Blog do Eliomar

Categorias para Ceará

Guimarães acredita que Haddad vá para o 2º turno e já fala em frente ampla contra o fascismo

“Já estamos montando uma frente ampla pela democracia e contra o ódio e o fascismo”, disse, após votar, nesta manhã de domingo, em seção do Colégio Espaço Aberto, em Fortaleza, o líder da minoria na Câmara, o petista José Nobre Guimarães.

Guimarães se refere ao postulante do PSL, Jair Bolsonaro, e acrescentou estar confiante de que Fernando Haddad (PT) irá para o segundo turno.

(Foto – Leitor do Blog)

Prefeito vota e se diz confiante na virada de Ciro Gomes

RC , Carol e a filha Isabela.

O prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PDT),votou, agora há pouco, em seção do Colégio Batista. Com ele, a primeira dama do município, Carol Bezerra, e uma de suas duas filhas.

Roberto Cláudio reiterou confiança de que haverá virada no plano da disputa presidencial. Nesta manhã, ele acompanhou o voto do seu candidato, Ciro Gomes, em seção na sede da Secretaria da Saúde do Estado.

(Foto – Leitor do Blog)

Eunício vota prometendo, se reeleito, buscar mais investimentos para o Ceará

O senador Eunício Oliveira (MDB), o presidente do Congresso Nacional, votou, agora há pouco, em seção do Clube Náutico, em Fortaleza. Com ele, familiares e apoiadores. Ele prometeu que se ganhar a reeleição, vai trabalhar por mais investimentos para o Ceará.

Ele agradeceu o apoio dos eleitores, que, disse, demonstrou muito carinho por suas propostas. Nas pesquisas, ele aparece em segundo na peleja pelo Senado, com possibilidades de conquistar novo mandato.

(Foto – Leitor do Blog)

Camilo, Cid e Eunício devem ser eleitos neste domingo, diz Ibope

312 1

O governador Camilo Santana (PT) deverá ser reeleito neste domingo (7), segundo a pesquisa Ibope, divulgada na noite deste sábado (5), pela Verdes Mares. Camilo, de acordo com a pesquisa de intenções de voto, teria 75% dos votos totais (86% dos válidos), contra 8% (9% válidos) do principal concorrente ao Palácio da Abolição, General Theophilo, do PSDB. Hélio Gois, do PSL, teria 2%, seguido por Aílton Lopes (Psol) e Francisco Gonzaga (PSTU), com 1%, cada. Brancos e nulos somariam 9%, além de 4% dos eleitores que não sabem em quem votar ou não responderam.

Para o Senado, a pesquisa apontou a eleição de Cid Gomes (PDT), com 70% dos votos totais, além da reeleição de Eunício Oliveira (MDB), com 40%. Eduardo Girão (Pros) ficaria com 16%, enquanto Dra. Mayra (PSDB) teria 11%.

A pesquisa ouviu 1.204 eleitores de quinta-feira (4) e este sábado, com margem de erro de três pontos percentuais. A confiabilidade seria de 95%.

(Foto: Arquivo)

Eleições, e aí?

Em artigo sobre o atual período eleitoral, o industrial Fernando Ximenes questiona se o eleitor está preparado para a atual “revolução democrática”. Confira:

No Brasil, faltando um dia para eleições/2018, depois de tantas delações e escândalos, eu volto a perguntar: E ai? Em quem o povo vai votar?

Em meio de uma anarquia generalizada, a força ou não força ganhou espaço nailegalidade. A mídia não parou, equipamentos e jornalistas escreveram, denunciaram e cobraram perplexos, enquanto na ultima gestão brasileira a corrupção continuou. Condenados atrás das grades participam da política, mandam ordem dos presídios, subornos e corrupções continuam. São gangues ou partidos? Nada mais é certo e natural, não sabendo distinguir a diferença entre eles, tornam o resultado das eleições imprevisível diante da matemática certa, na lógica incerta, expondo que política e voto não são matemáticos, lógicos e nem mesmo ideológicos, vale o poder. Vivemos o certo do indefinido massacrando a população brasileira. Empresas quebradas e milhões de desempregados são fatos. É, meu leitor, estamos vivendo a revolução democrática de uma nova era nacional e internacional, houve Impeachment Dilma, Lula foi preso e Trump eleito. No cenário, pergunto: E ai, O Brasil será recuperado pós opções votar?

