Blog do Eliomar

Categorias para Ceará

Eclipse lunar poderá ser conferido na Seara da Ciência

A Seara da Ciência, organismo da Universidade Federal do Ceará, abrirá suas portas, a partir das 17 horas desta sexta-feira, para observação de eclipse lunar. Segundo o Observatório Nacional, trata-se do mais longo eclipse total da Lua do século XXI. A atividade é gratuita e para quem tiver interesse em ver o fenômeno e sobre ele informar-se. A observação começará a partir das 18 horas e seguirá até as 20 horas.

De acordo com o professor Ednardo Rodrigues, organizador do evento, a expectativa é que 120 pessoas participem da atividade. Um telescópio newtoniano de 300 milímetros de abertura ficará disponível para os visitantes. A depender do número de pessoas, a equipe estuda colocar outros três telescópios para observação.

De acordo com o Observatório Nacional, a fase total do eclipse ocorrerá entre 16h30min e 18h13min. A partir dessa hora, a Lua começará a sair da sombra mais escura, dando início ao eclipse parcial, que seguirá até as 19h19min. A fase penumbral do eclipse (quando a Lua passa pela sombra mais clara) vai até as 20h29min.

Assim, quem for ao local terá a oportunidade de ver o fim do eclipse, observar a Lua e compreender por que ela tenderá a ficar avermelhada. “Em Fortaleza o eclipse poderá ser visto no fim da tarde, por volta das 17h40min, mas, aqui, ele será parcial e causará apenas uma vermelhidão na superfície lunar, que acabará por volta das 19 horas”, explica o organizador.

SERVIÇO

*Seara da Ciência – Rua Abdenago Rocha Lima, s/n, na entrada do Campus do Pici.

(Foto – Arquivo Reuters)

Halleluya 2018 – Batista Lima, ex-Limão com Mel, abre a programação de shows

Tem início nesta noite de quarta-feira o Halleluya 2018, que costumamos denominar de “Fortal dos Católicos”. No Condomínio Espiritual Uirapuru, com palestras, orações, louvores e shows como o de Batista Lima, ex-vocalista a banda de forró Limão com Mel.

Na programação, consta também show do padre Fábio de Melo na sexta-feira.

SERVIÇO

*Confira a programação aqui.

(Foto – Divulgação)

Conselho Regional de Arquitetos e Urbanistas e IAB vão ouvir os candidatos ao Governo

O Conselho Regional de Arquitetura e Urbanismo (CAU/CE) vai promover, em parceria com o Instituto dos Arquitetos do Brasil, no Ceará, um debate com os candidatos a governador.

Segundo o presidente do CAU/CE, Napoleão Ferreira, o objetivo é ouvir os postulantes sobre o tema “Estatuto da Cidade”.

Logo que todos estejam homologados, virá a definição da data dos encontros.

(Foto – CAU)

Já em vigor política para empregar detentos e egressos de presídios

O Decreto 9.450, que institui a Política Nacional de Trabalho no Âmbito do Sistema Prisional, está publicado na edição de hoje (25) do Diário Oficial da União. A política tem medidas para dar oportunidades de trabalho a presos e ex-detentos. O texto foi assinado na terça-feira (24) pela presidente da República interina, Cármen Lúcia.

A medida vale para contratação de serviços pela União, inclusive os de engenharia, com valor anual acima de R$ 330 mil. Os presos provisórios, em regime fechado, semiaberto e aberto estão incluídos na política. Além disso, os egressos – aqueles que já cumpriram pena e foram postos em liberdade – também podem ser contratados dentro da cota.

Para ter o direito de participar da iniciativa, os detentos devem ser autorizados pelo juiz de Execução Penal; ter cumprido, no mínimo, um sexto da pena; e comprovar aptidão, disciplina e responsabilidade. Os serviços previstos no decreto não incluem o emprego de presos ou egressos no canteiro de obras, apenas em serviços adjacentes à obra, como limpeza ou vigilância.

Deverão ser reservados aos presos ou egressos 3% das vagas quando o contrato demandar 200 funcionários ou menos; 4% das vagas, no caso de 201 a 500 funcionários; 5% das vagas, no caso de 501 a 1.000 funcionários; e 6% quando o contrato exigir a contratação de mais de 1.000 funcionários.

