Blog do Eliomar

Categorias para Ceará

Metrofor – Tarifas vão ficar mais caros a partir desta sexta-feira

309 1

metro_fortaleza_01_0

Da Assessoria de Imprensa Companhia Cearense de Transportes Metropolitanos, recebemos a seguinte nota:

A Companhia Cearense de Transportes Metropolitanos, por meio de sua assessoria de imprensa, informa que a partir da próxima sexta-feira, 20 de março, passará a valer na Linha Sul o valor da nova tarifa, de R$ 2,40 a inteira e R$ 1,20 a meia passagem. O decreto autorizativo de número 31.683 foi publicado no dia 12 de março.

O novo valor da Linha Sul, que vai da estação Chico da Silva (Centro de Fortaleza) à estação Carlito Benevides (Pacatuba), servirá para cobrir custos dos insumos com a energia elétrica, operação e manutenção da linha; e para restabelecer a equivalência com o sistema de ônibus
de Fortaleza.

Quando iniciou de forma comercial as atividades, em outubro do ano passado, o valor cobrado, de R$ 2,20 a inteira e R$ 1,10 a meia, era equivalente ao cobrado nos ônibus de Fortaleza, que reajustaram os valores da tarifa em janeiro deste ano, enquanto o Metrofor atualiza os valores a partir deste dia 20.

* Assessoria de Imprensa
Companhia Cearense de Transportes Metropolitanos – Metrofor.

Líder do DEM: Que Cid se demita, seja demitido ou os 400 se assumam como achacadores

mendonmça

Os lideres partidários estão ocupando, nesta tarde de quarta-feira, a tribuna para analisar a fala do ministro da Educação, Cid Gomes (Pros).

O líder do DEM na Câmara, Mendonça Filho (PE), após ouvir a explanação, afirmou que só havia três opções pós a frase de “300 a 400 achacadores”: renunciar do cargo, ser demitido pela presidente Dilma Rousseff ou os cerca de 400 parlamentares se assumirem como achacadores.

Cid se desculpa, mas critica viagem de deputados a hospital. Eduardo Cunha encerra fala do ministro

cidgom,

“Eu sou parlamentarista e acho que quem é governo deve ter a responsabilidade com o governo e é isso o que induz o Parlamentarismo. Se não tem maioria, perde-se a eleição, muda-se o primeiro-ministro. Portanto, me perdoem… não quis agredir ninguém, muito menos a Instituição”, disse o ministro da Educação, Cid Gomes. Ele fez essa declaração durante sessão da Câmara, nesta tarde de quarta-feira. Pediu perdão se alguém vestiu a carapuça.

Cid Gomes ali foi convocado para dar explicações sobre frase de que na Câmara há “de 300 a 400 achacadores”.

O ministro da Educação fez questão de dizer que  nunca fugiu de suas responsabilidade. Explicou que não foi à Casa, na primeira convocação da Câmara, porque teve problemas sérios de sinusite, consequência de problemas com o clima nos EUA. Disse que estava à beira de uma pneumonia. Sobre a informação de que uma comissão de deputados iria ao Hospital Albert Einstein constatar se era verdade seu problema de saúde, pediu que a Casa apurasse a despesa da viagem dessa comissão até São Paulo.

O presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB/RJ), deu por encerrada a fala de Cid Gomes e pediu aos seguranças para que retirem do plenário quem não for parlamentar. Também informou que será dada vez aos líderes partidários a inquirir o ministro. Cunha aproveitou para adiantar que a viagem da comissão foi sem ônus para  Casa “que se dá ao respeito!”, numa indireta ao ministro.

Cid explica sobre “achacadores”, mas atiça: “larguem o osso, saiam do governo!”

cidgom,

Cid Gomes, ministro da Educação, que fala na Câmara dos Deputados, informou em sessão para a qual foi convocado, que em Belém (PA), foi surpreendido por um ato de protesto dos estudantes. Disse que pediu ao reitor para ouvir os alunos e suas queixas, em encontro reservado.

A sala da reitoria da universidade do Pará, por pelo menos uma hora, foi o local onde Cid Gomes disse que ouviu os alunos e seus questionamentos.

“Eu não tenho dom de prever o futuro, mas se alguém teve acesso a uma gravação não autorizada, mas que não reflete a minha opinião pública, eu não tenho direito de negar a tantos quantos mais de 20 anos confiaram e acreditaram em mim eu não tenho como negar, num ambiente reservado, num contexto, falei no gabinete do reitor e numa sala fechada ao público”, expôs Cid Gomes.

