Blog do Eliomar

Categorias para Ceará

Fortaleza em clima de alagamentos; no Interior, há chuvas superando os 100 milímetros

148 1

Fortaleza continua registrando boas chuvas desde a noite de terça-feira.

O trânsito está lento, consequência da pouca visibilidade, pista molhada e, também, buracos escondidos sob as águas da chuva.

No Interior, segundo boletim da Funceme, choveu até 8h30min, em 95 cidades.

Confira as 10 maiores chuvas

Morada Nova (Posto: Acude Cipoada) : 120.0 mm

Fortim (Posto: Fortim) : 117.0 mm

Pacatuba (Posto: Escola Prof Luiza Teodoro) : 111.2 mm

Ipueiras (Posto: America) : 101.0 mm

Maranguape (Posto: Maranguape) : 96.0 mm

Itaitinga (Posto: Itaitinga) : 95.0 mm

Ipueiras (Posto: Ipueiras) : 87.0 mm

Pires Ferreira (Posto: Pires Ferreira) : 86.0 mm

Ararendá (Posto: Lagoa De Santo Antonio) : 82.0 mm

Horizonte (Posto: Horizonte) : 77.0 mm

Camilo garante reajuste para professores; mas benefício só entra na folha a partir de agosto

416 4

Antes de anunciar o seu pacote de ajustes, com decretos embutidos para azeitar a máquina arrecadadora, o governador Camilo Santana (PT) procura aliviar a situação de pressão com algumas categorias de peso. Uma delas: os professores.

Ele acaba de fechar acordo com o Sindicato Apeoc e garantiu reajuste salarial de 4.17% para a categoria retroativo a janeiro. Detalhe, sendo implantado a partir de agosto próximo. O benefício atenderá aos docentes da ativa, temporários, aposentados e pensionistas.

Outra: garantiu a implantação das promoções devidas – 2016 e 2017, também em agosto. Já o retroativo, ou seja, perdas salariais, continuará em negociação, adianta o sindicato.

(Foto – Arquivo)

Morre empresário Fernando Macedo, um dos sócios do Grupo J. Macedo

540 4

Morreu, nesta madrugada de quarta-feira, em Fortaleza, o empresário Fernando Macedo (91), sócio do Grupo J. Macedo.

O velório ocorrerá a partir das 9 horas, na Funerária Ethernus (Bairro Dionísio Torres). O empresário foi vítima de falência múltipla dos órgãos.

Às 14 horas, haverá a celebração da missa de corpo presente, com o enterro programado para as 16h30min, no Cemitério Parque da Paz.

(Foto – Facebook)

Carta-bomba – Oito agências dos Correios vão fechar em Fortaleza

135 1

Mais 161 agências próprias dos Correios serão fechadas até o dia 5 de julho por “readequação da rede de atendimento e da força de trabalho”. No Ceará, oito agências serão fechadas, todas elas em Fortaleza.

Os Correios indicaram que o atendimento será absorvido por outras agências próximas, sem prejuízo da continuidade e da oferta de serviços e produtos. A maioria das unidades que serão fechadas está em imóveis alugados e se localizam próximas de outras agências.

Os empregados deverão ser transferidos para outras unidades com vagas em outros municípios, ou poderão passar por reenquadramento de atividade.

*Confira mais no O POVO aqui.

Mauro Albuquerque sugere a presença de indústrias nos presídios

177 1

O secretário da Administração Penitenciária do Ceará, Mauro Albuquerque, convidou empresas e indústrias a se instalarem nos presídios do Ceará, como forma de gerar oferta de trabalho aos presos.

O convite faz parte da reestruturação do sistema penitenciário do Estado, que propõe a ressocialização de detentos, enquanto cumprem suas penas.

Mauro Albuquerque apresentou o projeto durante debate na Federação das Indústrias do Estado do Ceará, nessa terça-feira (21).

(Foto: Divulgação)

Fortaleza registra chuva forte, vários alagamentos e transtorno no trânsito

Vários pontos de alagamento registrados na Capital cearense.

Fortaleza registra vários pontos de alagamento e problemas no trânsito, em consequência das chuvas que banham a capital cearense desde a noite passada.

Na BR-116, altura do KM1, sentido praia-sertão, uma árvore caiu, atingiu dois motoqueiros que saíram feridos, e continua ocupando duas faixas da rodovia. Até agora, nada de equipe do Corpo de Bombeiros para a retirada da árvore.

