Blog do Eliomar

Categorias para Ceará

Teólogo Leonardo Boff é conferencista em congresso estadual dos fazendários

leonardoboff

Tudo pronto para o VII Congresso Estadual dos Fazendários. A realização é do Sindicato dos Fazendários do Ceará (Sintaf) e ocorrerá nesta terça, quinta e sexta-feira. A abertura ocorrerá a partir das 19h30min desta terça-feira, no Marina Park Hotel. O governador Cid Gomes prometeu estar presente, pois, segundo a categoria, ele se comprometeu a encaminhar a Lei Orgânica do Fisco Estadual até o fim do seu mandato. Dentro da programação, nomes de peso como o teólogo, professor e escritor Leonardo Boff, que debaterá o tema principal “Cidadania Fiscal e Lei Orgânica do Fisco” e temas correlatos, fundamentais ao exercício da carreira fazendária, ao fortalecimento do Fisco e à justiça fiscal. Após o feriado do Dia de São José, Leonardo Boff abrirá os painéis do evento, às 14 horas.

Na sexta-feira, haverá painéis abordando “Participação Política e as Ameaças ao Serviço Público” e “Lei Orgânica do Fisco e Desenvolvimento do Estado”. Além de Leonardo Boff, estarão como conferencistas os deputados federais Chico Lopes (PCdoB), João Dado (SDD-SP), Artur Bruno (PT) e Décio Lima (PT-SC), este último autor da proposta de emenda à Constituição Federal que prevê a Lei Orgânica da Administração Tributária Nacional (PEC 186/2007); o deputado estadual Mauro Filho (PROS) e o coordenador executivo do Laboratório de Estudos da Pobreza (LEP/Caen/UFC), João Mário França, também estão entre convidados.

SERVIÇO

* Mais informações: www.sintafce.org.br – (85) 3281.9044 -sintaf@sintafce.org.br

Chico Lopes: Veto ao projeto de emancipação de distritos pode ser derubado

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=pwQtbgjlVD4&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg[/youtube]

O deputado federal Chcio Lopes (PCdob) afirmou, nesta segunda-feira, que o projeto criando novos municípios no País tem tudo para ser derrubado, caso entre na pauta de votação da Câmara. Ele diz que a matéria traz regras mais rígidas para a emancipação de distritos.

Boas chuvas no Ceará. Camocim registra 100 milímetros

Até as 7 horas da manhã desta segunda-feira, choveu em 97 municípios cearense. A informação é da Funceme, através do seu site. Em Fortaleza, choveu mais de 33 milímetros. A maior chuva foi registrada em Camocim, com 100 milímetros. 

Camocim (Posto: Camocim) : 100.0 mm

Guaraciaba Do Norte (Posto: Guaraciaba Do Norte) : 97.0 mm

Santa Quiteria (Posto: Trapiá) : 93.0 mm

Ibiapina (Posto: Ibiapina) : 85.0 mm

Reriutaba (Posto: Reriutaba) : 85.0 mm

Guaraciaba Do Norte (Posto: Picada) : 84.0 mm

Russas (Posto: Russas) : 58.0 mm

Pacuja (Posto: Pacuja) : 55.4 mm

Meruoca (Posto: Meruoca) : 51.0 mm

Forquilha (Posto: Forquilha) : 46.0 mm

Homens jovens são a maioria das vítimas de homicídio no Ceará

perfilll

“A maioria das vítimas de homicídio no Ceará este ano era jovem, com idade entre 15 e 29 anos. Das 772 pessoas assassinadas nos dois primeiros meses de 2014, 400 (51%) têm esse perfil. O POVO fez o levantamento com base nos relatórios da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS). Os dados de Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs) são publicados na Internet e incluem homicídios dolosos, latrocínios (roubos seguidos de morte) e óbitos decorrentes de lesão.

Os jovens homens são os que mais morrem (foram 381 vítimas do sexo masculino e 19 do sexo feminino, nessa faixa etária). Se consideradas todas as idades, o gênero masculino chega a 93% dos CVLIs. O levantamento mostra ainda que os crimes foram cometidos majoritariamente com armas de fogo (83%). Quase metade dessas mortes aconteceu em Fortaleza, cidade que concentra cerca de um terço da população do Ceará (ver quadro).

