Blog do Eliomar

Categorias para Ceará

Ceará entre os 10 estados que concentram maior número de casos de dengue

dengue clayton

“Dez Estados brasileiros concentram 86% dos casos de dengue registrados em todo o país – Goiás (22.850), São Paulo (16.147), Minas Gerais (14.089), Paraná (6.851), Espírito Santo (4.093), Rio de Janeiro (2.608), Mato Grosso (2.208), Tocantins (2.122), Ceará (2.082) e Amazonas (1.991). Ao todo, 87.136 casos foram notificados nos dois primeiros meses deste ano.

Os dados fazem parte do Levantamento de Índice Rápido de Infestação por Aedes aegypti (Liraa), divulgado hoje (18) pelo Ministério da Saúde. Este ano, 1.459 municípios participaram do levantamento – 48% a mais que na edição de 2013.

As cidades com o maior número de casos da doença são: Goiânia (GO), com 6.089; Luziânia (GO), com 2.888; Aparecida de Goiânia (GO), com 1.838; Campinas (SP), com 1.739; Americana (SP), com 1.692; Belo Horizonte (MG), com 1.647; Maringá (PR), com 1.540; São Paulo (SP), com 1.536; Brasília (DF), com 1.483 e Campo Belo (MG), com 1.410.”

(Agência Brasil)

“Bloquinho” da Assembleia Legislativa faz primeira reunião para unificar o discurso

bloquihok
 
O “bloquinho” político recém-criado na Assembleia Legislativa para fiscalizar ações do Governo Cid Gomes (PROS) fez seu primeiro encontro de trabalho nesta terça-feira, na sala de reuniões do plenário da Casa. Ficou acertado que haverá um encontro semanal do grupo e a abordagem de temas específicos para unificar o discurso do bloquinho na tribuna do legislativo.
Participaram do encontro Fernanda Pessoa (PR), João Jaime (DEM), Eliane Novais (PSB), Roberto Mesquita (PV) e Heitor Férrer (PDT), este ausente ao encontro porque se encontra cumprindo agenda particular em Lavras da Mangabeira. Ninguém do bloquinho adiantou se virá mais adesão.
(Foto – Divulgação)

Passeata dos professores conta com aliado cidista

73 2

arturbru

Artur Bruno, Graça Costa (CUT) e Netinha Rodrigues (Fetamce)

O deputado federal Artur Bruno (PT) conferiu, nesta manhã de terça-feira, a passeata dos professores da rede pública estadual pelas ruas do Centro de Fortaleza. O grupo saiu da Praça da Faculdade Clóvis Beviláqua e seguiu até a Praça do Ferreira. O ato cobrou o cumprimento da Lei do Piso, investimento de 10% do Produto Interno Bruno (PIB) em educação e um terço da carga horária para planejamento.

“São reivindicações justas e que vão melhorar a educação”, disse Artur Bruno, adiantando que o Plano Nacional de Educação (PNE) está em discussão na Câmara dos Deputados. “A categoria e a sociedade precisam estar mobilizadas para que tenhamos ganhos efetivos”, apregoou o parlamentar.

(Foto – Divulgação)

Quando os pais entregam seus filhos para a televisão cuidar

Com o título “Redução da idade penal”, eis artigo da jornalista e professora Adísia Sá. Ela aborda tema polêmico, mas que precisa ser exposto e posto à mesa dos debates. Confira:

“A proposta que reduz a maioridade penal de 18 para 16 anos em crimes hediondos e casos específicos, como os crimes inafiançáveis, tortura, terrorismo, tráfico de entorpecentes e drogas afins”, foi rejeitada na Comissão de Constituição e Justiça do Senado. Pelo que a Imprensa noticiou, a matéria seria levada a plenário. Infelizmente não li nada mais a respeito e pergunto a quem pode me responder: “em que pé está essa proposta?”

O assunto não vem merecendo divulgação, significando que a sociedade não está interessada em debater um dos mais críticos problemas da sociedade ou seja, o destino da juventude. E raro o dia em que não tomamos conhecimento de crimes praticados por adolescentes, inclusive no recinto dos próprios lares.