(Agência Brasil)

A nossa culpa na crise do mercado editorial brasileiro

Com o título ” A nossa culpa na crise do mercado editorial”, eis artigo de Jáder Santana, jornalista e editor no O POVO. Ele aborda a situação complicada da Livraria Cultura, por exemplo. Confira:

A crise que o mercado editorial vem enfrentando no Brasil e no mundo não é novidade. No vermelho desde 2012, a Livraria Cultura realizou uma das mais faladas operações financeiras do ano passado, anunciando a aquisição das operações brasileiras da Fnac, ganhando 12 novas lojas em sete estados e diversificando seus negócios. Poucas semanas antes desse anúncio, o presidente da Cultura, Sérgio Herz, havia declarado em entrevista, assumindo o cenário de instabilidade: “Se a Amazon vier aqui dizendo que quer me comprar, eu vou avaliar. Vai pagar bem?”

Em fevereiro último, a Barnes & Noble, maior rede de livrarias dos EUA, anunciou a demissão de 1.800 funcionários em 781 lojas, o que geraria economia de custos de aproximadamente US$ 40 milhões. Em pouco mais de um ano, as ações da empresa registraram uma baixa histórica: caíram de US$ 8,575 para US$ 4,60 por ação. Um dos maiores e mais antigos investidores da casa, David Abrams, vendeu todas as suas ações – cerca de 13% do valor total.

No campo das queixas e justificativas, quase todos os dedos da culpa apontam para a Amazon e sua política predatória de vendas: promoções diárias, grandes investimentos em marketing direcionado e fretes gratuitos. O crescimento da empresa, com um número cada vez maior de lojas físicas em inauguração, subverteu o discurso de que os livros estão fora de moda e de que já quase não se lê.

Mas a corrente da crise enfrentada pela Barnes & Noble, nos EUA, e pela Livraria Cultura, no Brasil, tem um elo ainda mais fraco. As pequenas livrarias, as lojas de bairro, são as que mais prejuízo sofrem nesse cenário de migração para uma experiência virtual de compras. Algumas se esforçam para a criação e consolidação de um calendário de atividades que movimentem o espaço entre as estantes e prateleira. São sobreviventes.

Fazia tempo que havia me rendido às facilidades da Amazon, mas há cerca de um ano decidi voltar a frequentar lojas físicas. Por opção, decidi acabar com as caixas de livros promocionais que chegavam pelos correios e se acumulavam pela casa. Vou à livraria quando preciso de uma nova leitura, escolho a partir da pilha de livros em mãos. É melhor assim. Essa experiência é impagável.

*Jáder Santana

jader.santana@opovo.com.br

Editor do O POVO.

Barra do Ceará comemora 414 anos neste sábado

642 1

Os 414 anos da Barra do Ceará vão ser lembrados neste sábado, com programação que terá início às 8 horas e se estenderá até as 13 horas, na Praça Alberto de Sousa. Moradores da área prometem shows artísticos e ações ecológicas em defesa desse pedaço de Fortaleza que, segundo o prefeito Roberto Cláudio, ganhará urbanização em breve.

Agora em agosto, no Cuca da Barra, a Prefeitura fará a primeira audiência sobre o projeto que urbanizará as margens do rio Ceará e instalará equipamentos de lazer, dentro do objetivo de valorizar o local e, claro, reforçar o apelo turístico.

AJE promove encontro sobre projeto de apartamentos compactos

A Associação dos Jovens Empresários de Fortaleza promoverá nesta quinta-feira, mais uma edição do projeto “Almoço Empresarial”.

O convidado da vez para um debate com associados é o empresário Daniel Otoch Simões. O encontro ocorre a partir das 12 horas, no auditório da cobertura da Federação das Indústrias do Ceará (Fiec).

Daniel Simões apresentará, segundo a organização do evento, uma nova proposta de apartamentos supercompactos que podem ser modulados para atender às necessidades de qualquer público.

Comitê da futura campanha pró-reeleição de Camilo já tem endereço definido

1069 2

O Comitê Central da futura campanha de reeleição de Camilo Santana (PT) vai ser o mesmo da sua primeira eleição. Em terreno situado na avenida Sebastião Abreu, no bairro Cocó.

Foi o mesmo da reeleição de Cid Gomes e das duas eleições do prefeito Roberto Cláudio.

E matéria de equipe de produtores e marqueteiros, o número virá bem menos. Os tempos são outros.

Autop 2018 – Mais de 200 fábricas vão expor no evento

Vem aí a XVI Autop, a feira do setor de peças e autopeças do Ceará. O evento será realizado de 15 a 18 de agosto próximo, no Centro de Eventos, e contará com representantes de fábricas importantes e um público especializado.

