Blog do Eliomar

Categorias para Ceará

Exportações cearenses cresceram 154,2% em maio

As exportações cearenses apresentaram em maio crescimento de 117,2% em relação ao mês anterior, alcançando US$ 205,4 milhões. O montante exportado é 154,2% superior à igual período de 2016, quando fora exportado US$ 80,8 milhões. Trata-se do décimo mês consecutivo em que o Estado registra aumento quando comparado com os meses do ano anterior. As importações também registraram crescimento (8,1%) em maio em relação ao mês anterior, chegando a US$ 181,5 milhões. Além disso, o resultado é 46,4% superior aos US$ 124,0 milhões registrados no mesmo período de 2016. Como resultado dessas movimentações, o Ceará registrou balança comercial superavitária em US$ 23,8 milhões em maio.

Essas informações são do estudo Ceará em Comex, elaborado pelo Centro Internacional de Negócios da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC).

No que diz respeito as trocas comerciais do Estado no acumulado do ano, as vendas externas cearenses alcançaram a cifra de US$ 824,3 milhões – alta de 109% quando comparado com 2016. Na mesma direção, as compras do exterior atingiram US$ 931,5 milhões – elevação de 29,2%. Como efeito final de tais transações comerciais, a balança cearense no acumulado do ano ficou negativa em US$ 107,2 milhões. Apesar do resultado, tais valores representam uma evolução em 67,2% em relação a 2016, quando o Estado acumulou perda de US$ 326,7 milhões. Além disso, a balança comercial cearense está reduzindo o seu déficit com a evolução dos meses.

As movimentações das trocas comerciais do Estado influenciaram diretamente na participação das exportações e importações cearenses na balança comercial do Nordeste no acumulado do ano, onde o peso das vendas externas do Ceará avançou de 7,74% (em 2016) para 12,4% (em 2017), e das compras do exterior passou de 11,04% (ano passado) para 11,76% (atual). É a primeira vez no ano que o peso das exportações cearenses no Nordeste é maior que o das importações. Em relação ao Brasil, o peso das exportações cearenses praticamente dobrou, passando 0,54% e 0,94%. Do lado das importações, a participação avançou de 1,34% para 1,58%.

Cláudio Pinho (PDT) é prefeito de São Gonçalo do Amarante.

O Ceará posicionou-se na décima quinta colocação no ranking dos estados exportadores brasileiros, com US$ 824,3 milhões, praticamente empatado com os US$ 824,8 milhões registrados por Pernambuco. Não obstante, em termos de indicadores de crescimento, o Ceará apresentou a terceira maior alta no país com 109% – bem acima da média nacional de 19,6%.

No tocante aos principais municípios cearenses exportadores, Cascavel, Caucaia e Aquiraz apresentaram quedas nas suas vendas externas quando comparado com 2016. São Gonçalo do Amarante lidera a lista com US$ 460,9 milhões – representando mais da metade da pauta exportadora cearense.

Nesse sentido, as exportações da Companhia Siderúrgica do Pecém – CSP têm destaque na série temporal do Ceará, repercutindo diretamente nas vendas externas de São Gonçalo do Amarante. Com relação ao ranking dos principais setores exportadores do Ceará, o setor de “ferro fundido, ferro e aço”, afirma sua posição no topo da lista, com aumento exponencial em torno de 16 mil pontos percentuais (saindo de US$ 2,7 milhão para US$ 444,9 milhões) sobre 2016.

(Também com site da Fiec)

Tese da UFC aborda proteínas que inibem crescimento de bactérias infecciosas

Uma tese defendida recentemente no Programa de Pós-Graduação em Biotecnologia de Recursos Naturais da Universidade Federal do Ceará apresenta importantes resultados sobre proteínas com propriedade inibidora de bactérias infecciosas. Intitulada Purificação e caracterização bioquímica de lectinas ligantes de galactose isoladas de invertebrados marinhos, a tese de autoria do professor substituto Rômulo Carneiro, do Departamento de Engenharia de Pesca dessa Instituiçao, é a primeira do programa, criado em 2013. A informação é da assessoria de comunicação da UFC.