Quanto aos educadores, não tenho a acrescentar, a não ser uma palestra aqui, outra acolá, mas nada em profundidade. E o problema é de suma gravidade porque representa o futuro da própria sociedade.

Há poucos anos a juventude tinha como atividade o esporte – de variada gama, hoje, infelizmente, com o noticiário aberto da televisão e sem a assistência dos pais, muito cedo crianças ficam postadas frente à telinha, sem horário de programação adequada às diversas faixas etárias, recebendo “lições” de conteúdo inadequado à sua idade.

Digo com profunda preocupação: a televisão usurpou o papel da família, omissa, quase sempre, no cumprimento de seu dever. Vale dizer que desde cedo o imaturo recebe informações inadequadas à sua idade, pela ausência do pai, da mãe e de parentes outros, voltados às suas atividades profissionais e aos seus interesses, deixando os filhos entregues aos atrativos da televisão. Por favor: não sou contrária à televisão, pelo contrário, sou defensora de sua existência e de seu papel. O que lamento é o não acompanhamento dos pais no que veem, leem e ouvem seus filhos. Como consequência imediata é a frequência do menor ante à televisão, sem horário e programação correspondentes à sua idade. Não sei se os leitores têm observado como os menores depressa se apossam de informações inadequadas às suas faixas etárias. E esse amadurecimento forçado causam transtornos ao longo da vida.

Com a discussão no Senado da maioridade penal, abre-se à sociedade brasileira a oportunidade para todos os seus segmentos se debruçarem sobre o tema, inclusive encaminhando sugestão aos nossos representantes Pimentel, Inácio e Eunício.

Acompanhemos atentamente o desenrolar dos debates, prontos a encaminhar, se preciso for, aplausos, sugestões, críticas:omissos, jamais. 

* Adísia Sá

adisiasa@gmail.com

Jornalista e professora.

Parlamentares cearenses articulam em Brasília para ampliar emancipação de distritos

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=99P4TpF6VME&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg[/youtube]

A derrubada do verto presidencial à lei das emancipações de distritos pode ser votada nesta noite de terça-feira. A matéria, no entanto, inclui critérios que podem prejudicar a emancipação de vários distritos do Ceará, segundo informa o deputado estadual Dedé Teixeira (PT).

O petista, que integra a comissão de emancipações da Assembleia, ao lado de parlamentares como Neto Nunes (PMDB) e o deputado Delegado Cavalcante (PDT), viajou para Brasília, onde tentará reverter esses critérios que incluem, por exemplo, mínimo de 15 mil habitantes e distância mínima que acabaria prejudicando Jurema, em Caucaia, por exemplo. Os critérios atuais só beneficiam os Estados do Centro-Oeste e Norte, afirma Dedé Teixeira.

Indústria começa 2014 menor do que em janeiro de 2013. Ceará tem reflexos

“O pessoal ocupado pela indústria se manteve estável no mês de janeiro de 2014, em relação a janeiro de 2013, divulgou hoje o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Na comparação com o mesmo mês do ano anterior, no entanto, houve queda de 2%, sobre uma base de comparação que já havia caído 1,2% em relação a janeiro de 2012.

A variação mês a mês do pessoal assalariado na indústria vem se mantendo estável ou negativa desde janeiro do ano passado. Em 2013, em todos os meses houve queda em relação a 2012. Nos últimos 12 meses, a queda acumulada do pessoal ocupado assalariado é 1,2%.

Os estados de São Paulo e do Rio Grande do Sul tiveram os maiores impactos na taxa nacional na comparação com o mesmo mês de 2013. O pessoal ocupado na indústria paulista caiu 3,1%, e o da gaúcha, 3,3%, o pior resultado nacional. Bahia (-3,2%), Paraná (-2,3%), Espírito Santo (-2,2%), Rio de Janeiro (-1,8%), Minas Gerais (-1,4%), Ceará (-1%) e Pernambuco (-0,5%) acompanharam as reduções no pessoal ocupado. Santa Catarina teve alta de 0,4%. A taxa atribuída pelo IBGE às regiões Norte e Centro-Oeste subiu 1,3%.

