Blog do Eliomar

Categorias para Ceará

Eudes Xavier confirma apoia a Eunício Oliveira

177 4

eudesxxavier

O deputado federal Eudes Xavier (PT), que não conseguiu a reeleição, engajou-se mesmo na campanha de Eunício Oliveira, candidato a governador pelo PMDB.

Ele diz que não tinha condições de estar com o petista Camilo Santana por ele ser apoiado pelos Ferreira Gomes “que sempre nos perseguiram!”. Referiu-se aqui ao grupo da ex-prefeita Luiziannne Lins, no qual se engaja no petismo.

Movimento Crítica Radical lança livro e promove debate sobre teoria crítica de Marx

O Movimento Crítica Radical lançará nesta segunda-feira, às 18h30min, o livro “Tempo e Dominação Social – Uma reinterpretação da teoria crítica de Marx”, do professor Moishe Postone. O evento ocorrerá na sede da ADUFC e contará com um debate do qual participarão Agamenon Almeida e Aécio Oliveira, professores da UFC, e Jorge Paiva, do Crítica Radical.

Moishe Postone esteve em Fortaleza em novembro de 2000, quando participou do Seminário Internacional “Teoria Crítica Radical, A Superação do Capitalismo e a Emancipação Humana” realizado pelo Instituto Filosofia da Praxis. Nessa ocasião,  proferiu a conferência “A Reinterpretação da Teoria Crítica de Marx ao Capitalismo” e participou de mesa redonda com Robert Kurz, Anselm Jappe, Norbert Trenkle e Dieter Heidemann com o tema “A Teoria Crítica Radical Hoje”.

SERVIÇO

Veja aqui o vídeo da conferência: https://www.youtube.com/watch?v=D7b9R1yqlKY#t=912

IX Semana Nacional da Conciliação – Ceará deve realizar 16 mil audiências

nailde

Da Coluna Vertical, no O POVO desta segunda-feira (20):

Quem tiver interesse em cadastrar processos para a IX Semana Nacional da Conciliação que fique atento: o prazo termina no próximo dia 31. O cadastramento deve ser feito no site do Tribunal de Justiça do Estado no link “Quero conciliar”.

A Semana Nacional de Conciliação é uma iniciativa do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e ocorrerá no período de 24 a 28 de novembro. No Ceará, a coordenação está sob a responsabilidade da desembargadora Naílde Pinheiro Nogueira, que destaca: “O objetivo desse mutirão nacional é disseminar a pacificação social, o respeito entre as partes e a celeridade da Justiça”.

A expectativa é de que mais de 16 mil audiências sejam agendadas em todo o Estado.

Servidores do IFCE de Limoeiro do Norte e Tabuleiro do Norte fazem paralisação de advertência

Os servidores dos campi de Limoeiro do Norte e Tabuleiro do Norte, do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE), vão cruzar os braços nesta terça e quarta-feira. Eles reivindicam a revogação da portaria recentemente assinada pela Reitoria do Instituto que modifica a jornada de trabalho dos servidores técnico-administrativos, de 30 para 40 horas semanais. A paralisação, segundo lideranças da categoria, é uma manifestação em favor da continuidade da jornada de 30 horas, implantada pela própria Reitoria do IFCE em 2012, após a greve dos trabalhadores do Instituto naquele ano.

Caso não aconteça a revogação da portaria, os servidores do Campus Limoeiro se reunirão na quinta-feira, em nova assembleia geral, para debater possível indicativo de greve. Já os servidores do Campus Tabuleiro avaliarão, durante os dias de paralisação, a possível realização de nova assembleia, se não houver resposta satisfatória por parte da Reitoria.

TSE autoriza e Ceará terá reforço de tropas federais no 2º turno

O ministro do Tribunal Superior Eleitoral, João Otávio de Noronha, no processo administrativo nº 166727/2014, autorizou a presença de tropas federais nos municípios de Caucaia, Maranguape, Maracanaú, Pacatuba e Fortaleza, no 2º turno das eleições.

A decisão foi comunicada ao Tribunal Regional Eleitoral do Ceará por meio da Mensagem TSE nº 166/2014.  Nela, o ministro destaca que “o governador do Estado do Ceará concorda com o emprego das forças armadas nos municípios indicados pelo TRE-CE. Ademais, as justificativas apresentadas pelo Ministério Público Eleitoral indicam a necessidade de atuação de força federal naquelas localidades”.

Nesta segunda-feira (20), a presidente do TRE-CE, desembargadora Iracema do Vale, enviará ofício ao Comando da 10ª Região Militar e ao Governo do Estado para tratar dos detalhes da integração do contingente da Força Federal, a ser disponibilizado nos municípios cearenses destacados, com o efetivo de segurança do Estado para atuação no 2º turno das eleições.

(TSE)

Termina debate O POVO

eleições 2014 2t opovo debate final

Nas considerações finais, Camilo diz que procurou fazer campanha limpa e pelo debate. Pede que eleitor avalie quem possui mais capacidade para gerir o Ceará. Destaca feitos do governo Cid Gomes e propostas para um próximo governo. Eunício destaca que não tem padrinho e nem chefe. Diz que satisfação de sua ações só será dada ao eleitor. Lembra que o governador Cid não é candidato à reeleição, mas Camilo Santana é o candidato. Agradece receptividade do eleitor.

