Blog do Eliomar

Categorias para Ceará

PT rasga discurso de Gleisi e se alia a “golpistas”

Gleisi quando em momento pelo Ceará, neste ano.

A presidente nacional do PT, senadora Gleisi Hoffmann, gritava, até outro dia, o repúdio aos partidos que apoiaram o impeachment de Dilma Rousseff e a promessa de o partido se manter distante deles. Mas nada como a perspectiva de poder para mudar os paradigmas e relativizar as promessas, segundo informa a Coluna Radar, que cita o cenário eleitoral do Ceará.

Ainda que a coligação não seja formalizada, golpistas e golpeados caminharão abraçados no estado, como se nada tivesse acontecido.

O petista Camilo Santana disputará a reeleição e apoiará o emedebista Eunício Oliveira, o presidente do Senado que varreu Dilma do Planalto e agora prega Lula, livre.

No segundo turno, a lógica cearense se replicará em muitas outras unidades da federação, obviamente.

(Foto – Paulo MOska)

Presidente do Fortaleza diz que fará mais contratações

908 21

O presidente do Fortaleza, Marcelo Paz, anunciou, nesta terça-feira, que o clube ainda fará algumas contratações com o objetivo de “qualificar” ainda mais a equipe que, simbolicamente, foi a campeã da primeira fase da Série B, do Brasileirão. As inscrições de novos atletas vão até 10 de setembro.

Marcelo disse ainda que, apesar de assédio por parte de alguns clubes, nenhum jogador e nem o técnico Rogério Ceni pensam em deixar o Pici.

Marcelo da Paz participará, em Brasília, de uma reunião dos presidentes dos clubes das Séries A e B com o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM/RJ). Na pauta, projetos que tramitam no legislativo e que são do interesse do futebol.

Governo vai implantar centro de pacientes terminais com apoio do setor privado

Da Coluna do Eliomar de Lima, no O POVO desta terça-feira:

Dentro do pacote de concessões que o governo Camilo Santana (PT) fecha para uma série de segmentos de infraestrutura, turismo e serviços, eis uma novidade já sendo amadurecida: a criação de um hospital para acomodar pacientes terminais ou com doenças crônicas.

O investimento virá da iniciativa privada, em parceria com o Estado. A informação é do secretário do Planejamento do Ceará, Maia Júnior, primeiro convidado do projeto O POVO Quer Saber de ontem, na Rádio O POVO/CBN. “Chamamos essa ação de desospitalização”, diz.

Essa modalidade assistencial tem se transformando em ferramenta de gerenciamento do cuidado integral e uma solução para o acompanhamento de pacientes que podem ser desospitalizados. Na prática, desafoga leitos da rede pública de saúde.

(Foto – Paulo MOska)

Presidencialismo de coalizão

Como título “Presidencialismo de coalizão”, eis o Editorial do O POVO desta terça-feira:

Feitas as convenções partidárias e a definição dos candidatos, os partidos políticos – e as coalizões partidárias – vão iniciar as movimentações para apresentar suas propostas. Será o momento de debater as graves questões do País. Uma delas é de teor institucional. Por exemplo: como fazer para impedir que o presidencialismo de coalizão continue a ser um fator prejudicial à governabilidade? É possível outro modelo de presidencialismo?
Como se sabe, a Assembleia Nacional Constituinte eleita em 1987 inicialmente tinha um viés parlamentarista e elaborou um molde institucional dentro dessa perspectiva. No meio desse processo, a conjuntura política mudou, após os partidos mais conservadores se concentrarem num bloco – “Centrão” – e assumirem o controle dos trabalhos, o que refreou as mudanças em curso (sociais, políticas e institucionais). Entrou na pauta, a pressão para prolongar por mais um ano o mandato do presidente José Sarney. Isso atropelou o projeto parlamentarista. Contudo, ao ocorrer a reviravolta, vários artigos já tinham sido votados, incluindo mecanismos próprios do parlamentarismo. Um deles foi a Medida Provisória, ferramenta que, no parlamentarismo, dava ao governo o poder de legislar, numa situação de emergência (recesso parlamentar), para posterior apreciação dos representantes do povo, quando estes regressassem.

