Blog do Eliomar

Categorias para Ceará

Teatro São José… a um passo da eternidade

Quem passa em frente ao Teatro São José (Praia de Iracema), indaga: Quando é mesmo que Fortaleza terá de volta esse equipamento cultural? A reforma do local ganhou contornos de eternidade.

Espera-se que tanta demora não seja uma espécie de bater de recorde com as obras da Catedral Metropolitana que, por pouco, não chegavam ao centenário.

(Foto – Camila Almeida)

Neste sábado, o Dia Internacional da Animação

“O Fim da Fila”, animação de William Figueiredo, será exibido domingo, às 17 horas.

O Dia Internacional da Animação – comemorado em 28 de outubro, será lembrado neste sábado, pois é, também, o ano do centenário dessa arte cinematográfica.

A CAIXA Cultural Fortaleza, onde acontece o Circuito Itinerante Anima Mundi, um dos mais importantes festivais de cinema de animação do mundo, lembra a festa. A programação acontecerá ali até domingo, com sessões às 15h, 17h e 19h.

SERVIÇO

*Acesso gratuito.

*Mais Informações – (85) 3453-2770.

FDR abre inscrições par curso de Gestão Social

A Fundação Demócrito Rocha (FDR) e a Universidade Aberta do Nordeste (Uane) abrem inscrições para o curso de extensão em Gestão Social. O curso é oferecido na modalidade Educação a Distância (EAD) e é totalmente gratuito. O curso de extensão Gestão Social é uma parceria entre a Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social do Governo do Estado do Ceará e a FDR. Serão 12 videoaulas com duração de 15 minutos, 12 radioaulas com a mesma duração e 12 fascículos veiculados segundas, quartas e sextas no O POVO, de 31 de outubro a 17 de novembro.

Os temas abordados nas aulas serão Gestão Social; Gestão Social e Território; Gestão Social, Participação e Controle Social; Gestão Social e Co-produção de Bens e Serviços; Gestão Social e Desenvolvimento Sustentável; Gestão Social em Redes e Interorganizações; Gestão Social e Educação; Gestão Social e Economia Plural; Gestão Social e as Políticas Públicas de Assistência; Gestão Social e as Políticas Públicas de Juventude; Gestão Social, Inovação e Tecnologia Social; e Elaboração e Avaliação de Projetos Públicos e Sociais.

Ao término do curso, o participante inscrito fará uma prova e quem alcançar a nota mínima receberá certificado de extensão chancelado pela Universidade Federal do Cariri.

Oficinas

Com o tema Gestão Social: uma chamada para reflexão e ação de políticas públicas inclusivas serão ministradas seis oficinas presenciais que têm início no Crato e seguem em Sobral, Iguatu, Itarema, Quixadá e Baturité. As inscrições para as oficinas são gratuitas e podem ser feitas no site fdr.org.br/uane/gestaosocial.

SERVIÇO

*As inscrições podem ser feitas no ambiente virtual de aprendizagem da FDR (ava.fdr.org.br).

Oficinas presenciais:
Crato – 31 de outubro
Sobral – 9 de novembro
Iguatu – 13 de novembro
Itarema – 16 de novembro
Quixadá – 23 de novembro
Baturité – 30 de novembro

*Inscrições gratuitas no site fdr.org.br/uane/gestaosocial

*Mais Informações – (85) 3255 6153 / 6155.

Dia do Professor – Prefeitura encerra comemorações com Salão Outubro Docente

A Secretaria Municipal da Educação promoverá, segunda e terça-feira próximas, no anexo II da Assembleia Legislativa, o Salão Outubro Docente. O evento encerrar a programação do Mês do Professor. O evento, que contará com a presença do prefeito Roberto Cláudio (PDT), é voltado para todos os professores e demais profissionais da educação de Fortaleza.

O objetivo do Salão Outubro Docente é proporcionar um momento de exposição e intercâmbio das 30 experiências selecionadas no “Projeto Professor Autor: Fazendo História… Trocando Figurinhas” e também os trabalhos vencedores e destaques do Prêmio Professores do Brasil, promovido pelo Ministério da Educação.

