Blog do Eliomar

Categorias para Ceará

PRB descarta apoio ao presidenciável Ciro Gomes

Em negociação com outros partidos do centrão para uma possível aliança na disputa presidencial, o PRB avisou que não há chances de a legenda apoiar o ex-ministro Ciro Gomes (PDT). O apoio ao pedetista já é admitido por integrantes das cúpulas do DEM, PP e Solidariedade, siglas que discutem junto com o PRB a possibilidade de apoiarem o mesmo candidato nas eleições deste ano para o Palácio do Planalto.

“Já avisei que com Ciro não vamos. O PRB não caminha com a esquerda. Ele não é de esquerda, mas o partido dele é e o debate que ele tem feito é de esquerda”, afirmou o presidente nacional do PRB, Marcos Pereira, ao Estadão/Broadcast. De acordo com o dirigente, seu partido só aceitaria desistir da candidatura do empresário Flávio Rocha, dono das lojas Riachuelo, se for para apoiar algum nome de centro-direita.

As discussões de DEM, PP, PRB e SD sobre essa possível aliança na disputa presidencial começaram na semana passada. As articulações estão sendo comandadas pelo presidente da Câmara, Rodrigo Maia (RJ), pré-candidato do DEM ao Planalto. Com o movimento, ele tenta ganhar protagonismo na negociação eleitoral do campo do centro e, ao mesmo tempo, isolar PSDB e MDB, que negociam possível aliança em torno da candidatura do ex-governador Geraldo Alckmin (PSDB).

Integrantes das cúpulas desses partidos já se reuniram pessoalmente pelo menos uma vez. O encontro aconteceu na residência oficial da Presidência da Câmara em Brasília. A ideia é tentar trazer para as conversas o PTB, legenda que tem sinalizado apoio a Alckmin, e, em um segundo momento, o Podemos, que tem o senador Álvaro Dias (PR) como presidenciável.

Nas conversas iniciais, a proposta é que, em julho, essas legendas escolham juntas o nome que apresentar melhores condições de ser eleito. Essas condições envolveriam não só bom desempenho nas pesquisas, mas também índices de rejeição e capacidade de gestão. Essa escolha aconteceria até 5 de agosto, prazo que os partidos têm para realizarem suas convenções para decidirem como vão se posicionar nas eleições de outubro.

Vetado pelo PRB, Ciro intensificou ofensiva em busca de apoio do PSB após o ex-ministro do Supremo Tribunal Federal Joaquim Barbosa desistir de ser candidato à Presidência pela legenda. O presidente do PDT, Carlos Lupi, ligou para o presidente do PSB, Carlos Siqueira, e prometeu procurá-lo para uma reunião nesta quarta-feira, em Brasília.

A outra frente é via parlamentares. Integrantes da cúpula do PDT têm abordado deputados do PSB para tentar convencê-los a defenderem aliança do partido com Ciro. A “ofensiva parlamentar” é comandada pelo líder do PDT na Câmara, André Figueiredo (CE), e pelo ex-ministro Cid Gomes, irmão de Ciro e um dos coordenadores da campanha do pedetista ao Palácio do Planalto.

Na semana passada, Cid se encontrou em Brasília com os deputados Júlio Delgado (MG), líder do PSB na Câmara, e Alessandro Molon (PSB-RJ). No dia anterior, falou por telefone com o ex-deputado Beto Albuquerque (RS). O presidente do PSB, Carlos Siqueira, contudo, descarta candidatura própria. Segundo dirigente, após a desistência de Barbosa, restaram duas opções: se coligar a um candidato com “identidade programática” com o PSB ou liberar seus filiados para apoiarem quem quiserem.

(O POVO com Agências)

DETALHE – Flávio Rocha, presidenciável do PRB, vai cumprir agenda no Ceará, nesta quinta, em Fortaleza, e, nesta sexta-feira, em Juazeiro do Norte. Em ritmo de pré-campanha. Confira aqui.

