Blog do Eliomar

Categorias para Ceará

Ciopaer vai instalar hangar no aeroporto de Sobral

154 2

A Região Norte vai ganhar uma base de operações da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer). Segundo a coordenação da área, vai ser instalada num hangar do aeroporto de Sobral.

A contratação é por dispensa de licitação.

A Ciopaer já recebeu do Governo do Ceará dois novos helicópteros que estão reforçando a atuação policial em resgates, missões, combate a incêndios e monitoramento do meio ambiente na Capital e no Interior.

Com isso, o Ceará passou a ter a terceira maior frota policial do Brasil, considerando todos os tipos de aeronave, e a maior em aeronaves biturbina e em voo por instrumentos, o que resulta em autonomia de sobrevoo a qualquer hora e em qualquer ponto do Estado, diminuindo o tempo médio de resposta para ocorrências a 30 minutos.

(Foto – Ciopaer)

Casa Amarela promove neste domingo o Natal Gamer Solidário

Arenas de jogos de futebol, luta, dança, retrô, jogos analógicos (de tabuleiro), mini-palestras e sorteios de brindes acontecem neste domingo (9), até as 14 horas, na Casa Amarela Eusélio Oliveira, no bairro Benfica, dentro da promoção Natal Gamer Solidário, em parceria da União Cearense de Gamers e da Pixels. A entrada é gratuita, mas os visitantes e participantes podem doar um quilo de alimento não perecível, que será doado ao Lar da Criança Domingos Sávio, localizado no bairro Vila União.

A União Cearense de Gamers (UCEG) é uma entidade criada com o objetivo de representar e organizar os grupos de jogadores (gamers), espalhados em todo o Ceará, acompanhando e oferecendo suporte ao desenvolvimento e ao comércio de jogos eletrônicos. Dentre os propósitos da UCEG, está a disseminação da ideia de que jogos eletrônicos não são somente uma brincadeira, sendo também uma importante ferramenta de inclusão digital para milhares de pessoas.

Já a Pixels é a maior Escola de Design e Tecnologia do Brasil, com unidades em Fortaleza, Teresina e em Goiânia. O objetivo principal é levar educação e treinamento de qualidade, por meio de cursos nos segmentos do design, animação, robótica e games.

Uma transição à moda Camilo Santana

156 2

Da Coluna Gualter George, no O POVO deste domingo (9):

É anormal o silêncio e a tranquilidade que envolvem a transição de governo no Ceará. Claro que o fato de ser uma continuação justificará muito da inexistência de pressão sobre Camilo Santana, que encomendou estudos, contratou consultoria, entregou a tarefa exclusiva de acompanhar tudo ao atual secretário do Planejamento, Maia Júnior, tudo isso sem qualquer tipo de aperto conhecido de aliados, neoaliados ou futuros aliados. Ninguém dá um pio sobre o assunto. Maia Júnior, que conhece muita coisa sobre o que está projetado para o segundo governo Camilo, já avisou publicamente que ninguém ficará sabendo de nada através dele. Sua reação é imediata e objetiva a quem o procura buscando saber de algo sobre, pelo menos, a nova estruturação que está projetada: “procure o governador!”. Assim, em tom exclamativo. Na Assembleia, onde o assunto é necessariamente acompanhado com atenção, o desconhecimento é completo, informações confiáveis não circulam porque elas, incrivelmente, não existem.

Claro que a competência que o governador há demonstrado para conter a parte oficial dos vazamentos não basta para evitar que as especulações aconteçam. Por exemplo, o deputado Tin Gomes tem demonstrado simpatia à ideia de trocar a Assembleia pela secretaria dos Esportes, ex-jogador de futsal que é. Dos bons, conforme testemunhas. A hipótese vincula-se a alternativas colocadas no contexto em que a disputa pela presidência da Assembleia, onde o pedetista está com o nome colocado no momento com chances reais, possa exigir no futuro aquele jogo de compensação por algum sacrifício em nome de uma unidade política.