Feita a reviravolta presidencialista, na Constituinte, os responsáveis não removeram da Carta ferramentas próprias do parlamentarismo, como a Medida Provisória e outros penduricalhos. O presidente da República passou então a governar praticamente através de medidas provisórias, corriqueiramente, sem que os parlamentares estivessem em recesso, acumulando um poder excessivo e deformando o sistema presidencialista. Foi assim que surgiu o “presidencialismo de coalizão” (cunhado pelo cientista político Sérgio Abranches, em 1988) que visa: dar governabilidade ao presidente, assegurar a aprovação das principais propostas do governo no Congresso e evitar que a oposição paralise politicamente o governo com pedidos de investigação.

Em troca, os ministérios são distribuídos entre os partidos da base. Ao menor sinal de contrariedade às suas pretensões, esses partidos podem embaraçar, chantagear e paralisar o governo, a seu talante. Junte-se a isso a enorme quantidade de partidos, e está aberta a porta para a corrupção.

Mesmo tendo virado cláusula pétrea, segundo alguns constitucionalistas (após o plebiscito de 1993), o presidencialismo pode ser aperfeiçoado. As eleições são a ocasião propícia para realizar esse debate com legitimidade.

Ciro acusa PT e PSDB de darem “rasteira” e “punhalada”

344 1

Durante o evento em que anunciou a senadora Kátia Abreu (PDT) como vice em sua chapa, o candidato à Presidência da República pelo PDT, Ciro Gomes, acusou PT e PSDB de darem “rasteira” e “punhalada pelas costas”. Para ele, as duas siglas praticam “confrontação amesquinhada” desde 1994, quando passaram a polarizar a disputa pelo Palácio do Planalto.

“É só tratativa de gabinete, é só conchavo, é só rasteira, é só punhalada pelas costas. Porque a base moral da falta de escrúpulo na política é a mesma base moral de quem tem falta de escrúpulo diante do dinheiro público”, afirmou Ciro ontem, em Brasília.

Ciro tem adotado discurso mais ácido contra o Partido dos Trabalhadores, desde que a sigla fechou acordo que garantiu a neutralidade do PSB na corrida presidencial. Na prática, a negociação isolou o pedetista, deixando-o com poucos segundos de propaganda eleitoral. Antes, o ex-ministro mantinha conversas avançadas com PSB para fechar aliança.

“É impressionante como a gente assiste soluções de gabinetes que acintosamente desrespeitam a mínima regra de palavra dada para ser cumprida. As estruturas estão querendo fazer o jogo dentro de gabinetes e dali jogando cartas, excluindo da opção da população candidaturas como Marília Arraes (PT) e Marcio Lacerda (PSB)”, continuou.

Durante o encontro “Coalizão pela Construção”, que reúne empresários do setor de engenharia, também ontem em Brasília, Ciro voltou a criticar Lula: “Querem resolver a eleição em gabinetes ou em celas, o que é pior em certos aspectos. E (Lula) agiu por medo e é um medo justificado, porque vou reinterpretar o que é ser progressista no Brasil”.

Mais cedo, ao defender para vice o nome da ex-ministra da Agricultura no segundo governo Dilma Rousseff (PT), Kátia Abreu, Ciro destacou a postura da senadora ao longo do processo de impeachment. Ele afirmou que Kátia enfrentou seu partido, na época o MDB, ao defender Dilma, amiga pessoal da ex-ministra. “Ela nos deu exemplo de força compromisso com a democracia.

Quando paga preço por fidelidade, afronta seu partido, a quadrilha de corruptos que dominou a democracia e ajuda a defender o Brasil resistindo contra o avanço das forças do golpe”, disse o candidato do PDT.

Kátia Abreu, por sua vez, afirmou que será uma “vice disciplinada”. “Serei uma vice disciplinada, pronta para atuar, mas sob seu (de Ciro Gomes) comando”, disse. Ela ressaltou qualidades de Ciro e afirmou que não conhece nada que “manche sua honra”. Kátia lamentou a falta de alianças com outros partidos, mas disse que está confiante com a vitória do PDT, mesmo isolado.

(Agência Estado)

Fortaleza será sede do XXVII Congresso Nacional dos Corretores de Imóveis

Fortaleza será sede do XXVII Congresso Nacional dos Corretores de Imóveis. O encontro, que terá como tema “Brasil: hora de mudar é agora”, ocorrerá de 4 a 6 de setembro próximo, no Centro de Eventos, com uma programação das mais variadas: conferências, palestras, workshops e oficinas comandados por especialistas nacionais.