Tribunal de Justiça instala 2º Juizado Especial na Faculdade Ari de Sá

O Tribunal de Justiça do Ceará vai instalar o 22º Juizado Especial Cível de Fortaleza na Faculdade Ari de Sá, localizada no Centro da cidade. O documento foi assinado pelo presidente, o desembargador Gladyson Pontes, e o diretor-presidente da instituição de ensino, Oto Brasil de Sá Cavalcante. A informação é da assessoria de imprensa do TJCE.

Segundo o convênio, a faculdade vai ceder prédio situado na rua Gonçalves Lêdo, 1240, bem como mobiliário necessário ao funcionamento do Juizado. Também vai disponibilizar estagiários do curso de Direito, que aproveitarão a experiência para a disciplina de prática jurídica.

Unidade

A unidade terá sala de espera de audiência, gabinete de juiz e espaço para Defensoria Pública e OAB, além de sala de audiências de conciliação, secretaria e balcão de atendimento. Segundo o diretor-presidente da Faculdade Ari de Sá, a previsão é de que a unidade esteja funcionando nas novas instalações em 30 dias. “Como instituição de ensino temos que exaltar a importância da Justiça para a resolução de conflitos, essencial para promover a harmonia social. E os alunos também serão bastante beneficiados com a vinda do Juizado”, afirmou.

Para a coordenadora do curso de Direito, Marlene Pinheiro, o convênio “permite o desenvolvimento prático dos alunos e ajuda também nossa comunidade. Desde o princípio a Faculdade se preocupa com a desburocratização do acesso à Justiça, com o uso dos métodos de solução de conflitos. Queremos fomentar essa cultura”, declarou.

Evandro Leitão parabeniza a Polícia pela redução do número de homicídios em abril

192 2

O líder do Governo na Assembleia Legislativa, Evandro Leitão (PDT), ocupou a tribuna da Casa, nesta terça-feira, para elogiar o trabalho dos polícias civil e militar do Ceará no combate ao crime. Referiu-se aos números de homicídios que caíram em abril deste ano.

Os Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs) tiveram uma redução de 2,6% em todo Estado em relação ao mesmo período do ano passado. Em Fortaleza, a queda foi de 14,9%.

“Tenho absoluta convicção de que essa redução se deu sobretudo pelo trabalho dos nossos policiais militares e civis. Que essa minha fala seja um incentivo para que eles continuem se dedicando”, disse Evandro Leitão. Ele adiantou que várias medidas estão sendo tomadas pelo Governo do Ceará para dar uma resposta à população na área da segurança pública.

Evandro citou ações como ampliação e interiorização do efetivo policial, implantação dos Batalhões de Divisas, instalação de novas delegacias 24 horas e do Batalhão Raio e de sistemas de videomonitoramento em municípios com mais de 50 mil habitantes.

Camilo anuncia convocação dos aprovados no concurso do Detran para junho

988 4

O governador Camilo Santana (PT) anunciou, durante bate-papo semanal com internautas em sua página no Facebook, que no próximo mês de junho vai homologar e convocar aprovados no concurso do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-CE), lançado em setembro último. Ao todo, 171 mil candidatos participaram do processo.

A transmissão foi realizada direto de Brasília, onde o governador participou de reunião com representantes do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) acerca das obras do Metrô de Fortaleza. Tentou destravar recursos para o empreendimento.

Enem 2018

Às vésperas do fim da inscrição para o Exame Nacional do Ensino Médio deste ano (Enem – 2018), previsto para esta sexta-feira, 18, Camilo Santana incentivou os alunos da rede pública estadual a realizarem a matrícula.

TCE divulga no próximo dia 28 parecer sobre contas da gestão Camilo Santana de 2017

No próximo dia 28, às 15 horas, o Tribunal de Contas do Estado, em clima de sessão extraordinária, vai apreciar as contas do governador Camilo Santana relativas ao exercício de 2017. A data, definida pelo relator do processo, conselheiro Ernesto Saboia, foi anunciada durante a sessão plenária da Corte desta terça-feira. A informação é da assessoria de imprensa do TCE.

