Blog do Eliomar

Categorias para Ceará

Há fotos que falam mais do que palavras

377 4

Eis registro do repórter fotográfico Mauri Melo (O POVO), cuja sensibilidade e talento dispensam comentários. Um flagrante captado no entorno do terminal de passageiros da Parangaba, em Fortaleza. O jovem dorme, tendo próximo o seu cão de estimação. Precisa dizer mais alguma coisa?

Pelos 4 anos do Blog

83 1

Do deputado federal José Airton Cirilo, recebemos a seguinte nota:

Prezado Eliomar de Lima,

No Ceará, fostes dos primeiros a demonstrar que temos em nosso Estado profissionais sintonizados com as modernizações necessárias ao jornalismo e à comunicação, abrindo espaço às diferenças. E, pautando-se sempre, pela ética e profissionalismo.

Parabéns pelo Blog. 

José Aírton Cirilo (PT-CE), deputado federal, candidato a reeleição.

Justiça manda Prefeitura de Monsenhor Tabosa pagar professores

“Dezoito professores do Município de Monsenhor Tabosa ganharam na Justiça o direito de receber seus vencimentos integralmente. Eles tiveram os salários reduzidos em virtude de ato irregular praticado pelo ex-prefeito Francisco Jeová Madeiro Cavalcante. A decisão foi da 1ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE) e manteve a sentença proferida na 1ª Instância.

“Verifica-se que, com a redução da jornada de trabalho, houve nítida violação ao princípio da irredutibilidade de vencimentos, o que não é admitido pelo ordenamento jurídico pátrio e, tampouco, pela jurisprudência dos tribunais”, afirmou, no voto, o relator do processo, desembargador Francisco Sales Neto, durante sessão nessa segunda-feira (13/09).

Consta nos autos que os servidores são professores devidamente concursados da rede pública do citado município, localizado a 319 Km de Fortaleza. Eles narram que o ex-prefeito, em 3 de janeiro de 2005, através do Decreto nº 02/2005, determinou a diminuição da carga horária com a consequente redução dos vencimentos. A medida foi para todos os funcionários, em todas as secretarias e repartições da administração direta e indireta. No caso dos educadores, de R$ 360,00, passaram a receber R$ 202,33, valor inferior ao salário mínimo pago no período, que era de R$ 260,00.

Alegando o princípio da irredutibilidade, os professores ajuizaram ação ordinária com pedido liminar contra o município, requerendo que fosse restabelecido o vencimento anterior ao referido decreto. Além disso, pleitearam que fosse pago o mês referente a dezembro de 2004, que estava em atraso e ainda um terço relativo às férias.

Em 18 de abril de 2005, o juiz da Comarca de Monsenhor Tabosa, Cleber de Castro Cruz, concedeu a liminar e determinou que fosse atendida a solicitação dos professores. Também fixou multa diária de R$ 1 mil em caso de descumprimento da decisão.

Em contestação, o ente público sustentou que, caso cumprisse a liminar, comprometeria as verbas destinadas às áreas de saúde e educação, já que não tinha recursos suficientes.

Em 20 de junho de 2006, o mesmo magistrado julgou a ação procedente para declarar nulo o ato administrativo e manteve, em definitivo, a liminar deferida anteriormente. Também determinou o pagamento referente ao mês de dezembro de 2004, com juros de 6% ao ano, devidos desde o vencimento, além da correção monetária pelos índices oficiais, até o efetivo pagamento.

Relativamente ao requerimento de um terço de férias, o juiz não pôde apreciar o mérito, uma vez que deixaram de especificar quais os períodos de férias efetivamente usufruídas por cada um deles.
Inconformado, o município interpôs recurso apelatório (nº 546-50.2005.8.06.0127/1) no TJCE, sob o fundamento de que a proporcionalidade dos vencimentos ao número de horas trabalhadas é assegurada pelo Tribunal Superior do Trabalho (TST), através da Súmula nº 363.

Sobre o argumento, o desembargador Francisco Sales Neto destacou que a “administração pública pode alterar o regime jurídico do servidor de acordo com a conveniência do serviço público, inclusive reduzindo a carga horária, desde que tais mudanças não culminem em redução dos vencimentos”. Com esse posicionamento, a 1ª Câmara Cível negou provimento ao recurso e confirmou a decisão do juiz.”

