Blog do Eliomar

Categorias para Ceará

Localidade em Mauriti tem chuva de 120 milímetros

funceme 130217

Choveu forte na Região do Cariri, no período das 7 horas desse sábado (16) às 7 horas deste domingo (17), segundo dados divulgados na manhã deste domingo pela Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme).

A maior precipitação no Estado ocorreu na localidade de São Miguel, no município de Mauriti, com 120 milímetros. Mas a média no município ficou em 69,6 milímetros. Outras fortes chuvas ocorreram em Brejinho, em Barro (97,2 mm); Jaguaretama (80 mm); Pajeu, em Araripe (74 mm) e Chaval (69 mm).

Em Fortaleza, a maior precipitação no período ocorreu no Castelão, com 9,5 milímetros. A previsão para esta segunda-feira (18), em Fortaleza, é de céu nublado com chuvas.

Parte da fachada de Hospital Regional Norte (HRN) desaba e atinge uma pessoa em Sobral

466 17

hospital sobral desabamento

Uma parte da estrutura da fachada do Hospital Regional Norte (HRN), em Sobral, a 250,3 km de Fortaleza, desabou com as chuvas na manhã deste domingo (17) e deixou ferida uma pessoa.

Segundo o Serviço de atendimento Móvel de Urgência (Samu) de Sobral, “uma pessoa foi transferida hoje em uma ambulância do SAMU para a Santa Casa de Misericórdia de Sobral”.

O POVO online entrou em contato com a assessoria de comunicação da Secretaria de Saúde do Estado (Sesa) e aguarda o posicionamento do órgão sobre o acidente.

Atualização  – O POVO Online entrou em contato com a assessoria de comunicação da Secretaria de Saúde do Estado (Sesa), que confirmou o desabamento da estrutura. De acordo com a assessoria, a construtora responsável pela obra fazia um reparo na estrutura metálica fixada em uma das entradas do prédio, quando o bloco desabou, ferindo um operário no braço. Ainda segundo a assessoria, o homem foi levado para a Santa Casa de Misericória de Sobral, onde passa por exame de raio-x. O estado de saúde do operário não é considerado grave, de acordo com a Sesa.

O subtenenente Costa Silva, do Corpo de Bombeiros de Sobral, disse ao O POVO Online que “dois funcionários da empresa que fazia um serviço ficaram feridos depois que a placa da marquise do hospital desabou”. O subtenente disse ainda que ambos sofreram escoriações leves e foram encaminhados à Santa Casa de Sobral.

Segue nota da Sesa:

“O consórcio Marquise/EIT, responsável pela construção do Hospital Regional Norte, após verificar problemas na estrutura metálica que fica na fachada da Unidade de Apoio à Saúde Reprodutiva da Mulher decidiu realizar serviço de ajuste na manhã deste domingo, 17. Durante o serviço, a estrutura caiu. Um operário sofreu uma pancada no braço e foi levado à Santa Casa de Sobral, onde está fazendo radiografia. O Governo do Estado já solicitou explicações ao consórcio que construiu o hospital.”

(O POVO Online)

Racionalidade, pragmatismo e sentimento de culpa

181 2

Da coluna Menu Político, no O POVO deste domingo (17), pelo jornalista Luiz Henrique Campos:

O termo política no seu sentido originário deriva do grego politiká, que por sua vez advém de polis, para designar aquilo que é público. Seria, partindo desse princípio, a arte da negociação para a confluência de interesses em torno da governança de um Estado ou da Nação. De forma ampliada, todavia, trata-se de instrumento a ser utilizado de forma consentida como norma ou procedimento para a execução de ações positivas, a depender das missões, valores e compromissos de determinada organização, seja ela pública ou privada. Dito isto, depreende-se que a verdadeira função da política talvez seja o mais nobre dos exercícios de racionalidade do ser humano. Fazemos, portanto, política a todo momento e em qualquer lugar, mesmo que não o saibamos.

Se a política reveste-se de tal importância em nossa vida, não é exagero considerar que o político também o seja. Mas se é assim por natureza, porque há tanto desprezo pelo termo e por quem a exerce institucionalmente? Para entender um pouco esse processo, não custa lembrar que se a racionalidade é a base da política, não se pode esquecer também de que nem sempre a racionalidade é o melhor caminho para a tomada de decisões. Em muitos casos, o pragmatismo, que serve de meio para justificar essa racionalidade, não passa de mero jogo de cena para garantir interesses não confessáveis. No caso da política institucional, não é incomum que incorramos em exemplos do tipo, quase sempre justificados brilhantemente por autores desses atos.