Ainda em conversa com os alunos, Cid lamentou que não podia ter corte de verbas de universidade, porque os parlamentares federais ainda não tinham aprovado o Orçamento Geral da União. Dos jovens, ouviu a frase de que o governo não aprovava esse mesmo orçamento porque não queria, no que lembrou que o País vive democracia e não monarquia ou absolutismo.

Cid disse ter informado, nesse encontro com os alunos, que o Executivo havia mandado o Orçamento. Instado outra vez sobre falta de vontade oficial, o ministro então reagiu e disse que, pelo número dos partidos aliados, o governo tranquilamente teria maioria à vontade na Câmara. “No entanto, dizia eu como manifestação de opinião pessoal – fiz essa ressalva, que quem falava ali não era ministro – mas a pessoa física que tem grande respeito pelo Parlamento, onde comecei minha vida e tive os maiores aprendizados da minha vida. Infelizmente disse: a Câmara tem cerca de 400, afirmação despretensiosa, disse 300 que pra eles… quanto pior, melhor! (um parlamentar reagiu), no que o ministro lembrou que a Casa o chamou ali para dar suas explicações. (nessa hora ganhou aplausos).

Um parlamentar pediu para que o ministro fosse logo perdoado, no que Cid disse que sempre respeitou a Casa, embora não concorde com alguns que, às vezes, tenha uma posição de oportunismo… (reações de parlamentares).. Que larguem o osso, saiam do governo …(reações de parlamentares).

Cid Gomes fala na Câmara. Ainda não cita os “achacadores”

cidgom,

O ministro Cid Gomes (Educação) está falando na Câmara dos Deputados nesta tarde de quarta-feira. Ali, fora convocado para dar explicações sobre a declaração de que “há de 300 a 400 achacadores” na Câmara. Cid abriu os trabalhando expondo sua trajetória política de líder estudantil, deputado que presidiu a Assembleia Legislativa, prefeito de Sobral reeleito com votação recorde e governador do Ceará também reeleito. Isso, após morar nos EUA por um ano.

Cid Gomes destacou índices de aprovação em todos os setores políticos e destacou que encerrou oito anos de governo com apoio de 36 de 46 deputados estaduais. “Portanto, senhores deputados, a minha relação com o Parlamento é respeitosa, construtiva… Eu, sinceramente, esperava vir a estra Casa para falar do Plano Nacional de Educação, projeto que vocês aprovaram e que foi sancionado pela presidente Dila”, acentuou o ministro.

Também disse que poderia ali falar sobre o Fies, financiamento público que dá oportunidade ao jovem pobre de cursar a universidade. Expondo dados, garantiu que o Fies está assegurado de fato para matrículas em cursos de qualidade, com conceito 5, que terão pronto atendimento e que cursos com conceito 4, casos do Nordeste, possam ter essa oportunidade.

“Eu teria muito mais prazer de estar nesta Casa para falar de programas que estamos implementando na educação”, acentuou o ministro, reiterando que teria mais prazer ainda de ali estar para falar sobre o Enem Digital. Cid elencou novos dados sobre o exame.

Sobre o objeto da convocação – o caso dos “achacadores”, disse que sua fala não foi feita em local público e que não seria motivo de proselitismo. Disse que como ministro tem a obrigação de ter relação respeitosa com o Congresso. Informou que havia reservado as sextas-feiras para visitar o Brasil e cobrar melhor qualidade da educação básica em qualquer dos mais de cinco mil e 500 municípios brasileiros. Lamentou que o País tem menos de 2% da matrícula básica. “Mais de 98% das matrículas da educação básica no País estão sob responsabilidade dos Estados e Municípios e cada um com seu sistema próprio”, observou, ressaltando que om Plano Nacional de Educação  deve criar uma base curricular comum – respeitando as realidades, e resolver essa distorção.

 

Dia de São José em clima de Dia do Artesão

primeiradda

Onélia na 51ª Feira do Artesanato da Ceart, em Juazeiro do Norte.

Em comemoração ao Dia do Artesão, neste 19 de março, a primeira-dama do Estado, Onélia Leite, decidiu entregar, nos próximos dias, computadores a 48 entidades artesanais de 40 municípios. Segundo Onélia, esses computadores servirão de instrumento para o artesão ampliar os canais de comercialização, além de ajudar na pesquisa de mercado, servindo ainda para fazer o mapeamento dos concorrentes, de fornecedores e tomar conhecimento sobre as tendências.

