Blog do Eliomar

Categorias para Ceará

Ciro vai expor suas proposta na Unifor

1675 2

Ciro Gomes vai expor nesta segunda-feira, às 19 horas, num debate sobre o Futuro do Brasil, no Teatro Celina Queiroz, suas propostas como presidenciável do PDT. O evento tem entre organizadores o DCE da Unifor e a UNE.

Será mais um compromisso, depois do giro que o presidenciável fez por municípios da Região do Cariri, no fim de semana, com objetivo de reforçar sua imagem no Interior brasileiro.

Essa caravana deve ser tocada em outros Estados, segundo a cúpula nacional pedetista.

(Foto – Divulgação)

 

Sobral vai regulamentar uso de aplicativo no transporte de passageiros

Ivo Gomes (PDT) é o prefeito.

A Secretaria de Obras, Mobilidade e Serviços Públicos do Município de Sobral (Zona Norte) acaba de baixar a portaria de nº 003/2018. Por ela, informa que a Câmara dos Deputados aprovou o projeto de regulamentação de transporte de passageiros por aplicativos, estipulando, dentre outras coisas, caber aos municípios a regulamentação e fiscalização de tais serviços.

Com isso, adianta, será possível, inclusive, a cobrança de tributos municipais, exigência de contratação de seguros de acidentes pessoais a passageiros e do seguro obrigatório (DPVAT), exigência de inscrição do motorista junto ao INSS e outras providências.

O Sindicatos dos Taxistas e Mototaxistas de Sobral já foi inteirado da medida para se integrar a um grupo de trabalho que tratar da regulamentação de aplicativos no município.

 

Chove em 68 municípios cearenses

Choveu em 68 municípios cearenses, nas últimas horas, no Ceará. A informação é da Funceme, que divulga as 10 maiores precipitações. Confira:

Ubajara (Posto: Ubajara) : 43.0 mm

Ocara (Posto: Açude Batente) : 33.0 mm

Santa Quitéria (Posto: Trapia) : 31.0 mm

Paramoti (Posto: Assentamento Papel) : 30.0 mm

Quixeramobim (Posto: Quixeramobim) : 29.0 mm

Tamboril (Posto: Açude Carão) : 28.0 mm

Ipueiras (Posto: Ipueiras) : 25.0 mm

Pacujá (Posto: Pacuja) : 25.0 mm

Ibiapina (Posto: Ibiapina) : 24.5 mm

Cedro (Posto: Ematerce) : 24.2 mm

BNB começa a operar nesta semana com nova taxas do FNE

O Banco do Nordeste do Brasil (BNB) começa, nesta semana, a conceder empréstimos com base nas novas regras do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE), principal funding da instituição. O início das operações estava a depender do novo Coeficiente de Desequilíbrio Regional (CDR), de 62%, calculado anualmente pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e anunciado na última sexta-feira, além de regulamentação, já feita por decreto.

O CDR é aplicado sobre a parcela da Taxa de Longo Prazo (TLP), divulgada mensalmente pelo Conselho Monetário Nacional (CMN). O CDR reduz este componente na formação da taxa de juros do FNE. “Já temos R$ 18 bilhões de demanda tramitando, boa parte já aprovada. As contratações têm início nesta semana”, informou o presidente do BNB, Romildo Rolim. Desde 26 de dezembro de 2017, não havia operações com o FNE.

Em 2018, os financiamentos com dinheiro do FNE terão descontos entre 37% e 68,5% sobre os juros reais em operações de longo prazo, ante as taxas cobradas para operações de crédito no restante do País.

O anúncio do CDR de 62%, feito por Rolim, foi recebido como a notícia de um gol pelos gerentes do BNB durante Encontro de Administradores do Banco, no hotel Vila Galé de Guarajuba, no litoral baiano. O CDR é calculado aplicando a renda per capita do Nordeste em relação à renda per capita nacional. O último percentual apurado fora de 63%.

Na nova metodologia da composição das taxas do FNE, o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), que mede a inflação, e a parcela prefixada da Taxa de Longo Prazo (TLP) compõem o cálculo.

