Blog do Eliomar

Categorias para Ceará

Carreata pró-Aécio Neves deixa Fortaleza com destino a Juazeiro do Norte

275 3

carrataa

Tomou a rota de Juazeiro do Norte (Região do Cariri), nesta manhã de sexta-feira, a “Carreata Onda Azul” em favor da candidatura de Aécio Neves (PSDB). na organização, o consultor Paulo Angelim.

No trajeto, 12 cidades, por meio da BR-116, difundindo o nome do tucano. Sem direito a paradas. A previsão de chegada: 20 horas.

Quem conferiu a saída, não contou mais de 50 carros, mas, ao longo do percurso, haverá adesão de aecistas.

(Foto – Tadashi Enomoto)

Ex-superintendente do Ibama do Ceará ocupará diretoria no Ministério da Pesca

negreiross

Negreiros (de amarelo) durante discussões sobre lagosta.

Quem disse que acabou nomeação na área federal pode fechar o sinal vermelho. O engenheiro José Augusto Negreiros acaba de ser nomeado diretor de Monitoramento e Controle da Pesca do Ministério da Pesca.

Negreiros, bom lembrar, já foi superintendente estadual do Ibama. Ele estava coordenando ações de combate à pesca da lagosta no momento.

TRE alerta sobre entrega da prestação de contas

O Tribunal Regional Eleitoral, por meio de sua Secretaria de Controle Interno, faz o lembrete: todos os candidatos, incluindo os que renunciaram, foram substituídos ou tiveram seus registros de candidatura indeferidos, encontram-se obrigados a apresentar a prestação de contas final à Justiça Eleitoral até a data de 4 de novembro deste ano. No mesmo prazo, devem também ser apresentadas as prestações de contas pelos comitês financeiros e diretórios partidários estaduais.

O encaminhamento das prestações de contas finais deverão seguir os seguintes procedimentos:

1- Através da internet, enviar o arquivo da prestação de contas gerado no Sistema de Prestação de Contas Eleitorais (SPCE).

2- Imprimir, após o envio, o Extrato da Prestação de Contas, emitido pelo sistema de recepção da Justiça Eleitoral.

3- Protocolizar, na sede do Tribunal Regional Eleitoral do Ceará, o Extrato da Prestação de Contas, assinado pelo candidato, pelo contador e pelo advogado, juntamente com todos os documentos previstos no art. 40, inciso II, da Resolução TSE n. 23.406/2014, além dos canhotos dos recibos eleitorais utilizados e dos documentos fiscais que comprovem a regularidade de todos os gastos eleitorais.

O TRE-CE alerta ainda para a necessidade das prestações de contas seguirem fielmente as disposições da Resolução TSE n.º 23.406/2014 e da Resolução TRE-CE n.º 564/2014, em especial as exigências de constituição de advogado; de informação sobre o doador originário nas doações entre partidos políticos, comitês financeiros e candidatos; da apresentação de extratos bancários completos; da apresentação dos comprovantes de recolhimento de eventuais sobras de campanha; e da apresentação de todos os documentos que comprovem a regularidade dos gastos realizados.

Por último, O TRE-CE esclarece que, na data final da entrega, 4 de novembro, para os candidatos que concorreram no primeiro turno, e, dia 25 de novembro, para os que concorrerem ao segundo turno, a Seção de Protocolo do Tribunal receberá as prestações de contas somente até as 19 horas dos respectivos dias.

(Site do TRE-CE)

Defensores públicos arrecadam 374 brinquedos para doação

criançaçaç

Um total de 374 brinquedos foram arrecadados pela Associação dos Defensores Públicos do Ceará durante este mês, que é dedicado à criançada. Foi resultado da campanha “Desafio do Brinquedo”, realizado nas redes sociais. Do total arrecadado, 30 brinquedos foram doados para a Associação de Pais e Amigos dos Autistas de Sobral (APASO), cuja festa em comemoração ao Dia da Criança ocorreu no último dia 10, contando com apoio da Coordenadoria da Adpec em Sobral.

Os demais itens serão doados aos filhos dos ativistas do Movimento de Luta nos Bairros, Vilas e Favelas (MLB), na atividade que a Adpec realizará no dia 24 próximo, às 16 horas, no Conjunto Bárbara de Alencar (Bairro Curió), em Fortaleza. Para fazer a festa da criançada, haverá também apresentação de palhaço, pula-pula e distribuição de lanche. Também haverá distribuição de brinquedos para as crianças do bairro Serviluz, em evento que será oportunamente divulgado.

VII Evangelizar é Preciso terá missa e bênção nesta sexta-feira

manzotti

Padre Reginaldo comandará o evento.

