Blog do Eliomar

Categorias para Ceará

O gesto destrambelhado de Sergio Moro

Com o título “O gesto destrambelhado de Moro”, eis tópico da Coluna Política do O POVO desta quarta-feira, assinada pelo jornalista Érico Firmo. Confira:

Sérgio Moro não agiu com a postura que se espera de um magistrado ao divulgar o depoimento de Antonio Palocci (PT). Salvo explicação que ainda não apareceu, foi tentativa de interferir na eleição.

Vale lembrar episódio recente. Em agosto, Moro adiou depoimento de Lula, que estava marcado para 11 de setembro, com justificativa de “evitar a exploração eleitoral dos interrogatórios”.

Ora, se depoimento é processo criminal não pode ocorrer um mês antes da eleição, o que justifica divulgar depoimento dado em abril a uma semana do pleito?

O PT tem muito a explicar sobre Palocci. Ele era alguém de centro da cozinha. Nos dois ciclos de governos do partido, ele começou como ministro mais poderoso. Caiu com dois escândalos graves. Falta de sinais não foi. Mas, só agora o partido se diz surpreso pelo que ele diz.

As denúncias dele têm mais peso do que um depoimento comum. Mas, precisam ser provadas. E, de todo modo, não há o que explique a divulgação neste momento. Parece até que ficou guardado a espera da ocasião oportuna – ou inoportuna.

(Foto – Reprodução de TV)

Ciro diz que se for eleito não indicará para o STF quem tiver sido filiado a partido

Ministro do Supremo Tribunal Federal não pode ter sido filiado a partido político em algum momento de sua vida. O candidato do PDT a presidente, Ciro Gomes, promete seguir essa regra para indicar integrantes da corte se for eleito. E mais: quer que magistrados e integrantes do Ministério Público atuem com contenção, sem extrapolar suas funções. Foi o que ele deixou claro para o site Consultor Jurídico.

Ciro foi questionado sobre o perfil de ministro que indicaria para o STF em sabatina promovida em setembro pelos jornais O Globo e Valor Econômico e pela revista Época. O próximo presidente da República escolherá, pelo menos, dois ministros para o tribunal, porque Celso de Mello e Marco Aurélio completarão 75 anos durante o mandato, idade da aposentadoria compulsória.

“Reputação ilibada, notório saber jurídico, isso é sabedoria da nossa Constituição. E de novo: o Fernando Henrique Cardoso nomeia os cabos eleitorais dele, os simpatizantes dele, isso é a politiquinha de São Paulo; o PT se sente autorizado a fazer a mesma coisa. O que a gente tem que fazer é preservar o Supremo Tribunal Federal pra aquilo que a Constituição prevê. É preciso ter reputação ilibada, é preciso estar isento dessas futricas. Não pode em nenhuma circunstância ter sido filiado a partido. Não é ser [filiado a partido] na data [de indicação], é não ter sido filiado a partido, pois isso já deforma, porque é a suprema majestade da Justiça”, apontou Ciro, que é advogado e já foi professor de Direito Constitucional e de Direito Tributário da Universidade de Fortaleza.

Em seguida, o ministro da Fazenda de Itamar Franco e da Integração Nacional do governo Lula criticou a escolha do ministro Alexandre de Moraes pelo presidente Michel Temer. “Eu fico chocado como alguém nomeia o Alexandre de Moraes ministro do STF. O Alexandre de Moraes era secretário de Segurança do Alckmin ontem, ministro [da Justiça] do Temer, um governo corrupto.”

“E Dias Toffoli?”, perguntou a jornalista Miriam Leitão. “Também. Está errado. É a mesma coisa. Gilmar Mendes? Está errado. E olha que o Gilmar Mendes é uma figura extraordinária em termos de saber jurídico”, destacou Ciro.

Moraes era filiado ao PSDB quando foi indicado para o STF. Antes, foi do DEM. Ele foi secretário de Justiça e de Segurança Pública de São Paulo em governos do tucano Geraldo Alckmin, além de ministro da Justiça de Temer.

Toffoli foi filiado por quatro anos ao PT e deixou o partido seis anos antes de ser escolhido para o Supremo por Lula. O ministro foi advogado-geral da União e chefe do jurídico da Casa Civil nos governos Lula e advogou para o PT no Tribunal Superior Eleitoral nas campanhas de 1998, 2002 e 2006. Antes, foi assessor da liderança do PT na Câmara dos Deputados.

