Blog do Eliomar

Categorias para Ceará

O legado de Dom Aloísio Lorscheider

Com o título “Seis anos sem o Cardeal Lorscheider”, eis artigo do padre Geovane saraiva, da Paróquia de Santo Afonso, no bairro Parquelândia, que pode ser lido no O POVO desta segunda-feira. Ele fala desse ex-arcebispo de Fortaleza, com passagem marcante no Ceará. Confira:

“Para aprofundar e anunciar os mistérios da nossa fé é preciso entrar no silêncio de Deus”, dizia o grande homem de Deus, na sua doçura e ternura em pessoa, o qual há seis anos (23/12/2007) partiu para o seio do Pai. Dom Aloísio Cardeal Lorscheider, que pela graça de Deus, se fez discípulo de São Francisco de Assis em toda sua plenitude.

Que a mística franciscana tão presente na vida de dom Aloísio, ao mergulhar no Mistério da Encarnação, sobretudo, neste tempo forte do Advento, que precede o Natal; também na Paixão do Senhor, ofertando ao Ceará (Arquidiocese de Fortaleza) um rosto de uma Igreja verdadeiramente pascal, na mais profunda liberdade e perfeita alegria, nos proporcione gestos concretos, no sentido de desmanchar a montanha do orgulho e do egoísmo, amparados pela simbologia do manto da paz, da justiça, da ternura e da solidariedade, agora muito presente na Igreja, nas sábias palavras do papa Francisco.

Um Deus que amou tanto o mundo, a nos presentear com seu Filho único neste Natal (cf. Jo 3,16), deu-nos também um amigo, um pastor, um teólogo e um cardeal, que sabia compreender a realidade na sua conjuntura e, com suas posições bem claras e definidas, nas análises e nas conclusões teológicas pastorais, ao passar às pessoas de boa vontade um clima que favorecia e gerava uma confiança generalizada.

Dom Aloísio nos faz pensar que o consumismo, o egoísmo e o individualismo não podem ofuscar o florescimento da alegria e da esperança dos irmãos e irmãs, ávidos a sempre mais redescobrir, numa bela e maravilhosa aventura, que Deus é amor.

Foi exatamente a virtude da simplicidade e da humildade que o transformou no cardeal que mais se destacou em todos os Conclaves e Sínodos, dos quais participou, gerando para o mundo inteiro e, especialmente para a imprensa, uma grande expectativa. A espiritualidade franciscana foi imprescindível em todo o seu trabalho e na sua caridade pastoral para com os empobrecidos.

Quando ele se tornou bispo emérito de Aparecida, veio a seguinte pergunta: o que o senhor vai fazer? Respondeu: “Sou um simples frade menor e vou fazer o que o meu provincial mandar, porque a obediência me torna livre”. Jamais podemos esquecer a chama luminosa de um coração amável e cheio de bondade, de uma pessoa humana, dotada de grandes virtudes e qualidades, de um “bispo completo”, segundo o grande teólogo Alberto Antoniazzi, do maior benfeitor e patrimônio do povo cearense, que partiu há seis anos, deixando-nos tristes e com enorme saudade.

* Geovane Saraiva

geovanesaraiva@gmail.com
Padre da Paróquia de Santo Afonso e membro da Academia Metropolitana de Letras de Fortaleza.

Detran e PRE iniciam "Operação Boas Festas"

Essa é do site do Detran:

O Detran e a Polícia Rodoviária Estadual – PRE vão intensificar suas ações nas duas semanas do Natal e Ano Novo, com a Operação Boas Festas, que começa nesta segunda-feira, dia 23 de dezembro, e prossegue até o dia 5 de janeiro de 2014. Serão 192 operações especiais nas duas semanas, em que atuarão 150 agentes, equipadas com 80 bafômetros e 45 viaturas, para garantir a segurança no trânsito das rodovias estaduais.

Nas terças-feiras (24 e 31 dezembro) e nas quartas-feiras (25 de dezembro e 1º de janeiro de 2014) serão 14 operações por dia. E nos sábados (28 de dezembro e 4 de janeiro) e domingos (29 de dezembro e 5 de janeiro) serão 21 operações por dia, das quais 11 nas praias para impedir a circulação de veículos nas áreas de concentração de banhistas. E mais 10 operações nas noites e madrugadas, com abordagens baseadas na lei de alcoolemia zero (Lei Seca).