O Aterro da Praia de Iracema será palco do VII Evangelizar é Preciso Fortaleza com Padre Reginaldo Manzotti, evento que será realizado neste sábado, dia 18 de outubro, a partir das 8 horas. Antes, porém, a partir das 19 horas desta sexta-feira, também no aterro, haverá a celebração da “Missa de Envio” dos voluntários e bênção do local com o Padre Antonio Furtado.

“Será um momento de muitas graças”, antecipa Padre Antonio Furtado, sacerdote da Comunidade Católica Shalom e um dos organizadores do evento. Após a missa, haverá reunião com os voluntários e os últimos ajustes para o evento.

“Ao todo, são mais de 30 equipes de trabalho. Os voluntários se cadastraram desde maio, foram treinados e agora receberão a bênção para partir em missão para o serviço do VII Evangelizar é Preciso Fortaleza”, diz Pedro Davi Romcy, responsável pela seleção dos voluntários.

DETALHE – O Padre Reginaldo Manzotti já está em Fortaleza e dará coletiva para a imprensa nesta manhã de sexta-feira. À tarde, tem encontro com padres da Arquidiocese.

Mulheres fazem a diferença em favor de Camilo

73 2

Da Coluna Política, no O POVO desta sexta-feira (17), pelo jornalista Érico Firmo:

Como nas pesquisas do primeiro turno, as mulheres fazem a diferença a favor de Camilo Santana (PT) contra Eunício Oliveira (PMDB). Conforme a pesquisa O POVO/Datafolha, o petista até está numericamente à frente entre os homens, com dois pontos percentuais e em empate técnico. Mas, entre as mulheres, abre sete pontos percentuais. Assim constrói a vantagem de cinco pontos no geral – também empate técnico, como ontem aqui destacado, mas com maior probabilidade de Camilo estar na frente.

Eunício tem três pontos de vantagem na Capital, único recorte regional do Datafolha com empate técnico. Na apuração do primeiro turno, o peemedebista teve nove pontos de frente. No resto da Região Metropolitana de Fortaleza e também no Interior, Camilo lidera com sete pontos de diferença.

Conforme cresce a escolarização do eleitor, caem as intenções de voto no petista e sobem as em Eunício e, também, brancos e nulos.

Servidores do IJF-Centro ameaçam cruzar os braços. Cobram pagamento da produtividade

90 1

Alô, secretária municipal da Saúde, Socorro Martins!

O clima é de revolta entre os servidores do Instituto Dr. José Frota, no Centro, nesta manhã de sexta-feira.

Desde o último dia 15 que a Prefeitura não pagou a produtividade e gratificação por incentivo ao pessoal, que está cruzando os braços e prometendo um ato de protesto em frente ao hospital.

Futuro governador vai gerir orçamento de R$ 23,6 bi

Da Coluna Vertical, no O POVO desta sexta-feira (17):

O sucessor do governador Cid Gomes (Pros) vai pegar, ano que vem, um orçamento na ordem de R$ 23,6 bilhões e uma verba para investimentos estipulada em R$ 5,3 bilhões. Também um montante de R$ 9 bilhões para pessoal, o que dá índice de 53,7%. O limite constitucional é 60%.

Esses números, segundo o secretário estadual do Planejamento e Gestão, Eduardo Diogo, constam da Lei de Diretrizes Orçamentárias do Estado (LDO), que já está na Assembleia Legislativa. No item investimentos, estão como prioridade a ser recebida pelo futuro gestor os seguintes projetos: a Linha Leste do Metrofor, com R$ 462 milhões; o Cinturão das Águas, com R$ 330 milhões; a segunda ampliação do Porto do Pecém, com R$ 310 milhões; e a construção de estradas, com R$ 478 milhões.

A votação da LDO ocorrerá em novembro.

Ia esquecendo: no rol das prioridades 2015, entrou também a Ponte Estaiada, com R$ 233 milhões. É aquele projeto polêmico que cruzará os céus do Parque do Cocó.

TRE do Ceaerá oficializa solicitação ao TSE de tropa federal para o 2º turno

81 1

O Tribunal Regional Eleitoral do Ceará solicitou ao TSE o envio de tropas federais para reforçar a segurança no 2º turno das eleições. O pedido foi formalizado na sessão dessa quinta-feira (16) pela Corte do TRE, presidida pela desembargadora Iracema do Vale.

Através do Ofício nº 3884/2014 (anexo), o TRE-CE encaminhou ao presidente do TSE, ministro Dias Toffoli, “a solicitação de apoio de força federal para assegurar a normalidade da votação e apuração dos resultados relativos ao seguindo turno das eleições”, em Fortaleza e mais quatro municípios da Região Metropolitna: Caucaia, Maranguape, Maracanaú e Pacatuba.