Outra hipótese que andou circulando nos últimos dias e que causou calafrios em alguns líderes de setores produtivos do Ceará indicava como possível a indicação do deputado federal petista José Guimarães para o novo secretariado. Falou-se numa pasta de Desenvolvimento Agrário, que substituiria à atual Secretaria de Agricultura, Aquicultura e Pesca, mas o nome, mesmo colocado ainda num nível muito especulativo, levou gente preocupada a buscar checagem da procedência dos boatos junto a fontes mais próximas de Camilo. Sem êxito, pelo que a coluna apurou.

Há mais coisa circulando. Por exemplo, discute-se muito a situação na Fazenda, havendo uma resistência silenciosa à ideia de mais um retorno ao seu comando do deputado federal eleito Mauro Benevides Filho. Vozes do empresariado consideram-no de diálogo difícil e gostariam de um outro interlocutor na área, alguém mais paciente e sensível às conversas. O atual secretário, João Marcos, que funcionou anos como “número dois” na Sefaz, é um nome visto com boa simpatia.

No geral, enfim, o Ceará experimenta um quadro de transição que repete contextos e inaugura situações. Não há novidade na falta de nomes oficiais já anunciados, porque em outras épocas assim aconteceu e a divulgação dos escolhidos aconteceu apenas às portas da posse, como era costume acontecer com Cid Gomes, o antecessor de Camilo. Para citar um exemplo. O que chama atenção agora é que tudo isso aconteça sem qualquer curiosidade, pressão ou cobrança conhecida de aliados, deixando-se o governador à vontade para redesenhar a estrutura e definir os nomes sob uma aparente tranquilidade. O risco é de ser uma calma política apenas aparente.

Camilo anuncia segunda parcela do 13º para o próximo dia 21

220 6

O governador Camilo Santana anunciou neste fim de semana o pagamento da segunda parcela do 13º salário para o próximo dia 21. A primeira parcela foi paga em julho último.

Segundo o governador do Ceará, haverá este mês uma injeção de mais de R$ 2 bilhões de reais na economia do Estado, diante do somatório de salários e da segunda parcela do 13º dos mais de 140 mil servidores, entre ativos, inativos e pensionistas.

Reféns mortos – Jornalista em Defesa dos Direitos Humanos critica fala de Camilo

118 1

A presidente do Conselho Estadual de Defesa dos Direitos Humanos e professora da UFC, Beatriz Xavier, qualificou meste sábado (8) como chacina o que ocorreu e Milagres, quando reféns foram mortos na ação da Polícia, durante tentativa de assalto contra dois bancos.

Durante o IX Congresso Estadual dos Jornalistas do Ceará, a professora criticou a fala do governador Camilo Santana, que destacou a ação policial, por ter impedido o assalto aos bancos, sem mencionar as mortes dos reféns, quando ainda levantou suspeitas sobre as vítimas, ao questionar o que elas estariam fazendo de madrugada nas proximidades dos bancos.

(Foto: Divulgação)

Futsal – Em um ano e meio, projeto avança de 16 para mais de 200 crianças

Passados 18 meses, o projeto Novo Coxinha, idealizado pelo professor Whinston Filho, passou de 16 alunos de futsal para mais de 200 crianças, em Pacatuba, na Região Metropolitana de Fortaleza.

Com apoio da Prefeitura Municipal e de colaboradores, o projeto não cobra taxa dos pais de alunos.

“Quando iniciamos, contávamos com apenas quatro coletes e uma bola emprestada. Hoje, a maior conquista é a transformação da perspectiva de vida dessas crianças, diante da formação moral pelo esporte”, comentou o autor do projeto.

(Foto: Divulgação)

Polícia do Ceará: mais de 5 mil já sofreram golpes por aplicativo

Se alguém recebe uma mensagem de WhatsApp de um irmão ou amigo pedindo a transferência de dinheiro para uma situação urgente, é possível que a transação seja efetivada rapidamente, ali mesmo pelo internet banking no celular. No entanto, esse tipo de mensagem pode ser um golpe, com a clonagem do número da pessoa.

Essa nova forma de crime está sendo investigada pela Célula de Inteligência Cibernética do Departamento da Polícia Civil do Ceará, que estima que mais de 5 mil pessoas em todo o Brasil tenham sido vítimas dos criminosos. Isso porque o grupo age em vários estados. Alguns suspeitos já foram identificados, incluindo um dos chefes.

