Blog do Eliomar

Categorias para Ceará

Presidente do Fortaleza diz que liberar a venda de bebida alcoólica nos estádios é retrocesso

326 2

O presidente do Fortaleza Esporte Clube, Luis Eduardo Girão, em artigo que assina no O POVO desta segunda-feira, posiciona-se contra a venda de bebida alcoólica nos estádios cearenses. Para ele, seria um retrocesso. Confira:

Além de presidente do Fortaleza, sou “torcedor de arquibancada” desde que me entendo por gente. Nessa jornada de amor ao futebol, infelizmente, já vi muita violência nos estádios: brigas, atos de barbaridade gratuitos e recorrentes, ódio e rivalidade potencializados pelos efeitos do álcool somados à emoção de uma partida. O álcool era, quase sempre, o combustível dos infortúnios. O fato é que a Assembleia Legislativa do Ceará está em vias de aprovar a liberação da venda de bebidas alcoólicas nos estádios.

Alguns países desenvolvidos também sofrem com a violência na arquibancadas, oriunda da bebida. Por isso, baniram essas bebidas alcoólicas dos estádios. Como é o caso da Inglaterra, Itália e Argentina, por exemplo. Nos campeonatos mais importantes do mundo, como Eurocopa, Liga dos Campeões e Liga da Europa, a venda também é vedada. Por sinal, esses são os torneios mais lucrativos do mundo. E isso não é um paradoxo. Faz todo o sentido.

O professor Maurício Murad, autor do livro Para entender a violência no futebol, pesquisou e constatou uma redução drástica de violência nos estádios desde que a bebida foi proibida. Em 2008, primeiro ano da proibição, só em Pernambuco houve redução de 63% no índice de violência. Em São Paulo, 57% e em Minas Gerais, 45%. Agora, os estados começam a liberar o consumo visando apenas o lucro pelo lucro, sem perceber o dano às vidas de muitos torcedores e ao espetáculo dos jogadores no gramado. É um retrocesso que pode, inclusive, prejudicar os clubes cearenses com eventuais perdas de mandos de campo por confusões oriundas dos efeitos do álcool. E quem vai se responsabilizar por eventuais tragédias dentro dos estádios?

O Ministério Público é contra, a Polícia Militar também é contra, assim como muitos movimentos de cidadania que estudam cientificamente há tempos o tema. Precisamos (políticos, torcedores, clubes de futebol, entidades sociais) refletir sobre esses pontos que coloquei acima e não querer liberar esse grande mal a “toque de caixa” para o nosso povo.

Como dirigente, não abro mão da paz nos estádios. Por tudo isso, não ficaria com a minha consciência tranquila se não me posicionasse contra esse equivocado projeto de lei, pois sei o quanto o tema nos é caro e digno de atenção para uma sociedade verdadeiramente fraterna. Se mantivermos banida do futebol a venda de bebidas alcoólicas e incrementarmos ações pela paz no entorno das praças esportivas, poderemos ainda sonhar em ter nossas famílias de volta aos jogos. Para torcer e exercitar o bem-estar que o esporte propicia e poder comungar de ideais de um país melhor, menos violento e mais humano.

*Luís Eduardo Girão

opiniao@opovo.com.br

Presidente do Fortaleza Esporte Clube.

Mulher que agrediu verbalmente um guarda municipal foi condenada a pagar indenização

Uma professora universitária foi condenada a pagar R$ 28.960 de indenização por danos morais ao guarda municipal Ricardo Napoleão Moura Franco. Durante um protesto contra a construção do viaduto no Parque do Cocó, na avenida Engenheiro Santana Júnior, ela dirigiu diversos xingamentos ao guarda. O caso aconteceu em 2013. A mulher ainda poderá recorrer.

A sentença, de autoria do juiz Walberto Luiz de Albuquerque, a ação da professora foi registrada em vídeo pelo próprio guarda. Na gravação, a profissional aparece utilizando palavras, frases e termos de baixo calão para atacar Napoleão, que estava a serviço, contendo os manifestantes.

Embora intimada, a mulher não compareceu à audiência, o que resultou em sua condenação. Baseando-se nos autos do processo, o juiz afirmou que entende como absurdas, desproporcionais e gravíssimas as ofensas verbais direcionadas pela ré contra o autor da ação, um funcionário público que, no momento, estava exercendo sua profissão. As ofensas, para o juiz, foram suficientes para causar grande constrangimento e intensa dor psicológica, o que ultrapassa o mero aborrecimento.