Sobre a parcela prefixada da TLP entram, além do CDR, o bônus de adimplência e o fator do programa (conforme o tipo de operação ou finalidade do projeto a ser financiado). Os clientes adimplentes ganham a bonificação de 15% de desconto sobre a parcela prefixada da TLP, nos financiamentos pagos em dia.

(O POVO – Jocélio Leal, Editor de Negócios do O POVO)

Médicos fazem campanha para ajudar pais de gêmeas siamesas de Aquiraz

Uma campanha tenta arrecadar dinheiro para o custeio de estadia dos pais das gêmeas siamesas, que moram no distrito de Patacas, em Aquiraz, e estão em São Paulo, onde passam por procedimentos cirúrgicos para separação do crânio. Nascidas unidas pelo topo do crânio, Maria Ysadora e Maria Ysabelle, de um ano e sete meses, estão em Ribeirão Preto, em São Paulo, e já passaram pela primeira de quatro intervenções cirúrgicas.

Os pais das meninas, Débora de Freitas, 27, e Diego de Freitas Santos, 28, estão hospedados numa casa de apoio, na cidade, mas precisam de dinheiro para deslocamento e alimentação. A campanha quer arrecadar R$ 10 mil, para que eles consigam se manter em São Paulo durante 2018, já que a última cirurgia deve ser feita apenas no fim do ano.

“A primeira cirurgia foi no último dia 17 de fevereiro e correu com sucesso. Como são intervenções em áreas delicadas, elas precisam de um intervalo, entre dois ou três meses, para a recuperação”, explica o médico Eduardo Jucá. Neurocirurgião do Hospital Albert Sabin, Jucá compõe a equipe que realiza as cirurgias e deve participar das outras três operações. A última cirurgia está prevista para ocorrer no fim do ano. A mãe das meninas é dona de casa e o pai está desempregado.

O procedimento, inédito no Brasil, é realizado pela equipe comandada pelo professor chefe do Departamento de Neurocirurgia Pediátrica do Hospital das Clínicas de Ribeirão Preto, Hélio Machado. O cirurgião norte-americano James Goodrich, referência no assunto no mundo, integra a equipe de médicos.

Com despesas estimadas em US$ 2,5 milhões nos Estados Unidos, as cirurgias serão custeada pela Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa), pela Faculdade de Medicina de São Paulo e pelo Hospital das Clínicas de Ribeirão Preto.

Quatro fases

Das quatro fases previstas ao longo do ano, três consistem na preparação para a separação definitiva. A primeira cirurgia foi feita no último dia 17

Como doar:

*Por meio do site www.vakinha.com.br/vaquinha/familia-de-gemeas-siamesas

(O POVO – Repórter Angélica Feitosa)

Lula convida Eunício para uma boa conversa

846 1

Há cerca de 20 dias, quando a eventual candidatura de Michel Temer começou a ser levada a sério, Lula convidou Eunício Oliveira para um almoço em São Paulo. A dupla ficou de encontrar uma data nas agendas, informa a Coluna Radar, da Veja Online.

Por motivos eleitoreiros, o presidente do Senado espalha pelo Ceará que seu candidato a presidente é o petista, mesmo sabendo do assanhamento de Temer e das baixíssimas chances de Lula resolver suas pendências com a Justiça até a eleição.

Já Lula, quando pisca para Eunício, finge esquecer aquele assunto de golpe…

Procuradores-gerais de Justiça querem aumento da pena do menor infrator. Você concorda?

Da Coluna do Eliomar de Lima, do O POVO desta segunda-feira:

Triplicar a pena para adolescentes infratores, como propõem Plácido Rios (PGJ-Ceará) e os procuradores-gerais de Justiça do Brasil, parece não ser a melhor solução para resolver parte da violência urbana no País. Os procuradores poderiam propor uma lei mais rígida e eficiente contra governadores e prefeitos que não têm nos estados e municípios uma rede eficaz de proteção à infância e adolescência. Uma vez nos centros socioeducativos, os jovens não dispõem de mecanismos de fato atuantes para ressocialização.

A defesa dos doutores deveria ser por uma legislação mais dura para gestores públicos que fazem de conta que os aparatos de proteção social, principalmente na periferia, funcionam. Os Centros de Reabilitação e Assistência Social (Cras) e outros equipamentos se arrastam na falta de estrutura e de pessoal. Isso sim, poderia ser modificado e dar cadeia para quem não prioriza a assistência para esse segmento da população.