(Site do TJ-CE)

Educadores do Ceará discutem projetos sobre prevenção às drogas na OEA

“Os professores Marco Aurélio Falcão (Faculdade 7 de Setmebro) e Luís Távora (Faculdade de Educação da UFC) vão representar o Brasil no encontro que a OEA promoverá, no fim de semana, no Panamá. O assunto ali envolverá projetos de prevenção às drogas na área educacional.

Segundo Marco Aurélio, essas Instituições procuram trabalhar com os jovens, por meio de atividades educionais, a conscientização contra drogas e, em especial, contra o crack, que vem se alastrando de forma assustadora na sociedade cearense.

Pesca predatória – Polícia Ambiental e Ibama fazem e apreensões e prisões no litoral cearense

Cinco pessoas foram presas em flagrante, nesta quarta-feira, no município de Itarema (Litoral Oeste). Elas estavam pescando lagosta e outros peixes com caçoeira, o que é proibido. Na ação, realizada pela Companhia de Policiamento Militar Ambiental e Ibama, houve apreensão também do barco. Os presos foram levados para a Delegacia e autuados por crime ambiental.

Segundo o Comandante do Policiamento Militar Ambiental, coronel Alencar, nas últimas horas, houve também, dentro dessa operação com o Ibama, a apreensão de barco e prisão de quatro pessoas em Aracati (Litoral Leste).

CAEN/UFC lança movimento "Ceará Mais Justo"

“O Laboratório de Estudos da Pobreza (LEP) do Curso de Pós-Graduação em Economia (CAEN) da UFC, lançará, nesta quara-feira, às 10 horas, em seu auditório, o movimento “Ceará Mais Justo”. Segundo o coordenador do LEP, Flávio Ataliba, o objetivo é “mobilizar a sociedade civil para um maior engajamento nas discussões que possam contribuir para a melhoria das condições de vida da população cearense, especialmente as classes mais necessitadas.

”Como primeira ação do grupo que integra o Movimento, será apresentado à comunidade cearense o documento “Uma agenda para o desenvolvimento do Estado do Ceará – Diretrizes para um crescimento econômico com equidade e justiça social”. Trata-se de um estudo de 150 páginas “sobre o quadro de condições sócio-econômicas do Estado, sugerindo diversas diretrizes para um crescimento econômico mais equilibrado tanto espacialmente como socialmente”, detalha o professor.

O documento é resultado do trabalho de 25 especialistas nas áreas de economia, finanças, comércio exterior, sociologia e ciências políticas, dentre outros. De acordo com Flávio Ataliba, o documento será entregue à imprensa, aos candidatos ao Governo do Estado e ao Senado da República, no Ceará.”

(Com site da UFC)

Cid Gomes anuncia: Dilma não vem mais em campanha ao Ceará

153 6

A candidata presidente da República pelo PT, Dilma Rousseff, não vem mais ao Ceará em capanha. Ela vai priorizar Estados onde há necessidade de maior trabalho eleitoral. A informação é do governador Cid Gomes (PSB), que retornou, nas últimas horas, de Brasília, após ter gravado ao lado do presidente, com os candidatos ao Senado de sua coligação – Eunício Oliveira (PMDB) e José Pimentel (PT), para a propaganda eleitoral gratuita.

“A candidata Dilma resolveu priorizar os Estados onde há necessidade de reforçar o trabalho eleitoral. Aqui no Ceará ela tem 65% de preferência, ou seja, numa posição consolidada”, explicou o governador. Os 65% a que se refere Cid foram divulgados nesta semana na pesquisa Datafolha/O POVO onde o candidato tucano José Serra registrou 13% e Marina Silva apareceu com 8%.

A gravação em que Lula reforçará pedido de votos para Cid Gomes, tendo ao lado os candidatos ao senado Eunício e Pimentel, fazendo apelo em favor desses postulantes, deverá ser veiculada nas próximas horas na propaganda gratuita da televisão, segundo a assessoria de campanha do governador.