O trabalho trata da descoberta de proteínas do tipo lectina com atividade antimicrobiana. Na pesquisa, tais proteínas são oriundas de três organismos marinhos distintos: uma esponja (Aplysina lactuca), um molusco (Aplysia dactylomela) e um ouriço-do-mar (Echinometra lucunter). As três proteínas apresentaram efeito inibidor no crescimento das bactérias Escherichia coli e Staphylococcus aureos, ambas infecciosas.

A pesquisa foi orientada pelo pofessor. Alexandre Sampaio, do Departamento de Engenharia de Pesca. Ele explica que outro ponto de destaque foi que o estudo caracterizou estruturalmente as três proteínas (em suas estruturas primárias e secundárias), revelando pelo menos dois novos tipos (famílias) de lectina nunca descritos anteriormente.

“Além disso, os resultados nos revelam dados novos sobre as proteínas em estudo. Esse grupo de proteínas, as lectinas, são estudadas há muitos anos em espécies vegetais, mas o trabalho com espécies animais marinhas é muito recente no Brasil”, diz o professor Sampaio, acrescentando que o estudo abre um novo leque de possibilidades a serem exploradas em novas investigações científicas.

O professor Rômulo Carneiro, autor da pesquisa, afirma que a tese representa “uma satisfação muito grande”, não apenas por ser a primeira do programa, mas sobretudo pelos resultados da pesquisa. “Essa tese é um reconhecimento do trabalho que nosso grupo tem feito”, salienta.

A expectativa do pesquisador para os próximos anos é muito positiva devido à grande extensão do litoral cearense e brasileiro, à biodiversidade existente e às potencialidades biotecnológicas a serem exploradas. “À medida que mais alunos forem se formando, e talvez tomando até nosso trabalho como ponto de partida, mais descobertas de moléculas importantes serão feitas. Tenho muita fé de que podemos encontrar muita coisa boa no mar, talvez até tratamento ou cura de muitas doenças”, vislumbra.

SERVIÇO

*A íntegra da pesquisa está disponível no Repositório Institucional da UFC (https://goo.gl/Clkr6P).

Emenda de Moisés Braz amplia programa Agente Rural da SDA

O projeto de lei nº 27/17, de autoria do Poder Executivo e que amplia o Programa Agente Rural da Secretaria do Desenvolvimento Agrário (SDA), foi aprovado pela Assembleia Legislativa. A proposta, no entanto, contou com a emenda do deputado estadual Moisés Braz (PT) que garante o pagamento de R$ 930,00 aos bolsistas de nível fundamental que agora passam a compor o programa atuando na função de Agente Rural de Mobilização Social. No texto original da matéria, o valor era de apenas R$ 694,18.

“O Governo do Estado propôs a criação desse novo nível no intuito de aprimorar um programa que é de grande importância para a agricultura familiar cearense. Porém, compreendemos que o valor da remuneração para esse novo bolsista era baixa. Dialogamos com o governo e com os colegas parlamentares para que fosse pago um valor justo. Fiz a emenda e fechamos em R$ 930,00”, justificou Moisés Braz ao comemorar a aprovação da lei e de sua emenda.

Ampliação de funções

Com a criação de mais um nível de bolsistas para atuar no Agente Rural, as atividades que constituem o programa foram ampliadas. Será papel dos novos integrantes “animar e mobilizar as famílias da comunidade para a participação e engajamento nas atividades desenvolvidas no âmbito dos Programas e Projetos desenvolvidos pela Secretaria do Desenvolvimento Agrário.

Segundo Moisés Braz, os Agentes Rurais de Mobilização Social deverão atuar principalmente nas comunidades beneficiadas pelo Projeto Paulo Freire cujo objetivo é a implantação de projetos produtivos, e em especial na capacitação dos pequenos agricultores de 31 municípios do Estado.

