Blog do Eliomar

Categorias para Ceará

Morro de Santa Terezinha é tema de exposição

A fotógrafa cearense Fernanda Oliveira permanece em cartaz com a exposição “Santa Terezinha: o morro de uma cidade”, até domingo próximo, na praça de eventos do Shopping Aldeota (piso L1), em Fortaleza. Com 25 fotos coloridas e em preto e branco e outras duas em grande formato fixadas entre os dois primeiros andares do Shopping, a mostra dá uma prévia do livro fotodocumentário, lançado pela publicitária em agosto.

O morro de Santa Terezinha é o ponto mais alto de Fortaleza, que por várias vezes foi bastante visitado pelos turistas e até pelos próprios cidadãos. Ele abriga o mirante da cidade e muitas histórias. Fernando registrou um pouco disso em sua lente. Tudo num fotodocumentário que virou um livro de 53 fotografias, dispostas em 100 páginas e que está sendo publicado pela editora Tempo D’imagem. 

Ela diz que foram cinco anos de trabalho, mas que valeu a pena. Fernanda já ganhou prêmios mesmo antes do lançamento: Prêmio de Incentivo às Artes da Secretaria da Cultura do Ceará 2007, Edital das Artes da Fundação da Cultura, Esporte e Turismo de Fortaleza 2006 e Festfotopoa 2009 – Festival Internacional de Porto Alegre, além de ter sido indicado para a Fotografia Contemporânea Brasileira 2010.

Sincojust: há comarcas com mais servidores de prefeituras do que pessoal do Judiciário

O Sindicato dos Oficiais de Justiça do Estado quer a presidência do Tribunal de Justiça adotando providências sobre deslizes registrados em convênios firmados com prefeituras. Segundo a entidade, em várias comarcas, há mais servidores municipais do que servidor do Judiciário, o que não comungaria com o princípio da independência entre poderes. Confira:

O SINDICATO DOS OFICIAIS DE JUSTIÇA DO ESTADO DO CEARÁ – SINCOJUST, neste ato representado por seu presidente que esta subscreve, vem REPRESENTAR para que se instaure PROCEDIMENTO DE CONTROLE ADMINISTRATIVO em face do TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO CEARÁ, consoante o que passa a expor:

1. DA FALTA DE INDEPENDÊNCIA DO JUDICIÁRIO – PROMISCUIDADE COM SERVIDORES MUNICIPAIS

A Constituição do país é rasgada e tripudiada pelo Presidente do Tribunal de Justiça no Ceará.
A Carta da República apregoa independência administrativa e financeira dos Tribunais de Justiça. Isso pressupõe que seja privativo do Tribunal definir e organizar seus serviços auxiliares. Neste sentido vejamos o que dispõe o Art. 96, I da CF/88:
Art. 96. Compete PRIVATIVAMENTE:
I – aos tribunais:
(…)
b) organizar suas secretarias e serviços auxiliares e os dos juízos que lhes forem vinculados, velando pelo exercício da atividade correicional respectiva;
(…)
d) propor a criação de novas varas judiciárias;
e) prover, por concurso público de provas, ou de provas e títulos, obedecido o disposto no art. 169, parágrafo único, os cargos necessários à administração da justiça, exceto os de confiança assim definidos em lei;

Com efeito, NÃO se concebe um ambiente isento e de independência para um juiz se ele não tiver os serviços auxiliares, servidores qualificados e efetivos do quadro do Tribunal a que for vinculado. Entretanto, no interior do Estado do Ceará, os juízes além de NÃO disporem de servidores efetivos, são reféns dos prefeitos municipais.
Há imensa promiscuidade entre servidores municipais, de livre nomeação e exoneração pelo chefe do executivo local, e o Judiciário nas Comarcas de interior. Para que se tenha a idéia do quadro caótico e inaceitável de todas as comarcas do Ceará, citemos apenas alguns exemplos:

1)Alto Santo – 01 servidor do TJ. 07 servidores do prefeito.
2)Aquiraz – 10 servidores do TJ. 12 servidores do prefeito.
3)Baixio – 02 servidores do TJ. 05 servidores do prefeito.
4)Beberibe – 06 servidores do TJ. 10 servidores do prefeito.
5)Boa viagem – 03 servidores do TJ. 09 servidores do prefeito.
6)Canindé – 09 servidores do TJ. 39 servidores do prefeito.
7)Caucaia – 15 servidores do TJ. 44 servidores do prefeito.
8)Chorozinho – 02 servidores do TJ. 05 servidores do prefeito.
9)Fortim – 02 servidores do TJ. 07 servidores do prefeito.
10) Icapuí – 03 servidores do TJ. 11 servidores do prefeito.
11) Itapipoca – 18 servidores do TJ. 27 servidores do prefeito.
12) Mombaça – 03 servidores do TJ. 15 servidores do prefeito.
13) Pacajus – 10 servidores do TJ. 18 servidores do prefeito.

São estes apenas alguns exemplos que demonstram como a administração do Tribunal de Justiça do Ceará perdeu, há muito, sua “privativa” competência de controlar e dispor sobre os serviços auxiliares dos juízos que lhes são vinculados. Que autonomia, que independência têm os juízes do interior do Estado do Ceará?
Correm o risco de, proferindo decisão que desagrade o prefeito do município, vejam seus fóruns esvaziados e tenham que ajudar no atendimento à comunidade no balcão.
Ficam a mercê também de interferências prováveis e indevidas dos prefeitos no ritmo da tramitação dos processos, sempre prestigiando os interesses do prefeito e de seus apaniguados.”

VAMOS NÓS – Esperamos que a cúpula do Tribunal de Justiça avalie essa situação exposta pelo Sincojust. Cremos ser algo antigo, mas que precisa ser corrigido pelo Poder.

Prefeitura de Caucaia quer R$ 35 milhões para conter avanço do mar no Icaraí

pauloguerra

O vice-prefeito de Caucaia, Paulo Guerra (PDT), encontra-se em Brasília. Ali, mantém contatos no Ministério da Integração Nacional onde trata sobre a liberação de R$ 35 milhões para o projeto de recuperação do litoral desse município da Região Metropolitana de Fortaleza.

Guerra grantiu que a obra de conteção vai sair do papel por ser fundamental para a preservação de um litoral importante para a política de turismo do Ceará.

Ele explicou que o projeto de contenção constitui-se num muro, com escadarias e tipo calçadão, a ser construido da praia do Pacheco até a praia do Icaraí, hoje castigado pelo avanço do mar. 

(Foto – Paulo Moska)

Assembleia Legislativa debaterá carência de professores nas universidades estaduais

A Assembleia Legislativa realizará, nesta quarta-feira, a partir das 14h30min, audiência pública para debater a carência de professores nas universidades estaduais. A iniciativa do encontro, que ocorrerá na sala das comissões técnicas da Casa, é do deputado petista Artur Bruno.

Autoridades da Secretaria da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior foram convidados, bem como representantes dos docentes.

Um outro assunto dessa audiência pública, segundo Artur Burno, é a questão da segurança nos campi.

Corredores Digitais chegam a Aracati

A Secretaria da Ciência, Tecnologia e Educação Superior do Estado (Secitece) e o Sebrae darão início nesta terça-feira, a implantação do projeto Corredores Digitais em Aracati (Litoral Leste). A solenidade, que marca a primeira fase do projeto, terá início às 14 horas, no CVTec do município.

O secretário René Barreira, o superitendente do Sebrae/CE, Carlos Cruz, o presidente do Centec, Samuel Brasileiro, o coordenador de Inclusão Digital da Secitece, Raimir Holanda, e o coordenador do Corredores Digitais, Marcos Costa, participarão do ato. O prefeito de Aracati, Expedito Ferreira, também estará no evento.

Leia mais…

Setur anuncia pacote de obras

bistur

O secretário estadual do Turismo, Bismarck Maia, deu entrevista coletiva nesta segunda-feira e anunciou um pacote de investimwentos no valor de  cerca de R$ 62 milhões. São obras de restauração do patrimônio histórico, recuperação e construção de rodovias, iluminação de praias, obras de saneamento básico, e a construção de portais indicativos na entrada de municípios. A verba é do Governo do Estado, Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), Prodetur Nacional e Prodetur Nordeste.