Apenas quatro setores pesquisados expandiram o pessoal ocupado em janeiro de 2014, em relação a janeiro de 2013, 14 caíram. A maior alta foi no setor de produtos químicos, de 1,9%, seguido pelo de fumo, com 1,4%, e pelo de alimentos e bebidas, com 1,2%. O ramo de calçados e couro teve a maior queda no pessoal ocupado, 6,6% ante janeiro de 2013. Produtos de metal (-6%), refino de petróleo e álcool (-5,8%), têxtil (-5,8%) e máquinas e equipamentos (-5,6%) são os outros que mais caíram.”

(Agência Brasil)

Dilma Rousseff visitará o Ceará em clima de base aliada dividida pela sucessão

cid dilma metrofor

Da Coluna Vertical, do O POVO desta terça-feira:

A visita da presidente Dilma Rousseff ao Ceará, amanhã, Dia de São José, fará um milagre pelo menos formal: reunirá, no mesmo palanque, em Fortaleza e Sobral, o governador Cid Gomes (Pros), os senadores Eunício Oliveira (PMDB), Inácio Arruda (PCdoB) e José Pimentel (PT), além do vice, Domingos Filho (Pros), do presidente da Assembleia, Zezinho Albuquerque (Pros), e do ex-ministro dos Portos, Leônidas Cristino (Pros), além do deputado José Guimarães (PT). Milagre porque a base aliada dilmista no Estado anda destoando sobre eleições.

Cid quer o Pros indicando seu sucessor; Eunício quer ser o candidato; Inácio sonha com a reeleição; Guimarães quer a mesma vaga; Zezinho quer o trono, seguindo mesmo desejo de Domingos Filho e Cristino (Pros); e Pimentel integra bloco de Luizianne Lins, que apregoa palanque próprio do PT.

Há quem diga: publicamente, Dilma nada falará sucessão. Talvez dando a senha de que continuará buscando unidade. Nos bastidores.

Deputado tucano diz que visita de Dilma ao Ceará é só “palanque político”

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=Gf2pjCrrORA&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg[/youtube]

O deputado federal bateu duro, nesta terça-feira, na visita que a presidente Dilma Rousseff fará ao Estado do Ceará na quarta-feira, Dia de São José. A presidente entregará equipamentos agrícolas e títulos de propriedade, além da última etapa do Projeto eixão das Águas.

Raimundo Gomes define a visita de Dilma como “palanque político” e verdadeira gastança.

Ministério Público e Polícia fazem operação em Fortaleza, Aquiraz e Maracanaú

58 1

resultado da operação desarticulada pelo

O Ministério Público Estadual, Coordenadoria de Inteliência da SSPDS e Polícia Militar vão apresenta nesta terça-feira, às 14h30min, numa coletiva no auditório da Procuradoria Geral de Justiça, resultado de operação realizada em Fortaleza e em Maracanaú e Aquiraz (estas na Região Metropolitana). Estão sendo cumpridos, desde cedo, 15 mandados de prisão temporária e 26 mandados de busca e apreensão.

Os mandados de prisão e de busca e apreensão foram solicitados pelo MP-CE e expedidos pelo juiz da 1ª Vara Criminal de Maracanaú, Antônio Jurandy Porto Rosa Júnior. De acordo com a assessoria de imprensa do MP, a operação foi originada por meio de dois Procedimentos de Investigação Criminal instaurados para apurar cometimento de crimes de fraude em licitação, corrupção ativa e passiva, lavagem de dinheiro, e formação de quadrilha, contra a Administração Pública do Município de Maracanaú.

Prefeito entrega posto de saúde reformado e ampliado no bairro Autran Nunes

roberto cláudio prefeito

O prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (Pros), acompanhado da secretária Municipal de Saúde, Socorro Martins, e da secretária da Regional III, Fátima Canuto, entregará, nesta terça-feira, às 17 horas, o Posto de Saúde Eliézar Studar. O posto, localizado na Rua Tomás Cavalcante, 545 – Autran Nunes (próximo à UPA), passou por completa reforma  e foi ampliado.