Com base no relatório a ser apresentado por Saboia, o colegiado emitirá parecer prévio pela aprovação, desaprovação ou aprovação com ressalvas. O documento é então encaminhado à Assembleia Legislativa, a quem cabe julgar as contas do chefe do Executivo.

Durante a sessão, o relator apresentará uma análise da conjuntura socioeconômica; do planejamento e execução orçamentária; das demonstrações contábeis, da gestão fiscal, das transferências financeiras a entidades públicas e privadas; dos limites constitucionais; da transparência na gestão; e do atendimento às recomendações feitas pelo TCE no parecer do ano anterior, relativo às contas de 2016. Ao final, discorrerá sobre as ocorrências e recomendações alusivas a 2017.

O parecer informará se o Balanço Geral do Estado demonstra adequadamente as posições orçamentária, financeira e patrimonial, bem como se as operações estão de acordo com os princípios fundamentais da Contabilidade Pública.

O documento tem teor técnico especializado e contém uma apreciação das contas consolidadas e prestadas pelo Poder Executivo. É considerado um dos mais importantes instrumentos de transparência da gestão governamental e para o exercício da cidadania.

Secretários de Camilo buscam verbas para obras hídricas com apoio de Eunício e Cabo Sabino

O secretário do Desenvolvimento Agrário do Estado, De Assis Diniz, e o chefe da Casa Civil do Abolição, Nelson Martins, vão embarcar, nesta noite de terça-feira, na rota de Brasília.

A agenda deles envolve uma série de compromissos no Ministério da Integração Nacional, na Secretaria Especial de Agricultura Familiar e o Desenvolvimento Agrário da Casa Civil da Presidência da República (Sead), com o coordenador da bancada cearense, deputado Cabo Sabino (Avante), e com o presidente do Congresso Nacional, senador Eunício Oliveira. Hora de destravar emendas e recursos de alguns projetos da área hídrica.

“É que o período chuvoso já se encerrou e a pauta da agricultura familiar não pode parar”, avisa De Assis Diniz.

(Foto – Divulgação)

Consultora política avalia presença feminina nas eleições presidenciais de 2018

A consultora política Mônica Nabhan, integrante da Associação Brasileira de Consultores Políticos (ABCOP), avalia, em entrevista exclusiva para este Blog, as chances das presidenciáveis Manuela D´Ávila (PCdoB) e Marina Silva (Rede Sustentabilidade) nas eleições de 2018. Ela aponta tendência de redução do protagonismo feminino na disputa, embora destaque que as mulheres estão bem representadas com as duas pré-candidaturas.

Mônica Nabhan, que atua no Mato Grosso do Sul, será uma das participantes do um dos participantes do 13º Congresso Brasileiro de Estratégias Eleitorais e Marketing Político, que será realizado nos dias 18 e 19 de maio de 2018, no Centro de Eventos do Ceará. Confira a entrevista:

Blog – Ao longo das duas últimas eleições presidenciais, duas candidaturas de mulheres tiveram forte protagonismo (Dilma Rousseff e Marina Silva). Quais as perspectivas para este ano, uma vez que, em uma campanha que tende a ter muitos candidatos a presidente, até agora, surgiram apenas duas pré-candidaturas de mulheres, ou seja, novamente a de Marina Silva e de Manuela D´Ávila? Estamos caminhando para uma eleição com redução da presença feminina em espaços majoritários?

MN – Acredito que sim, pela descrença pela política que vivemos atualmente. É um fator cultural e a mudança de uma cultura leva muitas décadas para acontecer.

Só em 1932 o decreto 21.086, publicado por Getúlio Vargas, garantiu o direito de as mulheres serem elegíveis. Desde lá, levamos 58 anos para ter as primeiras senadoras, 62 para ter a primeira governadora e 79 para ter a primeira e única presidenta do país.

