Blog do Eliomar

Categorias para Ceará

Servidores da Ematerce cobram gratificação

Servidores da Ematerce, com direito a gratificação por conta de mestrado (30%) e especialização (15%), estão com processo reivindicando o benefício na Procuradoria Geral do Estado desde 2008.

A categoria diz que, por várias vezes, fez a cobrança de uma conquista obtida com o aval do governador Cid Gomes (PSB). 

Esperam agora uma mediação do secretário do Desenvolvimento Agrário, Nélson Martins.  

 

Fortaleza será sede de convenção nacional de Unimeds

Fortaleza vai ser sede da Convenção Nacional de Unimeds. Segundo o presidente da Unimed Ceará, Darival Bringel, o evento ocorrerá de 24 a 28 d eourtbro próximo, no Centro de Convenções.

“Todas as unidades da Unimed do Brasil vão estar aqui discutindo as perspectivas do setor de saúde e os projetos de futuro”, adantou Darival Bringel, que se encontra em São Paulo particpando de reunião que fecha detalhes da convenção.

A prefeita e o Hospital da Mulher

150 10

Eis artigo que a prefeita Luizianne Lins (PT) assina no O POVO desta terça-feira. Ela aborda a importância do futuro Hospital da Mulher, obra prometida em sua primeira gestão. Confira:

A capacidade que nós mulheres temos para gerar a vida nos coloca diferenças físicas das mais diversas em relação aos homens. Diferenças sim, mas desigualdades nunca! Foi a consciência dessa situação diferenciada e a responsabilidade de gerar outras vidas que, na década de 60, muitas mulheres iniciaram a luta por seus direitos reprodutivos.

A primeira grande conquista na lei foi o Programa de Assistência Integral a Saúde (Paism), citado na Constituição de 1988, mas pouco implementado, na prática, até os dias de hoje. Observei atenta a declaração da Presidente Dilma Rousseff na Assembleia da ONU e fiquei muito emocionada quando ela afirmou que a saúde das mulheres será prioridade de seu Governo.

Sempre lutei por isso! Como militante dos direitos das mulheres, como vereadora de Fortaleza e depois como deputada estadual estive envolvida nas causas femininas e feministas! Como prefeita não poderia ser diferente. Propusemos a criação de um hospital especializado nos direitos reprodutivos das mulheres com diversas especialidades médicas dedicadas às mulheres de Fortaleza – o Hospital da Mulher!

Essa obra, grandiosa na sua essência pelo papel que irá desenvolver, é também gigantesca na sua aparência. São 70 mil metros quadrados de área total e mais de 26 mil metros quadrados de área construída. O projeto teve seu conceito inicial do arquiteto Lelé Figueiras – profissional especializado em desenhar e criar hospitais com a marca forte da humanização. Com o máximo possível de ventilação e iluminação naturais. Posteriormente foi criado, ampliado e desenvolvido por uma equipe de profissionais da Prefeitura de Fortaleza: arquiteto Otacílio Teixeira, o Bizão, e as arquitetas Luzia Freitas e Catarina Ramos, que fizeram um belíssimo trabalho!

Estamos trabalhando duro para em breve entregar o Hospital da Mulher, que está com 80% das obras concluídas. A construção de um hospital é uma obra complexa e delicada. Tanto mais quando se trata de um hospital que será referência nacional em relação à política de saúde para as mulheres!

* Luizianne Lins – Jornalista e prefeita de Fortaleza

luiziannelins@bol.com.br

Salmito diz estar sendo perseguido por Luizianne e admite deixar o PT

104 5

“Depois de 20 anos de filiação ao Partido dos Trabalhadores (PT) e após inúmeros atritos com a prefeita de Fortaleza, Luizianne Lins (PT), o ex-presidente da Câmara Municipal, Salmito Filho (PT), anuncia que, pela primeira vez, está pensando “concretamente” em deixar o partido.

Na manhã do último sábado, Salmito compareceu ao ciclo de debates do PSB de Fortaleza. Mas, quando perguntado, evita demonstrar simpatia por uma ou por outra sigla. Convites para outros partidos não lhe faltam, segundo garante, mas Salmito ressalta que a decisão de deixar o PT ainda não foi tomada. Nesta entrevista, o vereador que chegou à presidência da Câmara a contra a vontade da prefeita conta por que pensa em deixar o partido e se diz perseguido.

