Blog do Eliomar

Categorias para Ceará

Engenheiros em campanha salarial

A presidente do Sindicato dos Engenheiros do Ceará, Thereza Neumann, está convocando toda a categoria e demais e demais profissionais da área tecnológica que trabalham no ramo da construção civil para uma assembleia nesta quarta-feira, às 18h30, na sede sindical

 O objetivo é discutir a pauta da convenção coletiva que será posteriormente apresentada ao Sindicato da Indústria da Construção Civil do Ceará (Sinduscon) para negociação.
 
Thereza Neumann não adiantou itens da pauta, mas disse confiante no bom diálgo com o empresariado.

TJ-CE inicia obras do Centro Cultural do Poder Judiciário

187 1

“Teve início, na manhã desta segunda-feira, o trabalho de demolição da 10ª unidade do Juizado Especial Cível e Criminal (JECC) da Comarca de Fortaleza. No local, será construída a praça do Mausoléu Clóvis Beviláqua, que faz parte do Centro Cultural do Poder Judiciário cearense.

A obra começou com a retirada dos móveis e com a demolição das paredes. Os cuidados são redobrados para não prejudicar os lojistas e a população que transita na rua Senador Pompeu. Os móveis foram transferidos para o Fórum Cândido Couto, na rua Barão do Rio Branco, n° 1200, onde funcionará provisoriamente o 10º JECC.

Após a conclusão da praça, que deve acontecer até dezembro deste ano, será feita a restauração do Fórum Cândido Couto para abrigar a sede do Centro Cultural, cujo objetivo é preservar e resgatar a história do Judiciário estadual. O local abrigará sala de concertos e homenagens, espaço destinado à exposição de obras e fotos sobre a vida de Clóvis Beviláqua, sala de vídeo, pinacoteca.”

(Site do TJ-CE)

Unilab – Cearenses conferem ato em que Lula sancionará a lei

Mauro e o  jornalista Arnando Santos em clima aeroportuário.

O presidente Lula vai sacionar, nesta terça-feira, durante cerimônia no Palácio do Itamaraty, a lei que criou a Universidade da Integração Internacional Luso Afro-Brasileira (Unilab). O reitor Universidade Federal do Ceará, Jesualdo Farias, e o presidente da Comissão de Implantação da Unilab, Paulo Speller, seguem para Brasília nesta noite de segunda-feira.

Já na tarde desta segunda-feira embarcou, nessa mesma rota e compromiso, o deputado federal Mauro Benevides (PMDB. Ele foi relator do projeto da Unilab na Comissão de Constituiçao e Justiça da Cãmara, quando deu parecer favorável à matéria.

UNILAB

A  Unilab terá sede no município de Redenção (Região Metropolitana de Fortaleza). O terreno foi cedido pelo Governo do Estado, mas iniciará suas atividades em sede provisória em um imóvel adaptado e cedido pela Prefeitura local.

Oferecerá cinco cursos. Estudantes brasileiros poderão ingressar por meio de nota do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) a ser realizado nos dias 6 e 7 de novembro próximo. Os estudantes africanos farão exames em seus países de origem.

CURSOS

De acordo com a UFC, serão ofertados inicialmente os cursos de Enfermagem, Formação de Professores, Agronomia e Engenharia de Energia e Gestão Pública.

(Foto – Paulo Moska)

Malwee de Pacajus vai recrutar operários a partir de agosto

206 2

A Malwee Malhas, de Santa Catarina, que construirá fábrica em Pacajus (Região Metropolitana de Fortaleza), vai contratar os primeiros 100 funcionários. No começo de agosto próximo, segundo o diretor da empresa, Guilherme Weege, terá início o recrutamento e o treinamento. Um galpão foi alugado para esse atendimento.

A construção da unidade, no entanto, ainda aguarda apenas a liberação das licenças ambientais mas, segundo Guilheme Weege, até o fim de 2010, serão mais 300 contratações. A meta é chegar a 2.500 funcionários quando o empreendimento estiver operando em toda sua plenitude. 