Ainda pesou o fato de a ré ser professora da Universidade Estadual do Ceará (Uece), com doutorado pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC), o que, no entendimento do magistrado, reforça a consciência da gravidade do ato e de suas consequências.

(Site do TRF-5)

Alexandre Pereira já é cotado para suplente de senador

Reconduzido para mais quatro anos como presidente estadual do PPS, o empresário Alexandre Pereira, também secretário do Turismo de Fortaleza e primeiro vice da Federação das Indústrias do Ceará (Fiec), já tem nome cotado para uma suplência de senador. Pelo menos.

Mas ele prefere nada comentar a respeito de mandatos. O que Alexandre assegura é que o PPS marchará no apoio à reeleição do governador Camilo Santana (PT).

(Foto – CIC)

Cineteatro São Luiz atraiu mais de 100 mil expectadores de cinema em 2017

O Cineteatro São Luiz fechou o mês de outubro deste ano com a marca de 101.297 espectadores em 420 sessões de cinema. Segundo a assessoria de imprensa da Secretaria da Cultura do Estado, isso resulta numa média de 241 espectadores por sessão, número considerado por demais expressivo no circuito de salas públicas de cinema do Brasil.

Outro ponto destacado em relação ao público do cinema no Cineteatro São Luiz durante o ano de 2017 diz respeito as sessões noturnas de filmes: até agora, foram 104 sessões, com público total de 10.560 espectadores, o que resulta numa média de 101 espectadores por sessão. “

Secretário do Desenvolvimento Econômico falará para o Ibef/CE sobre oportunidades de investimentos

O secretário de Desenvolvimento Econômico do Ceará, César Ribeiro, é o convidado do projeto  Café com Negócios, do Instituto Brasileiro dos Executivos de Finanças (Ibef), regional do Ceará

Ele falará para os executivos e convidados sobre “Oportunidade de Negócios e Investimentos no Estado”. O encontro terá início às 7h30min, no Hotel Gran Marquise.

TCM – A Pá de Cal

188 1

Com o título “TCM: A PÁ DE CAL”, eis artigo de Ubiratan Diniz Aguiar, ministro emérito do Tribunal de Contas da União (TCU) e presidente da Academia Cearense de Letras. Ele ironiza a extinção do Tribunal de Contas dos Municípios TCM), que foi apoiada pleo governo estadual. Confira:

O Supremo Tribunal Federal por oito votos a dois, reconheceu a competência da Assembleia Legislativa do Ceará para extinguir o Tribunal de Contas dos Municípios arrimado, por certo, no princípio da economicidade. exaustivamente arguido nos memoriais elaborados pelos dirigentes dos Poderes Legislativo e Executivo.
O fim de uma longa vida de 62 anos do TCM decorreu não da prática de atos atentatórios à moralidade administrativa mas, segundo foi dito, em razão da necessidade de reduzir despesas de custeio, fruto de minucioso estudo procedido por setores especializados do governo.

Razão assiste ao nobre deputado autor da matéria, ressuscitando-o por vário anos a Proposta de Emenda Constitucional antes combatido por seu Pares e a reapresentando na efervescência das paixões políticas, uma semana após a disputa eleitoral pelo comando da Mesa Diretora da Assembleia. O novo olhar do Legislativo deu-se, talvez, em função da grave crise climática que se abate sobre o Ceará, exigindo-se a adoção de medidas de contenção de despesas, a exemplo do que vem sendo procedido pelo órgão legislativo estadual, extinguindo cargos, reduzindo despesas de passagens, alimentação, enfim, gastos com a representação parlamentar. A celeridade no trâmite da matéria dispensando interstícios, realizada em regime de urgência, sem o acautelamento da arguição de suspeição por alguns votantes que têm processos em tramitação na extinta Corte de contas, exibem a face austera dos parlamentares e governantes no saneamento das finanças do Estado.

As lágrimas dos que viram findar-se seu espaço de trabalho serão compensados em reajuste salarial para servidores, em programas de assistência ao homem do campo, em projetos que assegurem à escola Pública crescentes melhorias em suas estruturas físicas e aparelhagem informática e pedagógica.

Hoje a Assembleia Legislativa do Ceará pode comemorar a extinção do TCM. Exibe a força do Poder competente para elaborar leis e exercer a fiscalização e o controle dos gastos públicos. Dá exemplo ao país, mergulhado em processos de desvios de recursos públicos, de corrupção, ausência de cidadania, como se deve agir para o aprimoramento do exame das contas públicas, chamando a si, ou transferindo a outrem, a missão de exercer o múnus público do controle.