No Ceará, 50 casos foram notificados à Polícia Civil por meio de boletim de ocorrência. Um desses casos é o da jornalista Giselle Soares. “Eu estava olhando o celular com menos frequência, porque uma tia e meus primos estavam passando férias aqui. Um dia, estava na casa da minha mãe e um amigo ligou para lá. Achei estranho porque não moro mais com minha mãe. Ele me explicou que alguém se passando por mim havia pedido a transferência de um valor. Quando olhei meu celular, percebi que estava sem sinal e que o WhatsApp não estava funcionando.”

Isso aconteceu porque a operação de clonagem consiste na compra de um chip e na solicitação do resgate do número da vítima escolhida pelos golpistas.

Segundo os dados analisados pelos policiais, o teor das conversas iniciadas pelos criminosos muda de acordo com as pessoas que são abordadas, e os pedidos vão de valores para comprar eletrodomésticos até carros novos.

No caso de Giselle, a pessoa que se passava por ela pedia a transferência de R$ 1,5 mil para dar de garantia pelo aluguel de um apartamento. Seu amigo desconfiou não só do pedido de dinheiro, como dos dados bancários, que eram de outra pessoa.

O diretor da Célula de Inteligência Cibernética, delegado Julius Bernardo, orienta que essa desconfiança seja frequente em conversas virtuais que envolvam dinheiro. “Mesmo que pareça totalmente seguro, é necessário conferir por ligação telefônica ou outros meios se a mensagem recebida realmente foi enviada pelo amigo, cliente, familiar ou chefe.”

Outra forma de evitar esse tipo de crime é habilitando a verificação em duas etapas do WhatsApp. Com esse recurso, qualquer tentativa de registrar o número no aplicativo de mensagens vem acompanhado de um PIN que o usuário desse número configurou.

(Agência Brasil)

Milagres registra chuva de 110 milímetros após tragédia

Choveu em 49 municípios cearenses, até as 9 horas deste sábado, segundo boletim da Funceme. A maior chuva foi registrada em Milagres (Região do Cariri), a cidade que, nessa sexta-feira, assistiu ao terror de um confronto entre bandidos e polícia, que resultou na morte de 14 pessoas, entre elas seis reféns.

A Funceme informa que as chuvas que são consequência dos sistemas indutores de precipitações – Zona de Convergência do Atlântico Sul (ZCAS) e o Vórtice Ciclônico de Altos Níveis (VCAN). Esses fenômenos, comuns neste período, continuam provocando nebulosidade.

Foram mais de 100 milímetros sobre Milagres, que, com certeza, não chora sozinha essa tragédia.

Confira as 10 maiores precipitações:

Milagres (Posto: Sitio Saco) : 110.0 mm

Missão Velha (Posto: Missao Velha) : 60.5 mm

Porteiras (Posto: Sitio Saco) : 58.5 mm

Crato (Posto: Lameiro) : 52.0 mm

Santa Quitéria (Posto: Lizie) : 51.1 mm

Ipaumirim (Posto: Santo Antônio) : 45.4 mm

Barbalha (Posto: Barbalha) : 41.0 mm

Juazeiro Do Norte (Posto: Vila Sao Goncalo) : 40.0 mm

Brejo Santo (Posto: Brejo Santo) : 39.5 mm

Ipueiras (Posto: Ipueiras) : 38.3 mm

Medalha Ivens Dis Branco – Solenidade sofre novo adiamento

O Governo do Estado adiou o ato de entrega da Medalha Ivens Dias ao presidente da Federação das Indústrias do Ceará (Fiec, Beto Studart. A cerimônia que ocorreria neste sábado, às 19 horas, ainda não tem data definida

Medida acertada pelo governador Camilo Santana (PT). Não há clima para eventos depois do caso registrado em Milagres.

Esta é a segunda vez que a solenidade sofre adiamento. Na primeira vez, foi em razão da morte do empresário José Dias de Macêdo.

Camilo quer parceria com General Theophilo na luta contra a bandidagem

174 2

Da Coluna do Eliomar de Lima, no O POVO deste sábado (7):

Logo após ser anunciado por Sergio Moro como futuro secretário nacional da Segurança Pública, o general Theophilo recebeu, entre as primeira ligações telefônicas, a do governador Camilo Santana (PT) que o parabenizou e desejou boa sorte. Camilo ainda fez um pedido especial: quer ser o primeiro governador a ser recebido, em janeiro, em audiência em Brasília, pelo general.