Gilmar, citado por Ciro na sabatina, nunca foi filiado a partido, mas cogitou concorrer ao Senado pelo PSDB nas eleições de 2002. Desistiu diante da indicação ao Supremo por Fernando Henrique Cardoso. No governo dele, Gilmar foi advogado-geral da União e subchefe para assuntos jurídicos da Casa Civil. O ministro ainda foi chefe da Assessoria Jurídica da Presidência da República durante o processo de impeachment de Fernando Collor.

De forma geral, Ciro não tem uma visão favorável da atuação do STF nos últimos tempos. Ao criticar o impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff em entrevista à rádio Jovem Pan em 2017, ele foi questionado como era possível dizer que o processo foi um “golpe”, se ele foi chancelado pelo Supremo.

Em resposta, o ex-ministro lembrou que, em 2 de abril de 1964, o então presidente do Senado, Auro Moura de Andrade, declarou que João Goulart havia abandonado a Presidência da República — mesmo com ele ainda estando no Brasil. Em seguida, continuou, o presidente da Câmara dos Deputados, Ranieri Mazzilli, assumiu o governo e convocou eleições indiretas, que foram vencidas pelo general Castello Branco. E isso tudo sem que o STF interviesse, destacou.

“Você acha que isso foi tudo legal? Não foi um golpe? Isso é a noite de 64. Supremo Tribunal Federal demandado, até hoje calado. E o Ruy Barbosa dizia, e contemporaneamente repito, é o poder que mais tem faltado à República”, avaliou Ciro.

O candidato não respondeu às perguntas da ConJur sobre suas propostas para o Judiciário, o Ministério Público, as polícias, a advocacia pública, a legislação penal e o sistema penitenciário.

(Foto – Reprodução de TV)

Ministro visitará Campus da UFC em Itapajé

Danilo e Custódio Almeida, vice-reitor da UFC, no DF com o ministro e assessores.

O ministro da Educação, Rossieli Soares, visitará o Ceará nesta quinta-feira. Na agenda dele, ida ao Campus Jardim Anita, da Universidade Federal do Ceará, em Itapajé. Ele desembarcará na capital cearense às 10 horas e será recepcionado pelo deputado federal Danilo Forte (PSDB).

Rossieli conhecerá as instalações do campus, que tem previsão de ser inaugurada no primeiro semestre de 2019 para receber alunos de toda a Região Norte. Voltada para a formação de professores da escola básica, oferecerá inicialmente cursos de licenciatura em Matemática, História, Geografia e Letras – Português. Outros cursos serão implantados de forma gradual.

DETALHE – O novo Campus da UFC contou com emendas do deputado federal Danilo Forte.

(Foto – Divulgação)

TCE multa dois ex-gestores municipais e pede ressarcimento de R$ 86 mil aos cofres públicos

Dois ex-gestores municipais foram condenados pela Primeira Câmara do Tribunal de Contas do Ceará a ressarcirem R$ 86 mil aos cofres públicos em decorrência da não comprovação do saldo financeiro no final de suas gestões. Foram eles: o secretário de Infraestrutura de Pindoretama no período de 1º de janeiro a 3 de junho de 2013 (R$ 59,4 mil); e a gestora do Fundo Municipal de Ação Social de Jardim no exercício de 2012 (R$ 26,5 mil). Os valores são nominais e, portanto, ainda serão atualizados monetariamente, informa a assessoria de imprensa do TCE.

A decisão do colegiado do TCE foi tomada na última segunda-feira (1º) no julgamento das respectivas prestações de contas de gestão, ambas relatadas pela conselheira Patrícia Saboya. Os responsáveis terão 30 dias para interpor recurso.

A turma deliberou ainda pela abertura de processos de representação junto ao Ministério Público Estadual para que sejam adotadas as medidas cabíveis diante da constatação, nos dois processos, de ausências de licitações, o que, em tese, representa ato de improbidade administrativa e crime previsto na Lei de Licitações.

Na prestação de contas da Secretaria de Infraestrutura de Pindoretama (processo nº 21704/13) foi constatada falta de licitação para despesas com locação de imóveis. Já no caso de Jardim (processo nº 10991/13) a despesa sem licitação foi para serviços de transportes diversos. Pelo conjunto das irregularidades, cada gestor foi multado em aproximadamente R$ 5,9 mil.