Viramos território de cínicos, baderneiros institucionalizados, caminhando para o comunismo. Bandidos assumiram o poder e dão ordem, a grita poder e interesses, munidos ordenam corrupções e manobras e o povo engole como se tudo fossenatural. Diante históricos, nada vale mais nada, “dita e não dita”. Acusações, replicas e treplicas, mera a rebelião de colarinhos e gravatas, nada de concreto flora, mesmo com provas, poucos dão importância e julgamento, tudo na deriva do Brasil. Mas nas urnas cabe tomar posição: E ai, ouviram? Participem, tomem posição!

Legitimados pelo povo nas urnas passadas, poderosos assumiram espaços impetrando leis e regimes de interesses dos conchaves com gestão “insocial”. E mais uma vez disputam o voto, podem ser novamente “autoridades”, no leito dos melhores mares legítimos poderão legitimar a corrupção, impetrando gestão “marginal”, não “placidus”. Assim, pergunto: E ai, você novamente votará neles? Que seu voto brilhe no céu da pátria neste instante. Comunismo não!

Diante anarquia, as urnas são o desafio do povo antes do peito e da própria morte, conquistar a razão e o voto democrático com mão forte, há um povo heroico brado retumbante na frequência plácida, eco harmônico longo estabelecerá a ordem e o desenvolvimento, o sonho intenso deixará de ser sonho e o raio vívido será o sol da liberdade com raios fúlgidos que fundirão a união do povo belo e forte da terra adorada, que deste solo mãe gentil os filhos não podem brigar, têm que se unir eternamente neste berço esplêndido com mais flores, vida e amores, do símbolo realidade entre a justiça Iluminado ao sol do Novo Mundo! Ó Pátria amada Brasil!

Fernando Ximenes

Cientista industrial e presidente Gram-Eollic

Elas não são candidatas, mas conquistam muitos votos

Quem viu a dentista Jamile Salmito caminhar pelas ruas do Pirambu, João XXIII e Jardim América, por certo poderia confundi-la com alguma candidata nestas eleições. Além das caminhadas em busca de votos, a dentista também argumentou com eleitores desacreditados com a política e com políticos da importância do voto para os rumos do País, em questões como saúde, educação, segurança pública e políticas sociais.

Ela é esposa do candidato a deputado estadual Salmito (PDT), presidente do Legislativo de Fortaleza. Divido entre a campanha e o exercício do mandato na Câmara Municipal, que não derrubou nenhuma sessão durante este período eleitoral, Salmito não conseguiu acompanhar algumas atividades de campanha.

Foi então que Jamile ocupou o espaço com a militância do candidato a deputado estadual.

A prática de Jamile Salmito não é novidade para as esposas do Camilo Santana (Onélia Santana), do ex-governador Cid Gomes (Maria Célia) e do prefeito Roberto Cláudio (Carol Bezerra), acostumadas a pedir votos para os maridos em diversas campanhas,

Além de Jamile, a esposa do senador Eunício Oliveira, Mônica Paes de Andrade, também se mostrou mais participativa nestas eleições.

(Fotos: Divulgação)

Bicicleta – Eunício vira atração em Limoeiro do Norte

O presidente do Congresso Nacional, Eunício Oliveira (MDB), candidato à reeleição ao Senado, virou atração em Limoeiro do Norte, neste sábado (6), ao utilizar uma bicicleta, o meio de transporte mais comum no município do Baixo Jaguaribe, a 198 quilômetros de Fortaleza, Eunício foi filmado por moradores, com o vídeo indo parar nas redes sociais.

PF combate crime eleitoral no Ceará

A Polícia Federal, com o apoio do Ministério Público Eleitoral, cumpriu neste sábado (6), seis mandados de busca e apreensão, sendo dois em Fortaleza e quatro em Juazeiro do Norte, expedidos pelo Juiz Eleitoral da 119ª Zona Eleitoral do Ceará, com o objetivo de combater crimes eleitorais.

Dois mandados foram cumpridos em uma mesma empresa, sendo um na matriz, localizada em Fortaleza, e o outro na filial, em Juazeiro do Norte. Os demais foram cumpridos em desfavor de candidatos a deputados federal e estadual do Ceará e de um gestor público municipal de Juazeiro do Norte.

Os mandados foram expedidos após representação em Inquérito Policial que apura os crimes de uso de recursos públicos para o pleito eleitoral 2018 e o de grave ameaça para coagir alguém a votar, ou não votar, em determinado candidato ou partido.

Não houve prisões. Foram apreendidos celulares e documentos.

(Polícia Federal)

Ferramenta ajuda a conhecer melhor os candidatos

Da Coluna Eliomar de Lima, no O POVO deste sábado (6):

Nesta véspera do pleito, há muito eleitor não sabendo ainda em quem votar para presidente. Com razão, são 13 nomes mergulhado em um clima de incertezas e intolerâncias.