Na terça-feira (31), o prefeito Roberto Cláudio e a secretária da Educação, Dalila Saldanha, vão homenagear os professores e gestores das escolas municipais pelos resultados alcançados na Avaliação Nacional da Alfabetização 2016. Conforme o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), Fortaleza superou as médias do Nordeste e do Brasil em leitura, escrita e matemática das crianças do 3º ano do ensino fundamental.

SERVIÇO

*As inscrições para participação nas atividades devem ser realizadas por meio do link: http://salaodocente.sme.fortaleza.ce.gov.br/.

(Foto – Divulgação)

 

No Canal da Avenida Eduardo Girão, é já que o matagal vira uma floresta

Esta é a “floresta” que resiste no Canal da Avenida Eduardo Girão, nas proximidades do Terminal Rodoviário João Tomé. Já são várias as reclamações dos moradores do entorno, mas a Prefeitura não resolve.

Será que alguém do Paço vai esperar o próximo inverno para mostrar serviço?

(Foto – Cláudia Monteiro, leitora)

Eunício convoca peemedebistas para encontro regional de Solonópole

O presidente do Senado, Eunício Oliveira, divulga, em suas redes sociais, vídeo de convocação dos peemedebistas para encontro regional do PMDB na cidade de Solonópole. Ele divulga a agenda de debates.

O mote, no entanto, é animar as bases do partido de olho em 2018.

Eunício Oliveira, bom destacar, tem se reaproximado politicamente com o governador Camilo Santana (PT) e com os Ferreira Gomes, via ex-governador Cid Gomes. Ele evita o tema, mas também não descarta.

O Brasil e as bandeiras da bandidolatria

Com o título “País de extremos”, eis artigo de regina Ribeiro, jornalista do O POVO, que parte de um exemplo simples para expor o grande problema nacional do abandono em que se encontra nossos jovens e adolescentes. Confira:

Recebi a ligação por volta de 11 horas. A voz grave dizia que meu filho havia se tornado o responsável por um “grande tumulto” na classe que envolvera todos os meninos. Eu e meu marido fomos os últimos a chegar à escola. O casal de coordenadores nos aguardava. O pivô da confusão, então com 9 anos, jogava futebol numa das quadras do colégio sem nenhuma preocupação aparente. O “grande tumulto” acontecera no retorno do recreio, quando meu filho propôs que “queria ver” quem esvaziava mais rápido as lixeiras. Onze garotos avançaram sobre as pequenas lixeiras e uma chuva de papel, restos de lanches e embalagens inundou a sala.

“Suspenda o menino por três dias.” O coordenador, horrorizado, disse que a suspensão seria a última das opções. Precisava lembrar-me de que o meu filho tinha diagnóstico do Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade e que uma punição assim poderia complicar ainda mais a situação escolar dele etc e tal. Reagi afirmando que TDAH não era doença e que meu filho precisava sentir-se responsável pelo que tinha feito. Uma hora depois, os coordenadores chamaram o autor da traquinagem. Suando em bicas, respondeu todas as perguntas: Não sabia o motivo de ter pedido para todo mundo jogar as lixeiras para cima. Achou que ia ser divertido. Sim, foi divertido. Sim, sabia que havia feito algo errado. Mas que a professora havia feito todo mundo limpar tudo. Não. Nunca mais faria de novo a brincadeira. Por fim, assinou um termo de compromisso com uma letra esgarranchada, datou, entregou para os coordenadores.

Hoje, eu sei que não havia mesmo motivo para tanta rigidez. Às vezes, tinha dúvidas sobre a forma de lidar com meus filhos, embora não abrisse mão de todos os cuidados que achasse necessários. Lembro-me dessas pequenas aflições de mãe e sei que é impossível compará-las ao intenso sofrimento que muitas mulheres estão vivendo hoje nesta nação de infâncias e adolescências interrompidas pela violência.