Serão mais de 200 fábricas expondo durante o encontro, que apresentará as últimas novidades da área.

“A Autop desse ano é um prêmio pela luta, trazendo o que há de mais novo”, avisa o presidente do Sistema Sincopeças, Assopeças e Assomotos, Ranieri Leitão, que, inclusive, será reconduzido para a presidência destas três entidades.

(Com O POVO Economia/Foto – Divulgação)

Prefeito envia nova mensagem à Câmara Municipal sobre lei do reajuste das taxas de alvarás

979 7

A Câmara Municipal de Fortaleza foi convocada pelo presidente da Casa, Salmito Filho (PDT), para sessão extraordinária, na segunda-feira, 30 – não mais na sexta-feira, 27 -, para votar mensagem do Poder Executivo que propõe o parcelamento do pagamento do alvará e prorroga por 30 dias o prazo para renovação. A mensagem sofre mudanças depois de muita pressão de entidades do setor produtivo.

Pela nova versão, os estabelecimentos comerciais de Fortaleza poderão renovar o alvará de funcionamento, com o prazo final passando do dia 31 de julho para o dia 30 de agosto, podendo fazer o pagamento em até cinco parcelas, entre os meses de agosto e dezembro.

A proposta que consta na mensagem do Poder Executivo foi o resultado de uma reunião, no Paço Municipal, entre o prefeito Roberto Cláudio  e o presidente da Câmara, Salmito Filho, com outros vereadores e representantes de entidades do setor empresarial, além de secretários municipais.

Outro ponto apresentado por representantes da FIEC, Fecomércio e CDL, presentes no encontro, tratava dos critérios de definição de área útil construída para base de cálculo do alvará. Ficou definido um estudo por uma comissão tripartite, formada por técnicos da Prefeitura, entidades empresariais e Câmara Municipal para posterior análise e decisão do Poder Executivo.

(Foto – Aurélio Alves)

Secretário-geral adjunto rompe com a direção da OAB/CE e já está como candidato a presidente

426 1

Surge o primeiro candidato a presidente da OAB do Ceará. Trata-se de Fábio Timbó, secretário-geral adjunto da entidade, que rompe assim com o presidente Marcelo Mota. Timbó divulgou, nesta quarta-feira, um manifesto:

MANIFESTO DE ROMPIMENTO

Caríssimos colegas, advogados e advogadas,

Refleti, profundamente, antes de tomar a presente decisão que peço licença para comunicar-lhes, neste ensejo.

Os longos anos, devotados à honrada Seccional Cearense da Ordem dos Advogados do Brasil, fizeram-me ponderar sobre a resolução que compartilho com a minha gloriosa classe: ROMPER COM A MEDIOCRIDADE QUE SE ASSENHOROU DOS ATOS PRESIDENCIAIS DA OAB/CE.

Posturas centralizadoras, desprovidas do necessário senso democrático que deve inspirar as condutas e ações de um gestor, sobretudo em se tratando de uma instituição da envergadura política e social da Ordem dos Advogados do Brasil, dentre elas a lentidão e a ausência de isonomia no trato das questões que envolvem a defesa das prerrogativas de nossa classe, inclusive com a postergação dos atos de desagravo, pendentes de apreciação, por exemplo, foram episódios que contribuíram para esta minha decisão.

Outro inconformismo, de minha parte, foi o total descaso com os pleitos da jovem advocacia, especialmente demonstrado com as restrições impostas na politica de concessão de descontos na anuidade, em cursos ofertados pela ESA, onerando, ainda mais, o exercício da advocacia e representando um verdadeiro retrocesso, numa conquista já consolidada pela classe.

A par destas questões, ínsitas aos interesses classistas, no que tange à sua missão social, a presidência esquivou-se do seu protagonismo, diante dos desafios que a sociedade enfrentou e vem enfrentando, lamentavelmente, sem o arrimo institucional necessário, a exemplo do drama que é a insegurança pública que grassa em nosso Estado, sob o olhar leniente da entidade.

Finalmente, considero inadmissível, para um presidente da OAB, uma atuação tímida e inexpressiva, nas tristes e recentes mortes dos colegas advogados, ceifados de suas vidas, violenta e covardemente, o que mereceria, para além de uma nota de pesar, uma enérgica resposta e uma firme providência da instituição, conclamando e envolvendo toda a advocacia, nessa luta e indignação, pois, “a injustiça feita a um é uma ameaça feita a todos”, no lúcido pensamento de Montesquieu. É inaceitável permitir-se silenciar a advocacia!
Seguirei, todavia, fiel aos meus propósitos, na inegociável defesa de meus pares e exigindo, ao lado dos advogados e advogadas, uma justiça mais célere e mais eficiente. Ser forte é preciso.