Na agenda, discussão em torno um plano de segurança e investimentos para sua nova gestão. General Theophilo tem dito que sua gestão terá como base o tripé: aumento da fiscalização em portos, aeroportos e fronteiras; alto investimento em tecnologia; e, por último, fortalecimento do sistema de inteligência, incluindo a busca por parcerias com as polícias da Colômbia e da Bolívia, de onde viria a droga consumida no Norte e Nordeste do Brasil.

Detalhe: O general perdeu para Camilo a disputa para o Governo, mas agora está em alta. O mundo dá muitas voltas.

Fortaleza com inflação estável em novembro

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) ficou estável na passagem de outubro para novembro, com pequena deflação de 0,07%, mas ainda apresenta variações positivas no acumulado do ano (2,83%) e dos últimos 12 meses (3,39%).

No País, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) informou que o IPCA de novembro registrou deflação de 0,21%, a menor taxa para meses de novembro desde a implantação do Plano Real, em 1994.

os preços dos combustíveis e da conta de luz levaram a média dos monitorados no IPCA a registrar queda de 1% em novembro no Brasil. Foi a menor taxa desse segmento desde fevereiro de 2013, quando foram sentidos os efeitos da redução nas tarifas da conta de luz por causa da Medida Provisória (MP) 579, baixada pela então presidente da República, Dilma Rousseff (PT).

Isoladamente, a energia elétrica foi o item com maior contribuição negativa para o IPCA de novembro, com -0,16 ponto porcentual (p.p.), após registrar queda de 4,04% ante outubro. Com isso, o item energia elétrica, que até outubro acumulava alta de 15,54%, passou a acumular no ano alta de 10,88%.

Segundo o IBGE, a queda na tarifa da conta de luz foi motivada pela mudança na bandeira tarifária, definida pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), com o intuito de passar para o consumidor a elevação no custo da geração de energia quando as usinas térmicas são acionadas.

Em novembro, passou a vigorar a bandeira amarela, com a cobrança adicional de R$ 0,01 para cada kW/h consumido. Em outubro, a cobrança adicional era de R,05 por kW/h consumido. O cenário de alívio no gasto com energia elétrica se manterá ao longo de dezembro, já que a Aneel determinou bandeira verde neste mês.

A pesquisa ainda mostra que todas a áreas pesquisadas mostram queda de preços de um mês para o outro, à exceção da Região Metropolitana de Fortaleza (0,06%) e de Goiânia (0,34%).

(Agência Estado)

Editorial do O POVO: “Redução de crimes e assalto a Milagres”

89 1

Com o título “Redução de crimes e assalto a milagres”, eis o Editorial do O POVO deste sábado:

No mesmo dia em que foi divulgada por todos os meios de comunicação a notícia que o Ceará entrou no oitavo mês reduzindo o índice de homicídios, acontece um ataque a dois bancos em Milagres, cidade na região do Cariri, resultando em pelo menos 14 mortes. Pelas informações disponíveis até o fechamento desta edição foram mortos – após intenso tiroteio entre os assaltantes e a polícia – oito criminosos e seis reféns, cinco da mesma família.

Assim, o esforço do governo do Estado em repercutir amplamente as cifras positivas do trabalho na área da segurança pública, será ofuscado pela centralidade que ganharão os comentários a respeito da madrugada de terror que os moradores de Milagres viveram, devido às desastrosas consequências decorrentes do ato criminoso.

A respeito dos números apresentados pela Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), neste último balanço, é preciso reconhecer que são positivos. Em novembro deste ano – como já dito o oitavo mês seguido em que há redução de homicídios – houve queda de 30,6% comparado ao mesmo período do ano passado. A estatística refere-se a homicídios, lesões corporais graves seguidas de morte e latrocínio, crimes que, no acumulado deste ano – até novembro – somam 489 mortes a menos, comparadas com o mesmo intervalo de 2017, uma redução percentual de 10,5%.