A iniciativa partiu do procurador regional eleitoral, Rômulo Conrado, que protocolizou no TRE o Ofício nº 9293 (anexo) do MPE, após comunicado ao Tribunal na última segunda-feira (13).

De acordo com relato do procurador, “tem-se  manifesto temor de que venha a ocorrer o cerceamento ao regular exercício das atividades policiais afetas à Polícia Militar. Bem como que novamente seja posta em prática a esdrúxula medida de fixar as viaturas em pontos base e somente permitir que ingressem em circulação a partir do que for determinado pelos órgãos de segurança pública. Por outro lado, tem-se situação de notório acirramento de ânimos considerando o engajamento em campanha eleitoral do candidato Capitão Wagner, candidato mais votado ao cargo de Deputado Estadual, opositor do grupo político liderado pelo Governador Cid Ferreira Gomes”.

(Site do TRE-CE)

Eunício falta ao debate e Camilo é entrevistado na TV Ceará

71 1

O candidato ao governo pelo PMDB, Eunício Oliveira, faltou ao debate agendado para a noite desta quinta-feira (16), na TV Ceará. De acordo com as regras do debate, firmadas em reunião com as duas coligações, a ausência de um dos candidatos resultaria em uma entrevista de cinquenta minutos com o candidato presente.

Assim, o deputado estadual Camilo Santana (PT) respondeu as perguntas do programa. O peemedebista justificou a ausência alegando compromissos de agenda previamente assumidos.

Em entrevista, o candidato Camilo Santana defendeu ações do Governo Cid Gomes (Pros) durante os oito anos de mandato e justificou o aumento da violência no Estado em razão de “uma epidemia em todo o Brasil”. O petista defendeu a reforma do funcionamento do Ronda do Quarteirão e a criação de escolas de tempo integral como política de segurança.

O candidato prometeu uma “sacudida na área da cultura” investindo 1,5% do Produto Interno Bruto (PIB) do Ceará na área. Santana prometeu reestruturar a Secretaria de Cultura, após a gestão de Cid sofrer diversas críticas na pasta durante a gestão. Camilo alegou que pretende fazer concurso público para a secretaria.

Em seguida, o candidato vendeu uma das suas propostas carros-chefe de campanha que é Bilhete Único intermunicipal. Por fim, o candidato defendeu a construção do Acquário, tema que gerou polêmica nos últimos meses, justificando que o equipamento vai contribuir para o turismo familiar à Capital cearense.

Nas considerações finais, o petista lamentou a ausência do senador Eunício Oliveira (PMDB) e reafirmou as promessas de campanha.

(O POVO Online)

“Caravana Ceará Azul” irá percorrer 29 cidades cearenses

77 6

Cerca de 200 veículos deverão percorrer 29 cidades cearenses, neste fim de semana, em um percurso de 1,4 mil quilômetros. O movimento, chamado “Caravana Ceará Azul”, defende a candidatura Aécio Neves (PSDB) à Presidência da República.

“Seremos centenas de carros, uns sairão de Fortaleza, outros estarão ingressando na caravana durante o percurso. O importante é que faremos um grande movimento para estimular os eleitores”, comentou o organizador do evento, Paulo Angelim.

A carreata deixará Fortaleza nesta sexta-feira (17), com previsão de retorno no sábado (18).

Ibope: Camilo tem 51%, e Eunício tem 49% dos votos válidos

76 2

A primeira pesquisa Ibope do segundo turno no Ceará aponta o candidato a governador Camilo Santana (PT) com 46% dos votos, e Eunício Oliveira (PMDB) com 44%. Os dois estão empatados tecnicamente. Brancos e nulos somam 6%, e outros 4% dos entrevistados se disseram indecisos.

Excluindo-se brancos e nulos, Camilo tem 51% dos votos válidos, contra 49% de Eunício. Se a eleição fosse hoje, essa seria a forma como a Justiça Eleitoral divulgaria o resultado da eleição.

De acordo com o Ibope, os adversários tem a mesma taxa de rejeição: 38%. Outros 18% dos entrevistados disseram que poderiam votar em qualquer um dos dois candidatos.

A pesquisa Ibope foi contratada pela TV Verdes Mares. O Instituto ouviu 1.204 pessoas em 62 municípios cearenses, dos dias 13 a 15 de outubro. A margem de erro é de três pontos percentuais, para mais ou menos. A pesquisa está registrada no Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE) sob o número CE-00033/2014 e no Tribunal Superior Eleitoral, com BR-01100/2014.

(O POVO Online)

Vice-presidente do PP adere à candidatura Eunício Oliveira

O vice-presidente do PP no Ceará e membro da Executiva Nacional do partido, Chagas Macedo, anuncia na noite desta quinta-feira (16) adesão à candidatura Eunício Oliveira (PMDB). No primeiro turno, o dirigente do PP apoiou Camilo Santana (PT).

