Blog do Eliomar

Categorias para Ceará

Concurso do TCM inscreve até 5ª feira

Termina nesta quinta-feira o prazo de inscrição para o concurso público do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM). Estão sendo oferecidas 100 vagas para analista de controle externo, das quais 60 para preenchimento imediato e 40 como reserva.

As inscrições estão sendo recebidas pela Fundação Carlos Chagas, exclusivamente via internet pelo www.concursosfcc.com.br

Câmara Municipal de Juazeiro do Norte aprova CPI contra prefeito Manuel Santana

A Câmara Municipal de Juazeiro do Norte aprovou, nesta terça-feira, a CPI do Superfaturamento. O requerimento, de autoria do vereador Tarso Magno (PSL), foi aprovado por sete dos 14 vereadores da Casa.

Segundo o vereador Darlan Lobo (PSDC), o objetivo da CPI é investigar possível direcionamento de licitações na administração do prefeito Manuel Santana (PT). A CPI deve eleger presidente e relator ainda nesta semana, segundo Darlan Lobo. 

Na sessão desta terça-feira, a oposição derrubou por sete votos a três um pedido de empréstimo da Prefeitura no valor de R$ 2,5 milhões junto ao BNDES destinado a compra de máquinas para coleta de lixo do interesse da Secretaria Municipal do Meio Ambiente.

Telemar tem que manter postos de atendimento no Ceará

oi

A Primeira Turma do Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF-5) negou, na últim quinta-feira (11),  provimento aos embargos de
declaração interpostos pela Oi/Telemar e manteve a decisão que
determinara a reabertura e a manutenção de postos de atendimento aos usuários em todas as cidades do Ceará onde a operadora presta
serviços. Agora, a empresa só poderá recorrer aos tribunais
superiores, em Brasília. A decisão da Primeira Turma foi unânime e
acompanhou o parecer do Ministério Público Federal (MPF), emitido pela Procuradoria Regional da República da 5.* Região.

O caso foi julgado no TRF-5 porque a Oi/Telemar havia recorrido da
decisão da 1.* Vara da Justiça Federal do Ceará, que já havia
condenado a empresa a reabrir seus postos de atendimento, acatando o pedido feito pelo próprio MPF – por meio da Procuradoria da República no Ceará – em uma ação civil pública.

No recurso, a Oi/Telemar afirmou ser legal a desativação das lojas e
postos, substituídos pelo serviço de atendimento telefônico. Disse
ainda que, dessa forma, melhoraria o atendimento aos usuários, que poderiam manter contato imediato com a empresa, de casa e a qualquer hora.

Segundo o MPF, as empresas de telefonia estão sujeitas ao Código de
Defesa do Consumidor e a Oi/Telemar, ao fechar os postos de
atendimento, tolheu a liberdade de escolha do usuário e afrontou os princípios que regem a relação de consumo. Além disso, o atendimento presencial está previsto nas Resoluções n.* 30/98 e 85/98 da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

O MPF destacou que no momento em que foi firmado o contrato de
concessão entre a Oi/Telemar e a Anatel o atendimento ao usuário era
feito nas lojas e também pela central telefônica. Portanto, o
fechamento dos postos piora as condições de prestação do serviço público de telefonia.”

(Site TRF-5ªRegião)

Tudo pronto para o II Salão Imobiliário Ceará

O II Salão Imobiliário Ceará (Simc), evento que reúne as principais empresas do mercado imobiliário cearense e mostra as novidades e lançamentos de imóveis no Estado, ocorrerá no período de 24 a 28 deste mês, no Centro de Convenções, em Fortaleza.

Em sua primeira edição, em 2009, foi negociado um volume total de R$ 220 milhões durante os cinco dias de evento, com um público estimado de 30 mil pessoas.

Neste ano, a expectativa é que aproximadamente 40 mil pessoas visitem o Salão, já que o número de expositores duplicou em relação ao ano passado, enquanto que a expectativa para o volume de negócios seja em torno de R$ 250 milhões.

Fortaleza ganha mais uma galeria de artes

robertog

O curador Roberto Galvão.

Fortaleza ganha mais uma galeria de artes. Será inaugurada às 19 horas desta quarta-feira, o Espaço Cultural Porto Freire, que tem como curador Roberto Galvão. O local foi montado no empreendimento Parque Del Sol, situado no bairro Cidades dos Funciónários.