O foco estará nas rodovias estaduais de onde partem os veículos que buscam as cidades litorâneas e do Interior. Por isso, as blitze vão abordar os veículos em Caucaia (CE 085 no cruzamento com a CE 090), Aquiraz (CE 040), Maracanaú (CE 060) e Maranguape (CE 065). As equipes também farão fiscalização em Fortaleza e municípios da Região Metropolitana.

Os motoristas que trafegarem pela CE 085 (Rodovia Sol Poente) vão poder usufruir do primeiro trecho duplicado, pois estará liberado para circulação nesta terça-feira (dia 24), entre Taíba (4 quilômetros antes) e São Gonçalo do Amarante (2 quilômetros depois), numa extensão de 14 quilômetros  com novas pavimentação e sinalização, além do tráfego livre, sem cruzar com veículos na direção contrária. Permanecem em obras de duplicação os trechos laterais de CE 085, entre Caucaia a Taíba e entre São Gonçalo e Paracuru.

SERVIÇO

O atendimento telefônico ficará de plantão: 0800.275.6768.

Sucessão 2014 – Ariosto Holanda não teme que PMDB rache com PROS

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=NOfKUoYSGg4&feature=c4-overview&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg[/youtube]

A presidente Dilma Rousseff deve resolver a situação eleitoral no Ceará em matéria de sucessão do governador Cid Gomes (PROS). Quem pensa assim é o deputado federal Ariosto Holanda (PROS), ao comentar a disposição do senador Eunício Oliveira (PMDB) de querer sair candidato.

Para Ariosto, ao final, haverá consenso e a base dilminista no Ceará não sairá rachada.

Deputado diz que boa parte da população já sente saudades de Luizianne Lins

108 8

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=DZkgop_slCk[/youtube]

A gestão do prefeito Roberto Cláudio (PROS) vai fechar o ano em baixa. Pelo menos é essa a avaliação feita pelo deputado estadual Antônio Carlos (PT).

O parlamentar faz crítica no plano social e alfineta: o povo está começando a sentir saudades da ex-prefeita Luizianne Lins.

Antônio Carlos também a aprovação da Contribuição de Melhorias, criada pelo Governo Cid Gomes.

Mauro Filho: "Em maio, Ceará terá a melhor rede de atendimento de saúde do País"

159 2

cid e mauro filho

Mauro Filho ao lado de um dos seus ídolos políticos.

Essa é do deputado estadual Mauro Filho (Pros), falando na Rádio O POVO/CBN:

“Em maio, o Ceará vai ter a melhor rede de atendimento de saúde do Brasil”. Ele ainda cutucou: “Não existia saúde no Interior”.

A promessa foi feita por Cid Gomes na campanha de 2010. O prazo era de 18 meses. Faz tempo!

Um "puxadinho" no aeroporto de Fortaleza

228 1

pintoobras

Com a perspectiva de que as obras de ampliação do terminal de passageiros do Aeroporto Internacional Pinto Martins não serão concluídas a tempo, eis que a Infraero recomendou algumas medidas emergenciais para evitar sufoco durante a Copa de 2014.

Uma delas: toda a área que era ocupada pela administração do aeroporto vai se transformar em sala de embarque. O pessoal, inclusive, já cedeu o espaço. A ordem é que esse segundo embarque opere a partir de março. Com isso, entrarão em operação também três novas pontes (sanfonas) de embarque de passageiros.

O que se diz também é que essa medida emergencial virá para evitar que a Infraero seja pega de surpresa no caso de inverno. Aliás, sabe-se que chuva não combina com calendário de obras.

(Coluna Vertical, do O POVO)

PSB diz que Nicolle Barbosa é candidata ao Governo pra valer

cicnicole

“Sob o argumento de que o cenário politico atual precisa ser renovado, o PSB propõe um “nome novo” para o Governo do Estado do Ceará. A presidente do Centro Industrial do Ceará (CIC), Nicolle Barbosa, é a opção do partido.

