Blog do Eliomar

Categorias para Ceará

Fortaleza recebe a visita dos presidenciáveis Bolsonaro e Boulos

Fortaleza receberá, nesta quinta-feira, a visita de mais dois pré-candidatos à Presidência da República. São eles: Jair Bolsonaro, do PSL, e Guilherme Boulos, do PSOL, ambos de práticas e discursos antagônicos. Os dois estão circulando no terreiro de outro presidenciável, no caso Ciro Gomes, que, de acordo com sua agenda, tem compromissos em São Paulo.

Foto – Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Confira a agenda de Jair Bolsonaro

11h30min – Ato no aeroporto Pinto Martins (chegada), com carreata até a Praça Portugal

15 horas – Coletiva de imprensa

19 horas – Evento fechado com simpatizantes no hotel

Foto: Newton Menezes/Futura Press/Estadão Conteúdo

Confira a agenda de Guilherme Boulos

9 horas – Coletiva de imprensa

12 horas – Almoça com professores universitários no Campus da Uece

15 horas – Participa de Live nas páginas do Facebook do Suricate Seboso e de Adelita Monteiro na sequência

17 horas – Conversa com militância do MTST no Benfica

18h30min – Debate sobre segurança pública no auditório da Arquitetura, da Universidade Federal do Ceará

20 horas – Participa do lançamento da chapa majoritária Psol-PCB, na sede partidária.

Jijoca reage contra concessão do Parque Nacional de Jericoacoara

454 1

O prefeito de Jijoca de Jericoacoara, Lindbergh Martins, disse nesta semana que a população do município localizado no Litoral Oeste do Ceará, a 287 quilômetros de Fortaleza, é contra a concessão do Parque Nacional de Jericoacoara, diante da proposta apresentada pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio).

Em reunião com o secretário de Turismo do Ceará, Arialdo Pinho, e com os deputados Sérgio Aguiar e João Jaime, Lindbergh Martins haverá mais taxa a ser cobrada dos turistas, mas que somente 10% dos recursos arrecadados seriam destinados à manutenção do Parque Nacional.

O município já cobra a Taxa de Turismo Sustentável(TTS), cuja arrecadação é revertida para a Vila de Jericoacoara (70%) e para a infraestrutura da sede de Jijoca (30%).

(Foto: Divulgação)

Fiec entrega Prêmio Boas Práticas Sindicais

O presidente da Federação das Indústrias do Estado do Ceará, Beto Studart, vai entregar, às 18h30min, nesta quinta-feira, no auditório da entidade, o Prêmio Boas Práticas Sindicais – Etapa Estadual. Receberão a premiação o Sindialimentos, Simec e Sindcerâmica, que alcançaram, respectivamente, primeiro, segundo e terceiro lugares.

O prêmio é uma parceria da FIEC e da Confederação Nacional da Indústria (CNI) e tem objetivo de “valorizar e divulgar ações que gerem valor para as empresas do setor e que contribuem para o fortalecimento dos sindicatos empresariais da indústria.”

O tema escolhido para esta primeira edição do Prêmio é Sustentabilidade Sindical, tendo em vista que, com o fim da obrigatoriedade do imposto sindical, assegurar a sustentabilidade é hoje o maior desafio dos sindicatos empresariais da indústria.

Etapas

O prêmio é realizado em duas etapas: uma estadual, coordenada pela FIEC através do Núcleo de Convênios e Parcerias (Nucop), e uma nacional, coordenada pela CNI. A etapa estadual contou com a participação de 12 sindicatos:(Sindialimentos, Simec, Sindceramica, Sindquímica, Simagran, Sinditêxtil, Sindiverde, Sindgráfica, Sindroupas e Sinconpe.

A ação do Sindialimentos foi diretamente classificada para a etapa nacional e está concorrendo com outras cinco melhores práticas de outros estados. A entrega do prêmio para vencedores da etapa nacional será durante o Encontro Nacional da Indústria (ENAI), que ocorre entre os dias 3 e 4 de julho, em Brasília.

(Foto – Fiec)

Academia Cearense de Letras Jurídicas sob nova direção

443 1

Valdetário Monteiro, ex-presidente da OAB do Ceará e membro do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), vai tomar posse como presidente da Associação Cearense de Letras Jurídicas. O ato ocorrerá a partir das 19 horas, no Palácio da Luz.