Pouca visibilidade e buraco escondido sob as águas da chuva: cautela.

Em várias avenidas, alagamentos que sempre trazem problemas para o fluxo de veículos. Na avenida Duque de Caxias, Rogaciano Leite, Murilo Borges e José Bastos há trechos que exigem cautela por parte dos motoristas, porque a água da chuva encobre alguns buracos.

Árvore caiu na madrugada e continua causando transtornos no trânsito da BR-116.

A previsão da Funceme é de que pode vir mais chuva em Fortaleza durante o periodo. No Estado, nebulosidade variável, com chuvas isoladas na faixa litorânea e no Maciço de Baturité. Nas demais regiões, nebulosidade variável.

No site da Funceme, já há registro de boas chuvas no Interior como em Pires Ferreira, 86 milímetros; Trairi, 70 milímetros; e Ipu, 62 milímetros.

(Fotos – Paulo MOska e Roberto Kennedy)

Governo do Ceará lança novo modelo para preenchimento de cargos de confiança

189 2

Uma parceria do Governo do Ceará com as instituições filantrópicas Instituto Humanize, Fundação Lemann, Instituto República e Fundação Brava proporcionará um novo modelo de seleção pública para o preenchimento de cargos de confiança no Estado. O anúncio foi feito pelo governador Camilo Santana, nesta terça-feira (21), no Palácio da Abolição, em reunião com representantes do Grupo Aliança, formado pelas quatro entidades.

“Nós fomos um dos primeiros estados a aderir a esse novo projeto de como aperfeiçoar e melhorar a gestão e, principalmente, a seleção de pessoas para os cargos no Estado. Hoje, fechamos o início de uma parceria para o processo de seleção de gestores na Secretaria da Saúde. A ideia é que a gente possa ter um perfil dos gestores para cada área. Esse estudo já vem sendo feito desde o ano passado. Daqui uns 15 dias vamos lançar o edital de seleção pública para esses cargos de confiança do Estado”, ressaltou Camilo, que pretende estender o novo modelo às áreas da Educação e Segurança Pública.

“Este primeiro processo vai selecionar nove cargos para áreas consideradas de maior urgência dentro da Sesa. (…) A seleção deverá durar entre três e quatro meses para chegar ao fim. Uma vez tendo a metodologia e o aprendizado adequado, a iniciativa será levada para outras áreas dentro da secretaria”, disse o secretário da Saúde, Dr, Cabeto.

(Foto: Reprodução)

Vereador quer regulamentar a venda de animais em Fortaleza

201 1

Tramita, na Câmara Municipal, o projeto de lei nº 168/2019 que estabelece normas de comercialização de animais de estimação em Fortaleza, como cães, gatos e roedores. O autor da proposta é o vereador Iraguassú Filho, líder do PDT na Casa.

Segundo Iraguassú, a venda fica autorizada apenas por canis, gatis e estabelecimentos comerciais regulamentados e registrados em órgãos competentes, estando proibida e configurada como maus-tratos a comercialização em vias de circulação ou ambientes públicos, como feiras livres e calçadas.

O projeto estabelece que os locais de venda deverão observar os cuidados para com o bem-estar do animal, garantindo alimentação adequada e cuidados com a saúde. A comercialização de animais na internet ou em anúncios impressos só poderá ser feita mediante a divulgação do nome, contato de telefone comercial e CNPJ do estabelecimento.

Multas

O não cumprimento da lei acarretará na aplicação de multas de R$ 1.000 a R$ 3.000, aplicada em dobro em caso de reincidência, de acordo com a gravidade da infração e a capacidade econômica do infrator.

Os valores arrecadados, de acordo com o projeto de Iraguassú, serão destinados para a Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos, onde funciona a Coordenadoria de Proteção e Bem-Estar Animal.

(Foto – CMFor)

Os brasileiros merecem

147 1

Com o título “Os brasileiros merecem”, eis artigo de Tales de Sá Cavalcante, reitor da FB Uni e diretor da Rede de Ensino Farias Brito. Ele aborda a necessidade de se lutar por uma verdadeira democracia.

Ao evoluírem, os seres humanos entenderam que sua sobrevivência pedia a convivência em grupos. Surgiram as tribos. Tendo em vista que a coletividade nunca foi fácil, urgia sanar os conflitos.