DETALHE – O mais  curioso na informação de que Dilma não vem mais ao Ceará é o fato de que parte do governador Cid Gomes. Não vem, portanto, da coordenação-geral da campanha dilmista no Estado, que tem à frente a prefeita de Fortaleza, Luizianne Lins (PT).

Prefeitura reduz dívida ativa pela metade

95 2

“A Prefeitura de Fortaleza está comemorando um dado dos mais significativos para seu caixa. Segundo o procurador-geral do Município, Martônio Mont´Alverne, ações desse órgão, em parceria com a Secretaria de Finanças, resultaram em redução da divida ativa de R$ 600 milhões para cerca de R$ 300 milhões.

Investimento em informatização, capacitação e incentivo ao setor financeiro e jurídico estão entre os ingredientes desse saldo positivo. Martônio garante que a Prefeitura está bem e organizada no quesito controle fiscal.

Só falta agora o contribuinte provar, de forma bem mais concreta, dos dividendos de tal economia.”

(Coluna Vertical, do O POVO)

Falta professor em 33 escolas municipais

165 1

“Enquanto esperam, os estudantes são encaminhados para a biblioteca, a sala de informática, atividades de recreação. Outros professores, de outras matérias, dão aula extra ou compensam alguma falta. O diretor ou diretora da escola também assume a sala no improviso. Às vezes, não há alternativa: as crianças e adolescentes voltam pra casa mais ce do ou, por semanas, nem entram mais na escola. Hoje, há falta de professores em disciplinas ou turmas em pelo menos 33 escolas da rede municipal de Fortaleza, de 60 consultadas pelo O POVO. A rede possui 457 unidades de ensino (escolas e creches).

São lugares já ocupados por professores licenciados ou aposentados e por substitutos que terminaram ou desistiram do contrato temporário. Em alguns casos, a ausência é breve, uma semana. Em outros, os estudantes acumulam cinco meses sem aula de uma ou mais disciplinas. O POVO procurou dez escolas de cada Regional, garantindo às equipes pedagógicas que nem a escola, nem seus nomes seriam divulgados.

Na Regional I, uma delas está sem cinco professores. “Tenho vários ofícios encaminhados à SME (Secretaria Municipal da Educação). O pessoal da Regional faz várias reuniões para a gente conseguir aumentar o Ideb (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica), mas como aumentar o nível de aprendizagem dos alunos desse jeito?”, questiona. O diretor conta que, diariamente, faz parte das suas funções determinar quem fica e quem volta pra casa por falta de professor.

Uma das áreas em que mais se sente a falta de professores é a de Educação Física. Outra queixa comum é a ausência de profissionais de Religião e Artes. Quem gerencia a escola precisa saber “tapar-buraco”. “A gente não pode é deixar o aluno sem estudo. Gostamos de dar o melhor, mas, no momento, a gente não tem o melhor”, lamenta uma diretora da Regional IV.

O tempo para a substituição de professores com licença médica pode ser rápido, alguns dias. Mas também pode consumir um mês de aula. “Demora bastante. Muitas vezes o professor retorna e não tem chegado ninguém”, reclama uma diretora na Regional III. O fim do contrato de professores temporários é outra quebra no dia a dia das crianças. Quando outro se apresenta, é hora de organizar a reposição. Uma gestora reconhece: “Não deixa de ter prejuízo para o aluno, porque o conteúdo é jogado em cima da hora”.”

(O POVO)

Greve dos motoristas – Cai tese de abusividade do movimento

131 2

“O Pleno do Tribunal Regional do Trabalho (TRT-7ª Região) acatou, na tarde desta terça-feira, por maioria absoluta, o agravo regimental interposto pelo Ministério Público do Trabalho (MPT) contra decisão do vice-presidente do TRT, desembargador Manoel Arízio Eduardo de Castro, que havia decretado, no final de junho, a abusividade da greve dos motoristas, fiscais e cobradores do transporte coletivo urbano da Capital. Dos desembargadores presentes à sessão, apenas Arízio de Castro votou por manter sua decisão.