Por outro lado, logo mais, outros órgãos de controle, venham a ser sacrificados em nome da contenção de despesas e do atingimento das metas de excelência no exercício das funções decorrentes das políticas públicas postas em prática na administração.

A vitória há que ser comemorada. O troféu deve ser posto e exibido nas prateleiras e mesas dos dirigentes. É exemplo a ser seguido e modelo a ser adotado. Distante das querelas políticas, assistiu-se a luta pertinaz dos dirigentes em fazer valer o direito da força. Não houve o intuito do esmagamento político de adversários, até porque a dinâmica da vida partidária nos mostra, diariamente, os adversários de ontem, tornarem-se hoje, parceiros de um mesmo palco.

Vida longa ao enxugamento da máquina, ao fim dos desperdícios, das obras vazias de utilidade, ao saudável propósito em fazer da Política a ciência do administrar de mãos dadas Povo e Poder, até porque, salvo Emenda Constitucional, que venha a estabelecer que o Poder não necessita emanar do Povo. O Poder tem gosto de eternidade, embora seja efêmero.

*Ubiratan Diniz Aguiar,

Ministro emérito do TCU e presidente da Academia Cearense de Letras.

VIII Conefaz debate os desafios do Fisco nos atuais cenários político e econômico

“Os Desafios do Fisco nos Atuais Cenários Político e Econômico” é o tema do VIII Congresso Estadual dos Fazendários do Ceará – o Conefaz, fórum de discussão da categoria fazendária. O evento será aberto às 19 horas desta segunda-feira (30), no Hotel Praia Centro, e se estenderá até a quarta-feira (1º), com a discussão de temas fundamentais ao exercício da carreira fazendária.

Realizado a cada três anos pelo Sindicato dos Fazendários do Ceará (Sintaf), o Conefaz trará a Fortaleza o jornalista Luís Nassif, o economista e professor Ladislau Dowbor (PUC/SP), o juiz do trabalho Germano Siqueira, o consultor Luiz Arruda Vilella (ex-economista fiscal principal do BID), e o psicólogo Rossandro Klinjey, dentre outras personalidades de destaque.

Os palestrantes discorrerão sobre o impacto da reforma trabalhista no serviço público, a reforma tributária e sua repercussão no pacto federativo, o custo/benefício dos incentivos fiscais para as finanças do Estado, a situação financeira e atuarial da previdência estadual do Ceará e sobre o novo paradigma do controle fiscal, com o Fisco Digital.

(Foto – Divulgação)

Prefeito confirma expansão do Bike Saúde em 2018

O prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PDT), confirma: no início de 2018, vai instalar, nos terminais de ônibus, equipes do programa Bike Vida.

O serviço já opera na avenida Beira Mar e consiste na atuação de socorristas, de bicicleta, realizando, em caso de acidentes, primeiro atendimento até que a chegadas de uma viatura do SAMU.

A experiência tem dado bons resultados.

Federação da Agricultura do Ceará terá disputa pelo comando após 30 anos

Após 30 anos, haverá bater de chapas pelo comando da Federação da Agricultura do Ceará. Flávio Saboya tentará a reeleição, tendo como adversário o seu vice, Paulo Hélder.

Além de vice, Helder é também o coordenador do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), no Estado.

O pleito da Faec ocorrerá no próximo dia 13.

 

Um livro para enriquecer a historiografia da UFC

O ex-reitor da UFC e o beijo da neta Robertinha.

Com o título “Minha universidade, minha história”, eis artigo do professor universitário João Arruda. Ele destaca o livro do ex-reitor da UFC, Roberto Cláudio Frota Bezerra e do jornalista Ítalo Gurgel, lançado, festivamente, na última sexta-feira, na Casa José de Alencar. Confira: 

O ex-reitor da Universidade Federal do Ceará, Roberto Cláudio Frota Bezerra, e o professor e jornalista Ítalo Gurgel lançaram, no inicio da noite de sexta-feira, dia 27, na Casa de José de Alencar, o livro “Minha universidade, minha história.

Foi um lançamento histórico. Em um ambiente bucólico dos mais relaxantes e acolhedores, compatível com a personalidade instigante e agregadora do anfitrião do evento, professor Roberto Cláudio, o lançamento contou com algumas centenas de pessoas e reuniu uma plêiade de personalidades do mundo acadêmico, político e cultural de Fortaleza. Destaque especial para a presença de sete ex-reitores e do atual reitor da UFC, Henry de Holanda Campos, que fez a apresentação do livro.

