Blog do Eliomar

Categorias para Ceará

Eleições 2018 – Quase 500 mil eleitores cearenses estão com título desatualizado

O Tribunal Regional Eleitoral do Ceará alerta: eleitores devem consultar com antecedência o número da seção e o local de votação, para evitar transtornos no dia do pleito. Após determinação do Tribunal Superior Eleitoral, o TRE realizou um rezoneamento, que extinguiu 18 zonas eleitorais do interior e remanejou quatro para Fortaleza. A medida impactou eleitores de 29 municípios que tiveram os números da zona e da seção alterados. O documento de 753.344 eleitores está desatualizado. A informação é do site do TRE do Estado.

Apenas em Fortaleza, são 490.791 títulos com número da zona e seção antigos. No dia da eleição, essa incorreção pode atrasar a localização da seção e causar transtornos. No interior, 262.553 eleitores estão na mesma situação.

Uma das maneiras de resolver a situação é baixar o aplicativo e-Título. A novidade lançada no final de 2017, traz os dados atualizados sem a necessidade de obter uma segunda via do documento nos postos de atendimento presenciais. Os eleitores que estão em dia com a Justiça Eleitoral e desejam atendimento apenas para impressão da segunda via do título podem ficar despreocupados, pois o aplicativo e-Título substitui o documento na hora de votar.

Basta baixar o app, disponível para iPhone (iOS), smartphones (Android) e tablets. Ele apresenta informações como dados da zona eleitoral do usuário e a situação cadastral do eleitor em tempo real. Após baixá-lo, basta que o eleitor insira seus dados pessoais. O aplicativo também permite ao eleitor emitir a certidão de quitação eleitoral, além da certidão de crimes eleitorais. Essas certidões são emitidas por meio do QR Code, o que possibilita a leitura pelo próprio celular.

É importante destacar a necessidade de preencher os dados pessoais exatamente como eles estão registrados no Cadastro Eleitoral, pois, na hora de preencher os dados no aplicativo, se houver preenchimento de alguma informação em discordância com aquela lançada no documento original, o sistema não validará o cadastro. Portanto, é preciso estar atento a esse importante detalhe.

O eleitor que já tiver feito o recadastramento biométrico (cadastro das impressões digitais) junto à Justiça Eleitoral, a versão do e-Título virá acompanhada da foto do eleitor, o que facilitará a identificação na hora do voto. Caso o eleitor ainda não tenha feito o recadastramento biométrico, a versão do e-Título será baixada sem a foto. Nesse caso, o eleitor está obrigado a levar outro documento oficial com foto para se identificar ao mesário durante a votação.

2ª Via do título

Quem preferir ter o documento físico, deve se dirigir, em Fortaleza, à Central de Atendimento ao Eleitor (Avenida Almirante Barroso, 601 – Praia de Iracema) e no interior do Estado, ao cartório eleitoral da sua zona, com documento de identidade, e solicitar uma segunda via do título.

O TRE disponibiliza o serviço de atendimento pelo telefone 148 (válido para fixos e celulares com créditos válidos), para dúvidas e esclarecimentos. O eleitor também pode consultar a seção e o local de votação.

Através do portal do TRE na internet (www.tre-ce.jus.br), o eleitor também poderá consultar seu local de votação e seção, apenas informando o nome completo, a data de nascimento e o nome da mãe.

Caixa Econômica fará leilão com oferta de mais de 70 imóveis no Ceará

A Caixa Econômica Federal, em conjunto com o leiloeiro oficial Francisco Freitas, realizará leilão presencial e eletrônico na próxima quinta-feira, 16, a partir das 9 horas, no Espaço Venue Coworking, no bairro Aldeota.

Nessa ocasião, serão leiloados mais de 70 imóveis localizados em diversas cidades do Ceará. Os interessados podem obter informações mais detalhadas pelo site www.leiloesjudiciais.com.br/ce ou então pelo 0800-707-9272.

O leilão também será feito pelo site www.leiloesjudiciais.com.br/ce.

SERVIÇO

Espaço Venue Coworking, 1º andar, Rua Tibúrcio Cavalcante, 1.958, Aldeota

Equipe de comunicação e marketing de Camilo está montada

O jornalista Chagas Vieira será o coordenador da área de comunicação da campanha pró-reeleição do governador Camilo santana (PT). Ele apresentou suas despedidas da equipe do Palácio da Abolição e deverá assumir a função a partir da próxima quinta-feira. Na data, começará oficialmente a campanha eleitoral.