A unidade possui quatro equipes do Programa de Saúde da Família (PSF), sete consultórios médicos, consultório odontológico com sala de raios X, exames laboratoriais, farmácia abastecida com medicamentos da Atenção Primária, salas de curativos, sala de vacinas e salas para os Agentes Comunitários de Saúde e Endemias.

Os usuários, segundo a Secretaria Municipal da Saúde, terão acesso ao atendimento
totalmente informatizado, prontuário eletrônico, ambientes climatizados, além de contar com o novo horário de funcionamento: das 7 às 19 horas.

Professores fazem ato público no entorno do Palácio da Abolição

Os professores filiados ao Sindicato Apeoc realizam, nesta  manhã de terça-feira, no entorno do Palácio da Abolição, uma manifestação. O objetivo segundo o Sindicato Apeoc, é cobrar cumprimento da lei do piso salarial da categoria, votação do Plano Nacional de Educação (PNE) e 10% do PIB para a educação pública.

O acesso ao Palácio da Abolição está fechado.

O ato público faz parte do Dia Nacional de Luta, que ocorre nos demais Estados.

Presidente do TCU cita obra do Pinto Martins como exemplo da falta de planejamento

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=N7IrXrvc0sI&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg[/youtube]

O presidente do Tribunal de Contas da União, Augusto Nardes, disse, nesta quarta-feira, em Fortaleza,  que os governos passam, mas sempre se verifica o mesmo problema em matéria de projetos: a falta de planejamento. Nardes deixou Fortaleza, após ter participado de evento sobre controle externo no Tribunal de Contas dos Municípios.

Augusto Nardes reitera que falta de planejamento é “o principal gargalho” administrativo do País, o que gera mais despesas e sobretaxa de preços.

O presidente do TCU chegou a dar como exemplo de falta de planejamento uma série de obras para a Copa do Mundo, entre elas, a ampliação do terminal de passageiros do Aeroporto Internacional Pinto Martins, que não vai ficar pronta para a competição.

Vice-prefeito aposta em candidatura de Eunício a governador. Com ou sem Cid Gomes

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=UmAOeJivhyk&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg[/youtube]

O vice-prefeito de Fortaleza, Gaudêncio Lucena, disse, nesta terça-feira, que o PMDB como um todo quer uma candidatura do seu presidente estadual, o senador Eunício Oliveira, para o Governo do Estado. Conforme Gaudência esse é o “sentimento” dos peemedebistas do Estado e da direção nacional da legenda.

Gaudêncio Luena deixa claro que o PMDB vai tentar todos os esforços para manter a unidade da aliança com o governador Cid Gomes, mas ele observa: se isso não for possível, mesmo assim, Eunício Oliveira disputará o Governo porque conta, além do apoio dos peemedebistas, de lideranças de outros partidos.

Gaudência chega a dizer que até uma composição politica com o PSDB não seria descartável. “Tudo é possível!”, observa o vice-prefeito.

Policiais civis vão realizar paralisações a partir desta quinta-feira

93 3

Durante assembleia geral realizada pelo Sindicato dos Policias Civis de Carreira do Estado do Ceará (Sinpol/CE), nessa segunda-feira (17), a categoria decidiu por unanimidade realizar paralisações, em dias alternados, em delegacias de todo o Estado. A primeira está marcada para a quinta-feira (20), durante todo o horário de funcionamento da unidade que será definida apenas no dia da paralisação.

“A medida dá continuidade às ações do movimento “Polícia Legal”, que chega à terceira fase. O dia 7 de abril é a data limite para nossa reestruturação salarial. Caso não saia, possivelmente a paralisação geral aconteça durante a Copa”, informou o presidente do Sinpol/CE, Gustavo Simplício.