Fernando Haddad deve encerrar campanha com carreata no Ceará

799 19

O candidato do PT à presidência da República, Fernando Haddad (PT) ,deverá encerrar sua campanha eleitoral no Nordeste na próxima sexta (5). A informação foi repassada pela assessoria de campanha do candidato à Veja.

O PT estuda levá-lo para uma carreata na Região do Cariri, que, de acordo com avaliações do partido, concentra colégios eleitorais importantes.

A ideia é percorrer as cidades de Juazeiro do Norte, Barbalha e Crato. Juntas, as três cidades concentram 300 mil habitantes.

MPF quer anular decisão que negou tombamento do Clube Náutico

O Ministério Público Federal do Ceará quer anular os efeitos da decisão do Conselho Estadual de Preservação do Patrimônio Cultural (Coepa) de não realizar o tombamento do Clube Náutico Atlético Cearense, situado no bairro Meireles, em Fortaleza. O MPF entrou com ação na Justiça Federal por meio do procurador da República Oscar Costa Filho, informa a assessoria de imprensa do órgão.

Na ação, em que consta também pedido de concessão de liminar, o procurador requer a determinação de vedação de qualquer empreendimento imobiliário na área objeto do litígio até o julgamento de mérito.

Durante reunião extraordinária ocorrida no dia 17 de janeiro, o MPF apresentou questão prejudicial de mérito que deixou de ser apreciada pelos demais membros do conselho. Representante da instituição no Coepa, o procurador da República Oscar Costa Filho argumentou que existia um processo judicial sobre a extensão do tombamento (parcial ou total) do Náutico pelo Município de Fortaleza, o que tinha repercussão sobre o mérito da causa em análise.

Costa Filho explica que, legalmente, a rejeição ou acolhimento da questão prejudicial deveria ter sido apreciada por todo o Coepa, por meio de votação, além de registrada em ata. O secretária da Cultura, na condição de presidente da sessão, não tomou a providência reclamada de submeter a controvérsia apresentada pelo MPF para deliberação expressa de todo o colegiado. “A motivação dos atos do poder público é indispensável para a validade do ato. Nesse caso, houve uma expressa falta de motivação da decisão do Coepa”, argumenta o procurador.

“A não-apreciação da questão prejudicial de mérito incorreu em vício administrativo, o que nulifica, portanto, a deliberação tomada”, defende Costa Filho. “Toda prejudicial de mérito deve ser objeto de deliberação antes que se julgue o próprio mérito, o que não foi feito”, esclarece o procurador. Em agosto, em ofício enviado ao Secretário da Cultura do Ceará, Fabiano dos Santos Piúba, o Ministério Público Federal pediu que fosse tornada nula a deliberação pelo não tombamento, mas a secretaria se negou a atender a requisição do MPF.

(Foto – Arquivo)

Águas do São Francisco já podem chegar ao Ceará ainda neste mês de outubro

Da Coluna do Eliomar de Lima, no O POVO desta quarta-feira:

As águas do rio São Francisco já poderão ser recebidas pelo Cinturão das Águas até o fim deste mês de outubro e não mais em dezembro, como antes estava previsto pela Secretaria dos Recursos Hídricos do Estado.

É o que informa o secretário-adjunto da pasta, Ramon Rodrigues, adiantando que o Lote 1 do projeto (Jati-Missão Velha, na Região do Cariri) está com obras sendo finalizadas. Em condições, portanto, de receber o leito abençoado e sonhado pelo cearense.

No conjunto do empreendimento, que envolve ao todo cinco trechos, Ramon revela que o Lote 2 está com obras aceleradas e contando com mais de mil operários. O Lote 3 (Barbalha-Crato) já começou, com o aporte de dinheiro vindo de Brasília, e o Lote 5, das obras dos túneis está praticamente concluído. O Lote 2 deverá ser terminado até dezembro. O Lote 4 (Crato até o rio Cariús, em Nova Olinda) será o último e só começará em janeiro de 2019, já sob os auspícios de um novo presidente da República empossado.

O fundamental, destaca Ramon, é que as águas poderão ser recebidas ainda em outubro. Coincide, por sinal, com o mês dedicado a São Francisco. Que a notícia seja o milagre esperado pelo sertanejo nestes tempos de estio.