Para o coordenador do Laboratório de Estudos da Violência (LEV/UFC), sociólogo César Barreira, fatores históricos explicam o perfil da vítima de morte violenta no Ceará ser o homem jovem. Segundo ele, essas vítimas são preferenciais porque culturalmente o homem circula em ambientes mais perigosos que as mulheres. Logo, protagonizam mais disputas. De toda espécie. Das amorosas ao controle do tráfico. Esses conflitos resultam em mortes.

Barreira cobra políticas públicas de esporte, lazer, educação, cultura e capacitação profissional para essa população jovem não ser ainda mais vitimizada. E ressalta a necessidade de reduzir a circulação de armas de fogo no Estado. O Ceará tem desempenho tímido nas campanhas nacionais de desarmamento. “A gente fala muito que a violência é democrática. Mas ela termina sendo seletiva na medida em que a vítima preferencial é o homem jovem. Sendo agressor, ele se expõe mais. Então, também é mais vítima. Os jovens continuam mais vítima do que propriamente agressores. E o Estado carece muito de uma política para o jovem”, cita César.

Questões educacionais também explicam esse fenômeno da matança seletiva. “A formação dos rapazes é voltada para o enfrentamento, o ideal do macho guerreiro e a exposição dos elementos da masculinidade. As moças, até pouco tempo, tinham uma formação mais voltada para o lar. Por isso que, na violência doméstica, a grande maioria das vítimas é mulher e, nas ruas, predomina o masculino. E não existem políticas que acolham esses jovens. Essa ausência de Estado deixa um vazio. Um vazio que é preenchido com a violência”, frisa Geovani Jacó, coordenador do Laboratório de Estudos e Pesquisas sobre Conflitualidade e Violência (Covio/Uece).

Geovani critica a ineficácia do poder público na contenção do narcotráfico, outro forte vetor, conforme o estudioso, da morte violenta. “O Estado é incapaz de reprimir a expansão do narcotráfico. No fundo, os jovens estão pedindo socorro. Estão buscando formas de afirmação social. Como não encontram no Estado, encontram no mercado do narcotráfico, que lhe promete poder e visibilidade. Só que isso é algo letal e autoritário. Depõe contra qualquer lógica do Estado Moderno, instaurando regras particulares. Muito embora não se configure um estado paralelo. Porque tudo isso tem a conivência do Estado. A ramificação da lógica do crime não circula só entre a sociedade. Ela está entranhada na Polícia, na Justiça, no Legislativo… É uma questão complexa. E endêmica.”

(Bruno de Castro, do O POVO)

Nova sede do TCE e um terreno em questão

teodoricomenezes

Esta nota é da Coluna Radar, da Veja Online:

Em 2010, o então presidente do Tribunal de Contas do Ceará, Teodorico Menezes, desapropriou uma área de 7. 000 metros quadrados no Centro de Fortaleza para construção de um anexo do tribunal.

Apesar de já ter sido negociada semanas antes por 10 milhões de reais, a propriedade teve a venda sustada e o valor de indenização estabelecido em apenas 2 milhões.

O proprietário questionou a avaliação na Justiça que lhe deu ganho de causa, mas Menezes recorreu da decisão, chamou a polícia e iniciou a obra mesmo sem o alvará da prefeitura.

Passados três anos, a obra ainda não foi concluída e já custou aos cearenses 24 milhões de reais. Sem considerar o preço do terro que ainda não foi pago, o preço do metro quadrado do novo prédio do TCE que está inconcluso já custou 4.000 reais, enquanto o preço médio de empreendimentos de alto padrão na mesma área é de 2.000 reais.

Teodorico Menezes está afastado de suas funções desde julho de 2012, por decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ), onde responde pelas acusações de peculato, falsidade ideológica e formação de quadrilha.

Ele foi apontado pelo Ministério Público Federal como chefe de um esquema que desviou 2,5 milhões de reais de um programa de construção de banheiros em casas sem saneamento no interior do Ceará. No mês passado, Menezes tentou voltar à ativa, mas foi barrado por decisão da ministra Nancy Andrighi.

O PIB do Ceará de novo

81 1

Da Coluna Vertical, no O POVO desta segunda-feira (17):

Dentro do debate sobre o PIB do Ceará, o ex-governador Lúcio Alcântara (PR) manda nota a Vertical: “É certo que o PIB estadual (3,44) foi maior que o do País (2,3). O que não significa muita coisa, considerando que a economia brasileira vacila nos últimos anos. Uma análise do período mais recente revela que o índice no Estado vem em queda há três anos: 4,3; 3,65 e 3,44 como aqui foi exposto”, diz o ex-governador.