Ele responderá pela gestão da entidade até 2019 e promete reforçar as publicações acadêmicas na área.

A entidade tem como presidente de honra o jurista Paulo Bonavides.

Confira a nova diretoria

(Foto – Agência Brasil)

Governo entrega primeira etapa do Residencial Yolanda Queiroz

Nesta quinta-feira, ás 9 horas, o governador Camilo Santana (PT) vai entregar a primeira etapa do Residencial Dona Yolanda Vidal Queiroz, no bairro Edson Queiroz. Ao todo, o residencial terá 1.080 moradias e abrigará as famílias originárias da área de risco do mangue do Rio Cocó e da Comunidade do Dendê. Serão entregues nesta etapa, 528 unidades habitacionais.

A obra foi executado por meio da Secretaria das Cidades e tem investimento de R$ 41,3 milhões proveniente do programa Pró-Moradia através do Ministério das Cidades, em parceria com a Caixa Econômica Federal e contrapartida do Estado de R$ 2.065.271,62.

O Residencial possui apartamentos mistos, ou seja, unidades preparadas para funcionarem como residência e ponto comercial. Serão entregues, nesta 1ª etapa, 528 unidades habitacionais, sendo 476 apartamentos padrão, 16 apartamentos adaptados para pessoas com deficiência e 36 apartamentos mistos. Os moradores do residencial terão acesso a infraestrutura adequada com de sistema viário, iluminação pública e sistema de abastecimento de água e de esgotamento sanitário. Serão entregues também as áreas de lazer com praças, bancos e mesas, arborização, playground, uma pista de skate, equipamentos de ginástica, uma quadra de vôlei de praia e um pátio aberto com piso industrial.

OAB do Ceará lança cartrilha LGBTI+

A Comissão da Diversidade Sexual e Gênero da OAB do Ceará vai lançar, às 14 horas desta quinta-feira, no Teatro do Cuca Mondubim, a Cartilha LGBTI+, que contêm os direitos e as lutas da população LGBTI+. O dia do lançamento faz alusão ao Orgulho de Ser, celebrado neste dia 28 de junho.

No evento, além do lançamento, haverá reflexão sobre os direitos e as conquistas desse segmento, desde a declaração universal dos direitos humanos até os dias atuais.

A OAB-CE é parceira do evento junto com a Coordenadoria de Políticas Públicas Para Juventude da Prefeitura de Fortaleza, Coordenadoria Estadual de Políticas Públicas Para LGBT e Coletivo lgbtqueens.

(Foto – Ilustrativa)

Fortaleza recebe Festival de Flores de Holambra

Mais de 150 espécies de flores serão comercializadas a preços populares em mais uma edição do Festival das Flores de Holambra. Pela 8ª vez em Fortaleza, a exposição acontecerá gratuitamente na Praça do Ferreira, no Centro de Fortaleza, entre os dias 4 e 17 de julho próximo, das 8 às 18 horas. A informação é da assessoria de imprensa do evento.

O evento tem como objetivo trazer o verde da natureza para dentro de Fortaleza, com a proposta de ofertar aos fortalezenses um contato mais próximo com a beleza das flores. As espécies são para todos os gostos: do cactos, até ervas aromáticas e plantas de colorido intenso, como gérbera e crista de galo.

Neste ano, além das já tradicionais flores ornamentais, como orquídeas, samambaias, cactos, rosas, begônia, tuias, bonsais e ervas medicinais, a exposição contará com muitas novidades de frutíferas, palmeiras e rosas do deserto. Todas estarão em exposição e serão comercializadas a preços populares: a partir de R$ 5,00 já é possível adquirir uma planta. Além disso, no local, o cliente receberá as orientações de como cultivar a planta para que ela possa prosperar e desenvolver.

O Festival das Flores de Holambra é oriundo da cidade de Holambra, no estado de São Paulo, onde, apesar de ter pouco mais de 15 mil habitantes, concentra-se a maior parte da produção de flores e plantas ornamentais do país. Anualmente, 12 cidades em todo o Brasil, dentre elas Recife, Aracaju e Salvador recebem o Festival. A meta é aumentar este número para 20 cidades até 2019.

