Blog do Eliomar

Categorias para Ceará

Guimarães quer saber “quem é governo e quem não é”

203 3

foto guimarães pt-ce

Ao afirmar que o PT e os aliados no Congresso Nacional buscam consolidar o governo Dilma Rousseff, o líder do governo na Câmara dos Deputados, José Guimarães (PT-CE), quer saber “quem é governo e quem não é”. Segundo o deputado cearense, a presidente sinalizou um diálogo com o Congresso, ao nomear o vice-presidente Michel Temer (PMDB) para a articulação política. “Temos que botar todo mundo na mesa e decidir: quem é governo e quem não é. E fim de papo”, comentou Guimarães.

Para o parlamentar, o governo estaria retomando a confiança dos brasileiros, na economia e no combate à corrupção. “O balanço da Petrobras foi feito com transparência, o dólar despenca abaixo dos R$ 3,00. A economia começa a dar sinais da recuperação na geração de empregos. O pior já passou”, assegurou.

(com informações do site Ceará 247)

Veveu Arruda envia nota de pesar pela morte de Audifax Rios

foto audifax rios

Em nota enviada ao Blog, o prefeito de Sobral, Veveu Arruda (PT), lamenta a morte do escritor e artista plástico Audifax Rios, 69, vítima de infarto nesse sábado (25). Confira:

Manifesto o meu mais profundo lamento pela morte do Audifax, ainda prenhe de vida e vazando de criatividade sertaneja, aguada pelas poucas e generosas águas do Acaraú, que nos faz nascidos em Sobral e em Santana do Acaraú um mesmo povo.

Morreu cedo, em pleno voo criativo. Cores, desenhos, versos, histórias de vitórias e derrotas ou de nenhuma nem de outra, apenas do correr da arte perigosa do viver, na amorosa teimosia vaqueira, era a saga do nosso humanista, artista plástico, escritor, poeta e lutador Audifax Rios, cheio da força simbólica do sertanejo latino americano, filho do sol e da terra alencarina, agora permanecerá para sempre na memória cearense, ao lado do Augusto Ponte e do Airton Monte. Choro.

Ave Audifax

Veveu Arruda

Prefeito de Sobral

Camilo entrega Medalha Abolição e estende homenagem a todos os cearenses

foto camilo medalha abolição 2015

“A definição dos agraciados deste ano me levou a pensar em quantos cearenses fazem diferença nas suas ruas, bairros, localidades e cidades com ações que nem sempre são visíveis, mas que são fundamentais para mantermos nossas crianças nas escolas, ou prevenir doenças, ou melhorar a qualidade de vida de nossos irmãos e irmãs”.

Foi assim, ampliando o foco para todos os cearenses, que o governador Camilo Santana exemplificou o perfil dos três homenageados com a Medalha da Abolição de 2015: o arquiteto, compositor e poeta Fausto Nilo; a farmacêutica bioquímica Maria da Penha Maia Fernandes, que empresta seu nome à Lei Maria da Penha; e o médico responsável pelo programa de transplante de fígado no Estado, José Huygens Parente Garcia.

Os três receberam a maior comenda concedida pelo Estado do Ceará das mãos do governador e da vice-governadora, Izolda Cela, em solenidade realizada no Palácio da Abolição, na noite desse sábado (25).

Durante a solenidade, Camilo Santana destacou a relevância do trabalho prestado pelos agraciados, sem deixar de ressaltar que todos os méritos não seriam possíveis sem a boa aceitação dos que os acompanham. “Toda esta reflexão me leva a dizer a vocês, Maria da Penha, Dr. José Huygens e Fausto Nilo, que esta comenda tem uma simbologia muito importante. Para mim, entregar a Medalha da Abolição para vocês significa agraciar a todos os cearenses que fizeram e fazem parte da história de vocês e de nosso Estado. Por favor, levem com vocês o meu agradecimento a cada um deles”, disse.

A comenda, instituída em 1963, reconhece o trabalho relevante de brasileiros para o Estado do Ceará ou para o Brasil. Com os três agraciados de 2015, 158 personalidades do País foram homenageadas. A escolha é feita por uma comissão, instituída em um decreto. Essa comissão avalia o conjunto de nomes e resolve conceder, dentre esses nomes, a medalha para aqueles que mais se destacaram.