Segundo a assessoria de Eunício Oliveira, o candidato peemedebista está voltando para Fortaleza para receber o dirigente do PP e outros integrantes do partido, no comitê central da avenida Barão de Studart, no bairro Dionísio Torres, a partir das 21 horas.

Comitê de Cultura de Camilo Santana quer repensar a TV Ceará

culturr

O Comitê de Cultura do petista Camilo Santana, postulante ao Governo do Ceará, vai promover terça-feira, a partir das 19 horas, um debate sobre o tema “Televisão Pública e o Acesso à Informação”. Sob a coordenação do fotógrafo Tiago Santana, o objetivo do encontro é iniciar um debate baseado nas seguintes indagações:

– Você que dialogar com o governo?

– Você quer uma televisão pautada no interesse público e não no interesse governamental?

– Você quer as informações que o governo produz ou armazena sem precisar pedir?”

DETALHE – Camilo Santana já trabalha com a hipótese de, vitorioso, promover muitas mudanças na TV Ceará. Tiago Santana, seu irmão, é tido como nome trabalhado para a área da Cultura.

Moradias não ocupadas pela Prefeitura aguardam decisão de desembargadora, informa o Paço

Da Assessoria de Imprensa do Paço Municipal, recebemos nota, em tom de resposta à situação exposta no Blog e que diz respeito a casas construídas no antigo terreno da Esmaltec e, até hoje, não ocupadas. Confira:

Caro Eliomar de Lima,

O Projeto Vila do Mar possui quatro lotes de conjuntos habitacionais, com um total de 1.764 unidades habitacionais. O primeiro lote foi entregue e o segundo lote, com 84 moradias, será entregue em breve.

O bloco mostrado na foto em seu Blog, refere-se ao lote III, com 504 apartamentos. A Construtora Celi Engenharia era responsável pela execução da obra, ainda na gestão passada. Como a empresa não concluiu a obra no prazo e o contrato de empreitada, que o Poder Público tem de respeitar, foi expirado, a Prefeitura rescindiu o contrato e buscou abrir nova licitação. A ação da Prefeitura foi questionada na Justiça pela Celi Construtora. Hoje, há uma ordem judicial (agravo de instrumento) que suspendeu a licitação para conclusão da obra.

A Fundação Habitafor entrou com recurso e já há um parecer favorável do Ministério Público Estadual a favor da Prefeitura. Atualmente, o processo se encontra sob análise da desembargadora Maria Gladys Lima Vieira e é necessário aguardar a decisão judicial.

Gostaríamos de informar, também, que está previsto para o próximo dia 22 de outubro a entrega das 84 unidades habitacionais do Lote II. Nesta sexta-feira (17), uma equipe da Habitafor vai fazer uma visita ao local. Além disso, estão sendo programadas reuniões periódicas para que haja uma checagem contínua de informações com todos os setores.

Com relação ao Lote III (o que foi mostrado), já está garantido pela Prefeitura o recurso do CPAC, assinado nesta quarta-feira (15.10) e, no momento em que for autorizado pela Justiça, será reaberta a licitação. É de interesse da Prefeitura concluir a obra o quanto antes.

A Habitafor ou qualquer órgão público municipal não pode entrar no local, por conta da decisão judicial em vigor no momento, mesmo que seja para limpeza, pois há equipamentos da empresa. No entanto, é mantida a segurança no local para evitar o risco de ocupações. Como se trata de uma demanda específica do Vila do Mar, o trabalho social já fez o levantamento das famílias que serão beneficiadas e, até que essas famílias recebam os imóveis, estarão amparadas pelo aluguel social.

Sem mais,

Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Fortaleza.

(Destaques no texto feitos pelo Blog)

Manifesto de professores de Economia sobre a realidade atual do País

494 3

Eis que recebemos um novo manifesto. Agora de professores universitários da área de Economia. Há docentes da UFC assinando o documento. Confira:

MANIFESTO DE PROFESSORES UNIVERSITÁRIOS DE ECONOMIA

Este texto é um manifesto de um grupo de 164 professores universitários de Economia, ligados a diversas instituições no Brasil e no Exterior. O nosso objetivo é desconstruir um dos inúmeros argumentos falaciosos ventilados na campanha eleitoral.