A Malwee também já comprou veículos e alugou imóveis para os primeiros executivos se instalem nesse município. Com financiamento já contratado no sistema bancário nacional e dinheiro em caixa, a Malwee Malhas vem para o Ceará “com o intuito de se tornar exemplo de excelência industrial e de gestão empresarial”, destacou, nesta segunda-feira, o presidente do Conselho Estadual de Desenvolvimento Econômico (CEDE), Ivan Bezerra.

O investimento da Malwee em pacajus deve ser da ordem de R$ 50 milhões”, adiantou Ivan Bezerra.

Congresso Estadual dos Fazendários começa nesta 3ª feira

199 1

Nesta terça-feira, às 19 horas, no Hotel Praia Centro, começa o XV Congresso Estadual dos Fazendários (Conefaz). O evento é uma promoção do Sindicato dos Fazendários do Estado (Sintaf) e discutirá assuntos do interesse da categoria e, claro, a atual conjuntura do País e do Estado.

Durante a solenidade de abertura, o Sintaf fará a entrega do troféu Cajado de Cedro ao fazendário que se destacou na luta pelos interesses da categoria. Neste ano, a auditora fiscal Gláucia Lima será a homenageada. O governador Cid Gomes (PSB), segundo a organização, prometeu estar no evento.

Workshop debate Cabotagem no Ceará

O Projeto de Incentivo à Cabotagem (PIC), que consiste na maior integração de portos regionais, será discutido durante workshop, nesta terça-feira, a partir das 8h30min, no auditório da Federação das Indústrias do Ceará (Fiec). A Secretaria de Portos da Presidência da República (SEP) afirma que essa iniciativa, em processo elaboração, promete minimizar o custo da operação e melhorar a logística dos portos nacionais.  

No worshop, o coordenador-geral de Gestão da Informação da SEP, Luiz Hamilton Lima Mendonça apresentará o modelo ideal de utilização do transporte de cabotagem sob o enfoque da realidade do Estado do Ceará. Serão identificadas as cargas potenciais na área de influência do Porto do Mucuripe, bem como será elaborado um cronograma de ações para o incremento da cabotagem a partir de Fortaleza.

Uma crise ronda os cursos de Medicina do Ceará

249 2

Com o título “Há algo de podre nos hospitais de ensino em Fortaleza”, José Ernando de Sousa Filho, do Centro Acadêmico do Curso de Medicina da Uece, manda artigo pr ao Blog. Ele faz critica ao sistema de internato. Confira:

Em 2007, Fortaleza viu luzir 150 novos médicos empunhando os canudos da batalha que venceram na ardorosa formação médica que encontraram na reconhecida Universidade Federal do Ceará. E isso ocorre, mudando ano e quantidade, há várias décadas. Nessa mesma capital, em 2008, no tradicional e hoje centenário Theatro José de Alencar, 39 iluminados entusiastas da medicina formavam-se médicos pela Universidade Estadual do Ceará, consagrando-se como a turma prima de tal curso. Por tradição e arrojo, os cursos de medicina da UFC e da UECE conquistaram espaço na rede hospitalar de ensino do Estado. Dividiram fraternalmente o espaço, não só por serem públicas, mas por ser possível tal compartilhamento. Compõem, em união, o conjunto de 190 aspirantes colando grau anualmente.

O sutil aumento observado no número de futuros médicos, frente a rede hospitalar até então farta para a educação médica fortalezense, fragmentou-se a pó, com o incremento de quase 120 alunos das faculdades particulares de medicina de Fortaleza, no internato. Número que crescerá em janeiro, com a duplicação do número de alunos de mesma origem nos nossos hospitais de referência. A rede que antes atendia tão bem os interesses da qualidade pela educação médica, agora sofre. Sofre pois desde que as faculdades particulares foram criadas, os leitos hospitalares não foram avisados que deveriam procriar. Sofre pois os alunos se submetem a situações vexatórias – e por enquanto, pontuais – de não haver paciente por contingente de estudante. Sofre pois deve erguer mais que o dobro de massa estudantil, sem ter se preparado minimamente para tamanho sobrepeso.