(Foto – Arquivo)

PM que trabalhava no Ceará é assassinado em Mossoró

O policial militar Raimundo da Silva Neto (37) foi assassinado a tiros, nessa noite de terça-feira, na BR-204, altura da cidade de Mossoró (RN). Ele residia nessa cidade potiguar, mas trabalhava como PM no Ceará desde o começo deste ano, mais precisamente no município de Eusébio (RMF). O caso está sendo investigado pela Polícia Civil do Rio Grande do Norte.

O corpo e a motocicleta da vítima foram encontrados perto do canteiro central da BR-204, após o trevo que dá acesso à cidade de Governador Dix-Sept Rosado, adiantaram policiais e peritos que estiveram no local. O celular, documentos, dinheiro e a arma do PM não foram levados.

Ainda não se sabe o motivo nem quem teria feito a execução de Raimundo da Silva Neto que, segundo familiares, viria para o Ceará nesta manhã de quarta-feira trabalhar.

General botou “moral” e chamou Hélio Góis de “lunático” no debate da Verdes Mares

Para quem esperou o confronto entre o General Theophilo (PSDB) e o governador Camilo Santana (PT), no debate da noite dessa terça-feira (2), entre os candidatos ao Governo do Estado, no debate da Verdes Mares, ficou surpreso no momento mais tenso entre o candidato tucano e Hélio Gois (PSL).

Ao ser questionado pelo candidato do mesmo partido de Jair Bolsonaro como “militar de raiz” – que não deveria tender para a esquerda e ficar contra o desarmamento, o General reagiu como um oficial do Exército Brasileiro.

“Vem um garoto desse discutir comigo um assunto que não sabe, não entende. Tome vergonha!”, reagiu General Theophilo, expondo sua trajetória no Exército e até chamando Góis de “lunático”.

Já Camilo Santana foi mais provocado no apoio ao senador Eunício Oliveira, do MDB, mesmo partido do presidente Michel Temer. Camilo alegou que procurou a todos que pudesse, ajudar o Ceará.

O debate foi intermediado pelo jornalista Luiz Esteves e contou ainda com a participação do candidato do Psol, Aíltol Lopes.

*Mais sobre o debate leia no O POVO aqui.

(Foto – Reprodução)

Centro Cultural do BNB será palco do Festival internacional de Teatro Infantil do Ceará

O VIII Festival Internacional de Teatro Infantil do Ceará (TIC) vai ocupar o palco do Centro Cultural Banco do Nordeste Fortaleza nos dois primeiros sábados deste mês de outubro, dias 6 e 13. A programação especial voltada para o público infantil tem como tema “Arte que ocupa” e inclui sessões de cinema, com a mostra ComKids, oficinas e espetáculos, informa a assessoria de imprensa do BNB.

No dia 6, a programação começa às 15 horas com a exibição de filmes e às 16 horas começa o espetáculo “Ester”, a boneca manipulada pela mão da atriz pernambucana Odília Nunes. Em uma caixa-teatro-realejo, ela planta flores. Mas Ester não se contém à caixinha, ela deseja trocar afagos e olhares. Sem precisar das palavras, ela emociona as pessoas com seus pequenos gestos, seu olhar e seu carinho.

Na semana seguinte, a mostra de filmes tem início às 15 horas e às 16 horas é a vez do espetáculo “O Farol”, com a companhia Studio Sereia, de Brasília. O enredo trata das aventuras de uma menina que brinca com a música e inventa sua própria história. A peça é recomendada para bebês a partir de seis meses a crianças até quatro anos. Às 17 horas, o espetáculo Inka Clown, com o também brasiliense Circo Rebote, narra a trama de um palhaço, direto das mais altas terras da América, que guarda em sua maleta uma porção de surpresas acompanhadas de acrobacia, equilibrismo e truques.

SERVIÇO

*A programação completa do evento está no site www.festivaltic.com.br.

(Foto – Arquivo CCBNB)

Beach Park dá desconto nos ingressos neste Mês da Criança

Até o dia 30 deste mês de outubro, os ingressos de acesso ao Complexo Turístico Beach Park, em Aquiraz (Região Metropolitana de Fortaleza), terão valor promocional. A ação de marketing faz parte das comemorações do Mês das Crianças, informa a assessoria de imprensa do parque aquático.

