Blog do Eliomar

Categorias para Ceará

Sem acordo, Sindetran pede progressão salarial por antiguidade

Após 40 dias sem resposta do Estado sobre reajuste salarial, o Sindicato dos Trabalhadores na Área de Trânsito do Ceará (Sindetran) sugere a descompressão salarial dos servidores públicos do Detran/CE, diante da prioridade do critério de antiguidade.

“Não entendo como tudo funciona no Estado. O governador autoriza uma demanda da categoria, mas logo a superintendência de um órgão desautoriza”, reclamou a presidente do Sindetran, Eliene Uchoa, ao lembrara que Camilo Santana havia sinalizado de forma favorável às progressões salariais dos servidores.

Em setembro último, de acordo com o Sindetran, o superintendente-adjunto do Detran, Pablo Ximenes, havia pedido “um tempo” para análise do projeto que prevê ainda programas de capacitação permanente, além da nomeação dos concursados.

(Foto: Divulgação)

Fundação Brasil Cidadão promove rodada de conversa em Icapuí sobre Desenvolvimento Sustentável

A Fundação Brasil Cidadão, realizadora do Projeto “De Olho na Água”, promoverá, no dia 8 de dezembro, uma roda de conversa sobre Desenvolvimento Sustentável, às 9 horas, na Estação Ambiental Mangue Pequeno, na Praia do Requenguela, em Icapuí (Litoral Leste).

No encontro, palestra de José Eli da Veiga, professor sênior do Instituto de Energia e Ambiente USP. Ele também foi docente do Departamento de Economia da FEA-USP durante 30 anos e é autor de 25 livros, entre os quais “Para entender o desenvolvimento sustentável”, e colunista do jornal Valor Econômico, da Revista 22, e da Rádio USP.

O Projeto “De Olho na Água”, realizado pela Fundação Brasil Cidadão, tem o patrocínio da Petrobras e do Governo Federal, está em sua quarta etapa e existe há mais de dez anos na busca em promover a recuperação de manguezais no município de Icapuí por meio de ações que fomentem a educação ambiental e a conservação do meio ambiente.

(Foto – Divulgação)

Câmara Municipal de Quixadá rejeita pedido de impeachment de Ilário Marques

2088 1

A Câmara Municipal de Quixadá rejeitou, nesta quarta-feira, 21, pedido de impeachment contra o prefeito Ilário Marques (PT). O pedido deu entrada na Casa no último dia 14, por meio da advogada Flavia Regina Cabral de Oliveira, ligada ao grupo político do médico Ricardo Silveira, derrotado por Ilário no último pleito eleitoral de 2016.

A denúncia solicitava à Câmara Muncipal a apuração de suposta infração político-administrativa, orçamentária e financeira e por improbidade administrativa, com pedido de impeachment a desfavor de Ilário Marques.

A votação se deu nominalmente. Cada vereador expressou o voto e fez sua justificativa, sendo que 09 (nove) votaram pelo arquivamento, 07 (sete) pelo acolhimento, e 01 (um) ausente (licença).

Afastado

Ao analisar o conteúdo da denúncia, a maioria dos vereadores de Quixadá votou pelo arquivamento por entender que a peça era vazia e não trazia fatos consistentes que pudessem atribuir qualquer responsabilidade ao prefeito Ilário Marques. Ele foi afastado pela Operação intitulada Fiel da Balança que, em agosto último, teve objetivo de combater crimes de falsidade e desvio de verba pública do serviço de coleta de resíduos sólidos de Quixadá. Ainda de acordo com o órgão, a infração consistia na adulteração dos documentos, que informavam quantidades superiores de entrada de lixo no aterro sanitário do município. A Justiça também rompeu sigilos bancário e fiscal dos alvos da operação.

Foram cumpridos na época mandados de busca e apreensão na sede da Prefeitura de Quixadá, nas casas de agentes públicos e privados nas comarcas de Fortaleza e Quixadá “bem como na sede da empresa RPC Locações e Construções Eireli – EPP, representada pelo empresário Paulo César Mendonça de Holanda”, diz informe do MPCE.