O titular da SSPDS, André Costa, afirma que, na próxima gestão do governador Camilo Santana, os investimento serão concentrados nos setores de inteligência e investigação para assegurar a implementação de políticas preventivas. O secretário também destacou a inauguração, ocorrida ontem, do Centro Integrado de Inteligência e Segurança Pública do Nordeste, que funcionará em Fortaleza, reunindo especialistas e policiais dos nove estados nordestinos para atuação conjunta no combate ao crime.

Quanto ao assalto em Milagres, é preciso investigar melhor o que aconteceu. Informações da própria SSPDS indicam que a polícia já sabia da movimentação para o assalto. É preciso verificar se a polícia tinha dados suficientes para deter os criminosos, antes do início da ação, o que seria o mais correto, ou se optou por confrontá-los durante o ataque. E, depois, se agiu com excesso enquanto os criminosos mantinham reféns em seu poder.

Em casos assim, o mais importante, acima de qualquer outra consideração, é preservar a vida dos reféns. O fato é que morreram seis pessoas inocentes – uma delas um jovem de 14 anos – e o governo do Estado tem obrigação de dar explicações claras sobre os procedimentos que levaram a esse trágico desfecho.

(Editorial do O POVO)

Terror em Milagres – Inteligência da Polícia não rastreou inocentes na ação

145 2

O comando da operação policial ocorrida ontem em Milagres pode ter ignorado alguns procedimentos de comunicação, de tática e de operacionalidade, que são obrigatórios em ações dessa envergadura. O mais grave deles teria sido a falta de previsão da possibilidade de a quadrilha fazer reféns.

Da polícia de Sergipe chegaram as informações para a Coordenadoria de Inteligência da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social do Ceará (SSPDS) de que uma quadrilha assaltaria bancos em Milagres ou Missão Velha, municípios da região do Cariri cearense. A média de ações contra bancos no Estado em 2018 tem sido de quase um por semana.

O que teria dado de errado na operação em Milagres? O comando do Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate), do Batalhão de Choque da PM do Ceará, teria se deslocado para o Cariri sem cogitar a presença de reféns no cenário montado pelos assaltantes que seriam da Paraíba e Pernambuco.

A captura dos reféns não teria entrando no radar das escutas feitas nos telefones celulares dos criminosos. O mais provável é que os telefones que vinham sendo monitorados teriam sido descartados pelos bandidos muito antes da entrada em Milagres e antes de fazerem inocentes de escudos humanos.

O protocolo de comando da PM na Operação de Milagres também teria pecado porque não previu possíveis mudanças no comportamento da quadrilha dos ladrões de banco.

A PM teria seguido o mesmo padrão que vinha se repetindo em outras ações contra agências bancárias e carros fortes: a inexistência de reféns.

Assim ocorreu em Quixeré, no último 23 de novembro, quando seis homens tentaram assaltar um carro-forte e foram mortos pela Polícia. Ação semelhante se deu em 1º de abril do ano passado. Na ocasião, seis homens foram mortos após atacarem um banco em Jaguaruana. Um inocente foi alvejado pela polícia.

Na manhã de ontem, o titular da 5ª Delegacia da Polícia Rodoviária Federal (PRF), Gledstone Chaves, criticou também a falta de informações sobre a operação do Gate. Após serem chamados para atender a uma ocorrência no quilômetro 495 da BR-116, em Milagres, equipes da PRF foram surpreendidas por policiais militares em diligências. Sem o aviso sobre a periculosidade da situação, apenas dois policiais rodoviários foram deslocados para o local.

“Por que não comunicaram a gente? Uma ação como essa envolve todos os policiais. Fomos atender a um suposto acidente e poderíamos ter nos deparado com vários bandidos armados”, reclamou Gledstone Chaves em entrevista à Rádio O POVO CBN Cariri.

Segundo o inspetor rodoviário, normalmente, em operações coordenadas, a PRF e a Polícia Federal são notificadas e envolvidas. Neste caso, isso não aconteceu. “Se fosse uma coisa coordenada, não teria deixado tantos mortos”, criticou. Parte das vítimas era da mesma família, havia saído do aeroporto de Juazeiro do Norte (CE) e seguia para Serra Talhada (PE).

O clima entre a SSPDS e o gabinete do governador Camilo Santana (PT), durante o dia e a noite de ontem, foi tenso. Mesmo com a Secretaria afirmando que a PM já vinha realizando investigações contra grupos que atuavam nos ataques a instituições financeiras no Cariri.