Confira o pacote: 

* Portais do Ceará (R$ 2.501.093,30) – que ficarão localizados nos corredores de entrada dos municípios com temas referentes a cada região. Ao todo, 26 Portais, em todas as regiões do Estado.

* Iluminação das Praias (R$ 1.293.598,97) – Nas praias de Cumbuco (Caucaia), Paracuru, Flexeiras e Mundaú (Trairi), Iguape (Aquiraz), Majorlândia (Aracati) e Ponta Grossa ou Redonda (Icapuí). A ordem de serviço já foi dada. Ao todo, serão construídos 59 estruturas iluminantes na orla dos centros urbanos, barracas pousadas, hotéis e resorts.

* Alargamento da CE-453 (R$ 4.873.049,31) – Obras de restauração e alargamento da rodovia, no trecho de 9,2 km, entre o viaduto da CE-040 e a praia do Iguape. A obra já foi licitada.

* Novo acesso ao Cumbuco (R$ 10.371.577,80) – Três novos acessos, ligando o Cumbuco à CE-085 (estruturante). Os trechos, que somados têm 9 km de extensão, serão construídos entre a CE-085 e Tabuba, CE-085 e Lagoa do Banana, e CE-085 e Cauípe. Já foi dada a ordem de serviço para a realização das obras.

* Saneamento Cumbuco (R$ 40.356.223,32) – Saneamento básico da praia do Cumbuco. O projeto já foi enviado para licitação.

* Seminário da Prainha (R$ 1.230.000,00) – Restauro do conjunto arquitetônico formado pela Igreja Nossa Senhora da Conceição e o Seminário da Prainha, em Fortaleza. Já foi dada a ordem de serviço para a recuperação do conjunto de edificações históricas.

* Museu Sacro de Aquiraz (R$ 770.000,00) – A prioridade é a manutenção das características externas e recuperação das características originais da antiga Casa de Câmara e Cadeia. Com o restauro, o edifício ficará dotado de espaços para recepção, exposições, acervo e administração. A ordem de serviço para restauração já foi dada.

(Foto – Divulgação)

Secretário de Cidades e Presidente da Funasa em debate no Crato

O secretário estadual de Cidades, Joaquim Cartaxo, está participando, nesta manhã de segunda-feira, na cidade do Crato (Região do Cariri), de encontro da Frente Municipalista do Sul do Ceará. Ali, ele dá palestra sobre o tema “Subsidios Estaduais para Habitação – Resolução 460”.

Com ele, o presidente da Funasa, Danilo Forte, que falará em seguida sobre “Política de Saneamento Básico Municipal das Bacias Receptoras da Transposição do Rio São Francisco”.

DETALHE – Danilo Forte já posa de candidato a deputado federal. Joaquim Cartaxo não pensa em mandato.

Hospital da Unimed comemora 10 anos

O Hospital Regional da Unimed está comemorando 10 anos. Para marcar a data, a Assembleia Legislativa realizará sessão solene nesta quarta-feira, a partir das 18 horas, no plenário 13 de Maio.

A iniciativa é do deputado Hermínio Resende. Esse hospital integra o Grupo Unimed Fortaleza, que tem na presidência o médico Mairton Lucena.

Coleção Edições Religiosas resgata Dom José Tupinambá

aderbalbezer

Do jornalista e radialista Aderbal Bezerra, uma das figuras mais queridas da mídia local, recebemos a seguinte nota:

Meu caro Eliomar,

O CD em homenagem a Dom José Tupinambá da Frota, o primeiro da série Edições Religiosas, que lançamos em outubro do ano passado, por ocasião das comemoraçôes dos 40 anos da Universidade Vale do Acaraú (UVA), estará à disposição dos interessados dia 11 próximo, às 15 horas, na Assembleia Legislativa.

Nessa ocasião, essa Casa legislativa estará lembrando os 50 anos da morte de Dom José, que foi bispo de Sobral e um das maiores personalidades deste Estado.