Os equipamentos também será utilizado para a implantação do Sistema de Certificação de Autenticidade do Produto Artesanal que será realizado pelo gabinete da Primeira-Dama até o primeiro semestre deste ano. “Este sistema, implantado pela Central de Artesanato do Ceará (Ceart), trará grandes avanços para o nosso artesanato”, disse Onélia.

O sistema de certificação promoverá benefícios como a garantia de qualidade e autenticidade da produção artesanal; proteção do artesanato cearense da contrafação e da concorrência desigual de produtos similares; promoção da confiança do consumidor através do título de reconhecimento, facilitando a identificação dos produtos artesanais com os industriais; além de possibilitar ampliação de mercados para os produtos artesanais do Ceará.

DETALHE – Cerca de R$ 2,25 milhões foram garantidos no Monitoramento de Ações e Programas Prioritários (MAPP) deste ano para ações no segmento do artesanato.

(Foto – Divulgação)

Cid Gomes já está na Câmara dos Deputados

162 2

O ministro Cid Gomes (Educação) chegou agora há pouco na Câmara dos Deputados. Ali, dará explicações sobre declaração de que na Câmara há “de 300 a 400 achacadores”.

O que chamou a atenção foi o número de pessoas acompanhando Cid na Casa: o governador Camilo Santana, o presidente da Assembleia, Zezinho Albuquerque, o presidente da Câmara Municipal, Salmito Filho, vários prefeitos como Clodoveu Arruda, de Sobral, Antonio José Albuquerque, de Massapê, e Expedito Nascimento, presidente da Aprece, além de deputados estaduais como Professor Teodoro, Welington Landim, Sergio Aguiar e até secretários estaduais como Osmar Baquit, da Pesca e Aquicultura, além de alguns empresários.

A turma da mídia de Brasília dizia nunca ter visto tamanho séquito e outros queriam saber se a conta da viagem saia do bolso do contribuinte cearense.

Presidente da Fiec inclui Pacto Federativo na pauta da Confederação Nacional da Indústria

danilfore

O presidente da Federação das Indústrias do Ceará (Fiec), Beto Studart, que também comanda o Conselho Temático de Integração Nacional da CNI, colocará em pauta o tema “Pacto Federativo”. Isso ocorrerá na próxima terça-feira, em Brasília, durante reunião desse conselho.

O deputado federal Danilo Forte (PMDB), presidente da Comissão Especial do Pacto Federativo da Câmara, foi convidado e vai expor o tema. A ordem é trabalhar politicamente pela descentralização do dinheiro da União.

Decon cobra de operadoras de telefonia aplicação do regulamento de direitos do consumidor

193 1

telefoniua

O Decon expediu, nesta quarta-feira, um ofício para as operadoras de telefonia cobrando a aplicação do Regulamento Geral de Direitos do Consumidor de Serviços de Telecomunicações, o RGC (Resolução nº 632/2014), que entrou em vigor no último dia 10. A medida objetiva aumentar a autonomia do consumidor de serviços de telecomunicações e promover a transparência nas relações de consumo no setor. Outras obrigações entrarão em vigência em períodos escalonados, e o regulamento estará totalmente implantado em março de 2016.

O Decon deu um prazo de 10 dias para que as empresa OI, TIM, CLARO, VIVO, MULTIPLAY e GVT apresentem as medidas que estão sendo adotadas para cumprir a RGC. Entre outras regras que entram em vigor, o regulamento traz a obrigatoriedade de as prestadoras serem mais claras ao ofertarem serviços; o estabelecimento de um prazo de validade mínima de 30 dias para os créditos de telefonia pré-paga e a obrigação de as promoções serem válidas para novos e antigos clientes.

Em relação ao atendimento, destacam-se a obrigação de as prestadoras disponibilizarem mecanismos para que o consumidor cancele seu contrato sem a necessidade de falar com o atendente e a obrigação de a Central de Atendimento Telefônico retornar as ligações ao consumidor caso ela sofra uma interrupção durante o contato com o atendente.