Uma solução viável é aplicar parte da generosa mensalidade paga as instituições particulares na melhoria, qualifação e ampliação da infra-estrutura, da organização administrativa e dos recursos humanos de hospitais aparentemente esquecidos (mas não pela população), gerando a necessária autonomia para a educação médica neles. Por que isso não é feito? Irrequieta, contorce-se a sensatez em seus agonizantes estertores. Espero que se recupere logo…

“Há algo de podre no reino da Dinamarca”, escreveria Shakespeare, se esse estágio obrigatório – em regime de internato – fosse tal reino. Mas o desenrolar dessa tragédia dinamarquesa não é o que desejamos ver. Então não nos disfarcemos de loucos para melhor observar aonde se vai com esses descompassos. Tomemos atitudes dignas da história da medicina cearense. Em nome de desbravadores como Joaquim Eduardo de Alencar e de tantos outros, cobremos transparência e qualidade em tão importante prática, pois formaram-se nesses hospitais aqueles que atenderam você ou algum ente querido, sempre que necessitou. E para o futuro, o que vemos? Aqui convoco a classe médica cearense e seus aspirantes. Aqui convoco a sociedade cearense, em defesa da educação médica de qualidade para os nossos luzentes futuros médicos.

José Ernando de Sousa Filho,

Acadêmico de Medicina – Universidade Estadual do Ceará
Coordenador de Educação Médica – Centro Acadêmico Joaquim Eduardo de Alencar.

Programa da Rádio O POVO/CBN passa a ser apresentado direto da redação do jornal

327 3

Neila e Maryllene Freitas

A jornalista Neila Fontenele, editora do Núcleo de Negócios do O POVO, volta a comandar, a partir desta segunda-feira, o programa “Mercado e Negócios”, da rádio O POVO/CBN.

A atração será  apresentada, sempre a partir das 14 horas, direto de estúdio montado na redaçao do jornal O POVO que, dessa forma, quer reforçar a interação entre seus veículos de comunicação, informa a editora de Jornalismo da POVO/CBN, Maryllenne Freitas.

IJF Centro – Acidentes com moto continuam liderando atendimentos

O Instituto Doutor José Frota (IJF), a maior emergência do Ceará, divulgou, nesta segunda-feira, boletim com 573 atendimentos realizados durante o último fim de semana (entre sexta-feira, das 19 horas, até esta segunda-feira, às 7 horas).

Entre tantos casos, continua liderando o número de acidentes violentos no trânsito (123). Desse total, foram 52 acidentados de moto, 35 vítimas de abalroamentos, 24 de atropelamentos, 7 de capotamento, 4 quedas de bicicleta e 1 queda de carro em movimento.

O IJF recebeu, ainda, 25 vítimas de agressões físicas, 9 vítimas de lesões por arma branca e 11 por arma de fogo.

(Site da Prefeitura)

BNB é sede de debate sobre Pré-Sal

O Banco do Nordeste do Brasil está sendo sede, nesta segunda-feira, do XV Encontro Regional de Economia, promoção do banco com a Associação Nacional dos Cursos de Pós-Graduação em Economia (ANPEC). O evento, que vai se estender até terça-feira, discutirá temas do interesse da reigão, mas incluirá um outro do momento: o Pré-Sal.

Entre convidados para discutir essa questão e outras questões estão o coordenador da bancada nordestina, deputado Zezéu Ribeiro (PT-BA) e a economista Tãnia Barcellar, da Fundação Joaquim Nabuco, de Pernambuco. O presidente do BNB, Robeto Smith, coordena o evento que congrega um outro: o XVI Fóruim BNB de Desenvolvimento.