Entre os destaques da programação, um painel sobre crédito imobiliário e financiamento comandado pelo presidente da Caixa Econômica Federal, Nelson Antonio de Souza. O painel abrirá o congresso que, além de abordar o panorama político-econômico do país, debaterá tecnologia, mercado imobiliário nacional e internacional, marketing digital, vendas, avaliação imobiliária, compliance, relações de trabalho e aspectos jurídicos que envolvem a corretagem de imóveis.

Na programação paralela, haverá também o Fórum da Mulher, que, em sua sexta edição, tratará de assuntos relevantes ao dia a dia das corretoras de imóveis. A chamada quarta revolução industrial, a indústria 4.0 também consta entre os assuntos, informa o vice-presidente da Federação Nacional dos Corretores de Imóveis (Fenaci), José Maria Cavalcante Lima. O Sindicato dos Corretores de Imóveis do Estado do Ceará (Sindimóveis-CE), presidido por Maria Cristina Chaul Barbosa, também promove o encontro.

SERVIÇO

*Mais Informações – www.conaci.com.br, onde o interessado pode fazer online sua inscrição.

(Foto – Ilustrativa)

Xandy Avião faz show de encerramento da festa de aniversário de Russas

A banda Aviões do Forró – à frente Xandy Avião, fará o show, na Praça Central, de encerramento da festa do 417 anos de emancipação política da cidade de Russas (Vale Jaguaribano).

A programação se desenrolou desde a última semana com eventos culturais e inauguração de obras por parte do prefeito Weber Araújo (PDT).

(Foto – Paulo MOska)

Fortaleza será sede do II Congresso Brasileiro de Auditoria em Saúde

Fortaleza será sede do II Congresso Brasileiro de Auditoria em Saúde. O encontro será aberto às 18 horas desta terça-feira, no Ideal Clube, com o tema central “Desafios para a Sustentabilidade do Sistema de Saúde”. No ato, haverá homenagens aos ícones da Auditoria em Saúde no país e uma palestra poético-motivacional com o poeta Bráulio Bessa.

O congresso, uma realização da Associação Brasileira de Enfermeiros Auditores (ABEA), vai se estender até sexta–feira abordando questões relevantes relacionados à Sustentabilidade do Sistema. No conteúdo, o uso das novas tecnologias e a otimização de custos e procedimentos nas áreas da saúde pública e privada.

O II Congresso Brasileiro de Auditoria em Saúde homenageará a enfermeira​ Débora Soares,​ a m​édica Valéria Clemente, a a​dvogada Viviane Gonçalves, o arquiteto de sistemas Jacson Fressatto (criador da plataforma de Inteligência Artificial LAURA) e os médicos oncologistas Otávio Clark e Stephen Stefani.

Boas novas

Haverá ainda no congresso o lançamento do primeiro Manual de Boas Práticas de Enfermagem, documento inédito que vai preencher lacuna ​na biografia de Auditoria no Brasil. Será disponibilizada prova de titulação de Especialista em Auditoria de Enfermagem, antiga reivindicação dos enfermeiros. Nesta terça-feira, 7, será aplicada a primeira prova aplicada pela ABEA, na Escola de Saúde Pública do Ceará (ESP).

SERVIÇO

*Ideal Clube – (Avenida Monsenhor Tabosa, Nº 1381 – Meireles.

*Mais informações no site: www.abeabrasil.com.br ou (85) 98849-24.

PCO surpreende com sexto candidato ao Governo do Ceará: Mikaelton Carantino

O Partido da Causa Operária (PCO) lançou, neste fim de semana, candidatos a senador e governador do Ceará. Mikaelton Carantino, 40 anos, foi indicado pela Executiva Nacional do partido. Com ele, sobe para seis o número de postulantes ao Palácio da Abolição.

Para o mandato 2019-2022, disputam ainda Camilo Santana (PT), que busca a reeleição; Ailton Lopes (Psol), Francisco Gonzaga (PSTU), Hélio Góis (PSL) e General Theophilo (PSDB).

Natural de Orós (Centro-Sul cearense), Mikaelton é filiado ao PCO há dois anos. Ele é professor de matemática da rede estadual de ensino, sindicalista, e também faz parte da diretoria, como representante zonal da Apeoc (antes Associação dos Professores do Estado do Ceará e hoje Sindicato dos Servidores Públicos de Educação e Cultura do Estado do Ceará).

