Blog do Eliomar

Categorias para Ceará

Uma projeção sobre o Cidismo e as Eleições 2014

168 1

Com o título “Pós-Cidismo ou Neo-Cidismo?”, eis artigo do sociólogo Luiz Cláudio Ferreira Barbosa. Ele aborda o mapa geográfico político-eleitoral para o ano das eleições. Confira:

O mês de setembro redesenhará o mapa geográfico político- eleitoral para o pleito eleitoral de 2014. O futuro governador do Estado do Ceará será fruto de uma das duas teses aqui trabalhadas: Pós- Cidismo ou Neo-Cidismo?

O senador Eunício Oliveira (PMDB) sempre foi aliado durante a construção da Era Cid Gomes (2007- 2014) na política cearense. O PMDB foi o grande aliado que permaneceu ao lado dos irmãos Gomes, nos vários momentos de realinhamento interno das forças matrizes do condomínio político-administrativo do Governo Estadual.

O condomínio político- administrativo cidista é marcado, no final de sua preponderância na política cearense, pelo surgimento de duas correntes. A primeira corrente defende o PMDB como o novo grupo hegemônico, com apoio do diretório nacional do Partido dos Trabalhadores. A segunda corrente defende a permanência de um aliado indicado pelo governador Cid Gomes (PSB), para sua própria sucessão, assim como ele fez na época em que foi prefeito de Sobral (1997-2004).

O senador Eunício Oliveira prepara o terreno entre os seus aliados como o provável pré-candidato da coligação PT-PMDB, com a bênção da presidente Dilma Rousseff (PT) e do vice-presidente Michel Temer (PMDB), como palanque único de defesa da reeleição da presidência da República, em solo cearense. O pós- cidismo tem a sua principal força política- eleitoral na aliança nacional do PMDB-PT.

O governador Cid Gomes (PSB) já trabalha com a permanência do seu grupo político- administrativo , nos próximos quatro ou oito anos, no comando do executivo no Estado do Ceará. O cidismo sem Cid Gomes é coordenado pelo o ex-deputado federal Ciro Gomes (PSB), que foi responsável por essa mesma tese na saída do irmão da Prefeitura de Sobral. Ciro Gomes fez a indicação na época do deputado federal Leônidas Cristino para prefeito de Sobral. Será esse modelo repetido historicamente na atual circunstância política- eleitoral de nosso estado, com sucesso?

A política cearense não é somente representada pela indefinição no consórcio do poder da coligação PMDB- PT- PSB, pois o bloco partidário PR-PSDB começa a incentivar o surgimento de uma segunda via na sucessão estadual de 2014.

A nova circunstância do surgimento dessa segunda opção, fora das disputas internas do Palácio da Abolição, com uma união histórica e pragmática de republicanos (Lúcio Alcântara- Roberto Pessoa) e de tucanos (Tasso Jereissati- Tomas Figueiredo), em único palanque competitivo de uma chapa majoritária de oposição ao Governo estadual.

O bloco partidário republicano-tucano tem poucos nomes competitivos entre os seus quadros, mas existe uma alternativa externa, que seria o deputado estadual Heitor Férrer (PDT). O surgimento dessa segunda via política- eleitoral colocaria fim as disputas internas no condomínio político-administrativo do governador Cid Gomes (PSB), pois essa candidatura já demonstrou ser competitiva no pleito eleitoral de 2012, para prefeito de Fortaleza.

O deputado estadual Heitor Férrer (PDT) poderá ser o pré- candidato das oposições, com o discurso de superação da Era Cid Gomes, para isso adotaria o discurso eleitoral do pós-cidismo apoiado no eleitorado anticidista, que foi aproximadamente 35% dos votos válidos no pleito eleitoral de 2010.

* Luiz Cláudio Ferreira Barbosa,

Sociólogo.

DETALHE – Na Coluna Vertical do O POVO desta sexta-feira, o presidente estadual do PDT, André Figueiredo, descarta Heitor Férrer como opção para o Governo. Resta saber se tal definição resistirá até o pleito de 2014.