A categoria decidiu ainda denunciar o Estado, na Corte Interamericana de Justiça, por violação dos Direitos Humanos, por entender que o tratamento aos presos nas delegacias pode ser considerado tortura.  Desta forma, se a corte julgar e condenar o Brasil, o país fica impedido de obter empréstimos internacionais.

A campanha Polícia Legal chega ao terceiro mês sem avanços nas negociações com o Governo do Estado. Na semana passada, diretores do Sinpol/CE estiveram com o governador Cid Gomes, no município de Crateús, que não passou nenhuma solução concreta para as reivindicações  da categoria. “Nós não estamos pedindo nada absurdo. Queremos nosso nível superior”, afirmou a vice-presidente do Sinpol/CE, Ana Paula.

(Pont´Informação)

Deputado petista critica visita de Dilma ao Ceará

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=AO6rZTkHk2M&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg[/youtube]

O deputado federal Eudes Xavier criticou, nesta terça-feira, a visita da presidente Dilma Rousseff ao Ceará, a ser cumprida mais precisamente ao lado do governador Cid Gomes (Pros). Para ele, haveria compromisso bem mais importante do que uma ida dela a Sobral, por exemplo. Para Eudes, deve-se, no entanto, louvar a entrega de máquinas agrícolas, o que seria uma demonstração de que o governo federal não abandonou o agricultor nesta época da seca.

O parlamentar tem diferenças políticas com o governador Cid Gomes. Ele integra o grupo político da ex-prefeita Luizianne Lins que quer candidatura própria ao Governo do Estado e o fim da aliança política com os Ferreira Gomes.

Eudes Xavier mostrou seu descontentamento com a decisão do governo federal de delegar a Codevasf a gestão da futura obra da transposição da águas do São Francisco em detrimento do DNOCS.

 

Expresso Guanabara investe na renovação da frota

530 1

carlosmagalhaes

A Expresso Guanabara adquiriu mais 30 novos carros, dentro do seu programa de renovação da frota no Estado. Segundo o diretor operacional da empresa, Carlos Magalhães, o novo pacote virá agora em abril.

Atualmente, a Guanabara conta com uma frota de 405 carros e opera em 42 linhas intermunicipais. “A renovação constante da nossa frota é uma prioridade”, explica Magalhães que, em Brasília, participa de reunião da Associação Brasileira de Transportes Terrestres (ABRATT).

(Foto – Paulo MOsKa)

Parlamentar questiona obras do VLT. Haverá luz no fim destes túneis?

Com o título “Trens fora dos trilhos”, eis artigo do deputado estadual João Jaime (DEM). Ele aborda, com muitas queixas, obras da mobilidade como os VLTs do Cariri e de Sobral e o VLT de Fortaleza. Confira:

O trem (VLT) do Cariri, opera há três anos. Continua transportando, no máximo, 1.200 passageiros por dia, com a tarifa de R$ 1,00 por pessoa. Pensando nisso, paira a dúvida sobre os gastos com a obra referentes a investimento e manutenção. Isso, tendo em vista que a obra custou para o Estado aproximadamente R$ 60 milhões e a manutenção gira em torno de R$ 6 mil por ano.

Considerando essa demanda: 1.200 passageiros/dia, teremos : 1200×22(dias/mês , sábado e domingo quase não funciona ) x 12 (meses) = 316.800 passagens/ano. Considerando que o passageiro paga R$ 1,00 por viagem, teríamos um subsídio de R$ 18,94 por viagem de passageiro. Mais fácil e mais barato seria pagar um táxi para cada passageiro .

No que diz respeito a Sobral, o VLT, que deve ter custado mais do dobro, está pronto há quase um ano, inclusive com os trens comprados. Por que, até hoje, não operou? Quanto custou a obra? Quanto será a tarifa e quanto terá de custeio do Estado? Há informações sobre apontando que, por erro de projeto, os trens não fazem as curvas .