O POVO – Porque o senhor está pensando em deixar o PT e em que pé está esse pensamento?

Salmito Filho – Toda a cidade sabe que eu sofro perseguição dentro e fora do PT. Somado a isso, eu tive diversos convites de partidos de dentro da aliança atual. Eu me sinto muito honrado em receber convites desses partidos. Em momento algum eu os procurei, fui convidado.

OP – De quem parte essa perseguição? É o grupo da Luizianne Lins?

Salmito – Não. É da própria Luizianne. Toda a cidade sabe disso.
OP – Que consequencias essa perseguição lhe trouxe?

Salmito – Não prejudicou só a mim, mas à cidade. Porque uma série de ideias importantes para a cidade que eu defendo foram boicotadas.
OP – O senhor esteve recentemente em um evento do PSB de Fortaleza. O que isso significa?

Salmito – Eu recebi convite de diversos partidos. Eu prefiro não citar nome de partido nenhum, até porque ainda não existe decisão. Mas essa decisão será tomada em critérios políticos e partidários.

Não será com base em critérios eleitorais. Até porque, se você for olhar, eu levei 11 anos de PT antes de me candidatar a algum cargo eletivo.”

(O POVO)

Briga no PSB de Fortaleza vira caso de polícia

94 2

“A crise interna no PSB de Fortaleza está longe de um desfecho e já virou até caso de Polícia. Rogério Pinheiro, 1º secretário de Finanças do partido, denuncia que cerca de R$ 140 mil foram retirados ilegalmente da conta bancária da sigla, deixando o PSB “inviabilizado financeiramente”. O responsável pelo ato que fere o estatuto do partido teria sido, segundo Rogério, o presidente destituído Sérgio Novais, que foi afastado do comando da legenda no último dia 15.

Rogério Pinheiro, que integra a parte da ala histórica do PSB que rompeu com Novais, explica que apenas ele poderia autorizar as ordens de pagamento em nome do partido. Por isso, solicitou ontem à Caixa Econômica Federal que explique como esse montante de recursos saiu da conta da agremiação. A resposta deverá sair amanhã, quando a nova direção da sigla deverá realizar um Boletim de Ocorrência na Polícia. Em seguida, acionará a Justiça para conseguir reaver os recursos.

Apesar do caso ainda não estar esclarecido, Rogério afirma ter tomado conhecimento de que Sérgio Novais enviou ofício à Caixa autorizando o 2º secretário de Finanças do PSB, Marcos Pires, a assinar os cheques em nome da sigla. “Isso é uma irregularidade grave, já que o estatuto do partido é muito claro ao dizer que o 2º secretário (de Finanças) só pode assinar se o 1º estiver impedido, o que não é o caso”, esclarece Rogério.

Ele detalha ainda que os R$ 140 mil saíram da conta bancária do PSB entre os dias 22 de agosto e 19 de setembro. A partir do dia 15 de setembro Novais já não respondia mais pelo partido. Essa foi a data em que a maioria do diretório, em um encontro conturbado, o destituiu da presidência sigla.

Somente entre os dias 22 e 24 do mês passado, teriam ocorrido saques que somam cerca de R$ 100 mil. No final, contabiliza Rogério, o que resta ao PSB de Fortaleza seria pouco mais de R$ 3,5 mil.

Rogério acrescenta que o partido, nos últimos meses, não realizou nenhum gasto que justifique uma saída tão volumosa de recursos. “Tudo isso envergonha o partido. O caso é muito grave e não condiz com partidos políticos que pregam a austeridade, a ética, o socialismo e a transparência”, reclama.

Omissão

Procurado pelo O POVO, Sérgio Novais nega que tenha subtraído recursos do PSB de forma irregular. Segundo ele, há seis meses que Rogério Pinheiro vinha se negando a assinar qualquer tipo de documento, inclusive os referentes à folha de pagamento, impostos e serviços. “Nesse contexto, o segundo tesoureiro teve que assinar diversos cheques para cobrir nossas obrigações”, esclarece o presidente destituído do PSB de Fortaleza.