Este mês, O POVO publicou um estudo do Unicef que mostra o Ceará na liderança do Índice de Homicídios na Adolescência (IHA). Fortaleza também se destaca, com um índice de 10,94 mortes por grupos de mil. São meninos entre 12 e 18 anos que morrem sem saber o que é viver. É fácil condenar adolescentes que não conhecemos. Julgá-los.

É impossível não se preocupar com uma quase-geração. Não é saudável que a discussão sobre a adolescência e juventude neste País esbarre nas bandeiras da bandidolatria, da redução da maioridade penal. Sem dúvida somos um País de extremos.

*Regina Ribeiro 

reginah_ribeiro@yahoo.com.br

Jornalista do O POVO e editora das Edições Demócrito Rocha.

(Foto – Defesanet)

Moradores protestam contra retirada de água do Cauípe para atender às indústrias do Pecém

Moradores da Barra do Cauípe estão bloqueando a CE-085, em local próximo à Companhia Siderúrgica do Pecém (CSP). Fazem protesto contra o projeto da Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos do Ceará (Cogerh) de retirada das águas do Lagamar do Cauipe.
O Governo quer retirar água do Lagamar para atender às indústrias Complexo Industrial e Portuário do Pecém.
(Fotos – WhatsApp de Leitor do Blog)

Luizianne Lins denuncia o desmonte do Sistema Único de Assistência Social

“O Sistema Único da Assistência Social, o SUAS, está sofrendo um verdadeiro desmonte do governo ilegítimo de Michel Temer”, denunciou, na Câmara dos Deputados, a deputada federal Luizianne Lins (PT). Segundo a parlamentar, são mais de 10 mil centros de assistência, incluindo CRAS, CREAS e centro de atendimento à população de rua, que hoje vivem a incerteza da sua continuidade.

“Nós estamos quase no final de outubro e, até agora, o governo ilegítimo de Temer só aplicou 40% do previsto do orçamento de 2017.”, alerta a deputada federal Luizianne Lins (PT/CE), completou a deputada.

De acordo com a petista, os prejuízos dessa ação prejudicam especialmente a população mais vulnerável, que é justamente quem utiliza o Sistema Único de Saúde (SUS). Luizianne apela a todas para pressionar: “Nós não podemos silenciar diante do desmonte do estado brasileiro e, em especial, do Suas. Vamos enfrentar esse debate, vamos denunciar o governo ilegítimo e não vamos aceitar nenhum corte no orçamento de 2018 na área da assistência social e vamos continuar lutando pelo Suas”, reforça.

Congresso instala oficialmente a Intersindical no Ceará

208 2

Vários sindicatos, trabalhadores, dirigentes e militantes sociais estão reunidos, nesta sexta-feira, na sede do Sindicato dos Servidores e Empregados Públicos do Município de Fortaleza (Sindifort) para fundar oficialmente a Intersindical Central da Classe Trabalhadora no Estado do Ceará. Funcionando com uma coordenação provisória desde 2014, os trabalhadores avançam na organização da Central ao oficializar a fundação e dar passos na consolidação de um sindicalismo de luta e democrático, com independência política.

Unificando trabalhadores do setor público e privado, a Intersindical Ceará já deu passos significativos nessa direção, segundo a presidente do Sindifort, Nascélia Silva, uma das coordenadoras do Congresso. Ela destaca a importância da unidade e da luta em defesa dos direitos sociais, do serviço público e de um modelo que combata as desigualdades sociais, o arrocho salarial, o desemprego e valorize os servidores públicos e a maioria do povo.

Participam do congresso, delegações de diversas cidades como Fortaleza, Juazeiro do Norte, Crateús, Alcântaras, Pacajus e Potengi, representando sindicatos de servidores públicos, rurais e do setor privado, como o Siatrans, de base estadual e próprio Sindifort, além de organizações ligadas ao movimento popular.