O POVO apurou que, na reunião da cúpula da SSPDS com oficiais envolvidos na Operação de Milagres, a pergunta mais incômoda era por que os assaltantes de banco matariam reféns? E não teria havido respostas tecnicamente convincentes.

Dois grupos do Gate, em viaturas descaracterizadas, teriam entrado em Milagres e se encontrado com os assaltantes em frente ao Banco do Brasil. Desconfiados, segundo a versão dos policiais, os homens da quadrilha teria aberto fogo e os policiais revidaram. A antecipação virou tragédia. (Colaborou Cláudio Ribeiro)

Perícia

Secretário dos Direitos Humanos de Pernambuco, Pedro Eurico, pediu rapidez à Perícia Forense do Ceará quanto à análise dos corpos das cinco vítimas da família de Serra Talhada,

(O POVO – Repórter Demitri Túlio/Foto – Faria Júnior, Rádio O POVO/Cariri)

Terror em Milagres – Adolescentes de 13 e 14 anos entre vítimas

98 1

A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) divulgou o nome das pessoas que morreram e não possuíam envolvimento com o ataque na região do Cariri, que vistava explodir os dois bancos da cidade de Milagres, na madrugada desta sexta-feira, 7.

Vítimas foram identificadas:

Pai e filho:

João Batista Campos Magalhães, 49 anos, natural de Serra Talhada (PE)

Vinícius de Souza Magalhães, 14 anos, natural de São Paulo (SP)

Mãe, pai e filho:

Claudineide Campos de Souza Santos, 41, natural de São José do Belomonte (PE)

Cícero Tenório dos Santos, 60, natural de Maceió (AL) – filho, mãe e pai;

Gustavo Tenório dos Santos, 13 anos, natural Jabaquara (SP)

Outra dos reféns mortos:

Francisca Edneide da Cruz Santos, 49, natural de Brejo Santo (CE)

Entre os suspeitos de integrar a quadrilha que realizou as tentativas de ataque, dois foram identificados pela Perícia Forense em Juazeiro do Norte:

Mackson Junior Serafim da Silva, 26, natural de Capela (SE)

Lucas Torquato Loiola Reis, 18, natural de Delmiro Gouveia (AL)

(O POVO Online)

Sobe para 14 o número de mortos no ataque em Milagres

Subiu para 14 o número de mortos no ataque na cidade de Milagres, a 473,8 quilômetros de Fortaleza. Mais dois suspeitos do ataque foram mortos, sendo um em Barro e outro em Brejo Santo. A informação é de Farias Júnior, da rádio O POVO CBN Cariri.

Os dois eram fugitivos que trocaram tiros com a Polícia. Um deles morreu no local (Barro) e em Brejo Santo o homem foi encaminhado a uma unidade hospitalar da região, mas não resistiu aos ferimentos.

(O POVO Online / Foto: Reprodução)

Ciro Santos comanda show de humor em prol do Abrigo dos Idosos Olavo Bilac

Ciro Santos apresentará show de humor neste domingo, a partir das 18 horas, no Shopping RioMar Kennedy. São vários convidados para uma missão de cunho solidário.

Para garantir a pulseira de acesso ao espetáculo, na Praça Especial de Natal, os clientes deverão doar pacotes de leite em pó ou fraldas geriátricas.

Tudo será revertido para o Abrigo de Idosos Olavo Bilac.

(Foto – J. Melo)

Uece ganha edital da Funcap/Cegás na área de pesquisa com gás natural renovável

A Universidade Estadual do Ceará foi a vencedora do edital da Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico (Funcap), em conjunto com a Companhia de Gás Natural do Ceará (Cegás), para pesquisa sobre a eficiência de combustão de várias misturas entre gás natural renovável e gás natural fóssil, bem como seus impactos no meio ambiente. O estudo começa em dezembro deste ano, terá duração de 18 meses e será desenvolvido pelo grupo multidisciplinar de pesquisadores, composto por 15 membros de diferentes instituições (Uece, Unifor, Nutec, RNC e GNR – Fortaleza).

À frente da pesquisa está a professora-doutora Mona Lisa Moura de Oliveira, coordenadora geral do projeto, e os professores doutores Lutero Carmo de Lima, Francisco Sales Ávila Cavalcante e Carlucio Roberto Alves, todos docentes do Centro de Ciências e Tecnologia da Uece.