A primeira exposição será do artista plástico Vando Figueiredo, com a mostra Caminhos. “É um olhar sobre as cidades”, diz o artista entre vários quadros, que serão apresentados para o público durante os próximos dois meses.

Telemar é condenada a indenizar cliente por serviço não solicitado

“A 4ª Turma Recursal do Fórum Professor Dolor Barreira condenou, nesta segunda-feira, a Telemar Norte Leste S/A a devolver, em dobro, valores cobrados por serviço não solicitado pela cliente M.L.B.G.

Consta nos autos que a usuária possui uma linha de telefone fixo-residencial, ainda em nome de seu esposo. No mês de junho de 2006, ela percebeu que na fatura constava a cobrança do serviço especial “chamada em espera”. Segundo ela, esse serviço não foi contratado e sua conta mensal era paga por débito automático.

Ao entrar em contato com a Telemar, foi informada que o serviço havia sido solicitado em julho de 2003, pelo titular da linha, ou seja, seu marido. No entanto, ele faleceu em 15 de dezembro de 1998, conforme atestado de óbito.

A usuária solicitou junto à empresa o cancelamento do serviço e a devolução dos valores indevidamente cobrados, mas a Telemar informou que só devolveria o valor referente a quatro meses.

Sentindo-se prejudicada, M.L.B.G. ajuizou ação exigindo indenização por danos materiais no valor de R$ 280,80, mais a quantia de 40 salários mínimos por danos morais.

Em 16 de março de 2007, a juíza Cintia Pacheco Prudêncio, titular do Juizado Especial Cível e Criminal (JECC), da Comarca do Crato – Anexo Universidade Regional do Cariri (URCA), julgou parcialmente procedente o pedido. A magistrada condenou a Telemar a ressarcir em dobro os valores cobrados de forma indevida, acrescido de juros e correções monetárias.

“Quanto aos danos morais, não verifico cabimento para seu reconhecimento, visto que o aborrecimento acaso sofrido apenas produziu efeitos no campo patrimonial, em nada afetando a condição psíquica ou valores relacionados aos direitos fundamentais do reclamante”, considerou a juíza.

A empresa recorreu da sentença alegando que a solicitação do serviço foi feita no dia 29 de julho de 2003 por alguém que se identificou, utilizando o sobrenome do titular da linha, confirmando todos os dados pessoais exigidos. Afirmou ainda que não houve cobrança indevida, já que o serviço estava sendo efetivamente prestado.

Ao julgar o recurso cível nº 251-47.2006.8.06.0072/1, a 4ª Turma Recursal, decidiu, por maioria de votos, manter a sentença proferida pelo Juízo de 1º Grau. A relatora do processo foi a juíza Maria do Livramento Alves Magalhães. A Turma também é integrada pelos juízes José Israel Torres Martins (presidente) e Francisco Bezerra Cavalcante.”

(Site do TJ-CE)

FMF 2010 será lançada neste 3ª feira

Com a expectativa de aumentar em 20% as comercializações na comparação com o evento do ano passado, será lançada nesta terça-feira a 30ª edição da Feira da Moda de Fortaleza (FMF).

O Festival deverá receber um público de aproximadamente 50 mil pessoas. O evento acontecerá no Maraponga Mart Moda entre os dias 26 e 30 de abril. O lançamento será hoje em evento fechado no Buffet La Maison Dunas. “O Festival de moda sempre traz muito oxigênio para o setor de confecção“, destacou o proprietário do Maraponga, Manoel Holanda.

Segundo ele, o Ceará ainda é o segundo do Nordeste em moda íntima, mas em um prazo médio de cinco anos, a expectativa é atingir a liderança.

Estarão envolvidos no evento 321 lojstas do shopping, além de 1200 corretores de moda que deverão atender o público de pequenos e grandes comerciantes de todo o País.

Este ano o Festival traz como tema uma releitura da índia tabajara Iracema, personagem do escritor José de Alencar. A ideia é abordar a temática “através de uma viagem mística e mágica até o século XXI e ao mundo do FMF e da moda“. Mais uma vez o evento terá a consultoria da jornalista especializada em moda Cristina Franco.