Desde 2009 a lei diz que cada partido ou coligação preencherá o mínimo de 30% (trinta por cento) e o máximo de 70% (setenta por cento) para candidaturas de cada sexo e exige a obrigatoriedade de aplicar recursos partidários na promoção da participação feminina. Acredito que essa lei não vem sendo fiscalizada com a aplicação de punições. Como acredito que não haja realmente condições, por parte das mulheres, de participar ativamente das questões políticas, nem no Brasil, nem na maioria dos outros países.

A maioria das mulheres tem dupla jornada de trabalho, tendo que equilibrar tarefas profissionais, pessoais e familiares, restando pouco, ou quase nenhum, tempo ou energia para a política. Ganham menos também e dedicar-se à política exige investimentos.

Somado a tudo isso a política tem um ambiente hostil, para ambos os sexos, e acho que para isso as mulheres são menos resistentes. Mas as duas candidatas à presidenta que temos até agora me parecem muito combativas e preparadas. Estamos bem representadas.

Blog – Quais componentes digitais podem ser considerados de maior peso nas eleições majoritárias e nas campanhas proporcionais? Há diferenças no uso desses componentes entre as disputas majoritárias e proporcionais?

MN – Todo candidato deve possuir seu kit básico: site com blog, página em Facebook, Instagram e Twitter, nessa ordem de prioridade e administrado por profissionais extremamente competentes. Nada de empirismo. Cada um deles com sua linguagem específica. Isso é muito complexo, pois trata-se de um trabalho que não pode ser feito por amadores e muito menos pelo próprio candidato. Mas acho que tudo isso não dá grandes resultados se não houver o que ser mostrado.

Acredito muito mesmo no poder do WhatsApp. Cento e vinte milhões de brasileiros o acessam todos os dias e várias vezes por dia. Mas ele tem restrições, pode ser denunciado como spam. Portanto todo cuidado é pouco para usar essa grande ferramenta. Os candidatos teriam que ter começado a usar essa ferramenta com fins políticos há muito tempo. Não é possível começar a usar agora para não parecer oportunista e causar rejeição. E nem pensar em criar grupos. Isso é inadministrável. Linhas de transmissão dão menos trabalho e mesmo assim tem que se ter um bom back office.

Os candidatos proporcionais têm mais chances de se comunicar bem com seus públicos através dessas ferramentas, devido à maior proximidade que estabelecem com seus eleitores.

Blog – Como mesclar de forma adequada os componentes digitais e não-digitais nas campanhas de forma a se conseguir êxito na estratégia traçada para o candidato?

MN – Já me referi sobre os digitais relacionados à Internet. Podemos considerar que a TV já é digital em grande parte das cidades, atingindo 90 milhões de brasileiros até agora. Esse é disparado o maior meio de informação do brasileiro e tem um peso absurdo na época da campanha.

Produzir bons programas para o horário eleitoral e ser notícia nesse meio é um grande desafio a ser cumprido. E nada disso se consegue sem ter bom aliados, recursos financeiros para viabilizar isso com bons profissionais e estrategistas, pois campanha política tem um custo muito elevado.

Mas no atual ambiente político, de nada isso tudo adianta se o candidato não tiver uma história política íntegra e de feitos para divulgar. Esse sim, o capital político do candidato, vai ser o fiel da balança neste pleito, e espero que nos demais. Portanto os novatos e outsiders terão poucas chances.

Sobre o Congresso

Com o tema “Novas estratégias eleitorais para um novo ambiente político”, o congresso discutirá temas como renovação política, uso da Internet nas campanhas eleitorais, novas técnicas de comunicação e de mobilização eleitoral e campanha permanente dentre outros.

SERVIÇO

*Para maiores informações e inscrição no congresso, os interessados devem acessar o endereço eletrônico: www.estrategiaseleitorais.com.br ou manter contato pelos telefones 85.3246.2399 e 85.99644.0065.

*Centro de Eventos do Ceará – Avenida Washington Soares, 999 – Fortaleza/CE.