Rosa e Maria passam a "sacolinha" para bancar Forum Transnacional sobre Emancipação

O Movimento Crítica Radical, que tem entre sues líderes a ex-prefeita de Fortaleza, Maria Luiza Fontenele, e a ex-vereadora Rosa da Fonseca, está ultimando detalhes do I Fórum Transnacional de Emancipação Humana, na Concha Acústica da UFC (Campus do Benfica). Um documento, inclusive, pedindo apoio para bancar despesas do evento, chegou para este Blog. Maria e Rosa sugerem como podem os interessados colaborar. Confira:   

DOCUMENTO DA ROSA E MARIA AOS MILITANTES SOCIAIS

Caros companheiras e companheiros,

Nos dias 01 a 05 de agosto próximo será realizado, em Fortaleza, o Fórum Transnacional da Emancipação Humana – Desafios da Humanidade e do Planeta. Esse evento está sendo organizado pelo Instituto Crítica Radical em parceria com a Universidade Federal do Ceará – PREX e Universidade Estadual do Ceará, e com o apoio de outras universidades.

Destacamos que um evento dessa envergadura – com vinda de palestrantes de outros países, com hospedagem, passagens aéreas, além do material gráfico de divulgação, tradutores, equipe de organização e outras atividades relacionadas – representam um custo muito alto, considerando-se, ainda, que não será cobrada nenhuma taxa aos participantes inscritos.

O apoio da UFC e demais Instituições para a organização do Fórum tem sido de importância imensurável, inclusive oferecendo espaços para os debates, funcionamento da secretaria do evento, bem como o local para a realização do Fórum, a Concha Acústica-UFC.

No entanto na maioria das Universidades não há disponibilidade de recursos para despesas de outra natureza. Por isso estamos recorrendo a outras instituições e pessoas comprometidas e sensíveis à causa da emancipação humana para somar nesse desafio imediato e sua continuidade.

Apresentamos a seguir algumas possibilidades, dentre outras, das pessoas e Instituições contribuírem com a realização desse Fórum e da continuidade do Movimento Pela Emancipação Humana:

– Contribuir mensalmente da rede de amigos e amigas da emancipação doando qualquer valor dentro de sua possibilidade;

– Adquirir  quadros da exposição “Mostra Estado de Criação” no Centro Cultural Oboé, no período de 14 a 30 de julho/2010. Essa exposição foi organizada pela Associação dos Artistas Plásticos Profissionais do Ceará num esforço de contribuir com a realização desse Fórum, doando à organização do evento parte dos recursos obtidos com a aquisição dos quadros; 

– Adquirir a revista Emancipação Humana publicada pelo Instituto Crítica Radical e a Editora Sem Fronteiras. Trata-se de uma publicação com artigos de Roberto Kurz, Roswitha Scholz e Anselm Jappe relacionados com a temática geral do Fórum. A revista contém 140 páginas em papel reciclado custando cada exemplar R$ 20,00;

– Aquisição de cartelas, a título de doação, do sorteio de um Gol 0km pela Loteria Federal. Cada cartela custa  R$ 5,00, sendo  agrupadas em blocos de 20/R$ 100,00.

– Divulgar esse evento  e outras iniciativas do Movimento pela Emancipação Humana com seus amigos e amigas, companheiros e companheiras de lutas e integrantes de entidades e instituições sensíveis à causa libertária e humanitária.

Convencidas de que você envidará os esforços necessários para a divulgação e apoio deste destacado evento e de outras iniciativas da causa da Emancipação Humana,

Subscrevemos,

Atenciosamente,

Maria Luiza Fontenele

Rosa Fonseca.