Frutas vão reforçar o menu da merenda escolar das escolas públicas de Fortaleza

frutas

Essa informação é do site da Secretaria Municipal de Educação:

A Secretaria Municipal da Educação (SME) começará a servir frutas antes do início das aulas do turno da manhã para os alunos da rede pública municipal de ensino. As frutas serão servidas todos os dias da semana às 06h45min. A ideia partiu do próprio secretário Ivo Gomes. Para ele, o alimento servido nesse horário tem diversas finalidades. “Além de reforçar o café da manhã, pode ser também um estímulo à pontualidade dos alunos”, explicou o secretário. O anúncio foi feito pelo titular da pasta durante reunião para apresentação do novo cardápio para representantes do Conselho Municipal de Alimentação Escolar.

A nova medida contempla a resolução n° 26 da Lei 11.947 do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) que determina que as crianças devam consumir até três frutas por semana. “A oferta desse alimento é mais uma ação para reforçar a melhoria do cardápio servido aos alunos nas escolas”, afirmou o assessor da Célula de Alimentação Escolar da SME, Bruno Feitosa.

A portaria que estabelece a inclusão de frutas como café da manhã para os estudantes foi assinada nesta quinta-feira e as escolas que já dispõem desses alimentos já começarão a servi-los a partir desta segunda-feira (09/09). No período da tarde, as frutas também serão servidas, mas como complemento do lanche principal.

Deputada Dra Silvana se diz "triste" por saber de mudança do secretariado via imprensa

silvnan

A deputada estadual Doutora Silvana (PMDB) ocupou a tribuna da Assembleia Legislativa, nesta manhã de sexta-feira, para anunciar que estava “triste” com a forma como soube de sua saída da Casa, em razão da mudança no secretariado. Foi através da imprensa.

É que alguns titulares de mandato retornarão ao legislativo estadual e, consequentemente, farão com que ela volte para o banco de reservas.

Doutora Silvana disse que soube dessas mudanças, ao ler os jornais. Aliás, ela não está sozinha nisso.

IFCE pode paralisar as atividades na próxima semana

118 2

Os professores e técnico-administrativos do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (IFCE) ameaçam paralisar as atividades na próxima semana, mais precisamente no dia 13.

Essas categorias, segundo o Sindicato dos Trabalhadores do IFCE, reivindicam pagamento retroativo da diferença salarial de titulação, consulta à comunidade universitária para escolha de diretor-geral nos campi do Interior e combate ao assédio moral.

O Sindicato dos Trabalhadores do IFCE já pediu audiência ao reitor Virgílio Araripe para tratar dessa pauta.

PDT vai manter cota na Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social

andrefigueiredo

Para o lugar de Evandro Leitão, que deixará a Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social para disputar mandato de deputado estadual pelo PDT em 2014, uma certeza: o cargo será ocupado por um pedetista. O governador vai respeitar a cota que destinou ao presidente estadual da legenda, André Figueiredo.

Aliás, André Figueiredo já encaminhou uma lista com quatro nomes para que o governador escolha o substituto de Evandro Leitão.

PMDB pode ganhar mais uma vaguinha na equipe cidista

O PMDB pode ganhar mais uma secretaria na equipe do governador Cid Gomes (PSB). Segundo uma fonte do partido, resultado de conversa que Cid teria mantido com o senador Eunício Oliveira, presidente regional da legenda, após a abertura da PEC Nordeste, evento agropecuário que ocorre no Centro de Eventos.

O PMDB ocupa hoje a Secretaria dos Recursos Hídricos através de César Pinheiro, o comando do Conselho de Políticas Públicas do Meio Ambiente (CONPAM), que perderá Paulo Henrique Lustosa como titular, e a secretaria-executiva da pasta da Segurança Pública e Defesa Social com Aluísio Carvalho. Qual a secretaria? Só Cid responde.