“No meu Governo (2003/2006), num cenário bem adverso, marcado por uma delicada situação das finanças estaduais e a recessão da economia nos primeiros anos do presidente Lula, o crescimento médio foi de 4,36. Na atual administração (2003/2013), a média foi de 4,46 em condições locais e nacionais muito mais favoráveis que aquelas com as quais convivi. Se formos mais rigorosos e fizermos os cálculos pela média geométrica veremos que os resultados ainda são mais favoráveis ao meu período, 3,61, enquanto o atual não passou de 2,42. É triste ver o Brasil e o Ceará festejando PIBs medíocres”, ressalta.

Encontro PSB/Rede faz críticas ao Governo na terra do governador

180 2

foto psb encontro 140315

Centralização administrativa, violência no Interior, ineficiência políticas contra a seca e desvalorização do servidor público estadual. Essas foram as principais críticas contra o governo Cid Gomes, durante encontro da aliança PSB/Rede, neste fim de semana, em Sobral, na Região Norte do Estado.

Segundo os organizadores do evento, o objetivo dos encontros realizados no Interior é a formação de um plano de governo. Participam do evento a presidenta do PSB de Fortaleza, Nicolle Barbosa (pré-candidata ao Governo do Estado); a representante da Rede Sustentabilidade, Geovana Cartaxo (pré-candidata ao senado); a deputada estadual Eliane Novais (pré-candidata a deputada federal); o secretário geral do PSB-CE, Jadson Sarto (pré-candidato a deputado estadual); além de lideranças políticas e partidárias da Região Norte. O encontro foi coordenado pelo presidente do PSB-CE, Sergio Novais.

A média do PIB

Da coluna Fábio Campos, no O POVO deste domingo (17):

Veio a público o resultado do PIB do Ceara em 2013: um crescimento de 3.44%. No fim das contas, foi um resultado melhor que o crescimento do PIB brasileiro, que alcançou 2,3%. Tem sido uma tônica nos últimos anos. Estados como Ceará, Pernambuco e Bahia têm, quase sempre, obtido PIBs com desempenho melhor que o do Brasil.

Porém, o Palácio da Abolição precisa ficar atento. O desempenho cearense é de queda no crescimento por três anos seguidos (4,30% em 2011, 3,65% em 2012 e 3,44% em 2013). Os resultados do PIB certamente vão ser explorados na campanha eleitoral.

A oposição vai lembrar que a era Cid prometia um “salto” na economia, mas quando se compara o crescimento médio do PIB na gestão de Cid com a gestão de Lúcio Alcântara prevalece quase um empate, com ligeira vantagem para o atual governador. A saber: uma média de +4,46% de Cid contra +4,36% de Lúcio.

Vereadores de Fortaleza prestigiam evento comandado por Eunício Oliveira

547 7

foto eunício pmdb 140315

Vereadores de Fortaleza se deslocaram 352 quilômetros até o município de Croatá, na Região da Ibiapaba, para prestigiar nesse sábado (15) o X Encontro Regional do PMDB no Ceará, que debateu a interiorização dos investimentos como saída para o desenvolvimento socioeconômico em todas as regiões do Estado e a convivência com a seca.

Além do presidente da Câmara Municipal de Fortaleza, Walter Cavalcante (PMDB), prestigiaram o evento comandado por Eunício Oliveira, presidente do PMDB do Ceará e pré-candidato ao Governo do Estado, os vereadores José do Carmo (PSL), Eulógio Neto (PSC), John Monteiro (PTdoB), Fábio Braga (PTN), Vaidon Oliveira (PSDC), Joaquim Rocha (PV), Mairton Felix (DEM), Alípio Rodrigues (PTN), Benigno Júnior (PSC), Zier Férrer (PMN) e Aonde É (PTC), em um total de dez partidos.

Além dos vereadores de Fortaleza, também prestigiaram o encontro do PMDB Itinerante o vice-prefeito de Fortaleza, Gaudêncio Lucena (PMDB), o deputado federal Mauro Benevides (PMDB), os deputados estaduais Danniel Oliveira (PMDB), Carlomano Marques (PMDB) e João Jaime (DEM), 14 prefeitos da região, 13 vice-prefeitos, 62 vereadores das regiões da Ibiapaba e Norte do Estado, como ainda cerca de três mil moradores de Craotá e municípios vizinhos.