Para o presidente estadual do PSB, Sérgio Novais, já está decidido que o partido seguirá com candidatura própria. Ele acredita que a empresária é ótima opção, pois, apesar de vir da sociedade civil, é engajada no processo político. “Nicolle tem perfil interessante. Ela vem cumprindo bom papel na presidência do CIC e é preocupada com os problemas do cotidiano do País.”

Nicolle diz que se filou ao PSB atendendo ao convite do governador Eduardo Campos. Para ela, o fato de ser jovem na política não é empecilho. “Sou jovem na política partidária, mas não novata. Já participei de duas eleições no sindicato e no CIC e me saí bem.”

Novais acrescenta que o nome da empresária está sendo bem recebido pelos membros do partido. “Já tivemos muitas conversas em torno do nome da Nicolle e pretendemos decidir sua candidatura até o dia 15 de janeiro”. “

(O POVO)

Lei pode deixar 32 ex-gestores sem julgamento

164 1

tin gomes

“Há uma medida que prevê prescrição de processos no Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) após cinco anos pode anular, apenas em 2014, ações envolvendo 32 ex-gestores de Fortaleza. Um dos principais beneficiados é o próprio autor da proposta, deputado Tin Gomes (PHS), que responde a ao menos quatro processos na Corte. Com a nova norma, uma das ações já perde a validade em fevereiro. Na sexta-feira, foi aprovada na Assembleia mensagem do TCM que adequa a lei à emenda constitucional proposta por Tin Gomes, aprovada em 2012.

Há 32 ex-gestores à espera de decisão final em processos que começaram a tramitar em 2009. Como todas as ações anteriores a este ano serão anuladas, número de gestores sem julgamento será muito maior, sem falar de contas dos outros 183 municípios. Na maioria dos casos, inspetoria da Corte aponta irregularidades como contratação sem licitação pública ou erros nos dados fornecidos ao Tribunal.

Além de Tin Gomes, aguardam julgamento na Corte diversos ex-secretários de Luizianne Lins (PT), entre eles Geraldo Accioly (Projetos Especiais), Alfredo Oliveira (Planejamento) e Alexandre Cialdini (Finanças). Em todos os casos, há parecer do Ministério Público de Contas (MPC) pela condenação.

A maioria dos processos pouco avançou na Corte, com conselheiros pedindo vistas ou retirando as ações de pauta. O POVO procurou o TCM ontem tanto pela sua assessoria de imprensa quanto pelo telefone do presidente, Francisco Aguiar, mas conseguiu contato.

Propositor

Autor da emenda da prescrição, Tin Gomes (PHS) responde a pelo menos quatro ações. Uma delas, referente à gestão como presidente da Câmara Municipal de Fortaleza em 2008, irá prescrever em 3 de fevereiro do ano que vem.

Tin responde ainda por suas gestões como vice-prefeito do Município (2009) e titular da Secretaria Executiva Regional VI (entre junho e dezembro de 2009). Em todos os casos, há parecer do MPC pela condenação por “omissões e irregularidades”.

Tin Gomes nega relação entre a proposta e suas ações na Corte. Segundo ele, medida dará “nova celeridade e eficiência” aos julgamentos no TCM. “Eu quero é que me julguem logo. Não tenho problema nenhum com isso. A prescrição é apenas medida que já é usada na União”.

Questionado se acreditava ser possível que a ação envolvendo sua gestão na Câmara seja julgada antes de fevereiro, afirmou: “Aí tem que ver com eles”. Tin afirma ainda que a prescrição só vale para processos que não foram abertos ainda, e que julgamentos já em andamento não seriam afetados. A afirmação, no entanto, não consta no texto aprovado semana passada pela Assembleia.”

(O POVO)

Eunício se movimenta dentro do PT por apoio

163 2

Da coluna Fábio Campos, no O POVO deste domingo (22):

Sim, é “natural” e “legítimo”, como disse o governador, que Eunício Oliveira (PMDB) tenha planos de governar o Ceará. É próprio da política que se nutra projetos de poder. Cid Gomes, por exemplo, nunca escondeu que esse era o seu maior sonho na política. Porém, nunca antes na história recente desse estado um membro de uma aliança agiu com tanta desenvoltura pública para concretizar esse sonho.