Como vice, na chapa pura, entra o engenheiro operacional Lino Almeida, natural de Juazeiro do Norte.

Em rápida entrevista ao O POVO Online, o candidato reconheceu Camilo como o que tem “maior vantagem” dentre os demais candidatos, “até mesmo sobre o PSDB”.

“Camilo montou blocão em torno dele, com dezenas de partidos. Tem força financeira e quase todo o tempo na TV. Tudo indica que ele seja eleito logo no primeiro turno”, pontuou Mikaelton.
O PCO não tem coligações locais, mais apoia Lula nacionalmente. A sigla, alíás, foi fundada em 1995 por operários dissidentes do PT.

Já como candidato ao Senado pelo PCO está Alexandre Barroso, 42, servidor público. Agente de saúde e participante de conselhos e movimentos pela qualidade da Saúde Pública, ele está no PCO há três anos.

“Nossa campanha denuncia o golpe contra a democracia e a prisão do companheiro Lula. Nosso apoio é incondicional a ele”, ratifica, explicando que o PCO é partido operário de extrema-esquerda.

Quanto aos adversários, Alexandre dispara: “Cid e Eunício são patrocinados por grandes empresas. Trabalham contra os trabalhadores, trabalham pelas privatizações. Com eles, nada de bom pode vir para a classe trabalhadora. Há risco de consolidação do golpe, com as eleições de 2018”, finaliza.

(O POVO Online / Repórter Lucas Braga / Foto: Reprodução/YouTube/TV Apeoc)

Nomeação já na Procuradoria Geral do Município!

350 1

Com o título “Nomeação já na PGM!”, eis artigo de Paulo Henrique Sá da Costa, Procurador do Estado do Piauí e membro da Comissão dos Aprovados na PGM de Fortaleza. É a luta pela convocação de mais concursados no órgão. Confira:

O controle dos gastos públicos é medida fundamental para qualquer governo que deseje tornar efetivas as políticas públicas de que tanto necessita a população, em especial nas áreas da saúde, da educação e da segurança.

Nesse sentido, a Lei de Responsabilidade Fiscal, ao estabelecer parâmetros de controle, configura importante instrumento para que a gestão fiscal dos entes públicos seja feita de modo responsável.

Entre os limites estabelecidos, destaca-se o de gastos com pessoal, que tem o papel de evitar o inchaço da máquina pública. Nessa matéria, a situação de Fortaleza é exemplar, tendo em vista que, no último relatório de gestão fiscal, referente ao primeiro quadrimestre do ano de 2018, o município sequer alcançou o chamado “limite de alerta”, quando os Tribunais de Contas emitem aviso formal de que as despesas com pessoal estão próximas de patamares preocupantes.

Por outro lado, outras capitais do Nordeste, como Teresina, João Pessoa, São Luís e Natal, estão acima do referido limite, conforme os últimos relatórios divulgados em seus portais da transparência, o que demonstra que, comparativamente, a saúde fiscal do município de Fortaleza é confortável.

A Procuradoria-Geral do Município é o órgão competente para exercer a representação judicial e a consultoria jurídica do Município de Fortaleza, tendo papel fundamental para uma gestão fiscal responsável e transparente, ao proporcionar aumento de receitas e evitar perdas financeiras para o ente.

Entretanto, a PGM se encontra hoje com quadro defasado de procuradores, tendo em vista que o último concurso havia sido feito em 2002. Visando solucionar esse problema, a Prefeitura lançou, no fim de 2016, concurso para 05 vagas, número bastante aquém do necessário.

Finalizado e homologado o concurso, as cinco vagas dispostas em edital já foram preenchidas, restando, entretanto, cerca de quinze cargos vagos, aos quais vem se somar as aposentadorias previstas para os próximos anos.

Assim, tendo em vista a situação fiscal favorável e a carência de procuradores no âmbito da Procuradoria Geral do Município, compreende-se que o momento é propício para o preenchimento dos cargos vagos, de modo que o órgão possa cumprir sua nobre missão.

*Paulo Henrique Sá Costa

Paulo_henrique_sc@hotmail.com

Procurador do Estado do Piauí e membro da Comissão dos Aprovados na PGM de Fortaleza.

Eunício tem empresários como suplentes

678 2

O candidato do MDB ao Senado, Eunício Oliveira, atual presidente do Congresso Nacional, possui como suplentes em sua chapa para as disputas de outubro próximo os empresários Gaudêncio Lucena e Edmilson Bastos.

