Blog do Eliomar

Categorias para Ceará

Campanha pelo Fim da Violência Contra a Mulher será deflagrada no Ceará

Vem aí a campanha “16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra as Mulheres”. A ação é resultado de articulação entre o Governo do Estado – por meio da Coordenadoria da Mulher, Assembleia Legislativa – Procuradoria Especial da Mulher, Conselho Cearense dos Direitos da Mulher, Câmara Municipal de Fortaleza e diversas outras organizações da sociedade civil.

Durante a mobilização serão realizadas várias atividades, como palestras, audiências públicas, capacitação, caminhadas, mesas de debate, rodas de conversa, seminários, blitzes informativas, distribuição de material e atividades culturais, abrangendo os diversos espaços na capital e no interior, informam organizadores.

No País

No Brasil, a mobilização se iniciará em 20 de novembro – Dia da Consciência Negra, e se encerrando no dia 10 de dezembro – Dia Internacional dos Direitos Humanos. Nesse período são destacadas datas importantes no calendário de luta, tais como: 25 de novembro – Dia Internacional da Não Violência Contra a Mulher, 1º de Dezembro – Dia Mundial da Luta Contra a Feminização da AIDS e 6 de dezembro – Laço Branco: Homens pelo Fim da Violência contra a Mulher.

Programação

Audiência Pública

Local: Câmara Municipal de Fortaleza

Data: 23 de novembro,

Hora: 14h00min

Seminário Pelo Fim da Violência contra a Mulher

Local: Assembleia Legislativa do Ceará

Data: 27 de novembro

Hora: 08h00min às 17h00min

Capacitação para profissionais de Segurança Pública

Local: Academia Estadual de Segurança Pública

Data: 28 de novembro

Hora: 08h00min às 17h00min

Prestação de Serviços – Dia Mundial de Luta contra a AIDS

Local: Praça do Ferreira

Data: 01 de dezembro

Hora: a partir das 08h00min

Sessão Solene de entrega da Comenda Jana Barroso

Local: Assembleia Legislativa do Ceará

Data: 04 de dezembro

Hora: 16h00min

Ato e Caminhada contra o Feminicídio

Local: Praça do Centro Cultural Belchior

Data: 10 de dezembro

Hora: 16h00min.

Prêmio de Jornalismo da Prefeitura de Fortaleza encerra inscrições nesta sexta-feira

Serão encerradas nesta sexta-feira as inscrições para a edição 2017 do Prêmio Prefeitura de Fortaleza de Jornalismo. A iniciativa, segundo a assessoria de imprensa do Paço Municipal, objetiva estimular profissionais, estudantes de Jornalismo e veículos de Comunicação Social a abordarem temas que tratem, com profundidade e amplitude, o exercício de investigação jornalística no tocante a questões pertinentes a políticas públicas que fomentam o processo de desenvolvimento social, socioambiental, socioeconômico e sustentável no território do Município de Fortaleza.

Há seis categorias de premiação e a divulgação do resultado está prevista para 14 de dezembro de 2017. Podem concorrer a prêmios de até R$ 16 mil trabalhos veiculados em plataformas de Jornalismo Impresso, Telejornalismo, Radiojornalismo, Webjornalismo e Fotojornalismo. Estudantes de jornalismo poderão submeter produções e concorrer pela categoria Universitário.

Serão agraciados os trabalhos que melhor apresentarem excelência jornalística, enfocando ações desenvolvidas dentro dos limites geográficos da Capital e que tenham sido veiculados no Estado do Ceará durante o período de 1º de novembro de 2016 a 30 de outubro de 2017.

Os trabalhos de participantes de outras cidades do Ceará ou de outros Estados da Federação deverão ser encaminhados pelos Correios, com data de postagem até o último dia de inscrição, 17 de novembro, com confirmação via e-mail.

SERVIÇO

*Os trabalhos concorrentes deverão ser encaminhados à Coordenadoria de Comunicação Social da Prefeitura de Fortaleza, no horário comercial, das 8 às 12 horas e das 14 às 17 horas, na Rua São José, 1, Centro.

(Foto – Alex Uchoa)

Camilo Santana – Entre um presídio e uma escola

O governador Camilo Santana (PT) cumprirá, nesta tarde de quinta-feira, agenda de inaugurações.