(Foto – Divulgação)

Defensoria Pública discutirá com moradores transtornos provocados por obras do VLT

O Núcleo de Habitação e Moradia (Nuham) – da Defensoria Pública do Ceará, vai promover, a partir das 13h30min desta quinta-feira, uma audiência pública com o objetivo de discutir os transtornos decorrentes das obras do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT).

O encontro, que ocorrerá na sede da Defensoria Pública, congregará os moradores das comunidades afetadas (Jangadeiro, Lagamar, Mucuripe, Pio XII e Rio Pardo) com os poderes públicos e responsáveis pelas obras.

Além de moradores das localidades afetadas, estão convidados ainda representantes dos escritórios de Direitos Humanos Frei Tito e Dom Aloísio Lorscheider, da Secretaria da Infraestrutura do Estado (Seinfra) e da Prefeitura (Seinf), da Defensoria Pública da União, do Ministério Público, da Câmara Municipal e da Assembleia Legislativa.

(Foto – Divulgação)

Festival Internacional de Dança de Fortaleza abre em ritmo de homenagens

Ana Studart e Izolda Cela entre homenageados.

O Festival Internacional de Dança de Fortaleza (Fendafor), que será aberto, a partir das 19 horas desta quarta-feira, no Theatro José de Alencar, prestará homenagem a algumas personalidades que contribuem e apoiam a dança no Estado.

Na lista do Troféu Fendafor de Responsabilidade Cultural/Social, estão a vice-governadora Izolda Cela; Ana Studart, da Fundação Beto Studart; o Ballet Folclórico Arte Popular de Fortaleza; o ex-titular da SSPDS, Josbertini Clementino; o bailarino, professor e coreógrafo Cid Neto; o DJ Flip Jay, de Danças Urbanas; Gilbert D’Assis, bailarino, maitre de ballet e coreógrafo e a maitre de dança, bailarina e coreógrafa Daria Reimann.

O Fendafor 2018 vai se estender até o dia 8 de julho, com grandes nomes nacionais e internacionais da dança em apresentações nos palcos Mercado da Dança (Jardins do TJA) e Palco Principal. Ao todo, cerca de 2800 artistas da Capital e do Interior se apresentarão no teatro, bem como profissionais da dança de outros 15 estados brasileiros e de mais cinco países.

(Foto – Balada In)

Crime e castigo

Com o título “Crime e castigo”, eis artigo do jornalista Zuenir Ventura que, nas páginas do O POVO desta quarta-feira, faz uma reflexões sobre o caráter do brasileiro. Confira:

Com quem você acha que o brasileiro realmente se identifica — com aqueles torcedores machistas e cafajestes que assediaram e humilharam uma jovem russa que, sem entender português, foi levada a repetir termos chulos e ofensivos, como se tratasse de uma inocente brincadeira, ou com os que, em número muito maior, se indignaram com o revoltante comportamento?

O vergonhoso episódio abre um debate sobre identidade nacional. Qual seria o caráter do brasileiro? Não é fácil estabelecer nosso traço característico. Importantes ensaístas e ficcionistas já tentaram em geniais sínteses: o historiador Sérgio Buarque de Holanda criou o “Homem cordial”, o romancista Mário de Andrade inventou “Macunaíma, o herói sem caráter”, Nelson Rodrigues descobriu o “complexo de vira-lata”, como marca de um povo que vive se depreciando.

No caso aqui tratado, até que ponto se pode generalizar a conduta de um pequeno grupo? A tentativa de atribuir o desprezível comportamento na Copa da Rússia a causas históricas e culturais está sendo usada pelos acusados como atenuante e justificativa. Se eles representam a nossa sociedade, então a culpa seria de uma cultura da qual somos herdeiros. Portanto, em situação idêntica, agiríamos do mesmo modo: “o brasileiro no estrangeiro é assim, basta beber um pouco”. Na verdade, mais do que uma simples desculpa, é também um álibi.