Já está provado que endurecimento de punição – tempo de pena – não intimida quem comete crimes. Se fosse assim, não haveria reincidência. O que falta, insistimos, é rede de proteção para meninos e meninas que são puxados para o crime por causa da ausência do Estado.

Eunício reage a fala de Carlos Lupi e diz não ter desespero em fazer aliança com A ou B

Após o presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, afirmar que a sigla não é favorável a uma aliança no Ceará com o senador Eunício Oliveira (MDB) — que tem se reaproximado do governador Camilo Santana —, Eunício argumentou que “Camilo é do PT” e reafirmou ser eleitor do Lula, caso a candidatura seja permitida pela Justiça. Embora Camilo não seja pedetista, ele é apadrinhado pelos Ferreira Gomes, filiados ao PDT.

Semana passada, Lupi enfatizou que PDT e MDB estão em posições opostas nacionalmente. “A gente está acusando (o governo Michel Temer), denunciando, como a gente vai estar junto?”, questionou. Lupi defende que a sigla lance dois candidatos ao Senado no Ceará: Cid Gomes e André Figueiredo. A ideia excluiria da chapa Eunício, que quer se reeleger senador.

“Tenho conversado várias vezes com Camilo sobre todos os interesses do Ceará. Já liberei R$ 10 bilhões. Tenho parceria administrativa para ajudar o Ceará, e se evoluir, na parceria política com Camilo e com o PT, ela será feita. Se não for possível, paciência. Não tenho desespero em fazer aliança com A ou com B”, disse.

Eunício saiu em defesa de Camilo após críticas do senador Tasso Jereissati (PSDB). O tucano declarou, na última sexta, 2, que a oposição estava sendo “abafada” pelo Palácio da Abolição, o que compromete a fiscalização ao Governo. Líder da oposição até pouco tempo, Eunício disse que a movimentação de Camilo é legítima e que busca de apoio é mais do que natural no processo democrático.

(O POVO – Wagner Mendes/Foto – Divulgação)

Filme estrangeiro vencedor do Oscar estreou no Cine Ceará de 2017

Do cineasta Wolney Oliveira, organizador do Cine Ceará, festival tradicional de cinema que acontece anualmente no Estado e que, neste 2018, já está marcado para agosto próximo, com abertura no Cineteatro São Luiz, recebemos a seguinte nota:

Caro Eliomar de Lima,

Na Cerimônia do Oscar, nesse domingo, tivemos uma ótima notícia para o cinema latino-americano. O filme chileno “ Uma Mulher Fantástica “ do diretor Sebastián Lelio, que estreou no Brasil em 2017 na abertura do 27º Cine Ceará, foi o ganhador do Oscar de Melhor Filme Estrangeiro.

VAMOS NÓS – Isso mostra que o festival cearense está mais do que antenado com o que vem ocorrendo no cinema mundial.

(Foto = Divulgação)

Metalúrgico tem quatro dedos reimplantados no Ceará

A casa do metalúrgico e da costureira, na comunidade Jabuti (entre Fortaleza e Eusébio, Região Metropolitana), ainda está por terminar. Francisco Nogueira Maia Júnior, 37 anos, olha as paredes de tijolo comum com vontade de voltar a trabalhar na construção civil. Escorada em um canto desse olhar saudoso, Antônia Magna Barros Correia, 36 anos, preenche a esperança do companheiro com afirmações de que vai dar tudo certo, se Deus quiser, o pior já passou.

O pior foi no dia 23 de janeiro deste ano, por volta das sete e meia da manhã. Júnior, como é conhecido, iniciava o expediente na máquina de dobrar ferro e, “na primeira peça”, ele conta, “a mão ficou presa entre a máquina e a peça”. Sentiu mais raiva, “pelo descuido”, que dor. O tempo se embaralhou em susto, sonho, pesadelo: “Aquele segundozinho foi o susto. Depois, mais um segundo, um sonho, um pesadelo. Quando olhei ao redor, estavam meus colegas de trabalho. Não, não foi um sonho. Aí, olhei pra mão”. Restava o polegar; os outros quatro dedos da mão esquerda ficaram na máquina, com parte da luva e do pó de ferro.