O senador tem ferido uma regra que está escrita em códigos informais. A saber: no âmbito da aliança, o governador é quem lidera o processo. Os fortes e autônomos movimentos de Eunício se dão aqui e em Brasília, junto à cúpula do Planalto, do PMDB e do próprio PT. Os aliados locais estão engolindo a seco.

Os municípios estão no vermelho

Falta pouco para o fim do ano, mas o espírito natalino ainda deve demorar a dar o ar da graça em Prefeituras do interior do Ceará. Enquanto o resto do Estado já faz planos otimistas para 2014, situação na maioria dos municípios é de crise que beira a falência total – e se reflete em salários atrasados, perda de contratos e demissões em massa. Se a estratégia de gestores costuma ser culpar o governo federal e sair com o pires na mão atrás de maiores repasses, prefeitos também têm culpa pela crise que assola os cofres municipais cearenses.

Levantamento do O POVO mostrou que, apesar da crescente demanda por maiores repasses do Estado e União, foram poucas as ações de Prefeituras no sentido de conferir independência dos municípios a recursos externos. Com o “patrocínio” cômodo e quase sempre certo do Governo Federal ao lado, administrações acabam deixando de fazer o dever de casa na garantia do equilíbrio nas contas.

Se parece mais fácil, apego aos repasses acaba criando ciclo vicioso, que fragiliza cofres sempre que há quedas na transferência. Apesar de grave, situação não diz respeito a municípios específicos: todo gestor abordado pela reportagem soube elencar diversas Prefeituras “no vermelho” – todas puxadas pela recente redução do Fundo de Participação dos Municípios (FPM).

Para analistas, a saída para a crise dos municípios exige mudanças na mentalidade da administração pública. Além da implementação de planejamento nas gestões, Prefeituras ainda precisam de ações – necessárias, porém impopulares com eleitorado – no sentido de ampliar independência do orçamento: seja na adequação da folha de servidores com receitas ou na ampliação na arrecadação própria. Dados coletados apontam, no entanto, quadro que segue hoje no sentido inverso.

(O POVO)

Pistas para clarear a sucessão

Em artigo no O POVO deste sábado (21), o médico, antropólogo e professor universitário, Antonio Mourão Cavalcante, avalia o quadro eleitoral no Ceará para o próximo ano. Confira:

Se não tivermos um Feliz Ano Novo – 2014 – pelo menos, ele será um trajeto cheio de emoções. Acontecerão dois fatos espetaculares e fabulosos para o interesse dos brasileiros: futebol e eleições. Futebol não será coisa pouca. Simplesmente uma Copa do Mundo. E, eleições para os cargos mais importantes do país. Haja coração!

De futebol, deixemos para os entendidos. São muitos. Quase todos os brasileiros. Quanto à política, queria dar um passeio, levantando algumas pistas que podem clarear o rumo que vamos tomar. Por enquanto, vivemos o clima da especulação: quem são os candidatos? No plano nacional o desenho parece mais claro. Já tem nomes na rua… E, aqui, no Ceará?

Primeiro aspecto a considerar: a sucessão começa em Brasília. Acredito que lá são traçadas as pautas, diretrizes e alianças. Dois pontos chamam atenção. Primeiro, para o PT, partido da vez, o grande objetivo é a reeleição de Dilma. Esse é o foco. Segundo lance, já foi decidido que o grande aliado dessa aventura – tal como aconteceu anteriormente – é o PMDB de Temer, Renan, Henrique Alves, Sarney e Cia.. Prego batido, ponta virada.

Nesse cenário, a figura do senador Eunício Oliveira ganha destaque. Ele faz parte da cúpula nacional do PMDB, tendência que atualmente domina a sigla. Os cardeais rezariam por ele?

Há algo que massageia o PT. Saindo Eunício do Senado, a sigla ganharia, de graça, mais um senador por quatro anos. O suplente de Eunício é o ex-coordenador da loura, Wladimir Catanho. Isso deve pesar bastante.