Com Chagas, estará também Karla Cury, que responderá pelo área do marketing da campanha.

Outro dado: o Comitê Central será o mesmo das campanhas do ex-governador Cid Gomes, do prefeito Roberto Cláudio – as duas campanhas, e a primeira do próprio Camilo.

(Reprodução de TV)

Refis das Microempresas – Pimentel quer convocação do Congresso para derrubar veto de Temer

“Espero que o presidente do Senado convoque a sessão do Congresso para que possamos derrubar esse veto na primeira oportunidade, pois ele é injusto e não é razoável para com as microempresas”, afirmou, durante encontro, nesta segunda-feira, com lojistas na sede da Federação das CDLs do Ceará (FCDL, o senador José Pimentel (PT).

Pimentel se referiu ao veto presidencial ao projeto que permitia o retorno das empresas excluídas do Simples Nacional por dívidas. Ele esteve na entidade atendendo a um convite de Freitas Cordeiro, presidente da federação. O retorno das microempresas ao sistema de tributação específico foi aprovado pelo Senado no dia 10 de julho, mas integralmente vetado pelo presidente no último dia 6 de agosto.

O senador defendeu a derrubada do veto pelo Congresso Nacional, como um esforço pessoal e da Frente Parlamentar Mista da Micro e Pequena Empresa. Chegou a deduzir que há uma política de governo para prejudicar as empresas que fazem parte do Simples Nacional, uma vez que este é o terceiro veto presidencial em pautas que beneficiam os pequenos e microempresários.

Mais de 11 mil empresas cearenses foram prejudicadas com essa medida, segundo o presidente da FCDL, Freitas Cordeiro. “As micro e pequenas empresas são as que mais sofrem com as medidas recessivas, mas ainda assim são que mais geram emprego e renda”, pontuou o dirigente lojista.

TJ mantém prefeito de Saboeiro afastado do cargo

O Tribunal de Justiça do Ceará, por meio da 3ª Câmara de Direito Público, negou, mais uma vez, o retorno de José Gotardo dos Santos Martins, prefeito de Saboeiro, ao cargo. Ele está afastado da Prefeitura desde junho de 2017 por improbidade administrativa. A decisão, proferida nesta segunda-feira (13, teve a relatoria do desembargador Antônio Abelardo Benevides Moraes. A informação é da assessoria de imprensa do TJCE.

“No caso, a probabilidade do direito se evidenciou à vista da gravíssima natureza dos atos de improbidade administrativa praticados pelo agravante juntamente, com 27 (vinte e sete) outras pessoas físicas e/ou jurídicas, tais como fraudes em licitações e desvio de verbas públicas, que, entranhados na máquina administrativa, teriam ensejado o prejuízo estimado de mais de 5 milhões de reais ao erário municipal em curto espaço de tempo,” explicou o relator.

De acordo com a denúncia do Ministério Público do Ceará, o prefeito e outras 27 pessoas, entre secretários municipais e empresários, cometeram improbidade administrativa durante a gestão à frente da Prefeitura de Saboeiro. Entre as irregularidades estão a contratação de serviços e fornecimento de combustíveis sem licitação; nomeação de servidores fantasmas e de pessoas em razão de parentesco e amizade com o prefeito; sucateamento da frota de carros; e abusos na locação de veículos.

Por isso, o órgão ministerial pediu o afastamento do gestor e dos secretários, indisponibilidade dos bens, suspensão das atividades de empresas e declaração de inexistência da relação jurídica entre empresas e dissolução compulsória de pessoas jurídicas.

Tramitação

O Juízo da Vara Única da Comarca de Saboeiro deferiu os pedidos e determinou o afastamento do gestor por 180 dias. Em razão disso, a defesa dele interpôs agravo de instrumento (nº 0622848-60.2018.8.06.0000) no TJCE. Alegou que a decisão não fundamenta, de forma concreta e objetiva, que o gestor estaria se valendo do cargo de prefeito para tumultuar a instrução processual. Também argumentou que o prazo de 180 dias de afastamento já foi cumprido e pediu o efeito suspensivo da medida para retornar imediatamente ao cargo.