Levado pelo técnico de segurança do trabalho da empresa, Júnior recebeu os primeiros socorros no Instituto Doutor José Frota (IJF), hospital público que atende a casos de alta complexidade. “Estava chovendo, trânsito fechado. Não lembro a hora que chegamos. Foi de oito e meia pra nove horas”, atravessava o tempo; a mão enfaixada com gaze e os dedos, na luva, transportados em um saco com água e gelo.

A triagem foi rápida, feito a vida que “passava na mente”. Depois, o assombro da moça do raio-X quando desenrolou a gaze. O pensamento do que não poderia mais fazer. A sala de curativos e gente de todo jeito. “Entrei, e o cara (médico) disse: ‘É uma pequena cirurgia’”, reproduz Júnior. Só pontear para fechar a lesão e ir para casa, o médico teria simplificado. O técnico de segurança lhe mostrou os dedos amputados, reconstitui Júnior, mas o médico teria reafirmado: “Não, pode jogar fora, no lixo”.

O técnico colocou o saco com os dedos do metalúrgico no lixo de curativos velhos. Mas foi cuidadoso, observou Júnior, “com jeitinho, pra não derramar a água”, e saiu para telefonar. Enquanto esperava a vez de costurar a mão desfigurada, Júnior se acocorou sem dor, palavra ou pensamento. Sempre carregou, nos ombros, a conformação de uma vida sem recursos. O que lhe dissessem era remédio. “Nesse momento, parece que tem uma anestesia que a pessoa não chega a pensar em nada, quer é se livrar daquilo”, dilui o sentimento.

Mas a história não tem o final comum na sala de curativos do IJF. Quando o técnico de segurança do trabalho voltou, trouxe a pergunta de tentarem o reimplante em outro lugar. A empresa pagaria. Custaria de R$ 50 mil a R$ 100 mil, só existia um médico antigo que fazia, doutor Salustiano, não se sabe dele, contrapôs o plantonista. Assinaram o termo de saída, retiraram os dedos do lixo e começaram uma busca na internet, pelo celular. Era também o começo da tarde.

Contra o tempo, chegaram à equipe dos cirurgiões de mão João Mamede e Valberto Porto e do cirurgião plástico Breno Pessoa – filho do cirurgião plástico Salustiano Pessoa, um dos primeiros a fazer reimplantes, no Ceará, na década de 1980. Uma nova avaliação da mão e dos dedos devolveu a esperança a Júnior, restaura Magna: “O médico olhou e disse: ‘Vou tentar tudo. Já vi situações piores e consegui’”.

O reimplante múltiplo foi realizado no Hospital São Carlos em cerca de 15 horas, do meio da tarde ao amanhecer seguinte. Foi pago pela empresa, informa o metalúrgico: R$ 10 mil, por dedo, mais, pelo menos, R$ 16 mil (custos hospitalares para cada oito horas de cirurgia).

*Do Caderno Ciência e Saúde, do O POVO aqui.

Ideias em Debate traz nesta segunda-feira o jornalista Gerson Camarotti

O jornalista e escritor Gerson Camarotti, comentarista político da GloboNews, é a atração na manhã desta segunda-feira (5), a partir das 8 horas, na Federação das Indústrias do Estado do Ceará (Fiec), na Aldeota, quando debaterá a conjuntura política e econômica do Brasil, dentro do projeto Ideais em Debate.

O Fórum Industrial Ideias em Debate convida personalidades de diversas áreas para apresentar informações atualizadas ao setor produtivo, visando seu fortalecimento.

Entre os nomes que já participaram das edições anteriores: Ciro Gomes, Leandro Karnal, Maílson da Nóbrega, Marco Antonio Villa, Augusto Cury, Miriam Leitão, Mário Sérgio Cortella, Mauro Benevides Filho, Clóvis de Barros Filho, Ricardo Boechat, Bráulio Bessa, Dráuzio Varela, Ricardo Amorim, Carlos Alberto Sardenberg, Deltan Dallagnol, Cristiana Lôbo, Eduardo Giannetti da Fonseca , Zeina Latif e Paulo Rabello de Castro.