Na pauta desta sexta-feira, além da discussão sobre conjuntura nacional, concepção sindical e plano de lutas, também está a eleição da Direção Estadual, Direção Executiva e Conselho Fiscal. No encerramento, haverá confraternização entre delegados e participantes.

DETALHE – Posição unânime dos sindicalistas é pelo Fora Temer e pelo fim das reformas que tratam da terceirização, previdência, reforma trabalhista e quebra da estabilidade do servidor público.

(Fotos – Jadson Silva)

Fortaleza será sede do VII Encontro Intercontinental sobre Natureza – O2

Fortaleza será sede, de 6 a 8 de novembro próximo, do VIII edição do Encontro Intercontinental sobre a Natureza – O2. O evento é uma realização do Instituto Hidroambiental Águas do Brasil (IHAB) e ocupará espaços no Centro de Eventos. O tema central é “Governança da Água e Segurança Hídrica para Usos Múltiplos”.

A conferência magna, que ocorrerá no dia 6, às 16 horas, será proferida por Oscar de Moraes Cordeiro Netto, professor da Universidade de Brasília (UNB), ex-diretor da Agência Nacional de Águas (ANA) e ex-presidente da Associação Brasileira de Recursos Hídricos (ABRH).

Na ocasião, Oscar de Moraes será condecorado como Embaixador O2 para a Natureza 2017. O secretário dos Recursos Hídricos do Estado, Francisco Teixeira, será o cicerone do encontro.

SERVIÇO

*As inscrições estão abertas e podem ser realizadas pelo site: http://www.ihab.org.br/o2017/

(Foto – Divulgação)

Maia Júnior diz ter duas camisas que nunca deixará de vestir: a do Fortaleza e a de Tasso

384 1

Na reunião que manteve com diretores da Federação das Indústrias do Ceará (Fiec), nesta semana, na Casa da Indústria, o secretário estadual do Planejamento, Maia Júnior, hoje o “todo poderoso” na constelação oficial, disse:

“Tenho duas camisas que nunca deixará de vestir: a do Fortaleza e a de Tasso.”

Maia até andou criticando a postura da oposição feita a Camilo no Poder Legislativo, que adora discurso fácil. Isso, sob olhares do deputado Carlos Matos (PSDB), que ouviu calado.

(Foto – Fiec)

Roberto Cláudio Bezerra e Ítalo Gurgel lançam livro na Casa José de Alencar

O ex-reitor da Universidade Federal do Ceará, Roberto Cláudio Bezerra, e o jornalista Ítalo Gurgel lançarão, nesta sexta-feira, a partir das 17 horas, na Casa José de Alencar, o livro Minha Universidade, Minha História.

Na plateia, uma presença certa: do prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PDT), filho do ex-reitor, além de vários convidados especiais.

(Foto – Divulgação)

Jair Bolsonaro elogia Ciro e nega perseguição às relações homoafetivas

Da Coluna Vertical, do O POVO desta sexta-feira:

Ao revelar que em 2002 foi eleitor de Ciro Gomes, pré-candidato do PDT à Presidência, o também pré-candidato ao Planalto em 2018, Jair Bolsonaro (PSC-RJ), disse, nesta semana, em entrevista ao programa Hora da Notícias, da Rádio Assunção, que “Ciro Gomes tem uma bagagem cultural extraordinária e administrativa também”.

No programa, desejou boa sorte a Ciro e que o político cearense possa ajudar o Brasil, caso seja eleito. Apesar de polêmico, o pré-candidato assegurou que, durante a campanha, não irá participar de jogo de ofensas: “Entendo que o que está acontecendo comigo (atual momento político favorável) é uma missão de Deus. E Ele não nos dá uma cruz a qual não possamos carregar”, disse Bolsonaro.

Ele negou que faça uma perseguição às relações homoafetivas pelo País. “A maioria dos gays tem um comportamento exemplar. O que se faz entre quatro paredes não interessa a ninguém. Mas uma minoria tenta afrontar os valores tradicionais”, alfinetou o presidenciável.