A imprensa noticiou que Eunício teve uma conversa com Lula, responsável pela “cozinha política” da reeleição de Dilma. Coincidência ou não, depois dessa conversa Eunício engrossou a fala. Exemplos? Quando ele disse “não aceitamos o posto de vice” ou “quero ser eleito não como oposição, mas com a base política do Governador.” E, finalmente, essa semana, “vocês estão falando com o futuro governador.” Por que o homem ficou corajoso?

O governador e seu grupo ao se assumirem em um novo partido, porque queriam/querem apoiar a Dilma, fizeram uma declaração no aberto, unilateral, sem exigências ou reciprocidade. Agora, num mato sem cachorro, talvez tenham que engolir essa realidade e sorrir para as fotos.

Sofá de R$ 7 mil não será algo exclusivo do TCE

182 1

Com o título “Quem vai sentar no sofá de R$ 7 mil?”, eis artigo da jornalista Hebely Rebouças, que pode ser lido no O POVO desta quinta-feira. Ela comenta o absurdo de mobiliário novo para o Tribunal de Contas do Estado sair tão caro para o contribuinte. Aliás, absurdo que se repete em outros órgãos. Confira:

O Tribunal de Contas do Ceará (TCE) assinou contrato de R$ 1,1 milhão para compra de mobília para seu novo prédio, anexo à sede atual. Entre os itens, um sofá de dois lugares de R$ 7,5 mil. Cadeiras de R$ 2 mil e até R$ 7 mil, cada. Poltronas de R$ 7 mil.

O tema foi parar no plenário da Assembleia Legislativa e nas notícias de jornais, o que parece ter gerado incômodo dentro do TCE. Ouvi recentemente a ponderação de que não é assim só no Tribunal, mas em vários outros órgãos públicos, que passam despercebidos pela crítica. Não sei o que é pior – se o argumento ou a constatação.

Há o correto entendimento de que prédios públicos são patrimônio do povo e, por isso, devem ser construídos com qualidade, conforto, beleza. Faz todo sentido. O problema é que, não raro, se ultrapassa os limites do bom senso e chega-se aos patamares do luxo, beirando-se à cafonice. E o que é pior: em prédios que a maioria da população não frequenta, não usufrui – seja pelo perfil dos órgãos, seja pela restrição do acesso, imposta pelas autoridades que os frequentam.

Paredes de granito, estofados de pluma de ganso e cadeiras caras, com o perdão dos exageros, geralmente não se justificam, servindo apenas para alimentar um complexo de rei que ainda resiste aos princípios republicanos.

Alguém há de ponderar: mas não é justo que desembargadores, conselheiros e legisladores se sentem em cadeira de plástico, trabalhem em prédios maltrapilhos. 

Não se trata disso, seria o cúmulo da demagogia. O que se espera é sobriedade, uma espécie de meio termo que acredito ser possível.

O limite do gasto é o retorno que ele traz para quem o bancou. Se, no fim das contas, o sofá, a poltrona ou seja lá o que se queira comprar, não tiver serventia para um número razoável de cidadãos, há chances de questionamento.

E isso vale não apenas para o TCE, mas também para outras cortes, para os órgãos do Judiciário e até – ou principalmente – para a Assembleia Legislativa, de onde partiu a crítica ao TCE, e cujo anexo é igualmente luxuoso.

Hébely Rebouças

hebely@opovo.com.br
Repórter do Núcleo de Conjuntura do O POVO.

Ceará fecha o ano com estabilidade na abertura e fechamento de empresas

ricardolopes

A Junta Comercial do Ceará (Jucec) vai passar a divulgar, a partir de 2014, um balanço mensal sobre abertura e fechamento de empresas. O estudo fará o diagnóstico da atividade comercial no Ceará, com dados de desempenho por segmento e por município.

Os números prometem ajudar na avaliação da economia, definição de políticas públicas e apontar a oportunidade de novos investimentos da iniciativa privada. Segundo a Jucec, de janeiro a novembro deste ano, 15.537 empresas comerciais foram abertas no Ceará.

Em 2012, foram 15.566 no mesmo período, o que aponta estabilidade no setor. Quanto ao fechamento, o número é negativo: 10.407 neste ano contra 6.933 em 2012.