Foto – Divulgação)

Academia Fortalezense de Letras ganhará mais três imortais

253 2

Tales de Sá e sua amada, Valéria Studart.

Irapuan Diniz Aguiar, conselheiro da OAB do Ceará, o secretário estadual do Meio Ambiente, Artur Bruno, e o controlador da Rede de Ensino FB, Tales de Sá Cavalcante, tomarão posse, nesta quarta-feira, como membros da Academia Fortalezense de Letras.

O ato ocorrerá a partir das 19 horas, no Palácio da Luz, sob o comando do presidente dessa academia, José Augusto Bezerra.

(Foto – Divulgação)

André Costa vai expor como a SSPDS atua contra a violência no meio rural

O secretário da Segurança Pública e Defesa Social do Ceará, André Costa, vai fazer uma exposição sobre as ações de segurança no campo quando de reunião do Pacto de Cooperação da Agropecuária Cearense (Agropacto). Ainda neste mês, com data sendo fechada.

André Costa atende a um convite do presidente da Federação da Agricultura do Estado, Flávio Saboya. A palestra ocorrerá na sede da Faec,dentro do Fórum de Debates do Agronegócio.

Os pecuaristas cearenses estão preocupados com os níveis da violência no meio rural.

(Foto – Facebook)

General Theóphilo diz que quer fazer do Ceará uma “ilha de segurança”

1822 1

“Fazer do Ceará uma ilha de segurança”, eis uma das metas do pré-candidato a governador pelo PSDB, general Guilherme Theóphilo. Foi o que ele disse, ao ser entrevistado, nesta terça-feira, pelo jornalista Luiz Viana, âncora do programa O POVO no Rádio, da Rádio O POVO/CBN.

O general Theóphilo diz reconhecer que o Governo do Estado tem feito muitos investimentos no setor, mas lamenta que isso ocorra “sem qualidade”. Para o tucano, é preciso investir em fiscalização, capacitação de pessoal, em inteligência e também em tecnologia para se enfrentar o crime organizado.

Entre vários assuntos da entrevista, o general se disse contra militares se envolvendo em política e dando palpite sobe tema. Para ele, isso só se não estiver mais ativa, no que poderá exercer seu direito de cidadão. O general Theóphilo também afirmou ter sido contra a intervenção do Exército na segurança do Rio de Janeiro. Para ele, a medida foi puramente política. Também se disse contra a volta dos militares ao Poder.

Sobre como vai fazer a sua  campanha eleitoral, disse que isso ficará a cargo do senador Tasso Jereissati – o “nosso marechal, que está acima de general”. Caberá ao senador tratar de composições políticas e também coordenar a campanha em todos os sentidos.

Indagado sobre como financiará sua campanha num sistema onde se fala em caixa 2 e compra de votos, disse que, da sua parte, fará um trabalho simples, honesto e apostando em renovação. Chegou a dizer até que se aposentou e que está sem dinheiro, pois comprou, recentemente, um apartamento para fixar residência em Fortaleza. “Se eu for pensar em grandes campanhas, eu já vou estar na contramão do que prego!” – concluiu o general Theóphilo.

(Foto – Alex Gomes)

Câmara Municipal aprova projeto que regulamenta transporte individual de passageiros por aplicativo

A Câmara Municipal de Fortaleza aprovou,nesta manhã de terça-feira, o projeto de lei que regulamenta o transporte individual de passageiros por aplicativo, como Uber, 99, Cabify e Táxi Amigo. Com isso, a norma que limita, por exemplo, a idade máxima de uso dos veículos em cinco anos entrará em vigor em 2021. A emenda foi proposta pela Comissão de Legislação, Meio Ambiente e Transporte.

Pelo projeto aprovado, passará a ser cobrado o Imposto Sobre Serviço (ISS) no percentual de 5% mais 2% sobre o valor total de cada viagem realizada por aplicativo, podendo ser reduzido para 1% se as empresas financiarem contrapartidas para amenizar o impacto da mobilidade urbana, como implantação de ciclofaixas, estações de bicicletas ou faixas exclusivas de ônibus.