(Com MP-CE)

Carreata dos taxistas estaciona na Câmara Municipal

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=00wiBH9x04U[/youtube]

A carreata dos taxistas estacionou agora há pouco na Câmara Municipal de Fortaleza, depois de ter percorrido vários pontos da Capital. O objetivo é protestar contra qualquer tipo de projeto que aponte para a regularização dos chamados táxis piratas.

O presidente do Sinditáxi, Vicente de Paula Oliveira, em conversa com a reportagem do Blog diz que não é justo que se busque a legalização de uma concorrência desleal de gente que usa carro particular.

Camilo Santana acompanha anúncio de pacote anticorrupção em Brasília

O governador do Ceará, Camilo Santana (PT), acompanha nesta quarta-feira (18) o anúncio do pacote anticorrupção, em Brasília, que será feito pela presidente Dilma Rousseff (PT).

A expectativa é que as medidas duras contra a corrupção no país aliviem a queda de popularidade da presidente Dilma, abalada pelas manifestações do último domingo (15).

Dia de São José – Camilo anunciará ações para os Inhamuns durante evento em Tauá

camilodiol

O governador Camilo Santana (PT) vai estar em Tauá, nesta quinta-feira, o Dia de São José, para anunciar as ações do Projeto São José na Região dos Inhamuns. O evento ocorrerá a partir das 8h30min, no Parque da Cidade.

A expectativa é que sejam divulgadas medidas de garantia de abastecimento de água para as populações urbana e rural da região, que enfrenta um longo período de estiagem, bem como o lançamento do Hora de Plantar, Seguro-Safra é demais ações para as famílias do campo.

Camilo será recebido pela prefeita Patrícia Aguiar (PMDB), pelo deputado federal Domingos Neto (Pros) e pelo deputado estadual Odilon Aguiar (Pros0, além de lideranças políticas das regiões dos Inhamuns e Sertões de Crateús.

Cid está pronto para falar, mas não vai aceitar desaforo

143 1

foto opovo cid gomes 141107

“Gente próxima do ministro da Educação, Cid Gomes (Pros), comentava ontem na Câmara que é bom o presidente da Casa, Eduardo Cunha (PMDB/RJ), preparar os ouvidos, caso tente montar em cima do ministro hoje, às 15 horas.

Cid até pode se desculpar de ter chamado os deputados de achacadores, mas não vai tolerar nenhuma tentativa de Cunha de tentar humilhá-lo. Nessa hipótese, ele parte para cima de Cunha:

– Vai ser como o Fernando Gabeira contra o Severino Cavalcanti.”

(Coluna Radar, da Veja Online)

Hemoce – MPF consegue suspensão de convênio do órgão com a iniciativa privada

foto oscar costa filho

O Ministério Público Federal (MPF), por procurador da república Oscar Costa Filho, pediu a suspensão do convênio firmado entre a Secretaria Estadual da Saúde (Sesa) e o Centro de Hematologia e Hemoterapia do Ceará (Hemoce) com a rede privada de saúde e que prevê o fornecimento de bolsas de sangue e hemocomponentes, mediante ressarcimento.

A Sesa e Hemoce acataram pedido do MPF e decidiram suspender os serviços à Unimed até que o Tribunal de Contas do Estado (TCE) analise recurso que questiona a legalidade da resolução que autorizou o convênio. Ficou acertado também que até a decisão final está garantido o atendimento, pelo Hemoce, a todos os pacientes da rede pública e privada que necessitarem de transfusão de sangue, sem que haja remuneração pelos serviços prestados pelo hemocentro.

De acordo com o procurador Oscar Costa Filho, a decisão pela suspensão do convênio ficará mantida também até que seja esclarecido se, juridicamente, há impeditivos para contratos mediante ressarcimento com a rede de atendimento fora do Sistema Único de Saúde (SUS). A reunião deliberou, ainda, que não há proibição de atendimento a quem precisar de transfusões de sangue.

A suspensão do convênio foi acordada entre o secretário da Saúde do Estado, Carlile Lavour, a diretora executiva do Hemoce, Luciana Maria de Barros Carlos, e representante da Promotoria de Defesa da Saúde Pública do Estado. Equipe de representantes do Ministério da Saúde, da Secretaria da Saúde do Estado, do Hemoce, do MPF, do MPCE e do TCE deverá acompanhar o caso.

(Com MPF-CE)

Morre ex-deputado estadual Thomaz Brandão

283 1

bradnao

Morreu, nesta quarta-feira, o ex-deputado estadual Thomaz Brandão. Ex-prefeito de São Benedito (Serra da Ibiapaba), foi também parlamentar por seis mandatos.