Os bolsistas terão como requisitos nível fundamental, idade preferencial entre 14 e 30 anos, residir nas comunidades rurais de atuação da SDA, conhecer a realidade rural do semiárido, principalmente na região/municípios do projeto e ter experiência de processos de mobilização e gestão social com famílias rurais.

Ex-secretário de Tasso Jereissati ganhará a Medalha Ambientalista Joaquim Feitosa

O Comitê Estadual da Reserva do Biosfera da Caatinga definiu o agraciado para o prêmio Ambientalista Joaquim Feitosa.

A medalha deste ano, destinada à pessoa física, vai para o economista Antônio Rocha Magalhães, renomada personalidade nacional, pesquisador nas áreas de desenvolvimento sustentável do nordeste semiárido, mudanças climáticas, sustentabilidade ambiental e gerenciamento de recursos hídricos. Foi também secretário do Planejamento no primeiro Governo Tasso Jereissati.

A cerimônia de entrega da medalha ocorrerá nesta sexta-feira, às 14 horas, na Assembleia Legislativa, dentro das comemorações pelo Dia Mundial do Meio Ambiente. Esta é a 13ª edição do prêmio.

(Divulgação)

As noivas de Santo Antônio de Barbalha

Com o título “As noivas de Santo Antônio de Barbalha”, eis artigo do cineasta e escritor Rosemberg Cariry. Nestes tempos juninos, ele conta um pouco da tradição das casamenteiras, o que acabou virando realidade nessa festão. Confira:

Sendo Santo Antônio, além de padroeiro de Barbalha, santo casamenteiro e parte indissociável da sua história e da herança portuguesa, a comunidade de Barbalha resolveu contribuir para ampliar os seus festejos. A Festa do Pau da Bandeira na cidade é uma festa cheia de vitalidade e sempre em transformação. Ao mesmo tempo, tradicional, contemporânea e pós-moderna.

A ideia do evento-cerimônia intitulado “As Noivas de Santo Antônio de Barbalha” surgiu como projeto coletivo da comunidade de Barbalha, por sugestão da dra. Maria Juraci Maia Cavalcante e minha. A inspiração veio da iniciativa exitosa da Câmara Municipal de Lisboa e da Igreja Católica portuguesa, que realiza seleção de casais socialmente carenciados que desejam realizar seus casamentos, como parte dos festejos do Santo Padroeiro daquela cidade, no mês de junho. O cortejo das noivas em direção à Igreja da Sé e após a cerimônia religiosa pelas ruas de Lisboa antiga atrai todos os anos milhares de pessoas da cidade e turistas de várias origens, sendo visto como espetáculo de encantadora beleza.

Barbalha fez também a sua festa, em um momento único de beleza, de alegria e de emoção. As noivas desfilaram em carros antigos pela Rua do Video, foram recepcionadas nas escadarias da Igreja de Santo Antônio pelos noivos, atravessaram túneis formados pelos guerreiros engalanados dos Reisados de Congo, ao som das bandas de pífanos e de bois dançarinos, sob os aplausos das pessoas. O padre celebrou uma missa bonita, pastorinhas, dianas e borboletas (crianças brincantes da lapinha) fizeram as vezes de damas de honra, músicos cantaram a Ave-Maria e, entre as lágrimas furtivas, os casais de enamorados diziam sim à vida e à união. Ao sair da igreja, um helicóptero derramou sob o céu de Barbalha uma chuva de pétalas, enquanto a orquestra tocava o hino de Santo Antônio. Vivam os noivos. Viva a beleza. Viva o amor. Tudo terminou com uma valsa e uma recepção na Escola de Saberes de Barbalha, com grande participação popular.