(Governo do Ceará)

Entrosamento entre Governo e Polícia abre novo momento na segurança pública

272 10

Em artigo enviado ao Blog, o delegado César Wagner destaca o reconhecimento do governador Camilo Santana na valorização do policial. Confira:

Foi com uma sensação de extrema satisfação que pude observar na última quinta-feira na solenidade presidida pelo governador Camilo Santana no Palácio da Abolição o início de um resgate do reconhecimento da Instituição Polícia Civil e da valorização do homem policial.

Ali em clima de muita energia estavam inspetores escrivães, delegados, desembargadores e diversas e representativas autoridades militares e civis.

O que se viu foi um bom entrosamento entre governo e policiais civis, estes capitaneados com maestria pelo Delegado Geral, e a leveza de um Secretário de Segurança, que demonstra uma presença de verdadeiro líder no comando da pasta.

Promoções foram anunciadas e seus contemplados reconhecidos, outorga da medalha do mérito policial civil a destacados profissionais deram um brilho que há muito tempo não se via no seio da Instituição.

Mas o ponto alto se deu quando a medalha foi entregue in memoriam do inspetor Tonny Italo, à sua genitora Gláucia Lima que em poucas palavras fez vibrar as almas e corações de todos os presentes. Mulher forte e guerreira.

Não é por acaso que os primeiros resultados já estão acontecendo. Temos um norte, um planejamento, um líder maior que se envolve com todo o compromisso e coração, que convida os mais diferentes setores a sentar em uma mesa para participarem ativamente do Ceará Pacífico, que busca incessantemente através das melhores cabeças projetos exitosos em outros Estados, que se aproximou do homem policial com diálogo franco e consistente e com breve revisão da política salarial e que a cada dia fortalece a Polícia do Ceará.

Os policiais vêm se unindo firmemente e não tenho dúvida que a sociedade será contemplada com mais segurança e tranquilidade à medida que as ações forem sendo implementadas. Novas já foram anunciadas.

Precisamos todos apoiar este novo e importante momento na segurança pública.

Camilo Santana entrega neste sábado Medalha da Abolição

O Governo do Ceará realiza no início da noite deste sábado (25) a entrega da Medalha da Abolição: a maior comenda concedida pelo Estado. A solenidade de entrega será presidida pelo Governador Camilo Santana, no Palácio da Abolição.

Em 2015, são três homenageados: o arquiteto, urbanista, compositor e poeta Fausto Nilo; a farmacêutica bioquímica Maria da Penha Maia Fernandes, que empresta seu nome à Lei Maria da Penha, e o médico, doutor, especialista e responsável pelo programa de transplante de fígado no Estado, José Huygens Parente Garcia.

“A escolha é feita por uma comissão, instituída em um decreto. Essa comissão avalia o conjunto de nomes e resolve conceder, dentre esses nomes, a medalha para aqueles que mais se destacaram”, explica o chefe de gabinete do governador Camilo Santana, Élcio Batista. Ele acrescenta que essa comissão é formada todos os anos para verificar se as pessoas que estão sendo indicadas têm o mérito, o trabalho que, portanto, fazem com que elas sejam merecedoras da mais alta comenda do Estado do Ceará.

A comenda, instituída em 1963, reconhece o trabalho relevante de brasileiros para o Estado do Ceará ou para o Brasil. Até o ano passado, 155 personalidades do País foram homenageadas.

(Governo do Ceará)

Empresário espera qualificar turismo de eventos no Litoral Leste

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=RuQDbD9bD7s[/youtube]

O empresário Luís Nogueira, idealizador do Chega Mais Beach, espera qualificar o turismo de eventos no Litoral Leste do Ceará. Segundo o empresário, o empreendimento em Canoa Quebrada, no município de Aracati, é diferenciado no ramo de maior crescimento do turismo brasileiro.

Canoa Quebrada ganha novo empreendimento na próxima semana

foto canoa quebrada empreendimento

Canoa Quebrada, no município de Aracati, litoral Leste do Ceará, ganha na próxima quinta-feira (30) o Chega Mais Beach Empreendimentos, que possui característica ecológica. Há mais de duas décadas, o investimento funcionava como barraca, mas conseguiu um investimento de R$ 800 mil para exposições ecológicas diárias, das 9 horas às 17h30min, além de servir para a promoção de eventos durante a noite. O empreendimento também conta com água reaproveitada e o replantio de 80 coqueiros e 30 bananeiras.

Neste sábado (25), uma exposição é apresentada para a imprensa do Ceará e do Rio Grande do Norte, além do debate sobre questões técnicas, ambientais e de saneamento. O Blog participa.