O advogado de um dos envolvidos, o tenente da PM, por exemplo, alegou que o ato praticado por seu cliente “não condiz com a personalidade dele”. Condiz, sim; não condiz provavelmente é com a personalidade dos demais tenentes da PM. O mesmo se pode dizer dos outros, como o ex-secretário de Saúde e de Educação do Piauí que pediu desculpas “a todas as mulheres” e apresentou a seguinte alegação: “todos nós somos seres humanos e erramos”. É a gasta desculpa de que “errar é humano”, como se acertar não fosse.

Os brasileiros que proporcionaram aquele vexaminoso espetáculo na Rússia estão procurando passar a imagem de que são o protótipo de pessoas normais, “chefes de família”, como alegou um deles. A questão é que normal é quem segue a norma, quando eles preferiram o desvio.

O melhor antídoto contra os que seguem esse caminho ainda é a educação, mas, na falta desta, não há outro remédio que não seja a punição. É o que decidiu o Ministério Público Federal, ao considerar que não foi uma “brincadeira” o que eles cometeram, mas um “crime de injúria contra a mulher”.

*Zuenir Ventura

opiniao@opovo.com.br

Jornalista.

Alunos da UFC são destaque em Olimpíada Internacional de Lógica

Alunos do Campus da Universidade Federal do Ceará de Quixadá (Sertão Central) são destaque na Olimpíada Internacional de Lógica 2018: o estudante Pedro Olímpio Nogueira de Oliveira Pinheiro, do Curso de Ciência da Computação, ficou em segundo lugar entre 100 participantes nacionais e internacionais.

Já Marisa do Carmo Silva e Mariana de Pinho Severo, do Curso de Engenharia de Computação, ficaram entre os 10 primeiros mais bem colocados na classificação geral. A fase final da iniciativa ocorreu no último sábado (23), no Campus da UFC em Quixadá.

Pedro Olímpio Pinheiro conseguiu a melhor colocação do País, empatado com Felipe Arbarelli, da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Ambos alcançaram 20 pontos. Além da premiação, os jovens irão representar o Brasil no 8º Simpósio Internacional de Investigação em Lógica e Argumentação (SIILA), que será realizado na cidade de Morelia, Michoacán, no México, de 27 a 30 de novembro deste ano.

No total, segundo a assessoria de imprensa da UFC, sete alunos da Instituição em Quixadá participaram da fase final da Olimpíada Internacional de Lógica 2018. Todos receberam certificado de menção honrosa. Junto com a UFC, sediaram prova da Olimpíada a Universidade Federal de Sergipe, a Universidade Federal de Santa Maria (RS) e a UNICAMP (SP).

A Olimpíada Internacional de Lógica 2018 é uma competição acadêmica nas áreas de lógica formal, incluindo argumentação e pensamento crítico, promovida por países de língua espanhola, sob a liderança do México.

SERVIÇO

*Mais informações sobre a competição estão no site da Academia Mexicana de Lógica (http://www.academiamexicanadelogica.org/content/xv-olimpiada-internacional-de-logica-2018).

(Foto – UFC)

Heitor cobra da tribuna da Assembleia promessas não efetivadas por Camilo Santana

O deputado estadual Heitor Férrer (SD) cobrou, nesta quarta-feira, da tribuna da Assembleia Legislativa, promessas de campanha do governador Camilo Santana (PT) do pleito de 2014.

Entre as promessas não cumpridas, o parlamentar citou a construção de Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) em todos os municípios com mais de 50 mil habitantes; a construção do Hospital Regional da Região Metropolitana e do Vale do Jaguaribe; a abertura de policlínicas na cidade de Fortaleza; prontuários médicos eletrônicos; a substituição de moradias de taipa por alvenaria e estágio remunerado para estudantes das universidades estaduais.

“Há uma série de promessas e o governador não cumpriu nenhuma. Portanto, ele vai se candidatar prometendo o quê se ele nem sequer cumpriu o que prometeu em 2014?”, questionou Heitor.

Ele lembrou que tais promessas podem ter garantido a eleição do governador que agora vai pedir outra vez o voto do cearense. “Ninguém é obrigado a prometer nada, mas é obrigado a cumprir aquilo que prometeu”, destacou Férrer.

Preto Zezé convida para o “Arraiá das Quadras”

Preto Zezé, que se afastou da CUFA para disputar mandato estadual pelo PCdoB.