Ex-vice-prefeito de Fortaleza, Gaudêncio é homem de confiança de Eunício, inclusive sendo sócio do senador cearense em empresas.

Já Edmilson Bastos é de Tauá, quando compôs chapa com Patrícia Aguiar, nas últimas eleições municipais, na condição de vice. Ele também já foi sócio do atual deputado federal Genecias Noronha. Atua no ramo de venda de motos, posto de combustíveis e depósito de bebidas.

(Foto: Arquivo)

Heitor é homenageado pela Associação Cearense de Cinema

323 1

Regis Frota, Heitor Férrer e Marcus Fernandes.

O deputado estadual Heitor Férrer (SD) foi homenageado pela Academia Cearense de Cinema (ACC). O ato ocorreu no fim de semana, durante almoço no Ideal Clube e presidida pelo escritor e cineasta Regis Frota.

A homenagem, segundo Frota, ocorre porque é de Heitor a lei que  criou o Dia do Cinema Cearense, comemorado em 5 de agosto. A data também marca a instalação da associação.

Na ocasião, o acadêmico Marcus Fernandes, secretário da ACC, proferiu a saudação ao homenageado.

(Foto – Divulgação)

Caucaia vai ganhar cobertura 5G

A Prefeitura de Caucaia (Região Metropolitana de Fortaleza) acaba de autorizar a instalação de torres 5g no município. O processo, inclusive, já tramita na Secretaria Municipal de Planejamento Urbano e Ambiental (Seplam).

Os equipamentos serão implantados nos distritos de Jurema, Cumbuco, Icaraí, Tabapuá e no Centro da sede, informa titular da Seplam, Daniel Cavalcante.

Com a novidade, a internet do município deve melhorar de forma considerável. “E essas cinco torres são apenas a demanda inicial. Se a empresa de telefonia constatar a necessidade de mais antenas para melhorar mais ainda o serviço, novas instalações vão ser feitas”, adiantou o secretário.

Daniel ressalta que, com a chegada das torres, uma deficiência de sinal que ainda existe em Caucaia será resolvida.

(Colaborou Matheus Nunes/Foto – Divulgação)

TJ do Ceará divulga data das provas do concurso de juiz substituto

Candidatos ao concurso de juiz substituto do Tribunal de Justiça do Ceará fiquem atentos. Saiu, no Diário da Justiça, o edital nº 12/2018 com a data das provas do certame, que, segundo a assessoria de imprensa do TJCE, oferece 50 vagas para juiz substituto, incluindo três reservadas a pessoas com deficiência e dez para candidatos negros.

A primeira prova escrita (discursiva) será aplicada em 17 de agosto deste ano, às 14 horas (fuso local), com quatro horas de duração. Já a segunda, ocorrerá em dois dias: a sentença cível em 18 de agosto e a criminal em 19 do mesmo mês, sempre às 14 horas, também com tempo de quatro horas.

A Comissão é formada pelos desembargadores Washington Araújo (vice-presidente do TJCE), Inacio de Alencar Cortez Neto, José Tarcílio Souza da Silva e Lígia Andrade de Alencar Magalhães, além de Tiago Asfor Rocha Lima, representante da Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Ceará (OAB/CE). A seleção está sendo executada pelo Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe).

SERVIÇO

*O candidato deverá, obrigatoriamente, acessar o site http://www.cespe.unb.br/concursos/tj_ce_18_juiz, a partir de 14 de agosto, para verificar o local de realização das provas. A avaliação será realizada somente no local designado, devendo o interessado comparecer com antecedência mínima de uma hora.

Por que Cid Gomes faltou à convenção que homologou seu nome para o Senado?

702 1

A ausência do ex-governador Cid Gomes (PDT) na convenção que homologou a própria candidatura ao Senado pode ser o primeiro indício de que a grande aliança em torno da reeleição de Camilo Santana (PT) começa a apresentar fissuras.

Candidato na chapa governista e um dos coordenadores da campanha de Ciro Gomes nas eleições presidenciais, era mais que natural que Cid não apenas comparecesse ao evento que oficializou o seu nome na disputa a uma das vagas ao Senado, como também pedisse votos para o irmão.