No desenvolvimento da pesquisa, será montado um sistema de mistura de gases combustíveis, na câmara de combustão, para testar e investigar a qualidade e eficiência do processo térmico, de acordo com os percentuais inseridos em cada mistura. O estudo tem caráter inovador, uma vez que não se sabe o comportamento de cada proporção das misturas, além de poder gerar economia no cenário energético, considerando a sustentabilidade, reduzindo os impactos e aumentando a eficiência energética do processo, o que consequentemente reduz o consumo, até mesmo monetário, já que reduz os custos inclusive para o consumidor final.

ACI é sede de exposição de aparelhos de rádio antigos

A Associação Cearense de Imprensa, em parceria com a Associação Cultural de Ouvintes de Rádios do Ceará, é sede de uma exposição com 30 aparelhos de rádio antigos, a maioria fabricada das décadas de 1940 e 1950.

Há também uma exposição fotográfica com radialistas e situações vividas pela radiofonia cearense nessa época. Essa programação vai se estender até o próximo dia 17.

(Foto – Divulgação)

Estácio recebe presidente da Unimed Fortaleza para palestra sobre liderança

Henrique Javi, Ana Flávia Chaves e Elias Leite.

O Centro Universitário Estácio do Ceará recebeu, nesta semana, em sua Unidade Moreira Campos, o presidente da Unimed Fortaleza, Elias Leite, que ali ministrou uma palestra sobre liderança. A fala fez parte do projeto “Retrofit do Papel da Liderança 2018”, em clima de encerramento neste exercício.

A palestra foi dirigida a gestores de diferentes empresas e setores que tiveram a oportunidade de bater um papo com o presidente da Unimed Fortaleza que focou sua fala sobre a questão do “Líder de Resultado”, tema de seu livro lançado pela Editora Gente e que ficou em primeiro lugar na lista da Veja e Publishnews.

O secretário estadual da Saúde, o físico Henrique Javi também prestigiou a palestra, coordenada pela reitora da Instituição, professora Ana Flávia Chaves.

(Foto – Divulgação)

Lojas do Centro de Fortaleza ampliarão horário de atendimento até o fim deste ano

As lojas do Centro de Fortaleza passarão a abrir aos domingos e estenderão o funcionamento nos outros dias da semana para as compras natalinas. A decisão foi anunciada nesta sexta-feira pelo presidente da Câmara de Dirigentes Lojists, Assis Cavalcante, após reunião da entidade. O comércio altera seus horários de atendimento ao público já a partir desta sexta-feira para atender a demanda dos consumidores.

“É um trabalho em conjunto, que vai estimular o comércio e, certamente, se consolidar daqui para frente, trazendo ganhos importantes a toda a cidade. Estamos nos recuperando de um longo período de crise econômica e esta parceria não poderia vir em melhor hora”, observa Assis Cavalcante, presidente da CDL de Fortaleza, que espera crescimento de ao menos 5% nas vendas neste fim de ano, na comparação com 2017.

Com esta meta, até o dia 31 de dezembro, as lojas do Centro ficarão abertas das 8 às 19 horas, de segunda-feira a sexta-feira; das 8 às 18 horas, aos sábados; e das 9 às 16 horas aos domingos. Nos quatros dias que antecedem o Natal (20, 21, 22 e 23 de dezembro), as lojas abrem normalmente às 8 horas e estenderão o funcionamento até que todos os clientes sejam atendidos.

Segurança

Assis Cavalcante afirma ainda que a segurança está garantida com o reforço policial da Operação Centro Seguro que segue até o dia 23 de janeiro de 2019. Um efetivo de 424 agentes entre policiais civis, militares e Corpo dos Bombeiros (CBM) reforça a segurança da região.

As praças da Estação, do Ferreira, José de Alencar, Leões, Passeio Público e Parque das Crianças e cruzamentos no entorno estão entre os locais de prevenção.

Horários de funcionamento

Segunda a sexta-feira: das 8 às 19 horas

Sábados: das 8 às 18 horas

Domingos: das 9 às 16 horas

Nos dias 20, 21, 22 e 23: horário livre.

(Foto – CDL)