É quase certo que, no próximo ano, ocorra uma enxurrada de patrocinadores e se contará em dezenas as TVs transmitindo a bela cerimônia. A festa “As Noivas de Santo Antônio” tem tudo para se transformar em uma tradição duradora dentro dos Festejos de Santo Antônio. Os patrocinadores, neste ano, perceberam as potencialidades da celebração e investiram inicialmente sem buscar o lucro. Foram patrocínios solidários. Para as pessoas que fizeram a festa, o sentido da realização foi imaterial, simbólico, sagrado. O milagre dessa festa generosa só foi possível pelo trabalho coletivo de um grupo de mulheres dedicadas e valorosas, de homens solidários, de uma comunidade unida em torno de um sonho: fazer dos festejos um momento de comunhão coletiva, da beleza e de sagração do amor. Sim, Barbalha fez mais bela a Festa de Santo Antônio e está cheia de graça.

*Rosemberg Cariry

ar.moura@uol.com.br

Cineasta e escritor

PPS do Ceará já se prepara para as eleições 2018

O PPS do Ceará fará, às 9 horas do próximo sábado, no auditório da Assembleia Legislativa, encontro para começar a definir nomes para a chapa proporcional 2018.

A informação é do presidente estadual da legenda, Alexandre Pereira, também secretário do Turismo de Fortaleza.

Ele adiantou que o PPS deverá ganhar, em breve novas adesões de peso, mas não quis dar detalhes. Aproveitou para reiterar apoio à reeleição do governador Camilo Santana (PT).

 

Leitor apela à Etufor por melhor integração da Linha Inter Shopping

Do leitor Tiago Fontenele, recebemos a seguinte nota, em tom de sugestão para a Etufor. Confira:

Caro jornalista Eliomar de Lima,

Chamo-me Tiago Fontenele, sou radialista e venho, através desta, parabenizá-lo pelo seu trabalho em colaborar com a população. O motivo do envio deste e-mail é uma reclamação acerca da linha 017- Inter Shoppings.

Essa linha, em si, faz parte da linha urbana de Fortaleza que vai do Shoppings Via Sul até a Catedral de Fortaleza. pena que não faça integração com as demais, mesmo com o sistema de bilhete único na linha e a passagem do mesmo valor, R$ 3,20.

O pedido seria que a ETUFOR pudesse estudar a possibilidade dessa linha também ser beneficiada pela integração do bilhete único, onde o passageiro teria o um tempo hábil de 2 horas para se deslocar de um local para o outro, pois o usuário acaba gastando outra passagem quando embarcando num outro ônibus urbano.

Agradeço, desde já, pela atenção.

Tiago Fontenele,

Seu leitor.

Prefeito diz para Blog que primeira parcela do 13º salário sai a partir do próximo dia 19

Em resposta à Coluna Vertical do O POVO e a este Blog, o prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PDT), anuncia: vai antecipar 40% do 13º salário dos servidores municipais a partir do próximo dia 19. Essa folha envolverá um total de R$ 81,2 milhões.

Segundo o prefeito, na folha de pagamento do dia 1º de julho virá depositado também o valor das férias coletivas do magistério, mais R$ 13,18 milhões.

“Somando ainda as folhas pagas no 1º de junho e 1º de julho, vamos injetar cerca de R$ 533 milhões na economia de Fortaleza num intervalo de 30 dias”, adiantou Roberto Cláudio.

MP e TCM alertam prefeitos sobre gastos com festas juninas

O Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) A Procuradoria dos Crimes contra a Administração Pública (Procap), organismo do Ministério Público Estadual, e o Tribunal de Contas dos Municípios (TCM)  enviam, nos próximos dias, a todos os prefeitos ofício alertando sobre cuidados legais que devem tomar em se tratando de despesas com festas juninas.

No ofício, há recomendações para que os prefeitos priorizem as despesas e pagamentos necessários à manutenção da máquina administrativa, abstendo-se de contrair gastos com bens e serviços de natureza não essenciais ao interesse público e de realizar despesas, repasses ou dívidas relacionadas a eventos festivos e shows em detrimento do equilíbrio das contas municipais e da prestação de serviços públicos de qualidade.