O procurador-chefe do MPT, Francisco Gérson Marques de Lima, autor do agravo, questionou a competência do vice-presidente para, naquela ocasião, em substituição ao presidente do Tribunal (desembargador Cláudio Soares Pires, que havia se declarado suspeito no processo), conceder tutela antecipada monocraticamente ao Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros do Estado do Ceará (Sindiônibus).

O Pleno acolheu o argumento de Gérson Marques de que a competência para decretar abusividade só cabe ao colegiado (em regra) e ao relator do processo (em situação excepcional) e que este relator só seria designado, conforme regimento do TRT, após recebimento do parecer do MPT no dissídio (o que nem havia sido ainda requerido). “A atribuição do desembargador presidente na condução de dissídio restringe-se a instruí-lo para o relator e adotar medidas emergenciais s em conteúdo de definitividade. Qualquer antecipação de mérito invade a competência do relator”, alegou o procurador.

Ainda conforme alertou Gérson Marques, a abusividade foi decretada sem que sequer o Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários (Sintro) tivesse sido ouvido, o que fere os princípios do contraditório e da ampla defesa. Ele enfatizou que a deflagração da greve obedeceu às exigências legais no tocante à tentativa preliminar de negociação, à aprovação pela assembléia de trabalhadores e à concessão de aviso prévia ao sindicato patronal.

Em relação ao descumprimento dos percentuais mínimos de circulação da frota estabelecidos pelo TRT para o período de paralisação (70% nos horários de pico e 50% nos horários normais), alegado na decisão do desembargador, o procurador observou que as informações prestadas pela Empresa de Transportes Urbanos (Etufor) seriam insuficientes para justificar a decretação da abusividade. Isto porque a Etufor efetuou o controle da circulação dos ônibus por meio de GPS, equipamento que não é agregado ainda a todos os veículos que integram a frota de coletivos da Capital.

Gérson Marques mencionou que uma das maiores empresas operadoras do sistema, a São José de Ribamar, não possui nenhum ônibus de sua frota com GPS. “Percebe-se, portanto, que não foram contabilizados os ônibus que não possuem o referido aparelho, o que desqualifica o c ritério utilizado para averiguar o desatendimento aos limites fixados”, frisou. Acerca da acusação de violência durante manifestação, ele explicou que não ficou comprovada responsabilidade dos grevistas, já que o tumulto no terminal da Parangaba se deu entre policiais e usuários.

Em razão disso, o procurador-chefe solicitou também a anulação das multas aplicadas, à época, contra o Sintro. O desembargador convocado Emannuel Furtado entendeu que, de fato, o alto valor das multas aplicadas compromete o próprio exercício da atividade sindical. A decisão sob este ponto, no entanto, ficou pendente para outra sessão porque a desembargadora Maria José Girão pediu vistas.”

(Site do MPT-CE)

Pelos 4 anos do Blog

168 2

Eis mensagem que o professor João Telles, nome dos mais conhecidos na blogosfera, nos manda. Comemora conosco os quatro anos deste Blog.

“Que seu Blog tenha vida longa! Nós precisamos dessa leitura diária para começar bem o dia. Às vezes, discordamos de uma ou outra abordage, mas isso faz parte da convivência democrática, onde o contraponto é permitido e as ideias nem sempre convergem para o mesmo ponto.

Continue em sua luta árdua! Você cruza e cabeceia, apura e posta. Nós agradecemos seu esforço de operário do jornalismo.

João Teles de Aguiar – professor.

Caso Panfletos – PSDB divulga nota repudiando ataques a Tasso Jereissati

O PSDB do Ceará divulgou, nesta noite de terça-feira, nota oficial repudiando ações políticas “criminosas” praticadas, por meio de propaganda apócrifa, contra o senador Tasso Jereissati. Confira:

REPÚDIO AOS CALUNIADORES DE TASSO
O Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB) manifesta publicamente seu repúdio contra ações de políticos criminosos responsáveis pela produção de panfletos e outros materiais apreendidos pela Polícia Federal nesta segunda-feira, numa gráfica no bairro da Vila União. O material ilegal está recheado de informações falsas e calúnias sobre o ex-governador e senador da República Tasso Jereissati.