A informação é o presidente da Jucec, Ricardo Lopes. Ele anuncia a realização, em janeiro, do seminário “Desempenho do Comércio – Balanço e Perspectivas”, onde serão avaliadas as perspectivas do comércio de Fortaleza para a Copa 2014.

TV Fortaleza veicula mensagem natalina, enquanto plenário da Câmara é ocupado

Há mais de 20 minutos que a TV Fortaleza veicula a mensagem natalina dos seus servidores e vereadores. Isso porque, nos bastidores, um grupo formado por cinco dirigentes do Sindicato dos Servidores e Empregados Públicos de Fortaleza (Sindifort) ocupa, nesta manhã, o plenário da Câmara Municipal.

O ato é para protestar contra a votação do projeto de reajuste dos servidores, definido pela Prefeitura em 5,70%. A categoria brigava por 15%.

A luta é para tentar reabrir o diálogo em torno da matéria.

Sessão suspensa

A assessoria de comunicação da Câmara Municipal de Fortaleza informa que a programação da TV Fortaleza não está transmitindo a sessão desta quinta-feira (19) porque os trabalhos estão suspensos. Segundo a assessoria, assim que a sessão for retomada, a programação voltará para o Plenário.

Funceme registra chuva em 63 municípios

Uma chuva de 167,2 milímetros atingiu o município de Barro, no Sul Cearense, a 524 quilômetros de Fortaleza, em um intervalo de quase 12 horas, da noite dessa quarta-feira (18) às primeiras horas desta quinta-feira (19). De acordo com o boletim da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), divulgado nesta quinta-feira, houve chuva em outros 62 municípios do Estado, a maioria nas regiões do Cariri e Centro-Sul.

Além de Barro, também choveu forte em Abaiara, Milagres, Cedro, Brejo Santo e Umari, todos com mais de 100 milímetros. A previsão por toda esta quinta-feira é de mais chuva.

Prefeito pede dois dias para solucionar falta d’água em Itapipoca

foto itapipoca seca

O prefeito de Itapipoca, Dagmauro Teixeira (PT), disse na manhã desta quinta-feira (19), em entrevista a uma emissora de rádio local, que deverá resolver o problema da falta d’água no município nos próximos dois dias. O drama da população foi denunciado pelo Blog, na última segunda-feira (16).

Há cerca de dois meses, o açude Poço Verde praticamente secou e milhares de peixes morreram. Centenas de urubus passaram a frequentar diariamente as margens do açude e a Cagece teve que adicionar produtos químicos nas águas para evitar contaminação. Além do mau cheiro, a água passou a ficar oleosa. Postos de saúde da cidade registram todos os dias novos casos de diarreia. O prefeito pediu que a população não use a água para beber.

Para retomar o abastecimento d’água, a Prefeitura tentou recorrer ao açude Gameleira, que está sendo construído às margens do rio Mundaú, entre os municípios de Itapipoca, Trairi e Tururu, mas os canos estouraram. Segundo o prefeito, equipes estão trabalhando o dia inteiro para solucionar o problema. O Gamaleira possui uma capacidade de armazenamento d’água quatro vezes maior que o Poço Verde.

Ameaças

Há 12 anos como administrador do cacimbão Cearão, o agricultor Itamar Teixeira disse ao Blog que nunca tinha visto tanto desespero da população por água potável. Após receber ameaças por limitar a quantidade de baldes e por determinar horários para a retirada da água, o agricultor decidiu liberar o cacimbão.

“Até carros-pipas retiram água. Além da população, todos os dias chegam até 50 carros com baldes e latões. É rico, é pobre, é todo tipo de gente atrás de água. Da carroça à Hilux retira água”, comentou o agricultor.

Presidente da Federação Cearense de Futebol será reeleito nesta 5ª feira

218 1

Mauro-Carmélio1

O presidente da Federação Cearense de Futebol (FCF), Mauro Carmélio, será reeleito, a partir das 10 horas desta quinta-feira, para um novo mandato. Com ele, Eudes Bringel, que ocupará a vice-presidência, uma indicação do presidente do time do Ceará, Evandro Leitão.