Assinam o ofício o presidente do TCM, Domingos Filho, e a coordenadora da Procap, procuradora de Justiça Vanja Fontenele.

Eles alertam que “o descumprimento dos preceitos fundamentais da administração pública pode configurar a ocorrência de ilícito administrativo” e que “a responsabilização pela prática de atos de improbidade pode acarretar a suspensão dos direitos políticos, a perda da função pública, a indisponibilidade de bens ou ressarcimento ao erário, sem prejuízo da ação penal cabível”.

O TCM e a Procap lembram, no comunicado, que diversos prefeitos já decretaram situação de calamidade financeira neste ano e que mais de 90 municípios tiveram situação de emergência por estiagem ou seca decretada ou homologada pelo Governo do Estado. Dessa forma, entendem que a realização de eventos festivos pode se mostrar contrária ao princípio da razoabilidade.

Temer deve ser expurgado não só pela evidência da corrupção, mas por causa as reformas

171 2

Com o título “Diretos, Diretas e Direito”, eis artigo do deputado estadual Elmano de Freitas (PT), que pode ser conferido no O POVO desta quinta-feira. O parlamentar explica o porquê de defender as Diretas Já. Confira:

O ganho civilizatório constitucionalizado em 5 de outubro de 1988 começou a ser criminosamente subtraído com o golpista Temer ainda interino, que prometera uma nova sociedade despedida de direitos, de reivindicações e de lutas, de desejos e de sonhos. Mais do que isso: prometera a poucos um retrocesso social gigantesco – na economia, na política e na sociedade. Para quê e para quem a entrega?

Para permanência do lucro dos rentistas e superexploração dos assalariados. Para continuidade de uma educação escravocrata e medíocre servil ao tal mercado de trabalho, com 14 milhões de desempregados. Para o deleite dos investidores externos (virão?) como futuro sindicalismo de conveniência e oportunismo. Para tranquilidade dos grandes devedores da Previdência e sonegadores do Fisco. Para prosseguimento de atentados contra os trabalhadores como a recente chacina de dez trabalhadores rurais no Pará. Para retomada cruel do projeto histórico de desenvolvimento nacional em que o povo é permanente excluído de seu fruto.

Não é só pela força das evidências das provas de corrupção que o golpista deve ser expurgado. É também e muito mais pelo comando das agressões contidas nas reformas da Previdência (sem aposentadorias) e Trabalhista (sem sindicatos como interlocutores) e pelo comprometimento por 20 anos de mais recursos para a dívida pública e menos recursos para a dívida social.

É para repor direitos já retirados e outros ameaçados. É para repor a legitimidade hoje inexistente. É para apresentar um Plano Popular de Emergência que possa ser compreendido e votado pela população brasileira que precisamos de Eleições Diretas!

A EC 227, do deputado Miro Teixeira (Rede-RJ), permite no contexto atual a construção da base jurídica suficiente para dar constitucionalidade à vontade popular. No mais, sabemos todos, juristas ou não, que deve repousar, em última instância sobre a soberania popular os destinos e as decisões mais fundamentais do Brasil.

Cumpramos nossa Constituição que está sendo rasgada por Temer e pelo atual Congresso. Diretas Já para resgatar direitos, para repor sonhos e encontrar legitimidade. É nas lutas de resistência que nos reencontraremos enquanto sociedade que busca a paz como fruto da autêntica justiça!

*Elmano de Freitas

elmano.freitas@gmail.com

Deputado estadual (PT-CE)

Fortaleza é sede de encontro que debate regulação nas áreas de gás e saneamento básico

Fortaleza é sede, nesta quinta e sexta-feira, da XXIX Câmara Técnica de Saneamento Básico da Associação Brasileira de Agências de Regulação (Abar). O encontro reúne dirigentes de todas as regiões do País. Nesta quinta-feira, duas discussões: Gás e Saneamento Básico.