Nesta quarta-feira, a partir das 19 horas, a Central Única de Favelas (Cufa) promoverá o “Arraiá das Quadras”, na rua General Potiguara com Avenida Virgílio Távora.

Além de quadrilhas juninas e barracas, haverá shows com Os Alfazemas e Rainhas da Farra.

Já a partir das 14 horas, a turma das Quadras promete fazer um esquenta para conferir o jogo do Brasil contra a Sérvia.

(Foto – O POVO)

Ceará nada Pacífico

992 1

Com o título “Ceará nada pacífico”, eis artigo de Marcelo Uchoa, advogado e professor universitário Ele critica a política de segurança do governador Camilo Santana (PT) que, na sua avaliação, prioriza a militarização. Confira:

Nessa semana, o jornalista Eliomar de Lima publicou, em sua coluna no O POVO e neste Blog, comentário do ex-secretário-adjunto da Secretaria de Segurança Pública no Estado, Laerte Macambira, afirmando estar preocupado com a expansão do Batalhão Raio no Estado. Segundo a matéria, “há queima de etapas, quando o fundamental seria investir pesado na área de Inteligência. Ele vê certo açodamento também na convocação maciça de policiais militares”. A reflexão procede.

No início de seu mandato, o governador Camilo Santana inaugurou o Ceará Pacífico, projeto inovador que se propunha, a partir da reunião de todos os poderes do Estado, entidades da sociedade civil, autoridades ligadas ao tema, etc., repensar a política de segurança pública no estado, acuado com os estratosféricos números de homicídios.

Passados quatro anos, o que se percebe é uma tendência tímida na diminuição do número de mortes (em 2017, foram 5.134, o maior da história; entre e janeiro e maio de 2018, já foram 1.996), a custa de uma contratação assustadora de policiais, cerca de 9 mil, segundo o governador. Apenas nesta semana, o governo adquiriu mais 466 viaturas para a segurança pública, dentre tantas outras adquiridas, até mesmo helicópteros.

Por outro lado, Atlas da Violência do IPEA mostra que Ceará ostenta o desonroso quarto lugar no número de mortes de policiais em atividade no país. Na outra ponta, também registra que o estado é um dos primeiros em número de pessoas assassinadas por policiais, (161 civis apenas em 2017), cerca de 50 pessoas por cada mil habitantes, um verdadeiro absurdo.

No último dia 18, na Av. Washington Soares, uma mulher foi covardemente assassinada pela polícia, após infundada perseguição policial. Em março anterior, um instrutor da Academia Estadual de Segurança Pública (AESP) conseguiu a proeza de balear uma aluna do curso de formação. Segundo o Mapa da Violência, o número de homicídios no Ceará quintuplicou nos últimos 20 anos; para o IPEA, duplicou nos últimos 10 anos, sendo que quase 60% são de jovens entre e 15 e 29 anos, um indiscutível genocídio da juventude, notadamente, pobre e negra.

Em resumo, salvo nos espaços isolados em que o válido Ceará Pacífico opera, a política de segurança pública do Ceará é um fracasso. Apenas incha a máquina de policiais, sem se preocupar adequadamente com a postura do policial. Inverte as diretrizes da polícia cidadã, aniquilando a guarda comunitária e apostando no Raio (polícia de ações intensivas e ostensivas), convive com uma Secretaria de Políticas sobre Drogas que, até hoje, não disse a que veio (sequer tem coragem de discutir, na contramão do mundo inteiro, sobre o tema da descriminalização das drogas), por fim, não bastasse vez por outra reprimir legítimas manifestações sociais, o próprio governador celebra a suposta vitoriosa militarização estadual posando com crianças no colo fantasiadas de policiais.

Trata-se de algo completamente adverso aos princípios de segurança pública conjecturados pelo Partido dos Trabalhadores. Muito bom que o partido chamasse a atenção de seu principal filiado estadual e cobrasse, enquanto é tempo, o direito de influenciar nas tomadas de decisões nessa área, que, por ora, só servem para alimentar a cultura da violência e do medo no estado. Está-se criando um monstro no Ceará.

*Marcelo Uchôa

Advogado e Professor de Direito/Unifor.