Há duas semanas o noticiário vem se ocupando de situações que desnudam bem a relação entre a política institucional e os interesses que nem sempre vão ao encontro da opinião pública. Mas o que é a opinião pública, se não um recorte com forte poder de influência sobre a sociedade? Esquecemos, ou preferimos não lembrar, que cabe a esta mesma sociedade, que hoje critica a eleição de Renan Calheiros para a presidência do Senado, e de Henrique Eduardo Alves para dirigir a Câmara dos Deputados, que os dois foram eleitos legitimamente para o Senado e a Câmara com milhares de votos. Ora, se ali estão, não é por acaso, e se não estão ao acaso, possuem legitimidade para pleitear os cargos de direção. A culpa, em última análise, é de quem, então?

Aqui em Fortaleza, recente reportagem publicada no O POVO, assinada pelo jornalista Carlos Mazza, revelou a ligação promíscua entre associações comunitárias e vereadores, que acabavam sendo beneficiadas por emendas desses parlamentares. Já na Assembleia, tivemos a manobra para protelar a saída do deputado cassado Carlomano Marques, em total desrespeito a uma decisão da Justiça. Nos dois casos, porém, dá para julgar apenas os parlamentares? E os que os elegeram, estariam isentos dessa condenação? Não, mas parece ser bem mais fácil vilipendiar a política, expressão usada pela presidente Dilma Rousseff ao abrir o ano legislativo, do que fazer mea culpa de nossas decisões. E não vale o discurso de que a população é mal informada, ou de que somente os pobres é que sustentam esse quadro.

E aqui, caro leitor, faço um desafio: se você é daqueles que está indignado com os fatos que citei acima, sabe como se posicionou seu senador, deputado federal, deputado estadual e vereador sobre esses temas? E nessa discussão, como se considera: racional, pragmático ou culpado?

O PT do Ceará é devorado pelo PSB

130 5

Da coluna Fábio Campos, no O POVO deste domingo (17):

Amestrado, o PT do Ceará está sendo solenemente engolido pelo PSB. Ou, mais propriamente, pelo grupo político do governador Cid Gomes. Esse grupo detém hoje o comando do Governo, da Prefeitura de Fortaleza, da Assembleia e da maioria das prefeituras.

Em nome do projeto de poder nacional que o partido detém há dez anos, o petismo se comporta como bom e suave menino. Com o objetivo de manter o apoio do grupo Ferreira Gomes à reeleição de Dilma Rousseff, presta-lhe todo apoio e evita se colocar como alternativa de poder local.

Após a derrota em Fortaleza, até esperneou. Chegou a dizer que iria discutir a relação com os aliados. Colocá-la em novos patamares. Da boca pra fora. No fim das contas, sem nenhuma ponderação, a sigla se reuniu para reiterar o irrestrito e incondicional apoio ao PSB.

O PT manteve suas boquinhas no Governo do Estado. Manteve também intocados os secretários filiados ao partido. Um grupo que, até o menos informado filiado sabe, não deve mais obediência aos ditames da sigla. Hoje, estes são muito mais cidistas do que petistas.

Mas, e se o projeto nacional da família Ferreira Gomes for obrigado pelas circunstâncias políticas a migrar para, por exemplo, uma possível candidatura de Eduardo Campos em 2014, como ficará o PT do Ceará?

Cid e Ciro Gomes têm reafirmado o desejo de apoiar a reeleição de Dilma. É fato. Mas, a pergunta se mantém: e se o PSB tiver candidato próprio a presidente contra Dilma? Pois é. Se isso acontecer, as novas circunstâncias impõem um reposicionamento.

Bom, a lógica e a racionalidade política dizem o seguinte: caso PSB tenha candidato próprio a presidente o PT local terá que romper com o Governo de Cid Gomes, formar uma nova aliança e montar um palanque para Dilma no Ceará.

Pelo comportamento domesticado, o petismo parece não perceber que a situação acima está a caminho. Atentem para uma declaração do líder do PSB na Câmara, Beto Albuquerque (RS), deputado bastante próximo de Eduardo Campos: “Nosso partido vê com total entusiasmo a possibilidade de ele ser candidato”.