Segundo Hélio Winston, presidente do conselho diretor da Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados do Estado do Ceará (Arce), importantes decisões serão tomadas “a fim de contribuírem com o Governo Federal que planeja ampliar os serviços de gás canalizado.”  As decisões serão encaminhadas para o Ministério das Minas e Energia.

No tocante ao saneamento básico, Winston fez questão de enfatizar o momento difícil que o Ceará vive, chamando os participantes para a importância das discussões .

Concluídos os trabalhos, será, então, elaborada a Carta da Abar com os principais pontos levantados. Presentes ao encontro, além de Winston, o presidente da Abar – Fábio Alho; o corrdenador da Camara Ténica de Gás, Moacir Fonseca; o presidente da Associação Brasileira das Empresas Distribuidoras de Gás Canalizado, Marcelo Mendonça; o presidente da Companhia de Gás do Ceará (Cegas), Hugo Figueiredo, entre outros.

(Foto – Divulgação)

Fortaleza sem Lei – Carro estaciona na área de ciclofaixa e provoca revolta

Eis um fato que se repete constantemente nesta Fortaleza de Nossa Senhora da Assunção: motoristas insistindo em estacionar sobre ciclofaixas. Nesta manhã, na avenida Domingos Olímpio, mais um caso do gênero.

Uma jovem estacionou, aguardou uma senhora que descia de um ônibus na Estação Rodoviária São Benedito e, nesse meio tempo, ciclistas protestaram e tiveram que fazer o desvio disputando com outros carros.

Será que as câmeras da AMC pegaram esse absurdo?

(Foto – Leitor do Blog)

TRF-5ª Região suspende mandado de reintegração de posse de perímetro de Limoeiro do Norte

O Tribunal Regional Federal da 5ª Região, por decisão do desembargador federal Élio Siqueira Filho, deferiu, em caráter liminar, o pedido da Defensoria Pública da União (DPU) para suspender o mandado de reintegração de posse, expedido pelo Juízo da 15ª Vara Federal do Ceará, do perímetro irrigado Jaguaribe-Apodi, em Limoeiro do Norte (CE), agendado para esta quinta-feira, 8.6.2017. Cerca de 100 famílias de agricultores ocupam o local, pertencente ao Departamento Nacional de Obras contra as Secas (DNOCS), desde 2014. A informação é da assessoria de imprensa do TRF5.

De acordo com a DPU, o DNOCS apresenta “conduta contraditória”, uma vez que, mesmo após a sentença da Primeira Instância, tentou viabilizar uma composição entre as partes. “O próprio DNOCS, – após a prolação de sentença de procedência do pedido de reintegração em primeiro grau – criou, por meio da Portaria Interministerial nº 01 do Ministério da Integração Nacional e Ministério do Desenvolvimento Agrário, de 24 de março de 2015, um Grupo de Trabalho Interministerial para viabilizar um projeto de assentamento dessas famílias em agricultura familiar na área, sendo um canal de diálogo com as famílias ocupantes para auferir possibilidade de destinação de terras da área”.

A DPU assegura nos autos que, em reunião uma ocorrida entre a Defensoria e o DNOCS, no dia 5/05/2017, na sede deste, já teria havido o cadastramento das famílias acampadas no perímetro, para fins de destinação dos lotes irrigados pelo INCRA, consoante o art. 2º, do Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) firmado com as famílias. “A ambiguidade da posição do ente público se torna mais clara quando se constata que o mesmo DNOCS, que vem reiteradamente cobrando o despejo forçado nesta ação, peticionou, no processo de nº 0005095-16.1999.4.05.8101, a realização de uma audiência de conciliação em data próxima com a finalidade de dar cumprimento às obrigações tratadas no Termo em menção. O próprio Ministério Público Federal já se manifestou favorável à ocorrência desta audiência de conciliação”.