Avenida Raul Barbosa com interdições parciais até 11 de julho

A Secretaria da Infraestrutura do Governo do Ceará mand comunicado para o Blog informando:

A partir desta quinta-feira (28/06) e até o dia 11 de julho próximo, a avenida Raul Barbosa terá estreitamentos no trecho sob os viadutos ferroviários. Para executar a montagem de estruturas metálicas dos viadutos, será necessário interditar duas faixas, por sentido, no momento em que as máquinas estiverem no local.

Os bloqueios parciais poderão ocorrer durante o dia e à noite, de acordo com o cronograma da obra.

(Foto – Ilustrativa)

Seminário debate Plano Diretor de Mineração da Região Metropolitana de Fortaleza

Ricardo Cavalcante (Fiec), Carlos Rubens (Simagran), Marcelo Tavares (Sindicerâmica) e Abdias Veras (Sindibrita).

Acontece nesta quinta-feira, das 8 às 17 horas, na sede da Federação das Indústrias do Ceará (Fiec), o seminário Plano Diretor de Mineração da Região Metropolitana de Fortaleza (PDM-RMF). Promovido pela Agência Nacional de Mineração (ANM), a Fiec e os sindicatos ligados a mineração (Sindminerais, Simagran, Sindcerâmica, Sindbrita e Sindibebidas), em parceria com o Sebrae/CE, objetiva contribuir para a implantação de um Plano Diretor de Mineração na Região Metropolitana de Fortaleza, com a discussão e aprovação das diretrizes e proposições necessárias à implementação dessa estratégia, com a participação de representantes das prefeituras municipais, de órgãos federais e estaduais e do setor produtivo mineral.

O Plano Diretor de Mineração, segundo a assessoria de imprensa da Fiec, é uma “importante ferramenta de suporte” à decisão e gestão da atividade de exploração mineral. O Plano Diretor de Mineração anterior foi elaborado pelo DNPM em 1998, mas com o crescimento da Região Metropolitana de Fortaleza, aumentou o desafio de garantir a exploração racional dos recursos minerais, dadas suas relações com outras formas de uso e ocupação do solo e com a preservação e conservação ambiental, justificando, assim, a necessidade de atualização do mesmo.

O projeto técnico, primeira parte do trabalho, foi concluído em 2016 pela Superintendência da ANM no Ceará. É formado por um diagnóstico do setor mineral, contendo informações geológicas, econômicas, legais e ambientais, e uma proposta de zoneamento da atividade mineral, que servirá de base para as prefeituras municipais nortearem seus estudos para incluírem o zoneamento da mineração nos planos diretores municipais, visando garantir o suprimento futuro de bens minerais essenciais em uma região com acelerada expansão urbana. Também são propostas medidas que buscam fomentar o desenvolvimento da mineração sustentável, integrando a mineração nas ações de planejamento da RMF.

Ao final dos trabalhos deverá ser formado o Comitê Gestor do Plano Diretor de Mineração da Região Metropolitana de Fortaleza, colegiado formado pelos municípios da RMF e demais órgãos e entidades com o objetivo de proporcionar uma ação integrada, indicando a melhor gestão para os conflitos da mineração com os outros usos do solo.

(Foto – Fiec)

Camilo Santana a la Gustagol

De tanto jogar e fazer gols em areninhas que vem entregando na Capital e no Interior, haveria algum clube interessado no passe de Camilo Santana?

O homem, pelo menos nas filmagens, sempre posa de artilheiro. Já o prefeito Roberto Cláudio (PDT), seu colega de campo, até que tenta recuperar bons tempos em que atuava no colégio como jogador de futsal.

Mas, segundo seus assessores, ganhou alguns quilinhos nos últimos meses.

(Foto – Divulgação)

Receita Federal vai fechar 25 agências no País

A Receita Federal vai suspender as atividades de 25 agências em todo o País, a partir do dia 6 de julho próximo, segundo portaria publicada no Diário Oficial da União, nesta semana.

Ao todo, há 360 agências da autarquia no Brasil.

A medida, de acordo com a portaria, é reflexo do cancelamento de parte da verba orçamentária destinada à Secretaria da Receita Federal.

(Foto – Divulgação)