Marcelo Mota de olho na reeleição

Marcelo e Valdetário.

O presidente da OAB do Ceará, Marcelo Mota, já trabalha pela reeleição, embora negue publicamente. O mandato só termina no fim de 2018, mas ele sabe que a ordem é reforçar sua imagem.

Isso, principalmente depois que o Conselho Federal da OAB derrubou dispositivo da OAB do Ceará, baixada pelo ex-presidente Valdetário Monteiro. Nessa época, Valdetário foi para a reeleição e depois baixou tal proibição.

Valdetário, hoje, é membro do Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

(Foto – Divulgação)

Procurador é condenado a 16 anos por morte de delegado

 

O procurador de Justiça aposentado Ernandes Lopes Pereira, 67, foi condenado a 16 anos de prisão em regime fechado pelo assassinato do delegado Cid Peixoto do Amaral Júnior. O Conselho de Sentença do Tribunal do Júri da Comarca do Eusébio entendeu que Ernandes é culpado pelo crime ocorrido em 2008. De acordo com a sentença do juiz Henrique Botelho Romcy, titular da 1ª Vara do Eusébio, a pena deverá ser cumprida em regime fechado. No entanto, Ernandes Lopes aguardará em liberdade o julgamento do recurso a ser apresentado pela defesa.

Realizada ontem na Câmara Municipal do Eusébio, a sessão de julgamento do caso começou por volta das 10h15min. A sentença foi proferida quase 12 horas depois, por volta das 21h55min.

Antes do início do julgamento, foram distribuídas senhas para a entrada na sala de processo. Familiares e amigos da vítima vestiam blusas pretas com o nome de Cid e um pedido de justiça.

Cid Júnior foi morto aos 60 anos com tiro disparado pelo procurador. Na ocasião, as mulheres dos dois homens, a mãe de Cid e funcionários de Ernandes estavam na residência. O crime aconteceu no fim da tarde de 13 de agosto de 2008, na casa do procurador, em Precabura, no Eusébio. A vítima teria ido buscar a mãe, que fora convidada pelo acusado para conhecer a casa. O Ministério Público, juntamente com os advogados de acusação da família da vítima, defendeu que a ação de Ernandes foi deliberada.

O procurador aposentado passou pouco mais de um ano preso. Em dezembro de 2009, o Supremo Tribunal Federal (STF) concedeu liberdade ao acusado. No decorrer do processo, uma das principais testemunhas, a mãe da vítima, que tinha 83 anos à época do crime, morreu. De acordo com o desembargador Jucid Peixoto do Amaral, irmão de Cid, acusado e vítima eram amigos de infância, mas não se viam há décadas até o dia do crime. Além do magistrado, foram ouvidas mais três testemunhas de acusação, outras duas de defesa e o próprio Ernandes.

Segundo Carlos Alberto Herculano, conhecido como Cancão, que era motorista do acusado e foi peça-chave nas apurações, o promotor aposentado estava consumindo bebida alcoólica desde a manhã da quarta-feira em que o crime aconteceu. Ele afirmou que o patrão perguntou: “você já matou alguém?” e, em seguida, teria apontado a arma “para tirar o cartucho do carregador” na vítima, que foi atingida na cabeça, próximo à orelha. A testemunha de acusação contou que o ato não foi precedido de nenhum tipo de desentendimento entre ambos.

O principal argumento da defesa foi que o tiro teria sido disparado involuntariamente. Além de que os reflexos do réu estavam comprometidos pela bebida. Outra testemunha de acusação, a perita criminal Luciana de Amorim, que trabalhou no caso, explicou que a arma utilizada é considerada uma das mais seguras pois possui três travas de segurança. De acordo com ela, “sem vontade de acionar, não dispara”. Ela detalhou o funcionamento da arma com a própria arma do crime, uma pistola Glock calibre 380, para o júri.

(O POVO – Repórteres Ana Ruth Ramires e João Marcelo Sena)