Entre as despesas, Novais enumera gastos com gráficas, pesquisas de opinião e eventos relacionados às eleições municipais de 2012. “Ele (Rogério Pinheiro) vinha embarreirando, impedindo o partido de funcionar. Era um secretário omisso com suas obrigações. Nem contribuía financeiramente com o partido nem participava do seu cotidiano administrativo”, destacou. Ainda de acordo com Novais, os gastos mensais do PSB de Fortaleza giram normalmente em torno de R$ 20 mil. “Isso em termos de partido político é muito pouco”, acrescenta.

Versão que foi duramente rechaçada por Rogério Pinheiro. O 1º secretário de Finanças do PSB garante que assinou cheques referentes às despesas corriqueiras do partido. “Assinei um cheque agora em 7 de julho”, sublinha.”

(O POVO)

Greve dos bancários – Como fica o atendimento?

“Casas lotéricas, farmácias, supermercados e caixas de autoatendimento fora de bancos serão as opções durante a greve dos bancários que inicia hoje, anunciada nacionalmente na última quinta-feira, dia 22, sob orientação do Comando Nacional dos Bancários e coordenado pela Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT), após um mês de tentativa de negociação com a Federação Nacional dos Bancos (Fenaban).

De acordo com o presidente do Sindicato dos Bancários do Ceará, Carlos Eduardo Bezerra, a terceirização e rotatividade nos empregos são algumas das reivindicações da categoria. Com a greve, sem data definida para acabar, a população terá que recorrer aos meios “terceirizados” conforme cita Carlos Bezerra.

“Você tem correspondentes bancários, máquinas abastecidas por empresas de segurança, lotéricas, cartão magnético em que pega o salário. Pagam conta em farmácia, supermercado, os bancos têm segmentado tanto. E mesmo com tudo isso, só no primeiro semestre de 2011 houve lucro de R$ 27 bilhões”, afirma Carlos Eduardo. Conforme informações do presidente, atualmente são nove mil bancários no Ceará e 485 mil no País.

Pagamentos

O ideal, sempre, é que o consumidor pague as contas até o dia do vencimento, com ou sem greve dos bancários.

“Mas caso aconteça do devedor não conseguir realizar o pagamento em dia no período da greve, o primeiro caminho é ele resolver com o credor (empresa) para saber se dispõe de outro pagamento que não seja o banco, uma tesouraria, por exemplo”, sugere o secretário executivo do Procon-Fortaleza, João Ricardo Franco Vieira.

“Caso não dê certo, a outra saída seria a pessoa pagar a conta por meio da Ação de Consignação em Pagamento na Justiça, quando sem justificativa a empresa se nega a receber aquilo que é devido”, explica Vieira.

Para o administrador de empresa, Diego Lopes, será um transtorno a greve dos bancários. “Diariamente temos que fazer depósitos e pagamentos. Como provavelmente só vão funcionar os caixas do lado de fora, até o processo do depósito será demorado. Isso será um atraso muito grande”, acredita.”

(O POVO)

Ciro e Lúcio Alcântara não chegam a um acordo em processo

O ex-deputado federal Ciro Gomes e o ex-governador do Ceará, Lúcio Alcântara não entraram em acordo durante audiência de conciliação realizada na tarde segunda-feira, 26, no Fórum Clóvis Beviláqua, em Fortaleza.

Ciro Gomes apresentou queixa por crimes contra a honra (calúnia, difamação e injúria). Lúcio Alcântara teria acusado o ex-deputado federal e o irmão, governador Cid Gomes, de participação em esquema de corrupção e desvio de dinheiro público. A denúncia foi publicada em revista de circulação nacional, durante as eleições do ano passado.

A juíza Sandra Elisabete Jorge Landim, que recebeu previamente a queixa, determinou o prazo de 10 dias para que a defesa se manifeste. “Somente após ser apresentada a defesa, a decisão relativa ao recebimento da queixa será ratificada ou não”, explicou. As informações são do Tribunal de Justiça do Ceará.