“Minha universidade, minha história” é um relato – sincero e eloquente – em que o professor Roberto Cláudio discorre sobre os oito anos que passou à frente da Reitoria da Universidade Federal do Ceará. Mas ele vai além. No livro, Roberto Cláudio faz reflexões sobre o Ensino Superior, tema que conhece em profundidade, até por conta dos anos em que integrou o Conselho Nacional de Educação.

Com uma perspicaz capacidade de articulação política, um grande poder de liderança e uma aguda visão de futuro, foi natural o professor Roberto Cláudio eleger a estratégia do diálogo e respeito mútuo como uma das marcas do seu reitorado. Sintomaticamente, essa aproximação da Reitoria com as entidades representativas dos professores, servidores e estudantes, é um dos temas que perpassam as páginas de “Minha universidade, minha história”.

Roberto Cláudio também discorre sobre a melhoria da produtividade na UFC, a luta pela autonomia, a democratização do acesso e a batalha judicial em defesa do vestibular. Outro relato precioso, para a memória da Universidade, é aquele em que fala da implantação do Curso de Medicina em Sobral e Barbalha, iniciativa pioneira. que abriria portas, mais tarde, para o surgimento dos campi interioranos da UFC. Vale a pena, ainda, conhecer como a Comunicação Social, no reitorado de Roberto Cláudio, foi tratada com seriedade e profissionalismo.

O livro vem enriquecer a historiografia da UFC. Afinal, o professor Roberto Cláudio fala de cátedra quando o tema é UFC e educação superior, pois ele tem a sua trajetória profissional dedicada à educação e à universidade brasileira. Filho do professor Prisco Bezerra, um dos eméritos fundadores da Universidade Federal do Ceará, ele herdou do pai o mesmo apego e o mesmo compromisso com a melhoria da qualidade da educação superior brasileira. Como veremos no livro, a sua história de vida se confunde com a própria história da UFC, tendo participado de todas as grandes decisões ali ocorridas, nas últimas quatro décadas.

Minha universidade, minha história foi produzida, a quatro mãos, com o jornalista Ítalo Gurgel, que, desde os anos setenta, trabalhou com quase todos os reitores da UFC, tendo, na gestão do Prof. Roberto Cláudio, dirigido a Coordenadoria de Comunicação Social e as Edições UFC.

Em 270 páginas, um painel muito amplo para se conhecer melhor a Universidade Federal do Ceará e os seus construtores.

Vale apena conferir!

*João Arruda,

Professor da UFC.

Tasso descarta disputar o Governo em 2018

O senador Tasso Jereissati (PSDB) descartou candidatura ao Governo do Estado em 2018, em entrevista ao jornalista Luiz Viana, da Rádio O POVO CBN, nesta segunda-feira, 30. Questionado se existiria a chance de ele concorrer ao cargo, respondeu: “Não, não existe essa possibilidade, não. Não é viável, eu defendo sempre renovação, há muito tempo que eu defendo renovação. Eu acho que é ruim a perpetuação de uma geração no poder, tem que dar espaço a novas lideranças”.

Essa foi a primeira vez que Tasso falou diretamente sobre os rumores de que concorreria ao cargo, disputando contra o governador Camilo Santana (PT). A possibilidade foi anunciada no início deste mês por aliados. Segundo o deputado federal Genecias Noronha (SD), o tucano teria admitido em reunião fechada que iria “analisar” a chance.

Tasso concedeu a entrevista quando chegava à festa, nesta manhã de segunda-feira, pela conquista do Hub da Air France/KLM-Gol, no Pavilhão da Residência Oficial. A festa foi suprapartidária, contando com a presença, além de Camilo, do prefeito Roberto Claudio (PDT), o presidente da Assembleia Legislativa, Zezinho Albuquerque (PDT), de deputados estaduais como Audic Mota (PMDB), além de empresários.

(Blog de Política, por Letícia Alves)

Tasso admite não quer continuar presidindo o PSDB, mas avisa que ainda ouvirá as correntes tucanas

O presidente nacional interino do PSDB, senador Tasso Jereissati, reconheceu, nesta segunda-feira, que seu partido está dividido, porque é democrático e tem várias correntes. Chegou a dizer que o PSDB não é partido de “voz só e comando só” feito o PCdoB.