Para ajudar àqueles em dúvida ou que não fizeram ainda sua cola, entrou em cena a Chatbot Maker, startup da Casa Azul, que criou a ferramenta “Bot de Urna”.

A plataforma é vinculada ao Facebook e ajuda aos eleitores a conhecerem melhor os candidatos à Presidência da República e ainda faz a pesquisa de intenções de voto.

Os cearenses Thiago Amarante e Marlos Távora são os criadores da ferramenta. A ideia é que, através de um chat com um robô, os eleitores possam ver o programa de governo de cada postulante e obter informações do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Para acessar, basta ir na Fanpage do Bot de Urna no Facebook (www.facebook.com/BotDeUrna) ou buscar o chatbot no Facebook Messenger.

E bom voto!!

Valentim diz que é hora de maranguapense eleger político local para defender interesses do município

Emprego e renda foram os dois temas aprofundados na reunião do candidato do PCdoB à Assembleia Legislativa, George Valentim, com moradores da localidade de Penedo, em Maranguape, na Região Metropolitana de Fortaleza.

Valentim assegurou que, sendo eleito, buscará alternativas para diminuir o desemprego em Maranguape e região, que já foi a 9ª economia do Estado. Também considerou que a cidade não pode deixar de eleger um representante na Assembleia Legislativa.

“Faz mais de 30 anos que não elegemos um deputado estadual, filho de Maranguape. Isso faz toda diferença na negociação de qualquer pleito da cidade”, disse o Valentim, que pediu ainda o voto dos maranguapenses para o advogado Dênis Bezerra, candidato a deputado federal.

Bezerra criticou a reforma trabalhista que, segundo o candidato, aumentou os índices do desemprego no País, quando atualmente atinge quase 14 milhões de brasileiros.

Valentim destacou ainda a importância da reeleição do governador Camilo Santana, neste primeiro turno e, assim, trabalhar em parceria com o Executivo. O candidato recordou que, quando assumiu a suplência de deputado, requereu a implantação de uma Faculdade Pública e gratuita em Maranguape.

“Sonho com o governador inaugurando uma universidade pública para o nosso povo, e ele tem conhecimento da minha vontade”, declarou.

Valentim anunciou que trabalhará em parceria com Dênis Bezerra, em Brasília, por um polo da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab), que já tem uma sede na cidade de Redenção.

(Foto: Ermilson Silva / Divulgação)

Juazeiro e Caucaia encerram agenda de General com carreatas

As campanhas majoritárias do PSDB no Ceará encerram neste sábado (6) as atividades, com carreatas em Juazeiro do Norte, no Cariri, e em Caucaia, na Região Metropolitana de Fortaleza. As duas atividades contarão com as presenças de General Theophilo, candidato ao Governo do Ceará, e com Dra, Mayra, candidata ao Senado. O senador Tasso Jereissati, também estará nas duas carreatas.

A primeira carreata, em Juazeiro do Norte, ocorrerá às 10 horas, enquanto a segunda, em Caucaia, será a partir das 16 horas.

(Foto: Divulgação)

Creci abre Refis na próxima segunda-feira

O Conselho Regional dos Corretores de Imóveis (Creci) vai fazer um mutirão de conciliação a partir de segunda-feira, 8, em Fortaleza e no Interior. O Programa Nacional de Regularização e Conciliação Profissional (Refis) vai oferecer, até o fim deste mês, condições especiais para liquidação de débitos dos corretores de imóveis, como multas e anuidades, informa a assessoria de imprensa da entidade.

Os valores poderão ser pagos no cartão de crédito ou boleto bancário. As parcelas não devem ser inferiores a 25% do valor da anuidade. É vedado o parcelamento quando existir penhora ou protesto. O Presidente do Creci aponta que a medida é uma maneira de desburocratizar e facilitar o pagamento de anuidades e multas. “A diretoria do Conselho entende que o momento econômico do país contribuiu para a inadimplência dos profissionais do mercado imobiliário com o Creci. Por isso, estamos oferecendo condições de negociação nunca antes vista para proporcionar ao corretor de imóveis tranquilidade para quitar seus débitos”, explica o presidente do Conselho no Ceará, Tibério Benevides.

O passivo do Creci, na área das anuidades, é da ordem de R$ 12 milhões. Isso vira bola de neve desde 2015.

SERVIÇO

*Para mais informações sobre o mutirão, ligue: 3231-6744.