Deputado deve lançar sua mulher para a Prefeitura

O deputado federal Genecias Noronha (PMDB) vai adotar medida caseira em se tratando de disputa pela Prefeitura de Quiterianópolis: lançará sua mulher, Aderlândia, como postulante.

Genecias Noronha, ex-prefeito de Parambu e empresário, foi o terceiro deputado federal mais votado no Estado.

A ordem agora é reforçar suas bases eleitorais de olho numa reeleição já em 2014, segundo assessores.

Hospital São Carlos promove encontro científico com especialista francês

Com a presença do médico francês Roger Badet, nome dos mais respeitados internacionalmente na arte de reconstruir ligamentos, o Hospital São Carlos promoverá nesta segunda-feira, a partir das 20 horas, em seu auditório, mais uma reunião do Clube do Joelho.

Esse clube nasceu há três meses de uma conversa informal entre os médicos Hildemar Queiroz e  Leonardo Heráclio, membros da Sociedade Brasileira de Cirurgia de Joelho. O objetivo é discutir artigos científicos publicados na imprensa nacional e internacional. Os encontros mensais são promovidos em conjunto com o Hospital São Carlos.

O médico Roger Badet está de passagem por Fortaleza e pertence à Escola de Lyon. Nesse encontro do Clube do Joelho participarão também os médicos Ronaldo Silva, presidente da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia – Regional Ceará (SBOT-CE), e Cláudio Régis, presidente da Sociedade Cearense de Radiologia. O evento será aberto ao público.

SERVIÇO

* Hospital São Carlos – Avenida Pontes Vieira, 2531.

PSOL terá candidato a prefeito de Fortaleza. Roseno já admite disputar

63 2

O PSOL vai ter candidato a prefeito de Fortaleza. A informação é do advogado e ex-presidente regional da legenda Renato Roseno.

“Temos que dar opção verdadeiramente de esquerda para o fortalezense”, explica Roseno, ressaltando que a cidade precisa repensar sua situação político-administrativa em todos os sentidos.

Para Roseno, um dos pontos negativos da atual gestão, que “frustou o eleitorado”, pois apregoava mudanças, foi não adotar o planejamento e pensar uma cidade para o futuro.

O PSOL quer isso, conforme Roseno, que inclui seu nome e o nome do vereador João Alfredo como opções para a disputa municipal. Mas ele admite que poderão surgir novidades nesse aspecto.

DETALHE – Renato Roseno obteve mais de 113 mil votos na última disputa à Câmara dos Deputados. A maioria dos sufrágios foi obtida em Fortaleza.

UFC entrega título de Doutor Honoris Causa a Ralph Della Cava

O historiador norte-americano Ralph Della Cava, um dos maiores pesquisadores sobre a vida do Padre Cícero Romão Batista (1844 – 1934), receberá o título de Doutor Honoris Causa da Universidade Federal do Ceará na próxima sexta-feira (30), às 19 horas, no auditório do Campus da UFC no Cariri, em Juazeiro do Norte.

O evento é aberto ao público e contará com a presença do homenageado e do reitor Jesualdo Farias, autor da proposta do título para Della Cava, cuja aprovação se deu, de forma unânime, em junho deste ano, pelo Conselho Universitário. 

Na ocasião, será distribuído O livro “Onze vezes Joaseiro”, que reúne ensaios sobre a cidade de Juazeiro do Norte. As reflexões contidas no livro são uma prova de como Ralph Della Cava abriu caminhos para novos olhares sobre os fatos do município. Ilustrado com fotografias de artesãos e suas obras, é organizado pelo pesquisador Gilmar de Carvalho.

HISTORIADOR

Della Cava viveu 14 meses entre Fortaleza, Juazeiro, Rio de Janeiro e outros lugares do País, estudando um tema que sempre foi cercado de polêmica: a vida de Padre Cícero. Em meados de 1964, na Biblioteca Municipal de Fortaleza, o pesquisador iniciou os estudos para uma obra que mudaria a visão do Brasil em relação ao Padre fundador de Juazeiro do Norte. Suas pesquisas resultaram no livro “Miracle at Joaseiro” (Milagre em Juazeiro), publicado em 1976, pela Editora Paz & Terra, obra considerada uma das mais aprofundadas sobre o tema.