(Foto: Paulo MOska)

Visitas de Camilo Santana ao Cocó visam potencializar uso turístico do parque

346 3

foto camilo cocó árvore

Da Coluna Política, no O POVO deste sábado (25), pelo jornalista Érico Firmo:

São bem-vindas as visitas feitas nesta semana pelo governador Camilo Santana (PT) ao Cocó, no domingo – acompanhado do prefeito Roberto Cláudio (Pros) – e no feriado de terça-feira. Mais que uma boa opção de lazer em dias de folga, demonstra a presença do governante num dos maiores patrimônios ambientais da Capital e do Estado. É importante que os gestores conheçam e interajam com os espaços públicos, para além dos números em planilhas a que muitas vezes esses lugares são resumidos, do ponto de vista dos administradores.

Camilo tem feito discurso no sentido de potencializar o uso turístico do Cocó. É uma boa ideia. Quanto mais gente conhecer, usar e valorizar os espaços, mais protegidos eles tendem a ser. Outra vantagem é levar a experiência dos visitantes para além das praias e das lojas. Estimular o turismo ambiental pode ser um grande ganho para a relação do Ceará com quem vem de fora. Estabelecer relações menos predatórias. Se ainda trouxer ganho para a economia do Estado, tanto melhor.

A pena é a ideia subjacente de que, para proteger e valorizar o Cocó, é preciso transformá-lo em atrativo turístico. O que representa para os fortalezenses talvez não seja o bastante. É preciso o reconhecimento externo.

Jornalista faz show em roda de samba no dia do aniversário

foto demétrio jornalista

O jornalista Demétrio Andrade se apresenta na noite deste sábado (25), a partir das 21 horas, no Buoni Amici´s, no Dragão do Mar, na Praia de Iracema, no dia em que completa 46 anos de idade.

Devoto de São Jorge, Demétrio se apresenta tocando samba com o grupo Academia, há mais de uma década.

VAMOS NÓS – Parabéns a Demétrio, grande caráter e grande profissional.

TCE Ceará inscreve para curso de Direito Administrativo aplicado à Gestão Pública

275 1

Estão abertas as inscrições para o Curso de Extensão em Direito Administrativo aplicado à Gestão Pública, na modalidade à distância. A qualificação é ofertada pelo Instituto Plácido Castelo (IPC), Escola de Gestão do Tribunal de Contas do Estado do Ceará. A qualificação abordará conceitos e legislações pertinentes ao assunto.

Durante 30 horas, o procurador do Banco Central do Brasil, João Marcelo Rego Magalhães, capacitará servidores do TCE Ceará, jurisdicionados e a sociedade. Entre os principais objetivos estão os de compreender o regime jurídico próprio da administração pública, captar a importância dos princípios constitucionais, entender o motivo e o alcance das prerrogativas especiais da administração pública, manipular processos administrativos.

A pré-inscrição é gratuita e deve ser realizada até o dia 7 de maio, por meio do Sistema de Gestão Educacional, disponível no portal da Escola de Contas (www.ipc.tce.ce.gov.br). A capacitação acontecerá entre os dias 11 de maio e 15 de junho, através do Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA).

(TCE)

Prefeito de Sobral conhece na Colômbia projeto de combate às drogas

foto veveu colômbia

O prefeito de Sobral, Veveu Arruda (PT), se encontra na Colômbia até este domingo (26), onde conhece programas voltados ao combate às drogas e à violência urbana. Até a década passada, a cidade de Medelín era uma das mais violentas do mundo e atualmente serve de modelo para o mundo, após a execução de políticas públicas em matéria de segurança com medidas e estratégias provenientes da perspectiva da segurança cidadã, além da requalificação dos espaços públicos.

Entre esses projetos está o incentivo à leitura, por meio da construção e requalificação de bibliotecas públicas, quando crianças são as principais frequentadoras, acompanhadas pelos pais. Segundo Veveu Arruda, Sobral se identifica com os projetos voltados à Educação, depois que o município foi apontado como um dos melhores índices do país.

Na Colômbia, Veveu Arruda foi recebido pela primeira secretária da Embaixada Brasileira, Bertha Gadelha.

(Foto: Divulgação)

Bancada federal quer discutir orçamento 2015 com Camilo Santana

camiloror

Da Coluna Vertical, no O POVO deste sábado (25):

A bancada federal do Ceará quer um encontro com o governador Camilo Santana (PT). Segundo o coordenador-geral José Airton (PT), hora de começar a discutir quais as prioridades da gestão diante do cenário de muitos contingenciamentos previstos pelo governo federal em se tratando de orçamento geral 2015.