DETALHE – A propósito: o PMDB ganhará uma pasta, talvez para compensar a saída de Paulo Henrique Lustosa do partido.

Cliente da Cagece poderá fazer queixa de cano furado também por smartphone e tablets

402 2

cagecc

Nem tudo é reclamação quando o assunto é Cagece. Eis uma boa-nova que a assessoria de imprensa da companhia está divulgando:

A Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece) é a primeira empresa de saneamento do Brasil a lançar um aplicativo mobile para smartphones e tablets que irá possibilitar uma comunicação direta entre o cliente e a eEmpresa. A ferramenta já está disponível de forma gratuita no APP Store e Google Play. O Cagece APP surgiu para atender às necessidades dos clientes, com uma solução via dispositivos móveis, de forma integrada aos sistemas da Cagece. O aplicativo possibilita a comunicação em tempo real, de forma leve e de fácil utilização, com acesso a recursos nativos do dispositivo móvel (câmera, GPS, banco de dados local).

Por meio do aplicativo, o cliente poderá cadastrar ocorrências, avaliar o atendimento, acessar informações sobre lojas de atendimento, além de dicas, perguntas frequentes e últimas notícias da Cagece. Entre as ocorrências que poderão ser enviadas por meio do Cagece APP, estão falta de água, vazamento de água, vazamento de esgoto, fraude, serviços não concluídos, assim como buracos de água e esgoto.

O Cagece APP funciona a partir do iPhone 3GS, rodando iOS 5 ou superior. Para iPad, poderá ser utilizado qualquer iPad que use a versão 5 do iOS ou superior. Para smartphones e tablets que rodem Android, com a versão 3.0 ou superior. é compatível com os sistemas operacionais Android e IOS.

E aí, deputado federal Mauro Benevides, vai de Eunício ou Domingos Filho?

121 1

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=2PcEI8tndw0&feature=c4-overview&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg[/youtube]

O deputado federal Mauro Benevides (PMDB) está em Fortaleza. Ele, inclusive, chegou de Brasília e, imediatamente, foi para uma audiência. Não foi informado com quem, mas sabe-se que Mauro andou conversando com seu filho, o secretário da Fazenda, Mauro Filho, que deve sair da esfera do governo para reassumir cadeira de deputado estadual, dentro da reforma na equipe do governador Cid Gomes.

Bem, Mauro Benevides teve tempinho para falar sobre sucessão estadual e, principalmente, sobre a peleja interna que se trava dentro do seu PMDB entre o presidente regional, senador Eunício Oliveira, e o vice-governador Domingos Filho no quesito quem disputaria o Governo ano que vem.

Indagado sobre quem seria o melhor nome do PMDB, Mauro Benevides falou,falou e falou…

Cid Gomes diz que não vai sair do PSB

O governador Cid Gomes, segundo matéria do O Globo desta sexta-feira, bateu o martelo e definiu que não sairá do PSB, que cogita lançar o governador Eduardo Campos à Presidência da República. Apesar de ter a intenção de ficar em sua atual legenda, Cid admitiu estar trabalhando para abrigar deputados cearenses no Solidariedade. O Solidariedade espera começar com 30 deputados, o que daria 2 minutos ao partido na TV.

— Procurei o Paulinho para ver se ele poderia receber esse pessoal. Ele tem interesse em formar uma bancada forte e eu vou procurar ajudá-lo. Eu não vou sair do PSB! Eu gosto do meu partido, gosto do Eduardo Campos, confio nele, mas ele nunca disse que é candidato. Eu torço e defendo que o PSB, em nome de nossos projetos regionais (dos governadores do PSB), renove a aliança com o arco progressista que apoia a reeleição da presidente Dilma. Franca e sinceramente, eu só tenho pensado no melhor para o meu partido — explicou Cid.

Sebrae divulga no Congresso da ABAV o projeto "Rota das Emoções"

carlsocruz

O Sebrae do Ceará está participando do41º Congresso Brasileiro dos Agentes de Viagem, que ocorre em São Paulo. Ali, o órgão está divulgando o potencial turístico cearense e, principalmente, os projetos de apoio ao setor turístico e em parceria com o Estado.