1) Não há, no momento, uma crise internacional generalizada.
■Alguns de nossos pares na América Latina, uma região bastante sensível a turbulências na economia mundial, estão em franca expansão econômica.
■Projeta-se, por exemplo, que a Colômbia cresça 4,8% em 2014, com inflação de 2,8%. Já a economia peruana deve crescer 3,6%, com inflação de 3,2%. O México deve crescer 2,4%, com inflação de 3,9%.1
■No Brasil, teremos crescimento próximo de zero com a inflação próxima de 6,5%.1
■Entre as 38 economias com estatísticas de crescimento do PIB disponíveis no sítio da OCDE, apenas Brasil, Argentina, Islândia e Itália encontram-se em recessão.2
■Como todos os países fazem parte da mesma economia global, não pode haver crise internacional generalizada apenas para alguns.
■É emblemático que, dentre os países da América do Sul, apenas Argentina e Venezuela devem crescer menos que o Brasil em 2014.1

2) Neste cenário de baixo crescimento e inflação alta, a semente do desemprego está plantada. E os avanços sociais obtidos com muito sacrifício ao longo das últimas décadas estão em risco.

3) O atual governo tenta se eximir de qualquer responsabilidade pelo nosso desempenho econômico pífio e culpa a crise internacional. Entretanto, como a realidade dos fatos mostra que não há crise internacional generalizada, a explicação só pode ser outra.

4) Em grande parte, atribuímos o desempenho medíocre da economia brasileira e a perspectiva de retrocesso nas conquistas sociais às políticas econômicas equivocadas do atual governo.

5) O atual governo ressuscitou os fantasmas da inflação e da instabilidade macroeconômica.

■Uma política monetária inadequada gerou a suspeita de intervenções de cunho político no Banco Central, que foi fatal para sua credibilidade.
■A utilização recorrente de truques contábeis destruiu a confiança na política fiscal.
■Esta combinação de políticas monetária e fiscal opacas e inadequadas gerou um cenário macroeconômico extremamente adverso, com inflação alta e crescimento baixo.

6) O governo Dilma amedrontou os investimentos.

■Houve mudanças constantes e inesperadas de regras, como alterações arbitrárias de alíquotas de impostos.
■Diante desta instabilidade das regras do jogo, a desconfiança aumentou e o horizonte dos empresários encurtou.
■O acesso privilegiado aos órgãos governamentais passou a ser uma atividade mais lucrativa que o planejamento e investimento de longo prazo.

7) A mudança das regras do jogo não afetou apenas a iniciativa privada.

■O excesso de intervencionismo nas empresas estatais, como o represamento artificial dos preços de energia e gasolina, minou a capacidade de investimento dessas empresas.
■Por conta de empreendimentos questionáveis do ponto de vista econômico, a capacidade de investimento da Petrobrás foi comprometida.

8) O atual governo expandiu a oferta de crédito subsidiado de forma discricionária e irresponsável.

■A distribuição arbitrária de crédito subsidiado produz distorções na alocação de recursos do país e contribui para o baixo crescimento econômico.
■Os subsídios envolvidos geram altos custos fiscais que o atual governo tenta esconder com malabarismos e truques contábeis. Estes expedientes destruíram a confiança nas estatísticas fiscais do país.
■Os recursos gastos na forma de subsídios injustificados poderiam ser utilizados para ampliar programas sociais e investimentos públicos em educação, saúde e infra-estrutura.
■O Brasil precisa continuar avançando na direção de uma sociedade mais justa e igualitária, com melhor distribuição de renda.
■Além de deletéria para o desenvolvimento do país, a política de distribuição arbitrária de crédito subsidiado para grandes grupos econômicos é concentradora de renda.

No ambiente econômico do Brasil de hoje, os frutos de um novo empreendimento podem ser facilmente corroídos por mudanças inesperadas nas regras do jogo, pela alta inflação e pelo baixo crescimento econômico. Portanto, não é surpreendente que o investimento tenha colapsado. Sem investimento, o Brasil jamais retomará o seu caminho para o desenvolvimento. E sem desenvolvimento, os avanços sociais obtidos com muito sacrifício ao longo das últimas décadas sofrerão retrocessos.

O Brasil tem sérios desafios pela frente e para enfrentá-los precisamos de um debate transparente e intelectualmente honesto. Ao usar de sua propaganda eleitoral e exposição na mídia para colocar a culpa pelo fraco desempenho econômico recente na conjuntura internacional, se eximindo da sua responsabilidade por escolhas equivocadas de políticas econômicas, o atual governo recorre a argumentos falaciosos.

14 de outubro de 2014

Fontes:
1 Dados retirados do World Economic Outlook, FMI, Outubro de 2014.

2 Dados retirados do sítio da OCDE (http://stats.oecd.org/). Recessão definida como variação negativa do PIB real dessazonalizado nos últimos 2 trimestres com dados disponíveis.