O parlamentar defende a tese de que a bancada e o governador devem fechar unidade em torno de projetos prioritários como o Cinturão das Águas, por exemplo, além de trabalhar por maior aporte financeiro nos quesitos saúde e convivência com a seca.

Camilo até que chegou a marcar um almoço com a bancada, mas acabou adiando por questão de agenda. Nesse encontro, o apoio ao governo, via emendas individuais, deve também constar na pauta. Cada parlamentar dispõe de R$ 10 milhões, uma bufunfa muito boa, por sinal.

Acrísio Sena denuncia vandalismo na Praça da Gentilândia

419 4

estatututa

O que é isso mesmo? O que fizeram com o busto que fica na praça da Gentilândia, em Fortaleza? Indaga o vereador Acrísio Sena (PT), que passou pelo local, nesta sexta-feira.

Para ele, puro vandalismo e desrespeito ao patrimônio histórico e cultural da cidade. “Isso demonstra o nível de ignorância cultural e, acima de tudo, a banalização da história do nosso povo”.

Camilo ouve reivindicações do Sindicato dos Policiais Civis

318 2

delelgg

O governador Camilo Santana recebeu, nesta sexta-feira, no Palácio da Abolição, a diretoria do Sindicato dos Policiais Civis do Estado do Ceará (Sinpol). Na ocasião, foram discutidas melhorias para a categoria e formas de aprimorar os trabalhos dos delegados, escrivães e inspetores.

Os secretários Élcio Batista (Chefia de Gabinete), Delci Teixeira (Segurança), Hugo Figueiredo (Planejamento) e Mauro Filho (Fazenda) e o delegado-geral da Polícia Civil, Andrade Júnior, participaram do encontro.

Camilo prossegue sua tarefa de estabilizar a área da segurança pública que, na gestão passada, era um dos setores mais traumáticos. Em termos de Polícia Militar, ele já mandou para a Assembleia Legislativa mensagem corrigindo distorções no plano das promoções de PMs e bombeiros.

(Foto – Carlos Gibaja)

O que havia por trás das manifestações contra Dilma

251 6

Com o título “Por que os golpistas anunciaram abandonar as ruas?”, eis artigo do professor Uribam Xavier, do Departamento de Ciências Socais da UFC. Ele cita que grupos organizados atuaram nas mobilizações contra o Governo Dilma, com interesses outros que fugiram ao clima de protesto espontâneo dos brasileiros. Confira:

As mobilizações do dia 15 de março surpreenderam pela quantidade de participantes presentes nas ruas de várias cidades do país. Porém, seu centro não foi reivindicatório, mas de protesto contra a corrupção. Tentou-se passar a ideia de que se tratava de um movimento espontâneo de catarse contra a situação em que se encontra o país, expressado nas cores verde e amarelo, sem estrutura de apoio ou organização, algo semelhante ao ocorrido em junho de 2013.

O argumento de um movimento espontâneo passou a ser desmontado já nas disputas para afirmar o número de participantes em cada cidade. A imprensa, ao divulgar os números, registrava, ao mesmo tempo, o número de participantes anunciado pela polícia e o anunciado pelos organizadores. Esses anunciavam sempre um número bem maior do que o anunciado pela polícia e são os que financiaram os carros de som, a manutenção de blog para mobilizar gente, a confecção de faixas, o aluguel de ônibus para levar gente, tudo igualzinho como fazem os partidos e sindicatos de esquerda. Claro que essa mobilização teve efeito multiplicador e muita gente foi aderindo, se mobilizando e fazendo seus próprios cartazes.

Quem são os principais organizadores? São três os principais:

Movimento Brasil Livre – MBL, organização fundada em 2014 com o objetivo de promover a economia de mercado [neoliberalismo] como solução para o país. Alguns de seus membros são filiados ao Instituto Liberal e ao Instituto Von Mises. Em 2014, eles apoiaram a candidatura de Aécio Neves; e para 2015, eles têm como objetivo derrubar o governo Dilma e consolidar o fora PT como forma de desgastar o nome do ex-presidente Lula como candidato pós-Dilma. Em seu site, apoiam claramente o impeachment;

Estudantes Pela Liberdade – EPL, uma OSCIP brasileira filiada ao Students For Liberty, organização financiada pelos irmãos Hoch [David Hoch e Chales Hoch], que têm como negócio atividades no ramo da exploração de petróleo, gás, oleodutos, refinarias e produção de produtos químicos e fertilizantes. O interesse dos irmãos Hoch no Brasil é a Petrobras;

Movimento Vem Pra Rua, que criou outros movimentos virtuais, paga blogueiros para postar mensagens e fazer mobilizações. É ligado ao PSDB e tem como objetivo fazer oposição ao governo e ao PT.