Entre os destaques, entra o “Rota das Emoções”, que reúne belezas do Ceará (Jericoacoara), Piauí (Delta do Parnaíba) e Maranhão (Lençóis Maranhenses), onde o órgão investe na capacitação profissional.

À frente do grupo do Sebrae, que se engaja à caravana cearense nesse congresso da ABAV, o superintendente do órgão, Carlos Cruz.

A coisa certa no tempo errado

Em artigo no O POVO desta sexta-feira (6), o editor-executivo de Conjuntura, Guálter George, avalia a mudança no secretariado de Cid Gomes. Confira:

Coisa estranha, por várias razões. O governador Cid Gomes, é sabido, não gosta de demitir auxiliares e por mais que se esforce para maquiar a motivação real do pacote de mudanças que deve anunciar hoje, está claro que o mau resultado em algumas áreas determinará a substituição de parte dos secretários.

Outro aspecto estranho nas mudanças é a extemporaneidade. Vincular a ação ao calendário eleitoral chega a ser risível, porque os secretários que serão candidatos em 2014 teriam até o começo de abril para deixarem seus cargos. O governador já dissera que anteciparia o movimento para dezembro de 2013. Mas, fazer as substituições antes do meio de setembro?

O apego de Cid aos auxiliares não chega a ser um defeito. Desde que a postura pessoal poupe a sociedade de ficar com o prejuízo, risco observado quando o governador se obriga a promover mudanças em áreas que funcionam apenas por uma incapacidade de mudar peças do jogo político-administrativo no tempo certo, nos casos em que elas não apresentam resultados.

Heitor fora do Abolição

79 1

Da coluna Vertical, no O POVO desta sexta-feira (6):

“Heitor não será candidato a governador!” – garante o presidente regional do PDT, deputado federal André Figueiredo, adiantando que conversou com o parlamentar sobre as eleições do próximo ano e ficou acertado que nessa faixa ele não disputará.

Para André, o pedetista é um bom nome, com vocação e tudo, para continuar no parlamento. O dirigente do PDT, inclusive, avalia que Heitor teria condições de disputar vaga de senador, dependendo da aliança a ser formada em 2014.

André Figueiredo deu outra certeza: quer manter a coligação com o PSB do governador Cid Gomes, embora defenda que, nacionalmente, o partido possa até apresentar um candidato à sucessão da petista Dilma Rousseff.

Pois é, o PDT continua mais do que surreal em sua política.

Cid Gomes, o novo secretariado e Ivo Gomes

ivo gomes

O governador Cid Gomes (PSB) fará mudanças na equipe também por causa das filiações partidárias que virão. Aproveitará até o pleito futuro para elaborar novas acomodações políticas diante da possibilidade do surgimento de novas legendas como o Partido da Solidariedade, do deputado federal e dirigente da Força Sindical, Paulo Pereira da Silva. Cid, aliás, recebeu Paulinho da Força, nesta semana, para almoço no Palácio da Abolição. Ou seja, viriam em breve outras alterações.

Agora há pouco ouvido sobre as mudanças, o deputado estadual Antonio Carlos (PT) disse que estava tranquilo quanto ao fato de que perderá mandato por causa do retorno do pacote de deputados-secretários para a Assembleia.

Antônio Carlos até aproveitou para questionar: Ivo Gomes, que é deputado estadual pelo PSB e ocupa a pasta da Educação, voltaria também, dentro de um contexto político onde o prefeito Roberto Cláudio se afina com o governador? Resposta: agora não. Mas quando reassumir, poderá ter papel importantíssimo no xadrez político sucessório, segundo fontes palacianas.

Cid devolve pacote de deputados para a Assembleia e, de quebra, enfraquece Luizianne

155 3

antonio carlos

Ex-líder cidista vai perder tribuna.