Às 15 horas, em Itaitinga (Região Metropolitana de Fortaleza), ele vai entregar a Unidade Prisional Professor José Sobreira de Amorim.

Em seguida, às 17 horas, no município de Canindé, o governador vai inaugurar a Escola Estadual de Educação Profissional (EEEP) José Vidal Alvez.

Os liberais de Jair Bolsonaro

186 1

Com o título “Os liberais de Bolsonaro”, eis artigo do jornalista Plínio Bortolotti, que pode ser conferido no O POVO desta quinta-feira. “Não vou afirmar que os liberais sejam sempre adeptos de ditaduras, por injusto. Mas pode ser dito que, para os liberais, o bem maior é a liberdade do mercado, depois vem o resto”, diz o articulista. Confira:

Semana passada, com o artigo “À procura de um personagem”, falei da dificuldade da elite em lançar um candidato para representá-la nas eleições presidenciais de 2018, vistas as dificuldades de seus escolhidos de sempre. Destaquei dois personagens em fase de teste: primeiro, Henrique Meirelles; depois, um rostinho novo em política, Luciano Huck.

Mas esqueci que à elite financeira e empresarial faltam escrúpulos quando se trata de defender seus interesses. Pois a manchete de primeira página da Folha de S. Paulo veio lembrar-me: “Mercado já vê Bolsonaro como opção contra Lula” (12/11/2017).

Misógino, racista, homofóbico, preconceituoso, amante da ditadura, defensor da tortura. Não importa. Desde que abraçou a agenda “liberal”, Bolsonaro tornou-se imediatamente “opção” se Meirelles, a primeira escolha, ficar pelo caminho.

Para esse tipo de gente – que também via com “bons olhos” a ditadura de Pinochet -, pois implementava a política liberal com seus “Chicago Boys”, a liberdade humana pode ser oferecida em holocausto ao deus-mercado. Nisso equipara-se ao seu antípoda, o “socialismo realmente existente”, exigindo sacrifícios e morte no presente, para alcançar um suposto benefício no futuro (que a propósito nunca chega).

Em artigo no mesmo jornal (9/11/2017), a economista Laura Carvalho se lembra de Friedrich Von Hayek, “o avô do neoliberalismo”, defendendo a ditadura de Pinochet, no Chile, como “transição necessária para reverter excessos de regulação do passado”. Segundo ela, Milton Friedman, outro herói dos liberais, considerava o regime necessário como “caminho para a liberdade verdadeira”.

Não vou afirmar que os liberais sejam sempre adeptos de ditaduras, por injusto. Mas pode ser dito que, para os liberais, o bem maior é a liberdade do mercado, depois vem o resto.

Portanto, não é espantoso ver “liberais” brasileiros, que vivem dependurados no Estado, apoiando um aspirante a ditador. Devem estar com aquele pensamento fixo: “O que é bom para os Estados Unidos, é bom para o Brasil”. Se eles elegeram Trump, por que não eleger Bolsonaro?

Plínio Bortolotti

plinio@opovo.com.br Jornalista do O POVO

ZPE do Ceará vai reservar área para pequenas e microempresas

Na próxima segunda-feira, 20, o Sebrae vai visitar o espaço destinado, dentro da Zona de Processamento de Exportação do Ceará (ZPE), no Pecém, em São Gonçalo do Amarante (RMF), às micros e pequenas empresas. Além disso, a cúpula do  órgão vai conhecer os detalhes, as regras e condições que vão nortear a implantação das empresas na ZPE.

A informação é do diretor técnico do Sebrae-CE, Alci Porto, adiantando que o secretário para Assuntos Internacionais do Ceará, Antonio Balhmann, deverá mostrar como pode se dar a instalação de negócios de pequeno porte, voltados para exportação. Um termo ou protocolo de cooperação deverá ser firmado para que o Sebrae atue junto aos micros e pequenos empresários. Alci Porto diz que a visita contará com um grupo de dirigentes do Sebrae no Nordeste que vêm conhecer a experiência da ZPE cearense.