Grupo Sagrada Família já ensaia espetáculo da Paixão de Cristo

Na encenação, cerca de 60 crianças e adolescentes da comunidade.
O Grupo Juvenil Sagrada Família, da Paróquia de Nossa Senhora de Lourdes, no bairro Ellery, já iniciou os ensaios para encenação da Paixão de Cristo deste ano. A preparação para as apresentações está acontecendo na Associação Comunitária dos Bairros Ellery e Monte Castelo, às terças e sextas-feiras, a partir das 19 horas, e, aos sábados, a partir das 14 horas.

Nesta tradicional Paixão de Cristo, que ocorre há 26 anos, o grupo enfocará como tema a Cultura de Paz na Cidade. Para a edição deste 2018, a coordenação também promete inovar nos textos e figurino das 60 crianças e adolescentes que participam do espetáculo.

“A encenação da Paixão de Cristo, além de ser um meio de evangelização, também é um trabalho comunitário e cultural. A própria comunidade é quem conta a história de Jesus e se dedica na produção dos detalhes para emocionar e manter viva a mensagem de esperança e paz”, afirmou para o Blog o coordenador do Grupo de Jovens, Wescley Sacramento.

SERVIÇO

*Mais Informações – Wescley Sacramento: 98755.4463  wescleycosta2@hotmail.com

(Foto – Divulgação)

Eletrobras – Parte da venda da estatal pode ir para o São Francisco

Tempo de eleição é sempre período de barganha. No caso da privatização da Eletrobras, uma das propostas passa pela transformação de R$ 9 bilhões do valor arrecadado com a venda da empresa para ações de revitalização da bacia do Rio São Francisco.

O assunto será debatido com os empresários cearenses nesta segunda-feira, a partir das 18 horas, no auditório da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (Fiec).

O relator do projeto de lei da privatização da estatal, deputado José Carlos Aleluia (DEM-BA), e o deputado Danilo Forte (DEM-CE), defensor da iniciativa, estarão presentes.

Eunício recebe apoio de Fernanda Pessoa durante convênio para pavimentação entre Pavuna e Alto Fechado

Em solenidade que teve à frente o presidente do Congresso Nacional, senador Eunício Oliveira (MDB-CE), e o secretário do Desenvolvimento Regional do Ministério da Integração Nacional, Marlon Cambraia, o município de Pacatuba, na Região Metropolitana de Fortaleza, recebeu nesse sábado (3) convênio para a pavimentação da estrada que liga o distrito da Pavuna ao bairro Alto Fechado.

Durante o evento, Eunício recebeu apoio à pré-candidatura ao Senado, por parte da deputada estadual Fernanda Pessoa, do prefeito Firmo Camurça (Maracanaú) e da prefeita Aline Vieira (Boa Viagem), todos integrantes do Partido da República (PR).

Em entrevista, Firmo Camurça destacou o trabalho de Eunício Oliveira pelo Ceará e disse que “Eunício mostra a verdadeira missão de um senador”.

(Foto: Divulgação)

Gari que teve perna amputada após acidente vai receber mais de 200 salários mínimos

A 1ª Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE) manteve condenação da Autoviação São José ao pagamento de 200 salários mínimos, a título de danos materiais, para gari que teve perna amputada em decorrência de atropelamento. Também terá de pagar R$ 20 mil de indenização moral. Para o relator do processo, desembargador Heráclito Vieira de Sousa Neto, “a perda do membro inferior direito em decorrência do acidente enseja danos morais ao autor, haja vista a aflição certamente vivenciada pela vítima ao constatar a necessidade de amputação de parte do seu corpo”.

De acordo com os autos, no dia 21 de outubro de 2006, por volta das 8 horas, a vítima, ao trafegar pela avenida João Pessoa, em Fortaleza, parou em um semáforo quando percebeu que havia ficado amarelo. Em seguida, foi atingida pela parte dianteira do ônibus, sendo jogada ao solo e atropelada pelo coletivo, tendo a perna direita esmagada.

Por esta razão, o gari, servidor público municipal, ajuizou ação na Justiça requerendo indenização por danos morais e materiais, em decorrência dos transtornos causados pelo acidente, incluindo incapacidade permanente para o trabalho.

Na contestação, a concessionária de transporte público argumentou culpa exclusiva da vítima que, conforme laudo pericial, colidiu com a lateral do coletivo, ao tentar desviar de bueiros, impossibilitando assim ao condutor do veículo evitar o sinistro.