Tenho dito!

Fortaleza-CE,

*Fábio Timbó

Advogado.

DETALHE – As eleições da OAB/CE ocorrerão em novembro próximo. Marcelo Mota deve ir par a reeleição e o atual presidente da Caixa de Assistência dos Advogados (CAACE), Erinaldo Dantas, também deve entrar na disputa. Edson Santana, presidente do Sindicato dos Advogados da Região Metropolitana de Fortaleza (Sindafor), vai entrar na peleja.

Banco Itaú passa a gerenciar conta-salário dos servidores de Sobral

Prefeito Ivo Gomes

O Banco Itaú vai gerenciar, a partir de 1º de outubro próximo, as contas-salário dos servidores municipais (efetivos, comissionados e temporários) de Sobral. A Instituição venceu o processo licitatório da Prefeitura e ficará responsável pelos serviços referentes à folha de pagamento. A informação é da assessoria de imprensa desse município da Zona Norte.

Participando da modalidade pregão (inverso), o Banco Itaú ofereceu ao município o valor de R$ 4.820.000,00 pelo gerenciamento das contas públicas durante o período de 5 anos. Participaram ainda do processo os bancos Santander e Bradesco.

DETALHE -O contrato com a Caixa Econômica Federal será encerrado automaticamente no último dia de setembro. A transição das contas será feita de forma ordenada, gradativa e orientada pelos gestores das respectivas secretarias municipais, que vão acompanhar todo o processo junto aos funcionários quantos aos procedimentos necessários.

(Foto – Divulgação)

Ceará quer vacinar em agosto 95% de sua criançada contra sarampo e poliomielite

Vem aí a Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo e a Poliomielite.

Será de 6 a 31 de agosto, com o Ceará participando e definindo a meta de vacinar 95% de sua população infantil, entre 12 meses e 4 anos, 11 meses e 29 dias, de forma homogênea, informa a Secretaria da Saúde do Estado.

No Ceará, o contingente da população infantil é de 509.183 crianças de um a quatro anos.

O dia de mobilização nacional será no sábado, 18 de agosto.

General tucano falará para o mercado imobiliário

O general Guilherme Theopilo, pré-candidato tucano ao Governo, dará palestra nesta quarta-feira, às 19 horas, no Conselho Regional de Corretores de Imóveis (Creci). Ele abordará o tema “O Ceará do Futuro e o Mercado Imobiliário”.

Até domingo (29), data da convenção do PSDB, o general deve manter uma série de reuniões com membros do seu partido e com aliados como o Pros para definir quem ocupará a vice na sua chapa. A convenção ocorrerá a partir das 9 horas, no Ginásio da Faculdade Ari de Sá.

O PSDB promete novidades.

(Foto – Alex Gomes)

Prefeitura recolhe para conserto estátua de Leonel Brizola que voltou a ser alvo de vândalos

526 2

Quem passou ,na manhã desta quarta-feira, pelo Centro de Fortaleza e, mais precisamente na altura da Travessa Crato, verificou que a estátua em homenagem a Leonel Brizola não está em seu devido local.

Pois é, ela voltou a ser alvo do vandalismo e teve um dos braços arrancados. Foi recolhida pela Prefeitura para o devido reparo. Mês passado, houve ato para recolocação dessa mesma estátua, que teve um dos braços arrancados e reposto.

Pelo visto, a área continua sem alguma câmera de segurança. Até quando?!

DETALHE – A estátua foi entregue à cidade em junho de 2017.

(Foto – Leitor do Blog)

ESCLARECIMENTO – A Prefeitura esclarece que a área da Travessa Crato conta com uma câmera de segurança e que as imagens desse furto já foram encaminhadas para as autoridades policiais.

No Ceará, 15,4 pessoas morreram por mês em acidentes de trânsito nos últimos 18 meses

Com o título “Mortes evitáveis nas estradas”, eis o Editorial do O POVO desta quarta-feira:

As mortes de 83,4 mil pessoas, nas estradas federais (BRs) do Brasil, nos dez anos decorridos entre 2007 e 2017 – detectadas por levantamento feito pela Confederação Nacional do Transporte (CNT) – é uma estatística que assombra a opinião pública, nacional e internacional. Somente no Ceará, foram mortas 190 pessoas nas BRs que cruzam o Estado. No acumulado dos últimos 18 meses, a média é de 15,4 mortes por mês, dentro das fronteiras cearenses.