“O que me assusta é o fascismo”, diz articulista

239 1

Com o título “O que me assusta é o fascismo”, eis artigo de André Bloc, jornalista do O POVO. “Assusta que mesmo gente consciente, inteligente e bem intencionada fique cega pelo ódio e adira a um candidato anti-democrático – para não antecipar aquele termo lá de cima. Assusta que o presidente da corte máxima do País relativize o golpe de 1964, que rendeu uma brutal ditadura militar”, diz o articulista. Confira:

As palavras têm poder. O uso, no entanto, pode enferrujar essa potência. Exemplo claro disso é o “golpe” alardeado em 2016 e amplamente criticado por toda a esquerda progressista. Ao usar o termo, perdeu-se a dimensão de quebra institucional como aquela do golpe militar de 1964 para esta de agora, de um conluio promíscuo dentro do sempre governista centrão. Outro termo podia dimensionar bem a ruptura que foi o impeachment de Dilma.

Daí, mudo de termo e falo de fascismo. O PT, como tantos, acusava o governo do tucano Fernando Henrique Cardoso (1995-2002) de ser fascista. A ideia era usar o termo forte para expor uma situação-limite que, sinceramente, estava longe de ser real. Se fascismo era aquilo, fascismo não é quebra, mas um desdobramento democrático.

Jair Bolsonaro (PSL), líder das pesquisas eleitorais há meses, não é um democrata. Mesmo com o discurso diluído que apresenta como candidato à Presidência, o capitão da reserva deixa claro que pretende governar para os dele – aqueles que insistem que o discurso escancaradamente machista, LGBTfóbico, racista e virulento do candidato é fabricação da mídia.

Assusta o quanto o discurso populista cola para uma parcela imensa de cerca de 30% dos votantes. Assusta saber que Bolsonaro está longe de ser exceção.

Assusta que mesmo gente consciente, inteligente e bem intencionada fique cega pelo ódio e adira a um candidato anti-democrático – para não antecipar aquele termo lá de cima. Assusta que o presidente da corte máxima do País relativize o golpe de 1964, que rendeu uma brutal ditadura militar.

Bolsonaro é a maior ameaça à democracia brasileira desde a redemocratização. O candidato se nega a apaziguar o ódio dos seguidores e faz questão de incitar uma polarização que já ultrapassou, há tempos, o limite do suportável. Para além de um projeto real e único para o País, falta ao capitão da reserva um compromisso inabalável com o jogo democrático. Até porque não seria o sangue dele derramado pela ditadura – quem sofre é quem não manda.

O Brasil é um País que esperneia contra a própria história. E me assusta o quanto ela corre o risco de se repetir. “Fascismo” e “golpe” deviam ter sumido do nosso vocabulário para só ressurgir em casos de crise profunda, quando só um termo extremo pudesse dar voz ao que se vive. Vivemos este momento. Vivemos esta ameaça.

*André Bloc

andrebloc@opovo.com.br

Jornalista do O POVO.

Fenômeno “El Nino” ameaça o Nordeste

O ex-presidente da Funceme, Francisco de Assis Souza, avisa: o fenômeno “El Niño”, que não é sinal de bom inverno para o Nordeste, ameaça aparecer por aqui no começo de 2019. Isso pelas projeções do momento.

Assis Souza coordena atualmente, no âmbito da Universidade Federal do Ceará, um setor que estuda o clima. Também integra grupo que, com organismos internacionais, finaliza, no âmbito da Agência Nacional das Águas (ANA), um projeto de convivência do homem com a seca, tendo o Nordeste como ponto de estudo.

Barra do Ceará terá fim de semana de feira de pequenos negócios

Neste sábado e no domingo – antes ou depois de votar, vale conferir a nova edição da Feira da Villa, na Barra do Ceará, em Fortaleza. No evento, gastronomia, moda e arte a baixo preço e com qualidade. A iniciativa é de pequenos negociantes dessa banda da cidade.

A feira acontecerá das 16 às 22 horas, na rua Antônio Arruda, nº 300, ao lado do Supermercado Canadá.

Sem sombra de dúvidas, uma promoção que merece apoio, pois fomenta negócios fora dos corredores comerciais e turísticos tradicionais.

(Foto – Divulgação)

A saudade do professor Genuíno Sales

276 2

A Organização Educacional Farias Brito manda rezar missa de sétimo dia em memória do professor Genuíno Sales, que também era membro da Academia Cearense de Letras.

O ato litúrgico ocorrerá às 19 horas desta sexta-feira, na Igreja das Missionárias.

SERVIÇO

*Igreja das Missionárias – Avenida Rui Barbosa, 1246 – Aldeota.

(Foto – Arquivo)

III Feira de Livros da Livraria Dummar debate Jornalismo e Fake News

Nesta sexta-feira, das 16 às 18h30min, dentro da III Feira de Livros da Livraria Dummar, que acontece no Espaço O POVO de Cultura & Arte, tem seminário sobre Jornalismo e Fake News.