Secretário comemora empregos gerados com apoio da Prefeitura

201 1
Com o título “Sustentabilidade e empregos”, eis artigo assinado, no O POVO desta segunda-feira, pelo secretário do Planejamento de Fortaleza, Alfredo Pessoa. Ele fala da ação do Município na geração de novos empregos.
Depois de décadas de elevado desemprego, estamos assistindo a uma impressionante recuperação do mercado de trabalho. Nem mesmo a crise de 2009 conseguiu frear essa tendência. Isto não é produto do acaso, e sim fruto do planejamento público e de políticas sociais.
No governo Lula, tivemos a recuperação dos níveis dos investimentos, expansão dos programas de distribuição de renda e elevação do salário mínimo. Como resultado, obtivemos expansão do mercado interno e recuperação do emprego formal. Em sete anos, de acordo com os dados Rais/Caged, foram cerca de 10 milhões de novos empregos formais.

Na gestão Luizianne Lins, o planejamento focado nas vocações da cidade potencializou a geração de empregos. Foram 153 mil novos empregos de 2005 a 2009, com ênfase nos setores de serviços, comércio e administração pública, através de políticas direcionadas.

Ao preservar ativos ambientais e garantir desenvolvimento sustentável, ampliou-se a capacidade de crescimento local da atividade turística, que gerou mais de 13 mil empregos formais, além de fomentar a cadeia produtiva do artesanato, da economia solidária e do comércio. A vocação local para o comércio foi confirmada por 3 mil novos empregos.

O conjunto de obras públicas, tais como Transfor, habitação popular, recuperação da orla, Cuca, Hospital da Mulher e Vila do Mar, ajudou a alavancar o desempenho da construção civil, que gerou 20 mil novos empregos. A combinação dessas ações aliada à promoção de grandes eventos artístico-culturais reforçou a geração de empregos de forma sustentável e endógena.

Está posto o desafio de reforçar o modelo de desenvolvimento do séc. XXI no qual qualidade de vida está associada às atividades econômicas ambientalmente sustentáveis e socialmente justas. Isto requer a mudança das mentalidades ainda aprisionadas aos velhos modelos industriais do século passado.

Alfredo Pessoa – Secretário de Planejamento e Orçamento da Prefeitura de Fortaleza.

VAMOS NÓS – Claro que o secretário Alfredo Pessoa não fala da perda do estaleiro que, segundo informa a Secretaria Nacional dos Portos, geraria cerca de 10 mil empregos diretos e indiretos. Isso, claro, são outros quinhentos e outras vertentes.

Colisão entre dois carros deixa quatro mortos e três feridos na Região da Ibiapaba

Quatro pessoas morreram e três sairam feridas. Este foi o resultado de um aciidente registrado, nesta tarde de domingo, com dois carros na CE-087, entre os municípios de Tianguá e Ubajara (Região da Ibiapaba).

Um veículo Fox, onde seguiam marido e mulher, dois filhos e uma enteada, colidiu com uma Saveiro, na qual estava um casal. Com a violência do choque, três pessoas que viajavam no Fox e o motorista da Saveiro morreram.

Os feridos – entre eles, um bebê -, foram levados para o Hospital e Maternidade Madalena Nunes, em Tianguá. Até as 14h45min deste domingo, a Perícia realizava procedimentos no local. Os nomes das vítimas não havia sido divulgado.

(O POVO Onlin e Jangadeiro Online)

Cearense César Asfor cotado para STF

“Ao voltar do recesso do Judiciário, em 2 de agosto, o ministro Eros Grau, do Supremo Tribunal Federal, vai limpar as gavetas de sua mesa. No dia 19 do mês que vem, Eros Grau fará 70 anos. É a idade limite para a permanência de um ministro no STF. Dá-se o que, no jargão do Judiciário, é chamado de “expulsória”. A iminência da aposentadoria levou Lula a abrir uma fase de consultas.