Indagado se trabalha para continuar presidente nacional da legenda, Tasso disse que não quer continuar comandando o partido, mas deixou claro que vai escutar todas as correntes do partido antes de tomar uma decisão.

Tasso comemorou a chegada do hub da Air France-KLM-Gol e disse ser importante para a economia do Estado. Fez questão, no entanto, de dizer que ali estava como convidado e que sua presença não tinha caráter institucional, ou seja, de dirigente tucano.

O tucano estava bem animado entre convidados. Chegou a ingressar no Pavilhão da Residência Oficial, mas acabou conduzido para área vip, onde estava o governador Camilo Santana (PT).

Ex-secretários tassistas bem juntinhos na festa pelo hub da Air France/KLM-Gol

Os ex-secretários tassistas  Assis Neto, hoje empresário, e Maia Júnior, hoje o titular da Secretaria do Planejamento do Ceará, sentaram juntinhos durante a festa desta segunda-feira, na Residência Oficial, pela conquista do hub da Air France/KLM-Gol.

Assis Neto comemorou o fato, enquanto Maia Júnior disse que o hub vai abrir grandes perspectivas para o crescimento econômico do Ceará.

Maia Júnior evitou, mais uma vez, assuntos políticos. Assis estava como convidado do governador Camilo Santana.

(Foto – Paulo MOska)

Festa pela conquista do hub Air France/KLM-Gol ganha caráter suprapartidário

A festa de comemoração pela conquista do Hub da Air France-KLM-Gol pelo Ceará, ocorrida nesta manhã de segunda-feira, na Residência Oficial, ganhou caráter suprapartidário. O governador Camilo Santana (PDT) e o prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PDT), ao lado da cúpula da Air France, recepcionaram políticos de vários partidos. Nessa lista, os ex-governadores Tasso Jereissati, presidente nacional interino do PSDB; Lúcio Alcântara, presidente estadual do PR, e Adauto Bezerra.

Nessa lista ainda de comemorações o senador José Pimentel (PT), o deputado federal José Nobre Guimarães (PT) e vários deputados estaduais, entre eles Audic Mota (PMDB), vereadores e lideranças empresariais como o presidente da Fiec, Beto Studart, e Severino Ramalho Neto, diretor da CDL Fortaleza. Todos destacaram a importância da conquista como fundamental para a geração de empregos no turismo, com expectativas de gerar avanços em outros segmentos da economia.

Tasso disse que atendeu a um convite de Camilo e que sua presença não era de cunho partidário.

O Pavilhaõ da Residência Oficial ficou lotado. deu overbooking de autoridades. A solenidade foi aberta com cântico do hino nacional entoado pelo cantor e sanfoneiro Waldonys.

Ex-governador Adauto Bezerra posando ao lado do sanfoneiro Waldonys.

O evento promete não ser apenas uma jogada de marketing do governo, pois Camilo Santana buscará a reeleição em 2018. Há uma articulação que visa pressionar a Latam, ainda indecisa sobre instalar hub. A disputa está entre Fortaleza, Natal e Recife.

(Fotos – Paulo MOska)

 

TRE alerta eleitores das cidades que concluirão a biometria

O Tribunal Regional Eleitoral lança um alerta os eleitores dos municípios que encerrarão as revisões nesta terça-feira: procurem os postos de atendimento e evitem o cancelamento dos títulos.

São eles: Cascavel (56.782 eleitores), Pindoretama (18.254 eleitores), Russas (55.778 eleitores), Palhano (8.532 eleitores), São Gonçalo do Amarante (43.569 eleitores), Santa Quitéria (35.365 eleitores), Catunda (8.807 eleitores), Hidrolândia (16.674 eleitores), Guaraciaba do Norte (33.758 eleitores), Croatá (15.481 eleitores), Jaguaruana (28.244 eleitores) e Itaiçaba (6.918 eleitores).

De acordo com a coordenadora de administração do cadastro eleitoral, Lorena Belo, ainda há muitos eleitores que não realizaram a biometria.

Documentação

Os eleitores precisam dos seguintes documentos para tirar o título e realizar a coleta dos dados biométricos:

– RG ou qualquer outro documento que comprove a nacionalidade brasileira (Ex: Carteira de Trabalho ou carteira emitida pelos órgãos criados por lei federal);
– certificado de quitação com o serviço militar, para os brasileiros do sexo masculino, com idade entre 18 a 45 anos que for tirar o título pela primeira vez;
– comprovante de residência.