Assinam (em ordem alfabética) os professores abaixo:

Nome Titulação, Instituição Afiliação atual

(1) Ademar Romeiro PhD, EHESS Unicamp
(2) Adriana Bruscato Bortoluzzo Doutor, IME/USP Insper
(3) Afonso Henriques Borges Ferreira PhD, New School Ibmec MG
(4) Alan André Borges da Costa Mestre, UFMG UFOP
(5) Alan Moreira PhD, Chicago Yale University
(6) Alberto Salvo PhD, LSE National University of Singapore
(7) Alesandra de Araújo Benevides Mestre, CAEN/UFC UFC
(8) Ana Beatriz Galvão PhD, Warwick University of Warwick
(9) Anderson Mutter Teixeira Doutor, UnB FACE/UFG
(10) André Carraro Doutor, PPGE/UFRGS PPGOM/UFPel
(11) André da Cunha Bastos Mestre, USP UFG
(12) André Portela Souza PhD, Cornell EESP/FGV
(13) Antonio F. Galvao PhD, Illinois University of Iowa
(14) Antônio Márcio Buainain Doutor, Unicamp Unicamp
(15) Ari Francisco de Araujo Junior Mestre, UFMG Ibmec MG
(16) Arilda Teixeira Doutor, UFRJ Fucape
(17) Arilton Teixeira PhD, Minnesota Fucape
(18) Armando Gomes PhD, Harvard Washington University in St Louis
(19) Aureo de Paula PhD, Princeton University College London e EESP/FGV
(20) Bernardo de Vasconcellos Guimarães PhD, Yale EESP/FGV
(21) Bernardo Soares Blum PhD, UCLA University of Toronto
(22) Braz Ministério de Camargo PhD, UPenn EESP/FGV
(23) Bruno Cara Giovannetti PhD, Columbia FEA/USP
(24) Bruno Cesar Aurichio Ledo Doutor, EPGE/FGV FEA/USP-RP
(25) Bruno Ferman PhD, MIT EESP/FGV
(26) Bruno Funchal Doutor, EPGE/FGV Fucape
(27) Camila F. S. Campos PhD, Yale Insper
(28) Carolina Caetano PhD, Berkeley University of Rochester
(29) Carlos Eduardo Goncalves Doutor, USP FEA/USP
(30) Carlos Eugênio Ellery Lustosa da Costa PhD, Chicago EPGE/FGV
(31) Carlos Viana de Carvalho PhD, Princeton PUC-Rio
(32) Cecilia Machado PhD, Columbia EPGE/FGV
(33) Cézar Augusto Ramos Santos PhD, UPenn EPGE/FGV
(34) Cristian Huse PhD, LSE Stockholm School of Economics
(35) Christiano Arrigoni Coelho Doutor, PUC-Rio Ibmec RJ
(36) Christiano Modesto Penna Doutor, CAEN/UFC CAEN/UFC
(37) Cristina Terra PhD, Princeton Université de Cergy-Pontoise
(38) Claudio Djissey Shikida Doutor, PPGE/UFRGS Ibmec MG
(39) Claudio Ferraz PhD, Berkeley PUC-Rio
(40) Claudio Ribeiro de Lucinda Doutor, EAESP/FGV FEA/USP-RP
(41) Cleyzer Adrian da Cunha Doutor, UFV FACE/UFG
(42) Daniel Barboza Guimarães Doutor, CAEN/UFC UFC
(43) Daniel Bernardo Soares Ferreira PhD, Chicago London School of Economics
(44) Daniel de Abreu Pereira Uhr Doutor, UnB UFPel
(45) Daniel Gottlieb PhD, MIT University of Pennsylvania
(46) Daniel Monte PhD, Yale EESP/FGV
(47) Daniel Oliveira Cajueiro Doutor, ITA UnB
(48) Daniel Ribeiro Carvalho PhD, Harvard University of Southern California
(49) David Turchick Doutor, EPGE/FGV FEA/USP
(50) Eduardo Augusto de Souza-Rodrigues PhD, Yale University of Toronto
(51) Eduardo Correia de Souza Doutor, UFRJ Insper
(52) Eduardo Faingold PhD, UPenn Yale University
(53) Eduardo Fonseca Mendes PhD, Northwestern University of New South Wales
(54) Eduardo Zilberman PhD, NYU PUC-Rio
(55) Elano Ferreira Arruda Doutor, CAEN/UFC CAEN/UFC
(56) Emanuel Ornelas PhD, Wisconsin-Madison London School of Economics e EESP/FGV
(57) Emerson Marinho Doutor, EPGE/FGV CAEN/UFC
(58) Emilson Caputo Delfino Silva PhD, Illinois University of Alberta
(59) Fábio Massaúd Caetano Doutor, PPGE/UFRGS UFPel
(60) Fabio Miessi PhD, LSE FEA/USP