Já o VLT de Fortaleza está em obra. A qualidade da obra é vista a olhos nus. Basta ir à Avenida Jangadeiro e ver as muretas que devem servir de suporte para as grades de proteção da linha férrea. Sem padrão nem alinhamento. Também podemos observar as estruturas pre-moldadas dos viadutos. A construtora atual diz que o problema é a falta de reajuste; o governo não encontraria quem faça pelo atual orçamento.

E a marca do Governo é essa: falta de planejamento, desprezo pela boa técnica e obra barata, com serviço duvidoso e mal executado. O máximo da comprovação da tese foi a adutora de Itapipoca que nem o “bombeiro”, com formação de engenheiro, conseguiu ajeitar.

Quanto vai ser o custeio do VLT e o Metrô para o Estado? A obra total licitada é de R$ 3,5 bilhões. E o custeio da operação?  A Ivepar, vencedora da manifestação de interesse para operar as três linhas do Metrô (Sul, Oeste e Leste) mais o VLT Parangaba /Mucuripe, quer R$ 500 milhões ( quinhentos milhões/ano ) de contrapartida do Estado.

O sistema do metrô atenderá , no máximo, 35% da demanda atual do ônibus. Com o sistema total operando, teremos o modal ônibus com 65% da demanda e o metrô com 35%. Ou seja, temos condição orçamentária para subsidiar o modal metrô?

Apesar das deficiências, por falta de planejamento governamental, que sempre privilegiou o transporte individual, subsidiar o transporte de passageiros deve ser a prioridade de um Estado sem educação, saúde e onde as pessoas ainda sofrem de sede?

A compra dos tatuzoēs (vão perfurar a parte subterrânea do Metrofor) foi um grande erro. O Governo terá que construir uma termelétrica para atender a demanda de energia não prevista na compra . Mais prejuízo para o Estado. Depois da obra, o que vão fazer com esses equipamentos?

Falta planejamento e as decisões são por impulso .

* João Jaime,

Deputado estadual pelo DEM.

Teólogo Leonardo Boff é conferencista em congresso estadual dos fazendários

leonardoboff

Tudo pronto para o VII Congresso Estadual dos Fazendários. A realização é do Sindicato dos Fazendários do Ceará (Sintaf) e ocorrerá nesta terça, quinta e sexta-feira. A abertura ocorrerá a partir das 19h30min desta terça-feira, no Marina Park Hotel. O governador Cid Gomes prometeu estar presente, pois, segundo a categoria, ele se comprometeu a encaminhar a Lei Orgânica do Fisco Estadual até o fim do seu mandato. Dentro da programação, nomes de peso como o teólogo, professor e escritor Leonardo Boff, que debaterá o tema principal “Cidadania Fiscal e Lei Orgânica do Fisco” e temas correlatos, fundamentais ao exercício da carreira fazendária, ao fortalecimento do Fisco e à justiça fiscal. Após o feriado do Dia de São José, Leonardo Boff abrirá os painéis do evento, às 14 horas.

Na sexta-feira, haverá painéis abordando “Participação Política e as Ameaças ao Serviço Público” e “Lei Orgânica do Fisco e Desenvolvimento do Estado”. Além de Leonardo Boff, estarão como conferencistas os deputados federais Chico Lopes (PCdoB), João Dado (SDD-SP), Artur Bruno (PT) e Décio Lima (PT-SC), este último autor da proposta de emenda à Constituição Federal que prevê a Lei Orgânica da Administração Tributária Nacional (PEC 186/2007); o deputado estadual Mauro Filho (PROS) e o coordenador executivo do Laboratório de Estudos da Pobreza (LEP/Caen/UFC), João Mário França, também estão entre convidados.

SERVIÇO

* Mais informações: www.sintafce.org.br – (85) 3281.9044 -sintaf@sintafce.org.br

Chico Lopes: Veto ao projeto de emancipação de distritos pode ser derubado

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=pwQtbgjlVD4&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg[/youtube]

O deputado federal Chcio Lopes (PCdob) afirmou, nesta segunda-feira, que o projeto criando novos municípios no País tem tudo para ser derrubado, caso entre na pauta de votação da Câmara. Ele diz que a matéria traz regras mais rígidas para a emancipação de distritos.