Em julho de 2017, o Juízo da 7ª Vara Cível de Fortaleza condenou a São José a pagar o valor correspondente a 200 salários mínimos, por danos materiais, desde o evento danoso, com atualização através da Súmula 43 do Superior Tribunal de Justiça (STJ). Também determinou o pagamento de R$ 20 mil de indenização moral.

Pleiteando a reforma da decisão, a empresa apelou (nº 0076413-34.2008.8.06.0001) ao TJCE, reiterando os argumentos da contestação. Também solicitou a redução do valor da condenação a título de danos materiais e a necessidade de fixação do salário mínimo vigente à época do acidente. Defendeu ainda, preliminarmente, a nulidade da sentença por ausência de perícia médica para análise do grau de incapacidade do autor.

Ao julgar o caso, a 1ª Câmara de Direito Privado deu parcial provimento ao recurso somente para esclarecer que “o salário mínimo a ser adotado como parâmetro na indenização por danos materiais é aquele vigente à época do acidente” e “determinar a dedução do valor do seguro obrigatório DPVAT previsto na Lei nº 6.194, de 19 de dezembro de 1974, para a hipótese de perda anatômica de membro inferior do valor da indenização estabelecida judicialmente, nos termos da Súmula 246 do STJ”.

Em relação à preliminar, o magistrado reforçou que “o réu, durante a instrução processual, deixou de requerer a produção da prova ora perseguida, mantendo-se silente ao ser cientificado do encerramento da instrução, de forma a configurar a preclusão do direito de produzir a prova em questão”.

O desembargador destacou ainda que “na hipótese em exame, não deve prevalecer referido laudo, uma vez que as testemunhas oculares do fato asseguraram que o ônibus avançou o semáforo quando havia impedimento para tanto, não havendo menção a qualquer manobra brusca do ciclista”.

Dirigente de ONG que toca projeto de reciclagem do lixo em Fortaleza filia-se ao PPS

O presidente do Instituto Vida Cidadã, Tadeu Oliveira, oficializou a filiação ao PPS. O ato, nesse fim de semana, na sede da legenda, contou com a presença do presidente do PPS no Ceará, Alexandre Pereira, dirigentes e autoridades políticas.

Para Tadeu Oliveira, o ingresso na política é uma oportunidade de lutar por uma sociedade melhor. “Cada um tem a possibilidade de transformar a sociedade com pequenas atitudes de amor ao próximo. Percebo isso no projeto de reciclagem que acompanho junto ao Instituto Vida Cidadã e a Pastoral da Criança. Decidi ingressar na política porque quero potencializar ainda mais essa transformação da sociedade. Sei que posso colaborar e quero fazer a diferença no meio político com o compromisso aos valores éticos, sobretudo”, justifica.

Alexandre Pereira comemorou a filiação de Tadeu Oliveira. “Ele representa o que queremos para o Ceará. É uma honra recebê-lo no PPS. Um homem com história de vida exemplar e uma trajetória de serviços prestados à sociedade”, ressaltou.

(Foto – Divulgação)

Agente penitenciário morto em emboscada é sepultado em Iguatu

Tristeza e indignação marcaram nesse sábado (3), em Iguatu, o sepultamento do agente penitenciário Carlos Antônio Bezerra, 34, morto na sexta-feira (2), em Orós, em uma emboscada de pistoleiros que ocupavam uma motocicleta. A diretoria do Sindicato dos Agentes e Servidores do Sistema Penitenciário do Estado do Ceará (Sindasp/CE), a secretária Socorro França e dezenas de agentes penitenciários prestaram a última homenagem.

Após o crime, quatro suspeitos foram detidos. A ordem para assassinar Carlos Antônio teria partido da CPPL 3, onde, nesse sábado, foi descoberto um túnel em uma vivência que concentra mais de 400 detentos.

“O Estado tem condições para contratar todos os candidatos inscritos no concurso público em andamento. Não aceitaremos apenas a contratação de mil pessoas, visto que temos uma defasagem de três mil agentes e uma superpopulação carcerária”, afirmou Valdemiro Barbosa, presidente do Sindasp/CE.

(Foto: Leitor do Blog)