Mauro Carmélio responderá por mais quatro anos à frente da FCF e anunciará também mudanças e mexidas em diretorias. Deverá extinguir aluma e criar vices regionais para as Regiões do Cariri e Norte.

Câmara Municipal aprova criação de mais 490 vagas de táxi

A Câmara Municipal aprovou ontem o projeto que cria 490 novas vagas de táxi em Fortaleza. A matéria foi uma das poucas a conseguir consenso entre base e oposição, sendo aprovada por unanimidade. Vários taxistas acompanharam a apreciação e comemoraram a efetivação das novas vagas. Para que todo o trâmite fosse encerrado ainda ontem, a Câmara realizou duas sessões extraordinárias para que o projeto fosse aprovado em redação final.

Agora, o texto segue para a sanção do prefeito Roberto Cláudio (Pros). Em seguida, a Prefeitura terá que abrir licitação para o preenchimento das vagas. “Certamente a licitação sai ainda no primeiro semestre”, explica o líder do Governo, Evaldo Lima (PCdoB). Segundo ele, há necessidade urgente de adequar a oferta de táxi à demanda da Cidade, sobretudo com a proximidade da Copa do Mundo.

(O POVO)

Prefeitura de Fortaleza habilita locadora denunciada por vereador

carrioror

“A empresa LA Brasil, denunciada por supostamente usar um laranja como sócia, foi habilitada ontem na última fase do pregão da Prefeitura de Fortaleza para aluguel de veículos. A LA Brasil, que havia oferecido o serviço por R$ 69,9 milhões, concorria com a Locadora de Autos Ceará (Lauce), cuja proposta de preço era melhor, quase R$ 1 milhão mais barata. Entretanto, segundo a Prefeitura, a Lauce deixou de entregar a documentação necessária, dando lugar à concorrente. Ainda cabe recurso contra o resultado.

O Município afirma que, no fim das contas, a LA Brasil igualou seus preços aos da Lauce, cujo lance foi de R$ 69 milhões pelos dois lotes de serviço. A empresa habilitada ainda não foi homologada como vitoriosa, pois, de acordo com a Prefeitura, uma terceira locadora, a Egel, teria manifestado interesse em questionar o desfecho. Até a noite de ontem, as informações ainda não haviam sido publicadas pela Central de Licitação.

Conforme O POVO tem mostrado, a LA Brasil foi posta sob suspeita pelo vereador Capitão Wagner (PR), que apontou que a sócia majoritária da locadora, Cícera Fernanda Pires Silva, receberia R$ 350 mensais como pensionista da Prefeitura de Russas.

O gerente da Brasil, José Vicente da Silva Júnior, diz que o parlamentar cometeu “grave distorção da realidade”, admitindo que Cícera recebia a pensão, mas só entre 2004 e 2007, depois da morte de sua mãe, ex-servidora em Russas. Segundo Vicente, a pensão foi concedida enquanto Cícera foi aluna do curso de Formação Específica de Gestão de Pequenas e Médias Empresas, na Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA). Depois, em 2011, ela teria entrado na Brasil, onde passou a ter 90% das cotas da empresa, cujo capital social é de R$ 5 milhões.

O POVO apurou que a mulher também tem um pé na política. De acordo com dados do Tribunal Superior Eleitoral, em 2004, Cícera disputou mandato de vereadora em Russas, pelo PRP, quando tinha 20 anos e ainda era apenas estudante. Não foi eleita.

Histórico

A LA Brasil foi contratada ainda na gestão da ex-prefeita Luizianne Lins (PT), em 2011. Com o fim da vigência do contrato, este ano, voltou a disputar a licitação, composta inicialmente por seis empresas, todas agora desclassificadas. Caso seja homologada, a Brasil deverá alugar veículos passeio, caminhões, pick-ups e motos para os órgãos do Município, por um período de um ano.

O POVO tentou ouvir o gerente da Brasil, mas as ligações feitas não foram atendidas. Cícera Fernanda não foi localizada. Na noite de ontem, O POVO também não conseguiu localizar registros da empresa Lauce.

 

Serviço