Com a participação dos jornalistas Lucinthya Gomes, que coordena no O POVO o projeto Comprova (parceria com 24 jornais brasileiros contra fake news); Érico Firmo, colunista de Política do O POVO e editor do Portal POVO Online; e Plínio Bortolotti, diretor institucional do O POVO e âncora da Rádio O POVO/CBN.

Eis um bom programa neste clima eleitoral.

SERVIÇO

*Espaço O POVO de ultrura & Arte – Avenida Aguanambi, 282 – Joaquim Távora.

(Foto – O POVO)

“Nunca mais piso nesse lugar”, diz Ciro Gomes sobre a Globo

O candidato a presidente da República pelo PDT, Ciro Gomes, esbravejou contra a TV Globo na sala de imprensa da emissora, no Rio, ao final do debate presidencial no começo da madrugada desta sexta-feira. Ele se queixava da emissora por, segundo relatou, ter autorizado a entrada de um oficial de Justiça em seu camarim para notificá-lo sobre uma ação movida por João Doria, candidato ao governo de São Paulo pelo PSDB, a quem chamou de “farsante” em diferentes ocasiões.

Como Ciro não foi até o camarim ao final do debate, o oficial seguiu atrás dele na sala onde haveria a entrevista coletiva. A ordem da Justiça determinava que o candidato fosse citado na Globo. Ao fim da coletiva, Ciro foi alcançado pelo oficial, que começou a ler a notificação. Apoiadores do pedetista empurraram o profissional, que acabou não conseguindo entregar o documento.

“Nunca mais piso nesse lugar”, disse Ciro, antes de deixar a emissora.

‘Farsante’

Ciro já usou o adjetivo “farsante” para se referir a João Doria mais de uma vez. Em setembro de 2017, fez isso durante um encontro com universitários no Rio de Janeiro.

Posição da TV Globo

Um oficial de Justiça esteve nos Estúdios Globo na noite desta quinta-feira, de surpresa, para entregar uma citação ao candidato Ciro Gomes, que participava do debate com os candidatos à Presidência da República. A pedido dos assessores do candidato, o oficial aceitou esperar o fim do debate para cumprir a diligência. A fim de evitar que o episódio fosse explorado politicamente, o oficial foi encaminhado a uma sala reservada, para que lá pudesse realizar a diligência de forma discreta. Ao final do debate, Ciro, informado da situação, se negou a comparecer à sala em que se encontrava o oficial para receber a citação. O oficial de Justiça então resolveu ir ao encontro do candidato, mas foi impedido pelos assessores ou seguranças de Ciro de se aproximar dele. Ciro deixou os Estúdios se negando a receber o documento.

(Veja/Foto – Agência Brasil)

Presidente do TRE, Corregedor e Ouvidor visitarão locais da votação no domingo da eleição

A presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Ceará, desembargadora Nailde Pinheiro Nogueira, o corregedor regional eleitoral, desembargador Haroldo Correia de Oliveira Máximo, e o ouvidor regional eleitoral, desembargador Raimundo Nonato Silva Santos, visitarão locais de votação neste domingo (7/10), no primeiro turno das eleições 2018. A informação é da assessoria de imprensa do TRE.

Nailde Pinheiro Nogueira, estará, às 11 horas, no Colégio Ari de Sá (Avenida Washington Soares, 3737), ao lado da presidente do Conselho Estadual dos Direitos da Pessoa com Deficiência no Ceará (CEDEF), Regina Tahim, em visita a uma seção eleitoral para acompanhar o atendimento de um eleitor surdo por intérprete de Língua Brasileira de Sinais (Libras) e a sua participação na quarta edição da campanha de identificação dos eleitores com deficiência ou com mobilidade reduzida no dia das eleições.

Já o vice-presidente e corregedor do TRE, desembargador Haroldo Máximo, visitará o Fórum Eleitoral Péricles Ribeiro, às 10 horas, onde estarão de plantão juízes, servidores das dezessete zonas de Fortaleza e policiais militares. Na capital, temos 1.776.365 eleitores, divididos em 620 locais de votação e 4.870 seções.

O ouvidor regional eleitoral do TRE-CE, desembargadora Raimundo Nonato Silva Santos, visitará, às 10 horas, a seção indígena da Escola Lagoa Encantada, situada na comunidade de mesmo nome em Aquiraz. Logo após, seguirá para o município de Pacajus, onde visitará, às 11 horas, a seção eleitoral numa comunidade quilombola, que funcionará na Escola Neli Gama Nogueira na comunidade Base.