O presidente da ZPE-CE, Mário Lima Júnior, informa que existe uma área reservada para essas empresas com potencial exportador não só na parte de manufaturados mas na de serviços. Hoje apenas indústrias podem se instalar nas ZPEs, mas, se for aprovado o projeto 5957/13, que tramita no Congresso Nacional, empresas do ramo de serviços também poderão se instalar. No setor de telemarketing, por exemplo, há muitas empresas que contratam serviços em outros países.

De acordo com Mário, inicialmente estão previstos para as micros e pequenas empresas, quatro hectares (ha) com galpões modulares de 500 e 1.000 metros quadrados (m²), na ZPE-CE. Explica que a área está dentro da primeira expansão do local, que está sendo implantada. Num total de 150 ha ela também será alfandegada, com despacho aduaneiro e todas os itens que compõem uma ZPE.

(Com O POVO – Repórter Artumira Dutra)

Sobral – Aprovados em concurso para professor devem se apresentar até sexta-feira

Os candidatos aprovados no concurso público para professor efetivo do Sistema Municipal de Ensino (edital nº 01/2016) da Prefeitura de Sobral (Zona Norte) têm até esta sexta-feira (17) para comparecer à Secretaria Municipal da Educação. Ali, deverão assinar o termo de aceite da vaga.

Foram convocados 207 candidatos aprovados nos cargos de professor da educação infantil e ensino fundamental inicial (170 candidatos), professor de ensino fundamental final – Matemática (23 aprovados) e para professor de ensino fundamental final – Língua Estrangeira – Inglês (14 aprovados).

SERVIÇO

*Veja a lista de exames solicitados AQUI https://goo.gl/5wPNgq

*Mais Informações – (88) 3677-1192.

Governo libera Garantia-Safra para agricultores do Ceará

Saiu, no Diário Oficial da União desta quinta-feira, portaria da Secretaria Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário autorizando o pagamento do Seguro Garantia-Safra para os beneficiados do Ceará e de Minas Gerais.

Os benefícios, relativos às safras 2015/2016 e 2016/2017 serão liberados, neste mês, para agricultores que aderiram ao programa e que tiveram perda superior a 50% da safra por conta da estiagem.

O calendário do desembolso é liberado pela Caixa Econômica Federal. Já o pagamento vem ocorrendo em cinco parcelas num total de R$ 850,00, com cada uma liberada sendo de R$ 170.

No Ceará, vão receber o Seguro Garantia-Safra os agricultores já inscritos dos seguintes municípios:

(Foto – O POVO)

Cooperados do Hospital do Coração protestam contra atraso nos salários

Cooperados do Hospital do Coração de Messejana realizam, com o apoio do Sindsaúde, paralisação desde o início da manhã desta quinta-feira. Eles protestam contra os salários atrasados.

Na unidade, segundo a categoria, também faltam materiais de trabalho, o que tem prejudicado os atendimentos.

A Secretaria da Saúde do Estado ainda não se manifestou a respeito do caso.

(Foto – WhatsApp do Sindsaude)

Filme sobre travesti Dandara vai estrear no Festival Mix Brasil

Um filme realizado pelo jornal Estado de Minas e a Mult vai contar o caso do assassinato da travesti cearense Dandara Kataryne, de 42 anos. Ela foi espancada, torturada e morta em fevereiro deste ano por cinco homens, no bairro Bom Jardim, em Fortaleza. O vídeo com as cenas das agressões brutais sofridas pela travesti circularam pelas redes sociais e aplicativos de mensagens no Brasil revelando o horror da transfobia.

Gravado na capital cearense, o curta-metragem Dandara revela onde a travesti nasceu, viveu, trabalhou e foi assassinada. A produção se propõe a expor um retrato humano de Dandara por meio de depoimentos de familiares e pessoas que conviveram com ela. A direção é de Flávia Ayer e Fred Bottrel.

A estreia de Dandara, com duração de 14 minutos, ocorrerá no Festival Mix Brasil em duas sessões, que acontece até o dia 26 deste mês, em duas sessões no Centro Cultural São Paulo: domingo (19), às 15h30min, e terça-feira (21), às 19h30min.

SERVIÇO

*Confira integra da matéria e trailer do filme aqui.

Se reeleito, Camilo Santana será muito menos devedor dos Ferreira Gomes do que é hoje?