Em Atenas, na Grécia antiga, nasceu a Democracia. Nas ágoras, os cidadãos privilegiados discutiam temas relativos à pólis. Com o tempo, esse regime progrediu a se aperfeiçoar.

No século VI a.C., Roma instituiu o Senado e a República. Lutas sociais foram vivenciadas em prol da participação do povo na vida política. Mais tarde, Montesquieu foi um dos responsáveis pela fundamentação da teoria dos três poderes.

A Revolução Inglesa e depois os valores iluministas, norteadores da Revolução Francesa, ajudaram a construir uma nova ideia de governo. E foram se delineando a República e a Democracia como as conhecemos, ainda que alguns valores democráticos, no período das guerras mundiais e grandes crises econômicas que marcaram o século XX, fossem por vezes abalados e retomados.

Sucederam-se, entre outros, os filósofos gregos, os Césares, Maquiavel, Rousseau e Churchill, para quem “a Democracia é a pior forma de governo, à exceção de todos os outros já experimentados ao longo da História”. E intelectuais, como o cientista político Yascha Mounk, hoje afirmam que “a Democracia liberal está corroída, sob ameaça de um populismo”, a nosso juízo momentâneo.

A Venezuela contraria todos os aperfeiçoamentos políticos voltados à participação popular. Lá o apego ao poder é indiferente aos dilemas sociais vividos pela maioria. Esse absurdo nos faz lembrar o jurista Raimundo Cavalcante, cuja experiência de vida o levou a conhecer vários homens públicos que seriam incapazes de receber uma propina, mas, segundo ele, praticaram delitos a fim de se manterem ou conquistarem o poder.

E qual a solução? Basta que relacionemos o respeito de um povo às instituições com seu nível educacional. Seria praticamente impossível existir uma degradante situação como essa da Venezuela em um país da Escandinávia. E, no caso do Brasil, não percamos a esperança. Os brasileiros merecem.

*Tales de Sá Cavalcante,

Reitor da FB Uni e diretor da Rede de Ensino Farias Brito.

(Foto – Reprodução do Youtube)

Servidores da saúde vão paralisar atividades nesta quarta-feira no Hospital do Coração

Nesta quarta-feira, a partir das 6h30min, os servidores da área da saúde do Estado, farão uma paralisação no Hospital do Coração. A ação faz parte da luta unificada da categoria, que reivindica reajuste salarial, ascensão funcional, reestruturação do PCCS e realização imediata de concurso público.

A paralisação, que promete se repetir nas demais unidades de saúde nos próximos dias, foi decidida em assembleia realizada na semana passada, em frente à sede da Secretaria Estadual da Saúde (Sesa).

O movimento foi convocado e dirigido pelo Sindsaúde, Sindionto (odontólogos), Senece (enfermeiros), Sinfarce (farmacêuticos), Sindnuce (nutricionistas, Sasec (assistentes sociais), Sinfito (fisioterapeutas) e Mova-se.

Socorro Acioli lança “Sobre os Felizes”

A escritora Socorro Acioli lançará, no próximo sábado, às 18 horas, no Espaço O POVO de Cultura & Arte, mais um livro. O título é instigante: “Sobre os Felizes”.

São 60 crônicas que ela publicou no Vida *& Arte. O lançamento integra as comemorações pelos 30 anos do caderno.

Socorro resume numa frase o novo trabalho: “Escolhi algumas crônicas que foram muito compartilhadas pelos leitores, outras que se tornaram importantes para mim.”

SERVIÇO

Espaço O POVO de Cultura & Art e0 Avenida Agunambi,282 – JoaquiT´bora.

*Mais Informações – 3254 1010.

(Foto – O POVO)

Fortaleza das Rampas de Lixo – Leitor do Blog vê má vontade da fiscalização

146 1

Do leitor Francisco Djacyr, recebemos na barra de comentários da postagem “O que há por trás das rampas de lixo?” Confira o relato dele:

Caro Eliomar de Lima,

O problema das rampas de lixo é fácil de ser resolvido, se houver interesse do Poder Público. Mas, infelizmente não é o que acontece. Semana passada, estive na Secretaria Executiva Regional III, no departamento responsável por isso, com fotografias, nomes e endereços e fiquei rodando, de mão em mão, sem sequer me atenderem.

O que vemos? Total falta de interesse para resolver os problemas pois, neste caso, em cada bairro são conhecidas as pessoas que têm seus carrinhos e jogam lixo nas ruas.