O candidato, entretanto, faltou. De acordo com Camilo, que tentou explicar o sumiço de Cid durante a convenção realizada ontem, o ex-governador foi abatido por uma prosaica “enxaqueca”, já que passara a noite anterior envolvido nas articulações para a formação das alianças locais. Mas talvez haja outros motivos para a indisposição do pedetista.

Apenas um dia antes, Camilo havia estado no palanque do senador Eunício Oliveira (MDB), candidato à reeleição e desafeto de Ciro – pouco menos de um mês atrás, o presidenciável se referiu a Eunício como “picareta”. Lá, o governador fez questão de dissipar qualquer dúvida de que vai apoiar, sim, o emedebista, a despeito de todos os xingamentos disparados pelos Ferreira Gomes contra o presidente do Congresso.

A um ginásio lotado de militância e apoiadores, Camilo admitiu que Eunício é o seu “candidato a senador da República pelo Ceará”. Uma declaração suficientemente cristalina.

Da família Ferreira Gomes, apenas dois membros estiveram ao lado de Camilo na convenção nesse domingo: Lia Gomes, irmã de Ciro e Cid e candidata a uma vaga na Assembleia Legislativa. E Aníbal Gomes, primo, deputado federal e alvo da Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF).

O recado parece igualmente claro: o clã está amuado. Seja porque Camilo declarou-se eleitor de Lula no encontro de tática do PT há uma semana, seja porque se mostrou surpreendentemente íntimo de Eunício no último sábado, fato é que há algo de estranho na grande aliança camilista a ponto de fazer Cid, candidato ao Senado, boicotar a própria homologação. É como o aniversariante que faltasse à festa de aniverário.

Resta saber se essa contrariedade expressa pelos FG é apenas ruído entre aliados ou o começo de um movimento de afastamento. Convém aguardar os próximos lances.

*Henrique Araújo

Jornalista do O POVO

henriquearaujo@opovo.com.br

(Foto – Agência Brasil)

Irmão do prefeito e um empresário são os suplentes de Cid Gomes

Definidos os nomes dos suplentes do ex-governador Cid Gomes, candidato ao Senado pelo PDT.

Segundo o presidente regional do partido, deputado federal André Figueiredo, ocuparão as vagas Prisco Bezerra, irmão do prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, que chegou a ocupar a função de secretário de Governo da Prefeitura na primeira gestão; e o empresário Júlio Ventura, do Grupo Ventura, o maior representante de revendedores de veículos no Estado. Julinho, como é conhecido, é padrinho de um dos filhos de Cid Gomes.

Camilo e Julinho Ventura.

 

 

Cid e Ciro não aparecem, mas a irmã prestigia Camilo

Uma pedetista chamou a atenção, durante a convenção do PDT/PT, no Ginásio da Faculdade Ari de Sá. Era Lia Gomes, candidata a deputada estadual e irmã de Ciro e Cid Gomes. Ela chegou na mesma Van do governador, colada à primeira-dama estadual Onélia Leite, e percorreu todo o trajeto do veículo até o local da convenção sempre coladinha a Camilo.

Lia Gomes, recentemente, em seu Facebook, apregoou boicote ao nº 15, que é do MDB do senador Eunício Oliveira que, no sábado, na convenção emedebista, ganhou o voto do governador.

(Foto – Paulo MOska)

Professora cearense premiada lança livro nesta quarta-feira

230 1

A professora Jacqueline Braga vai apresentar em Fortaleza, às 19 horas desta quarta-feira (8), no Lounge Manhattan do Shopping Rio Mar Papicu, a obra “Brejo Santo – A cidade educadora: luz e inspiração para o Brasil” Na publicação, as experiências como secretária de Educação do município de Brejo Santo e o seu trabalho e de sua equipe que levaram ao reconhecimento em todo o País pelos altos índices de rendimento na Educação Infantil e Fundamental.

Com graduação em Geografia pela Universidade Regional do Cariri (Urca-1989), pós-graduada em Administração Educacional pela Universidade Salgado Oliveira (RJ), Jaqueline assumiu a pasta da Secretaria de Educação em 2009 e, desde 2013, é secretária de Educação do município de Brejo Santo.

A educação de Brejo Santo recebeu o reconhecimento de Cidade Educadora, tendo recebido o título de primeiro lugar em Gestão Eficiente na Educação Pública do País. Desde 2010, a educação do município vem recebendo prêmios anualmente da Nota 10 – SPAECE pelo Governo do Ceará.

(Foto – Arquivo)