Neste período, o cliente comprará os ingressos que custam R$ 225 (adulto) e R$ 215 (criança) pelos valores de R$ 160 (adulto) e R$ 150 (criança). A promoção é válida para ingressos comprados até o dia 30 de outubro nos quiosques do Beach Park (presentes no Iguatemi, Beira Mar, Aeroporto e Beach Point) ou na bilheteria do parque. A validade do passe vai até o dia 31 de dezembro.

Doação

Outro detalhe da promoção: inclui a doação de 1 kg de alimento não perecível ou brinquedo, novo ou usado em bom estado. As doações serão repassadas para o Iprede, a Tapera das Artes e Casa do Menor. As doações devem ser entregues na entrada do Beach Park.

Outro detalhe a mais: a promoção é exclusiva para residentes do Ceará, no que será preciso apresentar um documento de identidade com foto e um comprovante de residência na compra e no acesso ao parque.

(Foto – Divulgação)

Justiça condena Unimed Fortaleza a indenizar paciente que teve procedimento negado

425 1

A Unimed de Fortaleza Cooperativa de Trabalho Médico foi condenada a pagar indenização por danos morais no valor de R$ 15 mil para dona de casa que teve procedimento negado indevidamente. A decisão é da juíza Ana Raquel Colares dos Santos, titular da 26ª Vara Cível da Comarca de Fortaleza. A informação é da assessoria de imprensa do Tribunal de Justiça do Ceará.

Consta nos autos (0197775-56.2015.8.06.0001) que a dona de casa sentiu fortes dores no peito e foi levada à emergência do Hospital São Mateus, em Fortaleza, sendo internada com urgência em Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Após realização de exames, foi constatado que a paciente necessitava de um cardiodesfibrilador implantável. Ocorre que, mesmo depois da solicitação médica, a Unimed negou a disponibilização do aparelho e o procedimento para implantá-lo.

Diante da negativa, ela ingressou com ação na Justiça no dia 8 de outubro de 2015, com pedido de tutela antecipada, para que o plano realizasse o procedimento conforme solicitação médica, além de indenização por danos morais. A tutela pretendida foi concedida no dia 9 de outubro de 2015.

Na contestação, a operadora de saúde sustentou que não negou o tratamento por livre iniciativa, mas por seguir os termos contratuais e a legislação aplicável, informando ainda que cumpriu a liminar deferida integralmente. Defendeu que o contrato firmado não prevê prestação de serviços de forma irrestrita, excluindo serviços não disponíveis na área geográfica, bem como os não previstos no rol de procedimentos da Agência Nacional de Saúde Suplementar, sendo lícito estabelecer limitações.

Ao analisar o caso, a magistrada afirmou que “no contrato entabulado não se verifica cláusula que exclua expressamente o tratamento postulado, com o que o inadimplemento contratual não tem razão de ser, como também não se afigura lícito à demandada avocar-se no direito de determinar qual seria a terapêutica mais adequada ao caso concreto, contrapondo-se frontalmente ao parecer do especialista, porquanto carecedora de competência técnica e autorização contratual para tanto”.

Também considerou que, “não há que se falar, no caso, em mero descumprimento contratual, uma vez que a omissão por parte do plano de saúde, sem dúvida, vulnerou à honra e dignidade da autora, pois a negativa de cobertura contratual e os diversos embaraços apontados pelo plano para a realização do procedimento, geraram angústia e sofrimento àquela, em momento de evidente vulnerabilidade, quando poderia vir a falecer a qualquer momento, conforme se pode constatar da documentação que instrui a inicial”. A decisão foi publicada no Diário da Justiça último dia 28.

A manifestação da esperança pelo voto no Interior do Ceará

Com o título “A manifestação da esperança pelo voto no Interior do Ceará” eis artigo de Wagner Mendes, jornalista do O POVO. Ele percorreu o Interior – quatro distritos, e percebeu que, nesses rincões o voto não é conduzido pela intolerância, mas por eleitores que acreditam em mudança. A intolerância fica para as redes sociais. Confira:

O voto é uma manifestação particular, mas, sobretudo, tem que ser um instrumento de esperança. No interior do Ceará, o eleitor do sertão seco, e de poucas oportunidades, é movido pelo sonho de um futuro melhor. O povo pobre, e com pouca escolaridade, é tão politizado quanto o doutor que nasceu e viveu no “bem-bom” da cidade grande.