Bem, se alguém pensou que as mobilizações de 15 de março e 12 de abril foram o reflexo da pura indignação de cidadãos contra a corrupção, enganou-se totalmente, e ainda foi manipulado em seus sentimentos por interesses outros que não são o combate à corrupção no país. E os manipuladores de subjetividades ingênuas apresentaram, no dia 15 de abril, em Brasília, uma “Carta do Povo Brasileiro” para parlamentares e partidos citados em vários escândalos de corrupção. Essa carta é o marco do abandono das mobilizações de ruas e a estreia na sua nova estratégia: o lobby político junto ao Congresso Nacional.

E por que os organizadores das mobilizações abandonaram as ruas?

Penso que foi porque as ruas passaram a ter um tom forte contra a corrupção e não ao real interesse dos organizadores. Além disso, o escândalo das contas secretas no HSBC e a Operação Zelotes [pagamento de propina para aliviar as multas tributárias de rentistas e empresários], escândalos bem mais graves que o do Petrolão, onde muitos dos aliados dos organizadores estão envolvidos, não foram nem mencionados pelas entidades organizadoras das mobilizações. Não foi gratuito, portanto, que, nas manifestações do dia 12 de abril, alguns manifestantes carregaram cartazes que diziam que “sonegação não é crime”.

Somam-se a isso o fato de que as mobilizações do dia 12 de abril foram bem menores que as primeiras, embora muito significativas e com uma capacidade bem maior que a dos grupos de esquerda, porém trouxe uma diversidade de reivindicações, não foi só protesto. Essas reivindicações foram ignoradas pelos meios de comunicação que, fazendo coro com o objetivo dos organizadores, sintetizaram tudo no tripé: fim da corrupção, fora Dilma e fora PT. Acho que os organizadores pressentiram que poderiam perder a disputa nas ruas, que as mobilizações poderiam virar um movimento forte contra a corrupção e não contra a derrubada do governo.

Além disso, pesquisa do Datafolha, realizada no dia 12 de abril, demonstrou o seguinte: no dia 15 de março, 83% dos participantes nas mobilizações eram eleitores de Aécio Neves; já no dia 12 de abril, 82%, ou seja, nas duas manifestações, a maioria era de eleitores de Aécio Neves [PSDB]; e mais, apenas 15% do total dos participantes saíram de casa com a intenção de pedir o impeachment da Dilma. Esses dados podem ter orientado os organizadores a optarem pelo lobby político junto aos setores conservadores e corruptos do Congresso Nacional para darem continuidade ao seu único objetivo estratégico: o pedido de impeachment contra a presidente Dilma. Pois os organizadores das manifestações são defensores do capitalismo, e o capitalismo só funciona nos grandes negócios, nacionais e internacionais, movido pela corrupção e pela propina. A ideologia do livre mercado é conversa para boi dormir.

* Uribam Xavier

Professor do Departamento de Ciências Sociais da UFC.

Cartunista Mino lança a Rivista nº 157

minoo

Jocasta Saraiva, Amanda Alboino e Mino (Editora Riso) e colaborador Giovani Loiola.

Lançada, nessa quinta-feira (23), a 157ª edição da Rivista, publicação mensal do artista Hermínio Castelo Branco, o “Mino”. O evento foi prestigiado por colaboradores e a equipe da Editora Riso.

O lançamento marca uma nova fase da editora e da publicação que, neste 2015, completa 15 anos de atividades.

Poemas, fábulas, artigos sobre psicologia, filosofia, história da arte e quadrinhos estão entre os assuntos abordados pelo próprio Mino e pelos articulistas.

SERVIÇO

* Para mais informações sobre como adquirir a revista, os interessados podem acessar a fanpagewww.facebook.com/RivistadoMino.

PSDB nacional difunde discurso contraditório de Dilma

peso-e-medidas-diferentes-para-pt-e-psdb_charge-amarildo1

O PSDB cearense iniciará nesta noite de sexta-feira, por meio do rádio e da televisão, sua propaganda partidária. Desta vez, com uma novidade: o discurso do programa será nacionalizado.

Segundo assessores tucanos, o partido fará comparações do que a presidente Dilma Rousseff prometeu em palanque com o que ela tem feito neste começo de gestão.

A ordem é expor as contradições de Dilma e, claro, a onda de corrupção que se abateu sobre a Petrobras e que desgasta também o PT.