Camilo e Eunício debatem Fecop

Eunício diz que dinheiro do Fecop (Fundo de Combate à Pobreza) é usado para desapropriar casas e criar cargos em agências. Camilo diz que programa não permite criação de cargos com dinheiro do Fecop. Eunício afirma que Fecop foi criado pelo governador Lúcio Alcântara e que está desvirtuado. Acusa que recurso está sendo usado para o VLT, “que não sai do lugar”. Camilo sugere que Eunício conheça mais o Ceará, pois Fecop foi usado no Minha Casa Minha Vida.

Eunício diz que Camilo “está muito agressivo hoje”

107 1

Camilo afirma que, há 4 meses, Eunício dizia que o governo Cid era o melhor que havia e que indicou cargos no Estado. Eunício diz que Camilo “está muito agressivo hoje”. Afirma que Camilo tenta colocá-lo como governo e que se aprovasse o que está sendo feito não seria candidato. Camilo afirma ter orgulho de fazer parte do governo e que representa a garantia que o que está funcionando não será mudado. Camilo diz que não vai entrar em jogo de acusações, mas de propostas. Lembra que Eunício foi preterido por Cid Gomes.

Eunício afirma que jovem teve queda salarial por falta de capacitação nos últimos 20 anos

Eunício ressalta que 500 mil jovens nem trabalham e nem estudam no Estado. Diz que proposta do Pólo Metal Mecânico de Camilo não atende ao Cariri. Lamenta que nos últimos 20 anos não houve qualificação dos jovens, o que acarretou queda na média salarial dos jovens. Camilo diz que sua proposta atende a todo o Interior.

Camilo destaca investimentos na Saúde

eleições 2014 2t opovo debate camilo

Camilo Santana lembra que 92% da população se dirige ao sistema de saúde pública. Destaca rede de equipamentos na Saúde. Lembra que antes o único investimento era a aquisição de ambulâncias. Fala de parceria com Fortaleza para a construção de seis policlínicas. Diz que vai ampliar sistema. Eunício lamenta que Ceará não tem condições de atender a demanda da população. Diz que discurso de adversário é falácia. Camilo duvida se Eunício tenha um dia entrado em uma policlínica.

Heitor se pronuncia nesta segunda-feira na Assembleia

O deputado Heitor Férrer (PDT) informou por meio de sua página no Facebook que irá se pronunciar nesta segunda-feira (20) (não mais na terça-feira) sobre o vídeo gravado na noite desse sábado (18) em Lavras da Mangabeira.

“Estarei amanhã, na Assembleia Legislativa, para oferecer explicações sobre vídeo gravado em Lavras da Mangabeira, que está sendo pulverizado na Internet de forma descontextualizada. Reafirmo a minha posição de independência tanto no cenário da sucessão estadual como no plano federal”, postou Heitor.

Camilo Santana e Eunício Oliveira encaram primeiro debate do 2º turno

Os candidatos Camilo Santana (PT) e Eunício Oliveira (PMDB), que brigam pela sucessão estadual, se encontrarão neste domingo (19) pela primeira vez em debate na TV O POVO, desde a confirmação da presença dos dois no segundo turno das eleições para o governo do Ceará . Camilo venceu a primeira etapa de maneira apertada, com 47,81% dos votos, enquanto Eunício veio logo depois, com 46,41%.

O encontro, promovido pelo Grupo de Comunicação O POVO, terá início às 18h, na sede do O POVO, na Avenida Aguanambi, e terá uma hora de duração, destinando-se à troca de ideias e apresentações de propostas. Ambos responderão a perguntas elaboradas pela produção do programa, em apenas um bloco, com os demais sendo destinados a um confronto direto entre eles, com candidato perguntando a candidato. As regras foram acertadas na tarde da última quarta-feira, durante reunião de assessores com representantes do Grupo.

Durante cinco blocos, Camilo e Eunício debaterão, em dois deles, temas que dizem respeito à educação, desenvolvimento e emprego, funcionalismo público, recursos hídricos, saúde e segurança pública. Nos outros dois haverá tema livre.

“Para além do enfrentamento político, o próximo governador terá questões muito relevantes a enfrentar, como a segurança pública e a seca. Nós, aqui no O POVO, procuramos fazer um jornalismo que supera o declaratório e apresenta análise consistente dos diversos cenários”, defende o diretor-geral de Jornalismo do Grupo de Comunicação O POVO, Arlen Medina Néri.

Esta semana, um primeiro encontro entre os dois concorrentes foi cancelado depois que um dos candidatos (Eunício Oliveira) não compareceu ao encontro que teria sido programado para a TVC, emissora oficial. Mas o peemedebista disse que comparecerá aos próximos debates, e garantiu não ter sido “avisado” do encontro da última quinta-feira, 16. Na ocasião, Camilo ocupou todo o tempo sozinho, respondendo a perguntas do apresentador, tendo ao seu lado uma cadeira vazia.

(O POVO)