Ao julgar o processo, o colegiado da 3ª Câmara de Direito Público negou o pedido, acompanhando à unanimidade o voto do relator. “Os atos de improbidade restaram suficientemente evidenciados pela prova pré-constituída, e o agravante, por sua vez, não trouxe argumentos relevantes a denotar o contrário, reitere-se, restringindo-se em afirmar que, após a deflagração das operações policiais e da investigação conduzida pelo Ministério Público, determinou a rescisão de contratos, suspensão de pagamentos e a exoneração dos secretários, como se tais medidas tivessem o condão de restabelecer as coisas ao status quo ante”.

Em relação ao período de afastamento, o desembargador destacou: “Como venho ressaltando em minhas decisões (vide acórdão do ‘primeiro Agravo’), entendo que o afastamento do cargo previsto no artigo 20, parágrafo único, da Lei nº 8.429/92, não tem limite legal. O prazo de 180 dias, fruto da construção jurisprudencial, não é vinculativo, cabendo ao juízo, caso a caso, a análise das circunstâncias para determinar a duração da medida cautelar. Aqui, o interesse público fala mais alto!”

Candidato ao Governo pelo pelo PSL terá reunião com Bolsonaro para tratar de campanha

O candidato a governador pelo PSL, advogado Hélio Gois, e o presidente estadual da legenda, Heitor Freire, pré-candidato a deputado federal, embarcam, nas próximas horas, para Brasília. Eles acertaram as passagens com destino a Brasília.

Nesta terça-feira, os dois vão ser recebidos pelo candidato a presidente da República pelo PSL, Jair Bolsonaro. Hora de acertar estratégias e apoio para a campanha de Gois no Ceará.

(Foto – Paulo MOska)

Chapa do General Theophilo já está registrada

A Coligação “ Tá na Hora de Mudar” também registrou, nesta segunda-feira, junto ao Tribunal Regional Eleitoral, suas chapas majoritária e proporcional.

Foram registrados General Theophilo (PSDB) como candidato a governador, tendo na vice Emilia Pessoa (PSDB). As candidaturas de Dra. Mayra (PSDB) e Eduardo Girão (PROS) para o Senado também foram registradas, informa a assessoria de imprensa da coligação.

(Foto – Divulgação)

No Ceará, o PT se abraçou com o Centrão

Com o título “O jogo e o lado”, eis artigo do jornalista Wagner Mendes, do O POVO. Ele fala sobre a campanha eleitoral, que começa quinta-feira, e as curiosidades do cenário contraditório do momento no Estado.Confira:

Daqui a três dias, mais uma campanha estará nas ruas do Ceará. Lá se vai tudo de novo: as alianças, as promessas, a batida no ombro, o desencantamento do eleitor. Este é natural, até porque pouco mudou desde a redemocratização. Aliás, a promessa de mudança do sistema eleitoral continua sendo uma promessa.

Embora os parlamentares de Brasília tivessem tentado, falsamente, construir uma reforma eleitoral, as estratégias dos partidos ainda continuam alicerçadas nas mesmas articulações de outrora. A minirreforma trouxe poucos avanços, e continuou garantindo o pragmatismo de bastidores. No salve-se quem puder, a consciência fica em segundo plano e os acordos são reduzidos a números, a votos nas urnas.

Do final dos anos 1980 para cá, os lados, fluidos, continuam a negociar tempo de televisão em troca de apoio às reeleições. No apagar das luzes, o governador Camilo Santana (PT) conseguiu esfacelar ainda mais a oposição, que, nos últimos dois anos, já arquejava em prantos na tribuna da Assembleia Legislativa.

Em tese opositores de projetos, o PT se abraçou no Ceará com as lideranças do chamado “Centrão”, que mandam e desmandam no Congresso Nacional. A oposição se esforçou para conquistar o apoio, mas pouco tinha a oferecer.

A conquista do Palácio da Abolição? Uma conversa aqui, um gracejo ali. É uma conta matemática. A oposição de Tasso Jereissati, hoje esfacelada, já foi governo. Na época, utilizou dos mesmos métodos de conquista ao pé do ouvido e do ajuntamento de lideranças pelo interior do Ceará. Quanto mais prefeitos, mais fácil a reeleição na estratégia tradicional.

É uma conta matemática muito simples. Os discursos vulneráveis são maioria. Os grupos que têm lado, efetivamente, pouco têm espaço no modelo político elaborado pelos detentores do poder, na prática.