A descoberta da gráfica e do material de propaganda apócrifo constitui-se mais uma manifestação de práticas políticas ilícitas, em crescente uso na atual campanha eleitoral. A utilização sistemática da mentira, da calúnia e do aparelho de Estado para causar danos a adversários políticos, com o objetivo de aniquilar as oposições, destroi os fundamentos da democracia e estabelece as bases da ditadura fascista.

Diante da gravidade do episódio e visando alertar a população sobres possíveis desdobramentos desses atos espúrios, o PSDB entende que os fatos não podem ser dissimulados como “normais”. O ato criminoso tinha como objetivo atingir a imagem e a honra de Tasso Jereissati, um homem público querido pelo povo cearense, respeitado nacionalmente e com reconhecimento internacional pelos grandes serviços prestados ao Ceará e ao nosso País.

O PSDB apela à Justiça Eleitoral e ao Ministério Público que promovam a rigorosa apuração dos fatos e a justa punição dos seus mandantes. A vítima deste crime não é apenas o Senador Tasso Jereissati, mas toda a sociedade cearense, pois tais práticas são um atentado às liberdades fundamentais da pessoa humana e ao Estado do Direito.

EXECUTIVA ESTADUAL DO PSDB/CEARÁ.

Será o "Quarteto Fantástico"?

173 10

O presidente Lula gravou para o programa eleitoral gratuito novos depoimentos em favor do governador Cid Gomes (PSB) e dos candidatos ao Senado, José Pimentel (PT) e Eunício Oliveira (PMDB), nesta tarde de terça-feira, em Brasília. Fez apelo ao eleitorado cearense para que vote e aposte naqueles que estão do seu lado e que deverão “ajudar” Dilma Rousseff a governar o País.

Esse apelo será veiculado nas próximas horas, dentro da estratégia do Palácio do Planalto de derrotar seu principal adverário político, no caso o senador tucano Tasso Jereissati. Tasso, no entanto, segundo as pesquisas, é duro na queda e continua liderando as pesquisas de intenção de voto.

A reta final da campanha para o Senado promete ser no ritmo de Roberto Carlos: com tantas emoções.

(Foto – Ricado Stuckert)

PF instaura inquérito para apurar crimes por propaganda ilegal contra Tasso

A Polícia Federal divulgou nota em seu site, nesta terça-feira, aanunciando que vai instaurar inquérito policial para apurar crimes relacionados à confecção de 200 mil panfletos e adesivos apócrifos, com conteúdo difamatório, contra o senador Tasso Jereissati (PSDB).

Agentes da PF e fiscais do Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE) cumpriram mandado de busca e apreensão na Printcolor Gráfica e Editora Ltda., nessa segunda-feira, em Fortaleza, onde apreenderam o material.

Segundo a da PF, os panfletos e adesivos não continham indicação do número do CPF ou CNPJ de quem contratou os serviços de reprodução gráfica, o que pode ser tipificado na Lei nº4737/65 – Código Eleitoral e desobediência às Resoluções da Justiça Eleitoral.

Nesta terça-feira, a assessoria jurídica do candidato ao Senado, José Pimentel (PT), deu entrada com reclamação eleitoral no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) requerendo que fosse apurada a autoria dessa propaganda irregular e ilegal contra Tasso, alegando que alguém teria utilizado indevidamente o nome do candidato. Na Polícia Federal, a representação pede que seja, de imediato, instaurada investigação visando identificar os responsáveis pela produção dessa propaganda irregular, para que as medidas judiciais cabíveis sejam tomadas.

A advogada Isabel Mota, coordenadora da Assessoria Jurídica de Pimentel, informa que há outra representaçã pedindo para que se promova a investigação, identificação e repressão urgente dos autores da adulteração do panfleto que alterou o número do candidato Eunício Oliveira, bem como da série de pichações que utilizam ilegalmente o nome e o número do candidato Pimentel.

Dono de rede de supermercados é sequestrado

“Um dono de uma rede de supermercados do município de Pacajus (Região Metropolitana de Fortaleza) foi sequestrado, na tarde desta terça-feira. A identidade da vítima foi preservada para não atrapalhar as investigações.