Mais: “Há um certo esgotamento dessa dicotomia tucano-petista. Já são 20 anos. Temos no Eduardo uma liderança testada, aprovada. É bom gestor, é político e é jovem. Não podemos perder essa oportunidade”.

No Ceará, esse novo PSB já mostrou o quanto é pragmático quando necessário. Tasso Jereissati que o diga. É bom que o petismo cearense coloque suas velhas barbas de molho. Enfraquecer-se e se entregar candidamente diante de um potencial adversário não é o caminho mais inteligente.

Governos espetaculares fazem espetáculos

233 4

seca ivete

Da coluna Elio Gaspari, neste domingo (17):

Desde o ano passado o semiárido nordestino atravessa uma grave seca. Na Bahia, Sergipe, Alagoas e Maranhão, 75% dos municípios estão em estado de emergência. No Ceará, são 177 em 184. Lá, as chuvas do ano passado ficaram em metade da média habitual e neste ano estão abaixo do terço (55,1 milímetros contra 161,8). Há 136 municípios dependendo de carros-pipa para atender perto de um milhão de pessoas. Em algumas cidades as escolas dependem do socorro de vizinhos.

Os investimentos feitos na região mostraram-se insuficientes para enfrentar uma calamidade natural que, segundo os meteorologistas, tende a se agravar. Estima-se que as chuvas deste ano serão poucas.

A mais vistosa ação do governo federal tem sido um filme de um minuto que a Secom botou nas televisões da região. Nele, “Chambinho do Acordeon”, feliz e sorridente, anda pela caatinga informando que “a seca sempre vai existir, mas o sertanejo vai poder se defender cada vez mais dela”. Cantando louvores aos investimentos feitos pelo governo, informa que “o sertanejo é um cabra forte, só precisa de apoio, e vai ter cada vez mais”.

Os sertanejos que estão sem o abastecimento de carros-pipa não precisam de propaganda. O que lhes falta é água. Esse tipo de marquetagem no meio de uma seca chega a ser deboche. Para falar sério, o aparelho de autoglorificação da doutora Dilma deveria anunciar, ao fim de cada clipe, quanto gastou na marquetagem e quantos carros-pipa ela pagaria.

Durante a seca de 1998, Lula visitou o interior do Ceará acompanhado de José Genoino, cuja família morava em Jaguaruana. Culpou a desatenção dos tucanos e prometeu rios de mel. Nas palavras de Nosso Guia: “O sofrimento do povo nordestino só vai acabar no dia que a gente tiver políticas de investimento para tornar esta terra produtiva. E essas políticas o PT tem”. Qual era? “O Fernando Henrique veio ao Ceará na campanha de 1994 e prometeu transpor as águas do rio São Francisco. Mas até agora não trouxe sequer um copo de água. Ele foi mentiroso e vai mentir de novo prometendo a obra para ganhar voto”. Em 2003, eleito, Lula prometeu: “Nesses quatro anos, 24 horas por dia serão dedicadas para fazer aquilo em que acredito: a transposição das águas do rio São Francisco”. Ficou oito anos, a doutora Dilma juntou mais dois e depois de dez anos o “copo de água” ainda não apareceu.

A opção preferencial dos governos pela propaganda e pelos espetáculos criou um novo estilo de administração e nele o governador do Ceará, Cid Gomes, tem se revelado um talento à altura de Steven Spielberg. No ano passado, a Viúva entrou com boa parte do custo da festa de inauguração de um centro de convenções abrilhantado pelo tenor espanhol Plácido Domingo. A tertúlia custou R$ 3,1 milhões e alegrou 3.000 convidados.

Até aí tudo bem, pois de fato havia um centro de convenções. Em janeiro passado ele pagou um cachê de R$ 650 mil à cantora Ivete Sangalo para lustrar a inauguração do Hospital Regional Euclides Ferreira Gomes, em Sobral, berço político de sua família desde a Proclamação da República. Cadê o hospital? Houvera o show, o prédio estava pronto, mas não havia funcionários. Até hoje ele funciona como posto de saúde, só com consultas e raios-x. Hospital mesmo, só em maio.

Assim como a Secom poderia investir em carros-pipa o que gasta em propaganda, Cid Gomes poderia ao menos fazer a caridade de só patrocinar shows quanto tiver serviço para entregar.