Uma crítica pesada, um processo judicial e um bate-boca público logo são trocados por um abraço afetuoso, uma fotografia articulada, um afago servil. Sem constrangimento. Nesta eleição, é mais um período para as fotografias, para o reavivamento das “amizades”, para a contabilidade eleitoral, para os próximos confrontos de discursos e a readequação dos dizeres que construirão as novas narrativas locais.

*Wagner Mendes

wagnermendes@opovo.com.br

Jornalista do O POVO.

Candidato do PCO fala de suas propostas para ganhar o Governo do Ceará

539 2

O Partido da Causa Operária (PCO) vai disputar o Governo do Ceará com Mikaelton Caratino, 40 anos, professor de Matemática da rede pública de ensino. É a primeira vez que ele entra numa disputa eleitoral.

Entre suas propostas, o candidato destaca tornar a educação e a saúde totalmente estatizadas e incentivar comitês por bairros contra a violência.

Mikaelton promete uma gestão da calsse trabalhadora e não considera isso utopia.

 

Eleições 2018 – Ibope divulga primeira pesquisa sobre o Ceará nesta quinta-feira

639 3

O Ibope está em campo esta semana para realizar pesquisas de intenção de voto em 13 Estados de todas as regiões brasileiras. Os levantamentos, feitos a pedido de filiais da Rede Globo, irão avaliar os cenários para governo do Estado, Senado e Presidência. Eles têm previsão de divulgação entre quinta-feira, 16, e sábado, 18.

Na quinta-feira, está prevista a publicação dos resultados do Ceará e Alagoas.

Na sexta-feira, saem os dados de Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Sergipe, Rio Grande do Norte, Tocantins, Goiás, Amapá, Roraima, Amazonas. No sábado, do Pará e do Espírito Santo.

(Agência Estado)

Chapa de Camilo Santana já está registrada

A Coligação “Por um Ceará Cada Vez mais forte” registrou, nesta segunda-feira, junto ao Tribunal Regional Eleitoral, suas chapas majoritária e proporciona. A informação é do coordenador jurídico da coligação, André Costa.

Foram registrados Camilo Santana (PT), com sua vice, Izolda Cela (PDT), e o candidato Cid Gomes (PDT) ao Senado, com os suplentes Prisco Bezerra e Julinho Ventura. De acordo com o advogado, demorou porque envolveu 375 candidatos envolvendo documentação pessoal, certidão e documentos de bens.

Agora, deve começar a sair o CNPJ para que os candidatos, após isso, possam mergulhar na campanha eleitoral que começa,oficialmente,a partir da próxima quinta-feira, 16.

(Foto – Divulgação)

Vem aí a 15ª Meia Maratona Internacional de Fortaleza

Fortaleza terá a sua 15ª Meia Maratona Internacional. Será no dia 9 de setembro, reunindo atletas locais, nacionais e do Exterior (www.meiafortaleza.com.br). Serão 33 categorias -masculino e feminino, entre elas, cadeirante e militares. A premiação chegará a R$ 30 mil, do primeiro ao quinto colocado.

A informação é de Colombo Cialdini, que preside as regionais da Associação Brasileira dos Agentes de Viagem (Abav) e Associação Brasileira dos Promotores de Eventos (Abrape).

Cialdini adianta que o certame contará com atletas de vários Estados e, também, do Exterior.

(Foto – Mídia Turis)

Clodoaldo: o resgate de um ídolo

287 1

Com o título “Clodoaldo: o resgate de um ídolo”, eis artigo do jornalista Bruno Balacó, do O POVO. Reforço para a Copa Fares Lopes, pelo Fortaleza, ele “sonha, inclusive, se tornar o maior artilheiro da história do clube”. Confira:,

Mais do que um craque inconteste, Clodoaldo é um dos grandes personagens que o futebol cearense já teve. Neste século, ouso dizer que ninguém brilhou tanto quanto ele por aqui. No início dos anos 2000, o Baixinho, natural do município de Ipu, marcou época atuando pelo Fortaleza.

Aliava o talento para construir belas jogadas e dribles desconcertantes com um faro de gol invejável, notabilizando-se como um goleador. Caiu nas graças da torcida, que para ele fez hit, exaltando suas qualidades como “bom de bola” e “terror” das zagas adversárias. Mas a mesma torcida que o idolatrava, ficou em polvorosa com sua polêmica e controversa transferência para o arquirrival Ceará ao fim da temporada de 2005.