SERVIÇO

Onde: Maraponga Mart Moda – Rua Holanda, 586
Quando: De 26 a 30 de abril

Clima de divisão no DEM do Ceará. Dirigentes apontam para subserviência

chiaquinho

Este Blog recebeu, nesta segunda-feira, nota assinada pelo vice-presidente regional do DEM, Ruy Câmara, e pelo secretári0-geral da legenda, Erivelto de Souza, questionando o comportamento do presidente regional Chiquinho Feitosa. Estaria ele muito centralizador e não prestigiando os democratas da casa. Confira:

Prezado(a)s Democratas do Ceará:

Pedimos alguns minutos da sua atenção para expormos, nestas poucas linhas, as nossas preocupações com relação aos rumos do nosso partido no já iniciado processo eleitoral nacional e local.

Nacionalmente o DEM é um partido de oposição ao PT, e também aos governos que formam a base de apoio da candidata petista à sucessão do presidente Lula. Essa é, de forma clara e inconteste, a linha programática do nosso partido para as eleições que se aproximam.

O Ceará inteiro é testemunha de que o DEM-CE foi, historicamente, um partido que, apesar da escassez de recursos e da ausência de grandes apoiadores, sempre disputou em condições favoráveis eleições majoritárias no Estado e até bem pouco tempo era respeitado pelo seu posicionamento e pela força do nosso debate com a sociedade.

Nas últimas eleições enfrentamos com Moroni Torgan as três máquinas públicas (federal, estadual e municipal) e, apesar das dificuldades de toda ordem, debatemos todos os temas e deixamos um legado de projetos consistentes que estão sendo implementados no Ceará, tais como: o Ronda do Quarteirão, o Pai, os Programas de modernização da Guarda Municipal, os Programas para a Juventude, os Centros de Cultura e Arte, dentre outros.  

Mas os rumos mudaram durante a atual gestão e desde a posse da nova Executiva Estadual o partido vem definhando e praticamente deixou de existir enquanto força política de oposição no Ceará. Em conseqüência dessa subserviência objetivada, o presidente tem evitado reunir o partido e nenhuma decisão partidária é tomada às claras, razão pela qual o DEM-CE vem se transformando numa legenda secundária, sem representação política autêntica, sem presença social e até mesmo sem candidatos para disputar as próximas eleições, seja ao Governo, ao Senado ou mesmo para ganhar uma vaga na Câmara Federal.

Recentemente o DEM-CE perdeu a única representação que possuía na Assembléia Legislativa do Ceará e sequer despendeu esforços em defesa dos seus direitos partidários. Com isso desmoralizou-se inclusive perante a justiça Eleitoral e agora é um partido que no Ceará só existe simbolicamente – como uma rubrica orçamentária trimestral – e tal condição em nada contribui para a democracia política e o empobrece por falta de rumo, de discurso e de autonomia para traças seu próprio caminho.

Como sabemos, partido de oposição que faz oposição nem disputa eleição, está condenado à nulidade da sua função social e política. Nesse aspecto a gestão do presidente, Chiquinho Feitosa, foi mais longe com a demolição: retirou do nosso partido até mesmo a sua fundamentação partidária, já que eliminou o debate e o convívio democrático entre seus membros e espantou a militância que havíamos construído no passado às duras penas. Ou seja, o DEM-CE, hoje refém de interesses difusos, tornou-se um partido raquítico em estrutura; esvaziou-se em conteúdos programáticos, ficou nanico em sua expressão política local e ainda por cima vem sendo desmerecido pelos observadores da política como uma sublegenda de aluguel.

Esse é um quadro triste e deprimente para um partido que poderia ser a vanguarda da política local e isso, de certa forma, nos compromete pela falta de posicionamento e pela forma como o partido definha a olhos vistos.

Até o momento temos evitado fazer qualquer tipo de comentário à imprensa, em primeiro lugar porque temos responsabilidade e compromisso com a ética partidária; em segundo lugar porque acreditamos que essa iniciativa reflete bem a preocupação e insatisfação de uma parcela dos democratas do Estado; e em terceiro lugar porque não é bom nem prudente que o partido desmereça pessoas que ao longo dos anos militaram e se empenharam nas lutas que travamos.

Nem precisamos lembrar que um partido político, que se mantém com verbas públicas, não pode ser confundido como um latifúndio ou minifúndio confiado à prepostos. Partido político é uma agremiação que objetiva congregar pessoas dispostas a pensar sobre os mais diversos temas de interesse coletivo, sem perder de vista sua autonomia para disputar o poder.   