Por que a Prefeitura não cadastra essas pessoas e as responsabiliza de acordo com a lei? O que falta é vontade, é disposição para o trabalho.

As Escolas Nilson Holanda e Monsenhor Linhares e o Hospital São José são alvos dessa falta de respeito e, mesmo a gente ligando para órgãos responsáveis, os funcionários não querem sair de seus gabinetes refrigerados para fiscalizar.

Alguém paga a esses indivíduos para jogar lixo nas ruas mas, talvez, ninguém queira agir na raiz do problema.

Pobre Serviço Público.

*Professor Francisco Djacyr,

Seu leitor.

(Foto – Arquivo)

Empresa cearense de jeans reduz em 25% consumo de água em sua linha de produção

A empresa cearense de jeans Handara anuncia ter conseguido reduzir, em 25%, o consumo de água para produção de suas peças. Com 24 anos de mercado, o grupo, por meio de sua assessoria de imprensa, informa que conseguiu tal redução ao substituir equipamentos nas estações de tratamento baseadas nas indústrias de Fortaleza e Horizonte (RMF). A fabricação de uma única peça utiliza 10 mil litros de água.

Houve ainda uma redução na produção de carbono resultante do processo de fabricação do jeans. “O jeans cortado e costurado vai direto para a lavanderia. No processo de lavagem do jeans, tão importante para o design da peça, o desafio é ainda maior. Para cada produto desenvolvido, também contribuímos para a neutralização 32,5 quilos de carbono no planeta”, adianta o CEO da Handara, Lúcio Albuquerque.

Por ano, a Handara produz mais de um milhão de peças em denim. São mais de 700 colaboradores e parceiros no Brasil e na Europa. Além do consumidor final, o jeans fabricado pela Handara atende mais de 90 mil consultoras de moda.

(Foto – Divulgação)

Geraldo Azevedo fará dois shows em Fortaleza

Geraldo Azevedo, o trovador moderno, fará show, em dose dupla, em Fortaleza.

Será nos dias 1º e 2 de junho próximo, no Teatro Via Sul. O repertório escolhido para as apresentações é apenas uma das possíveis sínteses de uma obra sólida, elaborada em diversas fases de sua vida. Adequadamente batizado de “Solo Contigo”, o projeto reapresenta alguns dos momentos mais significativos do artista em clima de voz e violão, adianta a assessoria de imprensa do espetáculo.

Repertório

A apresentação começa com uma releitura de “Príncipe Brilhante”, do álbum “For All Para Todos”, de 1982. Na sequência, o cancioneiro azevediano vai desfilando clássicos lançados em álbuns que definiram seu perfil artístico e seu sucesso – ali estão “Inclinações Musicais”, “Canta Coração”, “Dia Branco” e “Moça Bonita”, do LP de 1981 “Inclinações Musicais”; “O Princípio do Prazer”, “Chorando e Cantando” e “Dona da Minha Cabeça”, de seu primeiro trabalho independente, produzido com recursos próprios, “De Outra Maneira”, lançado em 1986. Brilham ainda neste setlist, dentre outras canções essenciais de sua obra, a belíssima parceria com Alceu Valença, “Caravana”, lançada na trilha sonora da novela “Gabriela”, em 1975, além de “O Charme das Canções”, gravada em 1984 no LP “Tempo Tempero”, feita com Capinan; “Letras Negras”, do disco “Berekekê” (1991), outra parceria com Fausto Nilo; “Bicho de 7 Cabeças II” (Geraldo Azevedo, Zé Ramalho e Renato Rocha) e, claro, “Táxi Lunar” (Geraldo Azevedo, Zé Ramalho e Alceu Valença), ambas do antológico álbum de 1979, “Bicho de Sete Cabeças”.

Neste mar de canções não poderiam faltar inéditas: o ator e compositor Mário Lago teve sua poesia “O Amor Antigramático” musicada por Geraldo. “A Saudade Me Traz”, de autoria do companheiro de trabalho Sergio Peres, também foi selecionada para o espetáculo. Completam ainda o time de novidades “Pensar em Você”, de Chico César; “Veja (Margarida)”, de Vital Farias; e “Estácio, Eu e Você”, faixa que abre “Pérola Negra”, o clássico álbum de 1973, numa emocionada homenagem que Geraldo Azevedo presta à Luiz Melodia.