Um episódio que marcou a carreira de Clodoaldo e deixou uma forte mágoa no coração do torcedor apaixonado do Tricolor. Durante mais de uma década o jogador e o Fortaleza se mantiveram distantes. E futebolisticamente falando, Clodoaldo nunca mais voltou a brilhar, como nos tempos do Pici. Até que no ano passado, com a intervenção do então presidente do Fortaleza, Luiz Eduardo Girão, o ídolo tratou de acertar as contas com o passado.

Em vídeo divulgado pelo Fortaleza, com forte apelo emotivo e nostálgico, o craque pediu perdão. Mais que isso: assumiu que errou pela forma como deixou a equipe. Reatou, após 12 anos, um ‘casamento’ com o time que o projetou para o mundo do futebol. Tornou-se embaixador social do clube.

E agora, aos 39 anos, se prepara para voltar a vestir a camisa do Fortaleza como jogador, em sua despedida dos gramados. Virou reforço para a Taça Fares Lopes, que o time passa a disputar a partir do próximo dia 26. Sonha, inclusive, se tornar o maior artilheiro da história do clube, feito que conseguirá se balançar as redes mais 12 vezes. Se ele vai bater a meta, atuar em várias partidas e mostrar bom rendimento, não se sabe. Mas uma coisa já podemos afirmar antes de sua retirada oficial dos gramados: o Fortaleza resgatou um ídolo. Clodoaldo voltou (ou está prestes a voltar) o’Capetinha do Pici’.

*Bruno Balacó

brunobalaco@opovo.com.br

Jornalista do O POVO.

Fortaleza Liquida deve oferecer produtos com descontos até 70%

382 1

Vem aí o IX Fortaleza Liquida.

Será realizada de 30 de agosto a 9 de setembro em Fortaleza e Região Metropolitana, com expectativa de ter a adesão de 4.500 lojas, informa o presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas, Assis Cavalcante.

A previsão é de que o evento, criado para aquecer o comércio, ofereça descontos de 10% até 70%.

(Foto – Paulo MOska)

ISS registra incremento de 9% em julho

A Secretaria de Finanças de Fortaleza registrou um incremento de 9% na arrecadação do ISS em julho último. A informação é do secretário-executivo da pasta Jaime Cavalcante.

O que pesou para o bom resultado? Ele diz que o movimento das férias, mas, também, apostas, por parte da Sefin, em investimentos no campo da informatização e acompanhamento da arrecadação em todos os sentidos.

16ª Caminhada com Maria deve atrair grupinho nada santo

318 1

Tudo pronto para a 16ª Caminhada com Maria, que celebra a padroeira de Fortaleza na próxima quarta-feira, 15. O evento, da Igreja Católica, é puxado anualmente pelo arcebispo, dom José Antonio de Aparecido Tose.

A procissão sairá às 15 horas do Santuário de Nossa Senhora da Assunção, na Barra do Ceará, e deverá se encerrar com missa na Catedral Metropolitana.

A Arquidiocese espera, ao longo da procissão, atrair cerca de 2 milhões de fiéis.

Neste ano, por conta das eleições, contará com grupinho a mais e nada santo: candidatos, com seus panfletos em busca de votos.

(Foto – Fábio Lima)

Circo Turma da Mônica agenda shows em Fortaleza

O Circo Turma da Mônica – Primeiro Circo do Novo Mundo, o maior espetáculo já produzido nos estúdios de Maurício de Sousa, já tem data para estrear em Fortaleza: dias 29 e 30 de setembro, no Teatro RioMar Papicu.

Sucesso de público e crítica, o espetáculo tem supervisão geral de Mauricio de Sousa e participação mais que especial do eterno trapalhão Dedé Santana como mestre de cerimônia, além de Rodrigo Robleño, reconhecido internacionalmente por seu trabalho no espetáculo Varekai do Circo Du Soleil.

Quem está à frente como produtor e diretor-geral é Mauro Sousa, que lidera a Mauricio de Sousa Ao Vivo, responsável por transformar as histórias em quadrinhos em experiências lúdicas, educativas e culturais.