Reza a Constituição que cabe ao presidente da República indicar os ministros do Supremo. Ao Senado, cumpre referendar ou rejeitar o nome. Por ora, Lula tem duas opções –uma vista como técnica; outra, mais política. Chama-se Cesar Asfor Rocha a opção técnica. Cearense, preside o STJ (Superior Tribunal de Justiça). Dentro do governo, seu principal defensor é o ministro Nelson Jobim (Defesa), ex-presidente do STF, indicado por FHC.

A opção “política” é o advogado paulista Arnaldo Malheiros, que é defendido junto a Lula pelo amigo e ex-ministro da Justiça Marcio Thomaz Bastos. Um auxiliar do presidente informou à Folha que, pelo quadro atual, há “leve” favoritismo de Asfor Rocha. Disse, porém, que o presidente quer analisar outros nomes antes de decidir. Lembrou também que, em indicações anteriores, o escolhido foi pinçado de listas com até seis nomes.

PRÓS E CONTRAS

A favor de Asfor Rocha pesa o fato de conduzir um processo de modernização do STJ, a caminho de se tornar um tribunal “eletrônico”. Seu nome já havia sido considerado para substituir Menezes Direito, morto em 2009, mas Lula optou por José Antônio Dias Tóffoli, ex-advogado do PT que antes respondia pela Advocacia-Geral da União.

A polêmica que se seguiu à indicação de Tóffoli conspira contra a indicação de Malheiros, preferido de Thomaz Bastos. Nas pegadas do escândalo do mensalão, em 2005, Malheiros fora contratado pelo PT para cuidar da defesa de Delúbio Soares, ex-tesoureiro da legenda.

Hoje, já não cuida do caso. Mas Lula receia que, se o escolher, fornecerá munição à oposição em plena campanha eleitoral –algo que prefere evitar.

NONA INDICAÇÃO

Será a nona indicação de Lula para o STF. Desde a redemocratização, em 1989, ele foi o presidente que mais acomodou ministros no plenário do tribunal. Saíram da pena de Lula os nomes dos atuais presidente e vice-presidente do Supremo: Cezar Peluso e Carlos Ayres Britto, respectivamente. Indicou também: Cármen Lúcia; Ricardo Lewandowski; o próprio Eros Grau; Joaquim Barbosa; Carlos Alberto Menezes Direito; e Tóffoli.

Em suas respectivas gestões, José Sarney indicara um. Fernando Collor de Mello, quatro. Itamar Franco, um. E FHC, três. Em privado, Eros Grau diz que, para descaracterizar a “expulsória”, planeja formalizar o pedido de aposentadoria antes de 19 de agosto, o dia do aniversário.”

(Blog do Josias de Souza)

Dobra número de motos no País

“O office-boy virou motoboy. O transporte público se rendeu ao mototáxi. O jegue deu lugar à moto. E, para escapar de engarrafamentos ou de ônibus caros, lentos e desconfortáveis, muita gente decidiu se tornar motociclista. O fenômeno notado desde os anos 90 está perto de ganhar um status de predominante: quase metade das cidades brasileiras já tem mais motocicletas do que carros.

Mapeamento da Folha a partir de dados do Denatran (Departamento Nacional de Trânsito) mostra que 46% dos municípios, onde vive um a cada quatro habitantes do país, têm uma frota onde as motos são majoritárias. O índice se limitava a 26% no começo da década. Na média, a cada três dias uma nova cidade entrou na lista.

Embora esse domínio esteja concentrado em municípios pequenos e médios, são claros os sinais de avanço em grandes centros urbanos.
Duas capitais, inclusive, já têm as motos como preponderantes em suas frotas: Boa Vista (RR) e Rio Branco (AC).

MOTIVOS
Essa expansão mostra a consolidação de um transporte típico de países asiáticos, como Índia e Vietnã, e que é motivo de preocupação por ser vulnerável e provocar mais mortes em acidentes -além de mais poluente.
Além da má qualidade dos ônibus, a principal razão do avanço das motos é seu preço e facilidade de financiamento -há prestações de R$ 100. O fenômeno foi estimulado pelos vários níveis de governo, com queda de impostos e legalização de mototáxis.