SERVIÇO

Sábado às 21 horas e domingo às 20 horas

*Vendas -Bilheteria do Teatro Via Sul (Avenida Washington Soares, 4335 – (85) 3099.1290)

Online: www.ingressorapido.com.br

Mezanino: meia R$ 55,00 e inteira R$ 110,00

Plateia alta: meia R$ 60,00 e inteira R$ 120,00

Plateia Baixa: meia R$ 70,00 e inteira R$ 140,00

(Foto – Divulgação)

Ceará 2050 promoverá encontro com prefeitos

Nesta quarta-feira, às 9 horas, a Plataforma Ceará 2050 promoverá encontro com prefeitos, vice-prefeitos e secretários municipais de Planejamento. O objetivo é apresentar o programa “Ceará 2050″, avanços e ouvir propostas. A reunião ocorrerá no auditório da reitoria da Universidade Federal do Ceará.

Ao longo dos últimos meses a Plataforma rCeará 2050 realizou discussões nas 14 Regiões de Planejamento do Estado, bem como encontros para debates de temas específicos que aprofundaram cada etapa do planejamento.

Aproximando-se de sua fase final de elaboração, o próximo passo da Plataforma é instituir uma firme estratégia de governança para acompanhar a efetivação deste importante instrumento de planejamento.

Governo e educação

Com o título “Governo e educação”, eis artigo de Martônio Mont’Alverne, professor da Unifor e ex-procurador-geral de Fortaleza na gestão de Luizianne Lins. Ele aborda o caso do corte de verba das universidades federais. Confira:

A eleição de Bolsonaro não representou o brasileiro de classes sociais C e D; representou o brasileiro conservador destas classes. Não representou o brasileiro que claramente queria projetar-se além de seu limite econômico e social, mas aquele que esperava consolidar o que já tinha. Formado o governo, que esperava mandar pela religião, foi por ela mandado; planejava celebrar e dominar investigação e justiça, começa a ser pela investigação dominado; “se rebelou contra seus próprios políticos e escritores”; estes já mostraram nesta semana do que são capazes, após grandes manifestações. Um governo constituído em sua grande maioria de despreparados em todos os sentidos – o quê inclui o presidente -, de perturbados por ideias de um astrólogo, de aproveitadores que apenas esperam futuros cargos e de profetas pentecostais jamais se conciliaria com a ciência e educação. Ao contrário: tem na ciência e educação os primeiros inimigos.

Se a universidade brasileira é tão ruim, indicadores internacionais nada significam para este soez agrupamento. Sua visão destrutiva do saber e dos processos de formação da ciência representa o contrário do que nossa Constituição estabelece, por exemplo, no seu art. 219, ao incentivar e ressaltar o papel da ciência e tecnologia, do mercado interno e do bem estar social. Este foi o caminho trilhado por qualquer país do capitalismo desenvolvido. Até isso são incapazes de assimilar. Entregam o País ao acaso de vontades estrangeiras, as quais, como se sabe, não virão em favor dos interesses nacionais. Chegamos, em tão curto tempo, ao fundo do poço, sem ter vivido o apogeu.

Não havia como dar certo. Hoje, aqui e acolá, do coro dos arrependidos já se ouve as primeiras lamúrias. Simploriamente, dirão que erraram e pedirão desculpas, como quem esquece de dizer “por favor”. Amarguradas celebridades, jornalistas, intelectuais e políticos sabiam da dimensão do erro que cometeram e que tanto ajudaram a construir. Tinham perfeita noção e por isso não há como receberem perdão, como nos adverte a boa literatura: “o perdão encoraja o pecador”.

*Martônio Mont’Alverne,

Professor da Unifor e ex-procurador-geral de Fortaleza na gestão Luizianne Lins.

(Foto – Divulgação)

IFCE oferece em Sobral curso de extensão em produção de pizzas

A cidade de Sobral (Zona Norte) terá um curso de produção de pizza. Será ofertado através do projeto de extensão Capacita IFCE, que recebe inscrições no próximo dia 27 de maio. O formulário de inscrição ficará disponível das 9 às 22 horas e serão ofertadas 20 vagas, com resultado da seleção saindo no dia 28 deste mês. A iniciativa é da Coordenadoria de Extensão do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (IFCE).

Segundo a assessoria de imprensa do IFCE, as inscrições serão classificadas por ordem de preenchimento e de acordo com o perfil do participante. Outra: 50% das vagas dos cursos serão destinadas para o público externo e as outras 50% para o público interno (servidores e estudantes). As aulas ocorrerão nos dias 13 e 14 de junho, das 13h30min às 17h30min.