SERVIÇO

*As vendas já estão abertas por meio dos sites www.circoturmadamonica.com.br e Uhuu e na bilheteria do teatro.

*Teatro RioMar Fortaleza – Rua Desembargador Lauro Nogueira, 1500 Piso L3.

(Foto – Mídia News)

Favor não confundir aborto com homicídio

300 1

Com o título “Política de saúde: não confundir aborto com homicídio”, eis artigo de André Haguette, sociólogo e professor titular da Universidade Federal do Ceará. Ele aborda tema polêmico do aborto nestes tempos de campanha eleitoral. “Lembro que a Bíblia não condena o aborto (Êxodo XXI, 22-23) e que o aborto não é um problema de fé para as religiões cristãs, mas um problema científico e epistemológico”, diz trecho do texto. Confira:

As campanhas eleitorais têm o mérito de aproximar candidatos dos problemas e ensejos da população. O aborto e a descriminalização de sua prática têm sido uma demanda generalizada que não pode continuar a ser ignorada, já que o Supremo Tribunal Federal passou a discuti-la em audiências públicas. Se, por um lado, não surpreende o embate de argumentos contrários e favoráveis em aborto, por outro, choca a simploriedade das teses evocadas contra a descriminalização do aborto. Por simploriedade, me refiro à falta de embasamentos históricos, filosóficos e científicos das opiniões defendidas. Afinal, quais questões levantam o aborto? Não me parece suficiente apelar à “defesa da vida”, ao “direito à vida a partir da concepção” ou ao mandamento bíblico “não matarás”. O que está em discussão não é toda e qualquer vida, mas a vida de um ser humano, o que implica discutir o que é a vida, o que é um ser vivo e o que é um ser vivo humano. Com essas definições em mente, será então possível perguntar se o embrião é um ser humano desde sua concepção ou se, ao longo da gravidez, ele se torna humano e a partir de qual momento?

Parece necessário, em primeiro lugar, distinguir entre “estar vivo” e “ser um ser vivo”, como sugere Francis Kaplan, cujo pensamento este artigo apresenta. Algo pode ser vivo como parte de um outro ser vivo, minhas pernas, meu olho por exemplo, sem ser um indivíduo, “um ser organizado vivendo de uma existência própria”. Um ser vivo, dizia Jacques Monod, tem funções, isto é, atividades em função de algo, atividades finalizadas, é ser dotado de um projeto. O embrião não pode subsistir sem as funções da mãe. “Ninguém, aliás, duvida que, até a vigésima semana após a concepção, o embrião não é viável… como então ser um ser vivo e não ser viável?”, escreve Kaplan. O embrião é, portanto, vivo como parte de um ser vivo, embora não seja ele mesmo um “ser vivo”. Logo, o aborto não tira a vida de um ser vivo.

Não sendo um ser vivo, ele não é evidentemente um ser humano vivo. Como caracterizar a humanidade? O filósofo Emanuel Kant caracteriza a humanidade como o que não pode ser instrumentalizado; o humano é um fim em si mesmo. E o que distingue um ser que é um fim em si mesmo? A consciência. Por sua vez, a consciência depende para existir de uma atividade neuronal; hoje, a medicina considera clinicamente morta uma pessoa sem atividade cerebral. Logo, o critério a detectar um ser humano vivo é a atividade cerebral, o que no embrião não ocorre antes do fim do primeiro trimestre, momento em que pela primeira vez o aborto poderia ser considerado homicídio, atentado contra a vida de um ser humano. Antes, se não há sequer um ser humano, como haver homicídio?

Mas se o embrião não é um ser humano, diz-se, que ele o é em potencialidade. Mas como poderia o embrião ser uma pessoa em potência não sendo sequer um ser? Ele ainda não usufrui de autonomia. Gosto da observação de um dos pais da Igreja, Gregório de Nicéa (335-395): “Não se dará ao embrião o nome de homem, já que é imperfeito; é alguma coisa que tem a potência de chegar à existência humana se for desenvolvida, mas que, enquanto se encontra em situação de inacabamento, é algo diferente, mas não um homem”.

Lembro que a Bíblia não condena o aborto (Êxodo XXI, 22-23) e que o aborto não é um problema de fé para as religiões cristãs, mas um problema científico e epistemológico.

*André Haguette

haguetteandre@gmail.com

Sociólogo e professor titular da Universidade Federal do Ceará.