(Site da UFC)

Procura-se um bom pastor

84 1

Com o título “Procura-se um bom pastor”, eis artigo do teólogo Carlos Tursi abordando algo que, neste Blog, sempre questionamos: cadê o pastor da Igreja Católica nas horas mais difíceis desta cidade? Tursi aborda a falta de um Dom Aloísio Loscheider. Nós lamentamos a ausência de outros que preferem o dom do silêncio ou da acomodação. Confira:

Já tiveste a sensação de alguém, falecido há algum tempo, permanecer “vivo” para ti? Permanecer fortemente presente em teu pensamento, continuar a servir de farol luminoso para o teu agir? Muito mais do que certas pessoas ainda vivas?

É assim que nos acontece com personagens marcantes, fascinantes, vibrantes, visionárias. É assim que me acontece com dom Aloísio Lorscheider, cujo quarto aniversário de morte (23/12/2007) se aproxima. Tenho uma foto dele colada na minha mesa de trabalho, é verdade, mas é a imagem dele que me vem à mente quando penso na Igreja em que acredito. Por que será?

Indubitavelmente, porque dom Aloísio tinha um perfil próprio, possuía um estilo inconfundível, era uma personalidade. Não se parecia com esta imagem episcopal padronizada e imposta que impera hoje: a dos prelados pomposos, envoltos numa aura de sagrado numinoso, mas sem quase nenhuma irradiação pessoal, donos de um discurso oficioso ensaiado, homologado, genérico e – em última análise – irrelevante para os destinos do nosso mundo. Bispos sem estatura própria, meninos de recado do Grande Pai em Roma, do Santo Padre (que blasfêmia, meu Deus!), cumpridores solícitos de ordens superiores, que nunca dizem o que realmente pensam, mas somente o que são mandados para dizer em nome da Instituição Eclesiástica. Bispos que cavalgam ad nauseam velhos cavalos de batalha como o aborto e a moral sexual (dos leigos, é claro!), mas que se calam diante das maiores atrocidades e injustiças que afligem a nossa sociedade. Bispos que me entediam com o que falam e não me arrastam, pelo seu exemplo, à prática do bem, à transformação do mundo. Ao contrário destes bispos mornos, dom Aloísio era quente, na fala e no testemunho pessoal. Quer ver? Então veja:

Na fala: “Estamos fazendo bonitas palestras, pregando belos retiros […], mas na realidade, não estamos concluindo nada! As grandes iniciativas realmente relevantes não estão saindo, porque ainda não reconhecemos, de fato […], a função e a dignidade cristã do leigo e da leiga” (MLA* pp.144-145). Ou que tal isto: “O leigo deve ter sua própria condição dentro da Igreja. Não deveriam ser convidados leigos ‘maquiados’ e sim, leigos-leigos” (MLA p.47). “Sem luta e engajamento, não se chega à felicidade verdadeira! […] Agora, a grande maioria das pessoas, hoje, espera do recurso ao sagrado, em primeiro lugar, proteção e defesa contra todos os males. “A motivação religiosa encontra-se muito mais próxima do medo e da insegurança do que da convicção e do compromisso” (MLA p.140). “O que acontece é que os cristãos se tornam cautelosos, não querem se expor. Está desaparecendo a espontaneidade. Para que haja mais espontaneidade deveremos, da parte do episcopado, aceitar a franqueza das pessoas. Um indivíduo que fala com franqueza não quer ofender ninguém, mas quer ajudar: isto está faltando na Igreja!” (MLA p.172). “Foram dois desafios que não foram abraçados: a opção preferencial pelos pobres e a organização das CEBs. É um desastre: O clero não acompanha as CEBs!” (MLA p.85).

Estás vendo? Qual o bispo que, hoje, ousa falar assim?