Estado gasta na manutenção de carros metade do valor da compra

256 7

Da coluna Política, no O POVO deste sábado (16), pelo jornalista Érico Firmo:

O deputado estadual Heitor Férrer (PDT) apresentou números intrigantes sobre as despesas do Governo do Estado com a sempre polêmica frota de veículos. De acordo com o parlamentar, R$ 161 milhões foram gastos de 2008 para cá na compra de carros da montadora Toyota.

O contrato inclui a aquisição das Hilux compradas inicialmente para o programa Ronda do Quarteirão e, mais tarde, adotadas por toda a Polícia. Porém, o mais espantoso talvez nem seja o valor desembolsado para adquirir os veículos.

Na tribuna da Assembleia Legislativa, Heitor chegou a falar de R$ 92 milhões para a manutenção desses veículos de 2008 para cá. Algum tempo depois, foi alertado por assessor de que essa conta incluiria alguns valores que talvez fossem indevidos. Assim, reviu o valor para R$ 81 milhões. Mesmo com o novo cálculo, a manutenção custa a metade do que foi desembolsado para comprar os carros. Coisa de R$ 16 milhões por ano. Com um detalhe particularmente intrigante: na época da licitação, as exigências impostas foram objeto de muita polêmica.

Concorrentes da Toyota diziam que a empresa era a única com itens de série para atender, com preço competitivo, requisitos difíceis de explicar, como banco de couro e câmbio automático. Um dos argumentos dos defensores do governo era de que os veículos de qualidade supostamente maior seriam mais resistentes e, assim, demandariam menos reparos. Além disso, tanto o então líder governista, Nelson Martins (PT), quanto o atual presidente da Assembleia Legislativa, Zezinho Albuquerque (PSB), chegaram a anunciar que os três primeiros anos de manutenção dos veículos que fossem adquiridos seriam custeados pela empresa vencedora da licitação. Agora, aparece essa conta milionária.

Se o valor anunciado por Heitor Férrer estiver correto, o Governo do Estado tem explicações a dar a quem paga suas contas. A impressão que fica é de que o comportamento tem sido perdulário. Evidentemente, com o dinheiro alheio – como sói acontecer quando há posturas do tipo.

Leitor denuncia "sumiço" de parada de ônibus

147 1

De leitor deste Blog, recebemos essa queixa, com fotos para expor o problema:

Caro Eliomar de lima,

Sou leitor do seu blog diariamente e vejo o trabalho social e politico que tem prestado a esta cidade e à sociedade como todo. Pois bem, moro em Pajuçara/Maracanaú e sempre pego o ônibus na parada que fica antes do Shopping Benfica. Hoje me deparei com uma coisa inusitada: arrancaram a placa de parada seletiva dos ônibus da Região Metropolitana (Timbó, Pajuçara e etc…).

Não sei de quem é a responsabilidade de repor. Em anexo mando estas fotos (não gostaria de revelar meu nome).

paradaooo

semparada2

Cid não deve participar de atos com Lula no Ceará

169 1

cid luizianne queda de braço

O Palácio da Abolição não dá como certa a presença do governador Cid Gomes, presidente estadual do PSB, em eventos que o ex-presidente Lula cumprirá em Fortaleza dia 28 próximo. Na agenda lulista, seminário sobre os 10 anos da gestão do PT em termos federais e festa pelos 33 anos da legenda.

Motivo: rusgas da última eleição, quando Lula por aqui esteve fazendo campanha pró-Elmano de Freitas, nome que foi definido por Luizianne contra desejo das correntes petistas e contra a vontade do aliado PSB.

DETALHE – O convite feito a Cid Gomes partiu do líder do PT na Câmara, José Nobre Guimarães, que, aos poucos, reforças espaços dentro da legenda. Guimarães tem sonhos elevados para 2014 e sabe ue uma forcinha do governador representa um grande salto.

Prefeitura fará grandes desvios no entorno do Castelão para acelerar obra da Copa

121 1

domingosneto

A partir do próximo dia 23, todo o acesso ao entorno do Estádio Castelão ficará isolado. A ordem é celeridade total, com três turnos de trabalho, na obra de duplicação da avenida Alberto Craveiro. Essa intervenção no campo da mobilidade urbana faz parte do pacote da Copa do Mundo e terá que ficar pronta principalmente em razão da Copa das Confederações, marcada para junho próximo.