O projeto de lei 0204/2018 prevê ainda que as empresas gestoras dos aplicativos compartilhem os dados de trajetos e locais das viagens com a Prefeitura. Entre os detalhes solicitados, estão duração e mapa do trajeto percorrido.

Dentre outros pontos estão capacitação de motoristas para segurança no trânsito; vistoria anual dos veículos pela Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor); a partir de 2021, veículos terão, no máximo, cinco anos de uso; motoristas cadastrados não poderão ter antecedentes criminais.

Por fim, não haverá cobrança de placa especial, como as vermelhas usadas em táxis convencionais. Também foram excluídos do texto os artigos que tornam obrigatórias a apresentação de carteira padrão de operador de transporte emitido pela Etufor.

Ao O POVO, a Uber opinou que a limitação em cinco anos inviabilizaria de imediato a atividade de cerca de 10 mil carros na Capital. Todavia, haverá três anos para adaptação à norma. Hoje, a empresa tem 18 mil motoristas cadastrados no Ceará.

A reportagem não conseguiu contato com a Associação de Motoristas Privados Individuais de Passageiros (Ampip) até a publicação desta matéria.

(Com O POVO Online – Repórter Lucas Braga)

Que tal um curso de pós-graduação em gestão cultural?

Vem aí o curso de pós-graduação Laboratório de Gestão Cultural, uma promoção da Secretaria da Cultura do Ceará, numa realização conjunta da Universidade Vale do Acaraú (UVA) Escola de Cultura, Comunicação, Ofícios e Artes (ECOA Sobral), Quitanda das Artes e Instituto BR, com o apoio institucional da Prefeitura de Sobral (Zona Norte). Oferecido de forma gratuita, o curso vai expor novas dinâmicas do campo da cultura, orientar quanto ao uso de ferramentas de gestão e aliar conhecimentos técnicos a uma formação humanística consistente. O processo seletivo será aberto nesta sexta-feira, com inscrições somente online no site www.laboratoriosculturais.com, até o dia 11 de junho próximo.

O Laboratório de Gestão Cultural ocorrerá na UVA, ao longo de 12 meses, com aula inaugural no dia 27 de julho e início das aulas regulares no dia 3 de agosto. Serão módulos mensais às sextas e sábados das 8 às 12 horas e das 13 às 17 horas, e aos domingos das 8 às 12 horas, totalizando uma carga horária de 460 horas/aula, das quais, 360 horas de aulas presenciais e 100 horas de Trabalho de Conclusão de Curso.

É voltado para a qualificação profissional de gestores culturais, conselheiros de cultura e técnicos atuantes na iniciativa pública, privada e em instituições sem fins lucrativos, visando potencializar o universo cultural e dar subsídios teóricos e práticos para entender a ação e a política cultural, resultando em práticas inovadoras que valorizam a diversidade, democratizam o acesso à cultura e ampliam a fruição cultural.

Serão disponibilizadas 50 vagas para o curso, sendo 35 vagas para ampla concorrência (abertas ao público) e as demais disponibilizadas para servidores e funcionários das instituições realizadoras.

Estrutura e conteúdo

Compõem o curso disciplinas obrigatórias, seminários, projeto orientado e trabalho de conclusão de curso. As disciplinas abordam as principais questões da área como: conceitos e perspectivas acerca da cultura, políticas culturais, ferramentas para a gestão criativa, direitos culturais, inovação em gestão cultural e estudos em torno de aspectos políticos, históricos e sociais do campo da gestão cultural. São 11 disciplinas, incluindo o Trabalho de Conclusão de Curso.