O PMDB Itinerante também já foi realizado nas cidades de Banabuiú, Morada Nova, Nova Russas, Caririaçu, Varjota, Barreira, Santa Quitéria, Iguatu e Crato.

Lúcio Alcântara critica postura de Cid Gomes e Bismarck Maia reage com ironia

265 8

foto twitter lucio e bismarck 140315

O ex-governador Lúcio Alcântara voltou a utilizar as redes sociais, nesse sábado (15), para criticar o governador Cid Gomes. No twitter, ele questionou o projeto do aeroporto de Aracati e, de forma indireta, a postura de Cid Gomes afirmando em uma das suas postagens  que “sai, não sai…O que ele diz hoje não vale para amanhã”.

O comentário é interpretado como uma reação de Lúcio à possível desincompatibilização do governador, até o dia 5 de abril.

As postagens de Lúcio Alcântara, porém, foram respondidas, minutos depois, pelo secretário de Turismo do Estado, Bismarck Maia, que em sua conta de twitter de forma irônica afirmou: “Mais uma vez, o ESQUECIDO perde oportunidade de calar-se”.

Vamos nós – Com certeza, as redes socais serão um canal de muita audiência durante as eleições deste ano.

Sucessão no Ceará sai dos bastidores

opovo 140315 quadro partidos

Passada a ressaca do Carnaval, lideranças políticas do Ceará iniciam neste sábado (15) movimento de mobilizações de olho na eleição deste ano. Se até agora as conversas estavam mais restritas aos bastidores, com pretensos candidatos evitando falar do assunto, encontros e eventos marcados para este sábado deixam claro que, a partir de agora, a briga pela sucessão de Cid Gomes (Pros) já sai às ruas.

Praticamente todos os principais atores políticos do Estado cumprem agenda política de grande visibilidade neste sábado. Até então evitando falar de eleições, o governador Cid estará em seu berço político Sobral, na Região Norte, para a tradicional cavalgada de São José.

Acompanham o chefe do Executivo os irmãos Ciro e Ivo, além do presidente da Assembleia, Zezinho Albuquerque. A exposição ao lado dos irmãos Ferreira Gomes é boa para o deputado, que tem nome cotado como pré-candidato do Pros ao governo. São esperadas também lideranças do PT na região, entre elas o prefeito de Sobral, Veveu Arruda, e deputados federais.

Quem também estará na Região Norte é o senador Eunício Oliveira, pré-candidato do PMDB ao governo. A partir das 9h, ele participa de encontro regional do partido em Croatá, na serra da Ibiapaba.

O evento é a primeira movimentação política do senador após semana turbulenta na relação de seu partido com base de Dilma Rousseff (PT) – motivada inclusive pelo entrave na sucessão cearense. Como tem acontecido em outros eventos coordenados pelo peemedebista, é esperado forte clima de campanha e arregimentação de aliados.

A aliança PSB/Rede no Ceará também realiza encontro em Sobral, com participação da pretensa candidata do partido, a empresária Nicole Barbosa. No evento, será exibida mensagem do pré-candidato do PSB à presidência, Eduardo Campos, e da fundadora do Rede, Marina Silva.

Capital

Em Fortaleza, agenda de movimentações também é intensa. Tentando pressionar aliados para apoio à reeleição do senador Inácio Arruda, o PCdoB se reúne na Casa Amarela da UFC para anunciar seu posicionamento para o pleito deste ano. Participa da reunião o presidente nacional do partido, Renato Rabelo

Já o Psol lançará hoje pré-candidatura Ailton Lopes ao governo do Estado. Representante de grupo ligado ao vereador João Alfredo e do advogado Renato Roseno, o sindicalista disputará internamente contra Adelita Monteiro, mais próxima do grupo da vereadora Toinha Rocha.

(O POVO)

Ipece: Economia cearense obteve crescimento, apesar do ambiente nacional desfavorável

Da Coluna Vertical, no O POVO deste sábado (15):

O diretor geral do Ipece, Flávio Ataliba, compara a performance da economia estadual com a do Plano nacional. Para ele, o “Ceará, sendo um Ente Federativo, naturalmente está sujeito ao comportamento da economia nacional. Entretanto, mesmo diante dessa realidade, a economia cearense obteve crescimento acumulado no período citado de 11,82%, contra 6,0% do nacional”. E acrescenta: “Entre 2007 e 2012, o Ceará investiu R$ 13,05 bilhões, montante apenas inferior ao dos estados de SP, MG e Rio e o segundo como proporção da Receita Corrente Líquida”, o que contraria a ameaça de novos investimentos.