E se depender da nossa disposição, a campanha presidencial de 2010 será dura, marcada por críticas severas aos desmandos do governo Lula. Para tanto, precisamos abandonar o discurso conciliador e partirmos para o confronto de idéias ao lado do PSDB e PPS. Como diz o Deputado Rodrigo Maia: “Ou vamos para o confronto, ou perderemos mais uma vez para a camarilha petista”.

O palanque do DEM será o palanque de José Serra ou Aécio Neves, e esperamos que desta vez os líderes dos PSDB no Ceará não adotem uma posição difusa em relação ao candidato à presidente pelo seu partido. Sem sombra de dúvida, o PSDB, DEM e PPS são partidos convergentes e não podem, à pretexto de qualquer interesse, estabelecer negociações diagonais com os partidos ou lideranças locais que defendem a candidatura da petista Dilma. 

É importante para a unidade que se forma, que adotemos uma postura clara e inquestionável de oposição nacional e local, pois nessas eleições não haverá margem para ambigüidades ou mimetismos. Nesse sentido, é premente que o PSDB do ceará defina claramente qual será o seu palanque se por ventura o deputado Ciro Gomes vier a entrar na disputa presidencial.     

Essas linhas não podem ser consideradas como uma crítica pessoal ao presidente Chiquinho Feitosa, muito menos é endereçada aos nossos aliados políticos, mas deve ser entendida como uma reflexão consciente e bem intencionada para que possamos definir coletivamente o rumo de um partido que historicamente teve voz, autonomia, disputou eleições majoritárias a esteve sempre presente em todos os debates de interesse da sociedade.  

Saudações Democráticas

Ruy Câmara – Vice-Presidente

e Erivelto de Sousa – Secretário Geral

Acesso ao Piauí ficará mais rápido a partir de sábado

O deputado estadual Gony Arruda (PSDB) anuncia: o governador Cid Gomes vai inaguurar, na próxima sexta-feira, a estrada Granja-Jijoca. O ato ocorrerá no próximo sábado. A obra facilitará o acesso para esses municípios e reforçar o aspecto turistico da região.

“Creio que é, talvez, o maior acontecimento em se tratndo de turismo. Quem fofr par o Piauí,não preicará ir só pela BR-222.  Essa opção não cruza serra e se torna mais rápida e sem riscos”, destac Gony Arruda. “Isso diminuirá cerca de 40 minutos a ida de Fortaleza para Granja”, adiantou o parlamentar.

Eunício: Senador de proveta?

eunico

Com o título “Eunício: senador de proveta?”, o poeta, publicitário e marqueteiro político Ricardo Alcântara escreve artigo para o Blog nesta segunda-feira. Ele, pelo título, analisa a pré-candidatura do presidente regional do PMDB, deputado federal Eunício Oliveira. Confira:

 
Para entender o caso: é compromisso de Cid Gomes (PSB) apoiar Eunício para o Senado. Há duas vagas em disputa. Pelas pesquisas, Tasso Jereissati (PSDB) se reelegeria e o PT é favorito para ocupar a outra. A garantia de Eunício: um recuo do PT.

Pois o PMDB deu aos petistas cearenses um recado do governador: a eles será oferecida somente uma vaga – vice ou senado – na chapa majoritária da coligação governista para 2010. As duas, nem pensar.
 
Se for dado aos petistas o direito de optar, o problema de Eunício Oliveira não estará resolvido, pois a escolha recairia sobre a indicação do ministro da Previdência, José Pimentel, para disputar uma das vagas ao senado.
 
Por queo PT faria tal escolha? Simples. Porque é a opção que atende a uma das prioridades da estratégia nacional do partido: eleger uma bancada forte na Câmara Alta, enquanto a vaga de vice só alimenta ambições locais.
 
Se o PMDB quiser fazer já uma opção e de baixo risco, indique Eunício à vaga hoje ocupada por Francisco Pinheiro – o vice que, pelo trailer, não será tão abençoado assim pelos bons serviços prestados ao clã.
 
Ficaria lá, hibernando à sombra de um cargo destituído de visibilidade e orçamento, aguardando a oportunidade de governar o Estado por oito meses, quando Cid Gomes renunciaria, em abril de 2014, para disputar o Senado.
 