Ilário se manifestou nessa ocasião por nota publicada em seu Facebook. No comunicado, disse que a ação do MPCE baseava-se em “narrativa maldosa e irresponsável do empresário Ernani Teles Castro Junior”, proprietário do primeiro aterro sanitário particular do Estado.

(Foto – Divulgação)

SDE reúne prefeitos e apresenta ações para atrair investimentos

A Federação das Indústrias do Ceará foi sede, nesta quarta-feira, do I Seminário Sobre Atração de Investimentos para Prefeituras do Estado do Ceará. O evento foi realizado pela Secretaria do Desenvolvimento Econômico do Estado e Agência de Desenvolvimento do Estado do Ceará (Adece). O objetivo foi apresentar alternativas para desenvolver o Ceará de ponta a ponta por meio da geração de emprego e renda nas mais diversas regiões.

Com apoio da Fiec, Sebrae e da Associação dos Municípios do Estado do Ceará (Aprece), o encontro contou com a presença de aproximadamente 70 municípios representados por prefeitos, secretários e/ou assessores ligados ao desenvolvimento econômico de suas localidades.

Destaques

A parceria com as prefeituras municipais para melhorias na educação, com o programa Educação na Idade Certa, e na segurança por meio das câmeras de monitoramento e ampliação do efetivo policial no interior do estado, foram destacadas chefe da Casa Civil, Nelson Martins. De acordo com ele, agora, o grande desafio é na área do desenvolvimento.

“A Adece, a SDE e a própria Aprece, junto com o Governo e com a Fiec, pretendem estreitar mais as relações com os municípios para a atração de empresas. Muitas vezes, empresas não querem ir para um local sem estrutura. Essa parceria, assessoria e capacitação, além da melhoria nos incentivos, poderão fazer com que o desenvolvimento aconteça. É um desafio, mas se alcançarmos, teremos uma melhoria na redução das desigualdades no nosso Estado e, evidentemente, gerar emprego e renda”, disse.

Também presente na abertura do evento, o presidente da Fiec, Beto Studart, destacou o Observatório da Indústria, lançado recentemente pela Federação das Indústrias, como ferramenta disseminadora de informações das atividades econômicas e do potencial de cada município. “A Fiec é apenas uma promotora do desenvolvimento. Essa interação serve como elo entre o cidadão, empresário, empreendedor e a autoridade, que é o prefeito. Esse ambiente, que já está muito bem criado pelo governador Camilo Santana, precisamos estender para os municípios de tal forma que possamos promover o desenvolvimento que o Estado precisa”, completou.

Descentralização

A descentralização da economia e a criação de emprego e renda nos municípios do interior do estado foram pontuadas pelo titular da Secretaria do Desenvolvimento Econômico do Estado do Ceará (SDE), César Ribeiro. Conforme o secretário, o Governo do Estado está trabalhando para que as cidades com Índice de Desenvolvimento Municipal (IDM) mais baixo tenham incentivo do Fundo de Desenvolvimento Industrial (FDI) de forma automática, dentro do decreto, a partir de 75%. “Com isso, vamos buscar trazer e criar condições para que esses investimentos não fiquem somente na Região Metropolitana, mas no Interior do Estado”, disse.

A instalação do Fórum Cearense de Dirigentes Municipais de Desenvolvimento e Inovação, conduzida pelo superintendente do SEBRAE-CE, Joaquim Cartaxo, foi outro momento importante do evento. Já a ferramenta Observatório da Indústria, foi apresentada aos gestores municipais pelos representantes da FIEC Sampaio Filho e Guilherme Muchale.

Site para atrair investimentos

Durante o evento houve o lançamento de um site do Governo do Ceará, desenvolvido pela Adece e voltado exclusivamente para atrair investimentos.