Para Siqueira Filho, diante desse contexto, “a reintegração imediata da posse da área – ocupada por cerca de 100 famílias de agricultores – revela-se, por ora, temerária, uma vez que as negociações administrativas ocorreram após a sentença transitada em julgado”.

IPVA 2017 – Quinta e última parcela vence em 12 de junho

Vence na próxima segunda-feira (1) a quinta e última parcela do IPVA 2017, para quem optou pelo parcelamento do imposto. Neste ano, a Secretaria da Fazenda do Ceará não envia boletos pelos Correios. Todos os boletos para pagamento estão disponíveis aos contribuintes no site da Secretaria (www.sefaz.ce.gov.br). A rede arrecadadora do IPVA inclui o Banco do Brasil, a Caixa Econômica, o BNB, Bradesco, casas lotéricas e Farmácias Pague Menos.

Como em 2016, o IPVA 2017 poderá ser pago nos cartões de crédito vinculados ao Banco do Brasil ou Bradesco, bastando para tanto que o contribuinte tenha acesso ao seu respectivo internet banking.

Ao todo, 2.215.370 veículos estão sendo tributados, com uma previsão de arrecadação de R$ 828.562.883,17 milhões, onde 50% desse valor pertence ao tesouro estadual e os outros 50% são destinados aos municípios cearenses.

Setor da construção civil cearense só deve gerar novos empregos em 2018, avisa Sinduscon

O setor da construção cearense emprega cerca de 50 mil operários, segundo o presidente do Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado (Sinduscon), André Montenegro.

“Emprego novo mesmo, só em 2018 e confiando de que a crise política se resolva”, avisa logo o líder sindical, esperando que medidas tomadas pelo governo federa como aumento do crédito e ampliação do Minha Casa Minha Vida contribuam para aquecer o mercado.

André Montenegro está em Brasília participando de encontro da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), onde o mote é uma avaliação do cenário político e econômico do Pais.

Ele defende as reformas do governo Temer como fundamentais para fazer o Brasil retomar a trilha do crescimento.

 

Servidores do Estado e da Prefeitura sonham com a primeira a parcela do 13º salário

Vários servidores públicos do Estado e da Prefeitura nos mandam a seguinte pergunta: haverá antecipação da primeira parcela do 13º salário dos servidores estaduais?”

Tradicionalmente, a primeira parcela (40%) sai neste mês de junho ou até julho.

Estamos tentando respostas da Secretaria da Fazenda e Secretaria de Finanças de Fortaleza.

 

De olho no custeio, Camilo leva ministro dos Esportes para conhecer o Centro de Formação Olímpica

Camilo esteve com o ministro na última semana, em Brasília.

O governador Camilo Santana (PT) e o ministro do Esporte, Leonardo Piccianni, visitarão, às 10 horas desta quinta-feira, o Centro de Formação Olímpica (CFO), situado no entorno da Arena Castelão. No ato, serão apresentadas ao ministro as instalações técnicas, esportivas e a parte de hotelaria do equipamento, bem como as potencialidades do CFO. A comitiva será acompanhada pelo secretário do Esporte do Ceará, Euler Barbosa, e a imprensa.

O objetivo de Camilo é expor ao ministro a importância do CFO e conseguir dele, principalmente, o custeio para conclusões de alguns detalhes do projeto e, feito isso, fazer com que o Centro de Formação Olímpica cumpra seu papel, qual seja, formar e revelar atletas olímpicos para o País.

CFO

O Centro de Formação Olímpica (CFO) tem área total de 85.922,12m², abrigando 26 modalidades olímpicas e paralímpicas. Cerca de 27 mil pessoas já passaram pelo equipamento este ano, em eventos como o Ultimate Fighting Championsip, jogos do Novo Basquete Brasil, e competições como o Campeonato Brasileiro de Jiu Jitsu Profissional, Campeonato Cearense de Bicicross, Estadual de Badminton e Campeonato Cearense de Judô.