Com o título “Novo momento”, eis um tópico da Coluna Política do O POVO desta quinta-feira, assinada pelo jornalista Érico Firmo:

Se Camilo for mesmo reeleito, será muito menos devedor de seus padrinhos do que é hoje. Terá sido resultado de uma articulação política que ele comanda. A própria participação de Cid e Ciro Gomes na campanha será outra. Em 2014, eles puxavam o desconhecido Camilo. Hoje, o governador está no cargo e precisa ser o protagonista. Importa menos quem o apoia e mais o que ele fez. A própria reeleição de Roberto Cláudio (PDT), em Fortaleza, mostrou isso. No segundo mandato, percebe-se o prefeito muito mais altivo, autônomo.

Vale lembrar que Camilo foi eleito numa disputa ferrenha com Eunício Oliveira. Até o dia do primeiro turno, ele aparecia atrás nas pesquisas. Com chance de ser derrotado sem nem ir ao segundo turno. Mas, a urna trouxe surpresa.

No caso de Camilo ter uma reeleição, costurada por ele, mais tranquila que a eleição, ainda mais fortalecido ele fica. Há, claro, muitas variáveis. Tudo indica que Zezinho Albuquerque (PDT) será o candidato a vice. Em caso de segundo mandato, terá um poderoso e articulado aliado dos ferreira Gomes ao seu lado. Cid Gomes concorrerá a senador e dificilmente não será eleito. Será interlocutor importante em Brasília. Não é muito provável, mas Ciro poderá virar ministro, a depender do governo eleito e da aliança formada. Menos provável ainda é que seja eleito presidente, mas é possível. Nesse caso, a relação muda muito.

Porém, afora influência do contexto nacional, a tendência de um segundo governo é de mais autonomia em relação aos Ferreira Gomes.

(Fotos – Evilázio Bezerra e RussasNews)

Natal vai aquecer vendas do comércio de Fortaleza

A Federação do Comércio do Ceará vai divulgar, na próxima semana, pesquisa sobre a intenção de compras do consumidor fortalezense para o Natal. A informação é do presidente da entidade, Luiz Gastão, adiantando que os dados estão sendo finalizados pelo instituto de pesquisas da Fecomércio.

Preliminarmente, Gastão adianta que os setores de confecção, alimentos e bebidas devem repetir o comportamento do período dos últimos anos. Ou seja, estarão liderando a preferência do consumidor.

Gastão não quis arriscar percentuais sobre incremento nas vendas natalinas, mas garante que, neste ano, por conta dos sinais de recuperação da economia, o Papai Noel não será de saco vazio.

Governo e Fiec estão mais do que entrosados

Da Coluna Vertical, do O POVO desta quinta-feira:

Já tem data o tradicional almoço de fim de ano da Federação das Indústrias do Ceará (Fiec) para o governador Camilo Santana (PT). Será dia 8 de dezembro, na Casa da Indústria. Este é o terceiro ano do evento, no qual a Fiec junta o setor produtivo e o poder público em um congraçamento e balanço de ações.

Nesse encontro, Camilo deve falar das perspectivas da economia cearense com a chegada dos hubs aéreo, marítimo e tecnológico. Já Beto Studart, pela Fiec, vai lembrar o programa Rotas Estratégicas, entregue pela entidade ao governador, que pensa o Estado para os próximos anos.

Aliás, antes do dia 8, Camilo ainda terá duas outras agendas com a Fiec: uma delas é nesta quinta, por ocasião da abertura, no Museu da Indústria, da exposição “Carnaúba – A árvore da vida”, que conta um pouco da saga da família Johnson no Ceará. A outra é dia 27 próximo, quando o petista estará na Federação em seminário sobre incentivos fiscais destinados a projetos sociais.

Pelo que se vê, Beto desistiu da disputa eleitoral, mas continua bem próximo do governador.

Com crimes em alta, dinheiro para premiar policiais no Ceará está sobrando

Como parte do programa Em Defesa da Vida, desde 2014, a cada trimestre, R$ 30 milhões dos recursos públicos do Ceará são destinados à Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS). A verba compõe o Fundo de Incentivo ao Cumprimento de Metas e é usada, exclusivamente, para o pagamento de abono aos servidores da segurança, mediante redução dos índices de criminalidade. Entretanto, em um cenário de sucessivas altas nos homicídios e roubos, os valores se acumulam sem serem gastos.