Por meio do endereço eletrônico http://invest.adece.ce.gov.br, o empreendedor poderá ter acesso a informações dos municípios, suas potencialidades, setores mais propícios para investimento, além de guias de incentivos fiscais e demais informações.

(Foto – Divulgação)

Ceará freta aeronave personalizado na rota do jogo contra o Atlético Paranaense

226 1

Quando o Ceará entrar em campo na Arena da Baixada no próximo domingo, 25, a equipe alvinegra vai ter feito cinco jogos em um espaço de 14 dias. Isso dá a média de quase uma partida a cada três dias. Ainda na briga contra o rebaixamento e pensando no desgaste físico dos atletas, o clube decidiu fretar um voo de Fortaleza para Curitiba na sexta-feira, 23, à noite, atitude feita algumas vezes por times como Flamengo, Internacional e Botafogo. Para o Vovô, será a primeira vez.

O valor do fretamento ainda não foi repassado oficialmente à agremiação, mas segundo apurações do Esportes O POVO, deve custar em média R$ 150 mil, mesmo valor pagos pelos clubes que já fizeram uso da empresa Sideral, que fará o trecho Fortaleza-Curitiba para o Ceará. Com chegada prevista por volta da meia-noite de sexta para sábado, o Alvinegro não fretará o vôo de volta e retornará à capital cearense em viagem comercial da Gol, empresa que patrocina o campeonato.

O motivo do fretamento é realmente um investimento para os atletas, evitando possíveis desgastes. Com algumas viagens feitas recentemente, o objetivo é chegar em Curitiba o mais rápido possível, não pegando conexões ou escalas, como é de costume em voos comerciais. Por jogo fora de casa, times da Série A do Campeonato Brasileiro recebem 33 passagens da CBF, o que dá por volta de R$ 10 mil reais. Sendo assim, o valor de custo para esse frete sai do bolso do clube.

O avião disponibilizado ao Alvinegro foi usado recentemente pelo Botafogo, quando o time carioca viajou para Chapecó, onde bateu a Chapecoense por 1 a 0 no último dia 15. Com capacidade para 50 pessoas, a aeronave ainda vai fazer o trajeto personalizada com artefatos que representam o Ceará, incluindo um adesivo externo e interno. A equipe joga contra o Atlético-PR no domingo, às 16h no horário de Fortaleza, em jogo válido pela 37ª rodada da Série A.

(O POVO Online- Gerson Barbosa)

Estado paga 13º salário dos servidores no dia 21 de dezembro

Os cerca de 140 mil servidores ativos, inativos e pensionistas do Estado vão receber a segunda parcela do 13º salário (50% restante) no dia 21 de dezembro próximo. Anunciou, nesta tarde de quarta-feira, em sua página no Facebook,o governador Camilo Santana (PT). A folha é da ordem de R$ 396 milhões.

Camilo adiantou que esse valor, mais o pagamento das folhas de dezembro e janeiro dos servidores, o que dá cerca de R$ 1.649 bilhão, sua administração estará injetando na economia cearense cerca de R$ 2,045 bilhões.

*Em vídeo, Camilo divulgou, sem dúvida, uma boa-nova em meio a um País com a maioria esmagadora dos Estados com salário em atraso e sem garantir o 13º do seu pessoal:

Anuncio a todos os servidores públicos estaduais do Ceará a data do pagamento da 2a parcela do décimo-terceiro salário, rigorosamente em dia, como temos feito todos os anos. Esse é o meu compromisso: manter as finanças do Estado equilibradas, mesmo diante da crise que toma conta do país, para cumprir com todas as nossas obrigações e fazer cada vez mais investimentos para melhorar a vida dos cearenses. 

Tudo pronto para o Ceará Natal de Luz 2018

Tudo pronto para a abertura do Ceará Natal de Luz.

Será nesta sexta-feira, a partir das 18 horas, na Praça do Ferreira, numa promoção é da Câmara de Dirigentes Lojistas de Fortaleza que, entre várias atrações, terá show do cantor Raimundo Fagner.