Sobre a perda de oportunidade de crescimento do Estado nos últimos anos, Ataliba considera que o “ambiente nacional nesse período não deve ser considerado favorável, que o PIB cearense obteve, em 2013, uma participação de 2,21% do PIB nacional e que o “PIB “per capita” do Estado atingiu, em 2013, um valor equivalente a 50% do PIB “per capita” nacional”.

O debate sobre crescimento do PIB cearense é salutar e está exposto. É preciso ir além dos números e sair um pouco dessa tese de que o Ceará adora ser o centro do mundo e analisar sem paixões. O empresariado cobra isso.

Ematerce apresenta previsão de safra para 2014

A Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Ceará (Ematerce) apresenta relatório sobre a situação da produção de Grãos de Sequeiro e quadra chuvosa da safra 2014, por territórios, nesta segunda-feira (17), a partir das 9 horas, no auditório do Corpo de Bombeiros, no bairro Jacarecanga.

A apresentação será durante a reunião do Comitê Integrado da Seca, por meio do diretor técnico Walmir Severo e do presidente José Maria Pimenta. Na ocasião será apresentada a perspectiva de safra, principalmente de milho e feijão.

(Ematerce)

“PMDB Itinerante” discute interiorização dos investimentos no Ceará

A interiorização dos investimentos como saída para o desenvolvimento socioeconômico em todas as regiões do Estado e a convivência com a seca são os temas que serão debatidos no X Encontro Regional do PMDB no Ceará, nesse sábado (15), a partir das 9 horas, no Espaço Cultural de Croatá, na Ibiapaba.

O evento terá à frente o presidente do PMDB no Ceará, senador Eunício Oliveira, que definiu o encontro do “PMDB Itinerante”, como “uma oportunidade para aqueles que querem discutir o Ceará”.

Além de Croatá, o “PMDB Itinerante” já ocorreu nas cidades de Banabuiú, Morada Nova, Nova Russas, Caririaçu, Varjota, Barreira, Santa Quitéria, Iguatu e Crato.

Codevas passa a gerir oficialmente o projeto de transposição do São Francisco

A Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) é, a partir desta sexta-feira (14), operadora oficial do sistema de gestão do Projeto de Integração do Rio São Francisco com Bacias Hidrográficas do Nordeste Setentrional (PISF). O decreto presidencial número 8.207 foi publicado no Diário Oficial da União e, além de ratificar o novo papel da Codevasf, delimita a chamada região de integração, determina a composição do conselho gestor que vai gerir o PISF e aponta as diretrizes das atribuições do conselho.

O decreto assinado pela presidenta Dilma Roussef estabelece que a região de integração, cujo sistema de gestão a Codevasf vai operar, compreende o conjunto de municípios abastecidos pelas estruturas hídricas interligadas aos eixos Norte e Leste do PISF e aos seus ramais, inseridos nas bacias e sub-bacias receptoras nos estados de Pernambuco, Paraíba, Ceará e Rio Grande do Norte.

O documento também determina que o conselho gestor de caráter consultivo e deliberativo que vai gerir o PISF, além de um membro de cada um daqueles estados, será composto também de um representante de cada um dos seguintes órgãos: Casa Civil; ministérios da Fazenda; Minas e Energia; Planejamento, Orçamento e Gestão; Meio Ambiente; Comitê da Bacia Hidrográfica do rio São Francisco; e dos comitês das bacias hidrográficas receptoras. O conselho será presidido pelo Ministério da Integração Nacional, ao qual fica vinculado.

(Com Codevasf)

AFBNB lança cordel sobre plano de demissão incentiva do Banco do Nordeste

pidd

Caro Eliomar de Lima,

A Associação dos Funcionários do Banco do Nordeste do Brasil (AFBNB) encomendou ao escritor e ilustrador Klevisson Viana o cordel “PID pra sair!”, sobre o programa de incentivo ao desligamento recém-lançado pelo BNB. O texto ratifica o entendimento da entidade de que o plano não resolve o grave problema previdenciário dos trabalhadores do banco, causado pelo esfacelamento do Plano BD da Caixa de Previdência do Banco (Capef). O cordel será distribuído nas unidades do BNB.