O segundo trimestre de 2017 registrou o menor bônus pago aos servidores até agora. No intervalo entre abril e junho, quando a média de mortes por dia subiu de 13 para 16 casos, dos R$ 30 milhões disponíveis, 8% (R$ 2.263.300) foram repassados aos policiais civis, militares, bombeiros e peritos. Em relação ao mesmo período de 2016, os homicídios subiram 63,9%, indo de 807 para 1.323 casos. Roubos cresceram 3%: de 20.310 para 20.842.

Considerando os dois primeiros trimestres de 2017, dos R$ 60 milhões disponíveis, R$ 11,99 milhões (20%) do incentivo foram pagos aos servidores. Os R$ 48 milhões restantes retornaram ao caixa para pagamento futuro, caso as estatísticas retrocedam. Os dados foram repassados ao O POVO pela SSPDS e não incluem o último trimestre.

Estímulo

O pagamento de prêmio aos agentes da segurança está previsto na lei 15.558, de 2014, e também nas portarias 90 e 436, além do decreto 31.448. Anualmente, os servidores podem receber até três salários a mais, independentemente do cargo ocupado. Os valores, além dos resultados, variam conforme a patente, função e local de redução da criminalidade: se melhora em todo o Estado, na região de atuação ou na Área Integrada de Segurança (AIS).

Contudo, em meio à guerra entre facções, a tendência de melhora das estatísticas desde 2015 foi interrompida. “A guerra (de facções) faz com que os homicídios aumentem sem que o policial consiga controlar. Essa redução não depende só da Polícia. Precisa do Executivo, Legislativo, Judiciário. Mas, hoje, essa responsabilidade está sendo transferida completamente para a atividade policial”, reclama o presidente da Associação dos Profissionais da Segurança (APS), sargento Reginauro Sousa.

Titular da SSPDS, o secretário André Costa nega, porém, que o não pagamento dos prêmios seja desestímulo. Ele defende que o bônus não é o único incentivo para os servidores e cita a Lei das Promoções, o aumento salarial pela média do Nordeste, além de ações com treinamento.

“Essa série de ações tem motivado. A motivação a gente percebe nos números de ações que dependem muito do trabalho dos policiais, que são apreensões de armas, resultando de mais abordagens, da apreensão de drogas, fruto de uma maior investigação da Polícia Civil, e o maior volume de prisões. Tudo isso mostra o estímulo e motivação que os policiais têm para, cada vez mais, trabalhar”, argumenta.

(O POVO – Repórter Thiago Paiva – Foto – Arquivo)

SDR alerta sobre prazo de vacinação contra a febre aftosa

A Secretaria do Desenvolvimento Rural do Estado lembra: termina, dia 30 próximo, o prazo para que animais com até 24 meses sejam vacinados contra a febre aftosa. Quem não cumprir, será multado (R$ 17,00 por cabeça).

Bom lembrar que o Ceará ganhou certificação do Ministério da Agricultura como área livre da aftosa com vacinação e a ordem é manter esse quadro, dos mais favoráveis para produtos de origem animal do Estado.

 

PGR e Ministério Público dos Estados fecham parceria na luta contra o tráfico de seres humanos

O procurador-geral de Justiça do, Estado, Plácido Rios, esteve em Brasília participando da solenidade de assinatura de acordo envolvendo o Conselho Nacional dos Ministérios Públicos Estaduais e a Procuradoria Geral da República.

Pelo acordo, haverá troca de informações e ações entre os MPs dos Estados com objetivo de reforçar a luta contra tráfico de seres humanos.

Segundo Plácido, também entra nessa parceria a busca por vítimas, com divulgação de lista e fotografias em todos os Estados, entre outras providências.

 

Vice-presidente da Área de Habitação da Caixa ganhará homenagem em Fortaleza

Entre os agraciados com o Prêmio Construção 2017, a ser concedido pelo Sindicato das Construtoras do Ceará (Sinduscon), está o ex-presidente do Banco do Nordeste e hoje vice-presidente da Área de Habitação da Caixa Econômica Federal, Nelson Antônio de Souza.

