando que a derrota do tucano Aécio Neves em seu Estado (MG), deixou a clara impressão de que o eleitor optou pelo voto plebiscitário: aprovar ou não a continuidade de Dilma com seu PT. Confira:

Os resultados de Aécio Neves em Minas Gerais são um capítulo a parte na campanha presidencial. Neto de um grande líder mineiro, Aécio governou o Estado por oito anos e deixou o poder com ótimos índices de popularidade. O erro fatal de avaliação foi acreditar que isso seria suficiente para que a maioria, por osmose, se tornasse devota de sua candidatura presidencial.

O caso de Minas deixou claro o seguinte: a eleição presidencial foi plebiscitária. Ou seja, sim ou não ao PT. Em São Paulo, devido às circunstâncias da economia industrial do Estado, o antipetismo prevaleceu com vigor. Fosse quem fosse o candidato tucano ou de oposição ao PT, é muito provável que se dessem os mesmos resultados.

Em Minas, o clima era outro. Lá, o antipetismo não era uma marca em boa parte por causa do próprio Aécio. Afinal, no enclave mineiro, os tucanos sempre estabeleceram uma relação de paz e amor com os petistas. As circunstâncias econômicas também diferiam do vizinho São Paulo. Deu no que deu. É clássico: candidato a presidente que não ganha em casa não merece ganhar a eleição. Essa frase teria sido proferida por Aécio meses antes da campanha.

UNISF promove palestra sobre “Ânsia por Status”

A Universidade Sem Fronteiras (UNISF) promoverá nesta quinta-feira, a partir das 19 horas, uma conferência a ser ministrada pela professora Ângela Leitão Carvalho (Unifor). Ela abordará o tema “A ânsia por status”.

Focará mais precisamente a luta desesperada que alguns desenvolvem em busca da fama, do prestígio e do poder, o que, muitas vezes, pode se transformar no desespero da solidão e da frustração existencial.

Essa conferência faz parte de um projeto que a universidade vem realizando sempre nas últimas quinta-feira do mês.

SERVIÇO

Universidade Sem Fronteiras – Rua Nunes Valente, 919 (Aldeota).

Mais informações – (85) 3224 0909).

Entrada franca.

PR do Ceará sinaliza para uma oposição responsável

lucioroberto

O presidente regional do Partido da República, ex-governador Lúcio Alcântara, tomou a rota de Portugal nas últimas horas. Viajou com sua família para temporada de férias de quem também tem agora cidadania portuguesa.

Lúcio deixa claro que o PR vai ficar onde no lugar que o eleitor o deixou: na oposição. Ele aguardará agora o cenário administrativo a ser construído pelo governador eleito Camilo Santana (PT) para nova avaliações.

Já o presidente de honra do PR, Roberto Pessoa, disse, nesta quinta-feira que o PR fará oposição responsável. Ou seja, derrubando o que for de encontro aos interesses da população e apoiando avanços.

Pessoa, que foi o candidato a vice-governador do peemedebista Eunício Oliveira retomou sua rotina. Ontem, ele estava em Barreira (BA) tratando dos negócios de sua granja, a Emape.

Cid e RC – Queda é com a oposição

O governador Cid Gomes (Pros) e o prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (Pros), em clima de festa de inauguração do Shopping RioMar, nessa quarta-feira, decidiram percorrer o polo de compras. Ou seja, hora de dar uma olhadinha nas lojas e conferir o empreendimento e seu potencial econômico.

ciderccc

Resolveram descer pela escada rolante principal e, mesmo contemplando a beleza do shopping, não se esqueceram de um aceno aqui e outro ali para populares quando de repente…

cirdrecc2

.. a escada rolante deixou de funcionar.

Ambos, no entanto, foram ágeis e se seguraram na borda da escada, evitando alguma surpresa. Para quem saiu agora há pouco de campanhas vitoriosas, queda, seja qual for ela, não combina com os dois.

Curiosidade: Algum deles comprou alguma coisa?

(Fotos – Mauri Melo)

Em nome do Natal

bruacocvooc

No meio da rua Érico Mota, no bairro Parquelândia, apareceu um buraco. Um buraco apareceu há semanas e, mesmo com cobranças de moradores, a Regional 3 ainda não adotou providências. Essa situação complica quando chega a noite.

Aliás, bem que a Regional poderia fazer uma limpeza geral nessa via importantíssima no bairro, pois faz a ligação do início da avenida Humberto Monte à avenida Bezerra de Menezes. Está precisando.

(Foto – Paulo MOsKa)

Ciro Gomes alerta: Coalização precisa mudar para que DiIma termine seu novo mandato

foto ciro gomes

“Eu não gosto da coalizão que está no poder do Brasil com a Dilma, PT-PMDB. Se não for mudada, inclusive no plano moral, talvez a Dilma não consiga terminar seu mandato”, alerta o ex-ministro Ciro Gomes (Pros), atual secretário estadual da Saúde, ao ser indagado sobre o cenário político-econômico do País pós-resultado das urnas. 

Ciro Gomes lamenta ainda que nenhum dos candidatos à Presidência, na eleição deste ano, demonstrou compromisso em celebrar um projeto econômico para o País.

“Todos eles discutiram, prostrados diante do setor financeiro, nuances de conservadorismo. E com esse conservadorismo o Brasil não sai dessa crise sem um grave colapso”. Com US$ 86 bilhões de déficit nas transações correntes com o estrangeiro, tem-se um efeito no País de uma transação crônica, crescente sobre o câmbio, e uma moeda que tende a se desvalorizar, avalia. Para ele, esta é a ameaça inflacionária real que não pode ser combatida com taxa de juros, política do Governo de Dilma Rousseff (PT).

Indagado se esse é o momento do Brasil crescer ou conter a inflação, Ciro afirma: “Se não crescer, a proporção da dívida versus PIB e seus efeitos fiscais vai continuar se deteriorando. Não te equação para o desequilíbrio nas nossas contas externas”.

Para o ex-ministro, no entanto, ao final da apuração, acabou prevalecendo a lucidez do brasileiro que preferiu guardar alguns valores centrais com a reeleição da presidente, frente ao “entreguismo alienante do PSDB”.

(Com O POVO)