Conto com seu apoio na divulgação no Blog.

Atenciosamente,

Associação dos Funcionários do Banco do Nordeste (AFBNB).

SERVIÇO

* Leia o cordel aqui.

Assembleia Legislativa debaterá violência contra mulheres

antonio carlos

A Assembleia Legislativa  fará audiência pública para debater Violência Sexual e Doméstica contra Mulheres de Todas as Idades. A audiência está marcada para as 14 horas da próxima segunda-feira e é motivada pela passagem do Dia Internacional de Luta das Mulheres e também pelo aumento dos casos de violência.

A iniciativa é do deputado petista Antônio Carlos e contará com a participarão de representantes de vários órgãos de defesa das mulheres. A secretária-adjunta de Enfrentamento à Violência contra as Mulheres, do Governo Federal, Rosângela Rigo, está entre convidados, bem como a delegada Ivana Marques, titular da Delegacia de Defesa da Mulher.

A audiência pública ocorrerá no Auditório Murilo Aguiar, da Assembleia Legislativa e é aberta ao público.

Quem vê só praça, não enxerga floresta

168 5

Eis a análise do jornalista Erivaldo Carvalho, em seu Blog, sobre a polêmica em torno das obras da Praça Portugal. Para Erivaldo, a discussão deve estar acima do viés político-eleitoral. Confira:

Governar é fazer escolhas. Recorro ao chavão para reentrar na polêmica criada em torno do pacote de ações anunciado pela Prefeitura de Fortaleza – entre as quais a divisão da Praça Portugal em quatro áreas de lazer, separadas por um cruzamento.

Alguns aspectos do assunto foram comentados aqui. Vamos a mais alguns.

Todo governo – local, estadual ou nacional -, carrega em seus projetos a marca com que chegou ao poder. Toda campanha eleitoral serve, entre outros aspectos, exatamente para expor perfis, prioridades e visão de mundo dos grupos políticos.

No final, o conjunto do eleitorado dá o veredito. Mesmo que isso represente a “ditadura da maioria” – termo que costumo empregar para quem posa de democrático somente quando seus propósitos são atingidos e seus candidatos são eleitos.

O que isso tem a ver com a praça? Tudo. Há um debate político na cidade que setores querem transformar em discussão eleitoral. O primeiro é válido e deve estar presente em cada ação cidadã que tenha impacto no coletivo. Principalmente, vindo do poder público, que tem imensa capacidade de intervir na vida de todos nós.

O outro debate – o eleitoral – ficou para trás há quase um ano e meio.

Àquele época, tínhamos dois projetos de gestão da Capital do Ceará, representados, claramente, por dois grupos políticos que disputaram o voto de cada eleitor.

O projeto que venceu está fazendo suas escolhas. Foi eleito para isso.

Em tempo: assim como disse no post em que tratei do assunto, a Prefeitura pretende estabelecer faixas exclusivas para o transporte público; dar condições para a integração do bilhete único; implantar binários em duas importantes avenidas da Capital e replanejar várias ações de melhoria de tráfego nos locais mais movimentados.

Quem vê só a praça não enxerga a floresta.

Polícia Civil prende integrante do PCC no Ceará

Um homem apontado como um dos chefes do Primeiro Comando da Capital (PCC) e acusado de tráfico de drogas foi preso na manhã desta sexta-feira, 14. A prisão foi resultado da operação Famae 40, realizada pela Secretaria da Justiça e Cidadania do Estado (Sejus), por meio do Grupo de Custódia, em parceria com a Polícia Civil.

Segundo a Sejus, operação consiste no cumprimento de mais de 40 mandados de prisão de casos relacionados ao tráfico de drogas. O homem apontado como integrante do PCC é Roberto Cavalcante Araújo, o Escorpião.

Ainda de acordo com a Sejus, Roberto Araújo havia recebido da Justiça a progressão do regime fechado para o semiaberto e era monitorado por tornozeleira eletrônica. O acusado foi preso em casa e, em seguida, escoltado pelo Grupo de Custódia até a Delegacia de Narcóticos (Denarc), onde será submetido aos procedimentos cabíveis.

PCC

O PCC é uma facção criminosa criada em agosto de 1993, em um presídio de Taubaté (distante 140 km de São Paulo).

(O POVO Online)