Thomaz Brandão também foi deputado constituinte e militava no PMDB. A família não informou ainda detalhes sobre velório e o enterro.

Pronto, agora não tem mais sessão nesta quarta-feira, na Assembleia Legislativa. Nesta quinta-feira é feriado de São José. Na sexta-feira, espera-se que tenha trabalho.

MP/CE cobra criação de Procuradorias Municipais

“O Ministério Público do Estado do Ceará, através do promotor de justiça Breno Costa, expediu, na manhã desta quarta-feira, recomendação e um ofício a diversas autoridades recomendando a criação das Procuradorias Municipais, bem como o combate à prática do nepotismo. Em caso de não atendimento às recomendações, serão adotadas as medidas cabíveis para responsabilização dos gestores, notadamente o ajuizamento de ação civil pública.

Em cada Promotoria de Justiça foi instaurado Procedimento Administrativo Preparatório no bojo do qual se expediu ofício para prefeitos, vice-prefeitos, secretários e vereadores da Região do Cariri buscando colher indícios da prática de favorecimento de parentes. Caso reste configurada a prática do nepotismo, será enviada recomendação com o objetivo de cessar a ilegalidade, com prazo razoável para o seu cumprimento.

Em relação às Procuradorias Municipais, foi expedida recomendação para cada Prefeito, no sentido de se exigir a criação da respectiva Procuradoria, bem como a realização de concurso público para provimento dos cargos integrantes da carreira.

(Com Site do MP-CE)

Ciro quer Cid ratificando críticas ao Congresso: “Quem faz história não são os pilantras…”

251 1

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=97_0TQDb0Qo[/youtube]

O ex-governador e ex-ministro Ciro Gomes (Pros) defendeu, nesta madrugada de quarta-feira, em Fortaleza, que seu irmão, o ministro da Educação, Cid Gomes, ratifique críticas feitas a setores do Congresso. Durante evento em Belém (PA), Cid chegou a dizer que havia “de 300 a 400 achacadores” na Câmara torcendo pelo quanto pior, melhor para se beneficiará do governo.

“Falar a verdade nesse pais, principalmente nesses tempos, custa muito caro. Mas acho que esse preço tem que ser pago, porque quem faz história não são os pilantras que hoje dominam a cena nacional e sim os homens que não se abatem diante dos constrangimentos”, acentuou, defendendo que Cid reafirme e explique por que fez tais críticas.

Ciro Gomes seguiu para Brasília, mas informou que não comparecer à Câmara para assistir à fala do seu irmão. “Tenho audiências em Brasília, na condição de diretor da CSN, acompanhando o governador Welington Dias , do Piauí”, explicou ele.

Em Brasília, Camilo mantém audiências, se solidariza com Cid e comemora na CNDL

camilo_santana_ce_foto_francisco_franca_secom_pb_0011

O governador Camilo Santana (PT) está em Brasília, onde cumpre, nesta quarta-feira, agenda de contatos com órgãos federais e ministérios. Agora pela manhã, ele será recebido pela presidente da Caixa Econômica Federal, Miriam Belchior. Com ela, tratará de repasses do Programa Minha Casa, Minha Vida. O setor da construção civil reclama de atrasos.

No começo da tarde, às 13 horas, Camilo será recebido pelo ministro-chefe da Casa Civil, Aloizio Mercadante, com quem tratará sobre recursos para o Plano de Ações de Convivência com a Seca. Como só nessa noite de terça-feira o Orçamento Geral da União 2015 foi aprovado, o governador espera liberações. 

Solidariedade

Camilo deve dar uma passada na Câmara dos Deputados para assistir ao ministro da Educação, Cid Gomes, explicando o porquê de ter na Casa “de 300 a 400 achacadores”. Ele e uma caravana de parlamentares federais, estaduais e prefeitos como Roberto Cláudio, ali marcarão presença.

Posse na CNDL

À noite, no Hotel Royal Tulip, o governador prestigiará, tendo ao seu lado também o prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, o presidente da Assembleia Legislativa, Zezinho Albuquerque, e o presidente da Câmara Municipal, Salmito Filho, além de um grupo de prefeitos, secretários, deputados estaduais e empresásrios, a posse festiva do cearense Honório Pinheiro como presidente da Confederação Nacional dos Dirigentes Lojistas (CNDL).