Especialistas reconhecem a importância das motos para a mobilidade das pessoas. O resultado social, entretanto, é considerado negativo.
O número de motociclistas mortos no país saltou de 725 em 1996 para estimativas acima de 8.000 no ano passado.

O engenheiro e sociólogo Eduardo Vasconcellos cita dois agravantes da expansão desse transporte no Brasil. O primeiro é que, enquanto a população da Ásia sempre conviveu com muitas bicicletas, aqui as pessoas não sabem lidar com veículos de duas rodas -seja na travessia seja para se equilibrar. O segundo é a mistura de motos com caminhões e ônibus. “Não tem volta. É preciso reprogramar o trânsito.”

Ele se refere a ações como redução de limites de velocidade, separação dos veículos grandes e fiscalização dos infratores -hoje muitos radares não flagram motos. “O problema não é do veículo em si, mas da educação dos condutores”, defende Moacyr Alberto Paes, da Abraciclo (associação dos fabricantes de motocicletas).

O aumento da frota de carros no Brasil nos últimos cinco anos foi de 40%, menos de metade do ritmo de crescimento das motos -105%.
Mesmo assim, há mais carros (35,4 milhões) do que motos (15,3 milhões) no país devido às grandes capitais.

PROPORÇÃO
Quem vive em São Paulo pode se impressionar com a quantidade de motoboys enfileirados em grandes vias. Mas a capital paulista tem 7 motos por 100 habitantes, contra mais de 26 por 100 habitantes em Ji-Paraná, segundo município mais populoso de Rondônia -onde os ônibus urbanos não chegam a 30, contra 200 mototáxis.

Em Tefé (AM), a quantidade de motos -4.464- equivale a nove vezes a de carros. Não é à toa: sem estradas, seus acessos são feitos por barco ou avião. “É uma emoção viver nesta cidade, com tantas motos”, diz a bióloga Lorena Andrade, em referência ao zigue-zague num lugar onde semáforos e faixas de pedestres são escassos.”

(Folha)

VAMOS NÓS – O que se observa de concreto nessa história é que aumentou não só o número de motocicletas circulando, mas assusta o número de acidentes com esse tipo de transporte em todo o País. O Ceará não é exceção, mas, pelo visto, fazer cumprir a lei por aqui, exigidindo-se uso de capacete, respeito à velocidade e outras regrinhas básicas, virou mote de discurso eleitoral. Claro que não se pode isentar órgãos do trânsito que se acostumaram só a cobrar taxas elevadas e multar sem investir no básico: educação no trânsito.

Expocrato ou Exposhow?

151 1

Da Coluna Cariri, de Tarso Araújo, dois tópicso interessantes sobre a Expocrato, a maior feira agropecuária do Ceará. Confira:

“A Expocrato termina neste domingo. Muitos dias de festa no Parque de Exposição Pedro Felício Cavalcanti. Também dias de realização de negócios, oficinas, cursos, capacitações e assinaturas de convênios que podem ultrapassar os 50 milhões de reais.

A Expocrato é mesmo a maior festa do Interior do Ceará, acredito que do Nordeste. Mas uma discussão tem que começar a ser feita e já está repercutindo. A exposição merece um novo parque? Pelo que vimos neste ano, está insuportável andar no Parque de Exposição Pedro Felício Cavalcanti, muita gente para pouco espaço. Uma opinião pessoal: acho que está na hora de se construir outro, mas, o debate tem que ser feito por toda a sociedade. Apenas abrimos esse debate nesta coluna. Vamos às opiniões.”

VAMOS NÓS – Há quem queira também questionar até o nome da feira. De Expocrato para Exposhow. Isso, porque a avalanche de artistas nacionais no evento foi de chamar a atenção. Nesse item, deixa comendo poeira o famoso Fortal, a micareta aqui de Fortaleza que, por sinal, com algumas atrações dessa exposição, começa na quinta-feira que vem.