Vários desvios serão implementados, e toda essa definição ocorrerá na próxima segunda-feira, a partir das 9 horas, quando o prefeito Roberto Cláudio comandará, durante toda segunda-feira até início de junho, agenda de reuniões de avaliação da obra com órgãos e construtora envolvidos.

O secretário especial da Copa de Fortaleza, Domingos Neto, já adotou plantão no local.

 

 

Mais da metade dos açudes cearenses tem menso de 30% de acúmulo de água

“Já são 70 reservatórios no Ceará com menos de 30% de seus volumes totais, segundo boletim divulgado pela Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh), órgão ligado à Secretaria dos Recursos Hídricos do Estado (SRH). Esse número de açudes equivale a mais da metade das 139 represas monitoradas pela Cogerh. Os 20 reservatórios em pior situação – com menos de 10% de capacidade, o que é considerado crítico pela Companhia – encontram-se em sete das 12 regiões hidrográficas em que está dividido o Ceará.

A maior preocupação está voltada para o açude Madeiro, em Pereiro, no Médio Jaguaribe. Apenas 2,54% de seu volume ainda continua represada – no fim de fevereiro de 2012, eram 15,59% de seu volume. O segundo em pior condição é o Pirabubu, em Quixeramobim, cidade a 206,1 km de Fortaleza. Do dia 22 de fevereiro de 2012 até ontem, 15, seu volume saiu de 19,65% para 3,72%.

O terceiro reservatório com menor volume fica em Mauriti, no sul do Estado. Restam apenas 3,86% de água no Quixabinha. Antes, em fevereiro do ano passado, seu volume era de 14,8%. No final da estação chuvosa de 2012, em maio, os reservatórios do Estado estavam com 66,21% de sua capacidade preenchida. Atualmente, são 45,64% de seu total. De acordo com o assistente da Diretoria de Operações da Cogerh e membro do Comitê Integrado de Combate à Seca, Gianni Lima, há grande variabilidade temporal e espacial das chuvas no Ceará de modo que, mesmo diante de quadra chuvosa com precipitações generosas, alguns açudes podem continuar com volumes críticos.

As simulações realizadas pela Companhia, prevendo cenários onde não haja recarga através de chuvas ou de outros veios d’água, indicam que esses 70 reservatórios podem atingir, até o final do ano, o chamado volume morto, quando a pouca quantidade de água está em qualidade não aproveitável. O Ceará tem um déficit histórico entre a média anual de 700 mm de precipitações e os 2.000 mm de evaporação durante o mesmo período. Ao evaporar, resíduos vão se sedimentando no fundo dos reservatórios caso não sejam liberadas pelas galerias dos açudes.”

Milhã, Quiterianópolis, Itapajé e Tamboril são exemplos de municípios cujos reservatórios chegaram a níveis mínimos. Há ainda a possibilidade de que outras cidades do Interior, como Tauá, Crateús e Acopiara entrem em colapso caso os níveis de seus açudes não se restabeleçam. Lima afirma ainda que, com exceção das áreas no leste do Estado abastecidos pelo ainda inconcluso Eixão das Águas e reservatórios perenizados como o Orós e o Castanhão, todas as regiões são dependentes das chuvas para abastecimento.”

(O POVO)

Dois homicídios registrados no Interior cearense

“Duas pessoas morreram vítimas de assassinato na noite desta sexta-feira, 15, no interior do Estado.

Em Itarema, a 237 km de Fortaleza, um homem identificado como Luís da Silva, conhecido como “Luisão da Pedra” caminhava pela estrada de Barro Preto, a 13 km de Itarema, quando dois homens em um carro efetuaram 8 tiros contra ele. Os homens fugiram do local. A vítima morreu na hora.

Em Paracuru, a 88, 8 km de Fortaleza, um homem morreu a facadas na Praça Matriz, após uma discussão. A vítima foi identificada como Francisco Talisson, de 25 anos. O autor do crime, Valderi Batista dos Santos, de 34 anos, foi preso em flagrante.”

(POVO Online)

Nutricionista cearense lança livro de superação e exemplo de vida

livro nice quase tudo de mim

Aos 44 anos, a nutricionista Nice Arruda, natural de Icó, reuniu forças para mostrar no livro “Quase tudo de mim…” como transformou o preconceito em conquistas de vida. Vítima de Poliomielite e há quatro anos com Síndrome Pós-Pólio (SPP), a nutricionista do Instituto Doutor José Frota (IJF) e do Hospital São José conta em 203 páginas como o “sonho sonhado vira sonho realizado”.