O presidente da CDL, Assis Cavalcante, em conversa com a reportagem dol Blog, deu mais detalhes sobre a programação da festa que se estenderá até 23 de dezembro.

Feira do Conhecimento será cenário para lançamento do projeto Iracema Digital

Nesta quarta-feira, na abertura da Feira do Conhecimento, uma promoção da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Secitece), será lançado o projeto Iracema Digital.

Trata-se de uma entidade, sem fins lucrativos, que quer articular governos e os setores da sociedade com os ambientes de tecnologia da informação e comunicação. À frente, o professor Mauro Oliveira.

O lançamento ocorrerá às 18 horas, no Centro de Eventos.

(Foto – Divulgação)

Jornalista do O POVO entre vencedores do Prêmio Longevidade de Jornalismo Bradesco Seguros

O programa Caminhos da Reportagem, da TV Brasil, conquistou o primeiro lugar na 8ª edição do Prêmio Longevidade de Jornalismo Bradesco Seguros, na categoria mídia digital. A reportagem premiada foi Idosos Conect@ados, veiculada em abril deste ano, e que entrevistou idosos para mostrar como eles acompanharam ou não a transição da era analógica para a digital e para questionar o que a sociedade vem fazendo para permitir que eles e os jovens, os velhos de amanhã, sejam incluídos nesta vida cada vez mais tecnológica.

A cerimônia de premiação ocorreu hoje (21) durante o XIII Fórum da Longevidade Bradesco Seguros, no Hotel Unique, na capital paulista. A homenagem foi recebida pela repórter Flávia Peixoto e pela produtora Gracielly Bittencourt, da TV Brasil.

O prêmio, promovido desde 2011, estimula a reflexão sobre a transformação da estrutura etária da população brasileira. Neste ano, o prêmio contempla as categorias de Jornalismo, Histórias de Vida e Pesquisa em Longevidade. Em reconhecimento à importância da imprensa como formadora de opinião e difusora de conhecimento, o prêmio busca estimular a elaboração de trabalhos jornalísticos que tratem o tema da longevidade com criatividade, contemplando duas modalidades: Mídia Impressa (jornais e revistas) e Mídia Digital (TV, rádio e web).

O POVO

A jornalista Domitila Andrade, do O POVO, conquistou o segundo lugar nessa mesma premiação – categoria mídia impressa. Foi com a série de três cadernos Ciência & Saúde abordando o tema “Envelhecimento Ativo e Saúde Mental”.

Governadores do NE querem mais segurança e conclusão das obras hídricas e rodoviárias

Os governadores eleitos e reeleitos do Nordeste divulgaram, nesta quarta-feira, em Brasília, uma carta endereçada ao presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL). Nela, elencam seis temas que consideram prioritários na região, sendo “a maior parte relacionada a problemas de falta de recursos”, informa o Valor Econômico.

O primeiro item da carta, onde eles pedem audiência a Bolsonaro, está a retomada de obras federais no Nordeste – especialmente rodoviárias e hídricas, e a ampliação da participação financeira no Fundeb.

Eles também cobram a celebração de um Pacto Nacional pela Segurança Pública.

O encontro ocorreu na representação do Ceará, em Brasília, ciceroneado por Camilo Santana (PT) e tendo a presença do presidente do Congresso Nacional, senador Eunício Oliveira (MDB).

(Foto – Divulgação)

Médico cubano não é rebolo

222 1

Com o título “Médico cubano não é rebolo”, eis artigo de Márcia Alcântara, da Academia Cearense de Medicina. “Sem escrúpulos, os dois governos não se entendem e os cubanos estão voltando para seu país, como um rebolo, deixando à margem sua autoestima e milhões de brasileiros desvalidos da sua segurança quanto a saúde, agora desmontada”, diz a articulista. Confira:

Os médicos cubanos chegaram ao Brasil em 2014, pelo Programa Mais Médicos, criado durante o governo Dilma Rousseff (PT), por razões tidas como políticas eleitoreiras. O povo desvalido, dos confins do País, os recebeu na esperança de que pudessem ter um mínimo de assistência médica no âmbito da atenção básica.