Se persistir o impasse, a decisão será tomada no terceiro andar do Palácio do Planalto. Por aqui, ninguém tem força para gerar fato consumado sobre o assunto. Afora isso, o mais é notícia plantada e conversinha de corredor.

Casos de duplo homícídio são registrados em Quixerambim e Juazeiro do Norte

Um duplo homicídio foi registrado nessa noite de domingo na cidade de Quixerambim (Setão Central). O mototaxista Francisco Antônio Barbosa (30) conduzia em sua moto o ex-presidiário Francisco Fernandes, quando, na altura do distrito de Uruquê, os dois foram recebidos a bala por um indivíduo não identificado. 

Segundo policiais de Quixerambim, há suspeita de vingança, porque Fancisco Fernandes respondeu por pena de homicídio.

Também na cidade de Juazeiro do Norte (Região do Cariri) outro dupo homicídio. Segundo a polícia, Jean Pierre de Spuza (21) e Julião Correa teriam planejado assassinar, por vingança, o indiuviduo conhecido por “Zé Pitoco”. Só que houve reação e os dois acabaram mortos por Zé Pitoco. O caso será investigasdo pela delegacia juazeirense.

Um colégio referência comemora 13 anos de atividades

Os 13 anos de fundação do Colégio da Polícia Militar do Ceará, com sede em Fortaleza, vão ser comemorados nesta segunda-feira. Isso, a partir das 15 horas, durante sessão solene na Assembleia Legislativa.

A sesão atende a um requerimento do presidente da Comissão de Defesa Social da Casa, Edson Silva (DEM).

Eis um estabelecimento que, de fato, honra a educação no Estado. Opera sem problemas, sem ameaça de greve e dentro de uma disciplina de fazer inveja.Vários alunos seus são atraídos, inclusive, por bolsas de grandes colégios particulares no seu objetivo de fazer marketing.

O que nos deixa triste é saber que as demais escolas públicas não seguem o padrão do Colégio da PM nem do Corpo de Bombeiros. Por que isso ocorre?

Felipão vai virar cantor gospel

voo

“Ex-cantor de Forró”. Assim será conhecido, em breve, Felipão, que estará dedicando sua carreira ao seu novo trabalho gospel, que está em fase de gravação. Na última quinta feira, Felipão reuniu toda a equipe e comunicou que estará deixando o forró, coisa que já pretendia fazer há certo tempo. O cantor disse que não sentia mais o desejo e vontade de continuar a tocar.

A decisão foi tomada logo após o Carnaval. Felipão ainda cumprirá shows até o dia 19 de Março e fará sua última apresentação com forró na Paraíba.

Por diversas vezes, até mesmo em suas apresentações, Felipão tem falado da transformação da sua vida, por meio de Jesus. Seu desejo agora é falar desse amor para muitos através da música.

Ainda em 2009, o cantor fez um depoimento sobre sua vida nova na cidade de Picos-PI, na ocasião do aniversário da cidade. A festa foi em praça pública e Felipão falou de Jesus e tocou duas canções gospel que gosta.

(De Carlos Rossy, da equipe de Felipão)

Secretário garante o leite das crianças

cailosantana

O secretário do Desenvolvimento Agrário do Ceará, Camilo Santana, lança neste  sábado, às 8h30min, em sua terra natal, Barbalha (Região do Cariri), o Programa Leite Fome Zero. Em seguida, às 10h30min, Camilo lançará a novidade em Abaiara.

A ordem, segundo o secretário, é combate a fome nos municípios cearenses com menores índices de desenvolvimento garantindo alimento saudável e básico, no caso o leite. Ao mesmo tempo, a SRD fortalece esse setor produtivo do Estado.

TJ condena Metrofor a indenizar comerciante em R$ 15 mil

fotoo

A 4ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE) confirmou a sentença que condenou a Companhia Cearense de Transportes Metropolitanos (Metrofor) a pagar indenização de R$ 15 mil por danos morais à comerciante M.L.D.P, vítima de transtornos ocasionados pelas obras de construção do metrô de Fortaleza.

“Fica evidente a existência do dano moral sofrido pela promovente com os distúrbios causados pela execução de obra pública realizada pelo Metrofor”, disse o relator do processo em seu voto, desembargador Francisco Lincoln Araújo e Silva, durante sessão de julgamento no último dia 10/03.