“Eu não me imagino escritora, apenas alguém que busca ajudar as pessoas a conseguir superação em meio a uma deficiência”, comenta a nutricionista que já prepara o próximo livro. “É uma obra que conta histórias de mulheres com Aids”, revelou Nice Arruda, que também pretende levar sua história de vida a escolas, universidades e empresas.

“Minha situação não me impõe uma deficiência espiritual, por isso moro sozinha, dirijo e viajo bastante”, ressalta a nutricionista, que pode ser contatada pelo email adaunice@hotmail.com.

Funceme prevê mais chuva neste fim de semana

149 2

funceme 130215

A atuação da Zona de Convergência Intertropical, responsável pela forte chuva no fim da manhã desta sexta-feira (15) deverá permanecer este fim de semana, segundo a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme).

Da noite dessa quinta-feira (14) à manhã desta sexta-feira, Fortaleza registrou 19,6 milímetros de chuva. No Estado, a maior precipitação ocorreu em Tamboril, com 61 milímetros.

Assembleia Legislativa completa quadro de presidentes de Comissões Técnicas

138 1

Definidos, nesta sexta-feira, todos os presidentes das últimas comissões técnicas da Assembleia Legislativa do Ceará. Eis a lista:

Orçamento, Finanças e Tributação – Lula Morais (PCdoB)

Constituição, Justiça e Redação – Antonio Granja (PSB)

Fiscalização e Controle – Sineval Roque (PSB)

Defesa do Consumidor – Fernando Hugo (PSDB)

Educação – Professor Teodoro (PSD)

Seguridade Social e Saúde – Leonardo Pinheiro (PSD)

Agropecuária – Hermínio Resende (PSL)

Ciência e Tecnologia e Educação Superior – Rachel Marques (PT)

Defesa Social – Delegado Cavalcante (PDT)

Direitos Humanos e Cidadania – Eliane Novais (PSB)

Indústria, Comércio, Turismo e Serviço – Osmar Baquit (PSD)

Meio Ambiente e Desenvolvimento do Semi-Árido – Augustinho Moreira (PV)

Trabalho, Administração e Serviço Público – Mirian Sobreira (PSB)

Viação, Transporte e Desenvolvimento Urbano – Heitor Férrer (PDT)

Infância e Adolescência – Bethrose (PRP)

Juventude – Júlio César Filho (PTN)

Cultura e Esportes – Ferreira Aragão (PDT)

Desenvolvimento Regional, Recursos Hídricos, Minas e Pesca –Neto Nunes (PMDB)

Também foram eleitos os integrantes da Procuradoria Parlamentar

Presidente –
 Fernando Hugo (PSDB)

Vice-presidente – Mirian Sobreira (PSB)

Membros: Júlio César Filho (PTN), Ronaldo Martins (PRB) e Paulo Facó (PTdoB)

Corregedor da Assembleia –
 Sineval Roque (PSB)

Corregedor substituto – Júlio César Filhos

* Na Ouvidoria Parlamentar responderá Ronaldo Martins (PRB).

UVA – Definida lista tríplice para reitor

187 1

uvaa

A Universidade Vale do Acaraú (UVA), durante sessão extraordinária do Colégio Eleitoral realizada nesta sexta-feira, no Campus Betânia, em Sobral, votou e proclamou a chapa com os candidatos eleitos para a lista tríplice para reitor da Instituição composta por Fabianno Cavalcante de Carvalho, Kátia Maria da Silva Parente e Maria José Araújo Souza. Também foi formada a lista tríplice para vice-reitor com os nomes de Israel Rocha Brandão, Agenor Soares e Silva Júnior e Izabelle Mont’Alverne Napoleão Albuquerque. O pleito é para o quadriênio 2014/2018.

A nomeação caberá ao governador Cid gomes. Já o atual reitor, Antonio Colaço, e a vice-reitora, Maria Palmira Soares de Mesquita, têm mandato até o dia 31 de março de 2014.