E no testemunho: Tenho fotos de dom Aloísio visitando casas e casebres no Morro do Teixeira/Castelo Encantado, subindo e descendo – na areia das dunas – os becos de favela, levando fé, esperança e amor aos pobres. Guardo ainda hoje recortes de jornal que mostram o mesmo dom Aloísio em um dos presídios mais perigosos da Ceará, o qual costumava frequentar (Qual o bispo que ainda leva a sério a palavra de Jesus: “Eu estive preso e tu foste me ver”?). Lembro-me como dom Aloísio criou e equipou o Centro de Defesa e Promoção dos Direitos Humanos na Arquidiocese, para prestar assistência jurídica às populações indefesas, sobretudo aos indígenas (perguntar não ofende: quanto o Arcebispado investe, atualmente, neste trabalho?).

Foi dom Aloísio que patrocinou experiências de formação seminarística inserida no meio popular, fora do Seminário. Também foi ele que conseguiu, por sua iniciativa pessoal, reverter uma ordem vinda do Vaticano para despedir os padres casados que atuavam como professores no curso de Teologia. Para não falar do incentivo importante que ele deu à criação da Conferência Nacional dos Leigos no Brasil – projeto abortado pela CNBB de hoje.

Por tantas palavras e atitudes corajosas e marcantes, a figura de dom Aloísio permanece vivíssima e luminosa para mim. Já não posso dizer a mesma coisa de muitos prelados pasteurizados que hoje desfilam solenemente seus paramentos em torno dos altares até desaparecem, literalmente, na nebulosidade do incenso: às vezes, me lembram os “sepulcros caiados” de quem falava Jesus… – cala-te, boca!

Salve, Dom Aloísio, salve-nos!

Bispos que me entediam com o que falam e não me arrastam, pelo seu exemplo, à prática do bem. Ao contrário destes bispos mornos, dom Aloísio era quente, na fala e no testemunho pessoal. Dom Aloísio Leo Arlindo Lorscheider, 8/10/1924 a 23/ 12/2007

* Carlo Tursi, teólogo,

citursi@superig.com.br

Candidato a defensor-público visita comarcas para ouvir demandas e apresentar propostas

Paulo Bentes, candidato ao cargo de defensor-público geral do Estado, está visitando as comarcas para ouvir as demandas da categoria. Dentro dessa peregrinação de quem quer entrar na lista tríplice, com eleição em outubro, já esteve em Maracanaú, Maranguape, Pacatuba, Cascavel, Aracati e Aquiraz.

Nesta segunda-feira, Bentes segue para a região do Sertão Central e, na terça-feira, visitará as comarcas do Vale do Jaguaribe.

Entre suas principais propostas estão:

1. Efetivação da autonomia orçamentária, financeira e administratiova da Defensoria;

2. Reesttruturaç;ao da carreira e adequação constitucional remunerartória;

3. Luta pelo tratamento isonômico com as carreiras da Magistratura e Ministério Público;

4. Maior integração entre Comunidade e Defensoria;

5. Otimização do atendimento aos assistidos;

6. Efetivação do Núcleo Itinerante da Defensoria; e

7. Criação de quadro próprio de servidores da Defensoria

Perboyre Diógenes troca PSL por PMDB e disputará Prefeitura de Saboeiro

 

O deputado estadual Perboyre Diógenes anuncia: vai trocar o PSL pelo PMDB no próximo dia 30. Ele disse que a mudança ocorrerá durante evento político em Saboeiro (Região dos Inhamuns) sua cidade, com a presença do presidente estadual peemedebista, senador Eunício Oliveira, que abonará sua ficha.

Perboyre Diógenes disse ainda que, na ocasião, lançará também sua pré-candidatura a prefeito de Saboeiro. Ele já foi prefeito desse município por três vezes.

Família do cineasta Eusélio Oliveira pede justiça

 
Da família do cineasta Eusélio Oliveira, assassinado em 1991, este Blog recebeu esta nota. O objetivo é cobrar punição para o acusado pelo crime. Confira:
 