Impedimentos

Quem não fizer o recadastramento terá o título cancelado. E são muitos os prejuízos para os eleitores em débito com a Justiça Eleitoral. Além de não poder votar nas próximas eleições, ficam impedidos de:

– Requerer passaporte ou carteira de identidade;
– Receber salário e benefícios sociais de entidades públicas ou assistidas pelo governo;
– Fazer parte de concorrência pública ou administrativa em qualquer instituição da União, dos estados, dos municípios ou do Distrito Federal;
– Solicitar empréstimos em qualquer banco ou estabelecimento de crédito subsidiado pelo governo;
– Inscrever-se em concursos públicos ou tomar posse de cargos públicos;
– Renovar matrícula em qualquer instituição de ensino pública ou fiscalizada pelo governo;
– Requerer qualquer documento que necessite da quitação eleitoral.

Médico Juan Mejia receberá a Medalha Boticário Ferreira

O médico cardiologista Juan  Mejia receberá, às 19 horas desta terça-feira, durante sessão solene da Câmara Municipal, a Medalha Boticário Ferreira. Trata-se da mais alta comenda da cidade. A iniciativa é do vereador Marcelo Lemos (PSL).

Graduado em 1986, pela Faculdade de Medicina de San Fernando, que pertence a Universidade Nacional Maior de São Marcos, Juan Alberto Cosquiello Mejia, nascido em 30 de junho de 1961, em Lima no Peru, reside no País há 20 anos e já é naturalizado brasileiro.

Casado, pai de dois filhos, o médico Juan Mejia, é um dos mais renomados cirurgiões cardíacos, em nível nacional, sócio fundador da Sociedade Brasileira de Insuficiência Cardíaca, membro da Sociedade Internacional de Transplante Cardíaco e Pulmonar, mestre em clínica médica, pela Universidade Federal do Ceará, havendo feito residência com o professor Abdibe Jatene, no Instituto do Coração, em São Paulo.
Juan Mejia é o coordenador do Programa de Transplantes Cardíacos e de Coração Artificial do Hospital Dr. Carlos Alberto Studart , do Hospital de Messejana-HM, vinculado à Secretaria da Saúde do Estado.

Inácio busca apoio financeiro para programa de energia solar

O secretário da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior do Estado, Inácio Arruda, encontra-se em Brasília nesta segunda-feira. Ele tem audiência no Ministério da Ciência e Tecnologia onde acerta a liberação de R$ 6,5 milhões para projetos na área da energia fotovoltaica.

Inácio adianta que quer implantar energia solar nos prédios da Secitece e montar um  laboratório móvel de manutenção para esse projeto. “Essa ação vai servir de laboratório para o Estado”, explica o secretário, que retornará ainda nesta segunda-feira.

Ele se diz feliz com o sucesso da Feira do Conhecimento que, desde a última quinta-feira, ocupou espaços no Centro de Eventos. Foi encerrada nesse domingo, registrando bom público e, conforme Inácio Arruda, boa participação dos estudantes e empreendedores na área da inovação tecnológica.

Funceme diz que Ceará pode ter bom inverno

As perspectivas de um bom inverno, ano que vem, no Ceará, são favoráveis no momento. Quem diz é o presidente da Funceme, Eduardo Sávio, observando que há um cenário apontando para o La Niña, onde as temperaturas no Pacífico ajudam para o inverno no Nordeste.

Eduardo Savio, no entanto, ressalva que o melhor período mesmo para se projetar e falar sobre inverno será entre o fim de dezembro e o começo de janeiro próximo.

Governo vai reforçar a segurança implantando Batalhões do Raio na periferia de Fortaleza

Da Coluna Vertical, do O POVO desta segunda-feira:

Após lançar um reforço de quase duzentos policiais no Centro de Fortaleza, o governador Camilo Santana partiu para reforçar a segurança na periferia da cidade.

No último sábado (28), implantou o Batalhão Raio em Messejana, amanhã estará implantando o serviço no bairro Vila Velha e, na próxima terça-feira (7), será a vez da Parangaba. São quatro das áreas mais populosas e complexas da cidade.

Nesses locais, além do reforço de dezenas de policiais, o governo tem investido em novas viaturas e, principalmente, motos, o principal meio de transporte usado pelo Raio, devido à agilidade das operações.

O reforço do Raio em Fortaleza acontece paralelo ao reforço no interior, onde todas as cidades com mais de 50 mil habitantes receberão batalhões próprios.