A Assembleia Legislativa receberá de volta, nesta sexta-feira, os parlamentares que estavam ocupando secretarias na gestão de Cid Gomes. São cinco: Nelson Martins (PT), que já foi líder cidista na Casa; Francisco Pinheiro (PT), que ainda tem vaga questionada até hoje pelo suplente Stanley Leão;  Camilo Santana (PT), cujo nome chegou a ser envolvido no “Escândalo dos Banheiros”; e Gony Arruda (PSD), que enfrenta uma série de denúncias de problemas em convênios.

Mauro Filho (PSB), que sempre viveu seus mandatos mais em cargo comissionado do que como parlamentar; deve reassumir só na próxima semana.

Nessa volta de cidistas para a Assembleia, o PT ligado ao governador Cid Gomes ganhou força, enquanto o PT que apregoa oposição e que é representado por Antônio Carlos, vai dançar.

BOM LEMBRAR: Antônio Carlos, que até foi líder do Governo, vai perder a vaga e enfraquecer no processo o discurso político do fim da aliança PSB/PT apregoado pela corrente da presidente estadual petista e ex-prefeita de Fortaleza, Luizianne Lins.

Governo Cid – Alguns secretários-adjuntos e secretários-executivos devem ser aproveitados

julobrizzi

A expectativa no plano das mudanças que o governador Cid Gomes fará na equipe é a de que ele manterá alguns secretários adjuntos ou secretários executivos na titularidade. Na pasta das Cidades, é dado como certo que Mário Fracalossi, adjunto, deve virar titular.

Na pasta dos Esportes, o nome da vez deverá ser Júlio Brizzi, atual secretário-executivo que havia recomendado exonerações de coordenadores por problemas em convênios. O PDT, dessa forma, seria compensado com a saída de Evandro Leitão da pasta do Trabalho e Desenvolvimento Social. Brizzi é da cota do presidente regional pedetista André Figueiredo.

No Turismo, Marco Pompeu é  adjunto de Bismarck Maia, mas essa pasta pode acabar com um indicado do deputado estadual Sérgio Aguiar (PSB), segundo algumas fontes palacianas. Sérgio, inclusive, esteve no Palácio da Abolição nesta quinta-feira.

Para o lugar de Mauro Filho, da Fazenda, deverá ficar o seu adjunto, João Marcos Maia, que já vem há muito tempo exercendo, vez em quando, a função.

SSPDS com mudanças e dúvidas sobre eunicistas no Governo

coronel bezerra

Segurança gerou desgastes e riscos para a imagem do governador.

Na lista das demissões, virá toda a cúpula das Segurança Pública do Estado, que foi alvo, nos últimos meses, de muita reclamação. Ciro Gomes, irmão do governador Cid Gomes (PSB), chegou a dar uma de consultor na pasta por algum tempo e, como disse no Blog Política com K, da jornalista Kézia Diniz, encerrou seu trabalho com relatório mostrando situação vexatória e que poderia gerar muito desgaste para o governo.

Bom lembrar que Cid foi reeleito prometendo segurança.Foi essa área uma das que, até hoje, ainda recebem os maiores investimentos. O Ronda do Quarteirão, a polícia cidadã, começou até bem, mas fracassou em razão de desgastes de comandantes com sua tropa.

Não se sabe se, na esteira da demissão na SSPDS, o secretário-executivo Aloízio Carvalho, que é indicação do peemedebista Eunício Oliveira, governamentável, entre na dança das cadeiras. Também não se sabe se César Pinheiro, da pasta dos Recursos Hídricos, outro nome de Eunício, encerre suas atividades.

Eunício, nesta semana, posou ao lado de Cid Gomes quando recebia homenagem durante a PEC Nordeste, no Centro de Eventos. Mas, em política, às vezes, aquilo que parece nunca expõe o que realmente pode aparecer. De qualquer forma, eis uma relação a ser vista com olhos bem abertos. Independente de mudanças agora, mas sem deixar de lado as projeções futuras.