Esses médicos submeteram-se, voluntariamente, a normas de dois mandantes governamentais: o governo de Cuba e do Brasil. Os contratos foram intermediados pela Organização Panamericana de Saúde (OPAS) e aceitos pelos cubanos.

Por outro lado, a classe médica, através de suas entidades constituídas, rejeitaram os cubanos, “em atos de corporativismo”, na avaliação da socióloga e escritora americana Julie Feinsilver, autora do livro Healing Masses (Curando as massas). Feinsilver analisa o Sistema de Saúde de Cuba (SSC) e o monitora há quase 30 anos, apresentando resultados cientificamente comprovados, que o elevam à categoria de exitoso, tal qual o faz a Organização Mundial de Saúde, dizendo ser esse Sistema um dos melhores do mundo.

Cerca de 63 milhões de brasileiros já passaram pelos cuidados dos médicos cubanos e desses, vinte milhões estão sob tais cuidados no presente momento.

Um registro de grande valia foi feito pelo jornalista, escritor e fotografo Araquém Alcântara, no seu premiado livro “Mais médicos”, o qual apresenta documentos valiosos em que a população demonstra ter hoje os médicos cubanos como pessoas que geram segurança para a saúde.

Mal o novo governo se organiza e ordens surgem no sentido de modificar a filosofia do Programa, incutindo ideias próprias do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL).

Sem escrúpulos, os dois governos não se entendem e os cubanos estão voltando para seu país, como um rebolo, deixando à margem sua autoestima e milhões de brasileiros desvalidos da sua segurança quanto a saúde, agora desmontada.

Atos dessa natureza impetrados contra os cubanos e nosso povo são, no mínimo, cruéis. Merecendo uma avaliação maior por parte de todos os brasileiros, especialmente dos que, não tendo conhecimento próprio, ficam a repassar mensagens, muitas vezes sem base científica ou credibilidade comprovada, sobre essa questão.

O imbróglio criado pelos governantes da hora, de Cuba e do Brasil, atinge sem compaixão os mais pobres entre os pobres brasileiros.

*Márcia Alcântara Holanda

pulmocentermar@gmail.com

Médica Pneumologista e membro da Academia Cearense de Medicina.

Ex-secretário cidista lança livro sobre o Novo Brasil

Eduardo Diogo entregou um exemplar ao governador eleito de Minas, Romeu Zema.

O ex-secretário de Planejamento e Gestão Pública do Ceará (Governo Cid Gomes), Eduardo Diogo, lançará, às 18h30min desta quinta-feira, no auditório da Federação das Indústrias do Estado (Fiec), o livro “Muda Brasil”.

Na publicação, uma tese de mestrado feita na Georgetown University, em Washington DC, o papel dos líderes e dos seguidores no novo Brasil e a democracia dos EUA.

(Foto – Facebook)

Universidade Pública: um espaço plural

227 2

Com o título “Universidade Pública: um espaço plural”, eis artigo de Fernando Saboia, doutor em Empreendedorismo pela Universidade de Valladolid, Espanha e professor associado II da Universidade Federal do Ceará. Ele defende a pluralidade do pensar no ensino superior do País. Confira:

Temos assistido, com muita perplexidade, um conjunto de afirmações preconceituosas sobre a dinâmica do nosso espaço universitário. Não tenho dúvidas de que as origens dessas informações partem de pessoas com pouco conhecimento da cultura, da convivência e da ambiência acadêmica, ou que, simplesmente, têm outra intenção não explícita.

Após 40 anos dedicados ao árduo trabalho da academia, digo, de cátedra, que, na Universidade Brasileira, assim como nas suas congêneres em quase todos os recantos do globo, o ambiente político reinante é a da mais completa pluralidade, onde todos, não importando o credo, a cor, a origem, a religião ou a ideologia, podem expressar suas opiniões e defender livremente suas convicções.