Percorrendo distritos isolados dos municípios de Potiretama e Jaguaruana, na semana passada, este repórter pode perceber que as escolhas de cada eleitor para a sucessão presidencial são movidas por uma decisão pragmática e desapaixonada. Muito se engana quem acredita que os menos abastados financeiramente e intelectualmente não sabem votar. É aí que o preconceito e desconhecimento de Brasil reinam.

O homem do campo escolhe o seu representante na expectativa de dias melhores, assim como qualquer outro brasileiro de qualquer outra região do País. A expectativa é por apostar que a vida vai melhorar mesmo sem tantas garantias de que a bonança chegue. O empresário sabe qual o representante pode trazer melhorias para a expansão dos negócios que pode gerar oportunidades. É ele quem sabe as dificuldades que a categoria passa no Brasil. Cada um sabe as próprias dificuldades.

O voto é manifestação intrínseca, mas também é comunitária. O voto é solidariedade. Na vida do campo o agricultor quer seguir o próprio rumo, ele quer ser ensinado a pescar, e não ganhar o pão prontinho para comer como muitos insistem em acreditar.

Em todas as entrevistas que fizemos na reportagem publicada na edição de ontem deste jornal sobre a eleição no interior do Ceará, na rotina de eleitores que não têm acesso às redes sociais, os votantes sabiam justificar de forma muito bem fundamentada quais as razões do desalento, e das preferências políticas.

Esperançoso que é, o agricultor tem na eleição uma nova oportunidade de dias melhores. Longe do ódio que reina nas grandes cidades e nas redes sociais, os eleitores que vivem longe desse campo de guerra não estão dispostos a se estapear a criar intrigas com os seus por causa de candidatos em épocas eleitorais.

Para eles, a urna eletrônica é depósito de esperança de que no futuro próximo a vida pode melhorar. A rixa política pequena não é pauta para quem se preocupa em garantir o mínimo de cidadania em terras costumeiramente esquecidas por quem mais deveria olhar e cuidar.

*Wagner Mendes

wagnermendes@opovo.com.br

Jornalista do O POVO.

Coisa Rara – Candidato faz programa eleitoral exclusivamente sobre… Cultura

Chamou a atenção de formadores de opinião e artistas um fato na propaganda eleitoral gratuita do governador Camilo Santana (PT), que disputa a reeleição.

Ele fez um programa exclusivamente sobre ações na área da Cultura, tema, por sinal, sem colocado em último plano nas gestões espalhadas por este País.

Aliás, quem coordena a área da Cultura da campanha de Camilo é o seu irmão, o fotografo internacional Tiago Santana.

Confira:

Casablanca promove evento para debater inovações no turismo

Um evento para debater o que há de mais moderno em viagens corporativas incentivando e impulsionando este segmento do turismo. Eis o objetivo da Casablanca Turismo que, nesta quinta-feira, 4, realizará o Road Show Inovações em Viagens. A empresa reunirá cerca de 100 clientes das maiores empresas do Ceará, das 8 às 13 horas, no Hotel Gran Marquise.

Na ocasião, será apresentado também o sistema IGestor 2.0, uma nova versão da plataforma lançada anteriormente no mercado, que permite gerenciamento e redução de custos com viagens corporativas e que pode melhorar a performance das empresas nessa área. Em tempo real, ela mostra os dados mais importantes sobre as viagens oferecendo informações que ampliam o poder de análise dos executivos nas empresas. A principal novidade da plataforma é a possibilidade de analisar o viajante e assim ter maior gerenciamento sobre as viagens das empresas.

A programação contará também com duas palestras: uma com Luana Nogueira, atual gestora da ATG Brazil, franqueada global da Casablanca Turismo no Brasil, sobre tendências de mercado, inovações e parceria global, e outra com Fernão Loureiro, ex-presidente da GBTA Brasil e conselheiro da Hospitality Sales & Marketing Association International. Ele está entre os 75 Profissionais de Turismo Mais Influentes do Brasil pelo Panrotas e vai expor sobre riscos e oportunidades em viagens corporativas.

DETALHE – O Road Show conta com apoio e participação da Air-france,KLM, Gol, Avianca, Bradesco, Argo Solutions, Afinitty Seguros, Hotel Gran Marquise e Movida Rent a car.

Fortaleza vira a capital da ortopedia e traumatologia

Fortaleza será sede, a partir desta quinta-feira, do XXII Congresso de Ortopedia e Traumatologia do Estado do Ceará, o COTECE. Além desse encontro, que se estenderá até sábado, haverá paralelamente a I Jornadas Norte e Nordeste da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia (SBOT/CE), e a Jornada Internacional de Cirurgia do Quadril.