A entidade quer reconhecer o apoio de Nelson de Souza para o setor da construção civil.

A solenidade de entrega do prêmio, que inclui também Melhor Construtora do Estado, ocorrerá no no próximo dia 24, às 21 horas, no La Maison.

 

Unifor promove roda de conversa sobre a abordagem da escassez da água na literatura cearense

A Universidade de Fortaleza e a Assembleia Legislativa promoverão nesta sexta-feira, a partir das 8 horas, no auditório da Biblioteca dessa instituição de ensino superior, a roda de conversa sobre o tema “A Escassez de Água Revisitada na Literatura Cearense”.

O encontro marcará o Dia da Literatura Cearense e contará com a participação de parlamentares estaduais e do ex-governador e presidente da Fundação Waldemar de Alcântara, o acadêmico Lúcio Alcântara.

Também estarão nesse debate os professores Batista de Lima, Aila Sampaio, Ana Carla Pinheiro, Hermínia Lima, Mônica Tassigny, Randal Pompeu e Tereza Porto.

Ciro Gomes e a regência política de Zezinho Albuquerque e Salmito Filho

579 1

Com o título “Ciro Gomes e as lideranças legislativas: Zezinho Albuquerque e Salmito Filho”, eis artigo do sociólogo e consultor político Luiz Cláudio Ferreira Barbosa. Ele fala sobre a Assembleia Legislativa e a Câmara Municipal de Fortaleza como ponto s de discurso para o presidenciável. Confira:

O presidenciável Ciro Gomes (PDT) tem a enorme chance de sinalizar, aos deputados federais e aos senadores, a sua intenção de construir uma relação republicana entre o executivo e o legislativo. Ciro deverá usar como modelo de democracia participativa a Assembleia Legislativa do Ceará e Câmara Municipal de Fortaleza. O pedetismo-cirista tem o seu centro de origem entre os parlamentares cearenses. Os dois principais interlocutores ou modelos para os futuros aliados, como exemplo de equilíbrio do poder legislativo com o executivo, são deputado estadual Zezinho Albuquerque (PDT) e o vereador fortalezense Salmito Filho (PDT).

O PDT) tem o maior número de prefeitos e lideranças sociais, mas sua maior força política está entre os deputados estaduais e os parlamentares dos municípios cearenses, com hegemonia eleitoral sem precedente na história do nosso Estado.

O presidente da Assembléia Legislativa, Zezinho Albuquerque (PDT), é o maior expoente legislativo na política regional, sendo responsável pela manutenção da coesão das bases pedetistas-ciristas, em torno do governador Camilo Santana (PT), via o equilíbrio de forças entre o Executivo e o Legislativo.

O presidente da Câmara Municipal de Fortaleza, Salmito Filho, foi o grande responsável pela criação da maior bancada municipal pedetista do Brasil, no final do ano de 2015, contribuindo para o fortalecimento do pedetismo-cirista fortalezense, em parceria, com o prefeito Roberto Cláudio (PDT). O exemplo dado pela capital cearense é de uma relação equilibrada e republicana entre o Executivo e o Legislativo, modelo bem sucedido que, sem dúvida, será explorado nos grandes diretórios municipais do PDT, com palestras e seminários.

O presidenciável brizolista, o advogado Ciro Gomes, deverá fazer a indicação do presidente da Assembléia Legislativa para ser o companheiro da chapa majoritária de reeleição do governador Camilo Santana (PT): Senador ou Vice-governador. Ciro Gomes tem noção da capacidade ímpar do deputado estadual Zezinho Albuquerque de manter a maior base de parlamentares cearenses (federais, estaduais e municipais), sendo este o caminho para que obtenha uma maior votação no Ceará.

O presidente da Câmara Municipal de Fortaleza, o sociólogo Salmito Filho (PDT), deverá ter a missão de fazer várias palestras e seminários entre os correligionários pedetistas do Brasil, em nome do modelo republicano de equilíbrio entre o Poder Executivo e o Poder Legislativo, que com certeza seria aplicado numa futura administração de Ciro Gomes.

*Luiz Cláudio Ferreira Barbosa,

Sociólogo e consultor político.