É um desserviço enorme o que estão tentando fazer com a imagem da universidade pública brasileira. Não podemos esquecer que muitas das nossas universidades têm reconhecimento internacional, estando situadas no ranking das grandes e melhores universidades mundiais. Querer colar o estigma de que a universidade pública encontra-se refém do aparelhamento comunista e que não existe espaço para manifestações fora dos paradigmas marxistas, é uma narrativa desonesta e que não encontra acolhida em nossa realidade acadêmica. A estes é importante lembrar que a Guerra Fria teve o seu fim com a simbólica queda do muro de Berlim.

Não tenho dúvida: a universidade pública brasileira é uma instituição plural e intransigentemente democrática. A escolha de Reitores é realizada democraticamente em consulta à comunidade Universitária, com a participação de professores, funcionários e alunos, que elegem uma lista tríplice a ser submetida à homologação do Senhor Presidente da República. Tradicionalmente, desde o fim do Regime Militar, a exceção do ex-presidente Collor, todos os ex-presidentes acataram as decisões tomadas pela comunidade universitária.

Portanto, não é o Presidente que escolhe, de modo unilateral, o reitor das universidades públicas, pois está assegurada na Constituição Cidadã de 1988 a autonomia administrativa, financeira e acadêmica das universidades públicas federais.

A propósito, além das minhas atividades de ensino, pesquisa e extensão, tive a honra de colaborar nas administrações dos reitores Raimundo Hélio Leite, Roberto Cláudio Frota Bezerra e René Teixeira Barreira. Nesta condição, tenho a tranquilidade para assegurar que eles nunca misturaram suas convicções políticas pessoais com as responsabilidades de gestores da nossa UFC. Não é à toa o patamar de excelência acadêmica em que se encontra presentemente.

Finalizando, reforço a minha convicção de que no espaço universitário, assim como em todas as dimensões da vida social, o jogo democrático deve prevalecer, abrindo espaço para manifestação de todos os matizes ideológicos.

Este é o único e verdadeiro jogo da democracia.

*Fernando Saboia

Doutor em Empreendedorismo pela Universidade de Valladolid, Espanha e Professor Associado II da UFC.

Governadores fecham pauta a ser apresentada a Bolsonaro

O governador Camilo Santana (PT) puxa reunião, nesta quarta-feira, em Brasília, com demais governadores do Nordeste. Foi na sede da representação do Ceará, em Brasília, e tendo ao seu lado o presidente do Congresso Nacional, senador Eunício Oliveira (MDB).

Estão presentes os governadores Paulo Câmara (PE), Wellington Dias (PI), Rui Costa (BA), Luciano Barbosa (AL, em exercício), Belivaldo Chagas (SE) e Flávio Dino (MA), além dos governadores eleitos João Azevedo (PB) e Fátima Bezerra (RN) e da vice-governadora de Pernambuco, Luciana Santos.

Tratam ali de vários temas de interesse do Nordeste, que serão repassados ao Supremo Tribunal Federal e ao presidente eleito, Jair Bolsonaro, em audiência que deve ocorrer possivelmente na próxima semana em Brasília.

(Foto – Divulgação)

Cogerh ganha homenagem da Assembleia Legislativa

Os 25 anos de criação da Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos do Estado (Cogerh) serão lembrados nesta quarta-feira, às 15 horas, durante sessão solene da Assembleia Legislativa.

A solenidade atende a um requerimento do deputado Moisés Braz (PT).

“Trata-se de um pequeno gesto do Legislativo cearense no sentido de valorizar aqueles que lutam para a democratização no acesso à água para o povo cearense”, destaca o parlamentar em sua justificativa.

(Foto – ALCE)

Projeto leva quadrinhos para pontos de Fortaleza

213 1

Dentro da quinta edição do Festival Concreto – o Festival Internacional de Arte Urbana, uma novidade: o Projeto Tiras Urbanas, que sai das páginas dos jornais e revistas para ganhar as ruas de Fortaleza.