Além disso, compõem a formação complementar 24 h/a de Seminários de Práticas em Gestão Cultural, com a presença de especialistas, que abordarão as experiências práticas de gestão, além de painéis expositivos detalhando as práticas dos gestores participantes do curso. A estrutura do curso prevê o intercâmbio de experiências e conhecimentos entre participantes e docentes e traz discussões aprofundadas na área de gestão, exigindo um conhecimento prévio desse segmento por parte dos alunos.

SERVIÇO

*Processo seletivo para curso de pós-graduação Laboratório de Gestão Cultural – Exame de Classificação composto pela pré-seleção e seleção. Inscrições de 11 de maio a 11 de junho de 2018 através do site www.laboratoriosculturais.com.

Prefeito de Caucaia diz já ter candidato ao Senado: Eunício Oliveira

O prefeito de Caucaia, Naumi Amorim (PMB), não fala quando indagado sobre apoio a governamentável nas próximas eleições. Mas, para o Senado, diz ter um nome certo para apoiar: Eunício Oliveira (MDB).

Em Brasília, o emedebista tem destravado muita verba para essa cidade da Região Metropolitana de Fortaleza. Em tempos bicudos como esses, nada como ter alguém para dar uma mãozinha amiga.

(Foto – Divulgação)

Defensoria-Pública Geral promove encontros em busca do orçamento participativo

Enquanto não sai reforço financeiro para chamar concursados, a Defensoria-Pública Geral do Ceará realiza encontros pró-elaboração do seu orçamento participativo. A iniciativa percorre algumas cidades.

A experiência ocorre pelo segundo ano consecutivo e é tocada pela defensora-pública geral Mariana Lobo. Ela diz que muitas demandas simples da população têm sido atendidas a partir desse tipo de consulta.

(Foto – Rodrigo Carvalho, do O POVO)

Flávio Rocha, presidenciável do PRB, cumprirá agenda em Fortaleza e Juazeiro do Norte

Flávio Rocha, empresário e CEO das Lojas Riachuelo, lançará sua pré-candidatura à Presidência da República pelo PRB nesta quinta-feira (17), em Fortaleza e, nesta sexta-feira (18), em Juazeiro do Norte (Região do Cariri). Ele desembarcará por volta das 10 horas desta quinta e já terá programação para todo o dia.

Na agenda dele, um percurso na Praça do Ferreira e um debate no Fórum Brasil 200, sobre os rumos da política, com correligionários no Teatro do Shopping RioMar. Flávio discutirá os rumos da política sob o viés das eleições gerais ao lado de Kim Kataguiri, criador do MBL, o youtuber Artur, do canal ”Mamãe Falei” e o empreendedor e advogado Rodrigo Nóbrega. Em Juazeiro do Norte, o encontro será no Cariri Garden Shopping.

Programação

Fortaleza

Dia 17 – quinta-feira

*10h: Recepção de Flávio Rocha*
– Aeroporto Internacional Pinto Martins

*10h30min: Percurso*
– Concentração no Aeroporto com direção à Guararapes

*12h30min: Percurso
– Fábrica da Riachuelo. Rua Demétrio Menezes, 3303, Antônio Bezerra.

*15 horas: Percurso do empreendedor*
– Concentração na Praça do Ferreira (Centro de Fortaleza)

*19 hors: Fórum Brasil 200*
– Teatro Shopping Rio Mar

Juazeiro do Norte*

18/05 – quinta-feira

*8h30min: Decolagem para Juazeiro do Norte*
– Aeroporto Internacional Pinto Martins

*9h30min: Recepção no aeroporto de Juazeiro do Norte*
– Aeroporto Regional do Cariri

*10 horas: Percurso*
– Concentração no Aeroporto com direção ao Cariri Garden Shopping

*10h30min: Fórum Brasil 200*
– Cariri Garden Shopping

*12h30min: Percurso do empreendedor*
– Centro Juazeiro do Norte

*15h30min: Decolagem*
– Aeroporto Regional do Cariri.