Identificar as causas e agir sobre elas, de forma consequente, é o mínimo que se espera das instâncias responsáveis. Até o momento, as respostas têm sido insatisfatórias.

As causas da tragédia já estão identificadas, seus eixos principais, do ponto de vista estrutural, são: falta de sinalização e baixa qualidade da pavimentação. Do ponto de vista subjetivo, predomina a falta de atenção dos condutores, a desobediência à sinalização da via, a não manutenção de distância segura em relação ao veículo da frente, a condução sob efeito de álcool e a velocidade incompatível com a permitida.

Na verdade, ao fazer o cruzamento das estatísticas nacionais de acidentes nas BRs com as análises detalhadas sobre as condições estruturais das rodovias, a CNT constatou que a sinalização, quando falha ou inexistente, chega a ser mais prejudicial do que estragos na pavimentação (ainda que seja certo não existir apenas um motivo para os acidentes). Nos trechos em que pavimento e sinalização foram considerados ótimos, houve índice de 8,4 mortes por 100 acidentes. Enquanto nos de pavimento ótimo e sinalização péssima, o número saltou para 18,9.

A primeira causa dos acidentes – falta de sinalização – é algo mais difícil de justificar e tem-se tornado quase uma irresponsabilidade.

Sua correção exige menos recursos financeiros do que garantir a qualidade da pavimentação e, no entanto, parece secundarizada, quando não devia, já que é a principal causa dos acidentes. Sua solução vem acoplada com o aumento da fiscalização do tráfego e o aperfeiçoamento da tecnologia de monitoramento de velocidade nas estradas. A pesquisa Acidentes Rodoviários e a Infraestrutura, da CNT detectou que, nos trechos de 10 quilômetros de extensão das BRs onde não existem radares de velocidade, morrem 12,5 pessoas a cada 100 acidentes. Com a presença dos controladores, esse índice baixa para 8,5.

Cuidar da pavimentação, por seu lado, é fundamental num País que optou pelo modal rodoviário. Isso exige estradas de qualidade e a aplicação de metodologias modernas, materiais mais resistentes e fiscalização da execução das obras. Nada que não esteja no alcance de uma administração comprometida com o interesse público.

Camilo e Eunício: a união sem altar

438 1

Da Coluna do Eliomar de Lima, no O POVO desta quarta-feira:

O governador Camilo Santana (PT) marcou uma reunião com o senador Eunício Oliveira (MDB) para antes da convenção do seu partido, o PT, que será domingo, dia 5, a partir das 9 horas, no ginásio da Faculdade Ari de Sá. Como vem ressaltando que manteve uma “parceria administrativa” com o emedebista, deverá agora tratar de transformar essa dobradinha numa “parceria eleitoral”, sem formalidades, é claro.

Camilo não esconde mais de ninguém que Eunício ajudou, e muito, a sua gestão e a gestão do prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PDT), a abrir portas em Brasília e a aprovar uma série de empréstimos que deverão, sem dúvida, repercutir no próximo governo.

O PT marcou para sábado, um dia antes da convenção, o encontro que discutirá sua tática eleitoral. Nessa pauta, entra o desejo de continuar com a vaga de senador.

Camilo joga com a certeza de que poderá reverter esse quadro. Tudo será uma questão de um bom diálogo que, sem sombra de dúvidas, o governador, saberá exercitar. Com o peso da caneta na mão.

(Foto – Divulgação)

Campos Sales ganhará Parque de Feiras e Eventos

Em meio ao clima de euforia por conta da festa dos 119 anos de Campos Sales (Região do Cariri), o prefeito Moésio Loiola ganha um presente para o município.

Na última terça-feira (24), ele assinou o termo de declaração de contrapartida para a construção do Parque de Feiras e Eventos de Campos Sales, que será construída às margens do Rio Conceição.

O projeto já foi submetido à aprovação da Caixa Econômica Federal e a obra está avaliada em R$ 1.875.731,80 oriunda do Ministério do Turismo. Porém, por conta do período eleitoral, o dinheiro só será liberado após as eleições de outubro.

Além de se transformar em área para grandes eventos, o parque, segundo o prefeito Moésio Loyola, passará a acolher semanalmente, após sua conclusão,em meados de 2019, a feira livre do município.

(Com Blog FlavioPintoNews)