(61) Fabio Orfali Mestre, USP Insper
(62) Felipe Garcia Ribeiro Doutor, EESP/FGV UFPel
(63) Fernando Botelho PhD, Princeton FEA/USP
(64) Fernando Vendramel Ferreira PhD, Berkeley University of Pennsylvania
(65) Flávia Lúcia Chein Feres Doutor, Cedeplar/UFMG PPGEA/UFJF
(66) Francisco Junqueira Moreira da Costa PhD, LSE EPGE/FGV
(67) Gabriel de Abreu Madeira PhD, Chicago FEA/USP
(68) George Henrique de Moura Cunha Doutor, UnB UCB
(69) Geraldo Biasoto Jr Doutor, IE/Unicamp IE/Unicamp
(70) Gil Riella PhD, NYU UnB
(71) Gisele Ferreira Tiryaki PhD, George Mason UFBA
(72) Gregorio Caetano PhD, Berkeley University of Rochester
(73) Guilherme Hamdan Gontijo Mestre, PPGE/UFRGS Ibmec MG
(74) Guilherme Irffi Doutor, CAEN/UFC CAEN/UFC
(75) Gustavo Manso PhD, Stanford University of California, Berkeley
(76) Gustavo Mauricio Gonzaga PhD, Berkeley PUC-Rio
(77) Gustavo Ramos Sampaio PhD, Illinois UFPE
(78) Heitor Almeida PhD, Chicago University of Illinois at Urbana-Champaign
(79) Helder Ferreira de Mendonça Doutor, UFRJ UFF
(80) Jair Andrade Araujo Doutor, CAEN/UFC MAER/UFC
(81) João Manoel Pinho de Mello PhD, Stanford Insper
(82) João Victor Issler PhD, San Diego EPGE/FGV
(83) José A. Rodrigues-Neto PhD, Wisconsin Australian National University
(84) José Coelho Matos Filho Doutor, UnB UFC
(85) José Guilherme de Lara Resende PhD, Chicago UnB
(86) José Maria Ferreira Jardim da Silveira Doutor, Unicamp Unicamp
(87) Juliana Inhasz Doutor, FEA/USP Insper
(88) Juliana Terreiro Salomao PhD, Stanford University of Minessota
(89) Juliano Junqueira Assunção Doutor, PUC-Rio PUC-Rio
(90) Klenio de Souza Barbosa PhD, Toulouse EESP/FGV
(91) Leandro Rocco PhD, Illinois UFC
(92) Leonardo Rezende PhD, Stanford PUC-Rio
(93) Lucas Maestri PhD, Yale EPGE/FGV
(94) Luciana Yeung Luk Tai Doutor, EESP/FGV Insper
(95) Luciano I. de Castro Doutor, IMPA University of Iowa
(96) Luis Henrique Bertolino Braido PhD, Chicago EPGE/FGV
(97) Marcel Scharth PhD, VU University Amsterdam University of New South Wales
(98) Marcelo Arbex PhD, Illinois University of Windsor
(99) Marcelo Cunha Medeiros Doutor, PUC-Rio PUC-Rio
(100) Marcelo de Albuquerque e Mello PhD, Illinois Ibmec RJ
(101) Marcelo de Castro Callado PhD, University of Cologne UFC
(102) Marcelo de Oliveira Passos Doutor, UFPR UFPel
(103) Marcelo Eduardo Alves da Silva PhD, UNC Chapel Hill UFPE
(104) Marcelo Fernandes PhD, Université Libre de Bruxelles EESP/FGV e Queen Mary University of London
(105) Marcelo Rodrigues dos Santos Doutor, EPGE/FGV Insper
(106) Marcelo Savino Portugal PhD, Warwick UFRGS
(107) Marcio Gomes Pinto Garcia PhD, Stanford PUC-Rio
(108) Márcio Veras Corrêa Doutor, Universidade Técnica de Lisboa CAEN/UFC
(109) Marco Bonomo PhD, Princeton Insper
(110) Marcos Costa Holanda PhD, Illinois CAEN/UFC
(111) Marina Mendes Tavares PhD, Minnesota ITAM, Mexico
(112) Mauricio Benegas Doutor, CAEN/UFC CAEN/UFC
(113) Maurício Soares Bugarin PhD, Illinois UnB
(114) Mauro Rodrigues Doutor, UCLA FEA/USP
(115) Marco Aurélio Bittencourt Doutor, UnB UCB
(116) Naercio Aquino Menezes Filho PhD, University of London Insper e FEA/USP
(117) Natalia Piqueira PhD, Princeton University of Houston
(118) Nathalie Gimenes Sanches PhD, Queen Mary University of London FEA/USP
(119) Nelson Camanho da Costa Neto PhD, LSE Catolica Lisbon School of Business & Economics