Segundo informações da Delegacia de Pacajus, a vítima conduzia um veículo L200 prata na rua dos Expedicionários, em direção de casa quando foi abordado, por volta das 14h30min, por quatro homens em um carro Siena preto.

Testemunhas informaram que os homens estariam armados. Segundo a polícia local, a L200 foi encontrada no município de Barreiras às 16 horas. O comerciante ainda não foi localizado.”

(POVO Online)

Secretário de Luizianne critica sociólogo e bate em candidato tucano

87 17

Do economista José de Freitas Uchoa, que também é Secretário Municipal do Desenvolvimento Econômico, este Blog recebeu nota. Uchoa comenta a decisão do seu amigo, o sociólogo Pedro Albuquerque, de votar em Marcos Cals (PSDB/DEM) para governador. Confira: 

Fortaleza, 14 de setembro de 2010

Caro Pedro Albuquerque,

Cumprimentando-o, li no Blog do Eliomar sua declaração de voto em Marcos Cals e, mais, sua recomendação aos amigos e outros mais que votem nele. A experiência de vida, em geral, leva as pessoas a se tornarem mais sábias, mais humanas, mais generosas e mais lúcidas. Há exceções e, parece, você é uma delas.

Caro Pedro, o seu passado não combina com essa sua decisão. Na realidade, você está prestando uma homenagem à “gloriosa revolução redentora”, de 31 de março de 1964. Marcos Cals se valeu da condição de presidente da Assembleia Legislativa para homenagear seu já esquecido pai, denominando de senador César Cals de Oliveira a torre que ele construiu na Assembleia.

Ora, o ex-governador Cesar Cals, um “revolucionário convicto”, foi o único que criou um serviço estadual de informação, equivalente ao SNI, o SEI, para vigiar os passos dos adversários da ditadura no Ceará. Até o então deputado federal Virgílio Távora era perseguido por ele.

Não, Pedro, nem as preocupações com a educação do candidato Marcos Cals justificam sua virada para a direita; escola em tempo integral já existe no Estado; o que não dá é para transformar todas em escolas de tempo integral, porque, nos curto e médio prazos, o orçamento não suporta tamanho custo.

É fácil para o Marcos Cals dizer que vai implantar escola de tempo integral, mas ele não diz como fará. Afinal, ele sabe que não corre o risco de ser eleito e pode então atirar em qualquer direção.

Atenciosamente,

José de Freitas Uchoa
Economista.

Ceará viaja em clima de otimismo para enfrentar o Vitória da Bahia

Dimas em papo descontraído com grupo.

O time do Ceará embarcou, no começo da tarde desta terça-feira, na rota de Salvador (BA) em clima de otimismo. A equipe enfrentará o Vitória em partida válida pela Série A, o Brasileirão, com o objetivo de, no mínimo, trazer o empate. Dimas Filgueiredo, técnico, deixou claro, no entanto, que a ordem é vencer para que o alvinegro recupere espaços perdidos na tabela de classificação.

O Ceará ocupa a 10ª posição quando, bem antes da passagem do técnico Mário Sérgio, ainda brigava para se manter no chamado G-4. Segundo Dimas, nada mais de treinamento na Capital baiana. “Vamos nos concentrar e só pensar no jogo desta quarta-feira”, disse o técnico. Entre os jogadores, muita brincadeira. Ninguém deu entrevista, mas Misael mostra-se feliz porque a partida entre alvinegros e o Vitória será transmitida pela Globo para todo o País.

DETALHE – Dimas estava mais para “irmão ais velho” do grupo. Chamava a todos pelo nome, fazia uma piada e, antes do embarque, comprou um exemplar do jornal O POVO. “Quero ler o comentário que o Alan Neto fez a meu respeito. Ainda nem tive tempo de olhar, mas o pessoal diz que ele foi muito bacana comigo”.

(Foto – Paulo Moska)

Antônio Granja obtém decisão no STF e pode ser candidato a deputado estadual

O advogado João Marcelo Pedrosa nos parabenizou, nesta terça-feira, pelos quatros de Blog de uma forma que a gente também gosta: com informação.