Conforme os autos, M.L.D.P trabalhava no comércio informal vendendo “quentinhas” em sua residência, localizada na av. Carapinima, em Fortaleza. Ela afirma que, a partir de agosto de 1999, com o início das obras do Metrofor naquela área, o acesso dos clientes foi inviabilizado, prejudicando assim o seu comércio. Ela informa também que, por diversas vezes, teve que se “retirar às pressas de casa em plena madrugada devido ao risco iminente de desmoronamento”.

A comerciante ajuizou ação de reparação de danos contra o Metrofor, pleiteando indenização no valor de R$ 200 mil, sendo R$ 143 mil por danos morais e R$ 57 por danos materiais. Ela argumentou que teve a renda diminuída por conta da redução das vendas de “quentinhas” e que sofreu abalos psicológicos com as rachaduras e os tremores em sua residência. Em sua contestação, a Companhia de Transportes defendeu que não houve provas da ocorrência dos danos alegados pela vítima.

Em 8 de junho 2007, o juiz Manoel Cefas Fonteles Tomaz, da 23ª Vara Cível, julgou a ação e condenou o Metrofor a pagar indenização por danos morais de R$ 15 mil. O valor deve ser corrigido monetariamente pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) e acrescidos de juros legais de 1% ao mês, contados a partir do evento danoso. Sobre o dano material, o magistrado entendeu que “não há nos autos prova consistente e capaz de demonstrar que a promovente suportou prejuízos por causa das obras”.

Inconformada, a Companhia de Transportes interpôs recurso apelatório (682510-79.2000.8.06.0001) no TJCE, objetivando modificar a decisão do magistrado.

Ao analisar o recurso, a 4ª Câmara Cível deu parcial provimento ao recurso, mas somente para modificar o início da correção monetária, considerando este cálculo a partir do arbitramento da indenização e não da data do evento danoso. A Turma manteve o dano moral e demais termos da sentença.”

(Site do TJ-CE)

"Ceceu" é eleito presidente da Associação dos Advogados Trabalhistas do Ceará

José Marcelo Pinheiro (Ceceu) foi eleito, nesta sexta-feira, presidente da Associação dos Advogados Trabalhistas do Estado do Ceará (Atrace). Ele derrotou Marcos Peixe por uma diferença de 20 votos, numa campanha que contou com a coordenação do ex-presidente da entidade, José Lúcio de Souza.

DETALHE – A chapa de Ceceu considera a derrota de Marcos Peixe uma derrota do atual presidente da OAB do Ceará, Valdetário Monteiro que, inclusive, fez campanha junto aos advogados trabalhistas no Fórum Trabalhista Autran Nunes.

Livro resgata memórias da xilogravura cearense

gilmarcde 

“Será na próxima quarta-feira , às 18 horas, no MAUFC, o lançamento do 58° livro de Gilmar de Carvalho, professor da Universidade Federal do Ceará e pesquisador das tradições populares. “Memórias da Xilogravura” começou a ser produzido em 1986, enquanto Gilmar ainda desenvolvia sua pesquisa de Mestrado. Na época, revisitou a Lira Nordestina, antiga Tipografia São Francisco, em Juazeiro do Norte, que conhecera dez anos antes.

O livro traz entrevistas com 11 xilogravuristas de reconhecida importância: Antônio Batista, Lino, Iraci, Zé Caboclo, Arlindo, Ezígio, Abraão, Stênio, Francorli, Zé Lourenço e Walderêdo, que morreu com o título de Mestre da Cultura. Os artistas falam, em conversas com Gilmar de Carvalho, sobre seus trabalhos e a própria arte da xilogravura, entre outros temas. Ilustram o livro, dedicado a Damásio Paulo, um dos “maiores gravadores de todos os tempos”, xilogravuras pertencentes aos acervos do próprio autor e do Mauc.”

(Site da UFC)

Vem aí a PEC Nordeste

Tudo pronto para a XIV PEC Nordeste. Trata-se do Seminário Nordestino de Pecuária, que ocorrerá no Centro de Convenções, no período de 14 a 17 de junho próximo. O tema do evento será “Novos Parâmetros Ambientais”. A promoão é da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado do Ceará (FAEC), Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), Sebrae e Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR-AR).

Segundo o Presidente da FAEC, José Ramos Torres de Melo Filho, a escolha do tema central leva em conta este momento de transformações políticas, sociais, econômicas e parâmetros ambientais no Nordeste e no Brasil.