Através da técnica de lambe-lambe (pôster artístico de tamanho variado colado em espaços públicos), o Tiras Urbanas está levarndo a arte dos quadrinhos para vários pontos da cidade.

Com idealização do artista Narcélio Grud e a curadoria do cartunista e jornalista Carlos Henrique Santos, o Guabiras, os quadrinista Renan César (SP), Rodolfo Camelo (CE), Rodrigo Brum (RN) e Thyagão (CE) criam uma série de tirinhas, algumas inéditas e outras já premiadas, a serem espalhadas no prédio da Justiça Federal, muro cedido pelo entidade.

Projeto

A ideia do Tiras Urbanas surgiu da vontade de Guabiras em participar do Festival Concreto e das ideias criativas de Narcélio Grud. Levar os quadrinhos das páginas de livros e jornais para os muros da cidade foi a parceria ideal. Guabiras e Rodrigo Brum, já espalhavam suas tiras pelos muros da cidade, colando-as em paredes de terminais, banheiros públicos.

A oportunidade de expor suas obras em grandes muros é uma ótima experiência para os artistas. “Para além de atingir o público, o artista tem grande chance de inspirar alguém em seu caminho diário, provocar uma reflexão, mudar um humor. Ter a possibilidade de no caminho do trabalho, saber que sua obra mudou o cotidiano de alguém, é rico”, comentam.

(Foto – Jago Barreto)

Ciro Gomes se submete a cirurgia da próstata

Ciro Gomes, terceiro colocado na recente disputa presidencial, se submeteu, na última segunda-feira (19), no Hospital Sírio Libanês, em São Paulo, a uma cirurgia prostática para tratamento do crescimento benigno da glândula. A informação foi divulgada por sua assessoria de imprensa em sua página no Facebook.

O procedimento foi realizado pelo doutor Miguel Srourgi e transcorreu com normalidade. Ciro Gomes, de acordo com sua assessoria, deve receber alta até o final desta semana.

VAMOS NÓS – Quando era candidato a deputado federal, Ciro Gomes, em conversa conosco antes de um embarque desses para Brasília, informava que havia se submetido a uma pequena cirurgia do gênero.

(Foto – Facebook)

CGU e PF fazem operação de combate à corrupção no Cariri

O Ministério da Transparência e Controladoria-Geral da União (CGU) participa, nesta quarta-feira (21), no Ceará, da Operação Bricolagem. O trabalho é realizado em parceria com a Polícia Federal (PF). O objetivo é desarticular a atuação de um grupo criminoso de pessoas físicas e jurídicas que se organizava para fraudar licitações em municípios do Estado, notoriamente na Região do Cariri e adjacências. A informação é da assessoria de imprensa da CGU.

A investigação partiu de denúncia que atribuía ao prefeito de Granjeiro (CE) a atuação de forma direta e decisiva na execução de obras públicas, em acordo com as construtoras contratadas, mediante a devolução de valores pagos àquelas. Entre as fraudes levantadas, estão a utilização de empresas aparentemente de fachada, cuja participação em licitações servia como espécie de “cobertura” ao processo de contratação. A intenção era dar aspecto de legalidade a certames já direcionados. A atuação ocorria em conluio e de forma simultânea em diversas localidades.

A força-tarefa confirmou, ainda, movimentação financeira anormal de valores em nome dos investigados, com destaque para o recebimento de valores milionários por parte das empresas. Também houve pagamento pela prestação de serviços que não se realizaram, com uso de verbas do Programa Nacional de Transporte Escolar (PNATE).

A Operação Bricolagem consiste no cumprimento de 15 mandados de busca e apreensão nos municípios cearenses de Fortaleza, Granjeiro, Juazeiro do Norte, Aurora, Várzea Alegre e Caririaçu. O trabalho conta com a participação de oito auditores da CGU e 60 policiais federais.