Prefeitura manda limpar canteiros de avenida com lixo denunciado pelo Blog

139 1

Sobre a denuncia feita através deste Blog acerca do lixo acumulado nos canteiros da Avenida Jovita Feitosa, altura do bairro Parque Araxá, a Secretaria Regional III informa que a coleta especial urbana é realizada, de segunda a sábado pela manhã, em toda via.

Segue registro de fotos da limpeza de hoje (15/05), às 11 horas:

Completa a nota da SER III:

“Pedimos, mais uma vez, a colaboração da população para que a limpeza das ruas da cidade seja mantida. Denúncias sobre descarte irregular de lixo na área da Regional III podem ser feitas através do número 156.

Governadores do NE vão se reunir no Recife. Na agenda, transposição, Eletrobras e eleições

Camilo Santana (PT) está listado.

Os governadores dos nove estados do Nordeste e Fernando Pimentel, de Minas Gerais, vão se reunir nesta sexta-feira no Recife (PE). Oficialmente, falarão sobre ações para o rio São Francisco e debaterão uma posição conjunta sobre a privatização da Eletrobras.

A conversa, no entanto, não se encerra aí. Segundo informa o jornalista Lauro Jardim, colunista do O Globo, majoritariamente de esquerda, eles vão conversar sobre como os partidos poderão caminhar de forma conjunta durante as eleições.

A situação de Lula e os nomes que poderiam representar a esquerda em uma grande aliança nacional serão tema de debate.

PF faz operação contra lavagem de dinheiro em seis estados. O Ceará está nessa rota

A Polícia Federal deflagrou, nesta terça-feira, 15, a Operação Efeito Dominó, um desdobramento da Operação Spectrum, iniciada em julho de 2017, que desarticulou uma estrutura estabelecida para o tráfico internacional de drogas. Cerca de 90 policiais cumprem 26 ordens judiciais, sendo 18 de busca e apreensão, cinco de prisão preventiva e três de prisão temporária nos estados do Rio de Janeiro, Pernambuco, Ceará, Paraíba, Mato Grosso do Sul e São Paulo, além do Distrito Federal. Em Fortaleza, foram cumpridos um mandado de busca e apreensão e um mandado de prisão temporária.

Durante as investigações da Operação Spectrum, a PF desarticulou uma estrutura criminal criada visando o tráfico internacional de drogas. Esse esquema era comandado por Luiz Carlos da Rocha, mais conhecido como Cabeça Branco. Ele era tido como um dos maiores traficantes da América do Sul, tendo conexões em dezenas de outros países.

Doleiros

Por meio de nota, a PF informou hoje que as investigações demonstram “robustos indícios acerca do modus operandi [modo de operação] da organização criminosa, consistente na convergência de interesses das atividades ilícitas dos “clientes dos doleiros” investigados, pois de um lado havia a necessidade de disponibilidade de grande volume de reais em espécie para o pagamento de propinas e de outro, traficantes internacionais como Luiz Carlos da Rocha possuíam disponibilidade de recursos em moeda nacional e necessitavam de dólares para efetuar as transações internacionais com fornecedores de cocaína”.

Dois doleiros tinham atuação “concreta e direta” com o grupo criminoso. Ambos eram conhecidos desde a Operação Farol da Colina (caso Banestado) e na Lava Jato. De acordo com os investigadores, eles foram alvos de investigações pela mesma prática criminosa.

“Quanto ao operador financeiro (doleiro) já investigado da Operação Lava Jato, chama atenção o fato de ter retornando às suas atividades ilegais mesmo tendo firmado acordo de colaboração premiada com a Procuradoria Geral da República e posteriormente homologado pelo Supremo Tribunal Federal. A Procuradoria Geral da República e o Supremo Tribunal Federal serão comunicados sobre a prisão do réu colaborador para avaliação quanto à “quebra” do acordo firmado”, diz a nota da PF.

Com a operação de hoje, a PF pretende reunir informações complementares da prática dos crimes de lavagem de dinheiro, contra o Sistema Financeiro Nacional, organização criminosa e associação para o tráfico internacional de entorpecentes.

(Agência Brasil)