Caro Eliomar de Lima,
Nesta segunda-feira, 26 de Setembro, completam-se 20 anos da morte do advogado, professor e fundador da Casa Amarela da UFC, cineasta Eusélio Oliveira, assassinado covardemente aos 58 anos com dois tiros pelo sargento reformado da marinha, Luis Rufino. O crime, que chocou toda a sociedade cearense, infelizmente figura hoje entre os tantos que ficaram impunes no nosso país.
O assassino, apesar de condenado a 15 anos de reclusão pelo homicídio de Eusélio Oliveira e lesão corporal ao filho do cineasta, Eusélio Gadelha, baleado com um tiro e na época com 21 anos, vem se valendo dos inúmeros recursos da justiça brasileira para não experimentar, sequer por um dia, a prisão.
Neste momento, o processo caminha para a prescrição no Supremo Tribunal Federal, onde está engavetado desde 2002, e à família agora só resta aguardar pela justiça de Deus.
Contamos com a credibilidade do seu Blog para vir à publico externar nosso repúdio diante da morosidade da justiça brasileira. Clamamos por um país melhor, onde tenhamos um Poder Judiciário eficiente, para que outras famílias não sejam obrigadas a conviver com a mesma dor que nos machuca desde o dia 26 de setembro de 1991.
* Atenciosamente,
Família de Eusélio Oliveira.

Ceará terá catálogo eletrônico de serviços

92 1

O secretário do Planejamento do Estado, Eduardo Diogo, reúne dirigentes dos órgãos do Governo para apresentar o “Catálogo Eletrônico de Serviços do Ceará – Cesec”, com suas funcionalidades referentes a Seplag e suas vinculadas Issec, Ipece, Etice e EGP. Isso ocorrerá amanhã, às 9 horas, quando será divulgado também o calendário de capacitação para todo o Governo.

O Cesec, segundo o secretário, representa mais uma ação em atendimento aos princípios da transparência e eficiência nos serviços prestados ao cidadão.

O lançamento do documento será feito em março de 2012, pelo governador Cid Gomes, e objetiva informar o conjunto de serviços disponibilizados, a melhor forma de acessá-los e a busca por qualidade.

PCdoB que disputar a Prefeitura de Fortaleza. E os cargos na gestão petista?

93 1

“O PCdoB reafirmou a intenção de ter candidato próprio à Prefeitura de Fortaleza em 2012. Além disso, projeta aumentar de um para três o número de vereadores na Capital. O anúncio foi feito pelo presidente municipal do partido, Luís Carlos Paes, durante o encerramento da XV Conferência Municipal do PCdoB, ontem, no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE).

“Nosso projeto leva em conta uma diretiva da executiva estadual de que devemos ser mais ousados em 2012”, destacou Paes, lembrando que, nas próximas eleições, a chapa virá “bem mais encorpada”. “Se nas eleições passadas quase fazíamos dois vereadores, agora, com candidatura também para prefeito, acho que faremos no mínimo três parlamentares”.

A expectativa do partido é de que 65 filiados disputem as eleições proporcionais, dentre os quais pelo menos 20 sejam mulheres. Para a construção do novo projeto, o dirigente assegura que todos os partidos com quem o PCdoB tem alianças deverão ser procurados.

O senador Inácio Arruda (PCdoB), nome favorito da sigla para a disputa pela Prefeitura, não compareceu ao encerramento do evento, porque participava de outra conferência do partido, juntamente com o deputado federal Chico Lopes (PCdoB), no município de Farias Brito. Ele participou do encontro na Capital no sábado.

Relação com Luizianne

Única vereadora do PCdoB em Fortaleza, Eliana Gomes disse que a legenda vai procurar conversar com a prefeita Luizianne Lins (PT) e com o governador Cid Gomes (PSB) sobre a sucessão em Fortaleza e que o nome de consenso no partido é mesmo o do senador.

“Somos da base aliada da prefeita, mas há muita falta de comunicação com a Luizianne. O Conselho da Cidade seria um excelente espaço de discussão política sobre Fortaleza, mas ele não funcionou. Talvez seja por conta disso que tantos partidos da base já lançaram pré-candidaturas”.

Ela, no entanto, ponderou que a gestão mostrou avanços na cidade e que a prefeita deixará “o seu legado” para Fortaleza. “Não é que agora vamos fazer oposição, radicalizar. Só entendemos que precisamos avançar mais”.

Além de Eliana Gomes, o secretário de Esporte e Lazer de Fortaleza, professor Evaldo Lima, o defensor público João Ricardo e o sindicalista Josenias Gomes deverão ser candidatos a vereador.”

(O POVO)