(Coluna Cariri, de Tarso Araújo)

Vem aí a VIII Caminhada com Maria

Definida toda a programação da VIII Caminhada Com Maria, que ocorrerá no dia 15 de agosto. O evento é uma promoção da Arquidiocese de Fortaleza e faz parte dos festejos da padroeira de Fortaleza, Nossa Senhora da Assunção. O tema será: Caminhando com Maria – Fica conosco, Senhor”

A caminhada, a ser comandada pelo arcebispo de Fortaleza, dom José Antônio, terá inicio às 14 horas, no Santuário Nossa Senhora da Assunção, com a grande concentração na ponte do Rio Ceará, na Barra do Ceará. Às 16 horas, seguirá pela avenida Leste-Oeste, num percurso de oito quilômetros. No percursos, meditações de passagens bíblicas e cânticos até a Catedral Metropolitana de Fortaleza onde haverá  a coroação da imagem da Virgem Maria.

SERVIÇO

Toda a programação será divulgada na próxima terça-feira, às 15 horas, no Centro de Pastoral Maria, Mãe da Igreja (Rua Rodrigues Júnior,300 – Centro).

Presidente da FCDL assume comando da Câmara Setorial do Comércio

 

Honorío Pinheiro (FCDL) e Ivan Bezerra (CEDE).

O Conselho Estadual de Desenvolvimento Econômico, presidido por Ivan Bezerra, realizou, nesta sexta-feira, a primeira reunião da Câmara Setorial de Comércio e Serviços do Ceará. Na ocasião, houve a eleição, por unanimidade – com votação de 22 instituições, de Honório Pinheiro para presidente do organismo.

Com Honório, que também preside a Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas (FCDL) do Ceará, assumiram João Guimarães (JUCEC) e Cassius Coelho (CRC-CE) respectivamente primeiro e segundo secretários. O presidente do Conselho Estadual de Desenvolvimento Eonômico (CEDE), Ivan Bezerra, prestigou o ato.

CÂMARA DE SERVIÇOS

A Câmara Setorial tem por finalidade propor, apoiar e acompanhar projetos e ações visando o desenvolvimento sustentável do setor do Comércio e Serviços do Estado.

Petista emplaca novo coordenador do Ministério da Pesca no Ceará

Michel Temer, José Airton e Dilma: É o fraco!

O Diário Oficial da União desta sexta-feira trouxe portaria nomeando o novo Coordenador da Superintendência do Ministério da Pesca no Estado do Ceará. Trata-se de Rubens da Cunha Rodrigues, uma indicação do deputado federal José Airton (PT).

Esta é a segunda indicação feita por Airton. A primeira foi do petista Wilson Uchoa para o cargo de superintendente estadual do IBAMA.

José Airton coordena no Estado a corrente “Movimento PT” que, até bem pouco tempo, estava meio desprestigiada em matéria de espaços federais. Agora, o parlamentar não tem mais motivos para reclamar. Em Brasília, ele anda bem prestigiado, segundo setores petistas.

DETALHE – José Airton foi relator do Projeto de Lei 3960/08, que criou o Ministério da Pesca.

Já foi ao "Chitão dos Pobres" de Massapê?

465 4

Pois é, fizeram recentemente o Chitão de Massapê com grandes artistas e até convidados inesperados como o candidato a presidente da República pelo pSDB, José Serra. Mas agora, neste sábado, tem um outro chitão dali, bem tradicional: é o “Chitão dos Pobres”, onde o povão pode curtir à vontade, na quadra esportiva do Educandário Nossa Senhora do Carmo.

Esse cartaz nos foi enviado pelo massapeense Romão Cajazeiras, cabra que ama sua cidade e que, avisamos logo, não é político.