É uma obra inédita que apresenta a biografia do querido Bispo Conde, além de músicas históricas.

Aderbal Bezerra.

DETALHE – O CD tem a narração de Aderbal.

Limoeiro do Norte será sede de festival internacional de trovadores

O município de Limoeiro do Norte (Vale do Jaguaribe) será palco, no período de 24 a 27 deste mês, V Festival Inernacional de Trovadores e Trepentisrtas. O evento reunirá mais de 50 artistas do Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Piauí e até de Cuba e da Itália, segundo a Secretaria da Cultura do Ceará.

O festival contará com poetas, repentistas, emboladores e aboiadores, apresentando toda a riqueza da cultura oral, em seus diversos gêneros da poética popular.

Porto das Dunas – uma praia sem lei

Da leitora Samara Teixeira, recebemos a seguinte nota:

Caro Eliomar,
 
Gostaria de registrar em seu blog a falta de fiscalização, por parte do Detran, durante o feriado de 7 de setembro. Novamente a praia do Porto das Dunas (Aquiraz) se transformou em uma avenidade com intenso tráfego de veículos, desrespeitando os banhistas.

Vi que o jornal de hoje traz a matéria “Área de dunas vira  local de uso de quadriciclos”, mas como frequentadora daquela praia asseguro que ainda corremos muitos riscos e que muitas irregularidades ainda são praticadas por jovens menores de 18 anos que arriscam a própria vida. Além disso, o movimento de carros 4×4 e de buggys nunca dimiuiu.

Fica aqui o desabafo e a crença de que o problema só se resolverá com a insistência de todos os que frequentam aquela praia.
 
Abraços,

Samara Teixeira

Grupo Chocalho comemora 25 anos

auribertcavalcant

Os 25 anos de atividades do Grupo Chocalho, que reúne poetas e escritores de Fortaleza, vão ser comemorados nesta terça-feira, a partir das 14h30min, com sessão especial na Assembleia Legislativa.

A homenagem é uma iniciativa dos deputados Artur Bruno (PT) e Heitor Férrer (PDT).

Presidido pelo professor Auriberto Cavalcante, o grupo já estuda uma nova investida: criar uma cooperativa para ajudar escritores a publicar e vender seus livros, o que seria o embrião do futuro sindicato dos escritores do Ceará.

Filhos da Pátria na Beira Mar

filhomacha

Na Parada Militar da avenida Beira Mar, em Fortaleza, nesta segunda-feira, demonstrar amor à patria foi algo que não se mediu pela idade. Entre tantos militares e sete mil estudantes, uma criança marchou à vontade e com passos firmes de quem aprende aos poucos que valores como patriotismo não sucumbiram diante de cenários de escândalos que persistem em Brasília.

Muitos foram à Parada e aplaudiram soldados e estudantes que proporcionaram um belo espetáculo.

(Foto – Carlos Barata)

Ministro da Agricultura deve abrir Frutal 2009

O ministro da Agricultura, Reinhold Stéphanes, está agendado para abrir a Frutal 2009, que terá início às 19 horas do próximo dia 14, no Centro de Convenções, em Fortaleza. Com ele, o governador Cid Gomes (PSB)>

Segundo o presiente do Instituto Frutal, Euvaldo Bringel, organizador da feira que é a maior do gênero no Estado e que se estenderá até o dai 17, além do ministro vão estar outras autoridades de Brasília e dirigentes de entidades ligadas ao agronegócio. 

Euvaldo informou para o Blog que a expectativa é de que a Frutal 2009 recebe mais de 35 mil visitantes. Entre conferencistas, o secretário nacionaladjunto de Irrigação do Ministério da Integração Nacional, Ramon Rodrigues, que falará sobre “Irrigação Pública no Brasil”.

Deu zebra no bingão?

Do professor João Teles, recebemos a seguinte nota:

“Estou com minha velha cartela do Bingão dos Importados em mãos. Lembra dele, amigo? Foi bancado pela  Federação Cearense de Handebol. O sorteio da cartela que tenho comigo ocorreria no dia 07 de janeiro de 1996, às 10 horas.