(120) Nelson Seixas dos Santos Doutor, USP PPGE/UFRGS
(121) Osvaldo Candido da Silva Filho Doutor, UFRGS UCB
(122) Paulo Natenzon PhD, Princeton Washington University in St Louis
(123) Paulo Rogério Faustino Matos Doutor, EPGE/FGV CAEN/UFC
(124) Pedro A. C. Saffi PhD, London Business School University of Cambridge
(125) Pedro Cavalcanti Ferreira PhD, UPenn EPGE/FGV
(126) Pedro H. Albuquerque PhD, Wisconsin-Madison KEDGE Business School
(127) Pedro Hemsley PhD, Toulouse UERJ
(128) Peri Agostinho da Silva Junior PhD, Illinois Kansas State University
(129) Pery Francisco Assis Shikida Doutor, ESALQ/USP Unioeste
(130) Pricila Maziero PhD, Minnesota University of Pennsylvania
(131) Priscila Casari Doutor, ESALQ/USP UFG
(132) Rafael B. Barbosa Doutor, CAEN/UFC Sobral/UFC
(133) Rafael de Vasconcelos Xavier Ferreira Doutor, EPGE/FGV FEA/USP
(134) Rafael Dix Carneiro PhD, Princeton Duke University
(135) Rafael Lopes de Melo PhD, Yale University of Chicago
(136) Regis Augusto Ely Doutor, UnB UFPel
(137) Renata Narita PhD, UCL FEA/USP
(138) Renato Dias de Brito Gomes PhD, Northwestern Université de Toulouse
(139) Renato Fragelli Cardoso Doutor, EPGE/FGV EPGE/FGV
(140) Ricardo A. de Castro Pereira Doutor, EPGE/FGV CAEN/UFC
(141) Ricardo D. O. Brito Doutor, EPGE/FGV Insper
(142) Ricardo de Abreu Madeira PhD, BU FEA/USP
(143) Rinaldo Barcia Fonseca Doutor, Unicamp Unicamp
(144) Roberto Ellery Jr Doutor, UnB UnB
(145) Rodrigo de Losso da Silveira Bueno PhD, Chicago FEA/USP
(146) Rodrigo Lanna Franco da Silveira Doutor, USP IE/Unicamp
(147) Rodrigo Moita PhD, Illinois Insper
(148) Rodrigo Nobre Fernandez Doutor, UFRGS UFPel
(149) Rodrigo R. Soares PhD, Chicago EESP/FGV
(150) Rogério Mazali PhD, Tulane University UCB
(151) Rogério Moreira de Siqueira Mestre, CAEN/UFC UFC
(152) Romero Cavalcanti Barreto da Rocha Doutor, PUC-Rio UFRJ
(153) Ronald Otto Hillbrecht PhD, Illinois PPGE/UFRGS
(154) Rozane Bezerra de Siqueira PhD, UCL UFPE
(155) Ruy Monteiro Ribeiro PhD, Chicago PUC-Rio
(156) Sabino da Silva Porto Júnior Doutor, PPGE/UFRGS UFRGS
(157) Thiago de Oliveira Souza PhD, University of London Southern Denmark University
(158) Tiago V. de V. Cavalcanti PhD, Illinois University of Cambridge
(159) Tiago Couto Berriel PhD, Princeton PUC-Rio
(160) Vander Mendes Lucas PhD, Université Catholique de Louvain UnB
(161) Vinicius Carrasco PhD, Stanford PUC-Rio
(162) Vitor Borges Monteiro Doutor, CAEN/UFC FEAAC/UFC
(163) Vitor Hugo Miro Couto Silva Mestre, CAEN/UFC UFC
(164) Walter Novaes Filho PhD, MIT PUC-Rio

 

Lira Neto, com “Getúlio II”, ganha Prêmio Jabuti

liraneto

O livro “Getúlio – Do governo provisório à ditadura do Estado Novo (1930-1945)”, de autoria do jornalista e escritor cearense Lira Neto, venceu a 56ª edição do Prêmio Jabuti, na categoria biografia. O Jabuti é considerado o mais importante prêmio literário do Brasil.

Em segundo lugar ficou o livro “Wilson Baptista: o samba foi sua glória”, de Rodrigo Alzuguir, e a terceira colocação ficou para Mary Del Priore, com “O castelo de papel”, que conta a história da Princesa Isabel e seu marido, o Conde D’Eu.

Apesar de vencedores de algumas categorias já terem sido anunciados, a cerimônia de entrega acontecerá do Prêmio acontecerá apenas em 18 de novembro, no Auditório Ibirapuera, em São Paulo.

(O POVO Online)