(Foto – Hudson Costa)

MPE denuncia pagamento de despesas sem licitação contra ex-gestor de Tururu

“O Ministério Público do Estado do Ceará ofereceu hoje (15) uma denúncia contra o ex-gestor da Secretaria de Obras, Agricultura e Desenvolvimento Econômico de Tururu João Moreira Mendonça pela prática de crime previsto no artigo 89, da Lei de licitações nº 8666/99. Foi constatada a ausência de procedimento licitatório para a aquisição de combustível, locação de veículos e outras despesas no município de Tururu, na região Norte. A denúncia foi ajuizada pelo promotor de Justiça Cláudio Feitosa Frota Guimarães.

Foram aproximadamente R$ 550 mil, em valores não atualizados, de pagamentos de despesas sem licitação pública. Entre eles, ausência de licitação para despesas com locação de veículos, para despesas com serviços de coleta domiciliar de resíduos, para despesas com aterro e regularização da malha, além de irregularidades na aquisição de luminárias, combustíveis e contratação de serviços profissionais na área de engenharia civil.

Dessa forma, o MP requer a condenação de João Moreira Mendonça nas penalidades do artigo 89, da Lei de Licitações, que prevê detenção e multa. Além disso, que seja oficiado ao Tribunal de Contas dos Municípios do Ceará (TCM) para que remeta todos os comprovantes das despesas sem licitação constantes nos balancetes mensais; que sejam certificados os antecedentes criminais do denunciado; e que seja informada a remuneração bruta do ex-gestor de Tururu no decorrer do ano de 2008. Para o MP, o ex-gestor “demonstrou a absoluta falta de zelo com a coisa pública e ofensa aos princípios básicos da legalidade, da impessoalidade, da moralidade, da igualdade, da publicidade e da probidade administrativa”.

(Site do MP-CE)

Hospital das Clínicas se mantém como maior centro de transplantes de órgãos do N/NE

“O Estado do Ceará e o Hospital Universitário Walter Cantídio (HUWC), da Universidade Federal do Ceará, são destaques pelo elevado número de transplantes de órgãos realizados em 2012. Com 124 transplantes de fígado no ano passado, o HUWC se tornou o maior serviço desse tipo de procedimento médico do País. Ao todo, a unidade realizou 234 transplantes de órgãos em 2012 (além dos 124 de fígados, foram 107 transplantes de rins e três de pâncreas), permanecendo como o maior centro de transplantes de órgãos do Norte-Nordeste.

Esse dado consta do Registro Brasileiro de Transplantes da Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos (ABTO), divulgado na semana passada. Ainda segundo o documento, o Ceará foi o estado que realizou o maior número de transplantes de fígado por milhão de habitantes (18,9), ficando em segundo lugar em números absolutos (160 transplantes), atrás apenas de São Paulo (586 transplantes de fígado). Merecem destaque também o Hospital Geral de Fortaleza, com 208 transplantes (33 fígados, 166 rins e nove pâncreas), e o Hospital de Messejana, que realizou 28 transplantes de coração e quatro de pulmão.

Segundo o reitor da UFC, Jesualdo Farias, a Instituição continuará trabalhando para “melhorar as condições físicas e de infraestrutura laboratorial que garantirão mais conforto para nossas equipes de transplantes, assim como para nossos pacientes. Os resultados orgulham a todos que fazemos esta grande instituição pública. Nossos reconhecimentos são extensivos aos colegas da SAMEAC e da Superintendência do Complexo Hospitalar”.

Para o professor Huygens Garcia, Chefe do Serviço de Transplante Hepático do HUWC, é preciso, além de comemorar, agradecer a quem colaborou para o Ceará alcançar os bons índices divulgados pela ABTO. “Agradecemos às famílias dos doadores, à UFC, ao HUWC e à Secretaria de Saúde do Estado, que permaneceu de sobreaviso os 365 dias do ano para realizar o maior número de transplantes possível”.

SERVIÇO

O Registro Brasileiro de Transplantes da ABTO pode ser acessado no site da Associação (www.abto.org.br).”

(Site da UFC)

Fortaleza será sede de Congresso Internacional de Direito Sindical

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=JmUcSKdRdF0&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg&index=1[/youtube]

Fortaleza vai ser sede do Congresso Internacional de Direito Sindical. A promoção é do Ministério Público do Trabalho e ocorrerá de 10 a 12 de abril próximo, no Hotel Oásis Atlântico. O tema central será “Sindicalismo, Trabalho e Crise Econômica”. O coordenador do congresso, o procurador do trabalho Gerson Marques, deu detalhes para o Blog sobre o evento que incluiu entre assuntos a crise do emprego na Europa e suas repercussões.