Como está esse caso? Na Justiça? Quem vai pagar minha cartela? Só para os senhores terem uma idéia, o prêmio principal era uma Ford Ranger.

Vai ficar na impunidade?

João Teles.

Festival das Flores de São Benedito vive último dia

guilhjeme

Termina neste domingo o Festival das Flores em São Benedito (332 Km de Fortaleza). Na programação, feiras de artesanato, oficinas, cursos, atrações culturais e palestras.

Às 17 horas, haverá uma missa em ação de graças no Santuário Nossa Senhora de Fátima. Às 18 horas, será a vez do desfile da “Rainha das Flores” e, às 21 horas, show com os cantors David Duarte e Guilherme Arantes.

* Uma chuva de pétalas de rosas encerrará o festival.

Mãe vê preconceito em denúncia de abuso sexual contra italiano

“Se houvesse malícia, eu ficaria ao lado da minha filha. Não pensaria duas vezes em ficar do lado dela”, disse à Agência Brasil a mãe da menina de 8 anos, cujo pai, um turista italiano, de 48 anos, está preso desde a última terça-feira (1º), no 2º DP na Aldeota, suspeito de ter abusado sexualmente da criança. Os nomes da mulher, de 38 anos, e de seu marido não são divulgados para proteger a menina, como determina o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).

A mãe contou que estava na piscina da barraca Croco Beach com o marido, a filha e mais outros dois casais de amigos e seus respectivos filhos. Segundo ela, o pai cuidava da menina dentro da água. “Não só meu marido e minha filha estavam na piscina. Estávamos todos na piscina. Ficamos lá por muito tempo. Ninguém nos abordou, ninguém nos advertiu, até o momento em que estávamos indo embora. Eles abordaram primeiro a minha filha e perguntaram quem era o homem que estava perto dela. Meu marido viu e foi perguntar o que estava acontecendo. Ele não fala português. Ele entende alguma coisa. Aí, não quiseram falar com ele, pediram apenas para que ele se identificasse”, contou.

Ela disse que foi ouvida informalmente na Delegacia de Combate à Exploração de Criança e Adolescente (Dceca), que apura o caso. Para a mãe, o casal que denunciou seu marido interpretou mal a situação e pensou que era um dos muitos casos de prostituição infantil que se espalham hoje por toda orla de Fortaleza.

“A minha opinião é que eles confundiram, interpretaram mal. Em meio a tantos casos de abuso sexual que já aconteceram, eles [as testemunhas] viram um homem, estrangeiro, branco, com uma menina muito mais escura. Não tentaram se informar e nem saber quem era. Imaginaram logo que era um estrangeiro que estava tentando ficar com uma menina de 8 anos. A denúncia foi motivada por um pouco de preconceito. Eles imaginaram outra coisa. Eles não sabiam que ele era o pai dela”, disse a mãe.

Construtor e morador da cidade de Goidonia, localizada na província de Roma, o italiano passa férias com a família no Brasil desde que se casou. “Não perdemos o vínculo porque temos casa aqui e eu tenho irmãs aqui.”, contou a mulher. O pai não chegou a ser ouvido pela polícia de Fortaleza. Segundo o boletim de ocorrência, ele se limitou a dizer que só falaria em juízo. A policia não providenciou intérprete para que ele pudesse prestar depoimento, uma vez que não fala português. O italiano está preso em uma cela pequena, onde tem apenas um colchão e um ventilador levado pela família.

A mãe é casada com o italiano há 11 anos. Eles se conheceram na Itália, onde ela mora há 15 anos. “Sempre trabalhei lá como garçonete e naquilo que aparecesse. Nós nos casamos e meu marido esteve pela primeira vez no Brasil depois do nosso casamento. Tenho toda minha família que mora na Itália. Não fui eu a primeira a ir para a Itália. A primeira foi a minha mãe. Depois foi a minha vó, minha tia e meus irmãos”, disse.