O projeto de extensão oferta, mensalmente, cursos gratuitos abertos também ao público externo. A cada mês, é lançada a inscrição para um curso específico, com orientações sobre prazos, requisitos, critérios de seleção e carga horária. Há certificado para os participantes.

SERVIÇO

*Inscrições pelo formulário eletrônico aqui.

(Foto – Ilustrativa)

Aprovados em concurso da Seduc e Secult andam apreensivos; nada de convocação até agora

342 3

Aprovados do concurso da Secretaria da Educação do Ceará estão temerosos com pacote de cortes que o governador Camilo Santana (PT) anunciará em breve. Eles temem não ser chamados.

O grupo esperava a convocação no dia 17 de maio, o que não veio. O concurso é de julho/2018.

Já os aprovados do concurso da Secretaria da Cultura do Estado andam meio cabreiros. Vários adiamentos sobre convocação ocorreram e o secretário Fabiano Piúba chegou a garantir que “até o fim de junho” haverá o chamamento do grupo.

MIkaelton Carantino, que chegou a disputar o Governo pelo PCO, está livre para atuar na Apeoc

Candidato a governador pelo Partido da Causa Operária (PCO no pleito passado, o professor Mikaelton Carantino agora está liberado pela Secretaria da Educação do Estado para ocupar uma diretoria no Sindicato Apeoc, que representa os docentes.

Uma portaria saiu publicada no DOE nesta semana e até traz redução da carga horária dele pela metade. Mas sem perda de vencimentos.

Bom lembrar: Carantino acabou renunciando de sua postulação bem antes do fechamento das urnas. Até hoje, não explicou os motivos para o gesto.

(Foto – Fábio Lima)

Por uma nova cultura política no Brasil

167 1

Com o título “Por uma nova cultura política no Brasil”, eis artigo de Geraldo Luciano, presidente do Partido Novo do Ceará e vice-presidente de Investimentos e Controladoria do Grupo M. Dias Branco. Ele aborda a necessidade de se apostar em nova relação política, longe do fisiologismo e da chantagem. Confira:

Entende-se “nova política” como o abandono das práticas clientelistas e a adoção de um tipo de relação entre os poderes da República baseada não mais em chantagens, mas no princípio de independência e respeito ao bem público. A esperança em uma nova política mobilizou a nação, mas as velhas práticas não foram ainda abandonadas. Embora tenha sido eleito um presidente com fama de ser adversário do status quo, a velha política permanece tal qual uma barragem de lama que impede a passagem dessa esperança.

A característica principal da velha política é o fisiologismo, termo que se refere à fome dos parlamentares por ministérios, cargos de segundo ou terceiro escalão ou qualquer possível benesse que o político fisiológico vislumbre, sendo o privilégio da impunidade um dos mais visados. Nos últimos dias, a política tradicional ou tradicionalmente chantagista lançou mão de várias estratégias para atingir um dos principais símbolos da nova política no governo, o ministro Sergio Moro, que sofreu uma primeira derrota na comissão mista da reforma administrativa, que está em vias de retirar o Coaf (Conselho de Controle de Atividades Financeiras) do âmbito de controle do Ministério da Justiça.

O que está em jogo não é apenas a transferência desse órgão para o Ministério da Economia, mas a inviabilização de todo o trabalho do ministro Sergio Moro, especialmente o arquivamento do Projeto de Lei 882/2019, conhecido como Projeto “anticrime”, que representa a mais séria iniciativa, em muitos anos, de combate ao crime organizado, à corrupção e à impunidade.

Os líderes do centrão (partidos fisiológicos) ameaçam estrangular a Lava Jato, comprometer a nova estrutura ministerial e dificultar a reforma da Previdência se não obtiverem suas regalias. O governo, acuado, começa a fazer concessões. Para compensar o recuo no caso do Coaf, Bolsonaro anunciou a indicação de Moro para a primeira vaga que surgir no STF. É uma boa notícia, mas isso depende também de aprovação do Senado e é coisa para o futuro. O que importa, no momento, é fortalecer o ministro da Justiça na sua luta contra o crime.

*Geraldo Luciano,

Presidente do Partido Novo do Ceará e vice-presidente de Investimentos e Controladoria do Grupo M. Dias Branco.

(Foto – Divulgação)