Ele entrou com uma reclamação no Supremo Tribunal Federal em favor do ex-deputado estadual Antônio Granja contra ato do Tribunal de Contas dos Municípios que desaprovou contas suas quando gestor de Jaguaribara. Essa medida do TCM serviu de base para que o Ministério Público Eleitoral pedisse o indeferimento do seu registro como candidato a deputado estadual pelo PSB.

João Marcelo Pedrosa deu entrada nessa reclamação e obteve liminar expedida pelo ministro Gilmar Mendes suspendendo efeitos da decisão proferida pelo TCM.

Permissionários querem de volta a identidade do Beco da Poeira

191 8

Patrícia e Valim em visita ao Beco da Poeira

Os permissionários do Beco da Poeira querem resgatar a identidade do centro comercial, hoje titulado oficialmente pela Prefeitura de Fortaleza como Centro de Pequenos Negócios de Vendedores Ambulantes de Fortaleza (CPNVA). Segundo os permissionários, a Prefeitura proibiu a colocação da placa “Beco da Poeira”, na fachada do prédio na avenida do Imperador (antiga fábrica têxtil Tomaz Pompeu), onde se encontram 2.119 boxes.

A reclamação foi feita à candidata a deputada estadual pelo PDT, Patrícia Saboya, e ao vereador Vitor Valim (PHS), no fim da manhã desta terça-feira (14), durante uma visita de Patrícia às instalações do novo Beco da Poeira. Os permissionários reclamaram ainda da falta de ventiladores de teto, de provadores de roupas e da insegurança no entorno do prédio, como também da constante falta d’água.

De acordo ainda com os permissionários, as vendas tiveram uma queda em torno de 65%, desde a transferência dos boxes, em abril deste ano, apesar das datas ao Dia das Mães, Dia dos Namorados e Dia dos Pais.

Patrícia Saboya ressaltou que há mais de três vem denunciando o descaso da Prefeitura para com a situação dos permissionários do Beco da Poeira, como ainda as falsas promessas da administração municipal.

“O Beco da Poeira é uma marca de Fortaleza, no Brasil inteiro. Pessoas do Rio de Janeiro, de São Paulo e de outros Estados do País chegam a Fortaleza e procuram fazer suas compras no Beco da Poeira. Agora está tudo muito confuso para o turista e para o próprio fortalezense, pois não se sabe se o Beco da Poeira é o comércio em frente à Praça José de Alencar ou os boxes instalados no prédio conhecido como Esqueleto, que deveria ser o local de transferência dos permissionários. É uma total perda de identidade”, comentou Patrícia Saboya.

Já o vereador Vitor Valim disse que irá fazer um abaixo-assinado, junto aos permissionários do Centro de Pequenos Negócios de Vendedores Ambulantes de Fortaleza, para a elaboração de um projeto na Câmara Municipal para a troca definitiva do nome do prédio para Beco da Poeira.

BNB é o 3º banco de grande porte que mais cresceu em 2009

216 2

O Banco do Nordeste é o terceiro maior banco de grande porte brasileiro que mais cresceu em operações de crédito, entre 2008 e 2009, tendo alcançado uma variação positiva de 46,5% no período analisado. A constatação está no ranking das 1000 maiores empresas brasileiras, promovido pelo jornal Valor Econômico, por meio do Prêmio Valor 1000, disponível na seção “prêmios” do site http://www.valoronline.com.br. A publicação considera como bancos de grande porte as intituições com ativo total igual ou superior a 0,3% do ativo total dos 100 maiores bancos.

No quesito “crescimento em depósitos totais”, o BNB ocupa o 4º lugar entre os grandes bancos. No que se refere à “rentabilidade sobre o patrimônio”, o Banco também ocupa boa posição, a 6ª, superando a de alguns dos maiores bancos privados do País. Ainda segundo a publicação, o BNB subiu duas posições no ranking dos maiores bancos brasileiros, e agora ocupa o 13º lugar. Outro destaque diz respeito à “rentabilidade operacional, sem a equivalência patrimonial”, no qual ocupa o 7º lugar entre os grandes bancos brasileiros.