Quanto às acusações feitas pelo casal de turistas de que o italiano teria dado dos beijos na filha e acariaciado suas partes íntimas, a mãe assegurou de que não são verdadeiras. “O que eu espero é que tudo seja esclarecido. Esclarecido realmente, porque eu tenho certeza que nada aconteceu. Quando eles se referem a um beijo na boca, era só um ‘selinho’. Eu também saúdo a minha filha com um ‘selinho’. Já em relação a acariciar a partes íntimas dela, não são verdadeiras, absolutamente. Ele poderia estar ajeitando o biquini dela, mas não tem nenhuma malícia.”

“Em nossa casa não há nada que possa indicar abuso. É uma menina serena, alegre. É uma menina de 8 anos. Ela é muito apegada ao pai e ele também com ela. Ela é filha única. Eu perdi outros três filhos. Dois nasceram prematuros e pouco antes de vir para o Brasil eu tive um aborto espontâneo. Acho que destruíram a nossa família”, completou. O casal e a filha retornariam à Itália na última quarta-feira feira, 2.

Habeas Corpus

O advogado Flávio Jacinto, que defende o italiano, entrou neste sábado 5, com um pedido de habeas corpus no Tribunal de Justiça do Ceará. Ele quer urgência na decisão, já que o pedido anulação do flagrante feita à 12ª vara Criminal só deverá ser julgado na próxima terça-feira, devido ao feriado de 7 de Setembro.

Jacinto explicou que o primeiro pedido é baseado nas falhas nos depoimentos das testemunhas à polícia. “São duas testemunhas com depoimentos idênticos. Não muda nem uma vírgula. Por mais que se tenha um fato, cada um tem uma visão dele. Cada um vê de um ângulo diferente. Além disso, não se pode acusar uma pessoa com base apenas em depoimentos de uma pessoa”, explicou o advogado, que disse ter identificado uma série de irregularidades no inquérito policial. Por isso, ele quer a anulação do flagrante.

Já o habeas corpus apresentado neste sábado ao Tribunal de Justiça visa a acelerar a liberação do italiano. “Um caso como esse deveria ser julgado rapidamente pelo juiz de plantão. Não tem que esperar o feriado acabar”, destacou o advogado. Ainda não há decisão do TJ do Ceará sobre o assunto.

Caso fique comprovado o abuso, o artigo 217-A da Lei 12.015, que entrou em vigor no mês passado, prevê pena de 8 a 15 anos de prisão. ”

(POVO)

Artigo: Pai é preso por beijar filha na boca, mas bater pode

Em seu Blog Balaio do Kotscho, o jornalista Ricaro Kotscho coenta o caso do itliano preso em Fortaleza sob acusação de beijar a boca de sua filha, mas, segundo testemunhas, de ter feito algo mais. Confira:

Batemos muito nos políticos brasileiros de todas as latitudes, todos os dias, em todos os espaços da velha e da nova mídia, como se eles não fossem nossos representantes nas diferentes esferas de poder, livremente escolhidos por cada um de nós.

Por mil razões, este virou o esporte nacional predileto. É como se eles fossem extra-terrestres, e tivessem surgido do nada, apenas para nos infernizar a vida.

Não, meus caros amigos do Balaio, não tirei meu dia hoje nesta sexta-feira chuvosa em São Paulo para defender os políticos. Mas acho que está na hora de falarmos um pouco também das nossas próprias responsabilidades como cidadãos e do conjunto da sociedade na crise de caráter vivida pelo país.

O que me chamou a atenção desta vez foi o inacreditável episódio registrado em Fortaleza, na quinta-feira, quando um turista italiano, de 40 anos, casado com uma brasileira, foi preso por beijar na boca a própria filha de oito anos num local público.

Este caso resume tudo o que nós temos de pior: falta de cultura, hipocrisia, autoritarismo, delações levianas, mania de se meter na vida dos outros sem ser chamado.

Num país que é tristemente conhecido como um dos campeões mundiais de violência infantil, o italiano foi denunciado à polícia por um casal de Brasília, certamente habituado a só ver cenas bonitas e edificantes, porque não gostaram de ver os carinhos que ele fazia na filha na piscina de um bar na praia.

Se, ao contrário, ele estivesse batendo na menina, certamente ninguém repararia nem se pensaria em chamar a polícia.