Renomados especialistas nacionais de diversas parte do País (SP, AL, DF, PR, RN, RS e PI) confirmaram presença. Entre os destaques, Fábio Krebs, presidente da Sociedade Brasileira de Artroscopia e Traumatologia do Esporte (SBRATE).

SERVIÇO

*Inscrições abertas pelo site www.sbot-ce.com.br/cotece.

(Foto – Ilustrativa)

UFC é a 12º melhor universidade do País

A USP foi considerada a melhor universidade do Brasil, segundo o Ranking Universitário Folha (RUF), publicado nessa segunda-feira (1º) pelo jornal Folha de S. Paulo. Em sua sétima edição, o RUF avaliou 196 universidades brasileiras, públicas e privadas. A Universidade Federal do Ceará aparece em 12º lugar no País.

O segundo lugar ficou com a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e a terceira colocação, com a Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). A Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) ficou em quarto lugar e a Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (Unesp), em oitavo.

Além do ranking geral de universidades, também foi divulgada a classificação dos melhores cursos de Graduação do país. Nesse quesito, a USP está na primeira colocação em 23 das 40 áreas de graduação consideradas. Em outras nove áreas, a USP ficou em segundo lugar.

Criado em 2012, o RUF avalia cerca de 200 universidades brasileiras, públicas e privadas, a partir de cinco indicadores: pesquisa acadêmica (42%), qualidade de ensino (32%), avaliação do mercado de trabalho (18%), internacionalização (4%) e inovação (4%). Desses cinco indicadores, a USP lidera em dois – Pesquisa e Mercado. Na soma geral de todos os critérios, a Universidade obteve 97,52 dos 100 pontos possíveis.

Nas quatro primeiras edições do ranking, a USP foi classificada na primeira posição, mas nos anos de 2016 e 2017, a Universidade perdeu a liderança para a UFRJ.

Neste ano, o ranking passou por uma reformulação. Agora, o valor dado à nota do Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade) na fórmula foi dobrado, e como a USP não participa institucionalmente desse exame, passou a ser atribuída à Universidade uma nota média relativa ao teste, com base no desempenho de instituições semelhantes a ela em termos de tamanho e de natureza administrativa. Esse recurso estatístico é utilizado por rankings universitários mundiais consolidados, como o Times Higher Education (THE), para casos de ausência de dados das instituições.

Outra mudança é que o indicador de inovação, passa a contabilizar, além das patentes solicitadas pelas instituições de ensino, a quantidade de estudos acadêmicos publicados pelas universidades em parceria com o setor produtivo. A nova metodologia também amplia de 2 para 5 anos o período considerado para coleta de dados relativos à produção científica.

Roberto Cláudio pede votos no Interior para seu ex-secretário

364 1

Queirós Filho é nome lembrado até para a sucessão na Prefeitura.

Além de trabalhar pelo candidato a presidente da República, Ciro Gomes (PDT), o prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, andou aproveitando os fins de semana para circular no Interior.

Mais precisamente em suas antigas bases do tempo em que era deputado estadual. Pediu votos para Queirós Filho, seu ex-secretário, que disputa vaga na Assembleia Legislativa pelo PDT.

(Foto – Balada In)

TRE do Ceará adere ao Outubro Rosa

No dia do voto, o 7 de outubro próximo, na Escola de Ensino Profissionalizante Maria Ângela da Silveira Borges, na Seção 385, haverá uma atividade em alusão ao Outubro Rosa, a campanha de prevenção ao câncer de mama. Ocorrerá das 8 às 17 horas.

A sala, segundo a assessoria de imprensa do TRE, estará ornamentada nos tons de rosa, com toalhas, balões, banner e material informativo para os eleitores. As quatro mesárias vestirão blusas nos tons de rosa. A auxiliar responsável pela seção, Emília Lima, é enfermeira e irá tirar duvidas.

No início da votação a juíza eleitoral, Valência Aquino, e o chefe de cartório, Valdir Linhares, estarão presentes.

SERVIÇO

*Escola de Ensino Profissionalizante Maria Ângela da Silveira Borges – Rua Pintor Antônio Bandeira s/n, Vicente Pizzon.
(Próximo a Avenida Dioguinho).