Seria visto como coisa normal: a cada dia, são registrados 92 casos no Brasil de violência infantil, segundo a Subsecretaria de Promoção dos Direitos da Criança e do Adolescente do governo federal. No ano passado, foram 32.588 casos.”

Geógrafa questiona construção de muro na Praia do Icaraí

A professora e geógrafa Vanda Claudino Sales questiona a decisão da Prefeitura de Caucaia de construir um muro de contenção para resolver o problema do avanço do mar em seu litoral. Confira: 

Prezado Eliomar de Lima,

A proposta é absolutamente descabida! Não resolve absolutamente o problema, sob nenhuma ótica, só o amplia! Primeiro, sacramenta a perda da praia, pois esta será fatalmente extinta: como não haverá controle da erosão, as areias ao pé do muro serão retiradas pelas ondas, que chegarão rapidamente ao próprio muro, o qual, sem sombra de dúvidas, em brevíssimo tempo seria também destruído. Assim, seria extinto o litoral, seria destruída a paisagem costeira e seria, literalmente, lançado dinheiro público no mar.

Esse processo degenerativo será ainda mais intenso e veloz se realmente se concretizarem (esperamos que não!) a instalação de estaleiro no Titanzinho, a regeneração das praias da Beira-Mar (que envolve construção de novos molhes, que são o mal inicial) e a continuação das obras de amplicação dos molhes da Leste-Oeste, já em curso, que também reterão areias em Fortaleza, ampliando a erosão em Caucaia.

Em adição, o muro produziria outra consequência nefasta: ampliaria a erosão nas praias da Tabuba, Cumbuco e em todo a faixa litorânea de São Gonçalo do Amarante! Aliás, se a prefeitura de São Gonçalo do Amarante estivesse atenta, imediatamente deveria se pronunciar contra esse projeto. Existem, sim, várias outras alternativas adequadas, como recomposição da faixa de praia e construção de quebra-mar, mas, a questão é, prioridade política, ausência de cultura ambiental e falta de visão territorial.

Na verdade, o que realmente faz-se urgente é a elaboração de um plano unificado de controle da erosão, envolvendo toda a faixa litorânea entre Fortaleza e São Gonçalo do Amarante.

Mas, onde anda o IBAMA? O que nós estamos presenciando é um pipocar de projetos e propostas desconectadas, desarticuladas, a nível municipal, estadual e federal: os municípios, o estado e o governo federal simplesmente estão sucateando o litoral da Região Metropolitana de Fortaleza de acordo com interesses momentâneos e particulares, com intervenções inclusive contraditórias: enquanto alguns projetos indicam regeneração de praias, outros, situados a apenas centenas de metros de distância, implicam em ampliação da erosão, inclusive das áreas regeneradas. Não é para isso, certamente, que os governantes são eleitos!”

Vanda Claudino Sales, professora e geógrafa.
VAMOS NÓS – Bem que o secretário municipal de Infraestrutura, Lúcio Bonfim, poderia esmiuçar melhorar o projeto de Caucaia.

Exposição Barcos do Brasil é atração em Fortaleza

“A exposição itinerante Barcos do Brasil e a Coleção Álvares Câmara – Século XXI chega a Fortaleza na próxima terça-feira, com abertura às 19 horas. A mostra poderá ser visitada até o dia 13, no Centro Cultural do Banco do Nordeste-Fortaleza. A entrada é franca.

A mostra é uma ação do projeto Barcos do Brasil, iniciativa do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional – Iphan, em parceria com diversas instituições, entidades públicas e privadas e sociedade civil, e atua na proteção e valorização do patrimônio naval em todo o Brasil. A ideia é homenagear milhares de brasileiros que tiram da pesca seu sustento e, ao mesmo tempo, valorizar seus modos de vida, tradições e conhecimentos.

A exposição Barcos do Brasil e a Coleção Alves Câmara – Século XXI apresenta modelos em escala reduzida, e painéis sobre o patrimônio naval brasileiro e o projeto Barcos do Brasil. O objetivo é sensibilizar os visitantes sobre a importância do reconhecimento de técnicas tradicionais, seus usos e contextos, e sua preservação.”

(Site do BNB)